Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

IPC-S sobe em seis das sete capitais pesquisadas pela FGV

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) aumentou em seis das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas (FGV) na segunda semana de janeiro. O resultado divulgado nesta terça-feira (17) aponta que apenas Brasília apresentou queda em sua variação, ao passar de 0,4% para 0,32% entre a primeira e a segunda semana do ano.

De acordo com a pesquisa, as classes de despesa que mais contribuíram para esse resultado na capital do país foram transportes, que passou de 0,44% para 0,03%, e alimentação, de 0,86% para 0,61%.

Ainda segundo a FGV, a capital em que a inflação sofreu maior aumento nesse período foi Belo Horizonte, que registrou variação de 1,06%, na apuração realizada na segunda semana de janeiro, 0,12 ponto percentual acima do divulgado na apuração anterior (0,94%). Quatro das sete classes de despesa componentes do índice apresentaram aumento de preços, com destaque para vestuário e alimentação, cujas taxas passaram de -0,19% para 0,63%, e de 1,96% para 2,33%, respectivamente.

Porto Alegre foi a segunda capital com maior variação do índice na segunda semana de janeiro (de 0,04% para 0,13%), seguido de Salvador (1,10% para 1,15%). As taxas do Rio de Janeiro e de São Paulo subiram 0,03 ponto percentual entre as duas semanas e variaram de 1,38% para 1,41% e de 0,75% para 0,78%, respectivamente. Em Recife, o resultado ficou 0,01 ponto percentual superior ao da semana anterior (0,94%).

O IPC-S de 15 de janeiro de 2012 variou 0,97% – 0,04 ponto percentual acima da taxa divulgada na última apuração.

(Agência Brasil)

Cidade vulnerável

68 6

Em artigo publicado nesta terça-feira (17), no O POVO, a jornalista Adísia Sá relata os momentos de medo durante a boataria na greve dos policiais. Confira:

No dia em que Fortaleza parou, fechou as portas e nos refugiamos em casa – fruto de um alarme partido não se sabe de onde – ficou algo no ar: quem nos amedrontou e nos fez reféns de “não-sei-o-quê”? Correu o grito: “tranque as portas”, “não atenda telefonema”

A cidade parou. Eu, que estava em Beberibe, fui chamada com urgência pelo sobrinho: “Tia, venha para Fortaleza”. E vim às pressas, deixando de lado aquela maravilha que é a beira do Jaguaribe, comendo casquinho de caranguejo com caipirinha geladíssima e retornei. De onde eu estava e para onde vinha, o trajeto estava praticamente “morto” – lojas fechadas, ruas sem carros, sem gente. Aqui e ali, uma alma penada e nada mais. E o medo chegando devagar e tomando conta de mim: “O que está acontecendo?” Cheguei ao meu edifício, subi o elevador, abri o apartamento e me joguei na cadeira de balanço. “O que está havendo? O que fizeram?”

Nada. Ninguém. O medo, sim. Medo destilado por ligações alvoroçadas: “Não abra a porta para ninguém”. Nunca vi algo parecido, nem mesmo no período da guerra, quando tínhamos as janelas cobertas de pano preto, poucas lâmpadas acesas e raras “almas” nas ruas.

“O que está havendo?” Nada, absolutamente nada. Simplesmente fomos joguetes de arautos da boataria, do amedrontamento. Quem boatou, quem nos amedrontou? Ninguém e todos. Ai a origem do pânico, do medo, do susto. Não ouvi nada sobre a possível origem do que houve naquela terça-feira absurda. Ninguém escreveu, especulou sobre aquele “fenômeno”. “Foram os useiros e vezeiros de boatarias”.

Quando fomos abrindo as portas, saindo às ruas, mal nos olhávamos: estávamos envergonhados. Vergonha pelo medo irracional. Vergonha de termos caído no conto do “feche as portas”, “não abra para ninguém”.

PS: Onde estão os teóricos da psicologia das multidões? Os doutores da alma humana? Onde estão que não teorizam sobre o que houve? Está todo mundo com vergonha um do outro. Eita cearense frouxo: não escapa ninguém, está todo mundo no mesmo saco, com cara de tacho.

IBGE aponta 38.691 meninos e meninas em situação de trabalho

225 2

Entre 2009 e 2010, o Estado do Ceará saltou do 4º para o 15º lugar no ranking nacional do trabalho na faixa etária de 10 a 13 anos. É o que apontam os dados do censo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), segundo o procurador do Trabalho, Antonio de Oliveira Lima, a despeito da diferença nas faixas etárias e do uso de metodologias distintas no censo 2010 e na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2009, ambas realizadas pelo mesmo Instituto.

O procurador explica que os dados da Pnad-2009 indicaram a existência, à época, de 112.633 crianças e adolescentes de 10 a 14 anos em situação de trabalho no Estado e de 1.257.810 em todo o País. Já o censo 2010 apontou que havia 38.691 meninos e meninas de 10 a 13 anos ocupados no Ceará e 709.989 no Brasil.

Embora a diferença entre os números da Pnad e do censo seja, em parte, explicada pelo fato de a primeira incluir adolescentes de 14 anos (faixa etária cujos dados do censo ainda não foram divulgados), Antonio de Oliveira Lima destaca que a redução é muito significativa e não deve ser compensada totalmente pelo número que for atribuído à parcela de trabalhadores com 14 anos. Ele avalia que os dados do censo aproximam-se mais da realidade porque os da Pnad são estimativas a partir de amostra de domicílio.

“Os dados até aqui disponíveis evidenciam que as iniciativas do poder público e das entidades que integram a sociedade na prevenção e erradicação do trabalho infantil já começam a surtir importante efeito”, avalia o procurador. Ele ressalta que a faixa etária cujos dados do censo 2010 já foram liberados tem grande relevância tendo em vista que até os 13 anos de idade o trabalho é totalmente proibido no Brasil. Já entre 14 e 15 anos, é permitido apenas na condição de aprendiz. Dos 16 aos 17 anos, é permitido, desde que não seja em atividade insalubre, perigosa, penosa ou em horário noturno (a partir das 22 horas).

A colocação do Ceará no ranking nacional (15º) leva em conta a proporção do trabalho precoce frente à população existente na faixa etária em cada unidade federativa. No caso do Estado, a proporção de ocupados ficou em 5,8%. No País, o percentual de ocupados na faixa etária de 10 a 13 anos foi menor que o verificado no Ceará: 5,2%.

Apesar da melhora nos indicadores revelada pelo Censo 2010, Antonio de Oliveira Lima frisa que governos e sociedade não podem se acomodar. “Os desafios ainda são grandes. Temos de fazer nossa parte para que o País consiga cumprir o compromisso assumido com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) de erradicar as piores formas de trabalho infantil até 2016 e todas as formas de exploração do trabalho precoce até 2020”.

Ranking

Proporcionalmente, a situação do Ceará ficou melhor que as verificadas em Rondônia (9,1%), Amazonas (8,52%), Pará (8,25%), Acre (8,21%), Roraima (8,02%), Bahia (7,45%), Maranhão (7,28%), Piauí (6,98%), Alagoas (6,87%), Paraíba (6,66%), Mato Grosso (6,23%), Santa Catarina (6,16%), Pernambuco (5,90%) e Paraná (5,87%). No âmbito do Nordeste, o percentual constatado no Ceará é pior apenas que o encontrado em Sergipe (5,39%) e Rio Grande do Norte (4,04%).

(Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Trabalho no Ceará)

Prejuízo político

75 5

Para o deputado estadual Heitor Férrer (PDT), na relação de cão e gato envolvendo PT x PSB, quem tem menos interesse em desfazer a aliança é Cid Gomes e não Luizianne Lins. Cid, segundo Heitor, teria muito mais danos políticos do que a prefeita de Fortaleza.

O governador sem o PT de Luizianne, argumenta o parlamentar de oposição, poderia ficar sem Dilma Rousseff como aliada. E prescindir da presidente pode significar racionamento de verbas para projetos e obras estratégicas da gestão Ferreira Gomes. Sem contar que Cid não compraria uma briga com Dilma, que faria tudo para permanecer com o domínio eleitoral de uma capital importante como Fortaleza. Por isso, as cartas têm de ser dadas pelo PT que, mal ou bem, tem as rédeas do poder local.

No rol de prejuízos para Cid, Heitor Férrer também inclui um fantasma que o governador não tolera. “Cid não sabe conviver com uma oposição firme. Rompendo com os petistas, ele terá uma oposição partidária”, avalia. Hoje, na Assembleia Legislativa, Férrer é voz solitária entre os deputados titulares que fazem oposição ao Palácio da Abolição.

(Vertical / O POVO)

Presidente do PT conversa com Luizianne sobre sucessão

69 1

A prefeita de Fortaleza e presidente do Diretório Estadual do PT, Luizianne Lins, conversou ainda no último sábado (15) com o presidente nacional do partido, Rui Falcão. O POVO havia noticiado nesta segunda-feira (16) que a conversa estava prevista para ocorrer na própria segunda-feira, mas eles acabaram se falando ainda no fim de semana.

Conforme O POVO também já noticiou, a partir desta semana terá início a etapa decisiva de negociações entre a prefeita e as diversas tendências do partido para fechar o nome do candidato petista à Prefeitura de Fortaleza.

Terminou no último domingo (15) o prazo definido pela direção nacional da sigla para que os diretórios nas capitais e cidades com mais de 200 mil eleitores apresentassem propostas de apoio a candidatos a prefeito de outros partidos. Entretanto, o diretório municipal de Fortaleza não recebeu nenhuma proposta de apoio a candidaturas fora do PT. Dessa forma, está descartada qualquer possibilidade de apoio petista, por exemplo, ao senador Inácio Arruda (PCdoB) ou a um nome do PSB, indicado pelo governador Cid Gomes.

Era aguardado também para o dia 15 o anúncio do nome que representará o PT na eleição de outubro. A própria direção estadual chegou a estabelecer esse prazo, embora o comando nacional só cobrasse a definição sobre ter ou não candidato próprio. No entanto, a indefinição quanto ao candidato, aliada ao turbulento início de ano na política cearense, inviabilizou o anúncio na data.

(O POVO)

Disparam casos de invalidez por acidentes no trânsito

Casos de invalidez permanente entre trabalhadores vítimas de acidentes de trânsito se multiplicaram por quase cinco entre 2005 e 2010, passando de 31 mil para 152 mil por ano. Nos primeiros nove meses de 2011, houve novo aumento de 52%, para 166 mil, segundo números do DPVAT, seguro obrigatório pago por proprietários de automóveis.

Os dados revelam que a maioria dos acidentados –mais de 70% dos casos em 2011– usava moto e está em plena idade economicamente ativa (entre 18 e 44 anos).

O quadro preocupa a Previdência Social, que teme ter de arcar com os custos de uma geração de jovens aposentados por incapacidade.

“O que mais tem crescido é a concessão de aposentadoria por invalidez devido a acidentes com motos”, diz Leonardo Rolim, secretário de Políticas de Previdência.

Projeções apontam que o INSS gastou R$ 8,6 bilhões com benefícios gerados por acidentes de trânsito. A cifra representa 3,1% de todas as despesas previdenciárias.

(Folha)

Comitiva visita nesta segunda-feira as obras do Castelão

95 3

O Castelão recebe nesta terça-feira (17) a visita da comitiva formada pelo secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, pelo Ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e pelo ex-jogador Ronaldo Nazário, membro do Comitê Organizador Local. O momento será fundamental para mostrar que o estádio, com obras adiantadas, anda “bem na fita” para receber jogos da Copa das Confederações de 2013 e Copa do Mundo de 2014. O POVO se antecipou e realizou, com exclusividade, a mesma visita, ao lado do secretário especial da Copa 2014, Ferruccio Feitosa, conferindo detalhes da reforma da praça esportiva.

“Do centro do campo de jogo, a visão do gramado já rebaixado em quatro metros e a distância para as cadeiras inferiores diminuída em 10 metros deixarão o estádio mais aconchegante aos visitantes e, futuramente, aos torcedores”, garante Ferruccio.

Com relação à coberta do estádio, as peças da primeira coluna da estrutura metálica já compõem o cenário, mas serão colocadas em fevereiro. As cadeiras dão colorido às arquibancadas ainda em fase de testes e serão escolhidas no final de janeiro. “Queríamos comprar as cadeiras até maio, mas resolvemos nos antecipar. Por isso, até o fim do mês vamos escolher a mais adequada”, afirmou o secretário.

A primeira rampa de acesso ao anel inferior do estádio também está em andamento, assim como a estrutura de ligação da Etapa I com a Etapa II. Nas arquibancadas superiores, a duplicação das escadas de subida para as cadeiras chama a atenção. Em meio à poeira, quem também ganha forma é o Edifício Central, dando ao Castelão mais feição de estádio.

Buscando “fiscalizar” com mais afinco, a Fifa agora realizará inspeções bimestrais nas 12 sedes.

Mesmo com ritmo adequado de obras, a entrega antecipada do Castelão depende da quadra chuvosa deste ano. “Dependendo de como vai ser a quadra chuvosa, já em junho deveremos ter definição se vamos cumprir o prazo ou antecipar algum dia”, declarou Ferruccio. A meta é de finalização em dezembro de 2012 ou, talvez, antes disso.

Prefeita não é empregada da FIFA

“A prefeita Luizianne Lins não é empregada da FIFA, eu não sou empregado da FIFA, a população de Fortaleza não é empregada da FIFA”, disparou o coordenador de projetos especiais da Prefeitura de Fortaleza, Geraldo Accioly, durante entrevista nesta segunda-feira (16) ao programa Revista O POVO/CBN, da rádio O POVO/CBN (AM 1010).

A declaração foi dada após Geraldo ser questionado se a assinatura da ordem de serviço de obras em vias de Fortaleza teria sido antecipada em função da visita da FIFA à capital cearense. Após a declaração, o coordenador completou esclarecendo que o motivo foi apenas o fim do processo licitatório.

De acordo com Accioly, as obras do primeiro lote de intervenções visando à Copa de 2014 serão iniciadas na próxima semana e têm previsão de conclusão em agosto de 2013. As intervenções envolvem trechos das avenidas Alberto Craveiro, Via Expressa, Dedé Brasil, Paulino Rocha e Raul Barbosa.

(O POVO / O POVO Online)

Brasil fecha 2011 com recorde de habilitações de celulares

O Brasil fechou 2011 com mais de 242,2 milhões de linhas de celulares, um recorde no número de habilitações. Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (16), pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), 39,3 milhões de novas linhas para a telefonia móvel foram instaladas no ano passado.

O número de habilitações é o maior desde o início do levantamento, em 2000. Em relação a 2010, a instalação de novas linhas registrou crescimento de 19,36%. Apenas em dezembro, foram mais de 6,1 milhões de habilitações, maior volume registrado para o mês. Em dezembro de 2010, 5,4 milhões de linhas haviam sido ativadas.

A penetração da telefonia móvel voltou a bater recorde. Em dezembro de 2011, havia 123,87 linhas em operação para cada 100 brasileiros. Em comparação a 2010, quando a proporção era de 104,68 linhas, o crescimento foi 18,33%.

Ao longo do ano, mais dez estados – Sergipe, Acre, Amazonas, Ceará, Paraíba, Roraima, Alagoas, Bahia, Pará e Piauí – ultrapassaram o índice de um celular por habitante. Agora, apenas o Maranhão registra menos de uma linha por morador, com 80,39 acessos para cada 100 habitantes. O Distrito Federal (DF) ultrapassou o índice de duas linhas móveis em serviço por habitante. Em dezembro, o índice no DF atingiu 212,27 linhas por grupo de 100 habitantes.

Do total de linhas móveis em operação no país, 81,81% (191,2 milhões) eram pré-pagos no fim de 2011. A proporção de linhas pós-pagas atingiu 18,19% – 44 milhões. Em 2010, havia 167,1 milhões de linhas pré-pagas (82,34%) e 35,8 milhões pós-pagas (17,66%).

(Agência Brasil)

Sobe para 29 o número de desaparecidos no naufrágio do Costa Concordia

As autoridades italianas atualizaram na noite desta segunda-feira (16) para 29 o número de desaparecidos no naufrágio do cruzeiro Costa Concordia. Pelo menos seis pessoas morreram no incidente com o navio, que transportava 4,2 mil pessoas, entre passageiros e tripulantes. Até então as autoridades trabalhavam com o número de 16 desaparecidos.

O Itamaraty confirmou que 57 brasileiros, turistas e funcionários, viajavam no cruzeiro. Todos foram resgatados com vida.

As autoridades também podem declarar estado de emergência, já que cerca de 2,4 mil toneladas de combustível poderiam vazar do navio, causando um grande impacto ambiental na costa da Toscana.

O Costa Concordia naufragou na noite de sexta-feira (13), após se chocar com uma rocha na Ilha de Giglio. O chefe da Guarda Costeira local, Marco Bruso, disse que ainda há uma “ponta de esperança” de encontrar sobreviventes, mas reconheceu que as chances são pequenas.

A maioria dos passageiros era dos Estados Unidos, da Alemanha, França e Itália. A embarcação havia deixado o porto de Civitavecchia na manhã de sexta-feira para um cruzeiro de uma semana pelo Mediterrâneo.

Nacionalidades (Atualização às 10h34min)

O governo italiano divulgou na manhã desta terça-feira (17) a nacionalidade das 29 pessoas que continuam desaparecidas após o naufrágio do navio de cruzeiro Costa Concordia na sexta-feira (13), que até o momento deixou seis mortos. Entre os que ainda são buscados estão 25 passageiros e quatro tripulantes, sendo 14 alemães, quatro franceses, dois americanos, uma peruana, um indiano e um húngaro.

(BBC Brasil)

Presidente do Supremo nega liberdade a José Rainha Júnior

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Cezar Peluso, negou pedido de liberdade para o líder sem-terra José Rainha Júnior. Ele foi preso em junho do ano passado sob acusação de envolvimento em desvios de verbas destinadas a assentados no Pontal do Paranapanema. A Polícia Federal estima irregularidades que somam R$ 5 milhões.

Segundo o pedido formulado pela defesa, houve “constrangimento ilegal” na prisão de Rainha Jr., pois ele teria sido preso por suposta ameaça a testemunha.

Ao decidir, Peluso afirmou que “não é caso de liminar”. Segundo ele, a ordem de prisão contém a devida fundamentação. Além de Rainha Jr., a liminar também pedia a liberdade de Claudemir da Silva Novais e Antonio Carlos dos Santos. Eles foram presos suspeitos de integrar organização criminosa voltada para a prática de crimes ambientais, de peculato, apropriação indébita e extorsão.

Pedidos semelhantes já foram negados nas instâncias inferiores da Justiça.

MST

Expulso do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) em 2007, José Rainha Júnior continuou comandando invasões de terras com a bandeira do movimento.

Ele já havia sido preso anteriormente sob acusação de furto, formação de quadrilha, coautoria em dois homicídios e porte ilegal de arma, entre outros crimes.

(Folha)

Estudo pode levar à produção industrial de vasos sanguíneos

Cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, construíram em laboratório três tipos principais de células que formam os vasos sanguíneos. A pesquisa pode abrir caminho para a produção em série dessas estruturas.

A fabricação de vasos pode ser uma alternativa menos arriscada que alguns procedimentos cirúrgicos que envolvem o sistema circulatório, como as pontes de safena.

Embora as células sanguíneas e as cardíacas já tenham sido criadas em laboratório antes, a partir de células-tronco, esta foi a primeira vez que todos os principais tipos de músculos lisos foram desenvolvidos em um sistema que poderia ser transposto para uma escala industrial.

Os resultados fazem parte de um estudo divulgado nesta segunda-feira pela revista científica “Nature Biology”. “Esta pesquisa representa um importante passo para a geração do tipo correto de músculo liso para a construção de novos vasos sanguíneos”, afirma o cientista que liderou o estudo, Sanjay Sinha.

Os músculos lisos são localizados nas paredes de órgãos ocos, como os vasos sanguíneos. “Entre outros pacientes que podem se beneficiar destes novos vasos sanguíneos, estão aqueles com insuficiência renal que necessitam de enxertos vasculares para a diálise”, disse o cientista.

Pureza

Na pesquisa, os cientistas usaram células-tronco embrionárias — capazes de formar qualquer tipo de célula no corpo– que foram retiradas de amostras da pele de pacientes. Com elas, foi encontrado um meio para criar músculos lisos vasculares de alto grau de pureza.

Os cientistas concluíram ainda que as origens distintas destes músculos lisos –que se originam de tecidos distintos ainda nos primeiros estágios do embrião– podem levar a doenças vasculares comuns, como aneurismas da artéria aorta e arteriosclerose.

“Podemos começar a entender como a origem dos músculos lisos afetam o desenvolvimento de doenças vasculares, e por que algumas partes do sistema circulatório são protegidas de doenças”, disse Sinha.

(BBC Brasil)

Ronaldo diz ter missão de fazer povo acreditar na Copa

Conselheiro do Comitê Organizador Local (COL), o ex-jogador Ronaldo Nazário resumiu como o de um garoto propaganda seu principal papel na organização do evento.

“A minha principal missão é fazer com que brasileiro acredite nisso. Fazer com que brasileiro fique orgulhoso de receber a Copa do Mundo, que é o maior evento do mundo”, disse Ronaldo em entrevista coletiva ao lado do secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, e do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, nesta segunda-feira (16), em Brasília.

Questionado depois se teria algum poder de decisão no COL, ele afirmou que tomará decisões burocráticas junto com Ricardo Teixeira, presidente do COL e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Revelou ainda que o comitê terá outro membro.

“Só estamos no aguardo de escolher mais um membro para o conselho. Seremos três: eu, Ricardo Teixeira e mais um. Aí teremos que tomar as decisões juntos e até em algumas questões no voto”, afirmou o ex-jogador.

Ele manifestou irritação por ser perguntado novamente se teria papel de decisão. “Já havia respondido essa pergunta na última entrevista, mas ela insiste em voltar”.

(Agência Estado)

Burocracia consome 70% da verba de combate à corrupção

41 1

Num ano em que seis ministros deixaram seus cargos por suspeitas de irregularidades em suas pastas e outros 564 servidores federais foram afastados do serviço público acusados de práticas ilícitas, o total investido pelo governo no combate à corrupção não fez nem sombra ao prejuízo calculado pela Advocacia-Geral da União (AGU) de R$ 2,14 bilhões aos cofres públicos.

De acordo com dados publicados no Portal da Transparência do governo federal foram gastos pouco mais de R$ 50 milhões com o Programa de Controle Interno, Prevenção e Combate à Corrupção em 2011, sendo que deste total, R$ 35,8 milhões, ou cerca de 70%, foram usados apenas na gestão e na administração do programa executado pela Corregedoria-Geral da União (CGU).

(O Globo)

Juros sobre crédito a pessoa física têm maior queda dos últimos seis anos, diz Anefac

A taxa média de juros cobrados em operações de crédito para pessoas físicas atingiu, em dezembro do ano passado, a menor variação desde 1995. O índice ficou em 6,58%, o que representa uma redução de 0,09 ponto percentual sobre a variação de novembro (6,67%). No ano, as pessoas físicas que tomaram empréstimo pagaram juros de 114,84%, taxa que é 2,18 pontos percentuais menor do que a do acumulado de 2011 até novembro (117,2%).

Os dados são de pesquisa feita pela Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac). No comparativo com dezembro de 2010, quando o juro anual ficou em 119,97%, a queda foi de 4,28%,

Entre as seis linhas de crédito para pessoas físicas consideradas pelo indicador, apenas os juros do cartão de crédito foram mantidos estáveis em 10,69% ao mês. Todos os demais itens – cheque especial, empréstimos em bancos, empréstimos em financeiras, comércio e crédito direto ao consumidor (CDC) – tiveram redução em suas taxas.

O juro médio pago pelas empresas apresentou queda ainda mais expressiva, com redução de 3,01% no mês, passando de 3,98%, em novembro, para 3,87% em dezembro. Na taxa anual, houve retração de 3,67% e o indicador caiu de 59,92% para 57,72 %, ao ano, de um mês para o outro. Já no comparativo com dezembro de 2010, quando o índice ficou em 56,45% ao ano, houve elevação de 2,25% na taxa.

As três linhas de crédito pesquisadas apresentaram queda e a mais expressiva, de 5,73%, foi constatada nos descontos de duplicatas com os juros passando de 3,14% ao mês para 2,96%. No ano, a variação alcançou 41,51% ante 44,92% do mesmo período do ano anterior.

Pelas previsões da Anefac, os juros deverão continuar caindo, nos próximos meses. O vice-presidente da entidade, Miguel de Oliveira, justificou que, por um lado, o Ministério da Fazenda vem tomando medidas “para evitar uma desaceleração forte em nossa economia” e, por outro, o Banco Central tem sinalizado a possibilidade de ser mantida uma trajetória de queda da taxa básica de juros, a Selic, que passou de 10,75%, em dezembro de 2010, para 11%, em dezembro de 2011, com um aumento de 2,33%.

Nesta terça-feira (17), o Comitê de Política Monetária (Copom) faz a primeira reunião do ano de 2012, quando avaliará se altera a Selic, que está em 11%. As expectativas do mercado apontam para uma queda de 0,5 ponto percentual. Caso essa queda se concretize, será a quarta consecutiva.

(Agência Brasil)

Caminhonete do Ceará rodava em Mato Grosso com placas clonadas

77 1

Uma caminhonete Nissan Frontier XE25, tomada de assalto no fim do ano passado, no Ceará, foi recuperada neste fim de semana, no distrito de União do Norte, em Peixoto de Azevedo, a 608 quilômetros de Cuiabá, durante uma abordagem de rotina da Polícia nas estradas mato-grossenses.

De acordo com o registro da ocorrência, o veículo estava com placas clonadas do Pará. Um homem de 39 anos, que conduzia a caminhonete foi preso. Em depoimento, ele contou que não sabia que o veículo era roubado e que apenas a havia pego emprestado de seu cunhado. A Polícia descobriu a procedência da Nissan Frontier XE25 por meio do número do motor, após constatar a clonagem. O veículo deverá ser encaminhado à Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFV) do Ceará.

(com informações da Polícia de Mato Grosso)

Assembleia Legislativa divulga resultado de concurso

Do site da Assembleia Legislativa do Ceará:

Os candidatos inscritos no concurso público para Analista Legislativo da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará já podem consultar o resultado final na prova objetiva e do resultado provisório na prova discursiva. A Fundação CESPE da Universidade de Brasília divulgou, nesta segunda-feira, dia 16 de janeiro, o resultado final na prova objetiva e resultado provisório na prova discursiva, levando em consideração o cargo/área de conhecimento, número de inscrição, nome do candidato em ordem alfabética, nota final na prova objetiva e nota provisória na prova discursiva.
A Assembleia Legislativa do Ceará promove o concurso para provimento de cem vagas em cargos de nível superior e formação de cadastro de reserva.
Os candidatos poderão ter acesso à prova discursiva e aos espelhos de avaliação, bem como interpor recurso contra o resultado provisório na prova discursiva, das 9 horas do dia 17 de janeiro de 2012 às 18 horas do dia 18 de janeiro de 2012, observado o horário oficial de Brasília/DF, no endereço eletrônico  http://www.cespe.unb.br/concursos/al_ce2011. Os candidatos deverão utilizar o sistema eletrônico de interposição de recurso.
O candidato que decidir interpor recurso deverá ser claro, consistente e objetivo em seu pleito. Recurso inconsistente ou intempestivo será preliminarmente indeferido, assim como os recursos cujo teor desrespeite a banca também. Não será aceito recurso via postal, via fax, via correio eletrônico ou, ainda, fora do prazo e/ou em desacordo com o edital que regulamenta o concurso.
O resultado final na prova discursiva, a convocação para a avaliação de títulos e a convocação para a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência serão publicados no Diário Oficial do Estado do Ceará e divulgados na internet, no endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/al_ce2011, na data provável de 06 de fevereiro de 2012.

PT busca movimentos sociais para frear expansão do PMDB

73 3

O PT intensificou nos últimos meses seus contatos com os movimentos sociais na tentativa de aglutinar forças além do campo institucional para levar adiante projetos estratégicos e, sobretudo, confrontar o PMDB, o seu sócio de maior peso no condomínio do governo da presidente Dilma Rousseff.

Com sindicatos, movimentos sociais e manifestações populares, os petistas acreditam que poderiam desequilibrar a atual correlação de forças entre os dois partidos, inclusive nas eleições municipais deste ano, território onde o PMDB historicamente apresenta bons resultados: em 2008, os peemedebistas elegeram 1.207 prefeitos contra 558 prefeitos petistas.

O outro objetivo estratégico da ação é utilizar a pressão das entidades organizadas para fazer avançar no Legislativo e no Executivo projetos e discussões sobre temas em que o PMDB é frontalmente contra o PT, como a redução da jornada semanal de trabalho, por exemplo.

(Estadão)