Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

BC cria moeda de R$ 5, em homenagem à entrega da bandeira olímpica

O Banco Central vai lançar, em agosto deste ano, duas moedas comemorativas em homenagem à entrega da bandeira olímpica, que vai acontecer na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres, em 12 de agosto. A moeda de R$ 1 vai ganhar um desenho especial, e será criada uma moeda de R$ 5 com edição limitada.

A moeda de R$ 1 terá no seu verso, na parte prateada, a legenda “Brasil” com a logomarca dos Jogos Rio 2016, e a bandeira olímpica. No anel dourado encontram-se as legendas “entrega da bandeira olímpica” e “Londres 2012-Rio 2016”. Serão produzidas 2 milhões de moedas. Uma parte será colocada em circulação pelos bancos e outra parte será vendida em embalagens especiais para colecionadores.

A moeda de R$ 5 será de prata e terá uma tiragem inicial de 5 mil peças. Na parte de trás, a bandeira olímpica vai ocupar o centro da composição, que se completa com a legenda “entrega da bandeira olímpica” e a logomarca dos Jogos Rio 2016. Na parte da frente, haverá uma ilustração que une pontos turísticos de Londres e Rio de Janeiro: a Tower Bridge e o Cristo Redentor. O desenho será completado com as legendas “Londres 2012-Rio 2016” e “Brasil”.

(Governo Federal)

Casa do promotor de justiça de Pedra Branca é alvo de atentado a tiros

A residência oficial de um promotor de justiça foi alvo de um atentado a tiros no município de Pedra Branca, a 261,6 km de Fortaleza. A ação ocorreu durante a madrugada da última quinta-feira, 26.

Segundo informações do Comandante do Batalhão Provisório da Polícia Militar de Pedra Branca, tenente Cavalcante, o promotor estava em casa e ouviu os disparos. A vítima imaginou que o barulho fosse de fogos de artifício.

Durante o dia, porém, a empregada encontrou três projéteis na entrada da residência. A caminhonete do promotor apresentava marcas de tiros no para-choque. Uma perícia foi realizada no local, e a Polícia investiga o caso.

Projeto fixa prazos para acesso a consultas e procedimentos médicos

Tramita na Câmara o Projeto de Lei 3145/12, do deputado Romero Rodrigues (PSDB-PB), que estabelece prazos para o acesso a consultas e procedimentos médicos no âmbito do sistema de saúde suplementar. O autor explica que o projeto tem o objetivo de dar força de lei às normas sobre o assunto recentemente definidas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

A proposta modifica a lei de planos e seguros privados de assistência à saúde (Lei 9.656/98). Segundo Romero Rodrigues, é preciso dar ao usuário do sistema a garantia de conseguir em tempo hábil uma consulta ou agendar um procedimento. Ele está seguro de que a proposta vai representar uma melhoria no acesso e garantia de direitos para os usuários de planos de saúde.

O projeto está apensado ao PL 6389/02, do ex-deputado Paulo Souto. Essa proposta já foi analisada pelas comissões permanentes e está pronta para ser votada pelo Plenário.

(Agência Câmara de Notícias)

Um ano após publicação de relatório sobre transportes, vereador diz que pouca coisa mudou

96 21

Terminais estrangulados, ônibus superlotados, longas filas nas plataformas, obras paradas, população prejudicada. Esses são alguns dos principais problemas no transporte público em Fortaleza, de acordo com o próprio usuário do sistema, segundo relatório apresentado na Câmara Municipal de Fortaleza, em julho do ano passado.

Autor do relatório, o líder da oposição no Legislativo Municipal, vereador Plácido Filho, diz que pouca coisa mudou no atendimento à população, apesar do usuário apontar soluções para cada problema.

“De bom mesmo, foi resolvida a questão dos usuários que furavam as filas. Não porque a Etufor colocou pessoas para controlar as filas, pois ninguém respeitava muito a presença desses fiscais. Mas, sim, porque os próprios usuários deram como solução a mudança de plataformas das linhas que faziam o mesmo trajeto inicial. Na prática, usuários das linhas Castelão, Veneza Tropical e Sumaré costumavam invadir as filas vizinhas, quando esses ônibus chegavam à plataforma. Isso porque o trajeto inicial é o mesmo e uma fila era vizinha à outra. Com o distanciamento dessas filas, a situação foi resolvida. A solução estava no relatório e a Etufor foi sensível em reconhecer”, comentou Plácido.

O vereador lamenta, no entanto, que os banheiros no primeiro piso do terminal da Parangaba estão há quase dez meses em construção, assim como o pequeno elevador para pessoas portadores de necessidades especiais e da terceira idade.

“Tenho acompanhado essas obras há meses, pois também foram sugestões dos mais de 400 usuários entrevistados pelo relatório, em cinco meses de visitas aos sete terminais de ônibus de Fortaleza. Conversei esta semana com operários e a promessa é que os banheiros do terminal da Parangaba sejam finalmente entregues na primeira quinzena de agosto. Já as obras de reforma do terminal de Antônio Bezerra não mais serão entregues nesta gestão, apesar de quase quatro anos em andamento”, afirmou o líder da oposição.

O relatório se encontra disponível no site placidofilho.com.br, no link publicações.

Sancionada lei que garante salário e benefícios trabalhistas a conselheiros tutelares

101 3

A garantia de pagamento pelo trabalho e o acesso integral aos direitos trabalhistas passam a partir dessa quinta-feira (26) a fazer parte dos direitos dos conselheiros tutelares. Os benefícios são assegurados pela Lei 12.696, publicada no Diário Oficial da União (DOU).

O projeto que deu origem à nova lei, da senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO), tramitou no Congresso desde 2009. A Câmara dos Deputados apresentou um substitutivo que foi finalmente aprovado no início de julho, no retorno para segundo exame no Senado.

A norma modifica o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e estabelece que lei municipal ou distrital defina o salário dos conselheiros. A lei determina ainda que os conselheiros terão direito a cobertura previdenciária, férias anuais remuneradas, licença-maternidade ou paternidade, além de 13º salário.

Quanto ao mandato dos conselheiros, sua duração foi ampliada de três para quatro anos, mantido o direito a uma recondução, mediante novo processo de escolha. Cada município deve manter, pelo menos, um conselho tutelar com cinco membros, escolhidos pela sociedade.

Mudanças

A escolha dos conselheiros em todo o país passa ainda a ser feita em data unificada nacionalmente: no primeiro domingo de outubro do ano seguinte ao da eleição presidencial. A posse será no dia 10 de janeiro do ano posterior. Além disso, a presidência do processo deixa de ser do juiz eleitoral, passando para o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, mantida a supervisão do Ministério Público.

A nova lei também acaba com o benefício da prisão especial para os conselheiros tutelares, em caso de crime comum, até o julgamento definitivo, como previsto no estatuto.

(Agência Senado)

Guarda Municipal de Fortaleza tem quebra de hierarquia

189 1

Os únicos quatro inspetores da Guarda Municipal de Fortaleza estão atualmente subordinados a subinspetores, diante dos cargos de chefias. Dois estão lotados no programa Ronda, um se encontra no Frotinha da Parangaba e o quarto faz parte da equipe de salva-vidas, todos subordinados a subinspetores que estão à frente dos departamentos.

A indignação é dos próprios guardas municipais, que se dizem desmotivados a trabalhar por promoções. Segundo os guardas, melhor seria procurar políticos ligados à administração municipal para a indicação aos cargos de chefia.

“É como se um capitão da Polícia Militar fosse escolhido pelo governador do Estado como comandante geral da corporação. Ele iria dar ordens a majores, tenentes-coronéis e coronéis. Isso seria uma quebra de hierarquia. Isso é o que está ocorrendo na Guarda Municipal”, comparou um guarda, que não quis ser identificado.

A Guarda Municipal possui atualmente pouco mais de mil homens, sendo quatro inspetores, cerca de 100 subinspetores e os demais no posto de guardas.

Presença de Lula ainda é incerta, diz PT

82 5

A notícia de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não participará de forma ativa da campanha do candidato a prefeito de Fortaleza Elmano de Freitas (PT) não agradou a bancada petista em Fortaleza. Enquanto parte da cúpula do partido na capital cearense garante que a informação não procede, outra ala já lamenta a suposta decisão da executiva nacional.

Vice-líder do governo Dilma Rousseff na Câmara, o deputado José Guimarães (PT) assegura que Lula virá, sim, a Fortaleza tendo a candidatura de Elmano como uma de suas prioridades na campanha Brasil adentro. A reunião que decidirá o roteiro do ex-presidente pelo País ainda não aconteceu e tudo segue indefinido, garante ele.

“Eu tenho atuação destacada na executiva nacional. Nunca passou pela cabeça de ninguém que o Lula só participaria de três campanhas (Recife, Belo Horizonte e São Paulo). Essa informação é uma ilação”, classificou o deputado federal, em conversa com O POVO. A informação foi veiculada pela Agência Estado e publicada pelo O POVO dessa quinta-feira (26).

A participação de Guimarães na bancada nacional do PT não se limita à vice-liderança do governo. O deputado é, também, um dos coordenadores do Grupo de Trabalho Eleitoral do PT e está na linha de frente das decisões sobre a participação de Lula em cada capital. “Acho muito pouco provável que essa reunião tenha acontecido sem minha presença (…) Fortaleza é prioridade nacional. Isso é a opinião de todos”, reforçou.

Enquanto a presença de Lula ainda é uma incerteza em Fortaleza, a bancada municipal do PT já não espera mais a presença ativa de Dilma na campanha de Elmano. A presidente já teria sinalizado que não participará da disputa em nenhuma das capitais onde sua base aliada está dividida.

Em contato com O POVO, a assessoria de Elmano informou que o candidato se reunirá com Lula na próxima segunda-feira (30), em São Paulo, para gravar parte de seu material de campanha que será veiculado na televisão. Nesse encontro, que reunirá todos os candidatos petistas nas capitais, o ex-presidente deverá afinar seu roteiro de campanha e, aí sim, seriam desenhadas suas prioridades.

(O POVO)

Sancionada lei que destina mais recursos para programas educacionais

O presidente da República em exercício, Michel Temer, sancionou o Projeto de Lei de Conversão (PLV) 10/2012, decorrente da Medida Provisória (MP) 562/2012. O projeto, agora transformado na Lei 12.695/2012, promove mudanças em uma série de programas de educação, principalmente a rural.

O texto, que foi aprovado sem nenhum veto, prevê a institucionalização do Plano de Ações Articuladas (PAR) e inclui os polos presenciais do sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) na assistência financeira do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE). O UAB é um sistema integrado por universidades públicas que oferece cursos de nível superior para camadas da população que têm dificuldade de acesso à formação universitária por meio do uso da metodologia da educação à distância.

Além disso, o projeto também contempla com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) instituições comunitárias que atuam na educação no campo; destina recursos da União para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e inclui, entre as atribuições da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), a de subsidiar o Ministério da Educação na formulação de políticas e no desenvolvimento de atividades de suporte à formação de professores.

A lei autoriza ainda o Poder Executivo a conceder bolsas aos professores das redes públicas de educação e a estudantes beneficiários do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera).

(Agência Senado)

Assembleias de 11 universidades federais rejeitam proposta do governo e greve é mantida

A maioria dos professores das universidades federais, reunidos nessa quinta-feira (26) em assembleias para avaliar a proposta apresentada pelo governo na última terça-feira (24), decidiu manter a greve da categoria. Na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), os docentes aceitaram a proposta do governo, mas o fim da paralisação ainda depende da aprovação em um plebiscito.

Nas universidades federais do Rio de Janeiro (UFRJ), de Santa Maria (UFSM), de Pernambuco (UFPE), Rural de Pernambuco (UFRPE), do Espírito Santo (Ufes), de Uberlândia (UFU), de Brasília (UnB), da Paraíba (UFPB), da Bahia (UFBA), de Pelotas (UFPel) e Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), a proposta foi rejeitada e a greve continua.

Na nova proposta, o governo ofereceu reajustes que variam entre 25% e 40% para todos os docentes – no plano apresentado anteriormente alguns níveis da carreira receberiam apenas 12%, sem a inflação do período. Além disso, a data para o aumento entrar em vigor foi antecipada do segundo semestre de 2013 para março daquele ano. Pela proposta, o reajuste será dado de forma parcelada até 2015.

Os sindicatos que representam a categoria estão divididos. A Associação Nacional dos Docentes do Ensino Superior (Andes), que representa a maior parte das insituições em greve, rejeitou a proposta. Já a Federação de Sindicatos de Professores de Instituições Federais de Ensino Superior (Proifes) considerou que as reivindicações foram atendidas e recomendou que os professores encerrem a paralisação.

As assembleias em cada uma das 57 universidades federais em greve continuam até segunda-feira (30). Os docentes estão parados há 72 dias.

(Agência Brasil)

Procuradores da República alertam: estão “no limite” salarial

74 1

A Associação Nacional dos Procuradores da República divulgou, nesta quinta-feira, nota reforçando a necessidade, com urgência, de solução para a questão dos subsídios da categoria. A entidade manifesta certo descontentamento e se diz “no limite”. Procuradores ainda não falam em greve. Confira:

A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) vem a público reiterar o descontentamento da carreira com a defasagem salarial – que já atingiu cerca de 30% – e com a ausência de propostas que busquem sanar a questão. Desde o ano passado, os procuradores da República esperam do Legislativo e do Executivo, em vão, uma saída justa para a revisão de seus subsídios.

Mais uma vez, a ANPR salienta que a classe não almeja aumento salarial: as reivindicações limitam-se à recomposição das perdas decorrentes do processo inflacionário. Nos últimos meses, a categoria procurou, incessantemente, dialogar com os Poderes para obter uma solução equilibrada, e recebeu inúmeras declarações contrárias à necessária e urgente revisão salarial, inclusive com justificativas falsas de que ela prejudicaria investimentos em áreas sociais, como educação e saúde.

Países com Estado de Direito Democrático necessitam de um Ministério Público forte e reconhecido, para atuar com firmeza na defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis – responsabilidades ditadas pela Constituição Federal. A diminuição gradativa do poder aquisitivo das magistraturas do Ministério Público e do Judiciário constitui indiscutível estratégia de esvaziamento de seus quadros e desestímulo à sua atuação cotidiana

A classe está no limite. Seu sacrifício excede qualquer dignidade remuneratória: o nível de corrosão dos subsídios da categoria está em vias de atingir grau inexequível de recomposição. Os procuradores da República possuem salários cuja austeridade não se compara à generosidade remuneratória nos estados.

É preciso que as instâncias decisórias, sejam elas do Executivo, Legislativo ou Judiciário, entendam que a irredutibilidade de vencimentos – inerente à carreira do Ministério Público como garantia da magistratura – deve ser considerada como real e não nominal, sob pena de os demais Poderes golpearem as magistraturas do Ministério Público e do Judiciário simplesmente expondo seus subsídios a corrosão inflacionária, como está fazendo o atual governo.

Promover o sucateamento de instituições que trabalham no enfrentamento da corrupção e no combate ao desvio de dinheiro público é patrocinar, indiretamente, as diversas formas de dilapidar a nação brasileira. É tempo de o Executivo parar de tergiversar e apresentar, finalmente, uma proposta que lhe restitua a seriedade.

Os procuradores da República exigem uma solução digna e urgente para esta questão.

Brasília, 26 de julho de 2012

Alexandre Camanho de Assis
Procurador Regional da República
Presidente da ANPR

* Associação Nacional dos Procuradores da República.

Vara da Família de Sobral determina 110 prisões por dívidas da pensão alimentícia

193 1

“A Vara de Família e Sucessões da Comarca de Sobral (a 250 km de Fortaleza) determinou, durante correição interna, 110 prisões por dívida alimentícia. O procedimento, coordenado pelo juiz César Morel Alcântara, possibilitou também 1.068 despachos e 119 sentenças.

No total, foram realizados 2.129 expedientes, entre mandados de citação e intimação, alvarás, cartas precatórias e publicações no Diário da Justiça Eletrônico. Essa foi a primeira etapa da correição, que analisou, principalmente, processos envolvendo execuções de alimentos.

A medida ocorreu em dois períodos, de 3 a 6 e de 16 a 20 deste mês. A segunda fase está marcada para o intervalo entre 30 de julho e 17 de agosto de 2012. Na ocasião, as atividades serão voltadas às ações de alimentos.” Com informações do TJ do Ceará.

Há desembargadores ganhando supersalários. TJ do Ceará também está na lista

418 1

“Desde que os tribunais brasileiros foram obrigados a divulgar suas folhas de pagamento evidenciou-se uma situação até sabida, mas nunca oficializada: o pagamento de supersalários. Dentre os magistrados e servidores públicos do Judiciário que recebem vencimentos acima do teto constitucional, os desembargadores dos tribunais de justiça do país são os que mais se beneficiam. Dos 91 tribunais do país, 39 publicaram suas informações na internet até ontem (domingo, 22), conforme as regras estipuladas pelo Conselho Nacional de Justiça.

Dos 27 tribunais de justiça do país, 15 publicaram seus salários, até ontem. No Tribunal de Justiça do Amazonas todos os 19 desembargadores receberam, em junho, acima do teto constitucional. A média foi de R$ 57,2 mil no mês. Nestes casos, os valores são aumentados devido ao pagamento da Parcela Autônoma de Equivalência (PAE), que são passivos trabalhistas derivados de vantagens eventuais e adiantamento do 13º salário.

Entre os desembargadores, a campeã foi Maria das Graças Figueiredo, com o valor de R$ 79.036,57. No entanto, duas juízas lideraram a folha de pagamento da Corte. As juízas de Direito Mônica Raposo e Luiza Marques receberam como rendimento líquido, incluindo gratificações e indenizações, R$ 100,6 mil, sendo que desse total, R$ 57,89 mil são de vantagens eventuais, que incluem adicionais, horas extras, plantões e férias, dentre outros.

Em junho, o Tribunal de Justiça de São Paulo pagou a seus desembargadores, em média, salários de R$ 48,9 mil. O valor é calculado com base nos vencimentos líquidos mais as indenizações recebidas. Alguns desembargadores chegaram a receber mais de R$ 34 mil somente com o salário. Neste período, o desembargador Antônio Carlos Machado teve como salário líquido o valor de R$ 55,9 mil, incluindo indenizações.

TJ DO CEARÁ

Já no TJ do Ceará, grande parte dos desembargadores do Estado receberam, em junho, valores muito superiores ao teto constitucional. No entanto, é complicado calcular quem recebeu os maiores vencimentos porque a tabela foi publicada em formato PDF, que não permite a manipulação dos dados, no sentido de organizá-los para que a informação seja melhor entendida.

Mas o TJ do Ceará não está sozinho. Todas as tabelas publicadas pelos tribunais e consultadas pelo Congresso em Foco não seguem a determinação da Lei de Acesso a Informação que obriga a publicação a ser feita em formato aberto, ou seja, aquele que que permite ao cidadão extrair a informação que deseja. Da forma como as listas foram publicadas, não é possível fazer o cruzamento de dados para, por exemplo, saber quem é o desembargador que recebe o maior salário do país. A resolução do CNJ, porém, não faz menção ao tipo de formato que as publicações devem ter.

* Dp Congresso em Foco leia aqui.

Incêndio atinge terreno em Maracanaú

Três viaturas do Corpo de Bombeiros tentam apagar um incêndio que começou na tarde desta quinta-feira, 26, em um terreno baldio, próximo ao Anel Viário, em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

De acordo com o Coronel Leandro, o fogo teria começado em uma vegetação e acabou se alastrando para um material abandonado no terreno, como madeira, plástico e papel. O fogo está sendo controlado pelo Corpo de Bombeiros.

(O POVO Online)

Heitor Férrer promete IJF II e criar a Secretaria Municipal da Segurança Pública

98 4

O candidato a prefeito de Fortaleza pleo PDT/PPS, Heitor Férrer, anunciou, nesta quinta-feia, que se for eleito vai construir o Instituto José Frota II, unidade de atendimento terciário de emergência e urgência em traumatologia. “Esse novo hospital virá para desafogar o atual IJF, que há anos encontra-se superlotado, com macas espalhadas pelos corredores”, diz o postulante.

Heitor deu essa informação durante entrevista ao programa Debates do POVO Especial, da Rádio O POVO/CBN, que vem sabatinando os candidatos a prefeito de Fortaleza.

Ele também prometeu criar a Secretaria Municipal da Segurança Pública, quando foi instado sobre a onda de violência que se registra na Capital cearense. Disse até que garantirá iluminação de primeira qualidade para toda Fortaleza, o qeu inibe ação de marginais, mas sem se esquecer de ações no plano social. Heitor mostrou-se preocupado com a onda de crack.

Brasil vence Egito na estreia nos Jogos Olímpicos

A seleção brasileira de futebol masculino estreou com vitória nos Jogos Olimpícos, ao derrotar o Egito por 3 a 2, nesta quinta-feira, 26, no estádio Millenium de Cardiff.

Os jogadores tiveram uma atuação impecável no primeiro tempo e abriram vantagem por 3 a 0. Os  gols foram de Rafael, Leandro Damião e Neymar. Na etapa final, os adversários Mohammed Abou Treika e Mohamed Salah marcaram para a seleção egípcia. As informações são da AFP.

Acompanhe a cobertura de Londres 2012 no portal Esportes O POVO.

Quebra de safra no Ceará chega a 87%

“Sem chuvas regulares desde o segundo semestre do ano passado, os estados do Nordeste contabilizam perdas na agricultura e na pecuária. No Ceará, houve redução de 87% na safra de grãos de 2012, em comparação com 2011. Na Bahia, a produção do leite já apresenta queda de quase um terço, representando diminuição de 1,5 milhão de litros por dia. Produtores de Pernambuco também enfrentam perdas.

Desde setembro de 2011, não chove regularmente no semiárido nordestino. A seca atual já é considerada a pior dos últimos 30 anos e atinge cerca de 8 milhões de pessoas na região, de acordo com dados do Ministério da Integração Nacional. Um total de R$ 2,7 bilhões foram liberados pelo governo federal para serem aplicados em ações emergenciais para amenizar as consequências da estiagem.

Atualmente, cerca de 700 mil agricultores distribuídos por 800 municípios nordestinos recebem recursos do Bolsa Estiagem, que paga R$ 400,00 a cada família, em até cinco parcelas.

Dos 178 municípios do Ceará, 162 tiveram perda de mais de 50% na produção de grãos, segundo dados do Comitê de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) do Ceará. Os grãos mais cultivados no estado são feijão, milho, mamona, arroz e algodão.

A pecuária também vem sofrendo as consequências da estiagem prolongada no Nordeste. Sem chuva, os pastos secaram e falta alimento para os animais. Os mais prejudicados são os pequenos produtores nordestinos que praticam a pecuária semiextensiva. No Ceará, o volume de chuvas entre os meses de março e junho no semiárido foi, em média, 47% menor que em 2011 e os pastos secaram.”

(Agência Brasil)

Livro aborda importância do Dnocs na formação de profissionais

O professor Melquíades Pinto Paiva doutor em Ciências pela Universidade de São Paulo, lançará, às 16 horas da próxima segunda-feira, o livro “” A Universidade das Caatingas”. O ato ocorrerá no auditório do Dnocs. O autor já publicou mais de 300 trabalhos, entre livros, artigos e outros. A obra tem prefácio do doutor em Economia pela Universidade de Campinas, Otamar de Carvalho.

No livro, o professor Melquíades Pinto aborda a importância do DNOCS na formação de profissionais nas diversas áreas das ciências: Geologia, Engenharia Civil, Engenharia de Pesca e outros segmentos. O autor baseia-se na importância desses ensinamentos, principalmente nos dois períodos nos quais a Inspetoria de Obras Contra as Secas ( IOCS) e a Inspetoria Federal de Obras Contra as Secas (IFOCS) tiveram como dirigente maior o engenheiro Miguel Arrojado Ribeiro Lisboa, nos anos de 1909-1912 e de 1920-1927.

 

Inep vai investir R$ 2 mi em estudos sobre a correção da redação do Enem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) vai investir R$ 2 milhões em editais para promover estudos e discussões sobre correção de textos, anunciou hoje (26) o presidente do instituto, Luiz Cláudio Costa, em entrevista coletiva durante a 64ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Segundo Costa, a medida deve ser divulgada na próxima semana, junto com o Guia do Estudante, publicação com orientações de como ocorrem as avaliações, as correções e como solucionar as dúvidas sobre o exame. A novidade deste ano é o Guia de Redação, material com as redações de alunos que obtiveram nota máxima na edição anterior, comentadas por uma comissão de especialistas. “Ele vai ajudar muito o estudante e tornará o processo cada vez mais transparente”, disse.

Desde o início deste mês, o Inep está treinando 4.300 corretores de redação em todo o Brasil. “Esses professores, que já estão sendo capacitados, terão mais uma semana após a data de realização do exame para treinamento com o tema específico”.

Costa disse que são checados mais de 3.400 itens de segurança e logística para a realização da prova. Os 5,8 milhões de candidatos da próxima edição do Enem, número recorde de inscritos, farão o exame em 140 mil salas de 1.600 municípios do país. “Estamos trabalhando no sistema de segurança para que o participante tenha tranquilidade de fazer as provas. Com relação ao roubo de provas, isso é um crime, não é um problema de gestão ou logística”, disse, referindo-se a episódio de 2009 em que provas do Enem foram roubadas na gráfica que imprimiu o exame.

As provas no Enem 2012 serão realizadas nos dias 3 e 4 de novembro.

(Agência Brasil)