Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

UFC lança mais uma edição da Revista Universidade Pública

A edição de agosto da revista “Universidade Pública, editada pela Universidade Federal do Ceará, já está circulando. Entre os destaques, entrevista com a reitora da Unilab, Nilma Lino Gomes e a preocupação com a segurança de dados no ambiente digital.

A matéria principal aborda o tema “Estado laico – Utopia ou Dever?, que trata sobre feriados católicos, transmissões religiosas em TVs públicas e projetos de lei que sobrepõem crenças religiosas.

Nesta edição, um detalhe que chamou a atenção dos leitores: duas páginas com propaganda sobre o Bilhete Único, projeto da Prefeitura de Fortaleza.

revisttta

revissta2 

Banco do Brasil apresenta novidades no V Salão Imobiliário do Ceará

97 1

Durante a 5ª edição do Salão Imobiliário do Ceará (Simc 2013), que terá inicio nesta quinta-feira e vai se estender até domingo, no Centro de Eventos, o Banco do Brasil (BB) oferecerá, segundo sua assessoria de imprensa, muitas novidades para a clientela. Além das tradicionais soluções de crédito para aquisição de imóveis residenciais e comerciais, novos e usados, virão duas novas modalidades de financiamento para os clientes que desejam comprar um imóvel: são as linhas BB Crédito Imobiliário Aquisição PF FGTS e Pró-Cotista.

Entre as facilidades da nova linha BB Crédito Imobiliário Aquisição PF FGTS está a possibilidade de contratação de imóveis novos e usados para famílias com renda de até R$ 5.400,00 sem a necessidade de ter conta vinculada ao FGTS e com uma taxa de juros mínima de 4,5% ao ano, podendo esse valor variar de acordo com a renda.

Já a Pró-Cotista é voltada a clientes que possuem conta ativa no FGTS e um mínimo de 36 contribuições. A linha permite financiamento em até 360 meses, com possibilidade de inclusão dos valores de despesas cartorárias e ITBI. Não há limite máximo de renda familiar. A taxa de juros mínima é de 7,9% ao ano mais TR.

O BB oferecerá ainda as modalidades tradicionais de financiamento de imóveis no âmbito do Programa Minha Casa Minha Vida, SFI, CH e SFH, com ou sem a utilização do FGTS, com financiamento de até 90% do imóvel (incluindo despesas decorrentes do financiamento do imóvel) com pagamento em até 30 anos (360 meses), com taxas a partir de 4,5 % ao ano + TR.

BB e Dotz

A outra novidade envolve a parceria entre o Banco do Brasil e a Dotz. A cada 20 mil reais em operações de crédito imobiliário nas linhas Pró-Cotista, SFH, CH e SFI, o cliente ganha 6 mil dotz para trocar por móveis, eletrodomésticos, eletrônicos e até passagens aéreas, limitados a 150 mil dotz. A promoção estará válida para todas as operações com solicitação de crédito até o próximo dia 31 de dezembro.

O catálogo da Dotz oferece milhares de opções para troca: desde ingresso de cinema e recarga de celular até passagem aérea, pacote turístico, TV, ar condicionado, fogão, máquina de lavar, geladeira e muitos outros artigos para a nova casa.

(Com Site do BB)

Grupo de médicos vai se filiar ao PSDB

53 2

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=gwf_M3tls7g&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

Um grupo de médicos vai se filiar, a partir das 16 horas desta quinta-feira, ao PSDB de Fortaleza. O ato ocorrerá na sede do partido, sob comando do presidente estadual Luiz Pontes e do ex-senador Tasso Jereissati.

A confirmação é do presidente do PSDB de Fortaleza, Tomás Figueiredo Filho, que diz estar a legenda trabalhando para fazer boa participação nas próximas eleições.

Cientista política chama troca-troca partidário de bagunça da Nova República

Com o título “Troca-troca partidário”, eis artigo de Pedro Henrique Antero, professor de Ciências Políticas. Ele aborda o festival de mudança partidária e define esse quadro como  “bagunça que caracteriza a nova república brasileira”. Confira:

“As vésperas das eleições de 2014, o mundo político brasileiro se agita e tenta descobrir os caminhos que o levarão ao pódio no próximo ano. Para isso, é necessário saber onde repousa o gosto da população e o que fazer para se adequar a esse paladar.

Toda a preocupação gira em torno do sucesso e dos interesses pessoais do candidato. Em nenhum momento se põe a questão da qualidade do serviço que deve ser prestado à comunidade. As análises e discussões que permeiam a mídia sobre mudanças de partidos ou troca de alianças visam exclusivamente o interesse do político e jamais o bem do Estado.

Nessa lógica, a ação política tende a ter um nível cada vez mais insignificante. Os ideais e programas que poderiam ser desenhados para o povo e apresentados como plataforma política são inexistentes. Não há mais líderes que conduzam os eleitores e os orientem na escolha de um projeto e de um candidato. Tudo é muito pequeno e focado em interesses particulares e mesquinhos, sem nenhuma vinculação com os desafios do Estado brasileiro.

PT e PMDB que controlam há 14 o Poder Executivo e as duas Casas do Congresso Nacional desenvolveram planos, mas apenas para sua manutenção no poder. Eles avançaram na corrupção e criaram instrumentos de sucesso eleitoral, como a utilização dos cadastrados do Bolsa Família. Além disso, tentaram impor restrições à liberdade de imprensa e, agora, procuram o controle da internet, o que significa a limitação da nossa liberdade de expressão e a possibilidade de espionagem por parte do governo brasileiro.

O troca-troca de alianças ou de partidos começa a nível nacional. Dilma e Eduardo Campos tomam rumos diversos para as eleições. Suas ideias, entretanto, pouco aparecem e as razões mais profundas dos desentendimentos não são mostradas em momento algum. Em torno desses dois nomes gravitam expoentes da política brasileira preocupados tão somente em ter um lugar ao sol. E o Ceará está no meio dessa bagunça que caracteriza a nova república brasileira.

* Pedro Henrique Chaves Antero

phantero@gmail.com
Professor de Ciências Políticas. 

PR cai de três para dois vereadores na Câmara Municipal

84 9

márcio cruz O vereador Márcio Cruz anunciou, nesta quinta-feira, que deixou o Partido da República, comandado no Ceará pelo ex-governador Lúcio Alcântara, desafeto político do governador Cid Gomes (PROS). Ele não adiantou qual seu destino político: PROS ou Partido da Solidariedade. Com a desfiliação de Márcio Cruz, o PR ficará com dois vereadores, no caso o Adelmo Martins e o Capitão Wagner, esse último de oposição à administração do prefeito Roberto Cláudio e que chegou a trombar, várias vezes, com a administração Cid Gomes. Wagner foi um dos líderes da greve da PM entre 2011 e 2012 no Estado.

DETALHE – Márcio Cruz conseguiu vaga na Câmara Municipal com sobra dos votos do Capitão Wagner.

Secretário do prefeito Raimundão vai se filiar ao PROS

“O ex-deputado estadual e atual secretário da Casa Civil de Juazeiro do Norte, Giovanni Sampaio, já definiu sua saída do PTC (Partido Trabalhista Cristão) e define seu futuro político, nesta tarde de quinta-feira, em Fortaleza. Giovanni tem reunião agendada no Palácio da Abolição com o governador Cid Gomes e com o vice-governador Domingos Filho.

O secretário da Casa Civil será candidato a deputado estadual nas eleições de 2014 e tem o total apoio do prefeito Raimundo Macedo (PMDB). Nesse sentido, já comunicou também sua desfiação do PTC ao gestor de Juazeiro do Norte.

Giovanni analisa alguns convites, entre eles do Pros (Partido Republicano da Ordem Social), recém-fundado e dirigido no Ceará pelo governador Cid Gomes, para se definir por qual legenda vai disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa ano que vem.”

(Blog do Flávio Pinto)

O Centenário de Rui Facó

facoo

Nesta quinta-feira se comemora o centenário de nascimento do escritor Rui Facó, cearense, um dos ideólogos do velho PCB nos anos 1940 e 1950, contemporâneo de Marighella. Rui formava no grupo comunista da Bahia e se casou com Júlia, irmã do Armênio Guedes, outro ícone do jornalismo e da política nacional.

Desses, só Armênio ainda está entre nós, lúcido e produtivo, nos seus 90 e tantos anos.

Quando Rui morreu – em 1963, num acidente de avião nos Andes, somente a imprensa do Rio – Globo, Jornal do Brasil, Zero Hora e Diário Carioca, fizeram matérias sobre sua carreira.

Rui Facó deixou dois livros antológicos: “Brasil Século XX”, traduzido para várias línguas; e “Cangaceiros e Fanáticos”, uma obra original e pioneira em sua visão sobre fenômenos sociais no Nordeste do Brasil, tendo o latifúndio como pano de fundo.

Greve dos bancos complica o comércio e pode prejudicar venda do Dia das Crianças

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=5ze-5gOJhLc&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O diretor da Câmara de Dirigentes Lojistas, Pio Rodrigues, afirma que o comércio está sofrendo duras consequências com a greve dos bancários, que atinge seu 15º dia nesta quinta-feira.

Pio reconhece a luta da categoria, mas teme que, continuando a greve, o Dia das Crianças acabará prejudicado.

Cid Gomes e ministra Miriam Belchior tratam de refinaria no Palácio da Abolição

O governador Cid Gomes está reunido, no Palácio da Abolição, com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, e com o diretor da Petrobras, Carlos Cosenza. O assunto é um só: projeto da Refinaria Premium II, do Ceará. O encontro reúne ainda a área técnica do governo estadual, puxada pelo secretário de Infraestrutura do Estado, Adahil Fontenele.

Também em discussão o projeto de urbanização do rio Maranguapinho, obra a cargo da Secretaria das Cidades.

Depois desse compromisso, o governador levará a ministra Miriam Belchior para conferir obras do Anel Viário, obra com apoio do governo federal.

A Assessoria de Imprensa do Palácio da Abolição adianta que Cid e a ministra devem dar entrevista nesse local sobre refinaria de petróleo e outros projetos implementados pela parceria do governo estadual com a União.

Fecomércio divulga pesquisa otimista sobre venda no Dia das Crianças. E a greve de banco?

A Fecomércio está divulgando, nesta quinta-feira, pesquisa sobre projeção de vendas para o Dia das Crianças. Estima que a data deverá movimentar R$ 160 milhões no comércio de Fortaleza.

A Fecomércio-CE realizou pesquisa exclusiva para verificar o potencial de consumo do fortalezense para o Dia das Crianças deste ano. O gasto médio com a compra de presentes tem valor estimado em R$ 146,00. A pesquisa sobre o Potencial de Consumo do Fortalezense para o Dia das crianças divulgada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Ceará (Fecomércio-CE) revela que os consumidores da capital devem movimentar cerca de R$ 160 milhões no comércio local, comprando presentes. Com esse resultado, o Dia das Crianças firma-se como a terceira melhor data comemorativa para o comércio varejista de Fortaleza.

A compra de brinquedos tem a franca maioria das intenções de compras, com 61,5% das respostas, seguido de artigos de vestuário (21,8%), calçados (7,7%) e aparelhos de vídeo-game (4,8%). A pesquisa revelou, ainda, que 6,0% da população entrevistada ainda não se decidiu sobre o assunto, podendo ampliar o impacto dessa data comemorativa.

O perfil dos entrevistados que respondeu afirmativamente sobre a intenção de compras mostra preponderância dos consumidores do gênero masculino (64,5%), do estrato etário entre 25 e 34 anos (70,3%) e com renda familiar entre três e seis salários mínimos (63,7%).

Preferência por brinquedos

A maioria dos entrevistados – 61,5% – respondeu que pretende comprar brinquedos para presentear no Dia das Crianças, fortalecendo a importância da data no imaginário infantil. A pesquisa revela que as mulheres possuem mais clareza sobre seus presentes, concentrando suas respostas em apenas dois itens: brinquedos (64,3%) e artigos de vestuário (25,7%). A preferência masculina contempla brinquedos (58,4%), artigos de vestuário (17,5%) e calçados e vídeo games, ambos com 7,5%.

VAMOS NÓS – Para que tais projeções deem certa mesmo, há lojistas rezando. Principalmente para que a greve dos bancos acabe.

PROS vira o "irmão siamês" do PSD no Ceará

143 1

danilarialdo

Danilo Serpa, à frente do PROS, em ato social com Arilado Pinho

O Partido Republicano da Ordem Social (PROS) nasce no Ceará tendo como presidente da comissão provisória o chefe de gabinete do Palácio da Abolição, Danilo Serpa. O secretário-geral será Júlio Costa, assessor do presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque.

Outro detalhe é que PROS já tem como sede a mesma sala onde hoje funciona, no Shopping Avenida, o comando do PSD, sigla alternativa do Palácio da Abolição. O PSD, por sinal, é presidido por Almicyr Pinto, adjunto de Arialdo Pinho, que comanda a Casa Civil.

Renan Calheiros já pensa em outra eleição

“Embora resista a admitir publicamente – rito comum a nove entre dez pré-candidatos ao que que que seja – Renan Calheiros é candidatíssimo ao governo de Alagoas. Não por acaso, vem se empenhando arduamente para emplacar Vital do Rêgo no ministério de Dilma Rousseff.

Renan quer garantir o processo de sucessão de sua cadeira e deixar o posto para alguém de sua turma. Com José Sarney ameaçando pendurar a gravata e Eunício de Oliveira disposto a deixar Brasília para disputar o governo do Ceará, Vital é o favorito de Renan para assumir a presidência do Senado. A ideia é cacifá-lo para o posto.

Um interlocutor de Renan explica:

– Vital já fez dois vestibulares para ficar do tamanho da cadeira: as presidências da CCJ e da CPI de Carlinhos Cachoeira. O ministério seria o último degrau até estar preparado para chegar lá.”

(Coluna Radar – Veja Online)

Advogado quer acabar com cartel das vagas de taxi "laranja" em Fortaleza

251 2

Eis o que escreveu em seu Facebook, nesta quinta-feira, o advogado Reno Ximenes, nome com larga experiência em funções como a de procurador-geral da Prefeitura de Sobral, procurador federal do DNOCS, secretário-adjunto de planejamento do Estado e procurador jurídico da Assembleia:

facereno

 

VAMOS NÓS – Essa proposta de Reno é inédita e corajosa. Motoristas reclama que vários empresários são donos de grande parte das vagas de táxi e fazem uma exploração tremenda.

Cadê o remédio, secretário?!

77 3

cirogomess

Alô, secretário estadual Ciro Gomes!

Além de acabar com o “piscinão do HGF”, é preciso recuperar o estoque da farmácia da Saúde. Está faltando também o medicamento Mabthera que é fornecido para pacientes com linfoma.

Além desse, continua faltando medicamento para diabético como o D-Void (acetato de desmopressina).

Vários leitores deste Blog e do O POVO reclama essa falta de medicamentos na farmácia da Secretaria da Saúde. Há tentativas de resposta para o problema, mas, até agora, nada.

Primeira Dama de Fortaleza fala em seminário de conselheiros tutelares

Carol Bezerra Editados-7861

Fortaleza é sede do Seminário de Fortalecimento e Monitoramento dos Conselhos Tutelares e do Encontro de Conselheiros e Ex-Conselheiros Tutelares do Ceará. Os eventos ocorrem, a partir das 9 horas desta quinta-feira, no Marina Park Hotel, e vão se estender até as 17 horas, avaliando as ações e buscando soluções para aprimoramento dos trabalhos.

A abertura dos trabalhos está sendo feita pela primeira dama de Fortaleza, Carol Bezerra, que falará sobre o tema “Criança Adolescentes – O desafio do Gestor Municipal” .

TSE vai decidir nesta 5ª feira se arma a "Rede" de Marina Silva

“O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decide hoje (3) se concede registro ao partido Rede Sustentabilidade, fundado pela ex-senadora Marina Silva. Os sete ministros do tribunal vão decidir se mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral (MPE), o partido está autorizado a disputar as eleições do ano que vem. A sessão começará às 19 horas. Na terça-feira (1º), o MPE enviou parecer ao TSE contra a concessão de registro ao partido. Segundo o vice-procurador eleitoral Eugênio Aragão, o partido não obteve o número mínimo de 492 mil assinaturas necessárias para a obtenção do registro. De acordo com Aragão, a legenda conseguiu validar 442.500 assinaturas.

Para obter registro, o partido precisa validar 0,5% dos votos registrados na última eleição para a Câmara dos Deputados. Segundo Marina Silva, o partido coletou 868 mil assinaturas e tem 550 mil validadas, número superior ao mínimo solicitado pela Lei Eleitoral. De acordo com a ex-senadora, os números são divergentes porque durante o processo de validação de assinaturas de apoiadores nos tribunais regionais eleitorais, os cartórios atrasaram os procedimentos e anularam 95 mil delas sem justificativa.”

(Agência Brasil)

Cid Gomes aproveita evento da construção civil e critica burocracia federal

cidcnibib

Cid e o Ministro das Cidades.

O governador Cid Gomes anunciou, em discurso, nessa noite de quarta-feira, no Centro de Eventos, quando da abertura do Encontro Nacional da Indústria da Construção Civil:  começam, nesta quinta-feira, as obras de ampliação do Porto do Pécem, em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza).

Ele aproveitou o ato e usou o tardio início das obras para apoiar o discurso do presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção, Paulo Simão – o País tem muita burocracia, para dar uma alfinetada: “Esperamos a licitação do Ibama há 1 ano e dois meses. É uma alta burocracia que atrasa o cumprimento das obras.

No mesmo ato, estavam os ministros Miriam Belchior (Planejamento) e Aguinaldo Ribeiro (Cidades).

(Foto – Tatiana Fortes)

Greve dos bancários chega ao 15º dia sem perspectivas de negociação

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=kyXbPcRZty8&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A greve dos bancários chega ao seu 15º dia nesta quinta-feira e nada de negociação entre a categoria e a Federação Nacional dos Bancos. O presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, Carlos Eduardo Bezerra, seguiu nesta madrugada de quinta-feira para São Paulo, onde o comando nacional do movimento fará uma avaliação sobre a greve.

Carlos Bezerra reconhece dificuldades para a população, mas lamenta que a Fenaban está irredutível e não quer sentar à mesa da negociação.

Falta d'água bate à porta de 320 comunidades da Região Metropolitana de Fortaleza

“Mais de 320 comunidades da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) sofrem com a falta d’água e precisam ser socorridas pelas operações de carro-pipa das prefeituras e do Exército. Um conjunto de fatores resulta na negativa do direito de milhares de cidadãos cearenses em ter acesso digno à água. E, com a falta de chuva, um dos principais motivos para o cenário ser tão alarmante, as perspectivas dos municípios ficam piores.

Os motivos para o perrengue diário vão desde redes de abastecimento obsoletas ou inexistentes, que não chegam às casas, à impossibilidade da concessionária do serviço – a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) – em atender a demanda das localidades pelas peculiaridades que apresentam. Além disso, faltam projetos adequados das prefeituras e há uma crescimento acima do esperado dos municípios e da contingência populacional, indicaram os gestores ouvidos pela reportagem.

Como muitas das localidades mais isoladas dependem de cacimbas cavadas nos quintais, açudes e chafarizes para o abastecimento, a falta de chuva se constitui um agravante para a situação dos moradores dessas áreas. Segundo a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), a região – que é abastecida pelo Castanhão (com 46,14% do total do seu volume) – não ficará desabastecida por um horizonte mínimo de dois anos.

A Cogerh também informou que nenhuma sede de município está passando por desabastecimento (Chorozinho seria uma exceção da Cagece), mas comunidades difusas podem apresentar problemas do tipo. A prioridade da companhia são as sedes dos municípios e o abastecimento precisa ser complementado pelos demais órgãos, informou.

Segundo informações da 10ª Região Militar, localidades de três municípios da RMF são atendidas pela Operação Carro-Pipa do Exército. A distribuição opera com uma quantia de 20 litros de água por dia e por pessoa e a periodicidade da ida dos caminhões depende do tamanho da comunidade. O local de captação da água pelos carros-pipa do Exército ou por ele contratados é indicado pelas prefeituras, que são cobradas a apresentar um laudo mensal sobre a potabilidade da água.

Responsabilidades

Segundo a Cagece, as especificidades das localidades em zonas rurais inviabilizam o processo de implantação e operacionalização de sistemas de abastecimento de água, visto o custo dos investimentos e a própria capacidade de pagamento da manutenção pelos usuários.

Soluções viáveis para os locais, segundo a Companhia, seriam as cisternas, assim como o Sistema Integrado de Saneamento Rural (Sisar). Poços profundos também são indicados pelas prefeituras como alternativas para a questão e muitas já apontam a construção (em parceria com o governo estadual) ou licitação para tais poços. Muitas comunidades também convivem há décadas com os chafarizes.”

(O POVO)