Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Grupo Easy vai investir em serviço de atendimento médico domiciliar

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=2e8s9wzcqTM[/youtube]

Depois de investir em UTI no Ar e numa frota de ambulâncias, eis que o Grupo Easy, do empresário Disraeli Ponte, vai investir em novo nicho do mercado: serviço de atendimento médico domiciliar.

O empresário Disraeli Ponte, que viajou nesta terça-feira a negócios para o Recife, onde opera com a Easy Táxi Aéreo, deu detalhes sobre esse novo projeto. O serviço começa no próximo mês.

Cid receberá para almoço Paulinho da Força, que articula o Partido da Solidariedade

60 3

Embora negue que vá deixar o PSB, o governador Cid Gomes receberá para almoço, nesta terça-feira, um convidado bem especial: o presidente da Força Sindical, deputado federal Paulo Pereira da Silva.

O conhecido “Paulinho da Força” vem articulando o Partido da Solidariedade. Ele vem buscar apoio do governador para no Ceará essa legenda,  aproveitando que Cid não aprova uma candidatura a presidente da República do dirigente nacional do PSB, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

Cid Gomes tem dito, reiteradas vezes, que é a favor das reeleição da presidente Dilma Rousseff. O partido da Sustentabilidade não tem posição nacional firmada sobre a disputa presidencial, mas tem adotado um tom crítico com relação a muitas ações do governo dilmista.

DETALHE – O almoço será fechado para a imprensa. Há informações de que devem participar também Domingos Filho, vice-governador, Alexandre Pereira, presidente do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico (CEDE) e que, por sinal, preside o PPS estadual.

Aécio grava no Ceará denúncia sobre a lentidão das obras da Transnordestina

GOV. AECIO NEVES

Em sua passagem pelo Nordeste, o presidente nacional do PSDB e presidenciável Aécio Neves gravou em Pernambuco, Paraíba e Ceará para as inserções que o partido veiculará, a partir do próximo mês.

No Ceará, ele esteve na Região do Cariri e aproveitou para gravar denúncia sobre o ritmo lento da Ferrovia Transnordestina.

DETALHE – Só não se sabe ainda se Aécio conseguiu convencer o ex-senador Tasso Jereissati, com quem conversou em Juazeiro do Norte, a deixar de cuidar dos netinhos e voltar ao ringue político.

XVII PEC Nordeste – Uma fartura de autoridades

O governador Cid Gomes (PSB) participa, neste momento, da solenidade de abertura da XVII PEC Nordeste, o seminário da agropecuária nordestina, que se estenderá até sábado, no Centro de Eventos. O ato está fértil em matéria de autoridades.

Ali, também, o vice-governador Domingos Filho (PMDB), o ministro Antônio Andrade (Agricultura), o secretário do Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins (PT), o deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB) – que preside a Comissão de Agricultura da Câmara, o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PSB), o presidente da Câmara Municipal, Walter Cavalcante (PMDB), e um dos homenageados: o senador Eunício Oliveira (PMDB).

Ainda na plateia, vereadores como Eulógio Neto (PSC) e Capitão Wagner (PR).

Antes da solenidade, Cid Gomes conferiu o ministro Antônio Andrade garantir a certificação do Ceará como Área Livre da Aftosa com Vacinação.

Prefeitura terá R$ 6 milhões para capacitação profissional

claudioricardo

O Ministério do Trabalho está liberando para Fortaleza R$ 6 milhões destinados a projetos na área da capacitação profissional. Informa o secretário do Desenvolvimento Social, Trabalho e Combate à Fome, Cláudio Ricardo. Ele não precisou número de vagas, explicando que todo o programa está ainda em fase de fechamento.

Cláudio Ricardo, por sinal, encontra-se em Maceió conferindo encontro da Rede Nacional de Institutos de Tecnologia. Como ex-reitor do IFCE e, principalmente, como ex-presidente do Conselho Nacional dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, ele foi homenageado nesse evento.

Refis da Crise – Prorrogação deve ser votada nesta 3ª feira

“Empresários e advogados acompanham ansiosos os trabalhos do Congresso Nacional. Especula-se que será discutida nesta terça-feira (3/9) a Medida Provisória 615, que reabriu o prazo para inclusão de débitos tributários federais no programa de parcelamento Refis da Crise. A MP perde validade no dia 16 de setembro, e a esperança é que a Comissão Mista discuta a questão antes dessa data.

A MP 615 é diferente das demais prorrogações de prazo dos Refis, os programas de parcelamento da Fazenda Nacional. As demais autorizavam a inclusão de débitos contraídos depois da edição Lei 11.941/2009, que criou o Refis da Crise. A MP autoriza os débitos contraídos até 30 de setembro de 2008 que ainda não haviam sido inscritos no programa de parcelamento.”

(Consultor Jurídico)

Senado apreciará projeto que limita mandato dos presidentes de federações esportivas

raii

Ex-jogador Raí é um dos entusiastas da matéria.

“Os instrumentos que garantem aos cartolas dos mais variados esportes se eternizarem no poder têm tudo para começar a ruir: a Comissão de Educação e Esporte do Senado apreciará um projeto de Cássio Cunha Lima que limita mandatos dos presidentes de federações e confederações a quatro anos, com direito a apenas uma reeleição.

Além das convencionais articulações com os integrantes da comissão, Cunha Lima deverá contar com dois reforços importantes para aprovar a proposta hoje no colegiado.

Os ex-atletas Raí e Ana Mozer, ambos militantes ativos das causa, deverão ir ao Congresso acompanhar a votação, prevista para começar às 11 horas.”

(Coluna Radar – Veja Online)

Médicos cubanos – "Arruaceiros recepcionistas devem estar com vergonha…"

81 1

Com o título “Hospitalidade traída”, eis artigo da jornalista Adísia Sá publicado no O POVO desta terça-feira. Ela lamenta a forma agressiva como os médicos cubanos foram recebidos, num ato organizado pelo Sindicato dos Médicos do Estado. Confira:

O assunto da semana passada foi a matéria publicada por este jornal sobre a maneira como médicos cearenses receberam colegas de outros países: vaias e gritos a médicos que vieram prestar serviços profissionais em nosso Estado, por acordo firmado, no caso mais próximo, entre Cuba e Brasil. Lamentável o episódio, considerando que esse comportamento fere profundamente o nosso espírito hospitaleiro. Considere-se, também, que esses profissionais estão aqui graças a convênio firmado entre governos.

Os contratados serão lotados em localidades cearenses onde falta assistência médica, não por falta de boas ofertas salariais da parte das Prefeituras, mas, pelo que se sabe, pelo desinteresse dos doutores em sair para o interior, preferindo, mesmo ganhando pouco, ficar na Capital.

O fato chocou a opinião pública, considerando o senso ético dos médicos, atentos e preocupados em prestar serviços profissionais, notadamente onde mais urgente e necessária se faz a sua atuação. O que aconteceu à chegada dos estrangeiros, mereceu, inclusive, o repúdio do Sindicato dos Médicos, lamentando o comportamento de alguns de seus filiados.

Houve até quem gritasse: “voltem para a senzala”, assustando os colegas que desembarcavam. Para mim os feitores, esses sim, estavam compondo aquele triste, lamentável, vergonhoso espetáculo. O fato foi tão assustador que as cúpulas da Polícia Federal, PM e Secretaria de Segurança – segundo noticiário deste jornal, anunciaram que estariam prontas para garantir a proteção dos profissionais.

Passada a “loucura” do episódio, os médicos estrangeiros ocupam carteiras e, como estudantes, estudam português e tomam informações outras para maior e melhor desempenho profissional. Acredito que os “arruaceiros” recepcionistas devem estar com vergonha de seu comportamento e tudo fazem para apagar o espetáculo encenado em tão infeliz momento.

Sejam bem vindos, doutores, o que houve foi um lamentável equívoco: o cearense é bom: há desencaminhados … descaminhados. Simplesmente, descaminhados.

* Adísia Sá

adisiasa@gmail.com
Jornalista.

Artur Bruno explica por que não foi à sessão que livrou Donadon e apregoa voto aberto

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=bOMYpR50_uI&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A bancada federal do PT vai se reunir, na tarde desta terça-feira, em Brasília, para fechar questão a favor do voto aberto em todos os procedimentos do legislativo.

A informação é do deputado federal Artur Bruno que, inclusive, fez questão de explicar por que não compareceu à sessão da Câmara que acabou livrando o deputado federal Natan Donadon (PMDB/RO), preso na Papuda, da cassação.

Caso Cocó – UFC esclarece sobre participação do reitor nas discussões sobre viadutos

73 1

Da Coordenadoria de Comunicação Social e Marketing da Universidade Federal do Ceará, este Blog recebeu nota. nela, há um esclarecimento sobre a participação do reitor da UFC, Jesualdo Farias, no processo de discussões sobre a polêmica construção dos viadutos em trecho do Parque do Cocó. Confira:

Prezado Eliomar de Lima,

A propósito de nota “Caso Cocó…” divulgada nesta segunda-feira em seu Blog, solicito a gentileza de fazer uma correção.
Não se trata de nenhuma mediação. A UFC, através da Pró-Reitoria de Extensão, vai organizar um debate sobre a oficialização do Parque do Cocó.

Vários professores vão apresentar as suas posições sobre o projeto do viaduto. Participarão professores dos Departamentos de Engenharia De Transportes, Arquitetura e Geografia. Técnicos da Prefeitura Municipal de Fortaleza serão convidados. Portanto, não há compromisso do reitor Jesualdo Farias para mediar soluções.

Desde já, agradeço pela atenção e pela divulgação do esclarecimento.

* Nonato Lima (87287300)
Coordenador de Comunicação Social e Marketing Institucional.

Porto Seguro – Comissão de Ética diz que Advogado da União não paticipou de fraudes

“A Comissão de Ética Pública da Presidência da República concluiu que o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, não teve participação no esquema de fraudes investigado pela Operação Porto Seguro, deflagrada pela Polícia Federal em novembro de 2012. A informação foi divulgada nessa segunda-feira pela assessoria de comunicação da AGU, mas a decisão já havia sido tomada no último compromisso da Comissão de Ética, no dia 26 de agosto. Em fevereiro, a comissão tinha solicitado esclarecimentos de Adams sobre denúncias que o envolviam no esquema desmontado pela operação.

O colegiado entendeu que o chefe da AGU não demonstrou “conduta em desacordo com as normas previstas no Código de Conduta da Alta Administração” e, por isso, determinou o arquivamento da denúncia do Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz) e de um procurador, que questionavam o relatório final da sindicância instaurada pela Corregedoria-Geral da Advocacia da União.

A decisão de arquivar a denúncia foi tomada pelo presidente da Comissão, Américo Lacombe, com base em relatório do conselheiro Marcelo Alencar de Araújo. Para o relatório, foram levadas em consideração as conclusões do Ministério Público Federal e da Corregedoria da AGU sobre a conduta do advogado-geral no âmbito da operação.”

(Agência Brasil)

Grupo explode agência bancária de Pindoretama

179 4

bbr

Mais um ataque a banco foi registrado no Ceará. Dessa vez, nessa noite de segunda-feira, quando acabou alvo o Bradesco da cidade de Pindoretama (Região Metropolitana de Fortaleza).

Cinco homens fortemente armados usaram explosivos e explodiram a agência, conseguindo levar boa quantia de dinheiro ainda não contabilizado. Eles chegaram a usar cinco estudantes de uma escola próxima ao banco como escudo para fugir do cerco policial, de acordo com populares. Há um cerco policial na região.

Esse é o terceiro ataque a banco no Estado em menos de três dias. A última ação foi nessa madrugada de segunda-feira, houve ação com explosivo na agência do Banco do Brasil de Boa Viagem.

Presidente do TJ do Ceará vai sair do gabinete e vistar as Comarcas

luiz-gerardo-brígido

“O presidente do Tribunal de Justiça do Ceará, desembargador Luiz Gerardo Brígido, iniciará, neste mês, visita às Comarcas do Interior. Ele quer conferir a situação da Justiça nas principais regiões e também ouvir sugestões dos magistrados para melhorar a prestação jurisdicional.

O desembargador Gerardo Brígido aproveitará também para apresentar os projetos iniciados na área de segurança, gestão de pessoas e tecnologia da informação. Questões relacionadas à construção e reforma de fóruns também fazem parte da pauta dos encontros.

O gesto do presidente do TJ de sair do gabinete soa como importante sinal de que algo está mudando no Judiciário estadual.”

(Coluna Vertical, do O POVO)

Espionagem – Senado deve instalar CPI para investigar

“O Senado deve instalar hoje CPI (comissão parlamentar de inquérito) para investigar a espionagem realizada pela NSA (Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos) no Brasil. A comissão foi criada há mais de um mês, mas só deve ser efetivamente instalada depois das denúncias de que a presidente Dilma Rousseff foi alvo direto das investigações da agência americana. Os senadores marcaram para hoje a instalação da CPI, com a escolha do seu presidente e relator. A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) deve ser eleita para presidir os trabalhos da CPI – que terá que investigar se houve, de fato, ações de espionagem sobre o governo e cidadãos brasileiros.

Os senadores também articulam aprovar voto de censura contra o governo dos Estados Unidos pelas ações de espionagem da agência americana que teriam atingido a presidente. Líder do governo, o senador Eduardo Braga (PMDB-AM) apresentou o pedido de voto de censura. O plenário tem que aprová-lo para que seja formalmente encaminhado ao governo dos Estados Unidos, o que deve ocorrer amanhã. O voto de censura é o que o parlamento tem de mais forte na relação diplomática.”

(Com Agências)

Terminais de ônibus estão estrangulados

ônibus engarrafamento terminais

Usuários do transporte público de Fortaleza chegam a perder até cinco minutos no interior dos ônibus, quando os coletivos chegam aos grandes terminais, como o do Papicu, Parangaba e Antonio Bezerra. Sem espaço para o tráfego dentro dos próprios terminais, os ônibus quase sempre formam filas de espera até alcançarem as plataformas. Muitas vezes, os passageiros são obrigados a descer em meio aos ônibus, sem qualquer segurança.

De acordo com motoristas e cobradores, alguns ônibus são obrigados a rodar dentro dos terminais, enquanto aguardam outros coletivos nas plataformas. De acordo ainda com os motoristas, a falta de espaço faz com que ônibus estacionem no paralelo ou fora dos terminais.

Fiscais que trabalham nos terminais informaram ao Blog que o Bilhete Único deverá tirar muitos usuários dos terminais e, com o tempo, algumas linhas também.

Excesso de formalismo atrapalha licitações, dizem especialistas

O excesso de formalismo nas licitações foi criticado nessa segunda-feira (2) por especialistas que participaram de audiência pública na comissão temporária que estuda a modernização da Lei 8.666/1993, que trata das aquisições e contratos feitos pelo governo.

A comissão pretende estudar as sugestões e críticas apresentadas e compará-las a propostas em tramitação no Congresso Nacional sobre o assunto, para em seguida elaborar a minuta de um novo projeto de lei. A Lei 8.666/1993 já foi objeto de mais de 600 propostas de mudanças, tendo sido apresentados 518 projetos de iniciativa da Câmara dos Deputados, 157 do Senado e 50 medidas provisórias do governo com o objetivo de alterá-la.

O sócio da Price Waterhouse Coopers, Gileno Gurjão Barreto, disse que o excesso de formalismo provoca perda de tempo com a exigência de documentos desnecessários. Ele lembrou que os Estados Unidos têm uma espécie de agência reguladora que zela pela aplicação de diretrizes na licitação de órgãos da administração federal. Ele defendeu a indenização pela não conclusão de obra, com adoção de seguro, desde que houvesse no Brasil uma abertura maior a seguradoras internacionais, hoje bastante restrita no país.

Barreto também cobrou punição para a apresentação de dados inidôneos e incorretos pelos participantes da licitação, e a definição de prazo especifico para integrantes das comissões de licitação, para evitar que os processos “se arrastem por anos”. Ele também sugeriu que os recursos ocorram apenas em uma única fase do certame, para evitar que os processos tornem-se “absolutamente demorados”.

Barreto propôs que a negociação do pregão eletrônico possa ser estendida a outras modalidade de contratação, dentro de parâmetros pré-determinados. Segundo ele, a adoção de uma central de acervos técnicos para determinadas aquisições também poderia ser utilizada por toda a administração pública de forma mais ampla, e não apenas o cadastro com aqueles que têm o menor preço, que nem sempre configura a proposta mais vantajosa e pode acabar por restringir a aquisição.

O secretário de Fazenda de Salvador, Mauro Ricardo Machado Costa, apontou dificuldades para conciliar interesses privados e do governo nas licitações, e ressaltou que a deficiência para o administrador especificar o bem leva ao encarecimento futuro da obra.

De acordo com Mauro Ricardo, o processo de concorrência é hoje demorado devido a possibilidade de inúmeros recursos que suspendem a licitação até sua conclusão, e permitem que haja “conluio” entre as partes para maximizar o lucro do privado em relação ao poder público, com contratações a preços superiores ao que poderiam ser se houvesse concorrência efetiva entre os participantes.

(Agência Senado)

Cid diz que não pensa em deixar o PSB

cidgoomes

Em meio às articulações e especulações sobre sua possível saída do PSB, o governador Cid Gomes afirmou, ontem, que não pretende deixar o partido. Ele deve se reunir hoje com o deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), que está criando o partido Solidariedade e tenta atrair Cid para a nova sigla. “Eu não cogito sair do PSB. Não é porque tenho opinião discordante em relação a segmentos do partido que vai fazer com que eu saia. Não sou candidato a nada, não tenho nenhuma angústia, nenhuma aflição partidária. Vou ficar no PSB e vou lutar no PSB pra defender o que eu penso”, afirmou Cid. As declarações foram dadas durante a solenidade do lançamento de novas turmas do Projovem Urbano.

Questionado sobre a aproximação entre PSB e PSDB, o governador disse que “discorda absolutamente”, por entender que seu partido deve ficar “no grupo dos progressistas” que defendem a necessidade do País avançar e ser mais democrático. “A presidente Dilma (Rousseff – PT) integra esse grupo. O que eu defendo no futuro é que meu partido tenha o protagonismo desse grupo. A gente tem que ver a humildade e tem que ver a realidade”, pontuou Cid. Ele disse que defende que o PSB esteja à frente do chamado bloco progressista, mas apenas “quando for o tempo”. Atualmente, segundo o governador, esse posto cabe ao PT.”

(O POVO)

Câmara diz que vai pedir ao STF urgência em caso de Donadon

A Presidência da Câmara dos Deputados informou, em nota, que irá solicitar “urgente decisão do pleno do Supremo Tribunal Federal” sobre o mérito da decisão do ministro Luís Roberto Barroso, que suspendeu nessa segunda-feira (2) a decisão da Câmara dos Deputados que manteve o mandato do deputado Natan Donadon (sem partido-RO), condenado a mais de 13 anos de prisão pelo Supremo por peculato e formação de quadrilha.

A medida de Barroso vale até julgamento definitivo do plenário da Corte. A decisão do ministro atendeu ao pedido de liminar feito pelo líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Carlos Sampaio (SP). Na última quinta-feira (29), o parlamentar contestou o procedimento adotado pela Mesa Diretora da Câmara para a votação da cassação do mandato. De acordo com Sampaio, após a condenação de Donadon, o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), deveria ter encaminhado a cassação diretamente para que a Mesa Diretora declarasse a perda do mandato automaticamente.

Após analisar o documento, o ministro Barroso concordou com os argumentos do deputado. Na semana passada, o plenário da Câmara, em votação secreta, absolveu Donadon no processo de cassação de mandato.

Natan Donadon está preso desde o dia 28 de junho, no Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal. Na nota, a presidência da Câmara reforçou que o deputado está afastado do cargo e o suplente já tomou posse.

(Agência Brasil)

4,7 mil produtores pagaram, mas não receberam o milhp

“Ainda não foram entregues aos produtores 5,5 mil toneladas do milho doado pelo Governo Federal ao Governo do Estado. Segundo o Centro de Abastecimento do Ceará (Ceasa), 4.744 produtores que pagaram pelo alimento ao Governo do Estado ainda não o receberam. A carga faz parte de um total de 30 mil toneladas que desembarcaram no Porto do Pecém em 12 de junho, com a promessa de que seriam entregues em 20 dias. A Ceasa afirma que nos próximos 15 dias todo o grão será distribuído.

A região Sul do Estado é a mais prejudicada com o atraso, para onde devem ir 80% do que ainda está armazenado no Pecém. “A reclamação dos agricultores dessa região é natural e aceitável. Quem vai ficando por último acaba sendo prejudicado”, destaca Oscar Saldanha, diretor financeiro da Ceasa. Um total de 502 vagões de trem fazem o transporte do milho.

De acordo com o secretário do Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins, uma reunião entre a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce) e as prefeituras das cidades que ainda não receberam o milho será marcada para esta semana. “O objetivo é agilizar esse processo de entrega aos agricultores quando o carregamento chegar. Recebemos uma quantidade de milho bem acima do que estávamos acostumados e isso demanda tempo para a distribuição”.

A Ceasa descarta a possibilidade de o milho estragar por conta do período de armazenamento. “Não existe essa possibilidade. E isso vale também para o agricultor que já recebeu. Muitos deles estão fazendo seu próprio estoque para dezembro e janeiro, período onde a seca pode se intensificar”, diz Oscar. “Pensávamos entregar em menos tempo no nosso plano inicial. Mas, não tínhamos a noção das dificuldades que iríamos enfrentar por questões logísticas. Essa foi a primeira vez que recebemos uma quantidade tão grande”, finaliza. A Conab disse, em nota, que todo o processo de distribuição é de responsabilidade do Governo do Estado.”

(O POVO)

Espionagem – Dilma pode adiar viagem aos EUA

“A presidente Dilma Rousseff examina a possibilidade de adiar ou até mesmo cancelar a visita como chefe de Estado aos Estados Unidos, em 23 de outubro. A visita será a primeira de Dilma com honras de chefe de Estado ao país. Antes da visita de Dilma aos Estados Unidos como chefe de Estado, ela deve participar, em Nova York, no próximo dia 24, da Assembleia Geral das Nações Unidos, que não tem caráter de visita de chefe de Estado.

O último brasileiro recebido com honras de chefe de Estado nos Estados Unidos foi o então presidente Fernando Henrique Cardoso, em 1995. A honraria é concedida pelos norte-americanos a raras autoridades, pois envolve uma série de situações relacionadas ao cerimonial. A previsão é que Dilma seja recebida na Casa Branca com um tapete vermelho e homenageada com um jantar de gala. Também terá momentos de retribuição às homenagens que receberá, como depositar flores no obelisco – monumento em memória aos heróis de guerra.

Os preparativos da visita estão sendo organizados nos mínimos detalhes, entre eles as preferências da presidente para o cardápio e o gosto musical. Em maio, quando o então ministro das Relações Exteriores Antonio Patriota foi a Washington (Estados Unidos) e esteve com o secretário de Estado, John Kerry, ficou definida a data da visita de Dilma.”

(Com Agências)