Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Presidente do TCE tentará reeleição

valdmiromjunrol

Mesmo sob críticas em torno de licitação para compra de mobiliário, como denunciou o deputado estadual Heitor Férrer (PDT), o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Valdomiro Távora Júnior, disputará reeleição.

O pleito, nesse tribunal, ocorrerá nesta terça-feira, a partir das 15 horas. Além do presidente, deverão ser eleitos o vice-presidente e o corregedor do TCE. O mandato é de dois anos.

Se depender dos servidores do TCE, Valdomiro será reconduzido.

Prefeito RC assina ordem de serviço para reformar mais dois postos de saúde

Essa informação é do site da Prefeitura de Fortaleza:

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PROS), acompanhado da secretária municipal de Saúde, Socorro Martins, assinará, nesta terça-feira, às 9 horas, a ordem de serviço para reforma e ampliação dos postos de saúde Anastácio Magalhães e Meton de Alencar, nos bairros Rodolfo Teófilo e Antônio Bezerra, da Regional III.

As reformas das unidades seguem o novo padrão da atual gestão com restauração de toda parta elétrica e hidráulica, além da ampliação dos postos com novos consultórios, sala de espera, ambientes climatizados, prontuário eletrônico, atendimento informatizado e instalações adaptadas para portadores de necessidade especiais.

Eudes Xavier: Professor João Arruda faz critica desonesta à gestão Luizianne Lins

416 12

eudesxavierr

Deputado federal Eudes Xavier.

joaarruda

Professor João Arruda (UFC).

Do deputado federal Eudes Xavier (PT), este Blog recebeu nota em resposta às críticas feitas, neste espaço, pelo Professor João Arruda. Assessor da gestão Roberto Cláudio,  Arruda destaca avanços no plano da educação municipal e diz que acabou a era de vereador indicar diretor de escola, como ocorreria na gestão petista. Confira:

Caríssimo Eliomar de Lima,

Tenho acompanhado o debate iniciado em seu Blog pelo Professor João Arruda a respeito do balanço da gestão da Prefeita Luizianne Lins (PT) e das perspectivas da atual gestão, particularmente na área da educação. João Arruda é professor, tem mestrado em Sociologia e estudos publicados sobre conflitos históricos como o de Canudos. Mas, sinceramente, poucas vezes vi tentativa tão hipócrita e cínica de se reconstruir a história da parte de alguém, principalmente com a formação acadêmica dele. Assim, sinto-me na obrigação de “botar os pingos nos is”.

O Professor faz uma crítica desonesta ao ignorar todos os avanços na educação pública de Fortaleza durante a gestão Luizianne Lins. Em 8 anos 31 Escolas foram construídas dentro do padrão MEC e 287 escolas foram reformadas ou ampliadas, num total de 900 novas salas de aula ofertadas. O Professor deve ter esquecido os famigerados anexos, escolas constituídas em locais improvisados pelo Prefeito Juraci Magalhães que em sua maioria não dispunham das mínimas condições de ventilação, iluminação e conforto para o exercício do aprendizado. Quando Luizianne assumiu a Prefeitura, em janeiro de 2005, haviam 155 anexos. Ela terminou seu segundo mandato com apenas 38, permanecendo apenas aquelas em condições de uso para o ensino.

Em 2004 existiam 160 bibliotecas. No final da gestão, 228. Os alunos não tinham sequer o direito ao fardamento. Direito de irem calçados à escola. Passaram a receber fardamento completo, mochila, tênis e agenda. Em 8 anos foram implantados 240 novos laboratórios de informática. Laboratórios esses que se encontram hoje subutilizados porque a atual gestão retirou professores de lá. Antes de Luizianne não havia transporte escolar do município. Nossas crianças ou não iam para a aula ou tinham que andar 20, 30 quarteirões para chegar ao colégio.

Na gestão do PT 10 mil crianças passaram a ser transportadas todos os dias à partir do recuperação da Companhia de Transporte Coletivos (CTC), empresa municipal que se encontrava sucateada e paralisada, com, dezenas de ônibus quebrados em sua garagem e um corpo de funcionários sem ter o que fazer. Nossa gestão resolveu os dois problemas ao mesmo tempo: o da falta de transporte escolar e o do sucateamento da CTC. Quando seu Prefeito assumiu, professor, haviam 80 desses ônibus rodando. E o que fez o prefeito Roberto Cláudio? Demitiu todos os trabalhadores da CTC, praticamente acabando com a empresa. 320 funcionários foram para o olha da rua, vários com mais de 50 anos de idade e 20 anos de empresa. Demitiu e não colocou de imediato nenhum serviço substituto e milhares de crianças ficaram vários dias sem transporte escolar.

A educação infantil é um capitulo à parte. Na sua posse Luizianne encontrou o município com apenas 55 creches e estavam todas fechadas. Ela terminou seu segundo governo com 139 creches em funcionamento, sendo que mais de 3 mil crianças ficavam nas creches em tempo integral. Pois esse sistema está sendo desmontado agora com o fim do atendimento integral a crianças de 3 anos de idade com a justificativa de abrir mais vagas na rede. Isso está sendo feito na base do “te vira!”, de forma absolutamente insensível e sem discussão nenhuma com aqueles pais que trabalham e não terão onde deixar seus filhos. De forma estúpida a atual administração tenta resolver um problema criando outro. E é bom lembrar também a contribuição do Governo Cid nessa matéria que em 2009 desativou de forma abrupta cerca de 80 creches que eram mantidas em convênio com o Governo do Estado e o município também teve que suprir essa demanda.

Embora tenha servido também à administração Juraci Magalhães como Ouvidor – fato esse que o Professor “esqueceu” de mencionar em sua biografia – João Arruda também faz questão de ignorar os avanços obtidos na merenda escolar. Na administração à qual ele serviu, a merenda foi motivo de escândalo e vergonha. Com Luizianne 300 mil refeições passaram a ser servidas todos os dias com cardápio elaborado por nutricionistas, engenheiros de alimentos e economistas domésticos. Nossa merenda escolar passou a ser motivo de orgulho, composta por proteínas, carboidratos, frutas, legumes e bebidas lácteas. Fomos até motivo de matéria veiculada em rede nacional, no programa “Mais Você”, exibido pela Rede Globo de Televisão em 18.08.2011 como se pode ver no endereço http://www.youtube.com/watch?v=eR-yLhToUkY.

Nos 8 anos da gestão do PT tivemos muitas greves de professores sim. È fato. Mas isso foi fruto principalmente da dívida histórica acumulada com a categoria. Dívida essa que buscamos resgatar em conquistas históricas como a incorporação dos aditivos, Plano de Cargos e Carreiras, transformação da regência de classe em gratificação de pós-graduação, 2.181 cargos preenchidos por concurso, 8.856 promoções por titulação, 7.076 progressões por qualificação, retirada das aulas aos sábados, disponibilização de um notebook para cada profissional do magistério. De 2005 a 2012 a remuneração média de nossos professores teve ganho acima da inflação de mais de 80%. Greves se registraram e outras ainda ocorrerão nas três esferas de governo porque parte dessa dívida histórica ainda persiste. Em nível nacional os professores do ensino básico e médio ainda estão entre as categorias de nível superior com remuneração mais baixa.

Para ser honesto é preciso admitir isso. Mas não é honesto ter uma postura crítica seletiva como o professor João Arruda tem. Não me recordo de nenhum posicionamento crítico de João Arruda quando em 2011 professores estaduais em greve foram agredidos pela PM dentro da Assembléia Legislativa cujo presidente de então era o atual Prefeito.

Também não vi até hoje um posicionamento dele, um professor universitário, sobre a greve das universidades estaduais. A greve, imaginem, é porque os alunos já vinham sem aula por falta de professores, funcionários e laboratórios. Tem unidade de universidade do Estado funcionando dentro de escola municipal do interior, como em Tauá. Porque não falar sobre isso também, professor? O professor acusa a gestão passada de ter loteado toda a educação do município com centenas de indicações políticas para cada vereador, sem que houvesse nenhum critério de meritocracia. Aqui, além de hipócrita ele é leviano. De onde ele tirou a informação das centenas de cargos por vereador ? Quais as provas ? Houveram indicações políticas sim, mas elas não foram feitas sem critério técnico e nem se concentraram na educação.

Ainda em 2005 os gestores das escolas foram escolhidos através de consulta aos professores. Os mais votados foram nomeados diretores independente de qualquer vínculo político, inclusive com a gestão anterior. Mas diferente da gestão Juraci foi estabelecido desde o início que nenhum gestor seria nomeado sem que pertencesse ao quadro de carreira do município e tivesse nível superior em pedagogia. Foram criados e incentivados mecanismos de participação popular através do Conselho Municipal de Educação e do Fórum dos Conselhos Escolares. Instâncias coletivas de decisão criadas pela gestão do PT como a Conferência Municipal de Educação chegaram a definir que nenhum gestor poderia assumir sem possuir pós-graduação em gestão escolar. E a localização de todas as escolas construídas e reformadas foi definida em debate dos técnicos da Prefeitura com o Orçamento Participativo.

Reconheço que ficamos devendo a institucionalização de um sistema democrático de escolha dos gestores da educação, mas isso está muito longe do quadro pintado levianamente no texto do professor João Arruda. E a hipocrisia está no fato de que com exceção dos vereadores do PT, a base de sustentação da atual gestão é exatamente a mesma da gestão passada, com o acréscimo de figuras como o Deputado Estadual Fernando Hugo que nomeou dois filhos na gestão; E acréscimo também de cargos comissionados que ao final da gestão Luizianne somavam 3.989 e agora somam 5.333.

Para encerrar, caro Eliomar, quero dizer que reconheço o direito à crítica de quem que seja. Inclusive do professor João Arruda, agraciado com uma Gratificação por Trabalho Relevante Técnico ou Científico no Gabinete do Prefeito no valor de R$ 5.000,00, conforme Diário Oficial do Município de 04/06/2013. Mas o que não aceito é a mentira. A distorção e a omissão dos fatos. É alguém querer reescrever a história.

* Eudes Xavier

Deputado Federal – PT Ceará.

Prêmio Delmiro Gouveia – A hora da festa da economia cearense

Destacar o desempenho das empresas cearenses nos setores econômico-financeiro e social, além dos profissionais contabilistas responsáveis trabalhos de destaque no ano. Este é o objetivo da 13ª edição do Prêmio Delmiro Gouveia 2013, cuja premiação acontecerá nesta segunda-feira, a partir das 20 horas, no Lulla’s Plazzá.

O Prêmio é uma realização da Fundação Demócrito Rocha e do Grupo de Comunicação O POVO, em parceria com instituto Brasileiro de Executivo de Finanças do Ceará (Ibef-CE) e a Associação dos Analistas e Profissionais de Investimentos do Mercado de Capitais (Apimec Nordeste).

Os critérios adotados para a premiação foram melhor performance econômico-financeiro, crescimento das vendas, lucratividade e liquidez; investimentos compulsórios com impacto sociais (tributos e encargos), ações voltadas aos empregados, gestão de meio ambiente, geração de emprego entram na categoria do desempenho social.

O Prêmio Delmiro Gouveia homenageará ainda as maiores empresas, levando em conta critérios como vendas líquidas, patrimônio líquido, ativo total ajustado, quantidade empregados, entre outros.

Para onde Lúcio e Tasso seguirão mesmo em 2014?

tasolucio

Com o título “Os conselheiros políticos da coligação PR–PSDB: Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati”, eis artigo do professor e sociólogo Luiz Cláudio Ferreira Barbosa sobre os impasses para a formação de uma frente ampla das oposições no Ceará em 2014. Ele destaca Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati como grandes líderes para tocar esse barco, mas os vê também reticentes em termos de disputar mandato. Confira:

O ex-governador Lúcio Alcântara (PR) vai iniciar uma maratona contra o tempo, para a construção de uma chapa majoritária composta pelas forças de oposição ao Palácio da Abolição. Lúcio Alcântara tem plena compreensão da difícil missão de unir um palanque estadual, com vários interesses conflitantes, entre os seus aliados.

O ex-senador Tasso Jereissati (PSDB) ainda mantém suspense sobre a sua pré-candidatura ao Senado, no próximo pleito eleitoral. A direção nacional do Partido da Social Democracia Brasileira tem feito vários apelos, para que essa liderança tucana cearense, aceite ser candidato, para puxar uma boa votação para presidenciável Aécio Neves, em terras alencarinas.

O ex-prefeito de Maracanaú, o empresário Roberto Pessoa (PR), e o ex- senador Luis Pontes (PSDB), já avançaram nos acertos decisivos da coligação partidária entre o Partido da República e o Partido da Social Democracia Brasileira, para o próximo ano. O fato interessante da futura coligação do PR e do PSDB, é que não houve uma única reunião conjunta dos ex-governadores Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati. A última reunião desses dois ícones da política cearense foi no ano de 2006, na cidade de Brasília.

Essa coligação tem um problema que é a não existência de um único nome das fileiras da coligação PR- PSDB, para ser um candidato competitivo ao cargo de governador do Estado do Ceará. Os dois principais nomes dessa aliança oposicionista são os ex-governadores, que não desejam mais serem candidatos aos cargos majoritários, mas somente querem atuar como conselheiros dos futuros pré-candidatos da aliança das oposições, no pleito eleitoral de 2014.

O ex-governador Lúcio Alcântara (PR) mantém em suspenso uma futura pré- candidatura, para Câmara Federal, com boas chances de não fazer essa postulação, no próximo ano. O ex-senador Tasso Jereissati (PSDB) deseja lançar uma candidatura competitiva ao Senado, somente no caso de certeza da vitória eleitoral, o mais provável nesse caso, será a não postulação. Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati são maiores do que o papel de conselheiro da coligação PR e PSDB, para o pleito eleitoral estadual de 2014.

* Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Socíólogo e Consultor Político.

Dilma saúda vitória de Michelle Bachelet

“A presidenta Dilma Rousseff usou hoje (16) sua conta no microblog Twitter para saudar Michelle Bachelet pela eleição à Presidência do Chile. Dilma escreveu que Brasil e Chile têm muito a cooperar e construir juntos e disse estar certa de que seu governo e o de Bachelet vão aprofundar ainda mais as relações entre os dois países.

“#BrasilChile tem muito a cooperar e a construir juntos. Temos uma compreensão clara do papel da integração da América do Sul”, escreveu no microblog. Dilma ainda cumprimentou os chilenos por mais uma eleição democrática.

A socialista Michelle Bachelet foi eleita ontem (15) presidenta do Chile, pela segunda vez. Ela obteve 63% dos votos no segundo turno, derrotando a adversária Evelyn Matthei, que representa a aliança de centro-direita. Matthei, a candidata do atual governo, teve 38% dos votos.”

(Agência Brasil)

Prefeito de Juazeiro do Norte evita falar de sucessão 2014

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=MRolI2ntLyo&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O prefeito de Juazeiro do Norte, Raimundo Macedo (PMDB), embarcou para Brasília nesta segunda-feira. Hora de encaminhar projetos e liberar recursos em vários ministérios.

Raimundão, sobre sucessão 2014, não quis se posicionar, embora se saiba que o presidente regional do seu partido, o PMDB, o senador Eunício Oliveira, trabalha para disputar a sucessão de Cid Gomes.

Nicole Barbosa reage a críticas da deputada federal Gorete Pereira

664 2

nicolebarbosa

A presidente do Centro Industrial do Ceará (CIC), Nicole Barbosa, reagiu à crítica da deputada federal Gorete Pereira (PR) de que não tem experiência nem trajetória política para alçar voos em termos de disputa para o Governo do Estado pelo PSB. Eis a resposta dela:

Caro Eliomar de Lima,

Gostaríamos de informar à deputada federal Gorete Pereira (PR) que somos uma forte liderança do setor produtivo que, em menos de dois anos de mandato à frente do CIC, já apresentamos propostas para a economia de Fortaleza nas Eleições de 2012 com o livro “Fortaleza – Cidade e Economia”.

Pensamos ainda o PDL (Projeto de Desenvolvimento Local) para as Cidades Polo do Estado do Ceará. Vamos sair do CIC deixando um Planejamento Estratégico de Desenvolvimento para a Região Nordeste: O Integra Brasil.

Cansada de fazer projetos que esbarram na vontade política dos que têm mandato, muita tradição política e pouco realizam, nos filiamos ao PSB a convite do governador Eduardo Campos. Somos hoje presidente do PSB de Fortaleza e estamos construindo o maior Projeto de Desenvolvimento Sustentável para o Estado do Ceará, que será apresentado à sociedade nas eleições de 2014.

Sou nova na política partidária, mas tenho muita experiência na política sindical. Como representante da sociedade civil e bastante insatisfeita com a forma que estão fazendo política nesse país, daí por que resolvi me filiar ao PSB e construir uma nova Política para o Brasil junto com o governador Eduardo Campos. Minha experiência na política é praticar a boa política participativa e propositiva aonde quer que eu esteja.

* Nicole Barbosa

Presidente do PSB de Fortaleza. 

Itapipoca vive surto de diarreia com água oleosa e com mau cheiro

602 3

foto 131209 açude poço verde itapipoca

Um surto de diarreia atingiu moradores do município de Itapipoca, no Norte Cearense, a 130 quilômetros de Fortaleza, depois que a população passou a consumir água oleosa e com mau cheiro. Segundo moradores, em contato com o Blog, o açude Poço Verde praticamente secou e os canos do açude Gamaleira estouraram.

De acordo ainda com os moradores, os peixes do açude Poço Verde começaram a morrer, o que levou centenas de urubus para as margens. Para tentar conter a poluição das águas, a Cagece teria adicionado produtos químicos no açude, o que provocou a oleosidade na água.

Com volume de 13,7 milhões de metros cúbicos, o açude Poço Verde foi construído em 1955, pelo Dnocs, em uma área de 63 quilômetros quadrados. Já o açude Gamaleira, está sendo concluído pelo Governo do Ceará para uma capacidade de 52,6 milhões de metros cúbicos, entre os municípios de Itapipoca, Trairi e Tururu.

Eunício Oliveira não aceita ser vice

O senador Eunício Oliveira, presidente regional do PMDB, afirmou, nesta segunda-feira, que não tem interesse em vir de Brasília para ocupar a posição de vice na chapa para o Governo do Estado em 2014.

A declaração foi dada nesta manhã de segunda-feira, no Centro de Eventos, após a solenidade em que o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) lançou o programa em comemoração aos seus 60 anos de fundação.

Cid culpa Mantega por nota baixa do Ceará no item capacidade de endividamento

154 1

O governador Cid Gomes (PROS) deixou a solenidade dos 60 anos de fundação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), nesta manhã de segunda-feira, no Centro de Eventos, visivelmente chateado com o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Cid teria creditado ao ministro o fato de o Estado do Ceará ter ficado com nota “D” no item situação financeira em temos de capacidade de endividamento externo, o que saiu em matéria da Folha de São Paulo.

“Isso foi plantado por Guido Mantega!”, reagiu assim o governador, ao ser indagado por jornalistas. Ele disse que vai pedir retratação. Cid não chegou a participar de toda a solenidade do TCM.

Cid e problemas no "grande salto" prometido

220 5

Com o título “Do ‘grande salto’ ao passo seguinte”, eis artigo do publicitário e poeta Ricardo Alcântara. Ele aborda pesquisa que aprova a gestão do governador Cid Gomes, considerando dados pífios para quem apregoa ter feito em sete anos o dobro do que Tasso Jereissati fez em 12 anos. Confira:

Já vi governo mal assessorado embarcar em canoa furada de pesquisa. O furo não estava nos índices, mas na leitura oferecida sobre eles – generosa para o ego do governante e ainda mais conveniente para a estratégia da deslealdade em curso.

Vamos por partes. Quando uma pesquisa oferece um índice de aprovação de governo, isto não quer dizer que os cidadãos estejam, necessariamente, de todo satisfeitos com ele. O dado, por si, não define um estado qualitativo, de entusiasmo.

O que na maior parte o dado indica – o cruzamento com outros é que determinará o percentual de aprovação efetiva – é que o cidadão considera haver no governo, face às circunstâncias, operosidade no enfrentamento dos problemas, o que é bom.

Explico melhor: índices genéricos de aprovação afirmam, mais do que adesão de massa, um estado de boa compreensão sobre a relação intencional: é o saldo entre esforço e dificuldade, propósito e circunstância, que está sendo (bem) medido ali.

Assim, é compreensível que o governo Cid Gomes, tão criticado por resultados pífios em Segurança, conte com aprovação – moderada ou decidida – de metade dos cearenses: o resultado é uma ponderação entre desempenho e circunstância.

O dado imediato mais revelador sobre a adesão ao governo é o percentual que o define como “ótimo”: ali está o cidadão que pede a palavra quando o governo é criticado nas rodas de bate-papo, que é onde a inclinação potencial se multiplica.

No caso do Ceará, pesquisa recente (Ibope) revela, no item, índice modesto para um governador que alega ter feito em sete anos o dobro do que foi realizado em doze por quem ele considera(va) “o maior político vivo do Ceará”. Conta esquisita.

Não supera a faixa de 5%, o percentual “ótimo” de cearenses que reconhecem o “grande salto” que Cid Gomes imagina ter dado no estado. Se for mesmo para comparar, o fato é: Tasso Jereissati fechou o sétimo ano com o dobro mais dois.

Como não era homem de consensos, mas forte de temperamento e excludente nos métodos, o ex-governador obtinha, por outro lado, índice mais elevado de rejeição do que o indicado agora para um governo que não tem o PT nos calcanhares.

Se o governador está tão convicto de que realiza extraordinária obra, há muito a ser avaliado: em 26 anos (1987-2013), não recordo pesquisa que tenha colocado uma gestão cearense em décimo lugar na avaliação dos governadores brasileiros.

Os cinco mandatos do ciclo tucano – Tasso, Ciro, Tasso, Tasso e Lúcio – nunca frequentaram a faixa intermediária da lista: estavam sempre entre os cinco melhor avaliados. Mas talvez incomode ao governador investigar as razões de tudo isso…

O que muito favorece a Cid Gomes na perspectiva de sua sucessão é que, baseado numa margem ampla de aceitação (aprovação moderada), e poderosos apoios eleitorais, seu candidato é potencialmente favorito em quadro semelhante ao atual.

Digo em “quadro semelhante ao atual” porque 2014 é movediço: a Copa do Mundo, já se viu, poderá acionar forças a princípio antagônicas, de ufanismo e indignação, combinadas numa equação ainda não formulada pela realidade. Até lá, veremos.

Como não se sabe ainda a direção e a força dos ventos adiante, ninguém deveria se julgar de fato seguro sem bom calado e quilha profunda. Quem prometeu o “grande salto” ficará satisfeito se der pelo menos um passo adiante, fazendo o sucessor.

* Ricardo Alcântara, 

Publicitário e poeta.

Hospital Infantil Albert Sabin vai integrar Rede Universitária de Telemedicina

albert abin
Serão inaugurados, na próxima quarta-feira, dois novos núcleos da Rede Universitária de Telemedicina (Rute), projeto coordenado pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e integrado ao programa Telessaúde Brasil Redes. Os beneficiados serão o Hospital Federal de Bonsucesso (HFB), no Rio de Janeiro, e o Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS). 
A iniciativa possibilitará o desenvolvimento da educação e da pesquisa, além de facilitar a atenção à saúde no país, estimular a gestão e os procedimentos de avaliação à distância. A cerimônia de inauguração conjunta, prevista para as 10 horas (horário de Brasília), terá início no Hospital Federal de Bonsucesso e será transmitida por videoconferência para que os núcleos da Rute já existentes e convidados participem em tempo real.

Prefeitura de Fortaleza anuncia reajuste de 5,70%. Professores receberão diferenciado

O secretário Phillipe Nothingham, do Planejamento, Orçamento e Gestão de Fortaleza, anunciou, nesta segunda-feira, durante coletiva, que o reajuste salarial dos servidores municipais será de 5,70%, o que corresponde ao IPCA.

Já os professores deverão ter aumento diferenciado.  A categoria luta nacionalmente por reajuste de 19%.

O reajuste é a partir de janeiro de 2014. Esse aumento, de acordo com a Sepog, vai gerar R$ 49 milhões a mais no valor que a lei orçamentária 2014 estabelece para pagar a folha de pagamento. Ou seja, a ordem é apertar o cinto financeiro.

Reajuste da gasolina pressiona segunda prévia da inflação de dezembro

“O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) teve alta de 0,75%, na segunda prévia de dezembro, ante 0,72%, na apuração anterior. O cálculo, feito pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getúlio Vargas (FGV), mostra que quatro dos oito grupos pesquisados apresentaram acréscimos com destaque para o de transportes (de 0,28% para 0,67%).

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) calcula a inflação pelo reajuste de preços de um conjunto fixo de bens e serviços componentes de despesas habituais de famílias com nível de renda situado entre 1 e 33 salários mínimos mensais. Sua pesquisa de preços se desenvolve diariamente, cobrindo sete das principais capitais do país: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Porto Alegre e Brasília.

A versão semanal do IPC – denominada IPC-S – segue metodologia de coleta quadrissemanal, com encerramento em datas pré-estabelecidas (7, 15, 22 e 31). Apesar de a coleta ser semanal, a apuração das taxas de variação leva em conta a média dos preços coletados nas quatro últimas semanas até a data de fechamento. A elevação divulgada hoje, correspondente a 0,75%, foi provocada pelo reajuste da gasolina (de 0,61% para 2,17%). Esta elevação está embutida no grupo de transportes (que subiu de 0,28% para 0,67%).”

(Agência Brasil)

Sucessão 2014 – Aécio Neves conversará com empresários no Rio

“Aécio Neves  conversará hoje à noite com empresários no Rio de Janeiro, num encontro organizado por Armínio Fraga.

Na semana passada, houve um evento semelhante em São Paulo. E, na anterior, um em Brasília.”

(Coluna Radar – Veja Online)

DETALHE – Nesta terça-feira, em Brasília, Aécio comandará reunião da executiva nacional do PSDB. Na condição de presidente nacional do partido, tratará de eleições 2014, pois também é presidenciável.

Zezinho e Eunício em clima de chapa 2014?

eunize

Zezinho e Eunício em papo descontraído.

Chegaram juntinhos ao Centro de Eventos, nesta manhã de segunda-feira, o senador Eunício Oliveira, governamentável do PMDB, e o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, um dos governamentáveis do PROS.

Eles ganharão homenagem, ao lado do governador Cid Gomes (PROS), dentro do ato que marca o lançamento do programa em comemoração aso 60 anos do Tribunal de Contas do Municípios (TCM).

Houve quem indagasse, ao ver os dois em papo animado: “Será a chapa?” Resta saber quem seria o postulante.

(Foto – Cláudio Barata)