Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Roberto Pessoa reúne adágios populares em livro

292 3

Nem só de política vive o ex-deputado federal Roberto Pessoa (PR).

Ele está se dedicando nos tempos de folga à elaboração de um livro que reunirá adágios populares de todo tipo. Diz que conta com um verdadeiro arsenal do gênero, mas que está aberto a colaborações das pessoas.

Roberto Pessoa espera lançar o livro no dia 21 de maio não somente em Fortaleza, mas também em Maracanaú e Juazeiro do Norte.

VAMOS NÓS – Quem quiser colaborar com o livro, pode enviar sugestão também para eliomardelima@gmail.com ou deixar na barra dos comentários do Blog.

STJ nega habeas corpus preventivo a Lula por unanimidade

Por 5 a 0, os ministros do Superior Tribunal de Justiça negaram, em julgamento nesta terça-feira, habeas corpus ao ex-presidente Lula. Todos seguiram o voto do relator. O objetivo do julgamento foi decidir se o petista pode começar a cumprir pena de 12 anos e 1 mês de prisão determinada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região depois de esgotados os recursos ao próprio TRF-4.

O ex-presidente ainda tem recursos pendentes no TRF-4 e no STF.

Lula foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex no Guarujá (SP). Após proferir a sentença condenatória, os desembargadores do TRF-4 determinaram a prisão logo após a conclusão da tramitação, no próprio tribunal, dos recursos da defesa. A decisão tem por base entendimento do STF , de outubro de 2016, segundo a qual a pena pode começar a ser cumprida após condenação em segunda instância da Justiça (caso do TRF). O habeas corpus preventivo impetrado pela defesa de Lula tem por objetivo evitar essa prisão.

(Com G1)

 

Fortaleza será sede do Fórum Nacional dos Dirigentes dos Institutos Fecomércio

A Fecomércio do Ceará, através do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Ceará (IPDC), promoverá, em sua sede, nesta quinta e sexta-feira, o X Fórum Nacional de Dirigentes dos Institutos Fecomércio.

O evento marcará também os 20 anos de atuação do IPDC do Ceará, responsável por desenvolver pesquisas, além de levar informações práticas e dados para auxiliar as ações de planejamento e desenvolvimento das empresas do comércio de bens, serviços e turismo.

Produção de veículos aumenta em fevereiro, diz Anfavea

A produção de veículos no país aumentou 6,2% em fevereiro na comparação com o mesmo mês de 2017, passando de 201,1 mil unidades para 213,5 mil. Comparada à produção de janeiro, houve queda de 2,1%. Em janeiro e fevereiro, a produção cresceu 15% ante o primeiro bimestre do ano anterior. Os dados foram divulgados hoje (6), pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

“Foi um bom fevereiro: passou da linha dos 200 mil. Lembrando que, em 2016, tivemos oito meses abaixo disso e, no ano passado, alguns meses. Ao que tudo indica, não vamos reduzir dessa linha. O bimestre também foi positivo, quase na média dos últimos 10 anos”, afirmou o presidente da Anfavea, Antonio Megale.

Segundo a Anfavea, as vendas aumentaram 15,7% ante fevereiro do ano passado, ao passar de 135,6 mil para 156,9 mil veículos vendidos. Na comparação com janeiro, entretanto, houve queda de 13,4%. No primeiro bimestre, foram licenciados 338,1 mil veículos, o que representa aumento de 19,5% em relação mesmo período do ano passado.

“O número de fevereiro é interessante. Houve queda em relação a janeiro, mas fevereiro teve quatro dias úteis a menos. O número não é ruim, está acima do de fevereiro de 2017 e mostra crescimento. Se considerarmos o emplacamento diário com a média de 8,7 mil, é um bom começo de ano. O crescimento no bimestre não é grande, mas mostra recuperação. Estamos abaixo da média dos últimos 10 anos, mas estamos na trajetória de crescimento, o que é mais importante” afirmou Megale.

A exportação de veículos montados cresceu 42,9% % em fevereiro na comparação com janeiro, ao atingir as 66,3 mil unidades. Em relação a fevereiro no ano passado, a venda para o exterior caiu 1,2% e no bimestre, aumento de 7,2%.

“Foi um número expressivo no mesmo padrão do ano passado. Batemos recorde histórico para o bimestre com um número positivo que mostra que a força das exportações vai trazer um bom ano. Acordos comerciais que estão evoluindo estão ajudando a consolidar nossas exportações”, ressaltou o presidente da Anfavea.

De acordo com a associação, o emprego no setor automobilístico teve estabilidade entre janeiro e fevereiro, com elevação de 1,1%, passando de 128,9 mil postos de trabalho para 130,4 mil em fevereiro. Ante fevereiro de 2017, quando havia 127,2 mil postos ocupados, o setor registrou aumento de 2,5%.

“A pequena variação mostra que, a conta-gotas, a situação está melhorando. Em janeiro, havia 1721 pessoas em lay-off e PPE e em fevereiro esse número é de 1344 pessoas. São 936 em PPE e 498 em lay-off [suspensão temporária do contrato de trabalho]. Praticamente 300 pessoas a menos e, gradualmente, caindo, à medida que as fábricas vão retomando a produção, aumentando turnos e chamando mais pessoas”, acrescentou Megale.

(Agência Brasil)

MPCE, OAB e Judiciário apuram atos infracionais em Crateús

A 3ª Vara da Comarca de Crateús, presidida pelo juiz de Direito Marcos Aurélio Marques Nogueira, em parceria com o Ministério Público do Estado do Ceará, através da promotora de justiça Milvânia de Paula Britto Santiago, iniciou, nesta terça-feira (6), o mutirão para apurar os atos infracionais previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/90). A informação é da assessoria de imprensa do MPCE.

O mutirão também conta com o apoio do presidente da Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE) em Crateús, Marcelo Gleidson Cavalcante Melo, e do superintendente do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo, Alysson Pedrosa Magalhães.

Para tanto, estão designadas 120 audiências ainda para esta quarta e quinta-feira e para os dias 13, 14 e 15 próximos, sendo 60 audiências de instrução e julgamento para aplicação de medidas socioeducativas aos adolescentes em conflito com a lei.

STJ – Maioria dos ministros rejeita habeas corpus a Lula

Três ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e o advogado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já se posicionaram no julgamento sobre o pedido de habeas corpus para o ex-presidente. Em seu voto, o relator negou o habeas corpus. Os votos dos ministros Reynaldo Soares da Fonseca e Jorge Mussi acompanharam o voto do relator.

A defesa tenta impedir a prisão após se esgotarem os recursos no Tribunal Regional Federal da 4° Região (TRF-4), que condenou Lula no âmbito da Operação Lava Jato. O julgamento ocorre nesta terça-feira, 6, no prédio sede do STJ, em Brasília, na sala de sessões da Quinta Turma.

O julgamento termina daqui a pouco.

PSTU lança uma operária sapateira como pré-candidata à Presidência da República

O PSTU está lançando a pré-candidatura de Vera Lúcia à presidência da República. Operária sapateira, negra, Vera é uma reconhecida ativista sindical e política de Sergipe. Ela aparece em primeiro lugar em pesquisa espontânea para o governo do Estado. As informações são da assessoria de imprensa do partido.

Natural do sertão pernambucano, Vera tem 50 anos e migrou com parte da família para a periferia de Aracaju, fugindo da seca. Começou a trabalhar como costureira na produção de sapatos aos 19 anos, iniciando aí sua militância sindical. Foi expulsa do PT em 1992 por defender o “Fora Collor” junto com a corrente que daria origem ao PSTU dois anos depois.

Para a vice-presidência, o PSTU apresenta a pré-candidatura de Hertz Dias. Natural da região metropolitana de São Luís (MA), Hertz tem 47 anos e é professor da rede pública. Tem atuação destacada no movimento negro, em especial no hip hop. É um dos fundadores do Movimento Hip Hop Militante “Quilombo Brasil”, com várias ramificações pelo país. É integrante e vocalista do grupo Gíria Vermelha, conhecido no segmento por suas canções de protesto repletas de críticas sociais.

O PSTU lançou, ainda, o manifesto “Um chamado à rebelião! Um projeto socialista contra a crise capitalista”, cujo objetivo é discutir com o ativismo, nas fábricas, escolas e periferias, a construção de um programa socialista nas eleições de 2018.

*Acesse o site do manifesto: http://projetosocialista.com.br/

(Fotos – Divulgação)

Camilo anuncia promoção de mais de 1.700 professores

Mais de .700 professores da rede do Estado serão promovidos até maio próximo. Anunciou, nesta terça-feira (6), via Facebook, o governador Camilo Santana (PT), adiantando que essa promoção vai representar aumento da folha de pagamento de até R$ 2,1 milhões mensais

O pagamento da promoção por titulação de 1.731 professores ocorrerá no primeiro dia útil do próximo mês de maio.

Camilo informou também que, nesta quinta-feira (8), no Palácio da Abolição, divulgará o balanço dos alunos da rede estadual que ingressaram no Ensino Superior por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017 e do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

O passado não é mais como era antigamente

Com o título “O passado não é mais como era antigamente”, eis artigo do jornalista Haroldo Barbosa. Ele comenta este mundão de Deus cheio de manipulações na mídia, ao sabor dos interesses de grupos e nações. Confira:

Quem controla o passado, controla o futuro; quem controla o presente, controla o passado…

A frase acima do livro 1984, de George Orwell, publicado em 1949, é um dos casos em que a vida imita a arte. Desde há muito tempo os poderosos sonham com a possibilidade de controlar a história e mais que isso: a memória, as recordações das pessoas. Hoje com o big data, a globalização e o consumo de informações de forma quase que exclusivamente virtual, isto já está acontecendo. Assim, a história pode ser constantemente reescrita, ter passagens suprimidas ou acrescidas ao bel prazer de um punhado de milionários, governos e corporações. E o valor disto para estes é incomensurável, afinal quem controla o passado…

Quanto vale, por exemplo, para a Wolkswagen apagar da sua história o fato de que usou mão de obra escrava fornecida pelo nazismo em suas fábricas durante a II Guerra Mundial?

O quanto é importante para os donos do jornal Folha de São Paulo fazer esquecer o fato de que apoiaram e financiaram a ditadura militar brasileira iniciada com o golpe de 1964?

O que o pré-candidato à presidência, Jair Bolsonaro, que hoje posa de machão e defende o armamento de todos como parte da solução para a violência, daria para fazer esquecer o momento em que armado, foi assaltado, não reagiu, entregou a moto e a pistola aos dois assaltantes e ainda disse “mesmo armado, me senti indefeso”?

Os casos acima são exemplos bem conhecidos e dos quais restam registros, mas e os milhares, senão milhões de outros que ocorreram, estão ocorrendo e vão ocorrer?

Em seu livro Sociedade do Espetáculo (1968), Guy Debord falando dos regimes totalitários diz que “O projeto, já formulado por Napoleão, de ‘dirigir monarquicamente a energia das recordações’ encontrou a sua concretização total numa manipulação permanente do passado, não só nos significados mas também nos fatos’.

Este ano o governo chinês proibiu mencionar em redes sociais palavras e termos críticos ao Partido Comunista e ao ditador chinês, Xi Jinping. Entre os vários termos, curiosamente estão os livros “1984” e “Revolução dos Bichos”, de Orwell. Se você quiser escrever determinadas palavras, simplesmente as mesmas não serão publicadas e nem buscas feitas pelos termos proibidos.

O desaparecimento, a proibição, a não divulgação e a alteração de conteúdo vem sendo cada vez mais constantes. Há muito que ativistas como Julian Assange, do Wikileaks, denunciam estes fatos. Em seu livro “O Filtro Invisivel”, Eli Pariser chama atenção para a s bolhas criadas pelo Google, Facebook, Amazon e outros, para que seus acessos, resultados de busca e etc. sejam controlados e direcionados.

No livro “Quando O Google encontrou o Wikileaks”, Assange cita o caso de artigos tirados do ar ainda em 2003 pelo jornal inglês Guardian e de sites que denunciaram construtoras e que não encontraram mais servidores que quisessem mantê-los online.

Em agosto de 2017, um dos maiores portais de notícia do Ceará simplesmente sumiu do dia para a noite com uma notícia que tratava da remoção da defesa das dunas do parque do Cocó. E os exemplos são muitos.

Mas o arsenal de manipulação vai além. Donald Trump, presidente norte-americano eleito com base em mentiras, é um dos maiores expoentes da pós-verdade, na qual não importam os fatos reais, o que aconteceu, mas sim no que se acredita. Trump usa largamente as redes sociais para falar diretamente a seus seguidores, evitando a imprensa e atacando jornalistas e veículos que podem contestá-lo.

Muitos outros políticos seguem seu exemplo e buscam dirigir-se diretamente a seu público. O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), é um deles. Ele usa seu perfil para anunciar obras e ações, dar broncas em secretários e até para divulgar reajuste salarial dos servidores. Na era da pós-verdade, é mais cômodo fazer monólogo.

Vivemos em uma era na qual ao comprar uma TV já aceitamos ser gravados em casa, temos nossa privacidade violada por aplicativos em computadores e smartphones, somos vigiados por milhares de câmeras nas ruas e em locais privados e até mesmo nosso direito à memória e a história nos está sendo negado.

*Haroldo Barbosa,

Jornalista.

Prazo para o troca-troca partidário começa nesta quarta-feira

Começa nesta quarta-feira a chamada “janela partidária”, prazo de 30 dias para que políticos com mandatos legislativos – na Câmara dos Deputados e Assembleias Legislativas, possam trocar de legendas, sob a proteção da lei.

Neste ano, a “janela” apresenta um ingrediente novo: a compra e venda do passe de um atual ou provável deputado federal com os recursos públicos do Fundo da Eleição, administrado pelas direções nacionais das agremiações.

O mês da “janela” também vai além da troca de siglas por detentores de mandatos proporcionais. Políticos sem mandatos, também aproveitam esse momento se têm alguma pretensão eleitoral. É que 7 de abril é a data limite para quem queira participar da disputa deste ano estar filiado a uma agremiação.

Quatro secretários já comunicaram ao prefeito que disputarão mandato

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), informa: “Já me comunicaram que deixarão o Paço agora em abril para disputar mandato: Queiroz Filho (Chefe de Gabinete), Evaldo Lima (Secultfor) , Mosiah Torgan (Secretaria do Desenvolvimento Econômico) e Antônio José (Titular da SER VI).”

Queiroz Filho (PDT) e Evaldo Lima (PCdob) disputarão cadeira de deputado estadual, enquanto Mosiah Torgan (DEM), filho do vice-prefeito Moroni Torgan, e Antonio José (PP), filho do presidente da Assembleia Legislativa, postularão vaga de deputado federal.

(Foto – Paço Municipal)

 

Projeto torna obrigatória fixação de placas nos terminais com horário dos ônibus

O vereador Acrísio Sena (PT) apresentou, nesta terça-feira, o projeto de lei nº 53/2018. A matéria dispõe sobre a obrigatoriedade de fixação de placas informando os horários das linhas de ônibus nos terminais de Fortaleza.

“A ideia é que o cidadão saiba de quanto em quanto tempo haverá um ônibus à sua disposição. Isso com certeza fará com que as empresas melhorem o serviço, pois as pessoas poderão cobrar mais agilidade com base na informação disponível”, explicou o petista.

VAMOS NÓS – E as placas luminosas que a Etufor instalou, num passado recente, nos terminais? Só serviam mesmo de propaganda?

(Foto – CMFor)

Senador arrependido por ter derrubado Dilma vai apoiar Bolsonaro

O senador Telmário Mota, de Roraima, aquele que vira e mexe distribui sopapos na rua, enfim, conseguiu espaço na imprensa nacional sem precisar responder sobre as confusões em que costuma se meter. Na semana passada, segundo informa a Coluna Radar, da Veja Onlinel, ele bradou da tribuna seu arrependimento por ter votado a favor do impeachment da Dilma Rousseff, de quem foi aliado até os estertores do governo petista.

Telmário disse ainda ter descoberto recentemente que Michel Temer e seus amigos, a quem ele abraçou após a queda da ex-presidente, formam uma “quadrilha”. Depois de se coligar ao PT e derrubar Dilma, enaltecer e fuzilar o MDB, o que Mota pretende fazer quando chegar em frente à urna no final do ano?

Mota vem dizendo que pretende votar no deputado fluminense Jair Bolsonaro para presidente. Ou seja, a tomar pelo passado recente, a próxima declaração de guerra do senador terá como alvo um sujeito tão acostumado à pancadaria quanto ele.

Ceará escapa da lista de estados em situação financeira de penúria

429 1

Da Coluna O POVO Economia, da jornalista Neila Fontenele, no O POVO desta terça-feira:

O economista Raul Veloso fez uma análise dos resultados fiscais estaduais acumulados entre 2015-2017, em relação aos ocorridos entre 2011-2014. Os números realmente surpreendem: o que era um superávit total de R$ 11 bilhões, transformou-se em um déficit de R$ 46 bilhões.

O Ceará escapou da lista dos estados em situação fiscal de penúria e está entre os dez em melhor situação. Eis o ranking de quem conseguiu um resultado positivo em 2017: Alagoas (14,7%); Espírito Santo (12%); Rondônia (10,7%); Maranhão (8,2%); Mato Grosso do Sul (4,4%); Ceará (4,3%); Piauí (3,3%); Paraná (2%); Amapá (1,7%); e São Paulo (0,4%).

(Foto – Veja)

Cid Gomes é denunciado por crime ambiental pelo MPF. O ex-governador rebate

O Ministério Público Federal no Ceará denunciou o ex-governador Cid Gomes pela prática de desmatamento e construção irregular em Área de Preservação Ambiental (APA) da Serra da Meruoca, no Norte do Ceará. Segundo a denúncia, Cid Gomes é sócio-proprietário da empresa Condomínio Terra Nova e Comunicação, responsável pela obra irregular. Além dele, também é réu na denúncia Antônio Disraeli Azevedo Ponte, sócio-administrador da empresa. A informação é da assessoria de imprensa do MPF do Estado.

De acordo com o MPF, agentes de fiscalização do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e agentes ambientais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) constataram a construção de empreendimento em Área de Preservação Permanente no interior da APA Serra da Meruoca, considerada como Zona de Vida Silvestre. Além disso, foi identificada a supressão de 1,4 hectare de vegetação nativa na área, integrante do bioma Mata Atlântica. Conforme relatório do ICMbio e do Ibama, as intervenções observadas no local resultaram na alteração da paisagem e na descaracterização do relevo natural da área.

O MPF apurou que a empresa Condomínio Terra Nova e Comunicação não possuía qualquer autorização para realizar a construção, a qual somente seria possível para fins de utilidade pública ou interesse social, sendo imprescindível, ainda nesses casos, a autorização do órgão ambiental competente, o que não aconteceu.

Outro lado

A assessoria de comunicação de Cid Gomes manda nota para o Blog sobre o caso e informa: A área (cerca de 0,4 hectares) objeto da denúncia não tinha nenhuma mata nativa. Ela faz parte de um terreno de 42,4 hectares que foi inteiramente antropizada para roça e pastoreio de gado por proprietários anteriores.
A construção tem alvará de licença de construção emitido pela Prefeitura Municipal de Meruoca.
Tudo isto será demonstrado em juízo.

Uma pregação pela paz

Com o título “Queremos paz”, eis artigo do deputado estadual Carlos Matos (PSDB). Ele comenta políticas públicas e ações contra a violência no Estado. Faz uma pregação pela paz. Confira:

Não assumir a crise parece que tem sido a estratégia central do governo, como bem explica o colunista do O POVO, Érico Firmo, em recente artigo. O melhor seria assumir os erros das políticas públicas ao longo dos últimos anos.

Em 2013, o próprio governo mudou a metodologia da divulgação do índice de assassinatos por mês, e 2018 já aponta aumento de 28% das mortes violentas.

Em 2006, quando o governador Cid criou o Ronda do Quarteirão, a promessa era de darmos um salto na segurança pública, o que gerou enorme expectativa, mas de lá pra cá, só pioramos. Enquanto a população do Ceará cresceu 32% de 1996 até hoje, a taxa de homicídios cresceu alarmantes 871%.

É hora de Agir!

Queremos construir a paz entre os jovens, com esporte, ocupação e estudo. Somente 54% dos jovens do Ensino Médio estão na escola. E a evasão escolar? Dos jovens que cometem crime, 97% estão a, pelo menos, seis meses fora da escola.

Queremos mais atenção para as famílias vulneráveis. As politicas sociais não têm dado a resposta esperada. A sociedade se esforça para gerar recursos como o Fundo de Combate à Pobreza (Fecop), no entanto, mais de 30% é destinado para outros fins que não o público-alvo como definiu a lei que o criou. Precisamos valorizar a família, ela é vital para gerar a paz na cidade e no estado.

O fracasso na ressocialização dos presos transforma presídios e unidades socioeducativas em escolas do crime dominadas pelas facções criminosas. Reajamos! Não interessa o fracasso do estado, a vitória do crime, a derrota do cidadão e a decepção com os governantes.

Acordemos! É hora de união! Busquemos soluções e sejamos protagonistas de um novo enredo, uma nova história para que possamos ter orgulho da nossa terra, e possamos viver em paz, buscando a dignidade de todos.

Temos que avançar para que não seja tarde, como nos convida a Campanha da Fraternidade 2018, que busca a superação da violência e fraternidade.

O corpo padece quando a cabeça não está unida. QUEREMOS PAZ!

*Carlos Matos

carlos.matos@al.ce.gov.br

Deputado estadual (PSDB).

Receita libera na quinta-feira lote residual de restituição do Imposto de Renda

Já está disponível para consulta o lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física. Neste lote, estão incluídas restituições residuais de 2008 a 2017. O crédito bancário para 76.644 contribuintes será realizado no dia 15 de março, totalizando R$ 170 milhões. Desse total, R$ 70.531.662,34 são para contribuintes com prioridade no recebimento: 15.365 idosos e 1.375 com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone (146). Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesse caso, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá fazer o pedido pela internet, mediante o formulário eletrônico Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

(Agência Brasil)