Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Custo da construção sobe 0,28% em abril

O Índice Nacional de Custo da Construção–M (INCC-M), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), teve alta de 0,28% em abril, taxa acima do resultado de março: 0,23%. O índice acumula taxas de inflação de 0,93% no ano e de 3,84% em 12 meses.

O INCC-M relativo a materiais, equipamentos e serviços teve variação de preços de 0,40% em abril. Os materiais e equipamentos registraram inflação de 0,35%, enquanto os serviços variaram 0,61% no período. Individualmente, os itens que mais influenciaram a inflação foram os projetos (1,48%), vergalhões e arames de aço (1,26%) e cimento Portland comum (1,12%)

Já o índice referente à mão de obra teve inflação de 0,18% em abril. Individualmente, o item que mais influenciou a inflação foi o ajudante especializado, cujo custo de contratação cresceu 0,16%.

(Agência Brasil)

Ministro vem abrir a Semana do Trabalhador no Ceará

O ministro Helton Yomura (Trabalho e Emprego) abrirá, dia 30 próximo, pela manhã, na sede da Superintendência Regional do Trabalho, em Fortaleza, a Semana do Trabalhador no Ceará.

A informação é do titular da SRT/CE, Fábio Zech, adiantando que no dia 1º de Maio, haverá uma série de eventos e  prestação de serviços no Shopping RioMar Kennedy.

(Foto – MTE)

E por falar em economia criativa…

Com o título “Criatividade e negócios”, eis artigo do superintendente estadual do Sebrae, arquiteto Joaquim Cartaxo. Ele destaca a economia criativa como valor para a economia. Confira:

Estamos vivendo a era do conhecimento, onde o talento e a criatividade se configuram em ativos cada vez mais importantes no âmbito do mundo dos negócios. Uma nova economia vem se consolidando a partir de modelos de negócio ou gestão que se originam em atividades, produtos ou serviços desenvolvidos a partir do conhecimento, criatividade ou capital intelectual de indivíduos com vistas à geração de trabalho e renda.

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), todas estas atividades baseadas no conhecimento e produção de bens tangíveis, intelectuais e artísticos, com conteúdo criativo e valor econômico, integram a chamada “Economia Criativa”. Para a Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD) estas indústrias criativas se dividem em quatro grandes grupos: patrimônio, artes, mídia e criações funcionais.

Diferentemente da economia tradicional, a economia criativa foca no potencial individual ou coletivo para produzir bens e serviços criativos. Esta nova economia gera cerca de US$ 8 trilhões por ano no mundo, representando de 8 a 10% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial. Em nosso País, a área criativa gerou uma riqueza de R$ 155,6 bilhões para a economia brasileira em 2015, segundo o Mapeamento da Indústria Criativa no Brasil, publicado pela Federação da Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) em dezembro de 2016.

Entretanto, produtores e empreendedores que atuam no mercado dos negócios criativos no Brasil ainda precisam desenvolver a sustentabilidade de seus empreendimentos, adquirir independência dos recursos do Estado, profissionalizar a gestão e buscar a longevidade de seus negócios.

Tão importante quanto o talento e a criatividade é a necessidade de se desenvolver competências para gerir o empreendimento de um modo que gere um fluxo de receitas constante e autônomo, visando a sustentação a médio e longo prazos. São estas competências que ajudarão os empreendedores a transformar a habilidade criativa natural em ativo econômico e recurso para o desenvolvimento de negócios duradouros.

*Joaquim Cartaxo

cartaxojoaquim@bol.com.br

Arquiteto urbanista e superintendente do Sebrae Ceará.

Na SDA, o PT já é de casa…

Francisco de Assis Diniz trocou a presidência regional do PT pelo cargo de secretário estadual do Desenvolvimento Agrário. A posse dele ocorrerá nesta sexta-feira, a partir das 9 horas, no auditório da SDA, e contará com as presenças do deputado federal José Nobre Guimarães, do deputado estadual Dedé Teixeira e da presidente do Instituto Agropolos, Ana Teresa.

De Assis Diniz já reuniu a equipe da SDA e até entregou sistemas de abastecimento d’água, ao lado do chefe da Casa Civil, Nelson Martins, em Amontada.

Nas próximas sexta-feira (27) e sábado (28), o secretário De Assis vai entrega sistemas de abastecimentos d’água em Capistrano, Baturité, Caririaçu e Porteiras.

(Foto – SDA)

Ministro promete ao governador a retomada da obra da transposição para o mês de maio

O governador Camilo Santana (PT) esteve, nesta manhã de quarta-feira, em Brasília, em audiência com o ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua Andrade.

No encontro, tendo ao seu lado o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB), e o secretário estadual dos Recursos Hídricos, Francisco Teixeira, Camilo cobrou a retomada das obras da transposição das águas do rio São Francisco, no Eixo Note, que beneficia o Ceará.

O ministro garantiu que o novo consórcio assumirá o empreendimento, a partir de maio e que a ordem é dar celeridade ao projeto. Dentro dessa meta, haverá três períodos de trabalho. O consórcio tem à frente a Ferreira Guedes, quarta colocada na licitação e que assumiu porque demais consórcios não cumpriram o contrato.

(Foto – Divulgação)

Rodrigo Maia diz que projetos de crédito suplementar terão restrição na Câmara

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse hoje (25), em Brasília, que haverá dificuldades para o plenário votar projetos de lei do governo federal que pedem abertura de crédito suplementar com a transferência de recursos de alguns ministérios e projetos de estados para a conta da União. Dois projetos de lei que estão na pauta da sessão do Congresso Nacional de hoje somam mais de R$ 4,4 bilhões de recursos a serem remanejados entre as pastas da União e cancelados em alguns estados.

Novo relator, deputado Rodrigo Maia, faz leitura do texto no plenário da Câmara dos Deputados que realiza sessões esta semana para análise e votação da reforma política (Wilson Dias/Agência Brasil)
Rodrigo Maia disse que projetos enfrentarão dificuldades na Câmara (Arquivo/Wilson Dias/Agência Brasil)
Segundo as propostas, o governo pede o cancelamento de projetos não obrigatórios de ministérios, como Integração e Cidades, bem como de ações da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf), entre outros de alguns estados em favor das contas previdenciárias e programas previstos na Lei Orçamentária de outras pastas.

Ao chegar à Câmara para participar da sessão solene em homenagem póstuma ao ex-presidente da Câmara, Luís Eduardo Magalhães, Rodrigo Maia disse que os projetos enfrentarão “restrição” na Câmara e que não há condições de votar a matéria sem entender as motivações das transferências dos recursos.

Argumentação

“Nós estamos com dificuldade para votar o PLN [projeto de lei do Congresso Nacional] do governo hoje. Ele tira quase R$ 500 milhões da Bahia, quase R$ 400 milhões do Rio e do jeito que ele está não vai ter sessão no Congresso. Nós não vamos ter condição de aceitar o PLN do jeito que está colocado, tirando dinheiro dos estados, tirando dinheiro dos ministérios e colocando numa conta que vai ser controlada exclusivamente pelo governo. Do jeito que está o PLN, é muito difícil a Câmara avançar com ele”, disse.

O presidente da Câmara afirmou ainda que tem a intenção de abrir a sessão deliberativa do plenário da Câmara antes da sessão do Congresso e que vai conversar com o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB-CE), para tratar da pauta, que pode ser analisada em sessão mista de senadores e deputados hoje à tarde.

Rodrigo Maia reiterou que pretende avançar hoje na votação do projeto do Cadastro Positivo, apesar da obstrução de alguns partidos. O projeto, que prevê a adesão automática dos consumidores adimplentes ao cadastro, está pautado há várias semanas, mas não passou da fase de discussão devido ao questionamento de algumas bancadas com relação ao sigilo de dados dos consumidores e por causa da insegurança jurídica que a exposição das informações poderia causar.

(Agência Brasil)

Economistas cearenses reduzem otimismo sobre o País

A pesquisa Índice de Expectativas dos Especialistas em Economia (IEE), realizada pela Federação do Comércio do Ceará (Fecomercio) e Conselho Regional de Economia (Corecon),  revela, na sua vigésima quarta edição, uma piora na percepção dos analistas sobre o comportamento das variáveis econômicas capturadas pelos três índices: de percepção geral (112,1 pontos), presente (113,4 pontos) e futura (110,9 pontos). De acordo com o levantamento, a interrupção das reformas econômicas e a dinâmica política do País impactaram negativamente as expectativas dos agentes econômicos consultados.

Os analistas revelaram otimismo em apenas cinco das nove variáveis investigadas: evolução do PIB (170,2 pontos), nível de emprego (139,4 pontos), cenário internacional (137,7 pontos), oferta de crédito (127,5 pontos) e taxa de juros (112,7 pontos).

Em relação à pesquisa anterior, os analistas revelaram pessimismo com um número maior de variáveis, quatro: taxa de inflação (99,2 pontos), taxa de câmbio (80,1 pontos), salários reais (77,1 pontos) e gastos públicos (65,3 pontos), que pela primeira vez apresentou a menor pontuação entre as nove variáveis.

A pesquisa, de periodicidade bimestral, colheu no período março a abril as expectativas de 138 especialistas em economia. A amostra reúne profissionais dos mais diversos setores da economia cearense: indústria, agricultura, setor público, mercado financeiro, comércio e serviços. Economistas, empresários, consultores, executivos de finanças, professores universitários, pesquisadores, analistas e dirigentes de entidades diversas contribuíram com suas percepções.

Tasso discute com Zé Airton regulamentação do seguro defeso

Diferenças políticas à parte, o senador Tasso Jereissati (PSDB) recebeu, nesta manhã de quarta-feira, em seu gabinete em Brasília, o deputado federal José Airton Cirilo (PT), vereadores e representantes do setor pesqueiro cearense.

Na ocasião, foi discutida a regulamentação do seguro defeso, considerado uma compensação importante para milhares de famílias e pescadores do Ceará.

(Foto – Divulgação)

Camilo muda parte do secretariado, mas não mexe em time que estaria ganhando

Ao optar por Roger Mendes como titular da Secretaria da Educação do Estado, o governador Camilo Santana (PT) sinalizou que não mexeria no que lhe tem dado bons resultados: a Educação.

Mendes, bom destacar, era o adjunto do então titular da pasta, Idilvan Alencar, que deixou o governo em busca do sonho de virar deputado federal pelo PDT.

(Foto – Divulgação)

 

Cagece informa para Blog que mandou equipe verificar problemas em residencial do Jangurussu

A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) mandou nota para o Blog sobre problemas no abastecimento de água de alguns blocos do Residencial José Euclides, no Jangurussu. Confira:

Caro jornalista Eliomar de Lima,

Sobre o abastecimento de água no Residencial José Euclides, no bairro Jangurussu, a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) informa que equipes técnicas encontram-se no local para verificar a ocorrência de falta d’água.

A companhia informa ainda que realiza hoje (25) verificação das ligações de água dos apartamentos com reclamações de desabastecimento, a fim de identificar possíveis obstruções. Além disso, a Cagece também realiza aferição das pressões da água na rede de distribuição da área para, se for o caso, realizar ajustes operacionais de pressão na rede.

Para qualquer reclamação ou solicitação, a população pode entrar em contato com a companhia pelos canais de atendimento disponíveis, como a Central de Atendimento (0800.275.0195), o aplicativo Cagece Mobile (disponível para Android e iOS) ou por meio do chat online, no portal da Cagece (www.cagece.com.br).

Cagece

Ceará é líder no País na exportação de sutiã

No primeiro trimestre deste ano, o Ceará foi o maior exportador de sutiãs e bustiês do Brasil. Vendeu US$ 204,1 mil, informa estudo do Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

Foi um bom resultado num cenário onde as exportações cearenses do setor de confecção registraram queda de 4%.

No primeiro trimestre deste ano em comparação com 2017, foi atingida a marca de US$ 741,8 mil. Já as importações apresentaram crescimento em relação ao ano anterior de 77,5%.

Maloucos, o Dragão e o elefante

239 1

Com o título “Maloucos, o Dragão e o elefante”, eis artigo de Pauilo Linhares, presidente do Instituto Dragão do Mar. Ele aborda a miscelânea cultural chamada Maloca Dragão. Confira:

Começou a 5ª edição da Maloca Dragão. Mas o que é mesmo essa Maloca? Antes, é preciso dizer que é ação estratégica de uma política de cultura. Política cultural no Brasil parece muito com futebol: todo mundo acha que sabe muito, mas sabe uma parte. A parte que lhe toca. Ou não toca.

Lembra a metáfora do príncipe que chamou um grupo de cegos de nascença e os reuniu para que apalpassem um bicho e dissessem o que era? Cada qual disse o que tinha tocado. Orelha. Tromba. Pata. O príncipe disse que juntando a experiência de todos daria um elefante.

A Maloca é um festival de artes que celebra o aniversário do Dragão do Mar. A importância dela para nossa política cultural é porque, nesses seis dias (24 a 29/4), fazemos um balanço do que produzimos, pensamos, criamos na arte cearense e trazemos as tendências no Brasil.

Também trazemos os mais importantes diretores de festivais do País e do mundo para conhecerem nossos artistas. É o Conexões, com convidados de França, Suíça, Chile e Portugal, além dos brasileiros.

Tem homenagem a um grande artista cearense: Sérvulo Esmeraldo, o mestre da arte cinética. Os destroços da obra Femme Bateau serão apresentados com a assinatura da ordem de serviço de restauração e prévia de exposição que virá em maio.

Tem ainda a Maloca Futuro, rede de escolas criativas do Instituto Dragão do Mar, com cursos gratuitos no Porto Iracema das Artes, Centro Cultural Bom Jardim, Escola Thomaz Pompeu Sobrinho, Escolas de Gastronomia Ivens Dias Branco e Estação das Artes, Centro de Formação Olímpica e Theatro José de Alencar. São 50 mil matrículas este ano. É a mais efetiva política de formação para o novo mundo da economia da cultura no Brasil.

Num país onde política e gestão pública são vistas como atividade vil, degradada, feita por organizações perversas, temos no governo Camilo a mais ousada, séria e transformadora política de cultura para jovens no País.

Anos atrás, alguns disseram que o Centro Cultural seria um elefante branco.

O Dragão tem hoje 1,8 milhão de visitantes por ano, a maioria jovens. Acho que ele é vermelho.

Alguns dizem ainda que o povo da cultura é um bando de malucos. Já somos 9,6% do emprego formal no Ceará em curso crescente, enquanto o emprego industrial cai.

A Maloca é portanto um punhado de “maloucos” que enfrentam as águas paradas do conservadorismo dominante..

*Paulo Linhares

paulolinhares@dragaodomar.org.br

Presidente do Instituto Dragão do Mar.

PSB quer Joaquim Barbosa anunciando candidatura até junho

Dirigentes do PSB querem convencer o ex-ministro Joaquim Barbosa (STF) a lançar sua pré-candidatura a presidente da República até junho. É o que informa a Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quarta-feira, adiantando que seria uma tentativa de impulsionar a costura de alianças.

Mas esses mesmos pessebistas admitem que podem rever o lançamento do ex-presidente do Supremo até julho, caso consolidem frente de esquerda sem o PT.

(Foto – Bruno Poletti/Folhapress)

Celular de Eduardo Cunha vai passar por perícia

O juiz federal Sergio Moro autorizou a perícia técnica no aparelho Blackberry usado pelo ex-deputado federal Eduardo Cunha. Feito pela defesa do ex-deputado, o pedido tem como objetivo verificar a autenticidade do material ali encontrado. A informação é da Coluna Radar, da Veja Online.

Segundo a força-tarefa da Lava-Jato, Cunha usava o aparelho para operar esquemas de propina. Isso porque a Blackberry usa tecnologia mais difícil de ser invadida.

Entre as mensagens encontradas estão conversas com o ex-presidente de Fundos da Caixa Econômica, Fabio Cleto.

Na conversa, Cleto afirma que Cunha desviava recursos do FGTS e, só neste esquema, teria levado R$ 30 milhões.

Heitor Férrer entra com ação popular contra nomeação de Hélio Parente

O deputado estadual Heitor Férrer (SD) deu entrada, na Vara da Fazenda Pública Estadual, numa ação popular contra a nomeação de Hélio Parente, conselheiro em disponibilidade do extinto Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), para o cargo de Assessor de Assuntos Internacionais do Governo. Parente entrou no lugar do deputado federal Antônio Balhmann (PDT), que se descompatibilizou para postular reeleição.

Férrer pede na ação que seja imediatamente sustada a nomeação do conselheiro por atentar contra a moralidade administrativa. Ele alega que Hélio Parente, como conselheiro em disponibilidade, está sujeito a todos os impedimentos impostos ao cargo como se na ativa estivesse, visto que recebe o subsídio vitalício de conselheiro e mantém todas as prerrogativas equiparadas às de um desembargador.

A Constituição Federal veda ao conselheiro do Tribunal de Contas do Estado exercer, ainda que em disponibilidade, outro cargo ou função, além de uma de magistério, adianta Heitor Férrer.

Dólar opera em alta e chega a R$ 3,50

O dólar opera em alta ante o real nesta quarta-feira (25), pelo 5º pregão consecutivo, e bateu R$ 3,50, influenciado pelo movimento externo em mais um dia de alta do rendimento dos títulos do Tesouro dos Estados Unidos e temores de que o ritmo de aumento de juros na maior economia do mundo pode ser mais forte que o inicialmente projetado e atrair para lá fluxos globais.

Às 9h36min, a moeda dos EUA subia 0,80% frente ao real, a R$ 3,4957. Mais cedo, chegou a R$ 3,5067. A última vez que a divisa fechou acima de R$ 3,50 foi em 3 de junho de 2016, quando encerrou a sessão a R$ 3,5244 na venda.

Na véspera, o dólar fechou em alta de 0,48%, a R$ 3,4681 na venda, renovando o maior valor desde o dia 2 de dezembro de 2016 (R$ 3,4716).