Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Isenção da taxa de vestibular para aluno pobre em instituição federal agora é obrigatória

“Estudantes de baixa renda que cursaram todo o ensino médio em escola pública não precisam mais pagar taxa de inscrição em vestibulares de instituições federais. A isenção está garantida pela Lei 12.799, de 10 de abril de 2013, publicada na edição de hoje (11) do Diário Oficial da União. Há instituições federais que já adotam isenção total ou parcial para alunos de baixa renda e, com a lei, a gratuidade passa a ser obrigatória.

Para ter a isenção total da inscrição nos processos seletivos, o candidato precisa comprovar que atende cumulativamente às exigências da lei: ter renda familiar per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e ter cursado todo o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral na rede privada.

A lei estabelece ainda que, em outros casos, as instituições federais de educação superior podem adotar critérios para isenção total ou parcial do pagamento de taxas de inscrição de acordo com a carência socioeconômica dos candidatos.”

(Agência Brasil)

Cantor Frank Aguiar lança CD "Safadim" e DVD 20 Anos

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=QylJOVW3Txs[/youtube]

Fortaleza recebeu, nesta semana, o cantor Frank Aguiar. Aqui, ele reuniu, em clima de buffet, alguns convidados da imprensa. Na ocasião, Frank Aguiar, que também é vice-prefeito de São Bernardo do campo (SP),  divulgar seu novo CD intitulado “Safadim” e lançou o DVD dos seus 20 anos de carreira.

Inflação da casa alugada sobe para 0,42% na primeira prévia de abril

“A primeira prévia de abril do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado no reajuste de contratos de aluguel, aponta uma alta da inflação no mês. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), a primeira prévia de abril registrou taxa de 0,42%, superior ao 0,15% observado na primeira apuração de março. A alta da inflação foi provocada por aumentos das taxas dos subíndices de Preços ao Produtor Amplo, que mede a variação de preços no atacado, e de Custo da Construção. O Índice de Preços ao Produtor Amplo teve inflação de 0,38% na primeira prévia de abril. Na prévia de março, o índice não havia variado. O Índice Nacional de Custo da Construção passou de 0,27% para 0,67% no período.

Por outro lado, o Índice de Preços ao Consumidor, que mede a variação de preços no varejo, teve queda na taxa de inflação, ao passar de 0,53% para 0,43%. A primeira prévia do IGP-M foi calculada com base em preços coletados entre os dias 21 e 31 de março.”

(Agência Brasil)

Inácio dá parecer favorável à anistia de policiais militares

inacioarruddas

O senador Inácio Arruda (PCdoB) deu parecer favorável, na Comissão de Constituição e Justiça, ao projeto de lei que anistia policiais militares e bombeiros cearenses envolvidos na greve de 2012. O PLS 76/2013 é de autoria do senador José Pimentel (PT). A matéria prevê a anistia aos PMs e bombeiros militares que foram submetidos a processos penais militares e disciplinares por participarem do movimento de protesto.

Segundo Inácio Arruda, a proposta explicita que a anistia abrange os crimes definidos no Decreto-Lei nº 1.001, de 21 de outubro de 1969 (Código Penal Militar) e as infrações disciplinares conexas, não incluindo os crimes definidos no Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal) e nas leis penais especiais.

O parecer do senador Inácio foi baseado em decisões anteriores que anistiaram policiais e bombeiros militares dos estados do Rio Grande do Norte, Bahia, Roraima, Tocantins, Pernambuco, Mato Grosso, Ceará, Santa Catarina e Distrito Federa, em 2010.

Prefeitura de Maracanaú abre vagas para médicos do Programa Saúde da Família

A Prefeitura de Maracanaú (Região Metropolitana de Fortaleza) abriu oito vagas para médicos do seu Programa Saúde da Família. A contratação é imediata e o salário oferecido é de R$ 8.457,60 (incluindo gratificações).

Os interessados, segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura, devem comparecer à Secretaria Municipal da Saúde, que fica no Centro Administrativo de Maracanaú, na Avenida 2, nª 150, no Conjunto Jereissati I, das 8 às 16 horas.

SERVIÇO

Mais informações – 35215030 ou 35215067

Anac decide não punir Cid Gomes por invasão em pista de aeroporto baiano

116 1

cidgomm

Após cinco meses de apuração, A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu, após cinco meses de apuração, não punir a invasão do governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), à pista do aeroporto de Salvador, que interditou o local por cinco minutos e obrigou um avião a arremeter e outro a abortar o pouso. A informação está na Folha de São Paulo desta quinta-feira.

Cid Gomes, nessa ocasião, em 9 de novembro passado, não esperou seu jato fretado chegar ao terminal. Sem autorização, abriu a porta e atravessou a pista andando em direção à base aérea, onde estava a presidente Dilma Rousseff. Embora tenha classificado a conduta do governador como “desembarque à revelia” –sem aval da torre de controle nem do piloto–, a sindicância da Anac concluiu não haver previsão legal para enquadrar Cid no Código Brasileiro de Aeronáutica.

A Procuradoria da República na Bahia, porém, abriu inquérito civil público sobre o caso. O procurador José de Paula Silva apura se o governador violou normas de segurança do aeroporto. Cid afirmou, via assessoria, que sabia do resultado do procedimento da Anac, mas disse não ter sido notificado sobre a apuração do Ministério Público. O governador não comentou sua atitude no aeroporto.

UFC divulga lista consolidada da chamada de classificáveis do SiSU

A Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) da Universidade Federal do Ceará está divulgando documentos consolidados referentes à chamada de classificáveis da Instituição: quantitativo de vagas e lista de candidatos classificáveis, tanto para ampla concorrência quanto para as cotas. Todo o material está disponível na página do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) na UFC (www.prograd.ufc.br/sisu).

A chamada de classificáveis será presencial e ocorrerá nesta sexta-feira e segunda-feira em Fortaleza e, somente nesta sexta-feira nos campi do Interior (Cariri, Quixadá e Sobral). O estudante deve conferir no Anexo I do Edital nº 07/2013 o dia, horário e local da chamada do curso pretendido, bem como a documentação necessária para a solicitação de matrícula. O candidato que for chamado nominalmente e não estiver presente perderá o direito à vaga.

SERVIÇO

* O Edital nº 07/2013 e demais informações estão disponíveis na página do SiSU na UFC (www.prograd.ufc.br/sisu).

(Site da UFC)

IPECE comemora 10 anos de atividades

Flavio Ataliba Diretor Geral IPECE (1)

O Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado, vai comemorar seus 10 anos de criação na próxima segunda-feira. A data será marcada pelo lançamento do Anuário Estatístico do Ceará 2012 e palestra do secretário da Fazenda, Mauro Filho, sobre o tema “Desafios Recentes da Economia Cearense”, além de uma homenagem à servidora Maria Eloísa Bezerra da Rocha, que ocupava uma diretoria do IPECE e que morreu recentemente.
A programação, já definida em reunião coordenada pelo professor Flávio Ataliba, diretor Geral do IPECE, tem início às 8h30min, no auditório da Seplag (Centro Administrativo do Cambeba). A palestra deo Mauro Filho está marcada para as 10h15min, quando ele abordará assuntos como a unificação da alíquota do ICMS; reforma do FPE; a questão do comércio eletrônico, além de royalties e seus impactos no Ceará.

Professores do município terão reajuste salarial diferenciado

78 1

Chegou à Câmara Municipal, nesta manhã de quinta-feira, o projeto oriundo do Paço Municipal que dispõe sobre o reajuste salarial para os professores.

O projeto, de nª 137/2012, garante, além do reajuste de 5,83% concedido para todo o pessoal, um benefício a mais de 2,13% para o magistério.

A matéria deverá tramitar nas comissões técnicas e ser acompanhada pelo Sindfort, o sindicato dos empregados e servidores públicos de Fortaleza.

Justiça manda retirar nomes de pessoas vivias de prédios públicos em Sobral

113 3

O juiz Willer Sóstenes de Sousa e Silva, da 3a Vara Cível de Sobral, determinou a retirada dos nomes de pessoas vivas que nomeiam prédios públicos municipais e estaduais em Sobral, incluindo avenidas, ruas, praças, pontes, viadutos, bibliotecas, hospitais, maternidades, salas de aula ou qualquer outro patrimônio público. A sentença atende a um pedido feito pelo Ministério Público do Estado do Ceará, que havia ajuizado uma ação civil pública em 23 de outubro de 2012 contra a Prefeitura por conta da ilegalidade dos atos.

Seguem alguns exemplos de prédios e outros locais públicos nessa situação em Sobral: Vila Olímpica Ciro Gomes (ex-deputado federal, ex-ministro e ex-governador), Escola Municipal Padre Osvaldo Chaves (padre e educador de Sobral), Praça Joceli Dantas (empresário do ramo do café), Rua Maria José S. Ferreira Gomes (mãe do atual governador do Ceará) e Conjunto Habitacional Padre José Linhares (deputado federal pelo PP), dentre outros.

De acordo com os promotores de Justiça Irapuan da Silva Dionizio Junior e André Luis Tabosa de Oliveira, autores da ação, a conduta fere o princípio da impessoalidade, descrito no artigo 37 da Constituição Federal de 1988. Por isso o MP pediu a nulidade dos atos, que violam ainda o artigo 20 da Constituição Estadual (1989), segundo o qual é vedado a estados e municípios atribuir nomes de pessoas vivas a ruas e locais públicos em geral.

(Com MP-CE)

Senado decide sobre retirada do atual presidente da Casa. No Paraguai

“O Senado do Paraguai marcou para hoje (11) reunião extraordinária para discutir e votar a proposta de retirar Jorge Oviedo (União Nacional dos Colorados Éticos) da presidência da Casa. O senador é acusado de participar de uma operação ilegal de venda de terras. A proposta para tirar Oviedo do comando do Senado conta com o apoio de pelo menos quatro grandes partidos políticos. Para aprovar a retirada do presidente, são necessários 30 votos favoráveis. O Senado é formado por 45 integrantes. Segundo a imprensa local, há um constrangimento geral envolvendo as denúncias sobre Oviedo.

As denúncias referem-se à venda de cerca de 5 mil hectares de terra. No Paraguai, a questão agrária é tema presente no cenário político. O caso provocou críticas do presidente paraguaio, Federico Franco, e do diretor do Instituto de Desenvolvimento Rural e da Terra, Luis Ortigoza, além de deputados, senadores e líderes de movimentos sociais.

Durante as investigações, foram presos suspeitos, inclusive um advogado acusado de sonegar impostos. O fato virou assunto em todas as discussões políticas no país que, em dez dias, terá eleições presidenciais. Aprovada a saída de Oviedo, deve assumir como presidente do Senado Alfredo Jaeggli (Partido Libertal Radical Autêntico). Ele permanecerá no cargo até o final de junho, quando acaba a atual gestão.”

(Agência Brasil com Prensa Latina)

PGJ divulga nota em resposta a prefeito afastado de Quixeramobim

91 1

Este Blog recebeu nota do Ministério público Estadual, em resposta à acusação do prefeito afastado de Quixeramobim, Cirilo Pimenta, de que estaria sendo vítima de “perseguição política. Confira:

NOTA DE ESCLARECIMENTO DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ

Em atenção às declarações prestadas nesta quarta-feira, 10, na Assembleia Legislativa, pelo prefeito afastado de Quixeramobim, Cirilo Pimenta, o Ministério Público do Estado do Ceará vem a público esclarecer o seguinte:

1 – É absolutamente repugnante e inverídica a afirmação de que a atuação ministerial se deu em virtude de “perseguição política.” Na verdade, a “Operação Quixeramobim Limpo II” aconteceu após sucessivas decisões judiciais proferidas pelos dois juízes da comarca de Quixeramobim em virtude de atos investigatórios realizados pelo Ministério Público. A acusação de perseguição política põe em xeque a lisura e a independência dos juízes e promotores envolvidos, o que não se concebe.

2 – Em momento algum os investigados foram acusados de desvios de R$ 6 milhões. O que as investigações apontam são fraudes e crimes diversos (formação de quadrilha, falsidade ideológica, etc) em processos licitatórios cujo montante gira em torno do valor mencionado. Assim, para esclarecer, AS FRAUDES LICITATÓRIAS SOMADAS CHEGAM AOS R$ 6 MILHÕES.

3- Por fim, consigna-se que o trabalho desenvolvido pelos promotores de Justiça é referendado pela instituição do Ministério Público e que o mesmo possui somente o viés técnico.

* Procuradoria Geral de Justiça do Estado.

UFC tem sexto maior orçamento entre universidades federais

jesualdofarias

“Quem anda rindo à toa é o reitor da Universidade Federal do Ceará, Jesualdo Farias. Após muitas idas e vindas por Brasília, com direito a trabalho político junto à bancada cearense, ele conseguiu garantir um orçamento da ordem de R$ 1 bilhão 50 milhões para este ano.

“Foi uma grande vitória. Com esse volume de recursos, ficamos com o sexto maior orçamento entre as instituições federais de ensino”, comemora. No ranking, a UFC só perde para a Universidade Federal do Rio, Universidade Federal de Minas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Universidade de Brasília e Universidade Federal Fluminense.

Jesualdo adianta que garantiu a conclusão de um pacote de obras e outras que pretende priorizar agora nos campi do Interior.

(Coluna Vertical, do O POVO)

Servidores municipais terão reajuste salarial de 5,83%

A Câmara Municipal aprovou, nessa quarta-feira, reajuste de 5,83 para os servidores públicos de Fortaleza. Embora a bancada do PT na Casa tenha se queixado do percentual, que considerou baixo, a proposta foi aprovada por unanimidade. Os vereadores petistas argumentaram que votaram a favor em função do acordo com os sindicatos de servidores em torno da proposta.

O funcionalismo reivindicava 15,25% de aumento. Depois, passaram a pedir ao menos 6,2%, índice de inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Mas o índice que a Prefeitura concedeu foi equivalente à inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Na justificativa do projeto, a Prefeitura aponta as limitações orçamentárias como motivo para que o percentual não seja maior. Os sindicatos da categoria acataram o índice oferecido, mas anunciaram que já preparam a próxima campanha salarial, na qual esperam obter ganho real significativo.

 

Fortaleza já acumula inflação de 5,51% no item alimentação

“Os preços dos alimentos continuam pressionando a inflação em Fortaleza. No acumulado do ano até março, o item já chega a uma alta de 5,51% no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No período de 12 meses, os fortalezenses já tiveram de pagar 18,19% mais caro com alimentação.

Entre os produtos, cebola (alta de 67,3%) e cenoura (67,92%) e a batata inglesa (50,1%) já somam aumentos superiores ao vilão tomate (41,37%). A farinha de mandioca está 46,72% mais cara. O professor do curso de economia da Unifor e economista, Mário Monteiro explica que dois fatores têm influenciado a inflação: aumento de procura e queda na oferta. “O aumento da renda das classes C e D leva a um aumento dessa demanda e há uma queda na oferta principalmente em função da seca no Nordeste”.

Para o chefe da Unidade Estadual do IBGE, Francisco Moreira Lopes, a entressafra, as chuvas e a estiagem do estado fizeram com que houvesse essa inflação, mas a tendência é de que os preços caiam nos próximos meses. “As chuvas fortes no País com exceção do Nordeste podem diminuir os preços dos produtos”, disse. No resultado nacional, por exemplo, o índice dos alimentos foi de 1,14%.

Inflação generalizada

Não são apenas os alimentos têm impacto na inflação. No ano, educação acumulou alta de 5,53% em Fortaleza e transportes se expandiu 3,31%. Para conter a expansão, Monteiro disse acreditar que o Governo terá de mexer na taxa de juros. “O bom senso recomendaria retomar a política de juros e buscar as metas de inflação e a compressão de gastos do Governo”, disse. A cidade tem uma inflação média de 2,36% no ano até março contra 1,94% no resultado nacional. Foi a segunda mais alta do País, superada apenas por Belém (2,45%). Levando em consideração apenas o mês de março, a capital chegou a 0,61% de alta contra 0,47% no País.

Monteiro explica que o mais preocupante é a disseminação da inflação. “A inflação está mais difícil de reduzir porque está mais dispersa ao longo dos últimos meses”. O índice de difusão de preços já alcança os 70%. O professor de economia da Universidade Federal do Ceará (UFC)/Caen, Almir Bittencourt disse que isso significa que a maior parte dos itens estão com alta nos preços. “A inflação está se espalhando por vários setores. É preocupante porque se reflete sobre as famílias, sobre o varejo e em indicadores cada vez mais importantes dentro do índice”, detalha.”

(O POVO)

Luciana Dummar e este repórter do Blog são homenageados nos 85 anos do O POVO

164 5

85 anos op

 

A presidente do Grupo de Comunicação O POVO, jornalista Luciana Dummar, ganhou homenagem nesta quarta-feira à noite, na Assembleia Legislativa, pelos 85 anos do jornal O POVO. O ato, dos mais concorridos, reuniu políticos, empresários, dirigentes de entidades de categorias e foi consequência de uma iniciativa dos deputados Fernanda Pessoa (PR), Heitor Férrer (PDT) – este ausente por motivo particular, Manuel Duca (PMDB) e Eliane Novais (PSB).

As homenagens se estenderam a outros profissionais do O POVO como o diretor de conteúdo do Grupo, Arlen Medina, o diretor institucional Plínio Bortolotti, o editor sênior Waldemar Menezes, colunistas Fábio Campos e Érico Firmo (este representado pelo jornalista Carlos Mazza), e  jornalistas Márcia Gurgel, Adeodato Júnior, Lúcio Brasileiro e Demitri Túlio (este últimos representados por Gutemberg Figueiredo) e Adísia Sá (representada pela editora geral Fátima Sudário), além deste repórter do Blog. Em seu discurso, Luciana Dummar destacou o papel do Grupo O POVO voltado para a pregação democrática, lembrando que entre suas características está o sentido de incomodar e fomentar o debate “porque não somos neutros”.

* Fotos – Paulo MOsKa

* Confira mais da homenagem aqui.

Deputado quer fiscalizar atuação da ANS e dos planos de saúde

O deputado Ivan Valente (Psol-SP) afirmou vai apresentar proposta de fiscalização e controle para investigar mais a fundo os planos de saúde e acompanhamento do setor feito pela Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS. Segundo ele, as reclamações do consumidor são apenas a ponta do icebergue.

“Vejo grande promiscuidade nesse modelo de regulação; é uma privatização da saúde. O governo, que privilegia a regulação da saúde privada, não oferece saúde pública de qualidade”, criticou o parlamentar, que solicitou a audiência pública da Comissão de Defesa do Consumidor encerrada há pouco. Valente destacou ainda que 88% dos casos contra planos de saúde que vão à Justiça são ganhos pelo consumidor.

O presidente da ANS, André Longo, rechaçou as acusações de “promiscuidade”. “Temos um corpo técnico qualificado, de servidores concursados. O interesse publico é prioritário para nós”, afirmou. Ele informou que a agência vai buscar avançar na portabilidade, o que daria mais poder de barganha para os consumidores.

Longo pediu ainda apoio dos deputados a projeto de lei que cria 300 novos cargos para a ANS, a fim de aumentar o poder de fiscalização da agência.

(Agência Câmara de Notícias)

Eunício reclama da redução do FPE para estados nordestinos em ano de seca

eunício

O Senado recomeçou a votar o projeto de lei que altera os parâmetros para o cálculo de divisão do Fundo de Participação dos Estados (FPE). O texto-base do senador Walter Pinheiro (PT-BA) foi aprovado nesta quarta-feira (10) em turno suplementar. Logo depois, os senadores votaram a emenda do senador José Agripino (DEM-RN), que propunha a mudança de um dos indicadores para o cálculo das cotas do FPE.

O substitutivo de Pinheiro estabelece como parâmetros a população do estado, considerando como piso pelo menos 1% da população geral do país, e o inverso da renda per capita familiar. Agripino propunha a substituição do critério de renda pelo Produto Interno Bruto (PIB) per capita. A emenda foi rejeitada e prevaleceu a proposta do relator para a divisão do fundo.

Os senadores analisam agora outras emendas. Há um requerimento para que a Emenda 17, que vem sendo chamada de Emenda do Amapá, do senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) tenha preferência de votação. Ela propõe o piso populacional de 1,5% no cálculo da cota de cada estado. Dessa forma, se um estado tiver população equivalente a 1,5% do total do país, será usado esse piso para o cálculo. A emenda também propõe uma trava de 75% para a renda per capita familiar. Com isso, os estados que tiverem renda familiar per capita de 75% maior que a média do país, será aplicado um redutor na parte deles no fundo.

O texto de Walter Pinheiro prevê esse tipo de redutor, mas considerava como limite que a renda per capita familiar fosse 70% maior que a média do país. Pelo texto de Pinheiro, estados como São Paulo e Rio Grande do Sul saem perdendo, porque entrarão no grupo que terão suas cotas reduzidas. Se a emenda de Randolfe for aprovada, são os estados do Nordeste que serão prejudicados porque ficarão com menos que o previsto. “A minha emenda beneficia 17 estados do país. A guerra agora será entre os estados do Nordeste contra o resto”, disse Randolfe ao defender a proposta de sua autoria.

No entanto, o senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi contra a iniciativa do colega do Amapá. Segundo ele, se os estados que têm alta renda per capita familiar não tiver suas rendas reduzidas, vai sobrar menos para os estados que mais precisam, como os do Nordeste. “Nós estamos vivendo a pior seca dos últimos 50 anos. Os estados do Nordeste não merecem ter suas partes reduzidas em um momento tão difícil”, disse.

Existem várias emendas com propostas de percentuais diferentes para a trava de renda familiar per capita. Se a emenda de Randolfe for aprovada, essas emendas deverão ser consideradas prejudicadas. Se ela for rejeitada, as outras propostas podem entrar em votação.

(Agência Brasil)

Garotinho pede quebra de sigilos telefônicos de Cid e Ciro

120 2

O deputado federal Anthony Garotinho (PR-RJ) pediu nesta quarta-feira (10) a quebra dos sigilos telefônicos e telemáticos do governador Cid Gomes (PSB) e de seu irmão, o ex-ministro Ciro Gomes (PSB). Em pronunciamento pela liderança do PR na Câmara, o parlamentar carioca afirmou que expediu ofício para o ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, pedindo que a Polícia Federal e a Procuradoria Geral da República investiguem o envolvimento dos irmãos em suposto esquema de espionagem no Governo do Estado.

“Se isto for verdade, tenho certeza que é uma coisa que envergonha todos os cearenses, independente de partido (…) usar polícia para política é coisa do fascismo e do nazismo”, disse Garotinho. O deputado também leu trechos de supostos e-mails de Cid que tratariam da contratação da empresa Kroll para espionar o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR). O carioca é líder do partido de Pessoa na Câmara, e teve reunião com o ex-prefeito nessa terça-feira (9).

Presentes no plenário, os deputados cearenses Antônio Balhmann (PSB) e Mauro Benevides (PMDB) saíram em defesa de Cid. “Na mesma hora em que essa denúncia foi feita, o governador foi à Assembleia e apresentou os fatos, que hoje são encobertos em torno dessa armação (…) na verdade, o e-mail do Palácio do governador que foi invadido”, disse Balhmann.

Garotinho questionou a fala do deputado cearense. “Ao dizer que ele (Cid Gomes) sabe que teve seus e-mails violados, ele admite que os e-mails em questão são verdadeiros”, disse. Balhmann tentou fazer tréplica ao questionamento do carioca, mas teve o microfone cortado pela Mesa Diretora da Câmara.

Eudes Xavier (PT), autor da acusação, na última quinta-feira (4), negou perseguição contra o governador afirmou que queria apenas que a denúncia fosse investigada. “Queria era que isso virasse peça de investigação da Polícia Federal”.

Reação

Na última sexta-feira (5), Cid foi à Assembleia se defender da acusação. Na ocasião, negou espionagem, denunciou que teve seus e-mails vasculhados e anunciou investigação sobre o caso. “Se eu sou capaz de contratar empresa de espionagem para espionar quem quer que seja, me prendam. E eu vou renunciar ao meu mandato”, disse.

O governador ainda ironizou a suposta contratação da americana Kroll. “Eu tenho mais intimidade com a IMF (força fictícia do filme ‘Missão Impossível’) do que com essa Kroll (…) todos os contratos do Governo são públicos. Olhem lá e vejam se tem alguma Kroll”, disse.

(O POVO Online)