Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Italianos vão às urnas neste domingo em eleições gerais

Cerca de 46 milhões de italianos devem ir às urnas neste domingo (4) nas eleições gerais para reformular o Parlamento do país. O pleito que será disputado entre uma coalização de direita, outra de centro-esquerda e o Movimento 5 Estrelas (M5S), que se apresenta como sem ideologia e antiestablishment.

Os locais de votação abriram as portas às 7h local (3h, em Brasília) e fecharão às 23h local (19h). Imediatamente depois será iniciada a apuração, começando pelos votos do Senado e depois da Câmara dos Deputados.

Os italianos terão que escolher os 630 deputados e 315 senadores. Os líderes serão escolhidos a partir de um método misto, chamado de “Rosatellum bis”, no qual 36% das cadeiras da Câmara Baixa e Alta serão atribuídas com um sistema majoritário baseado em circunscrições uninominais e os 64% restantes de forma proporcional.

Além disso, estabelece um mínimo de 3% de votos para que os partidos possam entrar para as câmaras e de 10% caso concorram coligados. Os italianos terão amanhã em suas mãos duas cédulas, uma rosa para a Câmara dos Deputados e outra amarela para o Senado.

O Movimento 5 Estrelas (M5S), cujo candidato é Luigi Di Maio e já apresentou sua potencial equipe de Governo como gesto de transparência para os eleitores, lidera as preferências de voto.

As pesquisas estimam que será a legenda mais votada sozinha, com cerca de 30% das cédulas, e se for assim superaria amplamente o governamental Partido Democrata (PD, centro-esquerda) de Matteo Renzi, que nas previsões aparece com 23%.

(Agência Brasil)

OAB de Brasília promete reagir contra paralisação de juízes federais sobre auxílio-moradia. E aqui?

A Ordem dos Advogados do Brasil, regional de Brasília, anuncia: vai entrar na Justiça com ação contra juízes federais que paralisarem atividades dia 15 próximo. A luta da categoria é pela manutenção do famigerado auxílio-moradia.

Essa postura da Ordem do DF nos faz indagar: a OAB cearense manterá a postura de passividade sobre esse tema ou também reagirá?

Com a palavra o presidente da entidade, Marcelo Mota.

(Foto – OAB/CE)

Ramal falso – Nova modalidade de golpe em agência bancária surpreende pela ousadia

Uma professora do município de Fortaleza, de 52 anos de idade, foi vítima de uma nova e ousada modalidade de golpe no interior de agência bancária. Na tarde deste sábado (3), a professora realizou pagamentos no caixa eletrônico do Banco do Brasil da Messejana e efetuou um saque ao final da transação.

Ao conferir as contas pagas, o caixa eletrônico começou a fazer um barulho, como se mais dinheiro fosse ser sacado. Foi quando um dos golpistas a alertou para bloquear a retirada, como forma de prender seu cartão na própria máquina. Tanto o dispositivo do barulho da retirada como o que impediu a retirada do cartão foram colocados pelo golpista, enquanto a professora conferia as contas pagas.

Um outro golpista aconselhou a mulher a ligar do ramal que estaria à disposição na agência para bloquear seu cartão. O próprio golpistas entregou o aparelho do suposto ramal para a vítima.

Do outro lado da linha, uma suposta funcionária do banco colheu todos os dados do cartão bancário da professora e assegurou o bloqueio.

Segundo a professora relatou para o Blog, um suposto fio telefônico adentrava pela brecha da porta de vidro que dá acesso ao interior da agência, mas não havia visibilidade de comprimento.

Incomodada por ter fornecido todos os dados do cartão à suposta funcionária do banco, além de deixado o cartão preso ao caixa eletrônico, a professora retornou à agência minutos depois.

Para surpresa, o ramal havia desaparecido, assim como o cartão que deveria estar preso no dispositivo. Ao checar sua conta pela biometria, a professora percebeu uma retirada. A vítima também teme que compras no crédito tenham sido efetuadas, antes do verdadeiro bloqueio.

“Foi o meu presente antecipado de aniversário”, lamentou a professora que completa 53 anos na quarta-feira, 7.

Sinduscon e UFC firmam convênio de cooperação técnica

O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado do Ceará (Sinduscon-CE), André Montenegro, vai assinar, às 10 horas desta segunda-feira, no auditório do Centro de Tecnologi (Campus do Pici), convênio com o curso de Engenharia Civil da Universidade Federal do Ceará (UFC). Na prática, oficializará proposta de apoio mútuo entre as duas instituições, no que se refere à realização de atividades de ensino, pesquisa e extensão relacionadas à área da construção civil.

Na ocasião, o professor e presidente da Associação Técnico-Científica Eng.° Paulo de Frontin (Astef) fará a entrega de 120 capacetes de obras aos calouros do curso de Engenharia Civil.

A relação entre o Sinduscon-CE e o curso de Engenharia da UFC se estende a Uniconstruir – Unidade de Educação Corporativa do sindicato, que recebe, regularmente, disciplinas do curso, promovendo o intercâmbio entre universidade e mercado.

(Foto – Sinducson/CE)

Alta cúpula do PT acredita que Lula possa ser preso ainda neste mês

O ex-presidente Lula diz que vai até o fim e que o partido não tem plano B, mas, na alta cúpula do PT, a avaliação é que o seu pedido de prisão possa acontecer ainda em março. A informação está na revista Veja desta semana.

Será um baque gigantesco nas possibilidades eleitorais do ex-presidente, tanto juridicamente quanto de imagem, dizem lideranças petistas.

Resta ao partido seguir com o discurso de que Lula está sendo perseguido ou, com a ajuda dele mesmo, criar um nome alternativo.

Hoje, o PT está inclinado para a primeira opção.

 

Cirurgia de Neymar decorreu perfeitamente, diz CBF

O atacante do Paris Saint-Germain e da seleção brasileira Neymar Jr. passou hoje (3) por uma cirurgia no pé em Belo Horizonte. Segundo a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a cirurgia feita no Hospital Mater Dei “decorreu perfeitamente”.

Ainda de acordo com a CBF, a cirurgia consistiu “na colocação de um parafuso associado a um enxerto ósseo colocado ao nível da lesão do quinto metatarso direito.”

A reabilitação do jogador começará imediatamente, com acompanhamento do fisioterapeuta do PSG.

Daqui a seis semanas, será feita uma análise para precisar uma possível data de retorno às atividades esportivas.

(Agência Brasil)

Novo inquérito praticamente inviabiliza sonho de Temer tentar reeleição

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (3), pelo jornalista Érico Firmo:

No mesmo dia em que tomou posse o novo diretor da Polícia Federal, foi autorizada a inclusão do presidente Michel Temer (MDB) em mais um inquérito. É a segunda em andamento. E há duas denúncias apresentadas pela Procuradoria Geral da República (PGR) contra ele, suspensas por decisão da Câmara dos Deputados até que ele deixe o cargo.

O presidente acaba de trocar o diretor-geral da Polícia Federal que irá investigá-lo em mais um caso. Além dele, há dois poderosos ministros, Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral), alvos do mesmo inquérito. O antecessor de Rogério Galloro na PF, Fernando Segovia, caiu porque deu indicações de que o outro inquérito contra Temer seria arquivado.

A denúncia é divisora de águas para o governo Temer, para a Procuradoria Geral da República e para a Polícia Federal.

No plano político, o governo se via livre da necessidade de correr atrás de votos dos parlamentares e planejava inverter a relação. Cobrar fidelidade canina em troca de cargos e verbas. Enquanto isso, Temer apostava na melhora da economia para sonhar com uma candidatura à reeleição. Tudo isso ruiu ou ficou seriamente abalado.

A perspectiva de candidatura já era remota e sofreu mais um golpe. O inquérito sobre o favorecimento a empresa com mudança em regras no setor portuário tinha sinais de estar sendo enviado ao arquivo, conforme disse Segovia. Um presidente impopular ir para uma campanha de reeleição com a Polícia Federal o investigando não é algo que se possa chamar de confortável. Talvez nem viável.

Roberto Cláudio diz que teatro faz parte da formação dos jovens

“Estou cada vez mais convencido do impacto que a cultura exerce para transformar a juventude de Fortaleza”. A declaração é do prefeito Roberto Cláudio, durante visita ao teatro do Cuca do Jagurussu, que terá capacidade para 252 lugares, dois camarins e salas de controle de som, em um investimento de R$ 1.1 milhão.

“Nós estamos visitando a obra deste teatro, que foi entregue esta semana e vem fortalecer a cultura nesta área da Cidade, composta pelo Jangurussu, pelo Conjunto Palmeiras, pelo São Cristóvão e por todo o entorno. Poucas áreas da Capital dispõem de um equipamento cultural como este. Instalado no Cuca, ele passa a ser um equipamento de formação. Aqui, nós temos bailarinas, músicos, artistas. Talentos estão sendo descobertos. A juventude precisa de um espaço como este para expressar e qualificar o seu trabalho. A parte cenotécnica também será implantada, com iluminação, cortina e outros detalhes”, ressaltou o prefeito.

De acordo com o coordenador de Políticas Públicas de Juventude da Prefeitura de Fortaleza, Júlio Brizzi, o processo de conclusão da obra deverá ser finalizado até o início do segundo semestre deste ano.

“Pela complexidade do equipamento, a obra segue em etapas pela especificidade do acabamento e das necessidades gerais. A gente estima que, até o meio do ano, todo o processo esteja concluído. Mas é importante registrar que a utilização do teatro já está liberada. A região do Jangurussu tem uma grande concentração de jovens, que devem ser beneficiados a partir das atividades aqui desenvolvidas”, disse.

O secretário Executivo da Regional VI, Roberto Rios, avaliou positivamente a transformação pela qual o território vem passando ao longo da gestão do prefeito Roberto Cláudio.

“Eu moro nesta Regional ‪há 28‬ anos. Durante esse tempo, presenciei manifestações artísticas e culturais na chuva, em quadras com infraestruturas comprometidas e, literalmente, no meio da rua. É uma alegria muito grande observar que a cultura está evoluindo graças a equipamentos como este, que possibilitam a troca de experiências e de aprendizados”, comentou.

(Foto: Divulgação)

PSB reage ao apoio de Heitor a Capitão Wagner e aponta a “porta da rua”

1639 1

Em nota enviada ao Blog, o presidente do PSB no Ceará, deputado federal Odorico Monteiro, sugere que Heitor deixe o partido, após declaração de apoio a Capitão Wagner. Confira:

A decisão do deputado estadual Heitor Ferrér (PSB) em apoiar a candidatura do Capitão Wagner vai totalmente contra as deliberações do XIV Congresso Nacional do PSB, que se realizou nessa sexta-feira (2), em Brasília-DF.

O encontro deliberou pelo fortalecimento das teses socialistas do partido. É um congresso de unidade partidária.

Em relação à estratégia eleitoral para 2018, o partido orienta pelo fortalecimento das candidaturas que integram o arco de aliança de centro esquerda. O PSB tira como ponto central ser de oposição às candidaturas que compõem o centro liberal, conservador golpista e que fazem parte da extrema direita, conservadora e reacionária, a qual se alia a candidatura do Capitão Wagner.

Por isso, entendemos que o anúncio de que o deputado Heitor Férrer deverá apoiar o Capitão Wagner deve ser acompanhado, também, do seu anúncio de mudança partidária, pois o PSB do Ceará fechará questão em apoio à reeleição do governador Camilo Santana,que vem realizando um governo com característica popular socialista.

Odorico Monteiro,
Deputado federal e presidente do PSB Ceará

DETALHE – O XIV Congresso Nacional do PSB definiu como meta a eleição de 10 governadores pelo partido, mas no Ceará apoiará a pré-candidatura à reeleição de Camilo Santana.

Grupo de Zé Airton articula para fortalecer nome de Camilo em Fortaleza

446 2

Eudes Xavier à direita de Zé Airton na mesa dos trabalhos.

O deputado federal Zé Airton (PT) realizou, neste sábado, na sede da Editora Imeph, no bairro Aldeota, seminário para discutir ações do seu mandato e, claro, eleições 2018. Reuniu lideranças de vários pontos de Fortaleza e já articulou trabalho com objetivo de fortalecer o nome do governador Camilo Santana (PT).

A surpresa no encontro foi a presença do ex-deputado federal Eudes Xavier que, no passado, era do grupo político da deputada federal Luizianne Lins (PT).

Eudes agora é assessor político de Zé Airton.

(Foto – PT/CE)

Moradores do Icaraí e Tabuba cobram da Prefeitura solução contra o avanço do mar

2305 7

Moradores de condomínios situados nas praias do Icaraí e Tabuba, situadas em Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza), vão realizar, a partir das 16 horas deste sábado, um protesto. Eles querem chamar a atenção do prefeito Naumi Amorim (PMB) para prejuízos resultantes da ressaca do mar, fenômeno que se registra sempre nesse período do ano na costa cearense.

Anualmente, o fenômeno se registra naquela área do município, sem que a Prefeitura execute um projeto concreto de contenção. Segundo moradores, só há paliativos e nada de solução.

O prefeito Naumi Amorim informou para o grupo de moradores que não há recursos para obras no momento e que tentará em Brasília apoio do presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB).

Vários trechos da pista da Avenida Litorânea apresentam rachaduras e algumas barracas que ainda comercializavam entre Icaraí e Tabuba foram atingidas pela força das marés.

(Vídeo – Morador)

Uma ação preventiva do Crea em clima de ressaca do mar

O ex-presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea), Victor Frota, manda uma nota para este Blog, comentando o caso dos efeitos da ressaca do mar na Praia de Iracema, em Fortaleza:

Caro Eliomar de lima,

Ainda bem que fomos cautelosos e preventivos quando da elaboração do Laudo Técnico sobre a condição estrutural da Ponte dos Ingleses. Recomendamos a interdição até a sua adequada e indispensável recuperação.

Foi um trabalho de equipe constituída de profissionais integrantes da Academia Cearense de Engenharia e do Crea, em julho de 2017. 

Dois pesos e duas medidas

Em artigo no O POVO deste sábado (3), a jornalista Lucinthya Gomes aponta equívoco na visão do procurador-geral Plácido Rios, que diz ser “falho e ocioso” o sistema socioeducativo do País, ao mesmo tempo em que propõe manter o adolescente por mais tempo lá. Confira:

Onde falta saneamento básico, creche, posto de saúde, o convite para trabalhar como “avião” pode chegar antes mesmo dos 9 anos de idade. O carro para na esquina e o menino é usado para entregar o papelote com droga ao condutor. Quando o menino está entre os 9 e os 14 anos, os responsáveis pela boca já exploram o potencial dele para ser olheiro. Já tem que alertar os mais velhos sobre a aproximação de viaturas. A partir dos 14 anos, o adolescente é chamado a fabricar e distribuir a droga.

O processo de iniciação na criminalidade começa muito cedo. Há um contexto de famílias desestruturadas, e o Estado não tem se mostrado capaz de quebrar esse ciclo, impedir que o menino seja inserido neste mundo e retirá-lo de lá. Na última quarta-feira, O POVO publicou matéria informando que o Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais (CNPG) propõe aumentar o tempo de internamento de adolescentes em conflito com a lei, ampliando a privação de liberdade de três anos para dez. Em defesa da proposta, o procurador-geral de Justiça do Ceará,
Plácido Rios, argumentou que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) “falhou” e que “não se pode mais conviver” com a punição imposta a estes jovens. É um equívoco que Rios admita que o sistema socioeducativo do País seja “falho e ocioso” ao mesmo tempo em que proponha manter o adolescente por mais tempo lá.

Para Rios, o sistema socioeducativo deve fazer com que “o adolescente infrator sinta a possibilidade de ser reeducado e também sinta o peso da punição em razão do ato praticado”. Mas não detalhou que mecanismos de pressão o Ministério Público exercerá para que Estados e Municípios cumpram as responsabilidades que lhes cabem, também previstas no ECA.

É o Estado o responsável por manter os centros socioeducativos, que deveriam ter projeto pedagógico para reinserir o jovem na sociedade com novas perspectivas. Contudo, os centros reproduzem o modelo penitenciário, com dificuldades de superlotação e até mesmo perpetuação de violência. Admira-me que o grupo de procuradores-gerais de Justiça, fiscais do cumprimento da lei, não pesem o discurso sobre o Estado também. Se o encarceramento em si fosse solução para a criminalidade, não teríamos índices tão elevados de reincidência.

Caravana das Santas Chagas fará evento na Catedral. Ressaca do mar provocou mudança de local

A Catedral Metropolitana de Fortaleza será o local do encontro dos fiéis com a Caranava Missionária das Santas Chagas que aconteceria a partir das 17 horas deste sábado. Não será mais na Igreja de Santa Edwiges como estava programado, informa comunicado da Arquidiocese.

A transferência ocorreu em razão dos efeitos da ressaca no mar no entorno da igreja.

A programação da Caravana das Santas Chagas será finalizada às 20 horas, com a celebração da Santa Missa. A coordenação dos eventos está a cargo do padre Francisco do Carmo Bezerra, vigário episcopal da Região São José, pároco da Igreja de São Francisco, bairro Jacarecanga.

Tasso diz que oposição cearense está sendo abafada. Adversário de Camilo continua indefinido

O senador Tasso Jereissati (PSDB) criticou ontem, pela primeira vez, a movimentação da base do governador Camilo Santana (PT) de praticamente esvaziar as forças opositoras na Assembleia Legislativa. Comparando o cenário atual com o de 1986, quando surgiu na política derrotando os “coronéis” no Ceará, o ex-governador afirmou que a oposição no Estado foi “abafada” e que não há “espaços” para críticas ou fiscalização do Executivo estadual.

“Hoje está se perdendo um espaço que a democracia conquistou quando acabou o período militar. Aqui no Ceará se está praticamente tapando todos os espaços para a oposição, para a discussão, para a crítica, que é evidentemente fundamental para que o governo seja bom”, disse Tasso a jornalistas.

A declaração foi dada momentos antes de o tucano participar do Renasce, evento de cunho “liberal”, que reuniu, n Hotel Gran Marquise, em Fortaleza, diversas lideranças de oposição ao governador Camilo Santana (PT) — entre elas o pré-candidato ao Palácio da Abolição, deputado estadual Capitão Wagner (PR).

Questionado pelo O POVO se o nome do parlamentar estaria definido pelo grupo de oposição para disputar com Camilo em outubro, Tasso adotou um tom de cautela e pediu tempo. Ele afirmou que “não tem nada definido” sobre o nome de Wagner e que até o final deste mês as lideranças tomam “decisão em conjunto”.

Wagner, por outro lado, disse que de fato ainda não há definição do grupo sobre seu nome para a disputa do Executivo e que a divulgação da candidatura acabou sendo feita “por ansiedade” de participantes da última reunião da oposição.

Uma pesquisa de perfil está sendo feita pelo grupo para a definição da candidatura. “Meu nome está à disposição, mas, para que o grupo tenha unidade, precisamos da pesquisa. Reafirmo a minha vontade e o meu nome, mas não posso ser candidato de mim mesmo. Se o grupo decidir que não, me recolho ao meu tamanho e à vontade do grupo. Sozinho não chego a lugar nenhum, preciso de partidos, de tempo de TV e de rádio”, afirmou o pré-candidato.

A pesquisa, que deverá ser finalizada nos próximos dias, será analisada pela oposição e por especialistas para a definição do melhor perfil para encabeçar a chapa da candidatura ao Executivo. “Acreditamos que na pesquisa nosso nome sairá muito bem cotado. Essa pesquisa vai ser um divisor de águas do cabeça da chapa”, disse Wagner.

Renasce

O movimento de cunho político recebeu o senador Tasso Jereissati (PSDB) para a palestra “1986: um novo começo”. Além de Tasso, compareceu ao local Domingos Neto, Genecias Noronha, Roberto Pessoa, Luiz Pontes e Capitão Wagner.

(Com O POVO – Repórter Wagner Mendes/Foto -Folhapress)

 

População de Boa Viagem vai fechar BR-020 para cobrar construção de adutora

278 1

Moradores de Boa Viagem prometem fechar a BR-020, na entrada da cidade, na manhã da próxima terça-feira. O objetivo é cobrar da autoridades federais e estaduais a realização de uma adutora para amenizar a situação do abastecimento de água.

A mobilização conta com o apoio da Rádio Liberdade FM e do advogado Deodato Ramalho que, em nota para este Blog, considera o quadro “gravíssimo”. Mesmo com as chuvas, em Boa Viagem o cenário ainda não apresentou melhoras no abastecimento.

Deodato deixa claro que essa mobilização nasceu com apoio de várias comunidades que se veem em dificuldades e que cobram do Dnocs e do Governo do Estado a construção dessa adutora. Deodato informa que a verba chegou a ser liberada, mas, por questões políticas, acabou não sendo empenhada.

(Foto – Rodrigo Carvalho)