Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Secretário nacional dos Portos diz que 2012 foi bom para o setor

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Ckuq7L9IYeg[/youtube]

O ano termina bem para o setor portuário nacional, segundo o secretário dos Portos, Leônidas Cristino. Em clima de balanço, ele destaca o pacote de investimentos lançado recentemente pela presidente Dilma Rousseff para essa área e acrescenta detalhes sobre obras da Copa 2014.

Leitora denuncia onda de assaltos em ruas do Benfica

154 2

Da jornalista Eugênia Nogueira, recebemos a seguinte nota, em tom de apelo e desabafo:

Caro Eliomar de Lima,

Nós, que moramos na Rua Confucio Pamplona (Bairro Benfica), estamos APAVORADOS. Todos os dias acontecem assaltos, arrombamentos e roubo de carros. Não mais sabemos o que fazer.

Ontem, por volta das 20 horas, uma jovem teve seu carro levado por assaltantes que trafegavam de moto. Nesta manhã de segunda-feira, um carro foi arrombado e os marginais levaram tudo de dentro.

Virou ação constante dos marginais nessa via e no entorno. Quem pode nos ajudar?

Sem mais, de sua leitora

Eugênia Nogueira.

Pesquisa da CNI diz que empresários brasileiros estão menos otimistas

134 1

“O otimismo da indústria, medido pelo Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei), caiu 1 ponto em dezembro, atingindo 57,4 pontos, de acordo com pesquisa divulgada hoje (17) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Em novembro, o indicador havia marcado 58,4 pontos. O Icei varia de 0 a 100 pontos. De acordo com a metodologia usada, valores acima de 50 pontos indicam empresários confiantes. Em nota, a entidade atribui o resultado de dezembro ao “fim das encomendas de final de ano e à lenta recuperação da economia”.

Na comparação com dezembro de 2011, quando o índice ficou em 55 pontos, houve aumento de 2,4 pontos. A média histórica do indicador é 59,4 pontos. O índice de dezembro de 2012, portanto, ainda está abaixo desse patamar. Na indústria de transformação, o Icei diminuiu de 57,6 pontos em novembro para 56,4 pontos em dezembro. Em relação à indústria de construção civil, o índice de confiança caiu de 58,9 pontos para 58,7 pontos no período. Na indústria extrativa, o indicador ficou estável, ao subir de 58,5 pontos para 58,6 pontos.

A pesquisa também revela que os empresários estão “menos otimistas em relação ao futuro”. O indicador de expectativas alcançou 61,1 pontos em dezembro, ante 62 pontos em novembro. Mesmo assim, o resultado supera o de dezembro do ano passado (58,9 pontos). O levantamento foi feito entre os dias 3 e 13 de dezembro com 2.319 empresas, de pequeno, médio e grande porte.”

(Agência Brasil)

Royalties do petróleo – Congresso analisa nesta 3º feira o veto presidencial

“O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), confirmou para as 19h de amanhã (18) a sessão do Congresso que vai analisar o veto presidencial ao projeto de lei que redistribui recursos dos royalties do petróleo. Na sexta-feira (14), a presidenta em exercício do Congresso Nacional, deputada Rose de Freitas (PMDB-ES), sugeriu que o senador conversasse com a presidenta da República, Dilma Rousseff, antes de decidir sobre a retomada dos debates e a votação do veto ainda em 2012. Para Rose de Freitas, o assunto deveria ser retomado apenas depois do retorno dos deputados e senadores das férias de fim de ano.

O presidente do Senado, que ocupou a Presidência da República por três dias e retomou hoje (17) o comando do Legislativo, criticou um possível encaminhamento do tema ao Supremo Tribunal Federal (STF). “O problema é que estamos judicializando a política e politizando a Justiça”, ressaltou José Sarney.

De qualquer forma, ele considerou correta a decisão da deputada Rose de Freitas, que presidiu a sessão do Congresso para votar a urgência da apreciação do veto ao projeto de lei que redistribui os recursos dos royalties do petróleo. “[A deputada Rose de Freitas] fez bem em suspender a sessão naquele dia [quarta-feira passada]”.

(Agência Brasil)

 

A hora do “Vovô Moroni”

Candidato derrotado a prefeito de Fortaleza, Moroni Torgan (DEM) afivela malas com destino aos EUA. Vai conhecer a primeira neta, que nasceu durante a campanha municipal.

Há expectativas de que ele ocupe a futura secretaria municipal da Segurança Pública do prefeito eleito Roberto Cláudio. Moroni deve viajar somente após o anúncio, numa coletiva, do pacote do secretariado, o que ocorrerá até sexta-feira.

Governo prorroga até fim de 2014 linha de crédito para taxistas

“A linha de crédito especial para taxistas (FAT Taxista) foi prorrogada até 31 de dezembro de 2014 por uma resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), publicada hoje (17) no Diário Oficial da União. Instituído em julho de 2009, o crédito tem a finalidade de facilitar a renovação da frota de táxis no Brasil. Para ter acesso ao FAT Taxista é necessário ser titular da autorização para a prestação do serviço. Apenas um carro pode ser solicitado por CPF.

Com o crédito, são financiáveis veículos novos de fabricação nacional e de quatro portas, movidos a combustíveis renováveis ou com sistema reversível de combustão. Desde a Resolução nº 631/2010, também é possível financiar a conversão dos veículos para o uso de gás natural veicular. O FAT possibilita o financiamento de até 90% do valor total do bem, respeitando o teto de R$ 60 mil. O prazo para o pagamento pode ser de até 60 meses, com três de carência.”

(Agência Brasil)

Primeira cearense a assumir Senado morre em Fortaleza

131 1

Morreu, nesta segunda-feira, em Fortaleza, Alacoque Bezerra (91), a primeira cearense a assumir cadeira no Senado. Irmã mais velha de Adauto e Humberto Bezerra, estava internada no Hospital Monte Klinikun. Ela foi vítima de falência múltipla dos órgãos.

Alacoque era segunda suplente do falecido Virgílio Távora. Com a morte de Virgílio, efetivou-se o falecido Afonso Sancho que, na época, se licenciou, abrindo vez para a juazeirense.

O enterro ocorre nesta quarta-feira, às 10 horas, em Juazeiro do Norte (Região do Cariri).

Irmão de RC é aguardado dos EUA para acertos finais sobre secretariado

121 3

A chegada de Prisco Bezerra nesta segunda-feira, dos Estados Unidos, deve acelerar o fechamento dos nomes que vão compor o secretariado do prefeito eleito Roberto Cláudio (PSB).

Prisco, irmão de Roberto Cláudio, foi o coordenador geral da campanha e está cotado para ocupar uma espécie de Casa Civil Municipal.

Nesta terça-feira, a equipe de transição do prefeito eleito dará coletiva para divulgar um diagnóstico sobre a atual gestão. Até quinta-feira, deve sair o anúncio completo de todo o secretariado.

Cid Gomes confere entrega do “Selo Unicef – Município Aprovado

O governador Cid Gomes (PSB) vai participar, a partir das 15 horas desta segunda-feira, no Centro de Eventos, da solenidade de entrega do Selo Unicef – Município Aprovado.

No ato, 65 Prefeituras com projetos voltados para o apoio à infância e adolescência sendo destacados.

O selo é um reconhecimento anual do Unicef, com peso político de abrir portas no exterior para financiamentos.

Presidente do BC espera inflação menor em 2013

“A inflação no próximo ano será menor que em 2012. A expectativa é do presidente do Banco Central (BC), Alexandre Tombini, que participou na manhã de hoje (17) de café da manhã com jornalistas. De acordo com Tombini, entre os fatores que devem contribuir para inflação menor estão a moderação nos aumentos salariais e o crescimento do crédito, também em nível moderado. “Temos medidas que foram tomadas que têm repercussão direta sobre a inflação ao longo dos próximos meses.” Este ano, o governo anunciou, por exemplo, a redução do custo da energia para 2013. Tombini acrescentou que a economia mundial, em crescimento abaixo da média nos últimos anos, também contribui para que a inflação no Brasil seja menor.

Tombini enfatizou que o Brasil “tem todas as condições de retomar uma trajetória de crescimento do ponto de vista monetário e financeiro”. “O Brasil vai bem, obrigado”, acrescentou. O presidente do BC citou as reservas internacionais em quase US$ 380 bilhões, a situação de financiamento externo confortável no país e a questão fiscal equacionada nos últimos anos, com redução da dívida líquida em relação ao Produto Interno Bruto (PIB). Tombini acrescentou que o sistema financeiro brasileiro é sólido, rentável, capitalizado e bem provisionado. “Todas as peças estão no lugar para o Brasil crescer mais no futuro”, disse.

No próximo dia 20, o BC vai divulgar o Relatório Trimestral de Inflação, com projeções para a inflação e o crescimento da economia.”

(Agência Brasil)

Caixa eletrônicas são dinamitados em agência bancária do Conjunto José Walter

“Uma tentativa de assalto ao banco Bradesco do bairro Conjunto José Walter, em Fortaleza, terminou coma explosão da área onde ficam os caixas eletrônicos na madrugada desta segunda-feira, 17. Segundo o Comando de Policiamento da Capital (CPC), o grupo não conseguiu levar o dinheiro e fugiu após a explosão.

Ainda de acordo com o CPC, viaturas do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foram ao local eencontraram os equipamentos usados na ação. A Polícia acredita que o grupo atuava com olheiros devido à rápida  fuga do local. Até a manhã desta segunda-feira, ninguém foi preso.”

(O POVO Online)

Cutucada petista

112 1

Da Coluna Vertical, no O POVO desta segunda-feira (17):

O PT do Ceará precisa convocar reunião para avaliar o desempenho das últimas eleições. Cobra o deputado estadual Artur Bruno, explicando que, até agora, só houve avaliação sobre o pleito de Fortaleza, onde o partido acabou perdendo a prefeitura para Roberto Claudio (PSB).

“Nós ainda não discutimos o cenário estadual. É preciso que a direção estadual convoque reunião”, insiste o parlamentar, que quer uma definição sobre a postura que o PT terá que adotar com relação ao Governo Cid Gomes.

Bruno diz que, até agora, só se vê a briga da prefeita com o governador. Ele vê o PT com secretários na equipe estadual posando de coadjuvante. Avalia que o partido precisa ser governo não só com cargos, mas influenciando na ação estratégica.

Julgamento do mensalão pode terminar nesta segunda

Depois de mais de quatro meses, o julgamento da Ação Penal 470, o processo do mensalão, pode terminar nesta segunda-feira (17) no Supremo Tribunal Federal (STF). O caso só será retomado se o ministro Celso de Mello confirmar presença. Ele se recupera de uma infecção nas vias respiratórias e ficou dois dias internado na semana passada.

A fase final do julgamento não terá a participação do ministro Gilmar Mendes, que está em missão oficial no exterior. O último dia de debates ocorreu há uma semana, quando o placar sobre a perda de mandato parlamentar estava empatado em 4 votos a 4. Está em jogo o futuro político dos deputados federais Pedro Henry (PP-MT), João Paulo Cunha (PT-SP) e Valdemar Costa Neto (PR-SP), todos condenados pelo STF.

Os ministros Joaquim Barbosa, Luiz Fux, Gilmar Mendes e Marco Aurélio Mello defendem que a perda de mandato é imediata, e que a Câmara dos Deputados só precisa ratificar a decisão. Os ministros Ricardo Lewandowski, Rosa Weber, Antonio Dias Toffoli e Cármen Lúcia acreditam que a perda de mandato só pode ser definida por decisão interna do Legislativo.
 
Embora ainda não tenha votado formalmente, Mello já adiantou que deverá seguir o entendimento de Barbosa. Para o ministro, não é possível conciliar o exercício do cargo com condenações em regime fechado, o que autorizaria o STF a intervir.

Além da questão dos mandatos, o STF ainda terá que discutir as novas multas sugeridas por Lewandowski. O revisor do processo aumentou as multas propostas por ele anteriormente, alegando que era preciso adotar critérios mais objetivos. A maioria continua abaixo dos valores estipulados pelo plenário.

A questão da prisão imediata dos condenados só deverá ser discutida quando o Ministério Público Federal reforçar o pedido apresentado no início do julgamento. O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, deverá protocolar nova petição quando tudo acabar. A questão poderá ser analisada por Barbosa individualmente ou pelo plenário.

A ideia é que não haja proclamação geral de decisões quando o julgamento acabar, pois os resultados foram anunciados de forma fatiada ao fim de cada capítulo e de cada pena. O ressarcimento dos valores desviados dos cofres públicos deve ser analisado apenas na fase de execução civil da decisão. Barbosa ainda não definiu se irá delegar a execução a um juiz ou se ele próprio se encarregará dessa etapa. O ministro pretende encerrar o julgamento o quanto antes e resolver questões residuais na fase dos recursos. 

A última sessão do ano do STF será quarta-feira (21). Geralmente, a sessão da tarde é deslocada para a manhã, com o julgamento de casos de pouca repercussão e a apresentação de balanço do ano judiciário.

(Agência Brasil)

Cid e Roberto Cláudio comemoram o bom ano

139 1

O governador Cid Gomes (PSB) foi o político que melhor soube se usar das ferramentas que possuía para angariar votos para suas crias. Não à toa conseguiu fazer seu partido subir no lugar mais alto do pódio na disputa por prefeituras no Ceará. Segundo o professor de Direito da Universidade Federal do Ceará (UFC), Felipe Braga Albuquerque, embora desgastado com temas cruciais de seu receituário político, como a questão da segurança, ele termina o ano levando a melhor.

Afora a prefeitura da Capital, com Roberto Cláudio (PSB), Cid garantiu ainda preponderância na região que lhe projetou originalmente: ao apoiar o nome vitorioso de Clodoveu Arruda (PT) terá influência por mais quatro anos no Executivo de Sobral. Ao todo, no Estado, são 41 prefeituras que, com a ajuda dele, o PSB conseguiu eleger.

Aliados no plano nacional, embora a relação tenha sido rompida no âmbito municipal, o PT, através de Dilma Rousseff, não parece querer se afastar de Cid. Para a presidente, ele representa um capitalizador de votos no interior, onde tem índices de aprovação sempre acima da média. Segundo o professor de Ciência Política da Universidade Estadual do Ceará, Hermano Ferreira Lima, a tendência é que seja Roberto Cláudio a ocupar um espaço eventualmente deixado por Cid no futuro.

(O POVO)