Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Justiça Eleitoral cassa 13 vereadores de São Paulo

“A Justiça Eleitoral de São Paulo cassou 13 vereadores da capital nesta segunda-feira (19) por receberem doações de campanha irregulares da AIB (Associação Imobiliária Brasileira). Segundo o TRE-SP (Tribunal Regional Eleitora de São Paulo), o juiz Aloísio Sérgio Rezende Silveira, da 1ª Zona Eleitoral, considerou que a entidade não poderia realizar doações a campanhas eleitorais. Cabe recurso da sentença.

A decisão afasta dos cargos os vereadores Adilson Amadeu (PTB), Adolfo Quintas Neto (PSDB), Carlos Alberto Apolinário (DEM), Carlos Alberto Bezerra Júnior (PSDB), Cláudio Roberto Barbosa de Souza (PSDB), Dalton Silvano do Amaral (PSDB), Domingos Odone Dissei (DEM), Gilson Almeida Barreto (PSDB), Marta Freire da Costa (DEM), Paulo Sérgio Abou Anni (PV), Ricardo Teixeira (PSDB), Ushitaro Kamia (DEM) e Wadih Mutran (PP).

Por doações, MP denunciou 29 vereadores de São Paulo

Em maio, o MP protocolou representação contra 29 vereadores pelo recebimento ilegal de doações de campanha nas eleições de 2008. Todas eram da AIB e somavam R$ 3,1 milhões, somente para este grupo de parlamentares. Já as colaborações financeiras doadas para todos os candidatos a vereadores e para o prefeito Gilberto Kassab (DEM), o valor sobe para R$ 10,6 milhões.

De acordo com o advogado Alberto Rollo, especialista em direito eleitoral, a decisão suspende os mandatos dos vereadores imediatamente e os recursos não suspendem a cassação. Para retomar os cargos enquanto o processo tramita, os parlamentares podem entrar com uma medida cautelar pedindo a suspensão da cassação.

Segundo o Ministério Público, a AIB doou R$ 3,1 milhões para um grupo de 29 vereadores eleitos nas últimas eleições. O entendimento da promotoria é que a entidade não poderia fazer doações por se tratar de pessoa jurídica sem fins lucrativos.

No entanto, a associação firmou um acordo com o MP em maio se comprometendo a não fazer mais doações eleitorais e se livrou do processo pelas irregularidades.

O advogado Ricardo Vita Porto, que representa Adilson Amadeu, disse que os vereadores irão recorrer e que “evidentemente estão confiantes de que o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) vai reformar a decisão”.

“A lei eleitoral não proíbe doações de associações sem fins lucrativos, somente o recebimento de recursos que venham do exterior”, afirmou Porto.

Sobre uma investigação do MP que revelou que a AIB é, na verdade, um braço do Secovi-SP (Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo), o advogado disse que não há provas de que as duas entidades tenham ligação. “Em nenhum momento foi comprovada qualquer ligação entre a AIB e a Secovi”, disse. “Não há provas nos autos que provem isso.”

(Folha Online)

Presidente do BNB ganha título de cidadão cearense

smithh

O presidente do Banco do Nordeste do Brasil, Roberto Smith, receberá às 19 horas desta segunda-feira, no Plenário 13 de Maio, da Assembleia Legislativa, o título de Cidadão Cearense. A iniciativa partiu do deputado petista Dedé Teixeira.

Roberto Smith é natural de São Paulo, mas tem militância política no Ceará. A solenidade promete ser das mais concorridas.

Recentemente, o presidente do BNB foi agraciado com título de Cidadão do Rio Grande do Norte.

Comissão Mista do Orçamento agenda debate sobre gastos com pessoal em 2010

“A Comissão Mista do Orçamento e as comissões de Finanças e Tributação; e de Trabalho, de Administração e Serviço Público promovem nesta quinta-feira (22) uma audiência conjunta para discutir a previsão do Projeto de Lei Orçamentária para 2010 (PLN 46/09) para gastos com pessoal.

Na proposta para 2010, essas despesas, que vem crescendo desde 2005, quando atingiram 4,38% do PIB, elevam-se para a faixa de 5,10% do PIB em 2009 e 2010.”

(Com Agências)

Três carros colidem na Rodovia Estruturante e uma pessoa sai ferida

Uma pessoa saiu gravemente ferida e encontra-se a caminho do Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza. É o motorista do Corsa vermelho de placas HVM-7784 que teria feito manobra não recomendada na Rodovia Estruturante, altura da localidade conhecida por Garrote. O veículo acabou abalroando em mais dois veículos, após avançar uma secundária, de acordo com populares.

Saíram com danos materiais a Pampa, de placas HVK-7842, e um veículo a serviço da Cagece, de placas MCM-5093, de acordo com informações preliminares.

(Colaborou Jonas Melo)

Dnocs chega aos 100 anos sonhando com revitalização

dnocs

Sede do órgão em Fortaleza.

O Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) está comemorando 100 anos de atividades. A data será lembrada nesta terça-feira, quando se iniciará a programação festiva. A partir das 9 horas, haverá ato ecumênico na sede do órgão que, às 15 horas, ganhará sessão solene na Assembleia Legislativa.

O diretor-geral Elias Fernandes estará à frente das festividades, que se estenderão até sexta-feira quando virá um grande baile na Boate Oásis. 

Nesse clima de festa, haja muita água por jorrar de tantos discursos que se registrarão  homenageando um órgão que, por várias vezes, já escapou da extinção. 

O Dnocs chega aos 100 anos ainda sem perspectivas de renovação de pessoal, pois o concurso público que virá ainda é pouco. Também esvaziado financeiramente, por culpa da bancada federal nordestina que nunca se une em torno dos grandes projetos da região.

Mesmo assim, parabéns Dnocs! Apesar de muitos dos nossos políticos.

(Foto – Divulgação)

Violência do Rio atrai atenções nada olímpicas

rio

“A morte de 14 pessoas e a derrubada de um helicóptero em uma favela do Rio de Janeiro no fim de semana é destaque em alguns dos principais jornais do mundo nesta segunda-feira. Todas as reportagens levantam interrogações sobre a capacidade das autoridades do Rio – e em última instância do país – de garantir a segurança dos Jogos Olímpicos de 2016, cuja escolha foi feita há apenas duas semanas.

O britânico “The Independent” destacou que a “batalha”, transcorrida no sábado, alcançou “novos níveis de violência”. “Explosões de violência não são exatamente incomuns nas favelas do Rio, que já é considerada uma das cidades mais violentas do mundo. (…) Mas o espasmo do sábado foi intenso e fora do comum, gerando densas nuvens de fumaça negra no céu e forçando autoridades do governo a enviar palavras tranquilizadoras em relação aos Jogos”, diz a reportagem.

“Os eventos do fim de semana são um constrangimento para um governo que mal acabou de celebrar seu sucesso ao vencer a candidatura olímpica”, disse o jornal. Na pior onda de violência desde a escolha do Rio como sede olímpica, 14 pessoas morreram quando a polícia interferiu da disputa entre as facções rivais Comando Vermelho e Amigos dos Amigos por uma zona de tráfico no norte da cidade.

Entre as vítimas estão dois policiais que estavam dentro de um helicóptero que foi abatido pelos traficantes e explodiu após um pouso forçado em um campo de futebol de terra no morro São João. Pelo menos dez ônibus foram queimados. Na França, o jornal “Libération” afirmou que a derrubada do helicóptero da polícia carioca é “algo nunca visto, mesmo em um Brasil escaldado pela violência”.

“A audácia dos chefes que comandam as favelas do Rio parece não ter mais limites”, avalia o jornal. Citando a escolha do Rio como sede olímpica de 2016, o diário considera que “o novo episódio dá a medida do desafio que espera as autoridades”. A violência também foi destaque no “Le Figaro”, que destacou as “cenas de guerra civil” exibidas na televisão. Na Espanha, o jornal “El País” diz que os enfrentamentos são “uma prova a mais do poder do crime organizado no Rio de Janeiro”.

“Sabe-se que as organizações criminosas não têm a disciplina interna nem uma organização crível frente a uma das polícias mais bem treinadas do planeta no pantanoso terreno da guerrilha urbana”, afirma o jornal.
“Entretanto, grupos delinquentes como o Comando Vermelho e o ADA (Amigos dos Amigos) continuam fortemente armados, algo que lhes dá um poder de fogo que preocupa bastante as autoridades cariocas, principalmente tendo em vista os Jogos Olímpicos de 2016.” Reportagens sobre o tema também circularam nos Estados Unidos, país que teve uma cidade – Chicago – derrotada na disputa olímpica.

Em um artigo assinado por seu correspondente, o diário “Christian Science Monitor” avalia que “as autoridades do Rio estão bastante cientes de que precisam melhorar seus resultados em termos de policiamento, especialmente agora que a tocha olímpica está distinguindo-os”. O jornal lembra que o governador do Rio, Sérgio Cabral, quer melhorar a segurança em relação aos Jogos Pan-Americanos de 2007, e que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva quer que, em 2016, as favelas sejam bairros que contem com a mesma infraestrutura que qualquer outro.

“Mas poucas pessoas aqui crêem que a vida nas cerca de mil favelas que dominam grandes partes da cidade mudará graças à Olimpíada.”

(Portal IG)

Brasileiro – caminhando e bebendo

Um estudo recente conduzido pela Universidade Federal de São Paulo (USP) mostrou que cada brasileiro caminha em média 1.440 km ao ano.

Outro estudo feito pela Associação Médica Brasileira (AMB) mostrou que o brasileiro consome, em média, 86 litros de cerveja ao ano.

A conclusão é animadora: o brasileiro faz 16,7 km por litro.

Olha a chuva! Prefeitura realiza operação preventiva de limpeza de canais

De oilho na próxima chuvosa, a Secretaria Regional III está realizando operação de limpeza de 13 canais em vários bairros sob sua jurisdição. Iniciada no dia 6 último, a ação vai se estender até dezembro e mobiliza 14 homens que entram nesses canais retirando lixo. Em casos masi críticas, a SER III mobiliza uma retroescavadeira.

Essa operação, anual, conta ainda com o trabalho de uma equipe do Distrito Técnico de Endemias que faz a borrigação da área para evitar a proliferação dos vetores de doenças. Ou seja, prevenção contra a dengue principalmente.

MST invade fazendas em Russas e Palhano

“O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocupou na manhã desta segunda-feira, 19, duas fazendas improdutivas nos municípios de Russas e Palhano, ambos localizados na Região Jaguaribana.
Em Russas, a Fazenda Riacho Melancia, de 1.116 hectares improdutivos, segundo o movimento, foi ocupada por 40 famílias. Já em Palhano, 30 famílias ocuparam uma fazenda de cerca de mil hectares também improdutivos.

As famílias aguardam a vistoria do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para que a situação possa ser regularizada.”

(O POVO)

Embaixadora dos EUA defende reforma no Conselho de Segurança da ONU

“A vaga provisória que o Brasil conquistou no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) é uma oportunidade de ouro para mostrar qual é tipo de liderança o País espera da instituição. A opinião é de Lisa Kubiske, embaixadora interina dos Estados Unidos em Brasília. “Nos próximos dois anos o Brasil estará no centro dos holofotes”, disse ela durante visita ao consulado americano em São Paulo.

O comentário foi feito em cima das críticas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que, na semana passada, durante visita às obras de transposição do rio São Francisco, disse que a ONU teria de reformar o conselho se quisesse voltar a ter representatividade. E completou com uma metáfora. “Estou convencido de que esse negócio do conselho permanente da ONU está igual a uma fruta madura: já está passando do ponto e daqui a pouco cai”, falou Lula.

“Os Estados Unidos também defendem a reforma no conselho de segurança, mas ninguém sabe ainda ao certo como fazer para expandi-lo”, disse Lisa. O Brasil tem defendido a ampliação do Conselho de Segurança da ONU e tem feito campanha para tornar-se um dos membros permanentes do órgão. Estados Unidos, Grã-Bretanha, França, Rússia e China são os cinco membros permanentes e com poder de veto no Conselho de Segurança da ONU.

A diplomata falou sobre um assunto que terá de ser analisado pelo Brasil no conselho de segurança: a suposta busca do governo iraniano por armas nucleares. “Essa é uma questão que afeta todo mundo”, disse a embaixadora interina. “O governo brasileiro vai ter de se preocupar com isso nas reuniões do conselho e quando receber em novembro o presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad”.

Na semana passada, o ministério das Relações Exteriores confirmou que o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, visitará o Brasil no dia 23 de novembro. Durante a viagem oficial ao País, serão debatidas questões econômicas e culturais, assim como a ampliação das relações bilaterais.”

(Portal Terra)

Portal da Transparência do TCM com quase 15 mil acessos

ernestosabo

Muita gente está respondendo ao chamado do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) para que todos fiquem de olho no que é feito com nosso dinheiro nos municípios cearenses. Desde o lançamento, há um mês, o Portal da Transparência (www.tcm.ce.gov.br/transparencia/) já foi acessado por quase 15 mil pessoas.

Segundo o presidente do TCM, Ernesto Sabóia, os números  dão indicações sobre esses internautas, conforme dados obtidos via Google Analysis: o tempo médio de consulta é de 17 minutos; 40% são novos visitantes; 20 páginas são vistas em média por acesso; no Ceará os campeões em curiosidade têm origem em Fortaleza (mais de 10 mil), Juazeiro do Norte e Sobral.

Ainda segundo Sabóia, há gente no Brasil inteiro entrando no Portal do TCM. Com participação expressiva, há registro de visitantes do Rio, Recife, São Paulo, Mossoró, Brasília, Salvador, Belo Horizonte e de muitos municípios do Sul e Sudeste.

Novo articulador do Planalto diz que a prioridade é eleger Dilma

“Novo articulador político do governo Luiz Inácio Lula da Silva, o ministro Alexandre Padilha disse que a eleição presidencial caminha para “termos uma candidatura única” da base governista e que a prioridade do PT em 2010 será tentar eleger a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), informa reportagem de Valdo Cruz e Letícia Sander, publicada nesta segunda-feira pela Folha.

“A única coisa que acho sobre a eleição de 2010 é que vai ser polarizada, que confronta dois projetos para o país. O eleitor vai decidir sobre o futuro a partir dos ganhos que ele teve no presente. Confio plenamente que o governo do presidente Lula terá todas as condições de fazer a sua sucessora”, disse.

Padilha disse que vê com “muita simpatia” o desejo do PMDB de compor e de apoiar Dilma e achar que a legenda tem quadros políticos que podem contribuir.

“O PT está bastante comprometido com o projeto nacional, bastante convencido de que a prioridade para o PT é a eleição da ministra Dilma como sucessora do presidente Lula. A outra prioridade é constituir uma forte bancada no Senado e na Câmara.”

Ele afirmou também que o governo não tomará nenhuma iniciativa para apoiar a volta de uma nova versão da CPMF e indicou que a taxação de Imposto de Renda sobre a poupança foi engavetada –temas impopulares e que podem ser usados pela oposição em 2010.

“O único cálculo que o governo faz é da importância das medidas para o momento que o Brasil vive, para a superação da crise. O que avaliamos como importante encaminhamos para o Congresso, enfrentando inclusive o debate que é promovido por ele.”

(Folha Online)

Atacante Luiz Carlos briga na concentração

“Como se não bastasse o clima ruim pela última derrota na Série B, uma briga agitou os bastidores do Fortaleza. Neste domingo (18), Luiz Carlos brigou com dois colegas, os jogadores Ticão e Coutinho, na concentração do clube, em um hotel de Fortaleza. Resultado: os outros atletas pediram o afastamento de Luiz Carlos do elendo. A diretoria atendeu e, na tarde desta segunda (19), deve romper o contrato com o atleta.

Depois de perder de virada para o América (RN), por 2 a 1, no último sábado, o Fortaleza voltou para a zona do rebaixamento, ocupando agora a 17ª posição. O time já joga nesta terça-feira contra o Atlético (GO) no Castelão.

(Blog Esporte da Jangadeiro)

Deputado cobra verba das obras do Muro de Contenção da Praia do Icaraí

airton2

O deputado federal José Airton (PT) cobrou da ministra da Casa Civil, Dilma Russef, quando de sua passagem pelo Ceará, na última semana,  a liberação de R$ 37 milhões para obras de recuperação do litoral do município de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza). O litoral sofre com o avanço do mar. 

Os recursos, segundo o petista, já foram garantidos pelo Ministério da Integraçao Nacional, mas ainda é preciso sueprar a burocracia.

“Eu falei com a ministra Dilma Roussef e ela me garantiu que vai cobrar essa liberação do ministro Geddel Vieira (Integração Nacional)”, informou para o Blog o parlamentar. O projeto, que prevê a construção de um muro com escadarias e tipo calçadão, está estimadso em R$ 60 milhões.

DETALHE – José Airton tem mesmo é que brigar pela obra. Afinal, recebeu recentemente a Medalha Grã-Cruz da Ordem do Mérito de Caucaia, quando da festa dos 250 anos de fundação da cidade.

Em operação, novo serviço de cobrança bancária

“Entra em operação hoje o Débito Direto Autorizado (DDA), o novo serviço de cobrança eletrônica de boletos bancários, que promete dar mais segurança nas operações entre bancos e reduzir o consumo de papel. Pessoas físicas e empresas passarão a ver os boletos de contas a pagar pela internet e caixas eletrônicos dos bancos. O pagamento pode ser feito automaticamente por esses canais, mas não é obrigatório.

Na primeira etapa do projeto, que consumiu um investimento inicial de R$ 20 milhões da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), os clientes poderão receber eletronicamente boletos de condomínios, cartão de crédito, planos de saúde, mensalidades escolares, entre outros. Nesta etapa, tributos a pagar e contas de água, luz, gás e telefone ficarão fora. A adesão ao sistema é facultativa.

Os interessados em receber suas contas por meio do novo sistema precisam se cadastrar nos bancos onde têm conta, o que pode ser feito nas agências, nos sites dos bancos, por atendimento telefônico e nos caixas eletrônicos.

Uma vez emitidos os boletos pelo sistema, o banco no qual o pagador se cadastrou realizará uma busca, no DDA, de todos os boletos de cobrança de seu cliente e os colocará disponíveis para consulta, por meio do site e do caixa eletrônico. O pagamento só é feito se autorizado pelo cliente, o que diferencia o DDA do já conhecido débito automático. Não será possível imprimir um boleto exibido pelo DDA para efetuar o pagamento em qualquer banco.”

(Agência Estado)

Morre jornalista Pedro Paulo Ribeiro

O corpo do jornalista Pedro Paulo Ribeiro, ex-O POVO, será enterrado às 11 horas desta segunda-feira, no Cemitério Memorial Fortaleza, em Caucaia. O velório ocorre na Funerária Paz Eterna, na avenida Barão de Studart, 2780 (Bairro Aldeota).

Pedro Paulo morreu ontem à noite vítima de câncer. Trabalhou na extinta Sunab e por mais de 20 anos na editoria de Economia do O POVO, de onde saiu para a aposentadoria.

A visita de Lula às obras da transposição foi eleitoreira?

Em seu editorial desta segunda-feira, o jornal O Estado de S. Paulo bate duro na caravana que Lula levou, na semana passada, tendo a presidenciávelç DilamRoussef, para ver obras da transposição do rio São Francisco. Para o jornal, uma ação puramente eleitoreira. Confira:

Desde a primeira hora da excursão de três dias do presidente Lula e frondosa comitiva pelas margens do Rio São Francisco, alegadamente para “vistoriar” as obras da transposição das suas águas em Minas, Bahia e Pernambuco, ficou claro que o único motivo do giro era o de promover a candidatura da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, que o acompanhava, junto ao povo da região e ao público dos telejornais.

Ao discursar, na quarta-feira, em Buritizeiro (MG), por exemplo, ele se traiu ao dizer que no projeto original da operação “não estava previsto a gente fazer comício”. O que não se sabia é que cada detalhe da viagem foi determinado pelos resultados de uma pesquisa sobre a capacidade de Lula de transferir votos para o candidato que indicar.

A revelação está na reportagem Lula testa transposição de votos às margens do Rio S. Francisco, de Raymundo Costa, na edição de sexta-feira do jornal Valor. É a prova de que o presidente não só transgride a legislação eleitoral ao conduzir a campanha antecipada da sua escolhida – que estancou nas sondagens de intenção de voto -, mas utiliza descaradamente a máquina federal e o dinheiro do contribuinte para “emoldurar a imagem da candidata” e apresentá-la ao “melhor público do presidente, o Nordeste”, no dizer da matéria.

Ali, onde a sua votação em 2006 ficou próxima de 80% e onde é simplesmente venerado, Lula fabrica oportunidades em série para reforçar a idolatria e, em consequência, carrear votos para Dilma quando chegar a hora.

No segundo dia da excursão, em Custódia (PE), discursando para uma plateia de operários de um trecho do empreendimento, reunidos para a ocasião, ele disse que resolveu fazer o que qualificou como “uma das maiores obras em realização no mundo” porque “eu, com 7 anos, carreguei pote de água na cabeça, eu sei o sacrifício”.

Não poderia faltar, naturalmente, o lance demagógico de dividir os brasileiros em ricos e pobres, uns resistindo aos seus esforços para melhorar a vida dos outros. “Quando a gente quer fazer uma obra como essa”, disparou, “os que tomam café da manhã, almoçam, jantam, tomam água gelada todo dia são contra a gente fazer.” Na realidade, o projeto tem defensores e críticos em diferentes setores sociais.

O mais afamado opositor da transposição, como se sabe, é o bispo de Barra (BA), dom Luiz Flávio Cappio, que fez greve de fome contra o projeto. Sem citá-lo pelo nome, Lula o incluiu entre os que “não têm conhecimento do bem que essa obra está fazendo”, antes de arrematar: “Não posso deixar o povo pobre morrer de sede e fome.”

Para Lula, Cappio se compara àqueles que, “na Tijuca, na Avenida Paulista”, atacam a iniciativa e depois abrem a geladeira para tomar uma água Perrier, como disse numa entrevista a emissoras regionais.

A tática de fabricar um antagonismo entre o “povo pobre” e os execráveis abastados que consomem água mineral importada, mas são insensíveis às agruras dos que bebem “água barrenta, com caramujo e tudo”, é coerente com o seu plano de fazer da sucessão presidencial uma “eleição plebiscitária”.

Trata-se de apresentar a ministra Dilma como a força motriz do governo mais progressista e realizador da história brasileira, em contraste com o candidato tucano, principalmente se ele for o governador paulista José Serra, a quem se pespegará o rótulo de representante do período Fernando Henrique, quando, na versão lulista, a economia patinou e os pobres foram esquecidos.

“Ou seja, nós contra eles, pão, pão, queijo, queijo”, disse Lula aos repórteres que o acompanhavam. Além destes, o Planalto transportou em avião especial jornalistas do País e de importantes órgãos de comunicação do exterior convidados a percorrer a área.

Todos os movimentos do presidente convergem, portanto, para fixar o nome e a figura de Dilma no imaginário popular como a garantia do prosseguimento das políticas sociais e do avanço econômico.

Nem ele, com os seus índices estelares de aprovação, conseguirá transformar prestígio pessoal em votos para Dilma se o seu eleitorado não se convencer de que ela foi destinada a encarnar o terceiro mandato de Lula. Daí o seu empenho em confinar ao governo de São Paulo as ambições eleitorais do deputado (e seu ex-ministro) Ciro Gomes, também ele integrante da chamada “Caravana do São Francisco”.

Outras decerto se sucederão, a menos que a Justiça Eleitoral coíba o carnaval eleitoreiro do presidente da República.

Presidente da Infraero vem ao Ceará

murilo

O presidente da Infraero, Murilo Barboza, informou para o superintendente estadual da Infraero, Sérgio Baltore, que, dia 6 próximo, quando vier ao Ceará, não visitará somente o Aeroporto Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte.

Ele quer conhecer projetos do Aeroporto Internacional Pinto Martins que, aliás, deve engatar expansão do seu terminal de passageiros a partir do ano que vem. Esse empreendimento integra as ações do governo federal de olho na Copa 2014, pois Fortaleza é uma das subsedes da competição. 

Barboza também conhecerá o novo termnal de  cargas do aeroporto, que já está em operações aguardando apenas a data para a festa de inauguração.

Lula mantém expectativa de crescimento do País em 5% em 2010

“Ao comentar os resultados do Cadastro Geral do Empregados e Desempregados (Caged) divulgados na semana passada, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta segunda-feira que está otimista com a geração de empregos em 2010. Ele voltou a estimar um crescimento de 5% da economia nacional para o próximo ano.

“Acho que isso pode voltar a gerar empregos de forma extraordinária e eu acho que o Brasil está preparado para crescer, para gerar mais empregos e distribuição de renda e é isso que todos nós queremos”, disse no programa semanal Café com o Presidente.

Em setembro, o País gerou 252.617 empregos com carteira assinada, segundo dados do Caged. O índice representa crescimento de 0,77% em relação ao resultado de agosto, quando foram criados 242.126 postos de trabalho. Esse foi o oitavo mês consecutivo com saldo positivo na geração de empregos com carteira assinada.

“Nós vamos criar em 2009 um milhão de empregos com carteira profissional assinada. Essa é uma coisa extraordinária que me deixa muito feliz e eu estou muito otimista com o ano de 2010. Porque para 2010 nós estamos prevendo um crescimento por volta de 5% e eu acho que isso pode voltar a gerar empregos de forma extraordinária”, afirmou.”

(Portal Terra)

Querem mudar o nome do DNOCS. Por que?

cassioO engenheiro civil Cássio Borges, coordenador técnico-científico da Sociedade Amigos do Dnocs, aborda, em artigo intitulado “Discussão inoportuna”, uma possível mudança do nome do órgão. Para ele, absurdo. Confira:

Entra governo e sai governo, desde a época de Collor de Melo, e o Dnocs continua na corda bamba, sendo alvo das mais absurdas e insidiosas discriminações, na atual conjuntura, incrivelmente, por parte da cúpula do próprio Governo Federal, cujo Presidente é um nordestino. Agora o que se apregoa, no limiar dos seus 100 anos de existência, é a mudança do seu tradicional nome de Departamento Nacional de Obras Contra as Secas para Departamento Nacional de Convivência com o Semi-Árido.

Se a questão é valorizar aquele importante organismo federal, patrimônio do povo nordestino, é muito mais lógico e oportuno resgatar a sua gloriosa história de lutas “contra as secas“ que, diga-se, a bem da verdade, tem sido a sua brilhante e vitoriosa trajetória na outrora desventurada região nordestina. Felizmente, o Dnocs mudou e continua mudando esta triste realidade.

A palavra “convivência” remete à ideia de “aceitação”, “acomodação”, “conformismo”, “renúncia” e “resignação”. Uma das justificativas dessa extemporânea decisão, afirmam, seria “uma questão de marketing”. Outra, porque na denominação atual existe a palavra “contra as secas” que, no meu entendimento, traduz a combativa e obstinada luta do povo nordestino para mudar seu destino “contra uma natureza adversa” que o destino impiedosamente lhe reservou. A palavra “contra” passa a ideia de “lutas”, “determinação”, “conquistas”, “mudanças” e “inconformismo”.

A Sociedade dos Amigos do Dnocs-Soad, que congrega não só servidores do Dnocs (ativos e inativos), como qualquer brasileiro, em uma de suas reuniões manifestou-se contrária a qualquer decisão que vise alterar o nome daquele secular departamento federal, de extraordinários serviços prestados à nossa Região. Essa questão de mudar seu nome (na realidade, não é de agora) é profundamente lamentável e reveladora, no mínimo, da absoluta falta de cultura dos seus perpetradores, incapazes de valorizar suas extraordinárias realizações e seus feitos passados que o consagraram no seio da comunidade técnico-científica brasileira, porque não dizer, mundial.

Na realidade, no Ceará, se preserva mal seu patrimônio toponímico, especialmente quando se levam em conta nomes tradicionais de ruas e avenidas de suas cidades. Também preserva mal o patrimônio público. Recife é uma exceção: rua do Sol, rua da Aurora, rua da Crioula, rua Nova, rua da Concórdia, entre outras que se eternizam através dos tempos.

A geração de 50 fez a Petrobras e, na década de 90, um presidente da República cogitou de mudar o nome dessa empresa para Petrobrax. Felizmente, essa ideia considerada, à época, constrangedora abortou.

Cássio Borges
Engenheiro civil. Coordenador Técnico-Científico da Sociedade dos Amigos do Dnocs-Soad
borgescassio@hotmail.com