Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Em todo o país, apenas uma urna eletrônica foi substituída por cédulas de papel

Uma urna manual, com votação em cédula de papel, teve que ser utilizada para substituir uma urna eletrônica no estado do Rio de Janeiro. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), é o único caso de votação manual em todo o país até o momento.

Até as 14h30, em todo o país, 1.601 urnas eletrônicas precisaram ser trocadas desde o início da votação deste domingo (7). Segundo o TSE, o número representa 0,39% do total de mais de 400 mil urnas distribuídas pelas 431.185 sessões de votação.

Ao todo, 57.003 urnas estão disponíveis para substituir as que eventualmente apresentem problemas. Este ano, o TSE incrementou as urnas eletrônicas com baterias que tem autonomia de até 12 horas sem recarga, o que significa que, em caso de falta de luz, a eleição terá condição de continuar.

Entretanto, caso as urnas funcionem durante todo o dia com bateria, não é possível garantir que haverá carga suficiente, após as 17h, para a transmissão dos dados.

Hoje, 138,5 milhões de brasileiros devem comparecer às urnas para eleger prefeitos e vereadores dos 5,5 mil municípios do país. Os eleitores que não puderem votar em seus domicílios eleitorais devem procurar uma das 2.528 urnas disponíveis para justificar a ausência. O eleitor que não votar e não justificar ficará com pendência na Justiça Eleitoral e terá de pagar multa posteriormente. A ausência sem justificativa nas eleições também pode gerar problemas para o cidadão como o impedimento de ser contratado no serviço público.

De acordo com a presidenta do TSE, ministra Cármen Lúcia, as eleições estão correndo dentro da normalidade, sem qualquer registro de irregularidades nos 26 estados. A votação segue até as 17h e a apuração deve estar concluída na maior parte do país até as 22h.

(Agência Brasil)

Dissidentes do PSB cidista apostam que Elmano passa em 1º para o segundo turno

138 2
Eliane e Sérgio com militantes, Pimentel, Elmano e Mourão.
O ex-deputado federal Sergio Novais e sua irmã, a deputada estadual Eliane Novais, acompanharam, neste domingo, as votações do candidato petista à Prefeitura de Fortaleza, Elmano de Freitas, e também as votações do senador José Pimentel, do candidato a vice-prefeito, Antonio Mourão, e da prefeita Luizianne Lins.
Este registro foi feito na Escola Governador Adauto Bezerra, onde Pimentel votou. Sergio e Eliane são dissidência dentro do PSB cearense, que é comandado pelo governador Cid Gomes e que apoia Roberto Cláudio. Eles se disseram confiantes no resultado das urnas, com Elmano vindo em primeiro lugar.
(Foto – Divulgação)

Cid espera que Lula não venha e que Dilma se mantenha distante da campanha

180 5

O governador Cid Gomes (PSB) afirmou, na manhã deste domingo, 7, que torce para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não participe da campanha de Elmano de Freitas em um eventual segundo turno em Fortaleza. “Se ele não vier, melhor”, disse o governador, enquanto acompanhava o candidato do PSB, Roberto Cláudio, em votação no colégio Batista.

Cid ainda espera que a presidenta Dilma Rousseff (PT) mantenha-se distante da campanha, a exemplo do que fez no primeiro turno. “Torço para que ela compreenda que, onde existe candidato da base do governo dela, é melhor não interceder”, diz.

O governador deixou o local da votação dirigindo o próprio carro. Pegavam “carona” os candidatos a prefeito e vice, respectivamente, Roberto Cláudio (PSB) e Gaudêncio Lucena (PMDB), o secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa (PSB), e o senador Eunício Oliveira (PMDB).

(Blog Segunda Leitura)

Presidente do TSE diz que eleições ocorrem em clima de tranquilidade no País

“As eleições de prefeitos e vereadores em todo o país transcorrem com tranquilidade, disse a presidenta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Carmén Lúcia, ao fazer um balanço à tarde, na metade do período de votação. “Em todos os 26 estados não há informações de qualquer irregularidade. Está tudo dentro da normalidade, o eleitor está indo às ruas e manifestando seu voto com grande tranquilidade”, acrescentou.

De acordo com a ministra, até a metade do período de votação, por volta das 12h30, o número de urnas que precisaram ser trocadas era metade do que foi necessário na última eleição, em 2010. O número de prisões, também, segundo ela, era “irrelevante”.

Cármen Lúcia lembrou que os eleitores que não votarem e não justificarem a ausência não poderão obter a declaração de que estão em dia com a Justiça Eleitoral. Isso pode representar transtornos posteriormente, uma vez que a quitação eleitoral é requisito para diversas atividades, como por exemplo ser contratado para o serviço público. “Mas o eleitor brasileiro é muito participante, o número de pessoas que não votam e não justificam é muito diminuto”, ponderou.”

(Agência Brasil)

Ciro vota reiterando que Roberto Cláudio é o “mais preparado” para gerir Fortaleza

168 9

Ciro Gomes votou em seção da Secretaria da Saúde do Estado e, mais uma vez, disse não ter dúvidas de que seu candidato a prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, é o “mais  preparado”. Fez críticas à gestão municipal, em meio a cumprimentos de alguns eleitores.

O candidato Roberto Cláudio (PSB) e  o postulante a vice-prefeito, Gaudêncio Lucena, prestigiaram o voto de Ciro Gomes, que é o coordenador-geral da  campanha socialista na Capital

(Foto – Divulgação)

Firmo Camurça espera uma “grande vitória”

136 1

O candidato a prefeito de Maracanaú, Firmo Camurça (PR), votou na Escola Maria Marques do Nascimento. Acompanhado do prefeito Roberto Pessoa (PR) e do candidato a vice-prefeito, Carlos Bandeira, Camurça disse, após votar, que estava emocionado.

“Foram três meses onde apresentamos nossas propostas, nosso plano de governo e conversamos com a população de Maracanaú. Na grande carreata de ontem testemunhamos um grande apoio a nossa campanha”, afirmou, ressaltando ainda a expectativa para uma “grande vitória” nas urnas.

(Foto – Divulgação)

Pai de candidato também vota

306 1

O ex-reitor da Universidade Federal do Ceará, Roberto Cláudio, era a expressão da confiança no trabalho do filho na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. Ele votou no BNB Clube, acompanhado do candidato do postulante.

Orlando Facó vota confiante em retomar poder em Beberibe

O candidato tucno à Prefeitura de Beberibe (Litoral Leste), Orlando Facó, votou, no começo desta tarde de domingo, no Centro. Ele reafirmou a confiança na vitória na disputa deste ano. Facó disputa com Michele Cariello de Sá (PP), lançada candidata neste sábado em substituição ao marido, o ex-prefeito Daniel Queiroz (PMDB).

Facó já foi prefeito de Beberibe.

(Foto – Divulgação)

Tasso admite voltar à política em 2014 em apoio ao presidenciável Aécio Neves

176 6

O ex-senador Tasso Jereissati admitiu, nesta manhã, que  poderá retornará à politica em 2014, em apoio a candidatura de  Aécio Neves à Presidência da República. Apesar de negar pretensão de disputar cargo público, ele afirmou que “em 2014, se o Aécio (Neves) for o nosso candidato a  presidente da República, me empolgarei muito e me engajarei  porque acredito que vai ser uma candidatura de renovação não só de geração, mas de idéias no Brasil”. Tasso disse isso após votar, neste domingo, no Colégio Faria Brito, da avenida Dom Luis.

Após se abraçado por alguns eleitores e ouvir pedidos de volta ao cenário político, o líder tucano disse que, apesar da popularidade do ex-presidente Lula, aparentemente não se tem percebido grande influência da sua participação em campanha. ” Com base nas pesquisas, não temos observado isso. Vamos aguardar, mas temos percebido que sua transferência.  Sem negar a sua popularidade, mas a possibilidade de transferência de votos não é mais a mesma”.

Sobre a eleição em Fortaleza, o tucano disse que a disputa está bastante dividida, reconhecendo que na cidade há uma “guerra de máquinas”. Outro aspecto destacado foi a forte influência do tempo de televisão no processo.

DETALHE – Tasso chegou ao local de votação acompanhado da esposa Renata Jereissati e se encontrou no local com o presidente da Transpetro, Sergio Machado.

 (Foto – J. Brandão)

Boca de urna resulta em pelo menos 400 prisões no Rio, informa TRE

Duas horas após o início da votação deste domingo (7), pelo menos 400 pessoas haviam sido presas por distribuir material de campanha, sendo que quatro são candidatos a vereador e um disputa o cargo de vice-prefeito, informou há pouco o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (RJ), Luiz Zveiter. Em Macaé, uma pessoa foi presa comprando votos. Com ela, foram encontrados cerca de R$ 10 mil.

“A população está atenta e quem fizer boca de urna será preso. Mas está tudo dentro da normalidade. O povo do Rio deu uma resposta que o tribunal esperava, participando, por meio do Disque Denúncia, passando de coadjuvante para ator principal”, disse o presidente.

Segundo Zveiter, houve um problema pontual em Botafogo, zona sul, onde uma urna queimou e 400 eleitores terão que votar manualmente.

Nenhum incidente foi registrado nas comunidades onde há a presença das Forças Armadas.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Militar (PM), do total de prisões, pelo menos 170 foram feitas por policiais militares em todo o estado. Os detidos estão sendo levados para delegacias.

A assessoria da PM informou ainda que a maior parte das detenções, 52, foi feita na cidade de Petrópolis, na região serrana do estado. O município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, aparece em segundo lugar, com 41 detidos.

A boca de urna é crime eleitoral com pena prevista de seis meses a um ano, podendo também ser aplicada multa entre R$ 5 mil e R$ 15 mil.

(Agência Brasil)

Presidente do TRE elogia trabalho da Secretaria de Segurança Pública nestas eleições

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Ademar Bezerra, esteve, neste começo de tarde de domingo, visitando a sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) onde funciona, desde as sete horas da manhã, o “Centro de Gerenciamento, Comando e Controle das Ações de Segurança para as Eleições 2012”. A coordenaçaõ é do secretário da Segurança Pública, Coronel Bezerra, e congrega toda a cúpula da SSPDS.

Ademar Bezerra agradeceu e parabenizou o secretário pelo “bom trabalho” nestas eleições.

“Já comuniquei à presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ministra Carmem Lúcia que o pleito no Ceará transcorre até aqui, ressalvada uma ou outra pequena ocorrência, no mais absoluto clima de normalidade”, disse o presidente do tribunal.

Presidente da OAB/CE circula seções divulgando que entidade também recebe denúncias

O presidente da OAB do Ceará, Valdetário Monteiro, votou em seção do Colégio Christus, e aproveitou para conferir o trabalho eleitoral em vários pontos de Fortaleza. Ele disse que a Ordem está de plantão neste domingo, dentro do objetivo de garantir o livre exercício dos advogados e, também, divulgar que a OAB está com plantão para receber também denúncias sobre possíveis abusos.

Moroni vota confiante no 2º turno

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo DEM, Moroni Torgan, votou agora há pouco na Escola Alvaro Costa, no bairro Serviluz.

Ele falou pouco, mas disse estar confiante de que vai para o segundo turno das eleições. Moroni passou a manhã deste domingo circulando em vários bairros, depois de ter participado de culto em sua igreja,  dos Mormons.

DETALHE – Moroni promete não ir mais embora de Fortaleza. Ele passou cerca de três anos em missão religiosa em Portugal.

(Foto – Mauri Melo)

Eleição deve sepultar nomes importantes na política da Capital

Da coluna Menu Político, no O POVO deste domingo (7), pelo jornalista Luiz Henrique Campos:

A julgar pelo que apontam as pesquisas de intenção de voto em relação aos candidatos à Prefeitura de Fortaleza, o eleitor pode estar sepultando as pretensões de importantes nomes do cenário político local no que diz respeito a gerir a cidade.

O reflexo disso na carreira de líderes que achavam que poderiam, apenas com recall e exposição na mídia, alcançar a preferência do eleitorado, ainda é uma incógnita. O fato é que terminarão a disputa menores do que quando entraram.

E isso deve servir de lição, não só para estes, como para os que acham que a popularidade é eterna.

Roseno vota reclamando do uso de “máquinas”

104 1

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PSOL, Renato Roseno, votou, no começo desta tarde, em seção do Colégio Ari de Sá. Com ele, a sua candidata a vice-prefeita, Soraya Tupinambá, e a vereadora Tonho Rocha.

Roseno disse estar confiante numa reviravolta eleitoral, porque Fortaleza é um cidade “rebelde e atrevida”. Voltou a lamentar o suo de máquinas administrativas nestas eleições.

(Foto – Paulo Moska)