Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Julierme Sena classifica de “aberração” encarceramento de presos no Complexo das Delegacias

O vereador Julierme Sena (PROS) classificou como uma “aberração” o encarceramento de presos no Complexo de Delegacias Especializadas (Code), localizado no bairro Aeroporto, em Fortaleza.

Ele usou sus redes sociais, nesta quarta-feira, para fazer a crítica. A unidade abriga atualmente mais de 100 detentos.

Julierme reage após um princípio de rebelião, que terminou com a morte de um detento, acusado de estupro de vulnerável, no início da manhã da última terça-feira (25). O crime que ele respondia foi cometido em São Paulo.

O parlamentar voltou a cobrar do governador Camilo Santana (PT), que foi reeleito, melhor tratamento para a Polícia Civil, que, na sua avaliação, precisa ser fortalecida no quesito investigação.

(Foto – Divulgação)

Vendas no Natal crescem 2,66% e têm melhor resultado desde 2014, aponta CNDL/SPC

A retomada da confiança do consumidor e a expectativa de retomada da economia levaram os brasileiros a presentear mais neste Natal. É o que revelam a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Dados coletados em pesquisa,  mostram que as consultas para vendas a prazo nos 21 dias anteriores ao Natal (entre 04 e 24 de dezembro) — data comemorativa mais lucrativa para o varejo —, cresceram 2,66% na comparação com o mesmo período de 2017.

Este é o segundo ano consecutivo de alta. Nos últimos anos, as vendas a prazo no Natal tiveram o seguinte desempenho: +2,13% (2017), -2,29% (2016), -4,16% (2015), -8,3% (2014), +3,62 (2013) e +3,90% (2012).

De acordo com um levantamento da CNDL e do SPC Brasil, o gasto médio do brasileiro com o total de presentes de Natal foi estimado em R$ 115,9. A previsão era de que a data movimentasse cerca de R$ 53,5 bilhões na economia.

Empresas aéreas acumulam prejuízo de R$ 2 bi em 2018

A Avianca, Azul, Gol e Latam as quatro maiores empresas aéreas do País, acumularam prejuízo de R$ 2 bilhões nos três primeiros trimestres de 2018. O resultado isolado do 3º trimestre do ano mostra que as aéreas também pioraram o seu desempenho em relação ao mesmo período do ano anterior. Nessa comparação, o setor registrou prejuízo de R$ 556 milhões em 2018 contra lucro de R$ 787 milhões em 2017. Os dados são das demonstrações contábeis divulgadas pela Anac.

Entre julho e setembro, Azul e Latam forma as únicas aéreas que apesentaram lucro líquido positivo de R$ 35 milhões e R$ 1,1 milhão, respectivamente. A Gol obteve um prejuízo de R$ 405 milhões e a Avianca Brasil de R$ 188 milhões.

A receita operacional líquida agregada das quatro empresas, no acumulado dos três trimestres, cresceu 15,9% em relação ao mesmo período do ano passado, alcançando R$ 29,5 bilhões. Os custos dos serviços prestados apresentaram aumento de 23,6%, atingindo R$ 26 bilhões. Desta forma, com o incremento dos custos dos serviços prestados em percentual maior do que o crescimento da receita operacional líquida, o lucro bruto das quatro empresas, em conjunto, caiu 21%, passando de R$ 4,4 bilhões nos três primeiros trimestres de 2017 para R$ 3,4 bilhões em 2018. O item de maior impacto entre os custos e despesas foram os combustíveis, representando 31,7% do total.

A receita do setor do 3º trimestre aumentou em 17,2%, de R$ 9,2 bilhões para R$ 10,8 bilhões. Entretanto, os custos dos serviços prestados tiveram um incremento de 32,8%, com um total de R$ 9,4 bilhões, causando, assim, uma queda no lucro bruto de -33,9%.

(Com Agências)

Prefeitura avança nas liberações do “papel da casa”

Com o título “Com a garantia do papel passado”, eis artigo de Eliana Gomes, coordenadora de Regularização Fundiária da Habitafor. Ela destaca avanços da gestão de Fortaleza no chamado papel da casa. Confira:

Em tempos nos quais a garantia de direitos anda amedrontada por incertezas, uma política desenvolvida pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor) vem garantindo o direito da propriedade a famílias em Fortaleza. Nos últimos cinco anos, o esforço da Prefeitura, em parceria com o Governo do Estado, outorgou de forma gratuita, mais de 11 mil papéis da casa a famílias que certamente não teriam recursos para regularizar seus patrimônios. Se somados os números de concessão da casa própria, ultrapassam 30 mil títulos entregues.

É evidente que para ter acesso a esse benefício, a pessoa deve obedecer a várias etapas de um processo que requer muita atenção. Começa pelas reuniões de esclarecimento com futuros beneficiários, passando pelo envolvimento das lideranças, daí a importância dos movimentos sociais organizados. Na fase da coleta de dados, observou-se o empoderamento da mulher, pois se viu o aumento da presença feminina na chefia das famílias.

Após isso, vem a parte topográfica que inclui levantamento físico com mediação das residências e localização de áreas, sem perder de vista que essas residências devem estar numa Zona Especial de Interesse Social (Zeis). Por fim, o trabalho jurídico, e aqui vale ressaltar o senso de responsabilidade social dos cartórios de ofício de registro de imóveis que reúnem as informações e trazem o sonho do papel da casa registrado e oficial.

Diante de tudo isso, esses pedaços de papel, além de colocar o “preto no branco” do documento conforme as leis 11.977/09 e 10.639/17, efetivam do Estatuto das Cidades que tem como princípio básico o planejamento participativo e a função social da propriedade. Além disso, eles trazem outros benefícios, como a facilidade em financiamentos para construção ou reformas, o acesso a direitos como saneamento, esporte, lazer e outros equipamentos públicos, bem como a dignidade de endereços oficiais e reconhecidos pelos governos e instituições, esse último de caráter psicoemocional que eleva autoestima e reacende a esperança dos direitos continuarem sendo uma realidade.

*Eliana Gomes

elianagomes@gmail.com

Coordenadora de Regularização Fundiária da Habitafor.

Morre na Itália o conhecido “Padre Chico”

234 1

Morreu, nessa terça-feira, na Itália, o padre Francisco Moser (81), conhecido popularmente em Fortaleza como “Padre Chico”. Ele morava atualmente em Trento e foi vitimado por um câncer.

Na Capital cearense, Padre Chico trabalhou  na Arquidiocese no período de 1987 a 2004. Nesses 17 anos, serviu em pastorais sociais. Atuou na Paróquia de São Francisco de Assis, no Conjunto Palmeiras.

(Foto – Arquivo)

Prefeitura de Sobral compra mais cinco ônibus escolares

A Secretaria da Educação de Sobral (Zona Note) comprou mais cinco novos ônibus escolares ampliando a capacidade de atendimento para mais 220 estudantes. A informação é da assessoria municipal de imprensa, acrescentando que foram investidos R$1.132.750,00 com recursos do Tesouro Municipal na compra dos veículos.

Os ônibus da marca Mercedes Benz têm capacidade para transportar 44 alunos sentados mais o condutor e seguem o padrão do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Contarão com motoristas fardados e identificados com crachá, para melhor identificação e segurança dos alunos.

Os veículos também contam com dispositivo de acessibilidade, do tipo poltrona móvel (DPM), para garantir o embarque e desembarque de estudantes com deficiência ou com mobilidade reduzida.

Segurança

Os veículos foram adquiridos por meio da adesão à ata nacional de registro de preços do Programa Caminho da Escola, do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), garantindo o melhor preço para o município. Cada ônibus custou R$226.550,00.

Os novos ônibus contam com cinto de segurança em todos os assentos e mecanismo de proibição de locomoção com a porta aberta. Os veículos também têm limitador de velocidade máxima ajustado para 70 km/h, tacógrafo eletrônico e GPS, para garantir maior segurança aos estudantes e permitir o controle do trajeto, dos tempos de percurso e de paradas, e de consumo de combustível.

(Foto – Divulgação)

Camilo comanda última reunião do atual secretariado

O governador Camilo Santana (PT), ao lado da vice-governadora Izolda Cela, comanda, nesta quarta-feira, no Palácio da Abolição, a última reunião com seu secretariado.

O clima é de balanço das ações e projetos realizados e o que ficou pendente para a sua nova gestão. Além dos secretários, participam do encontro todos os dirigentes de órgãos vinculados.

Camilo deve oferecer um almoço para a equipe. Sobre o futuro secretariado, será divulgado até sexta-feira, informou, nesta manhã de quarta, a sua assessoria de comunicação.

DETALHE  A imprensa não tem acesso ao encontro, onde só cinegrafistas e repórteres fotográficos documentaram a ocasião. Uma coletiva estava programada para o fim da reunião, mas não ocorrerá mais.

(Foto – Divulgação)

Mulher de João de Deus será ouvida pela Polícia de Goiás

A esposa do médium João de Deus, Ana Keyla Teixeira, de 40 anos, prestará depoimento nesta quarta-feira (26), a partir de 13h, na Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), em Goiânia. Ana Keyla, que tem defendido o marido, será interrogada pelo delegado Valdemir Pereira. Ela é mãe da filha mais nova do médium, acusado de crimes sexuais.

Um novo depoimento do médium João de Deus, para a Polícia Civil de Goiás (PCGO), não deverá mais ocorrer esta semana, como estava previsto. Segundo a PCGO, o investigado só será ouvido depois de novas diligências, incluindo oitivas de testemunhas.

João de Deus terá que explicar a origem de mais de R$ 1,6 milhão escondidos em endereços ligados a ele, além das das cinco armas sem registro apreendidas. Ao todo, o médium pode responder por quatro crimes: estupro, estupro de vulnerável, violação sexual mediante fraude e posse ilegal de arma.

Histórico

A força-tarefa do Ministério Público (MP) de Goiás, que investiga as denúncias de crimes sexuais envolvendo o médium, já recebeu 596 relatos de mulheres que se dizem vítimas de João de Deus. Dessas, 75 já foram ouvidas em Goiás e em outros estados.

Segundo os promotores que atuam na força tarefa, das 255 pessoas identificadas, 23 tinham entre 9 e 14 anos na ocasião dos fatos, 28 delas, entre 15 e 18 anos, e 70, idade de 19 a 67 anos.

João de Deus está preso preventivamente desde o dia 16 no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia, a 18 quilômetros da capital. A defesa já recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao Supremo Tribunal Federal (STF), na tentativa de reverter a detenção para prisão domiciliar com tornozeleira.

(Agência Brasil)

Roberto Cláudio e servidores municipais fazem o Natal do Acolhimento

Servidores municipais participaram de uma ação voluntária em quatro unidades de acolhimento de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, As atividades foram marcadas por brincadeiras, palavras e gestos de carinho, além de ouvir com atenção as crianças e os adolescentes.

O prefeito Roberto Claudio, a primeira-dama Carol Bezerra e as filhas do casal, Isabela e Roberta, também participaram das atividades.

“Quero agradecer ao tempo, ao carinho, ao amor e ao desprendimento de cada um que está aqui fazendo este lindo Natal do Acolhimento”, ressaltou Roberto Claudio.

(Foto: Divulgação)

Cearense vai presidir a Valec, estatal das ferrovias, na Era Bolsonaro

506 8

O cearense Valmir Campelo, ex-presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), vai presidir a Valec, a estatal das ferrovias na Era Bolsonaro. A informação é do jornal Correio Braziliense.

Valmir aceitou convite do futuro ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, a quem o órgão ficará vinculado. A escolha decorre do bom trânsito de Campelo nos tribunais, no TCU e também no meio político.

Valmir Campelo foi administrador de Taguatinga, Gama e Brazlândia, deputado, senador, ministro do TCU e vice-presidente do Banco do Brasil.

Neste ano, estava cotado para disputar o governo do DF ou o Senado pelo PPS, mas desistiu de qualquer candidatura.

(Foto – Correio Braziliense)

Tasso vai mergulhar na busca por votos para ganhar a presidência do Senado

263 2

Após as festas de fim de ano, o senador Tasso Jereissati (PSDB) cairá em campo em busca de votos para ganhar a presidência do Senado. Ele já comunicou à família e aos tucanos locais que este é um dos seus projetos para 2019.

Tasso até virou amiguinho do senador eleito Cid Gomes (PDT), que articula um bloco em favor do tucano. O nome de Jereissati agrada aos bolsonaristas, que tem, principalmente, uma vitória do emedebista Renan Calheiros.

(Foto – Agência Senado)

UFC inscreve para curso de férias sobre arte chinesa

O Instituto Confúcio na Universidade Federal do Ceará encera, nesta quinta-feira (27), exclusivamente via formulário eletrônico (https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfxm7fL_Tmd98lDGXKwMBUNz_10lWXNa4pjrDifUqOIYYpsqA/viewform), inscrições para o curso de férias “Um Vislumbre da Arte Chinesa”.

O programa do curso terá os seguintes tópicos: Pintura chinesa e caligrafia; Nó chinês: Arte folclórica chinesa; Cerimônia do chá: arte do chá chinês; e Culinária e festival chineses: a celebração do Festival da Primavera. São ofertadas 30 vagas, contemplando as comunidades interna e externa à UFC.

Os interessados devem ter proficiência em língua inglesa em nível intermediário ou avançado, pois as aulas são ministradas em inglês. As atividades do curso ocorrerão aos sábados, de 5 a 26 de janeiro de 2019, na sala 105 do Bloco Didático III da Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade (FEAAC – Rua Marechal Deodoro, 400, Benfica), em Fortaleza. No total serão 12 horas-aula.

SERVIÇO

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail assessoriatecnica@prointer.ufc.br ou no site do Instituto Confúcio (www.institutoconfucio.ufc.br).

*Instituto Confúcio – (85) 3366 7336.

===

Claro e Net ampliam rede de Wifi em aeroportos. Pinto Martins não foi contemplado

Aeroporto Internacional Pinto Martins, de Fortaleza.

A Claro e a NET estão ampliando a presença de sua rede de Wi-Fi nos aeroportos brasileiros, incluindo o Aeroporto Internacional de Guarulhos (GRU). A partir de agora, por meio de uma parceria com a norte-americana Boingo Wireless (NASDAQ: WIFI) – líder mundial em DAS, small cells e serviços de Wi-Fi para usuários finais, operadoras e anunciantes -, a rede “#NET-CLARO-WIFI” está presente nos 10 principais aeroportos do país, que representam aproximadamente 70% do fluxo anual de passageiros.

São aproximadamente 120 milhões de pessoas por ano que vivem conectadas entre um voo e outro, nos grandes centros urbanos do Brasil, nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Manaus, Salvador e Recife.

Além do Wi-Fi no aeroporto, a Claro tem outras ofertas exclusivas para o público que viaja para o exterior e deseja estar sempre conectado. Com o Passaporte Mundo, o cliente pode utilizar seu plano móvel em mais de 80 países, utilizando normalmente como se estivesse no Brasil. Fala Ilimitado com quem necessitar (no país visitado ou em chamadas para o Brasil) e ainda navega no celular utilizando o plano de dados contratado.

“Estamos expandindo as possibilidades de conexão, no Brasil ou no exterior, para que nossos clientes aproveitem ao máximo suas viagens de negócio ou de lazer com a família. Em casa, na empresa, no aeroporto ou até em outros países, a Claro e a NET oferecem a melhor conexão somando diversas tecnologias de última geração, como fibra óptica, 4.5G e Wi-Fi. As mais rápidas conexões de internet e uma comodidade que só a Claro oferece, que permite utilizar seu plano móvel no exterior como se estivesse no Brasil”, explica Marcio Carvalho, diretor de Marketing da Claro.

Veja abaixo a lista de aeroportos que tem o serviço disponível:

· Aeroporto Internacional de Curitiba/Afonso Pena (CWG)

· Aeroporto de Belo Horizonte/Pampulha (PLU)

· Aeroporto Internacional de Minas Gerais/Confins (CNF)

· Aeroporto Internacional de São Paulo/Congonhas (CGH)

· Aeroporto Internacional de Guarulhos (GRU)

· Aeroporto Internacional de Manaus/Eduardo Gomes (MAO)

· Aeroporto Internacional de Recife/Guararapes – Gilberto Freyre (REC)

· Aeroporto Internacional de Salvador/Deputado Luis Eduardo Magalhães (SSA)

· Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão – Antônio Carlos Jobim (GIG)

· Aeroporto Santos Dumont (SDU)

SERVIÇO

*Para se conectar, basta encontrar a rede #NET-CLARO-WIFI (nomenclatura universal da rede em locais públicos) e digitar o mesmo login e senha utilizados para acesso ao site da NET. Para clientes Claro Móvel pós-pago basta criar um login e senha no primeiro acesso.

*O serviço de WIFI em aeroportos é parte da rede oferecida pela Claro Brasil gratuitamente para clientes Claro e NET, e que é composta por mais de 2,5 milhões de pontos espalhados pelo Brasil. Para saber mais informações sobre o serviço basta acessar o link.

*Para contratar o Passaporte Mundo, o Passaporte Américas ou o Passaporte Europa, cliente Claro pode acessar o aplicativo Minha Claro.

(Foto – Paulo MOska)

Sistema S – Ameaça de corte na verba gera conflito entre CNI e equipe econômica de Bolsonaro

O presidente da Fiec, Beto Stuart, não vai à posse de Bolsonaro. Encontra-se no Exterior.

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quarta-feira

O espírito natalino não conseguiu resolver uma pendenga que promete render a partir de janeiro, quando Jair Bolsonaro tomar posse: a relação da Confederação Nacional das Indústrias (CNI) com a equipe econômica do futuro ministro da Economia, Paulo Guedes.

Isso, porque Guedes não abre mão de corte o orçamento do Sistema S (Sesi, Senai, Sesc, Senac e Sebrae) em 2019, justificando ter chegado a hora do empresariado dar sua cota de sacrifício, pois a CUT, sem contribuição sindical, já fez o seu sacrifício.

O problema é que o presidente da CNI, Robson Andrade e seu grupo se sentem não só revoltados, mas traídos. Eles querem as reformas de um governo que teve o apoio da entidade, mas avaliam que mexer no dinheiro do Sistema S é absurdo, pois a verba é oriunda de contribuição patronal. A turma de Guedes não vê dessa forma e diz que quer cortar 30%, mas, se não vier acordo, dará uma faca de 50%.

Na base, federações das indústrias, o clima é de revolta. O presidente da Fiec, Beto Studart, por exemplo, vai passar o Réveillon fora do País e, portanto, sem conferir o ato de posse de Jair Bolsonaro.

(Foto – Fiec)

Em mensagem de Natal, Lula diz que “a luta por um mundo melhor continua”

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou uma carta de Natal, na noite da 2ª feira passada, aos militantes da Vigília Lula Livre e pediu que seus apoiadores sigam fortes. “O ódio pode estar na moda, mas não temam nem se impressionem com essas pessoas posando de valentões”, afirmou o petista em referência ao governo eleito de Jair Bolsonaro (PSL). A mensagem foi lida pelo ex-prefeito de São Bernardo do Campo Luiz Marinho (PT), em frente à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR), onde Lula está preso desde abril.

De acordo com o ex-presidente, o tempo “deles” (oposição) vai passar e a verdadeira mensagem de Jesus, “um marceneiro que foi perseguido pelos vendilhões do templo, pelos soldados e pelos promotores dos poderosos”, vai continuar a ecoar em cada Natal: uma mensagem de amor, fraternidade e esperança. “A luta por um mundo melhor continua”, acrescentou.

Lula lembrou ainda que, neste Natal, ele não poderá estar junto de sua família, filho e netos, mas acredita que não está sozinho “Estou com vocês da vigília, que têm sido minha família”, afirmou na carta. Ele também agradeceu a companhia dos militantes e considerou uma “provação” a escolha feita por seus apoiadores de enfrentar dias de frio e calor no Paraná.A vigília Lula Livre reuniu militantes em Curitiba na última segunda-feira. Um ato político à noite antecedeu uma celebração inter-religiosa. Em seguida, cerca de 300 pessoas participaram da Ceia de Natal em homenagem ao ex-presidente. Os militantes gritaram “Feliz Natal” para Lula.

(Com Agências/Foto – Agência Brasil)

Editorial do O POVO – “Novo Governo precisa do BNB”

189 2

Com o título “Novo Governo precisa do BNB”, eis o Editorial do O POVO desta quarta-feira:

o atingimento da meta de empréstimos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) pela atual diretoria do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) possui significado extra. Vai além do reconhecido mérito da atual gestão em aplicar acima dos R$ 30 bilhões estipulados para este exercício.

Conforme antecipou seu presidente Romildo Rolim, o BNB alcançou a marca de R$ 30.245.325.966,64 e já mira os R$ 32 bilhões até o fim desta semana e do ano. Foi uma meta ousada ante os R$ 17 bilhões de 2017. E um adendo: somando com o Crediamigo, o programa de microcrédito criativo do Banco, um segmento no qual o BNB é o principal especialista no País, chegou-se a R$ 40 bilhões.

Fosse uma instituição financeira como outra qualquer, seria um resultado a ser lido sob angulação apenas monetária e de medição de desempenho. Contudo, em se tratando do Banco do Nordeste, há variáveis outras no plano do intangível. Implica respeito pela principal instituição da União Federal na região.

Em plena transição de comando no Palácio do Planalto, como uma nova configuração de política econômica no Governo a ser iniciado dentro de seis dias, a demonstração de vigor do Banco reforça o quão fundamental ele é no papel de executar uma política de desenvolvimento regional. Nada de favor, mas aquilo que preconiza a Constituição vigente, nascida há 30 anos sob a égide da Cidadania.

Por mais sobejas que sejam as provas de importância para a economia de nove estados do Nordeste e partes de Minas Gerais e Espírito Santo, o BNB de modo recorrente padece das ameaças de fusão ou incorporação. A discussão deve se abrenhar no volume, no cumprimento das regras de compliance e também no perfil dos tomadores. Qual o modelo hoje, qual o porte do clientes atendidos pelas operações e como estabelecer a blindagem da atuação da Diretoria frente a natural pressão política na máquina estatal. Tudo isto diz muito da capacidade de irrigação dos recursos na economia.

A questão carrega daltonismo político em seu âmago. As cores partidárias historicamente mostraram-se indiferentes no tratamento dedicado por Brasília à pauta regional. Os interesses dos estados do Centro-Sul emergem na semântica. Os incentivos concedidos por estados manietados por limitações econômicas advindas de um crescimento pouco equânime recebem a alcunha de guerra fiscal.

O novo Governo terá conseguido sair do lugar comum caso atente para o Nordeste, seu Banco e suas políticas não como um paliativo, mas como uma estratégia importante para a economia nacional.

(Editorial do O POVO)

Juninho renova com o Ceará

O volante Juninho deve permanecer no Ceará para a temporada de 2019. Depois de terminar o ano em alta, o nome do atleta entrou forte no mercado da bola. O jogador chegou a receber propostas de seis clubes da Série A, entre eles o Vasco, e teve futuro incerto com o fim da Série A.

Diante das especulações criadas sobre o destino de Juninho, o Esportes O POVO explica a situação que envolve o atleta e a provável permanência no Alvinegro do Porangabuçu. O volante chegou ao Vovô como reforço da temporada 2018, vindo por empréstimo do Bahia sob contrato até o fim de 2019.

O tempo do empréstimo é o mesmo do vínculo contratual que o jogador tem com o Bahia, até então dono dos seus direitos federativos. O Esportes O POVO apurou que uma cláusula no contrato firmado entre o Alvinegro e o Tricolor garantia que os baianos pudessem pedir o retorno do volante ou negociá-lo com outra equipe.

Entretanto, a cláusula previa um prazo para que o Bahia exercesse o direito sobre o atleta. O período se encerrou no último dia 15. Desta forma, Juninho formalizará um contrato definitivo com o Ceará e o Bahia não terá mais ingerência.

Procurado pelo Esportes O POVO, o presidente do Ceará, Robinson de Castro, confirmou o volante no elenco de 2019. “Juninho tem contrato. Deve ficar. O Bahia tinha até dezembro para pedi-lo de volta. Não fez, ele volta para o Ceará. Tem contrato até o fim de de 2019. Só que vai mudar a modalidade, deixar de ser empréstimo para ser definitivo”, afirmou o mandatário do Vovô.

O Esportes O POVO tentou entrar em contato com o empresário do atleta, Eduardo Uram, mas as ligações não foram atendidas.

Juninho foi anunciado como o novo reforço do Ceará no dia 13 de janeiro de 2018. A chegada do volante, natural do Rio de Janeiro, gerou grande expectativa do torcedor e da diretoria alvinegra. Junto com Wescley, o camisa 20 da equipe é considerado a principal contratação da temporada do Vovô, neste ano.

O volante começou o ano com status de titular absoluto, mas acabou perdendo espaço ao longo da temporada. O atleta passou a ser um dos principais alvos da torcida, quando o Ceará vivia seu pior momento, amargando péssimos resultados e afundando na zona de rebaixamento da Série A, no início da competição.

O volante ficou marcado negativamente pelo torcedor após erros que resultaram em gols de rivais em duelos contra o Santos, Flamengo e Grêmio. O bom futebol de Juninho foi recuperado aos poucos com a chegada do técnico Lisca, que confiou no atleta.

(O POVO – Repórter Lucas Mota/Foto – Julio Caesar)

Prazo para justificar ausência no 2º turno termina nesta quinta-feira

O prazo para justificar a ausência no segundo turno das eleições gerais de 2018, dia 28 de outubro, termina nesta quinta-feira (27). Os eleitores que não votaram no segundo turno precisam regularizar a situação, sob pena de impedimento de fazer matrícula em universidades, tirar o passaporte, tomar posse em cargo público e receber o salário, no caso dos servidores.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o não comparecimento injustificado no dia da eleição é irregularidade punível com multa. Pela Constituição, os brasileiros com idade entre 18 anos e 70 anos são obrigados a votar. Após três ausências consecutivas não justificadas, o título de eleitor é cancelado.

Não precisam justificar a ausência os eleitores cujo voto é facultativo (analfabetos, os com 16 anos a 18 anos e os maiores de 70 anos), além dos portadores de deficiência física ou mental que torne impossível ou demasiadamente oneroso o cumprimento das obrigações eleitorais. A justificativa pode ser feita diretamente nos cartórios eleitorais ou pela internet.

Formulário
No primeiro caso, é necessário preencher o formulário disponível no cartórios eleitorais, nos postos de atendimento ao eleitor e nas páginas da Justiça Eleitoral na internet. O documento deverá ser entregue no cartório eleitoral ou enviado por via postal ao juiz da zona eleitoral na qual o eleitor é inscrito. É preciso anexar comprovante do motivo da ausência.

Pela internet, a justificativa é feita no Sistema Justifica. O eleitor deverá preencher o formulário online, informando seus dados pessoais e o motivo da ausência, bem como anexar o comprovante do impedimento para votar. Se a justificativa for aceita, o eleitor será avisado da decisão.

O brasileiro residente no exterior que não votou também precisa justificar o não comparecimento às urnas. Ao requerimento de justificativa eleitoral devem ser juntadas cópias do documento oficial brasileiro de identidade e do comprovante dos motivos alegados para justificar a ausência. A documentação deve ser enviada ao juiz da Zona Eleitoral do Exterior ou entregue nas missões diplomáticas ou encaminhada pelo Sistema Justifica.

(Agência Brasil)