Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Porto do Pecém busca novos negócios na Intermodal, a maior feira do setor na América Latina

O Complexo Industrial do Porto do Pecém, que fica em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza), participa, em São Paulo, da Intermodal, a maior feira do setor de logística de portos da América Latina.

O presidente do Complexo do Pecém e Roterdã, Danilo Serpa, fala para o Blog sobre a importância dessa feira e diz como está o trabalho pára a atração de novos investimentos.

Conselho Universitário da UFC aprova processo de consulta e elaboração de lista tríplice para reitor

O Conselho Universitário da Universidade Federal do Ceará deliberou e aprovou, nessa quarta-feira, resolução que estabelece as normas do processo de consulta à comunidade universitária tendo em vista a elaboração da lista tríplice para escolha do reitor da Instituição. A informação é da assessoria de imprensa da UFC.

Pela resolução aprovada – a íntegra do documento será publicada nos próximos dias pela Secretaria dos Órgãos Deliberativos Superiores da UFC, a inscrição das candidaturas será feita no dia 2 de abril. Já a consulta à comunidade universitária, em todos os campi da Instituição, ocorrerá no dia 8 de maio.

Já a lista tríplice será elaborada pelos integrantes do Conselho Universitário reunião marcada para o dia 20 de maio. De acordo com a resolução aprovada, a votação dos conselheiros é secreta e uninominal, devendo a lista ser composta com os três primeiros nomes mais votados pelo colegiado em escrutínio único.

Após essa etapa, a lista segue para o Ministério da Educação (MEC). Ao presidente da República caberá a nomeação do reitor da UFC para o mandato 2019-2023.

Comissão eleitoral

Ficou acertado o nome o professor Haroldo César Pinheiro Beltrão, docente titular da Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem (FFOE), como presidente da Comissão Eleitoral Central (CEC). Essa comissão deverá elaborar normas complementares, a serem divulgadas posteriormente, para operacionalizar as diretrizes e dar exequibilidade às normas fixadas pelo Conselho Universitário.

Haverá, ainda, em cada um dos campi da UFC – Benfica, Pici, Porangabuçu, Sobral, Quixadá, Russas e Crateús – uma Comissão Eleitoral Setorial (CES), subordinada à CEC. Os presidentes das comissões setoriais são: Roberto Sérgio do Nascimento, da Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade – FEAAC (Benfica); Verônica Teixeira Franco Castelo Branco, do Centro de Tecnologia (Pici); Carlos Couto de Castelo Branco, da FFOE (Porangabuçu); João Guilherme Matias (Sobral); Aliny Abreu de Sousa Monteiro (Russas); João Ferreira de Lavor (Quixadá); e Lívio Antônio Melo Freire (Crateús).

(Foto – Evilázio Bezerra)

Bolsonaro completa 64 e viaja para o Chile onde o tema é a criação do Prosul

O presidente Jair Bolsonaro está completando 64 anos nesta quinta-feira. Nesse dia festivo para ele, resolveu, no entanto, embarcar para o Chile, onde vai participar de um encontro de cúpula com outros chefes de Estado sul-americanos. Ali, em discussão a criação de um novo fórum de desenvolvimento para o continente, chamado previamente de Prosul, num encontro que ocorrerá nesta sexta-feira (22). As informações são do Portal G1.

O Prosul, idealizado pelo presidente chileno Sebastián Piñera, substituiria a União das Nações Sul-Americanas (Unasul), criada em 2008, em um momento em que o continente era comandado majoritariamente por presidentes ligados à esquerda. Integrado por chefes de Estado de perfil conservador, o novo Prosul ampliaria ainda mais o isolamento do governo de Nicolás Maduro na Venezuela.

Novo marco

Segundo o porta-voz da Presidência, Otávio Rego Barros, o objetivo dos líderes da América do Sul com a criação do Prosul é estabelecer um novo marco de coordenação, cooperação e integração regional “livre de ideologias, aberto a todos e 100% comprometido com a democracia e os direitos humanos”.

Ainda de acordo com o porta-voz, além de Bolsonaro e Sebastián Piñera, outros cinco presidentes sul-americanos confirmaram presença no encontro: Mauricio Macri (Argentina), Mario Abdo Benítez (Paraguai), Martín Vizcarra (Peru), Iván Duque Márquez (Colômbia) e Lenín Moreno (Equador).

No sábado (23), último dia da viagem ao Chile, Bolsonaro participará de um café da manhã com empresários e terá uma reunião privada, seguida de outra ampliada, com Sebastián Piñera. Na ocasião, os presidentes do Brasil e do Chile farão uma declaração à imprensa e almoçarão juntos.

(Foto – Presidência da República)

Governo vai fechar superintendências do Incra e reduzir pessoal

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, quer diminuir o número de superintendências do Incra. A informação é da Coluna Radar, da Veja Online, adiantando que atualmente são trinta unidades. O governo quer apenas uma por Estado e pretende também demitir 213 ocupantes dos 712 cargos e funções de confiança no Incra.

As demissões estão previstas em portaria publicada no Diário Oficial, no fim de fevereiro e das 30 superintendências, três estão no Pará, estado campeão em conflitos agrários. Uma delas está em Marabá, cidade próxima a Eldorado do Carajás, onde ocorreu o massacre de 1996, com a morte de dezenove sem-terra.

Serão editados uma medida provisória e um decreto com a nova estrutura, já com a redução de 30% dos cargos de confiança. O Incra possui 4,3 mil funcionários.

(Foto – Agência Brasil)

Senado aprova regras duras para os partidos

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, por unanimidade, nessa quarta-feira (20), um projeto de lei ( PLS 429/17) que obriga partidos políticos a cumprirem uma série de normas para aumentar a transparência e evitar atos de corrupção.

De autoria do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), o texto altera a Lei dos Partidos Políticos para submeter seus representantes a programas de compliance, sistema de integridade amparado em regras de responsabilidade social e princípios éticos, sob pena de suspensão de recebimento do Fundo Partidário, pelo período de até 12 meses.

Como foi aprovado em caráter terminativo pela CCJ, caso não seja apresentado recurso para votação no plenário do Senado, a matéria seguirá para apreciação da Câmara dos Deputados.

Sefaz terá centro de combate a mercadorias ilegais

92 1

Fernanda Pacobahyba é a titular da pasta.

A Secretaria da Fazenda implementa medidas para a criação do Centro Integrado de Informações Fiscais (Ciof). Quando estiver implantada, a unidade será responsável pelo videomonitoramento da circulação de mercadorias em 19 postos fiscais espalhados pelo Estado.

Utilizará alta tecnologia e inteligência artificial no combate à sonegação fiscal e à entrada de cargas ligadas ao crime organizado, como armas e drogas. Uma parceria com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social já foi firmada para o compartilhamento de dados entre as duas pastas.

O secretário André Costa (SSPDS), por sinal, confirma a parceria e avisa, inclusive, que virá mais investimento em tecnologia e inteligência no âmbito da polícia.

(Foto – Divulgação)

Popularidade do governo Bolsonaro caiu 15 pontos percentuais desde janeiro

A aprovação do governo Jair Bolsonaro caiu novamente na passagem de fevereiro para março, segundo pesquisa realizada pelo Ibope Inteligência e divulgada nessa quarta-feira.

De acordo com o levantamento, 34% dos brasileiros consideram boa ou ótima a atual gestão, contra 39% em fevereiro. Em relação ao levantamento de janeiro, a popularidade caiu 15 pontos porcentuais (49% para 34%).

De acordo com Ibope, em fevereiro, a fração dos brasileiros que consideram a gestão ruim ou péssima passou de 19% para 24%. Enquanto isso, a porcentagem dos que avaliaram como regular o governo passou de 30% para 39%. Em relação ao primeiro mês do ano, o número de descontentes com a atual gestão subiu cinco pontos (19% para 24%).

(Agência Estado/Foto – Agência Brasil))

Camilo elogia Jair Bolsonaro e apregoa manter parcerias

Ao entregar 1.248 unidades do programa Minha Casa Minha Vida ontem na Capital, o governador Camilo Santana (PT) agradeceu ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) pelas parcerias que tem estabelecido com o Ceará.

”A minha palavra, além de uma palavra de gratidão, é (que você) transmita ao presidente da República o nosso agradecimento pelos investimentos feitos aqui no Estado do Ceará. Transmita e reitere o nosso compromisso de continuar com as parcerias”, disse Camilo diretamente ao ministro Gustavo Canuto (Desenvolvimento Regional), presente no ato. O governador ainda pediu palmas ao ministro.

Camilo ressaltou ainda que é a pasta de Canuto que abriga o Minha Casa Minha Vida, as parcerias do Metrô de Fortaleza, as urbanizações do Cocó e do Maranguapinho. “O senhor será sempre bem-vindo”.

Questionado se concorda com a fala de Camilo, o deputado José Guimarães (PT) minimizou, argumentando que “governo é governo e partido é partido”. Ressaltou que fora a crise na segurança, quando a Força Nacional atuou no Estado, não há iniciativas do Planalto para o Ceará. Mesmo considerando nulas as contribuições do presidente, insistiu que o discurso de Camilo é diplomático.

Contudo, mais tarde, no Twitter, ele marcou postagem do Blog Política intitulada “Governador petista agradece Bolsonaro por obra e promete reforçar parcerias” e escreveu: “esse projeto do Minha Casa Minha Vida que foi entregue pelo nosso governador Camilo Santana não teve um tijolo do governo Bolsonaro. Esse governo Bolsonaro virou as costas para o Nordeste”.

No entendimento do vereador Guilherme Sampaio (PT), Camilo distingue “muito bem sua responsabilidade de governador e sua posição política”.

O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), vice-presidente da sigla, afirmou que “isso é próprio da relação entre as esferas de governo”. Avalia que Camilo é “homem que cultiva a relação federativa”. Indagado sobre a repercussão das afirmações nos variados setores do PT, disse achar “que ninguém verá pelo em ovo”.

Presente no palanque, o deputado federal Heitor Freire (PSL) disse que faz oposição ao PT, que “tem ideologia maligna”, mas não exatamente ao governador, a quem definiu como equilibrado, “de centro”. Conforme o pesselista, inclusive, Camilo não guarda características de quadro do PT. “O que me surpreende é quando ele se junta para fazer oposição ao Bolsonaro com governadores do Nordeste”.

Assim, Freire diz que trabalhará para estabelecer canal entre o presidente e o governador. “Foi um gentleman, acho que ele está reconhecendo que é importante sempre fomentar a resolutividade. (…) No fim da linha, é o povo cearense. Quando for campanha a gente se pega”, afirmou.

Gleisi Hoffmann

O POVO tentou falar com a presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann, por meio da assessoria e do gabinete. A rotina no Plenário, alegou equipe da petista, o impediu de atender.

(O POVO – Repórter Carlos Holanda/Foto – Gustavo Simão)

Americana é a primeira mulher a vencer importante prêmio de matemática

Pela primeira vez, uma mulher será agraciada pelo Prêmio Abel de Matemáticas 2019, segundo a Academia Norueguesa de Ciências e Letras. A pesquisadora norte-americana Karen Uhlenbeck, de 76 anos, estuda equações derivadas parciais. O trabalho dela também estabelece as bases para modelos geométricos contemporâneos em matemática e física.

Referência também na luta pela igualdade de gênero nas ciências e matemática, Karen Uhlenbeck é co-fundadora do programa Women and Mathematics do Instituto (WAM), criado em 1993 para recrutar e capacitar mulheres para liderar em pesquisa matemática em todas as fases de suas carreiras acadêmicas.

Atualmente, Karen Uhlenbeck é pesquisadora visitante em pesquisas na Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, membro associado no Instituto de Estudos Avançados (IAS).

A norte-americana é uma das fundadoras do Instituto de Matemática Park City (PCMI) que se destina à formação de jovens pesquisadores e na promoção da compreensão mútua dos interesses e desafios da matemática.

O Prêmio Abel reconhece contribuições para o campo da matemática. A escolha do vitorioso é baseada em recomendações do Comitê Abel, composto por cinco matemáticos reconhecidos internacionalmente.

(Agência Brasil)

Governo do Ceará elege sete áreas prioritárias de investimentos

Os setores têxtil e de calçados, agronegócio, indústria da saúde, energias renováveis, recursos hídricos, tecnologia da Informação e comunicação (TIC) e logística são os que devem ser priorizados pelo Governo do Ceará para conduzir nova plataforma de desenvolvimento do Estado nos próximos anos. O projeto que vai nortear a reformulação do marco regulatório destas áreas está em fase de finalização e deve ser concluído até maio.

A informação é do secretário do Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Maia Junior. Ele esteve ontem em transmissão ao vivo do programa O POVO Economia, da rádio O POVO CBN, direto da cerimônia de lançamento do Guia de Infraestrutura do Ceará 2019-2020, produzido pelo Grupo O POVO.

O projeto está sendo desenhado a partir de três estudos: o Ceará 2050, as 14 Rotas Estratégicas definidas pela Federação das Indústrias do Ceará (Fiec) e entregue ao Estado, e o levantamento feito pela consultoria portuguesa SPI para definição de ações no curto prazo.

Do que foi definido como prioritário, algumas áreas já compõem a base econômica do Ceará, como é o caso dos setores têxtil, calçadista e do agronegócio, que devem passar por reformulações. As novas oportunidades de negócios que estão surgindo a partir dos hubs que estão se instalando no Estado (aéreo; portuário no Pecém; o tecnológico com Angola Cables; e o de saúde a partir do Polo do Eusébio), de maior valor agregado, também passem a ser melhor contemplados no planejamento do Estado.

“Este conjunto de esforços cria uma nova plataforma para a economia do Ceará no futuro, não só procurando fortalecer a economia que hoje está em desenvolvimento, mas incluir as novas. O trabalho mais importante é de foco, direcionamento para onde a gente quer captar empresas para investir no Ceará”, afirmou.

O atual panorama de investimentos no Estado, a infraestrutura para quem quer investir e as oportunidades de negócio que estão surgindo constam do Guia de Infraestrutura do Ceará 2019-2020.

A publicação bilíngue, de 380 páginas, traz capítulos setoriais, dados, oportunidades, números, opiniões de especialistas, matérias, entrevistas, perfis e análises. A coordenação geral do projeto é do diretor de Marketing e Executivo de Projetos do Grupo O POVO, Cliff Villar, e a coordenação editorial é da jornalista Neila Fontenele. A distribuição do Guia de Infraestrutura do Ceará é gratuita e o conteúdo está disponível no O POVO Online.

“O crescimento do Ceará passa por infraestrutura. E quando você olha o que tem sido feito nos últimos anos, é possível perceber muitas oportunidades que estão aparecendo no Porto do Pecém, Zona de Processamento de Exportação, aeroporto. E o Guia se propõe a ser um tutorial para quem tem o objetivo de investir no Estado”, afirmou o vice-presidente do Grupo O POVO, João Dummar Neto.

E são muitas transformações que estão ocorrendo no Estado. O secretário da Infraestrutura do Estado, Lúcio Gomes, destacou que no ano passado o Governo investiu R$ 1 bilhão em infraestrutura. Para este ano, a previsão é chegar a R$ 1,1 bilhão. Dentre as obras que devem ser concluídas em 2019 estão a Linha Leste do Metro, o VLT e a conclusão da expansão do Porto do Pecém.

A qualidade do Guia de Infraestrutura foi elogiada por executivos que participaram do evento. “É extremamente importante ter acesso às informações precisas, com dados que possam nortear os investimentos, o que faz do Guia um instrumento de suma importância para qualquer empresa”, avaliou Luis Sobral, diretor da SP Combustíveis.

(O POVO – Repórter Irna Cavalcante/Foto – Aurélio Alves)

Adísia Sá é agraciada com Prêmio RioMar Mulher

140 2

Adísia recebe troféu das maos de Michele Ribeioro, gerente de marketing do RioMar.

A jornalista Adísia Sá, ex-ombudsman do O POVO e comentarista da Rádio O POVO/CBN, foi uma das agraciadas, nessa noite de quarta-feira, na 5ª edição do Prêmio RioMar Mulher.

O evento ocorreu no Teatro RioMar Papicu, ocasião em que foram também homenageadas a professora Maria Vital da Rocha, a humorista Valéria Vitoriano, Islane Verçosa, a empresária Ana Maria Studart, a professora Guaraciara Barros Leal, Denise Sahd, Consuelo Dias Branco, Ana Lúcia Bastos Mota e a ex-senadora e conselheira do TCE Patrícia Saboya.

(Foto – João Filho Tavares)

Vozão goleia o Ferroviário e Leão garante vaga contra o Floresta

Ceará x Floresta e Fortaleza x Guarany são os jogos das semifinais do Campeonato Estadual de Futebol, após o encerramento da segunda fase da competição, na noite desta quarta-feira (20).

Apesar de entrar com um time reserva, o Ceará goleou o Ferroviário, por 6 a 2, no estádio Presidente Vargas, e garantiu a liderança da fase e a vantagem de jogar por empates em busca do título.

Já o Fortaleza venceu o Floresta, por 2 a 1, no Castelão, e encerrou a fase na segunda colocação, com a vantagem de dois resultados iguais contra o Guarany para chegar à final da temporada.

O Guarany chegou à terceira colocação, após empate em 1 a 1 com o Atlético, no estádio Domingão. O Floresta, mesmo com a derrota para o Fortaleza, ficou com a última vaga, após ser beneficiado pelo empate entre Barbalha e Horizonte, em 1 a 1.

(Fotos: Reprodução)

Aprovado texto-base de projeto que libera capital externo nas aéreas

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (19), por 329 votos a 44, o texto-base do projeto de lei que altera dispositivos da Política Nacional do Turismo. O texto, que amplia a participação do capital estrangeiro nas companhias aéreas, gerou discussão entre os parlamentares no plenário. Neste momento, os deputados analisam as propostas de alteração à proposta.

O controle de empresas aéreas com sede no país pelo capital estrangeiro já foi autorizado por meio da Medida Provisória (MP) 863/18, que ainda depende de votação no Congresso Nacional. A MP perde a vigência na próxima semana e ainda não foi analisada por deputados e senadores em comissão mista.

O texto altera aspectos da política de turismo e, entre os principais pontos, diminui o mínimo de quartos adaptados para pessoas com deficiência em hotéis e outros meios de hospedagem. Na lei atual, são exigidos 10% dos quartos para os meios de hospedagem já existentes. O texto define esse número em 3%, e 4,5% devem contar com ajudas técnicas e recursos de acessibilidade a serem definidos em regulamento.

Pelo texto do relator, deputado Paulo Azi (DEM-BA), os estabelecimentos impossibilitados de obedecer a regra por motivos técnicos devido a riscos estruturais de edificação deverão comprovar a restrição por meio de laudo técnico estrutural.

Tripulantes

A proposta estabelece ainda um percentual de até 30% de tripulantes estrangeiros nas empresas que poderão atuar no espaço aéreo brasileiro. Um destaque do PSOL tenta alterar esse percentual para garantir que 80% de profissionais brasileiros atuem nas empresas aéreas estrangeiras. Parlamentares já rejeitaram uma proposta do partido Novo que permitia que todos os tripulantes das companhias aéreas fossem estrangeiros.

(Agência Brasil)

Aposta da Bahia ganha R$ 32,6 milhões na Mega-Sena

Somente uma aposta acertou os seis números da Mega-Sena, sorteados na noite desta quarta-feira (20), em Cravinhos/SP. A aposta realizada em Salvador/BA receberá o prêmio de R$ 32,6 milhões.

Os números sorteados foram: 0923284048 e 59.

Já a Quina voltou a acumular e o prêmio desta quinta-feira (21) será de R$ 6 milhões. Os números sorteados nesta noite foram: 15 – 35 – 43 – 50 e 62.

Eunício visita o Senado e recebe homenagem

O ex-presidente do Congresso Nacional e ex-senador Eunício Oliveira (MDB-CE) foi recebido nesta quarta-feira (20) pelo atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), quando conversaram sobre o quadro de votações na Casa, principalmente a reforma da Previdência.

O ex-presidente foi homenageado por servidores do Senado com a entrega de uma publicação que traz registros de quando Eunício esteve à frente da Mesa Diretora.

Também nesta quarta-feira, Eunício Oliveira participou da reunião da executiva nacional do MDB, em Brasília, quando discutiu o programa de transição política do partido, ao abordar a reorganização administrativa, reposicionamento e definição de bandeiras visando o fortalecimento para as próximas eleições, além do início da discussão sobre as reformas a serem votadas pelo Congresso Nacional.

O MDB também iniciou os preparativos para realização da Convenção Nacional, prevista para o dia 4 de setembro próximo, quando o partido deverá escolher os novos dirigentes.

“É hora do MDB estar ao lado do trabalhador, do homem do campo e dos professores. A aprovação de uma proposta como essa não pode passar por cima de direitos sagrados garantidos na nossa Constituição. O MDB não aceita qualquer corte nessas conquistas sociais”, disse Eunício.

(Foto: Divulgação)

Efetivo das Forças Armadas será reduzido nos próximos 10 anos

O efetivo das Forças Armadas será reduzido em 10% nos próximos dez anos. O corte consta do projeto de lei com a reestruturação das carreiras militares, enviado hoje (20) ao Congresso Nacional.

De acordo com os ministérios da Economia e da Defesa, o corte abrange tanto militares de carreira como temporários e afetará 36 mil pessoas até 2029. Atualmente, o Exército, a Marinha e a Aeronáutica têm 45% militares de carreira e 55% temporários, que ficam nas Forças Armadas por oito anos e são dispensados.

Dependentes

A reforma da Previdência dos militares reduz as categorias de dependentes. Para as pensões pagas independentemente da renda do dependente, o total de categorias passou de oito para duas. Somente cônjuges ou companheiros em união estável e filho ou enteado menor de 21 anos ou inválido receberão pensões do regime militar.

Para as pensões pagas a dependentes sem fonte de renda, o total de categorias caiu de 10 para três. Os benefícios serão concedidos apenas a pai e mãe; tutelado, curatelado inválido ou menor de 18 anos que viva sob a guarda do militar por decisão judicial; e filho ou enteado estudante menor de 24 anos.

(Agência Brasil)

Aderlânia propõe Programa de Empregos para Mulheres Vítimas de Violência Doméstica e Familiar

A deputada estadual Aderlânia Noronha (SD) apresentou nesta quarta-feira (20) o projeto de indicação 45/2019, que cria o Programa de Empregos para Mulheres Vítimas de Violência Doméstica e Familiar. A proposta busca proporcionar a mulheres que sofreram violência física e/ou moral a retomar a vida social, por meio do trabalho.

“Apesar de muitas mulheres conseguirem fazer a denúncia, logo na primeira agressão, percebemos que o principal motivo para que elas se submetam a permanecer ao lado do esposo ou companheiro é a dependência financeira”, observou Aderlânia.

De acordo com o projeto, a Secretaria da Proteção Social, Justiça, Mulheres e Direitos Humanos ficará responsável pela execução do Programa, podendo firmar convênios com entidades públicas, federais ou municipais, bem como com o Ministério Público, a Defensoria Pública, a OAB e o Poder Judiciário, além de conceder incentivos fiscais para estimular a formação de parcerias com o setor privado.

(Foto – Divulgação)

Moraes define delegados que atuarão em inquérito sobre ofensas ao STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), designou hoje (20) dois delegados que vão conduzir a investigação aberta pela Corte para apurar notícias falsas (fake news) e ofensas contra os ministros nas redes sociais.

Conforme a decisão, vão participar das investigações os delegados da Policia Federal Alberto Ferreira Neto, chefe da Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Fazendários, e Maurício Martins da Silva, da Divisão de Inteligência da Polícia Civil de São Paulo.

Na decisão, Moraes disse que o inquérito também vai apurar ameaças à segurança dos integrantes da Corte e seus parentes, vazamento de documentos sigilosos e a suposta existência de um esquema de financiamento para divulgação em massa nas redes sociais de mensagens para “lesar a independência do Poder Judiciário e o Estado de Direito”.

A abertura do inquérito foi anunciada na quinta-feira (14) pelo presidente do STF, ministro Dias Toffoli, no início da sessão plenária, quando Moraes foi definido relator do caso. A medida foi tomada após o Supremo ter sido alvo de manifestações sobre a decisão que definiu a competência da Justiça Eleitoral para julgar crimes de corrupção conexos a eleitorais.

Na semana passada, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu esclarecimentos ao ministro Alexandre de Moraes. Segundo a procuradora, a portaria na qual a investigação foi instaurada não esclareceu quais pessoas devem ser investigadas. Além disso, cabe ao Ministério Público realizar tais investigações, e não ao Judiciário, ressaltou a procuradora.

(Agência Brasil)