Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Na festa dos 30 anos do Iguatemi, o destaque fica para Tasso Jereissati

164 1

Os 30 anos do Shopping Iguatemi, comemorados durante sessão solene nesta noite de segunda-feira, na Assembleia Legislativa, se transformaram numa série de homenagens e reconhecimento ao seu controlador, o empresário e ex-senador tucano Tasso Jereissati. Na plateia, ex-secretários e assessores, empresários e parlamentares em clima de uma festa que contou com a presença de dois prefeituráveis: Marcos Cals, presidente estadual do PSDB, e o deputado estadual Heitor Férrer (PDT).

Sob olhares de familiares como dona Renata, sua mulher, Tasso fez um discurso rápido, mas destacando a evolução do shopping, aproveitando para anunciar que, em breve, passará por nova expansão.  Fez vários agradecimentos e, nos discursos seguidos de parlamentares como João Jaime (PSDB), Fernando Hugo (PSDB) e Roberto Mesquita (PV), exaltou a figura do deputado HeiorFérrer como de grande importância no parlamento. Oito deputados estaduais e o deputado federal tucano Raimundo Gomes de Matos estavam entre os presentes.

Patrícia Saboya (PDT) fez discurso emocionado, destacando a atuação política de Jereissati como “homem correto, sério” e com quem aprendeu muito na convivência no Senado.

DETALHE – A conselheira Soraia Victor, do TCE, estava entre as presenças. Também os prefeitos Roberto Pessoa (PR), de Maracanaú, e Nenzinho, de Horizonte. À tarde, ela liberou parecer com 62 ressalvas sobre contas 2011 do Governo Cid Gomes (PSB), hoje rival político de Jereissati que ajudou na sua reeleição.

(Foto – Paulo Moska)

Depois de Inácio, agora é a vez de Roberto Cláudio receber medalha da Câmara Municipal

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=uVDx2QrPfAw&feature=plcp[/youtube]

Depois do senador Inácio Arruda, pré-candidato do PCdoB à Prefeitura de Fortaleza, agora foi a vez do presidente da Assembleia Legislativa, Roberto Cláudio. Pré-candidato do PSB ao lado do secretário especial da Copa 2014, Ferrucio Feitosa, o dirigente do legislativo estadual recebeu, nesta noite de segunda-feira, na Câmara Municipal, a Medalha Boticário Ferreira. A homenagem partiu do vereador socialista Salmito Filho.

O plenário da Câmara Municipal lotou de amigos, familiares, servidores do Poder Legislativo e de parlamentares estaduais para ver Roberto Cláudio ganhar a honraria que, para ele, é motivo de alegria e festa.

Itaucard S/A deve pagar R$ 5 mil por inclusão indevida no SPC

101 1

O Banco Itaucard S/A deve pagar R$ 5 mil de indenização para R.P.B., que teve o nome inscrito indevidamente no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). A decisão é da juíza Marília Lima Leitão Fontoura, da Comarca de Mulungu.

Segundo os autos (nº 2401-08.2012.8.06.0131/0), R.P.B. foi surpreendido com a cobrança de débitos junto ao Banco Itaucard, mesmo nunca tendo firmado contrato com a referida instituição. Além das cobranças indevidas, teve o nome incluído em cadastro de inadimplentes.

Por conta disso, ingressou com ação na Justiça, em março deste ano, requerendo a exclusão de seu nome da lista de devedores. Pediu também o pagamento de indenização. O banco, em contestação, disse ter agido legalmente, não havendo dano moral a ser reparado.

Ao analisar o caso, a magistrada condenou o Itaucard a pagar R$ 5 mil. A juíza Marília Lima Leitão Fontoura destacou que a instituição financeira agiu com negligência, “pois, além de cobrar débito inexistente, o nome do autor ainda foi parar na lista negra dos maus pagadores”.

(TJCE)

Operários do Metrofor paralisam obras

“Vamos paralisar todas as obras de mobilidade urbana e saneamento em Fortaleza, além das obras do PAC no interior do Estado”, ameaçou o presidente do SINTEPAV-CE, Raimundo Nonato Gomes, nesta segunda-feira, 28. Os Trabalhadores resolveram cruzar os braços, alegando que não houve fechamento da Convenção Coletiva de Trabalho 2012/2013.

De acordo com o sindicato dos trabalhadores, a categoria pede um reajuste salarial de 23%. Em resposta, o sindicato patronal ofereceu 8%, o que gerou a paralisação, segundo os trabalhadores.

Em contrapartida, o Metrofor acredita que o início da primeira fase da operação assistida (teste com passageiros), deve manter o cronograma, previsto para o próximo dia 15 de junho. As obras civis já foram finalizadas e, neste momento, estão sendo feitos somente acabamentos.”

(POVO Online)

Para Aloysio Nunes, Lula cometeu crime ao pressionar Gilmar Mendes

67 1

O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) afirmou nesta segunda-feira (28) que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cometeu um crime ao tentar adiar o julgamento do Mensalão. O senador se referia a reportagem da revista Veja, segundo a qual o ex-presidente teria pedido ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes o adiamento do julgamento do Mensalão. Em troca, teria oferecido blindagem na CPI mista que investiga as relações de Carlinhos Cachoeira com agentes públicos e privados.

– Os fatos narrados constituem uma ação reprovável do ponto de vista ético, do ponto de vista moral, uma ação eivada da mais profunda indelicadeza, mas também uma conduta tipificada no Código Penal – disse Aloysio Nunes.

Para o senador, Lula cometeu crime de coação no curso do processo (art. 344), que significa “usar de violência ou grave ameaça, com o fim de favorecer interesse próprio ou alheio, contra autoridade, parte, ou qualquer outra pessoa que funciona ou é chamada a intervir em processo judicial, policial ou administrativo”. A ameaça, segundo Aloysio Nunes, seria a de destruir a reputação do ministro.

O senador disse julgar que o episódio narrado pela revista também insulta o Congresso, já que o instrumento utilizado para ameaçar Gilmar Mendes teria sido a CPI, composta, em sua maioria, por governistas.

– Os membros da situação que integram essa CPI foram apresentados como sendo meros fantoches, meros espantalhos, vestidos com roupas esfarrapadas para espantar passarinhos – afirmou o senador.

(Agência Senado)

Ongs ambientais reclamam de anistia a desmatadores

203 1

Para mais de 160 organizações da sociedade civil que integram o Comitê Brasil em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável, a medida provisória e os vetos anunciados pelo governo federal ao Código Florestal mantém anistia aos desmatadores e abre brechas para novos crimes ambientais.

Durante uma coletiva realizada nesta segunda-feira (28), em Brasília, o assessor de políticas públicas do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam), André Lima, afirmou que a anistia de multas e de recomposição de áreas desmatadas está prevista em vários pontos do texto enviado pela presidenta Dilma Rousseff. O advogado, que integra o comitê, relacionou os artigos 4º, 6º , 11º, 61º, 63º e 67º, que tratam de questões como as faixas de áreas úmidas na Amazônia, áreas de reserva legal em imóveis rurais e da recomposição de mata ciliar em margens de rios de acordo com o tamanho da propriedade rural.

Para o movimento de organizações sociais, o retorno do texto para o Congresso Nacional é preocupante já que os debates vão acontecer depois da Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) e durante as campanhas eleitorais municipais. Ainda assim, os integrantes do comitê garantiram que vão aproveitar o evento “como oportunidade para construir um constrangimento nacional e internacional a favor de um código mais adequado à vontade da maioria da sociedade”.

(Agência Brasil)

CCJ pode votar na 4ª feira relatório que cria 43 mil vagas no ensino superior e técnico

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado pode votar, nesta quarta-feira, projeto de lei da Câmara (PLC 36/12) que cria mais de 43 mil vagas para professores de ensino superior, básico, técnico e tecnológico. O relator é o senador Eunício Oliveira (PMDB). A proposta autoriza o Ministério da Educação a criar 77 mil cargos e funções, a serem preenchidos até 2014.  O projeto busca oferecer suporte a duas importantes ações do governo: o Programa de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni) e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego (Pronatec).

Segundo Eunício Oliveira, a proposta cria 43.875 cargos de professor, dos quais 19.569 no magistério superior e 24.306 no ensino básico, técnico e tecnológico. Outros 27.714 cargos destinam-se a técnicos administrativos, além de 1.608 cargos de direção e 3.981 funções gratificadas. A matéria deverá ser apreciada às 10 horas de quarta-feira pela CCJ antes de ir a plenário.

Tudo pronto para o XXII Cine Ceará

Fortaleza vai respirar cinema e cultura audiovisual de 1º a 8 próximos. Vem aí o Cine Ceará em sua 22ª edição e que se consolida como um dos importantes circuitos de exibição e mostra competitiva de cinema do País. Quinze produções nacionais participam do festival entre longas e curtas metragem, sendo sete filmes inéditos. As principais estrelas já confirmaram presença.

Além de já integrar o calendário cultural da cidade e do Estado, o Cine Ceará cumpre, mais uma vez este ano, a missão de integrar a diversidade de produção cinematográfica ibero-americana. Com o aumento crescente nas produções de países sul-americanos e argentinos principalmente, o festival tem que se adequar para continuar sendo representativo desses países. Este ano foram 331 inscritos, 7% a mais do que em 2011

Os atores que protagonizam produções já premiadas como ‘Febre do Rato’ (Cláudio Assis) já confirmaram presença no evento e chegam à capital cearense a partir da próxima semana. Além do ator Matheus Nachtergale, as atrizes Tania Granussi, Mariana Nunes e Maria Gladys Mello estarão presentes na noite de abertura do festival.

Do produtor cearense Halder Gomes (Área Q) o inédito ‘Cine Holliúdy’, será a grande atração da noite de encerramento do festival, dia 08 de junho, no Theatro José de Alencar. As atrizes Isabel Fillardes e Fiorela Mattheis marcam presença nesse dia.

PEC Nordeste – Programação será lançada nesta 3ª feira

O presidente da Federação da Agricultura do Ceará (FAEC), Flávio Saboya, lançará nesta terça-feira, às 14h30min, no plenário da Assembleia Legislativa, a programação do XVI Seminário Nordestino de Pecuária, o conhecido PEC Nordeste. O evento ocorrerá de 18 a 21 de junho próximos, no Centro de Convenções.
O tema central deste ano é “Pecuária Nordestina e o Novo Código Florestal”, contando com mesas redondas, oficinas de capacitação, minicursos, feira de produtos e serviços agropecuários, encontro dos secretários municipais e Mostra Pet, PECLEITE (concurso leiteiro).
Ainda no programa, duas  palestras globais abertas ao público: uma com o mesmo tema do PEC Nordeste e outra sobre a  “A importância da Transnordestina para o Desenvolvimento da Pecuária Regional”, que será ministrada pelo diretor de Infraestrutura e Logística da Confederação Nacional da Agricultura (CNA),  José Ramos Torres de Melo.

Sindicato dos Engenheiros participa de evento sobre vistoria predial

A presidente do Sindicato dos Engenheiros do Ceará, Thereza Neumann, falará, às 19 horas desta segunda-feira, no Gran Marquise Hotel, dentro do XXI Seminário Integrado para Síndicos. A promoção é do Secovi/Ceará.
Thereza Neumann vai apresentar o projeto de lei  que prevê fiscalização obrigatória nos prédios de Fortaleza. Esse projeto estabelece a vistoria técnica, manutenção preventiva e periódica das edificações e equipamentos públicos.
Ela quer alertar os síndicos sobre a importância de reduzir e evitar acidentes ocorridos nos últimos meses na capital como incêndios e desabamentos, gerando transtornos e prejuízos irreversíveis. “Queremos detalhar a minuta da proposta e conscientizar os síndicos dos condomínios da capital sobre a importância de se fazer um trabalho preventivo diário, com fiscalização da estrutura física e das instalações elétricas”, explica a presidente do sindicato.

Novo Código Florestal – Conheça os vetos de Dilma

Os vetos de 12 artigos do texto do novo Código Florestal, pela presidenta Dilma Rousseff, resgatam o teor do acordo firmado entre os líderes partidários e o governo durante a tramitação da proposta no Senado. A finalidade do governo foi a de não permitir anistia a quem desmatou e a de proibir a produção agropecuária em áreas de proteção permanente, as APPs.

O Artigo 1º, que foi modificado pelos deputados após aprovação da proposta no Senado, foi vetado. Na medida provisória (MP) publicada hoje (28) no Diário Oficial da União, o Palácio do Planalto devolve ao texto do Código Florestal os princípios que haviam sido incorporados no Senado e suprimidos, posteriormente, na segunda votação na Câmara. A MP foi o instrumento usado pelo governo para evitar lacunas no texto final.

Também foi vetado o Inciso 11 do Artigo 3º da lei, que trata das atividades eventuais ou de baixo impacto. O veto retirou do texto o chamado pousio: prática de interrupção temporária de atividade agrícolas, pecuárias ou silviculturais, para permitir a recuperação do solo.

Recebeu veto ainda o Parágrafo 3º do Artigo 4º que não considerava área de proteção permanente (APP) a várzea (terreno às margens de rios, inundadas em época de cheia) fora dos limites estabelecidos, exceto quanto houvesse ato do Poder Público. O dispositivo vetado ainda estendia essa regra aos salgados e apicuns – áreas destinadas à criação de mariscos e camarões.

Foram vetados também os parágrafos 7º e 8º. O primeiro estabelecia que, nas áreas urbanas, as faixas marginais de qualquer curso d’água natural que delimitem as áreas das faixas de passagem de inundação (áreas que alagam na ápoca de cheia) teriam sua largura determinada pelos respectivos planos diretores e pela Lei de Uso do Solo, ouvidos os conselhos estaduais e municipais do Meio Ambiente. Já o Parágrafo 8º previa que, no caso de áreas urbanas e regiões metropolitanas, seria observado o dispositivo nos respectivos planos diretores e leis municipais de uso do solo.

O Parágrafo 3º do Artigo 5º também foi vetado. O dispositivo previa que o Plano Ambiental de Conservação e Uso do Entorno de Reservatório Artificial poderia indicar áreas para implantação de parques aquícolas e polos turísticos e de lazer em torno do reservatório, de acordo com o que fosse definido nos termos do licenciamento ambiental, respeitadas as exigências previstas na lei.

Já no Artigo 26, que trata da supressão de vegetação nativa para uso alternativo do solo tanto de domínio público quanto privado, foram vetados o 1º e 2º parágrafos. Os dispositivos detalhavam os órgãos competentes para autorizar a supressão e incluía, entre eles, os municipais do Meio Ambiente.

A presidenta Dilma Rousseff também vetou integralmente o Artigo 43. Pelo dispositivo, as empresas concessionárias de serviços de abastecimento de água e geração de energia elétrica, públicas ou privadas, deveriam investir na recuperação e na manutenção de vegetação nativa em áreas de proteção permanente existente na bacia hidrográfica em que ocorrer a exploração.

Um dos pontos que mais provocaram polêmica durante a tramitação do código no Congresso, o Artigo 61, foi vetado. O trecho autorizava, exclusivamente, a continuidade das atividades agrossilvipastoris, de ecoturismo e turismo rural em áreas rurais consolidadas até 22 de julho de 2008.

Também foram vetados integramente os artigos 76 e 77. O primeiro estabelecia prazo de três anos para que o Poder Executivo enviasse ao Congresso projeto de lei com a finalidade de estabelecer as especificidades da conservação, da proteção, da regeneração e da utilização dos biomas da Amazônia, do Cerrado, da Caatinga, do Pantanal e do Pampa. Já o Artigo 77 previa que na instalação de obra ou atividade potencialmente causadora de significativa degradação do meio ambiente seria exigida do empreendedor, público ou privado, a proposta de diretrizes de ocupação do imóvel.”

(Com Agência Brasil)

Um petista com coração cidista torce pela manutenção da aliança em Fortaleza

83 2

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=RpSWrOv1BIs&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=2&feature=plcp[/youtube]

O secreário nacional de Estratégia e Gestão Participativa do Ministério da Saúde, Odorico Monteiro, é uma torcida só pela manutenção da aliança do seu partido, o PT, com o PSB do governador Cid Gomes em Fortaleza. Odorico lembra que há um projeto nacional em curso no País e que precisa ser acompanhado nas Capitais.

Odorico Monteiro espera que haja bom senso entre Cid e Luizianne. Aliás, ele conhece bem os dois. Foi durante oito anos secretário da Saúde de Sobral na época  do prefeito Cid Gomes e também ocupou, por quatro anos, mesmo cargo na gesrtão Luizianne Lins.

UFC inscreve para curso de especialização em Teoria da Comunicação e da Imagem

“O Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará encerra, nesta segunda-feira, as inscrições para seleção de candidatos ao Curso de Especialização em Teorias da Comunicação e da Imagem. São oferecidas 55 vagas para profissionais graduados em Comunicação e áreas afins. A especialização tem como objetivos preparar os alunos para conhecerem os progressos e questionamentos que envolvem o campo da Comunicação, qualificar os profissionais da área de Comunicação para o exercício da docência e preparar os alunos para a reflexão acadêmica, proporcionando capacitação para seleções em cursos de pós-graduação stricto sensu na área de Comunicação.

Os interessados devem se inscrever, presencialmente, na secretaria do Programa de Pós-Graduação em Comunicação (Av. da Universidade, 2762, Benfica). O horário de atendimento é das 19 às 21 horas. O resultado sairá no dia 1º de junho, a partir das 16 horas, no site do curso e no flanelógrafo afixado na secretaria do Programa. Os documentos necessários são: cópia do CPF e da identidade, cópia autenticada do diploma ou declaração original de conclusão de curso, uma foto 3X4 e uma carta justificando disponibilidade e interesse pelo curso.

SERVIÇO

O curso tem duração de 16 meses e iniciará as atividades no dia 5 junho. As aulas serão ministradas sempre às terças e quintas-feiras, das 19 às 22 horas, no período de 12 meses. Nos últimos quatro meses, os alunos deverão elaborar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Mais informações no edital Nº 01/2012, disponível no site www.tci.ufc.br.

(Site da UFC)

Confiança da indústria fica estável em maio

“O Índice de Confiança da Indústria (ICI), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV) passou de 103,3 pontos em abril para 103,4 pontos em maio, registrando variação de 0,1%. De acordo com a FGV, esse foi o menor avanço registrado pelo índice que acumula alta de 2,7% desde novembro do ano passado, após cair 12,1% nos dez primeiros meses de 2011.

O Índice de Expectativas (IE) avançou 0,9%, para 103,4 pontos, o maior desde junho de 2011 (106,5). Já o Índice da Situação Atual (ISA) recuou 0,5%, para 103,5 pontos. “A combinação de resultados sinaliza que a atividade industrial deve seguir em ritmo lento neste segundo trimestre, com perspectiva de melhora gradual ao longo do segundo semestre”, avalia a FGV.

Segundo os dados, o indicador que mais contribuiu para a queda do ISA foi o que avalia os estoques. A parcela de empresas que considera que seus estoques estão altos aumentou para 4,6% em maio, depois de três meses mais baixos. A proporção de empresas com nível de estoques excessivo atingiu 8,8% (contra 5,2% em abril), enquanto 4,2% o consideram insuficiente (contra 2,5%).

O indicador que mede as expectativas dos empresários industriais em relação à evolução dos negócios no horizonte de seis meses atingiu 144,6 pontos, o maior nível desde maio de 2011 (145,5). Das 1.259 empresas consultadas, 50,7% preveem melhora dos negócios nos próximos seis meses (maio-outubro) e 6,1% esperam piora. Em abril, esses percentuais foram 52,3% e 8,2%, respectivamente, para o semestre seguinte.”

(Agência Brasil)

Cid evita falar de eleições e decreta estado de emergência em 168 municípios

131 5

“Eu não vou tratar de eleição!”, afirmou o governador Cid Gomes (PSB) após reunião, nesta segunda-feira, no Centro de Convenções, com prefeitos e representantes do Exército, onde tratou sobre ações de combate à estiagem que se registra na maioria dos municípios do Estado. Lembrou que estava ha´cinco horas tratando só sobre o tema e que essa era sua prioridade.

Cid Gomes cortou a conversa e disse que não falaria nesse tema em respeito aos que estão passando dificuldades por conta da seca. Ele anunciou que vai pagar seis e não só cinco parcelas do Garantia Safra, que dá no total R$ 32 milhões. Isso para 240 mil famílias atingidas pela estiagem. O desembolso começa em junho próximo.

O governador observou que o inverno no Estado foi irregular e abaixo da média em vários municípios e que por isso decretou estado de emergência  em 168 municípios, o que evitará maior burocracia na liberação do apoio financeiro. Por conta disso, terá que avaliar caso a caso. Ele adiantou que continua o trabalho de implantação de cisternas e que a previsão é de mais 40 mil cisternas, além de sistemas de abastecimento de água para mais 15 mil famílias.

Anda sobre a quadra invernosa, Cid disse que 2010 foi pior que 1958, mas preferiu aguardar um estudo completo a ser liberado pela Funceme para informar se 2012 está sendo o pior ano de estiagem.

Campo esportivo X Campo político

146 2

A pergunta que não quer calar entre os torcedores do Ceará, que nos mandam mensagens há vários dias: Até quando o clube de Porangabuçu vai ser utilizado como trampolim político?

Robinson de Castro, o vice-presidente que responde pela direção de futebol, está de olho gordo na sucessão municipal, coordenando as ações do DEM na Cidade e, em especial, a possível pré-candidatura de Moroni Torgan (aquele que só aparece por aqui em época de campannha).

Que Robinson não se engane. Com a qualidade das últimas contratações alvinegras e com o início pífio do time na segundona, o tiro pode sair pela culatra…

Presidente da Assembleia acerta acordo entre empresários e operários da construção

91 2

Terminou em acordo, nesta segunda-feira, o impasse que existia, há 21 dias, entre os trabalhadores da construção civil e o Sinduscon.

Com mediação do presidente da Assembleia, Roberto Cláudio (PSB), acompanhado dos deputados estaduais Tin Gomes (PHS), Lula Morais (PCdoB), Dedé Teixeira (PT) e Júlio César Filho (PTN), empregados e empresários da construção civil acordaram reajuste de 8%, cesta básica ao preço de R$% 50,oo e os serventes terão piso de R$ 639,00 (laboral oferecia R$ 640,00 e patronal oferecia 637,50).

A pedida de reajuste salarial era de 9,47%, enquanto empresários ofereciam R$ 7,47%. Já a cesta básica tinha pedida de R$ 80,00.

Os dias parados serão negociados.

Nesta terça-feira, ao  meio-dia, o acordo deve ser firmado entre as duas partes. Sob olhares do presidente da Assembleia Legislativa.

Analistas do mercado financeiro estimam menor crescimento econômico

68 1

Analistas do mercado financeiro consultados pelo Banco Central (BC) esperam redução de 0,5 ponto percentual na taxa básica de juros, a Selic. O Comitê de Política Monetária (Copom) do BC reúne-se amanhã e quarta-feira (30) para definir a Selic, que atualmente está em 9% ao ano.

Após esse corte, os analistas esperam mais uma redução de 0,5 ponto percentual. Assim, a Selic ficaria em 8% ao ano, de acordo com a previsão. Neste ano, o Copom já reduziu a Selic em 2 pontos percentuais. Para o final de 2013, permanece a expectativa de 9,5% ao ano.

De acordo com as expectativas dos analistas, a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve ficar, tanto neste ano como no próximo, acima do centro da meta de 4,5%, mas abaixo do limite superior de 6,5%. Para este ano, a previsão passou de 5,21% para 5,17%. Para 2013, a projeção para o IPCA permanece em 5,6%.

A pesquisa do BC também mostra a expectativa de redução do ritmo de crescimento da economia. A projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, caiu de 3,09% para 2,99%, este ano. Para 2013, foi mantida a projeção de 4,5%.”

(Agência Brasil)

Shopping Iguatemi comemora 30 anos

O Shopping Cener Iguatemi, o primeiro de grande porte a ser construido no Ceará, comemora 30 anos. Para marcar a data, a Assembleia Legislativa promoverá nesta segunda-feira, a partir das 19 horas, uma sessão solene.

A iniciativa é dos deputados Hermínio Resende (PSL) e Fenadna Pessoa (PR). Na ocasião, haverá homenagem ao controlador do shopping, o ex-senador Tasso Jereissati.

Varias lideranças empesariais e políticas marcarão presença. O shopping vive no momento maios uma expansão. Tasso Jereissati constroi atualmente dois novos shoppings fora do Ceará: um em Belém (PA) e outro no Mato Grosso do Sul.