Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Ciro e Romário defendem PSB disputando a Presidência da República em 2014

125 9
“Depois de um bom resultado no primeiro turno em Recife e Belo Horizonte, onde derrotou candidatos do PT, o deputado federal Romário (PSB-RJ) e o ex-ministro Ciro Gomes defenderam, na noite desta quinta-feira (25), que o PSB lance candidatura própria a Presidência em 2014 contra a reeleição de Dilma Rousseff (PT). Os dois políticos participaram de comício ao candidato a prefeitura de Fortaleza, Roberto Cláudio  (PSB), que tem disputa acirrada com Elmano de Freitas  (PT) na capital cearense. Segundo todas as pesquisas, os dois candidatos estão em empate técnico.
Grande estrela da noite, Romário não fugiu ao seu estilo e, sem se esquivar de questionamentos, afirmou que as eleições de 2012 mostram que os socialistas têm cacife para disputar uma Presidência daqui a dois anos. “A gente demonstrou isso nessa eleição, com a votação de prefeitos e vereadores. Estou tranquilo, como socialista, de que o meu PSB tem total força e capacidade para se apresentar com candidato à Presidência em 2014”, afirmou o “Baixinho”, em meio a um autógrafo e outro na chegada ao comício.
O deputado federal alegou que a bola da vez será o presidente nacional da legenda, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.
“Tenho certeza [que ele está pronto para ser presidente]. É um um político que vem se preparando, sendo respeitado e que hoje o Brasil reconhece como o grande nome da política nacional, por que não? Acredito que tudo que ele vem fazendo nos últimos anos, como governador de Pernambuco, por exemplo, é importante. Ele foi o eleito com mais de 82% de votos e vem ajudando a muitos outros estados”, afirmou.
Segundo Romário, a disputa com o PT é benéfica para o país e deve ser tratada com uma disputa de ideias. “Acho que toda a disputa política é saudável e só tende a ser boa para o brasileiro. Temos uma presidente do PT, a qual nosso partido, principalmente por meio do nosso presidente [Eduardo Campos, governador de Pernambuco], ajudou muito nesses últimos anos. Nós somos o partido que mais vem crescendo no país. Existe uma briga [com o PT], mas o mais interessante é que são partidos que se respeitam, são dois partidos que têm o mesmo ideal: servir a população”, disse.”
(Portal Uol)
COPA 2014
Mas Romário também falou sobre obras da Copa 2014. Ele chegou a classificar a Prefeitura de Fortaleza de incompetente para concluir as obras da competição mundial. “Estamos a[i com um estádio pronto, mas infelizmente muitas pessoas não vão poder nem chegar nele, por falta de competência da Prefeitura em ter feito sua obrigação, que são as obras de mobilidade”.
Sobre a crítica, o coordenador de Projetos Especiais da Copa, Geraldo Accioly respondeu que só poderia  comentar essas declarações de Romário após ele fazer o teste do bafômetro. Aludiu, no caso, ao fato do ex-atleta teria sido flagrado no Rio de Janeiro dirigindo embriagado.

Que tal transformar seu óleo de frituras em santos óleos?

Na fachada da Catedral Metropolitana de Fortaleza, há uma faixa estampada.

Trata-se de uma campanha do Centro de Convivência Dom Hélder Câmara, que precisa de apoio. Diz o apelo” “Doe óleo de fritura e salve o planeta”.

A entidade, situada na rua São Paulo, nº 500 (Centro), recicla esse óleo, vende para a Petrobras e o que arrecada, reverte em ação social.

SERVIÇO

Mais informações – 86398746

Mauro Benevides espera que fiquem lições do processo do Mensalão

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=l16ytOrQQNI&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=3&feature=plcp[/youtube]

O deputado federal Mauro Benevides (PMDB) já está em Fortaleza para participar dos últimos atos da campanha de Roberto Cláudio (PSB/PMDB) e, claro, votar no próximo domingo. Mauro deu entrevista no aeroporto Pinto Martins quando falou sobre Mensalão e pesquisas eleitorais.

Icapuí realizará seu primeiro festival de gastronomia

Vem aí o I Festival de Gastronomia de Icapuí. Será na praia de Tremembé, no período de 1º a 4 de novembro, com palestras, oficinas, encontros enogastronômicos, harmonizações e concursos, apresentações culturais, jazz e shows com Chico Pessoa e Ítalo e Renno. A promoção é da Associação Brasileira de Arte e Cultura (ABAC), em parceria com a Prefeitura de Icapuí, e terá programação gratuita. O evento espera reunir cerca de cinco mil pessoas e terá mais de 20 expositores.

O público poderá participar de cursos, palestras para o micro e pequeno empreendedor, sobre vinhos e harmonizacao, e encontros enogastronômicos (para convidados) coordenados por um sommelier da Associação Brasileira de Sommeliers (ABS). Os pratos serão preparados por reputados chefs, e um concurso gastronômico vai eleger o melhor prato e o melhor chef do Litoral Leste. O objetivo do Festival de Gastronomia é identificar as principais demandas relacionadas à cultura do pescado em Icapuí, estimulando e promovendo a geração de emprego e renda no município, por meio da potencialização dos aspectos culturais e artísticos da comunidade e de sua intercessão com o turismo.

A programação do festival inclui ainda concurso de cerveja no metro, apresentações de grupos de dança, oficinas de capacitação culinária, palestras sobre empreendedorismo, workshop de artesanato, Pôr do sol com “Brancos e Lagostas”. Além de Chico Pessoa e Ítalo e Renno, as atrações musicais incluem as bandas Base, The Clapton, Lapada Louca e apresentação de jazz com o grupo Jazera Trio e David Almeida de Guaramiranga.

 

 

Uma história bem política de Branca de Neve e os 7 Anões

741 3

Com o título “Branca de Neve e os 7 anões eleitorais”, eis artigo do jornalista e professor Francisco Bezerra. Ele analisa, pós- resultados do primeiro turno, o que restou de capital político dos candidatos derrotados. Confira essa “fábula” analítica do processo sucessório na Capital:

A estatura é a dimensão, é o tamanho físico que algo ou alguém ocupa no espaço. A estatura também pode dimensionar o abstrato, o subjetivo, o imaterial, como por exemplo, a moral humana. Sobre o intangível sublinhe-se o sonho como fonte espiritual, ou combustível para a construção de projetos coletivos ou individuais. Desta faculdade humana nascem os mitos, os arquétipos como expressão da capacidade do homem de se diferenciar dos outros seres vivos. Penso, logo existo, frase proferida por René Descartes, filósofo e matemático francês, ao duvidar da sua própria existência eleva a capacidade do homem de urdir proposições e articular sentenças que, muitas vezes, expressam o quão rico é o universo da mente.
Mas não é de filosofia que pretendemos tratar neste espaço democrático que é o blog da Maura. À guisa apenas de introdução ao tema que iremos nos ater, a abordagem é muito mais uma metáfora sobre o que discorreremos, sobretudo os mitos que sombreiam o percurso histórico do ser humano. Com efeito, trataremos do resultado eleitoral de Fortaleza em seu primeiro turno.

Por que “Branca de Neve e os sete anões” ilustram este artigo, hão de me perguntar possíveis leitores? A ilustração acima realça o mito Branca de Neve, a princesa frágil e bela, vítima da inveja da madrasta má. Há também o lado mitológico da beleza física a encantar e despertar paixões e desejos. Há, e o desejo como diz o poeta Belchior é fonte de sofrimento. A madrasta desejava ser a princesa, o principie que a despertou de sono profundo causado pelo feitiço desejava ter Branca de Neve.

Na política, os atores sociais desejam os cargos, as posições que os alcem a patamares de proeminência na vida pública. Mas nem sempre eles têm os eleitores para tal desiderato. Desse modo, dez distintos senhores se engalfinharam numa disputa eleitoral pelo poder máximo municipal: o cargo que Luizianne Lins ocupa desde 2005. Neste difícil vestibular eleitoral, só dois disputam o podium em outra etapa chamada segundo turno. Promessas, propostas, programas de governo, debates, acusações, enfim, uma parafernália de marketing político que compõe o inferno de Dante em que se transformaram as eleições em todos os níveis.

A princesa bela e charmosa tem orçamento gordo e muitos cargos para distribuir pelo partido que arrebatá-la entre os seus e os partidos que o apoiarem em frenética busca. O objeto do desejo serve também de trampolim para disputas maiores, dai a guerra declarada entre os competidores que entram no vale tudo. São os fins justificando os meios e os meios levando aos fins. Esta é a lógica perversa dos protagonistas da arena política em que não apenas os cristãos são jogados aos leões. Muito mais gente tem a reputação por vezes triturada, as vestes da honra arrancadas, a reputação sangrada e a popularidade arrasada em público. Poucos são os que saem desta carnificina intactos.

Na batalha do primeiro turno, identificamos três segmentos distintos entre os disputantes do coração da “princesa”. O primeiro segmentos é o dos vencedores: os dois candidatos que chegaram ao segundo turno. O segundo é o dos candidatos que não chegaram lá, mas mostraram potencial de votos e se cacifam para disputas futuras, além de virarem peça de cobiça dos que ficaram para a grande final. O terceiro segmento é o dos competidores das sombras da floresta, onde a madrasta má faz sortilégios contra a indefesa presa de sua ambição. São os chamados anões eleitorais, aqueles que obtiveram votação tão pífia que não se vislumbra futuro promissor em suas carreiras na política. Diferentemente dos de baixa estatura da história da Branca de Neve, estes são vistos com desconfiança por arte do distinto público.

E já que falamos em estatura moral, intelectual e física é bom que se diga que houve candidato que entrou supostamente grande no processo e saiu minúsculo, quase invisível a olho nu. Houve quem mudasse de cor e de símbolo. O povo humilhou os trânsfugas. Os incoerentes vão deglutir a maçã envenenada da vilã e cairão em ostracismo, onde a escuridão das urnas os jogou.
Como uma disputa eleitoral não é nenhum conto de fadas ou mitologia, ficam os ensinamentos para todos: políticos, partidos, eleitores e sociedade. A realidade é bem mais dura, às vezes cruel, com os atores do mundo político.

* Francisco Bezerra,

Professor e Jornalista. 

Datafolha/O POVO – 41% dos indecisos admitem Elmano e 26% admitem Roberto Cláudio

129 5

“O candidato do PT a prefeito de Fortaleza, Elmano de Freitas (PT), larga na frente na disputa pela preferência dos 9% de eleitores indecisos, que poderão definir a eleição em Fortaleza. Considerado esse universo dos que ainda não sabem em quem votar, 41% informaram que o petista teria mais chances de receber seu voto, segundo pesquisa O POVO/Datafolha. A preferência por Roberto Cláudio (PSB) foi manifestada por 26% dos fortalezenses entrevistados na mesma consulta.

Já entre os que já declaram intenção de voto, 91% se dizem totalmente definidos, enquanto os que ainda admitem mudar o voto somam 7%. Embora o percentual seja baixo, os indecisos e os votos ainda passíveis de mudança serão determinantes para o resultado de uma eleição na qual a diferença entre os dois concorrentes é de apenas um ponto percentual – 42% para Elmano e 41% das intenções de voto para Roberto Cláudio, segundo o Datafolha.
O nível de definição praticamente não varia entre ambos os competidores. São 93% dos eleitores tanto do postulante do PT quanto do PSB que se declaram totalmente decididos.  também igual é o percentual dos que ainda admitem mudar o voto: 6%. A diferença em relação ao percentual total se deve aos que declaram voto em branco, nulo ou em nenhum dos dois.”(O POVO)

Arrecadação federal cresce em setembro

“A arrecadação federal em setembro ficou em R$ 78,215 bilhões, com alta de 1,08%, descontada a inflação oficial pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), na comparação com o mesmo período do ano passado. No acumulado de janeiro até setembro deste ano, a arrecadação federal totalizou R$ 751,791 bilhões, com crescimento de 1,19%, também levando em conta o IPCA e em comparação com igual período de 2011.

De acordo com a Receita Federal, a alta na arrecadação deve-se principalmente ao pagamento de débitos em atraso e à antecipação de parcelas de dívidas do parcelamento especial previsto na Lei n° 11.941/2009. A redução na lucratividade das empresas em relação ao ano de 2011 impediu um crescimento mais expressivo. Segundo a Receita, a arrecadação do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL) apresentou redução real de R$ 5,8 bilhões, com queda de 15,49% ante 2011.

A arrecadação vem perdendo fôlego e crescendo menos ao longo deste ano, o que levou o governo à revisão das previsões de crescimento. No mês passado, o governo reduziu a estimativa de crescimento no volume arrecadado de 1,5% a 2% na comparação com 2011. Antes, estava prevista alta de 3,5% a 4%.”

(Agência Brasil)

Prefeita vai inaugurar o primeiro CAPs Álcool e Drogas no regime 24 horas

200 9

Essa é do site da Prefeitura de Fortaleza:

A prefeita Luizianne Lins (PT) inaugura o primeiro Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps AD), com funcionamento 24 horas, nesta sexta-feira (26), em solenidade a partir das 15 horas. Localizado na Barra do Ceará, Secretaria Executiva Regional (SER) I, o equipamento amplia seu horário de atendimento para regime de plantão e passa a contar com 12 leitos de acolhimento integral para pessoas com dependência química. O Caps AD Airton Monte passou por reforma em sua estrutura física e recebeu nova
pintura, além de renovação das instalações elétrica e hidráulica. O local agora está com as salas climatizadas, sala de enfermagem com oito camas e espaço de repouso para os profissionais. Biblioteca, cozinha e refeitório também tiveram melhorias, assim como a sala de massoterapia.

Fortaleza já conta com um Caps Geral com atendimento 24 horas, que foi inaugurado em maio desse ano e funciona com 12 leitos para atendimento a pessoas com transtornos psiquiátricos. Nos últimos anos, a rede assistencial de saúde mental em Fortaleza passou por avanços significativos. O número de Caps saltou de três, em 2004, para 14 atualmente. Eles são divididos em seis Caps Geral, seis Caps Álcool e Drogas e dois Caps Infantil. Os 14 Caps atendem a mais de 14 mil pessoas por mês, garantindo cuidado humanizado, alimentação e vale-transporte. Com a ampliação do atendimento, o número de profissionais também aumentou de 54 para 482.

SERVIÇO

Local – Rua Hildebrando de Melo, 1110 – Barra do Ceará.

No HGF, apagão provoca problemas em uma ala de atendimento

184 5

“Quatro pacientes tiveram de ser transferidos de uma ala do Hospital Geral de Fortaleza (HGF) durante o apagão na madrugada desta sexta-feira, 26. Segundo o hospital, os geradores não suportaram a demanda e deixaram de abastecer alguns espaços.

O POVO recebeu a informação que o problema ocorreu na emergência da unidade. Um paciente foi transferido para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), onde o fornecimento de energia ficou estável, e outros três pacientes foram transferidos para a sala de recuperação. Uma pessoa da emergência morreu, mas, de acordo com a fonte, por morte encefálica. O estado de saúde dela já era grave.”

(POVO Online)

IBGE – Produção de grãos do País foi recorde em 2011

“Os produtos da safra brasileira de grãos – algodão herbáceo e arbóreo, amendoim, arroz, aveia, centeio, cevada, feijão, girassol, mamona, milho, soja, sorgo, trigo, triticale – registraram safra recorde em 2011, ao atingir 159,4 milhões de toneladas. O resultado significa crescimento de 6,8% em relação à safra de 2010 – que também havia sido recorde. Segundo dados da pesquisa Produção Agrícola Municipal (PAM), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), hoje (26), o valor de produção dos grãos ficou em R$ 94,7 bilhões – o equivalente a um aumento de 32,7% em relação a 2010.

São Paulo teve a participação relativa ao valor de produção reduzida, de 2010 para 2011, passando de 18,3% para 17,7%. Mais uma vez a queda foi motivada pelo maior valor da produção em outras unidades da Federação, como Minas Gerais, que, com 12,7% de participação, passou do quarto lugar para o segundo, e Mato Grosso (11%), que passou de quinto para quarto. Também na produção de grãos, Sorriso, em Mato Grosso, foi o município com maior valor da produção, com receita de R$ 1,9 bilhão.

A PAM 2011 constatou que, dos 5.565 municípios brasileiros de então, apenas 59 não informaram áreas de lavouras e somente 12 municípios apresentaram um único produto cultivado. Em contrapartida, o município com maior número de cultivos informou nada menos que 40 produtos. A pesquisa também verificou que a metade dos municípios brasileiros tem área cultivada inferior a 10% de sua superfície territorial e três quartos dos municípios apresenta intensidade agrícola inferior a 30%.

A Região Sul é a que apresenta maior intensidade agrícola. Metade dos seus municípios tem área cultivada que supera o equivalente a 34,5% de sua superfície. Depois, vem a Região Sudeste, com média de área cultivada calculada em 10,7% da superfície; o Nordeste, com 8,4%; o Centro-Oeste, com 4,5%; e a Região Norte, com 1,3%.”

(Agência Brasil)

Nenhum homicídio no Ceará é registrado durante o apagão, diz comandante

98 5

Nenhum homicídio foi registrado no Estado durante o período do apagão, que ocorreu das 23 horas de quinta-feira, se estendendo até por volta das 2h35min da madrugada desta sexta-feira.

A informação foi dada pelo Comandante da Polícia Militar do Estado, coronel Werisleik Matias, adiantando que, durante esse período, recomendou total estado de alerta a todo o efetivo.

O coronel Wersileik Matias informou que mandou reforçar a vigilância no entorno de agências bancárias e pontos comerciais abertos, determinando ainda que todas as viaturas policiais operassem com sirenes ligadas em vários momentos até para intimidar possíveis arrastões.

Apagão não prejudica operações do IJF-Centro

128 1

O Instituto Dr. José Frota, a maior emergência de traumas do Estado, operou sem problemas durante o apagão que se registrou, a partir das 23 horas de quinta-feira e que se estendeu até 2h30min desta sexta-feira.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital, os três geradores que atendem ao IJF-Centro conseguiram suprir a carência de energia, não se verificando problemas no atendimento nem na área de cirurgias.

* Imagens de transtornos provocados pelo apagão aqui.

Presidente da Infraero inspeciona obras do futuro terminal de passageiros do Pinto Martins

O presidente da Infraero, Gustavo do Vale, está inspecionando, nesta manhã de sexta-feira, as obras de ampliação e modernização do terminal de passageiros do Aeroporto Internacional Pinto Martins e que fazem parte do PAC da Copa 2014.

A visita não havia sido divulgada preliminarmente e pegou a todos da  superintendência estadual do órgão de surpresa.

Gustavo do Vale, que veio de Juazeiro do Norte onde inspecionou o aeroporto, seguirá, nas próximas horas, de Fortaleza para Salvador, que também conta com obras de modernização e de olho na Copa do Mundo.

(Foto – Paulo MOaka)

Consumidor tem 90 dias para reclamar aparelho danificado em apagão

O consumidor que tiver equipamentos danificados devido à falha no fornecimento elétrico deve procurar a distribuidora de energia em até 90 dias para pedir o ressarcimento. É o que determina a Agência Nacional de Energia Elétrica em uma de suas resoluções Se for verificado que o dano teve relação com a interrupção no fornecimento de energia, a distribuidora tem prazo de 45 dias corridos para ressarcir o consumidor.

Dentro desse prazo, a concessionária tem até 10 dias para vistoriar o equipamento, até 15 dias, após a inspeção, para comunicar o resultado do pedido e mais 20 dias para efetuar o ressarcimento em dinheiro, conserto ou substituição do equipamento.

Para eletrodomésticos usados na conservação de alimentos perecíveis, como geladeira e freezer, a vistoria deve ocorrer em até um dia útil, segundo a Aneel.

As distribuidoras devem atender o consumidor por telefone, internet ou pessoalmente. Se não houver atendimento satisfatório, o consumidor poderá recorrer à ouvidoria da Aneel pelo telefone 167 ou no site Aneel.”

(Com Folha Online)

Bompreço é condenado a indenizar cliente por abordagem indevida e segurança

“O Bompreço Supermercados do Nordeste Ltda. deve pagar indenização de R$ 12 mil por abordagem indevida de segurança. A decisão, proferida nessa quarta-feira (24/10), é da 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Conforme os autos, M.R.L. fazia compras com o filho, no Bompreço do bairro Papicu, em Fortaleza. Quando saíam do supermercado, foram detidos por segurança que alegou que a criança havia furtado chicletes.

A mãe negou que a criança tivesse pegado os produtos. O menino chegou a tirar a camisa para comprovar o fato, mas o segurança afirmou que o furto havia sido filmado. Por conta disso, M.R.L. e o filho ajuizaram ação requerendo indenização por danos morais. Alegaram que foram constrangidos em público. Na contestação, o Bompreço sustentou que houve o furto e que a abordagem ocorreu de maneira ponderada e discreta. Disse ainda que a confusão foi ocasionada pela consumidora, que perdeu a compostura.

Foi marcada audiência de conciliação, que restou frustrada. Na ocasião, foi solicitada a fita de vídeo para ser anexada ao processo. Em parecer, o Ministério Público do Ceará (MP/CE) desistiu da exibição da fita, “visto que restou demonstrada a inviabilidade de sua juntada aos autos, como também a sua inutilidade como meio de prova, uma vez que nela não continha o momento da eventual prática do constrangimento descrito nos autos”.

Em setembro de 2010, o Juízo da 20ª Vara Cível de Fortaleza condenou o supermercado a pagar R$ 6 mil a título de danos morais. Objetivando modificar a sentença, o Bompreço interpôs apelação (nº 0532484-69.2000.8.06.0001) no TJCE. A cliente também entrou com recurso, pleiteando a majoração da condenação. Ao relatar o caso, a juíza convocada Maria Gladys Lima Vieira destacou que, pela “análise do conjunto probatório dos autos, conclui-se pela ilicitude da atuação da empresa, consistente na abordagem pública e injustificada dos promoventes (mão e filho) sob acusação de furto, constrangendo-os perante todos os presentes”.

A magistrada votou pela majoração da indenização para se adequar às especificidades do caso. Com esse entendimento, a 4ª Câmara Cível negou provimento ao recurso da empresa e deu parcial provimento ao da consumidora, fixando em R$ 12 mil a reparação moral, sendo R$ 6 mil para cada.”

(Site do TJ-CE)

Incêndio em equipamento provoca apagão no Norte e Nordeste

86 2

“O incêndio em um equipamento entre as subestações de Colinas (TO) e Imperatriz (MA) foi a causa do desabastecimento de energia ocorrido na Região Nordeste e em parte do Norte do país, na madrugada de hoje (26). O problema ocorreu justamente na interligação entre os sistemas Norte-Nordeste e Sul-Sudeste.

Segundo informação da assessoria de imprensa do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o problema ocorreu pouco depois da meia-noite e demorou pouco mais de uma hora para ser resolvido. Portanto, por volta de 1h30 da manhã, a energia na linha principal já tinha sido restabelecida. No entanto, as distribuidoras de energia levaram mais tempo para restaurar a energia nas linhas secundárias.

Uma reunião de técnicos às 14h de hoje, na sede do ONS, no Rio, vai analisar mais profundamente o problema. Pela manhã, o assunto deve ser discutido em uma reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico, em Brasília.”

(Agência Brasil)

Apagão provoca vários engarrafamentos em Fortaleza

O efeito do apagão que atingiu o Nordeste ainda é sentido em Fortaleza. Nesta manhã de sexta-feira, vários engarfamentos em várias avenidas são registrados. Isso, porque os semáforos acabaram apagados ou desprogramados.

A AMC/Etufor informa, por meio do seu presidente, Ademar Gondim, ter convocado todo o contingente para amenizar tantos engarramentos.

O trabalho de reprogramação dos semáforos, de acordo com Gondim, deve levar certo tempo, o que exige também dos motoristas compreensão.

* Confira imagens de transtornos no trânsito aqui.

Datafolha/O POVO – 31% do eleitorado escolhe candidato a prefeito por falta de melhor opção

“Quase um terço dos eleitores de Fortaleza – 31% – escolheu o candidato a prefeito no segundo turno por falta de opção melhor, revela pesquisaO POVO/Datafolha. Os que, por outro lado, afirmam ter se definido por considerar o nome ideal são 67%. Nessa pergunta, a pesquisa desconsidera os que dizem votar em branco, os que declaram que irão anular, votar em nenhum e, também, os indecisos. Os dois concorrentes que chegaram ao segundo turno receberam, somados, 48,7% dos votos válidos. O que significa que mais da metade dos fortalezenses preferiram um dos oito competidores que ficaram fora do segundo turno.

Considerados os que manifestaram predileção em relação a cada um dos candidatos, aqueles que optam por Elmano de Freitas (PT) se mostram mais identificados com o nome que escolheram. O petista é considerado a alternativa ideal por 70% dos que se dizem seus eleitores, enquanto 27% dizem tê-lo escolhido apenas por falta de alguém melhor. Já entre os que preferem Roberto Cláudio (PSB), 64% o consideram o prefeito ideal para a cidade, enquanto 35% apontam ausência de opção melhor.

Preparo

Ao avaliar os 10 concorrentes que se lançaram à Prefeitura de Fortaleza, 64% dos eleitores consideram que eles deveriam ser mais preparados. Outros 30% acham que os postulantes estavam à altura do que a Capital precisa.

O Datafolha captou ainda a opinião dos fortalezenses acerca das propostas apresentadas ao longo da última campanha. Para 39% dos entrevistados pelo instituto, os competidores abordaram menos do que o esperado sobre os problemas do cotidiano da cidade. Outros 34% consideram que essas questões foram tratadas na medida certa. E houve ainda 22% para quem os postulantes trataram ainda mais que a expectativa dos problemas do dia a dia.

O Datafolha ouviu 1.279 eleitores de Fortaleza nos últimos dias 23 e 24 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi contratada pelo O POVO e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) com o número CE-00182/2012.”

(O POVO)

Governo gasta valores pífios em ferrovias, rodovias e hidrovias, protesta parlamentar

85 2

O deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB) anda criticando o governo federal pela morosidade em cumprir os orçamentos de ferrovias, rodovias e hidrovias, em prejuízo ao desenvolvimento do país. O tucano afirma que o mau planejamento e a incapacidade gerencial do Planalto são responsáveis pela precariedade da logística nacional. Até este mês, em nenhuma das áreas o governo conseguiu executar sequer a metade dos recursos previstos para o ano. Como se não bastasse, inúmeras obras estão paradas devido à detecção de falhas por órgãos de controle.

“Os gargalos da infraestrutura estão se acumulando há anos. Desde a época do ex-presidente Lula que observamos a falta de capacidade para garantir o que é essencial para escoar a produção e desenvolver o país, que só acontece com os investimentos em logística”, apontou o deputado.

Gomes de Matos afirma que os aportes em obras do setor de transportes deveriam ser uma prioridade, pois são meios de alavancar a economia e impedir a estagnação. Mas, segundo dados do Sistema de Administração Financeira (Siafi), a realidade é o completo menosprezo em relação a esses empreendimentos.