Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Eleições 2010 – Senado manterá restrições à web

“Como se observa no texto do post abaixo, a reforma eleitoral que o Senado vota amanhã (9.9.2009) deve manter sérias (e impraticáveis) restrições ao livre uso da internet durante períodos eleitorais no Brasil. No ano que vem, se for aprovado o texto, a censura à web se dará a partir de 5 de julho.

Basicamente, o que vai estar restrito:

1) debates em áudio e vídeo – as regras usadas serão as mesmas do rádio e da TV. Hoje, todos os candidatos têm de ser convidados se tiverem pelo menos 1 deputado federal. Agora, a regra pretende a) determinar que só 2 terços dos candidatos sejam convidados e b) que seja garantida a presença dos candidatos cujos partidos/coligações tenham um mínimo de 10 congressistas (deputados e senadores). A regra continua sendo uma violação ao livre exercício de expressão.

O Brasil tem 27 partidos. Muitos conseguem ter mais de 10 congressistas. A norma já seria um atentado contra a livre expressão do pensamento no rádio e na TV, ainda que sejam concessões públicas. Agora, a anomalia será replicada na web.

Para entender onde está essa limitação aos debates é necessário ler um contrabando no parágrafo 2º do artigo 57-D: “§ 2º É facultada às empresas de comunicação social e aos provedores a veiculação de debates sobre eleições na internet, observando o disposto no art. 46”.

O artigo 46 é o que limita os debates para rádio e TV da forma aqui descrita.

2) regra confusa e disfarce da restrição – bombardeados na semana passada por terem proposto a equiparação pura e simples da web ao rádio e à TV, os senadores Marco Maciel (DEM-PE) e Eduardo Azeredo (PASDB-MG), os relatores, fizeram agora uma regra para disfarçar um pouco as limitações. Como o resultado ficou confuso, a norma pode mais ajudar a restringir do que a liberar o conteúdo da web.

Por exemplo, em um trecho está dito que “é vedado” na internet “veicular imagens de realização de pesquisa ou consulta popular de natureza eleitoral que permita a identificação de pessoa entrevistada ou que contenha manipulação de dados, ainda que sob a forma de entrevista jornalística”.

Ou seja, qualquer reportagem de rua perguntando o que as pessoas acham da eleição corre o risco de ser impugnada, censurada. E os responsáveis, processados;

3) entrevistas com candidatos em risco – eis aí outro trecho em que a confusão opera a favor da restrição da liberdade de informação. Se um portal, site ou blog entrevista só um ou dois candidatos em uma disputa, poderá receber contestação na Justiça por supostamente estar favorecendo alguém.

Essa confusão se dá por causa de um trecho da proposta de Azeredo e Marco Maciel no qual está dito que é vedado “dar tratamento privilegiado a candidato, partido ou coligação, sem motivo jornalístico que justifique”.

Quem vai definir o que é “motivo jornalístico que justifique”? É evidente que a Justiça Eleitoral será sempre pressionada a decidir contra os portais, sites e blogs.

4) tentativa inócua de atenuar a censura – em dado momento, a proposta de lei estabelece que “é livre a manifestação do pensamento, vedado o anonimato e assegurado o direito de resposta, em blog assinado por pessoa física, rede social, sítio de interação e de mensagens instantâneas e assemelhados, e em outras formas de comunicação interpessoal mediante mensagem eletrônica, não lhes aplicando o disposto nos incisos II e III deste artigo”.

Ora, os incisos II e III são as restrições já mencionadas acima. OK. Mas um “blog assinado por pessoa física” não existe sozinho na natureza. Estará sempre hospedado em 1 portal comercial. Se esse portal comercial resolver dar destaque em sua home page ao “blog assinado por pessoa física”, o que acontece? É evidente que a confusão só vai aumentar.

Os senadores Aloizio Mercadante (PT-SP) e Arthur Virgílio (PSDB-AM) têm dito que manterão suas intenções de ser contra qualquer restrição à web na hora de votar o projeto de lei –o que deve ocorrer amanhã (9.9.09 –dia cabalístico).

Mas ao que tudo indica, até agora, é grande a chande de aprovação de uma lei limitadora do uso da web no ano que vem.”

(Blog do Fernando Rodrigues)

Dragão do Mar oferece curso de xilogravura e gravura em metal

370 2

O Centro Dagão do Mar está promovendo, até novembro próximo, o programa “Gravura: Oficinas em Rede”. São aulas em xilogravura e gravuras em metal, ocorrendo de segunda a sexta-feira, em horário comercial, e sem cobrança de taxas. Qualquer pessao pode se inscrever e aprender assim não apenas uma arte, mas uma forma de também gerar renda extra.

As aulas são ministradas por uma equipe de artistas coordenada pelo premiadíssimo Eduardo Eloy. 

Os interessados podem se inscrever até 11 de setembro próximo pelo site www.projetogravura.org.br ou pelo fone 3488 8600.

Prefeito de Maracanaú ganha homenagem

robertpessoa

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR), ganhará, nesta quarta-feira, às 9 horas, homenagem do Ministério Público Estadual. O ato ocorrerá no auditório da Instituição.

A homenagem tem um motivo: Roberto Pessoa doou imóvel que a PGJ ocupa naquele município para ações da Promotoria de Justiça  e o Decon.

VAMOS NÓS – Eis que chegará um dia em que o Ministério Público e o Judiciário não precisarão mais dessas doações. Continuamos apostando nessa tese.

 

(Foto – Paulo Moska)

Maioria dos brasileiros é contra Nova CPMF

“A maioria dos brasileiros rejeita a criação da CSS (Contribuição Social para a Saúde), conhecida por nova CPMF, de acordo com pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta terça-feira. A pesquisa mostra que 53,9% dos entrevistados é contra a recriação da contribuição, enquanto 37,1% concordam com o seu retorno –que será discutido pelo Congresso Nacional. Outros 9,1% não responderam à pergunta.

A CSS é um tributo que teria os recursos destinados para a saúde, a exemplo do modelo adotado com a CPMF. A Câmara vai rediscutir a criação da contribuição na votação de um trecho do texto da chamada emenda 29 (que determina percentuais mínimos de investimentos federais na saúde), de autoria do DEM, que pretende excluir do texto a base de cálculo do novo tributo. Na prática, isso inviabilizaria a cobrança da CSS.

A pesquisa mostra que, apesar dos brasileiros rejeitarem a recriação da contribuição, a maioria da população está insatisfeita em relação à qualidade do atendimento de saúde no país. Entre os indicadores de educação, renda, emprego e segurança pública avaliados pela pesquisa em setembro, a saúde foi o único a registrar queda em relação a maio deste ano.

No total, 49,4% da população avalia que a saúde piorou nos últimos seis meses, enquanto 23,4% consideram que houve avanços no setor. Outros 25,1% responderam que a saúde ficou igual no país nos últimos seis meses. Apesar da avaliação negativa, 53,8% dos entrevistados disseram acreditar que a saúde vai melhorar no país nos próximos seis meses, contra 15,3% que estão pessimistas em relação à melhoria do setor.

Segundo o diretor do Instituto Sensus, Ricardo Guedes, as críticas dos brasileiros em relação à saúde pública influenciaram na avaliação negativa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em setembro deste ano, que sofreu queda. O baixo índice é consequência, de acordo com o diretor, do aumento dos pacientes nos hospitais devido à gripe A (suína).”

(Folha Online)

Cid: “Não acredite em tudo o que diz o jornal”

ciidd

“Não acredita em tudo o que diz o jornal”, afirmou, nesta terça-feira, o governador Cid Gomes (PSB) ao ser indagado sobre possível encontro dele, com o irmão Ciro Gomes e o presidente Lula com o objetivo de implodirem uma possível candidatura do ministro José Pimentel (PT) para o Senado em 2010. A informação foi divulgada no fim de semana pelo jornal Folha de São Paulo.

Cid voltou a negar essa informação e afirmou não ter falado com o presidente sobre eleições, reiterando que sobre esse assunto só falará a partir de 2010. A versão do jornal dizia que Cid e Cid teriam informado a Lula que apoiariam Eunício Oliveira, presidente regional do PMDB, para o Senado, no que poderiam apoiar a reeleição do senador tucano Tasso Jereissati.

Essa declaração foi dada pelo governador quando da solenidade, no Porto do Mucurpe,  de entrega pelo ministro Altemir Gregolin (Pesca e Aquicultura) de uma lancha para o Comando de Policiamento Militar Ambiental.

(Com Diego Lage)

TCU promoverá forum nacional sobre auditorias

O presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Ubiratan Aguiar, abrirá no dia 15 de outubro, em Brasília, o IV Fórum Brasileiro de Controle Interno e Auditoria da Administração Pública. O encontro vai se esender até o dia 16, numa promoção do Conselho de Dirigentes de Controle Interno (Dicon) e Editora Fórum. 

O Dicon congrega os titulares de órgãos federais de controle interno dos poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, bem como o Ministério Público da União. O objetivo é promover a integração entre os órgãos de controle interno, mediante padronização, racionalização e atualização de normas e procedimentos,  exame de soluções para matérias controversas e outras medidas inerentes ao desempenho das funções atinentes a esses órgãos.

(Com site do TCU)

CNT-Sensus – Ciro na frente de Aécio

A pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta terça-feira (8), simulou o confronto de possíveis candidatos à presidência da república no segundo turno das eleições. Na disputa entre Ciro Gomes (PSB-CE) e Aécio Neves (PSDB-MG), as intenções de voto dos eleitores indicaram o deputado à frente, com 30,1%, enquanto o governador mineiro ficou com 24,2%.

De acordo com a pesquisa, Ciro cresceu 0,3% em relação à mesma medição realizada em maio. Aécio caiu de 27,9% para 24,2%, totalizando a perda de 3,7 pontos percentuais. Confira, abaixo, as outras possíveis disputas de segundo turno.

Serra x Dilma no segundo turno
* 49,9% votariam em José Serra (eram 49,7% em maio).
* 25% votariam em Dilma (eram 28,7% em maio).

Dilma x Aécio no segundo turno
* 35,8% votariam em Dilma (eram 39,4% em maio).
* 26% votariam em Aécio (eram 25,9% em maio).

Serra x Ciro Gomes no segundo turno
* 51,5% votariam em Serra (eram 51,8% em maio).
* 16,7% votariam em Ciro (eram 16,7% em maio).

Ciro x Aécio no segundo turno
* 30,1% votariam em Ciro (eram 34,1% em maio).
* 24,2% votariam em Aécio (eram 27,9% em maio).

Serra x Antônio Palocci no segundo turno
* 54,8% votariam em Serra.
* 11,3% votariam em Palocci.

Aécio x Palocci no segundo turno
* 31,4% votariam em Aécio.
* 17,5% votariam em Palocci

(Blog do Noblat)

CUT faz corpo a corpo pró-redução da jornada de trabalho em Fortaleza

cutaeroport

O tucano Raimundo Gomes foi assediado.

Um grupo de sindicalistas ligados à Central Única dos Trabalhadores (CUT) realiza, desde o começo da manhã desta terça-feira, no Aeroporto Internacional Pinto Martins, corpo a corpo junto aos parlamentares federais carenses que estão seguindo para Brasília.

O objetivo, segundo José Maria Ferreira, secretário de Finanças do Sindicato dos Comericários de Fortaleza, é apelar para que apoiem o projeto que assegura a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas/semanais. A proposta é dos senadores Paulo Paim (PT-RS) e Inácio Arruda (PCdoB) e já foi aprovada em comissão especial, devendo entrar em tramitação na Câmara. Esse tipo de atividade ocorre em outras Capitais.

O empresariado, por meio da Confederação Nacional da Indústria (CNI_) faz lobby contra alegando que o Brasil precisa é de mais trabalho para garantir crescimento econômico.

(Foto – Paulo Moska)

IBGE – Safra apresenta queda

“A safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas deve alcançar 133,5 milhões de toneladas em 2009. O volume estimado é 8,6% menor do que a safra recorde de 2008, quando foram produzidos 146 milhões de toneladas de grãos no país. A nova previsão faz parte do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, divulgado hoje (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), relativo ao mês de agosto.

Em relação à estimativa de julho, a projeção atual indica redução de 0,7%, motivada especialmente pelas reavaliações negativas ocorridas no milho segunda safra em Mato Grosso do Sul e Goiás e pelas estimativas das culturas de inverno, principalmente o trigo no Paraná.

A produção do arroz, em 2009, registra variação positiva de 4% em relação à de 2008. Já para a soja e o milho, a previsão é de queda da produção em 5,2% e 15,1%, respectivamente.

A área a ser colhida, somando 47,1 milhões de hectares, apresenta redução tanto em relação à de 2008 (-0,4%) quanto à estimativa realizada no mês anterior (-0,2%).

As culturas da soja, do milho e do arroz – as principais do país, que respondem por 81,4% da área plantada – apresentam variações de 2,0%, -4,8% e 0,7%, respectivamente, em relação aos dados de 2008.

A safra esperada para 2009 tem, em relação ao levantamento de julho, a seguinte distribuição regional: Região Sul, com 53,4 milhões de toneladas (-13,0%); Centro-Oeste, com 47,7 milhões de toneladas (-6,1%); Sudeste, com 17,0 milhões de toneladas (-3,6%); Nordeste, com 11,7 milhões de toneladas (-6,3%); e Norte, com 3,7 milhões de toneladas (-1,9%). O estado de Mato Grosso, com cerca de 20% da produção nacional, deve superar o Paraná, consolidando a posição de maior produtor nacional de grãos.”

(Agência Brasil)

Limoeiro do Norte será sede de festival internacional de trovadores

O município de Limoeiro do Norte (Vale do Jaguaribe) será palco, no período de 24 a 27 deste mês, V Festival Inernacional de Trovadores e Trepentisrtas. O evento reunirá mais de 50 artistas do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Piauí e até de Cuba e da Itália, segundo a Secretaria da Cultura do Ceará.

O festival contará com poetas, repentistas, emboladores e aboiadores, apresentando toda a riqueza da cultura oral, em seus diversos gêneros da poética popular.

Porto das Dunas – uma praia sem lei

Da leitora Samara Teixeira, recebemos a seguinte nota:

Caro Eliomar,
 
Gostaria de registrar em seu blog a falta de fiscalização, por parte do Detran, durante o feriado de 7 de setembro. Novamente a praia do Porto das Dunas (Aquiraz) se transformou em uma avenidade com intenso tráfego de veículos, desrespeitando os banhistas.

Vi que o jornal de hoje traz a matéria “Área de dunas vira  local de uso de quadriciclos”, mas como frequentadora daquela praia asseguro que ainda corremos muitos riscos e que muitas irregularidades ainda são praticadas por jovens menores de 18 anos que arriscam a própria vida. Além disso, o movimento de carros 4×4 e de buggys nunca dimiuiu.

Fica aqui o desabafo e a crença de que o problema só se resolverá com a insistência de todos os que frequentam aquela praia.
 
Abraços,

Samara Teixeira

Aeroporto de Fortaleza faz campanha contra o risco aviário

O Aeroporto de Fortaleza realizará nesta terça-feira, a partir da 19 horas, na Escola Marcos Valentim Pereira de Souza (Bairro Serrinha), uma palestra sobre o tema “Perigo Aviário”.

A palestra será ministrada pelo superintendente estadual da Infraero, Sérgio Baltoré, e pelo supervisor Weber Nobre, para 100 alunos da escola, dentro do objetivo de conscientizar a comunidade do entorno do aeroporto sobre a necessidade de não  jogar lixo em locais impróprios.

Esse tipo de prática será levada a várias escolas ao longo deste ano, segundo a assessoria de comunicação da estatal.

DETALHE – Resíduos não bem acondicionados atraem pássaros que, por consequência, oferecem riscos às operações das aeronaves.

CNT/Sensus: Lula cai quatro pontos na aprovação

“A avaliação do governo federal e do presidente Luiz Inácio Lula da Silva caíram em setembro deste ano, segundo pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta terça-feira. A aprovação da população brasileira ao governo do presidente Lula caiu de 69,8% em maio de 2009 para 65,4% em setembro. Já a avaliação positiva do presidente caiu de 81,5% em maio para 76,8% em setembro.

O diretor do Instituto Sensus, Ricardo Guedes, avalia que Lula e o governo tiveram queda na sua avaliação positiva em consequência de três fatores: o discurso do presidente de assumir as crises que atingem o país, aliado à crise que atingiu a Receita Federal e a percepção dos brasileiros em relação à ineficácia da saúde pública –especialmente após o surto de gripe suína.

“Acredito que a queda é uma conjunção de três fatores, especialmente a postura política de comunicação do presidente Lula, com o discurso de linguagem de comunicação distante da população. Também há o efeito Lina Vieira [ex-secretária da Receita] e Dilma Rousseff [ministra da Casa Civil], onde temos pauta continuamente negativa, e a percepção da saúde”, afirmou Guedes.

Em março deste ano, o governo Lula registrou a primeira queda em sua popularidade desde setembro do ano passado, quando a gestão do petista vinha registrando sucessivos recordes positivos. Em maio, a popularidade do governo voltou a crescer, mas caiu novamente este mês. Em setembro do ano passado, Lula teve avaliação pessoal considerada como positiva por 77,7% da população, enquanto o governo também foi avaliado positivamente por 68,8% dos brasileiros.

Entre os eleitores que avaliam negativamente o governo federal, o índice subiu de 5,8% em maio para 7,2% em setembro. Já os eleitores que avaliam o governo como regular somam 23,9% em maio contra 26,6% em setembro deste ano.

A avaliação negativa do presidente Lula também caiu em setembro, de acordo com a pesquisa. Segundo a CNT/Sensus, 18,7% dos brasileiros desaprovam o petista. Em maio, o índice negativo de Lula era de 15,7%. Outros 4,6% não responderam à pergunta em relação ao desempenho do presidente Lula”.

(Portal Uol)

Sarney vai lançar mais um livro

sarnnei

José Sarney botou um ponto final num novo livro que lançará dentro de duas semanas, no máximo. Não é um livro de ficção – embora, até pareça em alguns trechos.Nele, Sarney tenta responder uma a uma todas as denúncias e revelações feitas pela imprensa nos últimos meses.

O livro terá tiragem modesta. Será distribuído apenas aos senadores e aos amigos de Sarney. Não chegará, portanto, às listas de mais vendidos.”

(Coluna Radar – Veja Online)

Fazendários do Ceará de braços cruzados

sefazpaera

Os servidores da Secretaria da Fazenda do Ceará paralisaram as atividades desde a manhã desta terça-feira. A categoria pressiona o governo estadual pela regulamentação do plano de cargos, carreiras e salários. Com a paralisação, vários setores da Sefaz estão registrando pouca movimentação, e cargas ou liberações de produtos só se for prioritário, segundo lideranças do movimento, que vai se estender até quarta-feira.

O Sintaf marcou para às 8 horas da próxima sexta-feira, no auditório da Sefaz, uma assembleia geral para definir os rumos da mobilização, que conta com mais de 90% de adesão, segundo lideranças.

(Foto – Carlos Barata)

Brasil sobe oito posições no ranking de competitividade

ranking

“O Brasil subiu oito posições no ranking de competitividade elaborado anualmente pelo Fórum Econômico Mundial e divulgado hoje (8), em parceria com a Fundação Dom Cabral. Com o resultado, o país passa a ocupar o 56º  lugar em um grupo de 133 economias. As informações são da BBC Brasil. O Relatório de Competitividade Global 2009 revela que o Brasil melhorou sua posição em função, sobretudo, dos avanços nos pilares de estabilidade econômica e sofisticação do mercado financeiro. Em ambos os casos, o país subiu 13 posições.

O professor da Fundação Dom Cabral, Carlos Arruda, lembrou que o Brasil ainda está longe dos “dez mais” do ranking, mas que foi “o grande destaque” do relatório este ano. “Se considerarmos sua dimensão e o fato de o país vir sistematicamente ganhandoosições, sem dúvida, o Brasil foi o grande destaque este ano”, diz Arruda, que é coordenador da pesquisa no Brasil. Nos últimos três anos, o país subiu 16 posições. De acordo com o relatório, o Brasil apresentou o melhor desempenho entre os quatro principais países emergentes, os chamados Bric (Brasil, Rússia, Índia e China). China e Índia subiram um ponto cada, enquanto a Rússia caiu 12 – aparecendo atrás do Brasil, pela primeira vez.

Arruda afirmou que, no caso brasileiro, houve avanços “importantes” dentro do quesito de estabilidade econômica, mas que o Brasil ainda ocupa uma posição “ruim” nessa categoria (109º lugar).Ele destacou o crescimento do consumo no país e o controle da inflação como fatores que ajudaram o Brasil a melhorar sua posição nesse quesito. “Mas esse pilar ainda não é o nosso forte. Se consideramos os juros cobrados pelos bancos, por exemplo, o Brasil fica na 128ª posição”, disse o professor.

O relatório de competitividade considera 12 quesitos. As melhores colocações do Brasil foram registradas em tamanho de mercado (9º lugar) e em ambiente empresarial (32º lugar) – praticamente os mesmos níveis registrados no levantamento de 2008. Segundo Arruda, também houve ganhos na eficiência do mercado de trabalho (11 posições), que avalia sobretudo a relação entre empregadores e empregados.

Apesar de ter subido oito pontos no ranking, o Brasil mantém posições mais baixas em diversos itens, como em estabilidade econômica (109º lugar), eficiência do mercado (99º lugar) e instituições (93º lugar).Segundo Arruda, quando o assunto é competitividade, o país tem três problemas “endêmicos”, ou seja, áreas onde o Brasil não consegue melhorar sua posição, que são: falta de reformas (entre elas, a tributária); infraestrutura e ética na gestão pública. “Nesse último quesito, estamos entre os piores do mundo”, afirmou.”

(Agência Brasil)

Líder da prefeita quer samba do “Zé Bezerra” incluído como patrimônio cultural de Fortaleza

O líder da prefeita Luizianne Lins na Câmara Municipal, Acrísio Sena, deu entrada, nesta terça-feira, num requerimento, solicitando que a tradicional roda de samba do bar “Zé Bezerra”, situado na rua Dom Manuel de Medeiros (Bairro Parque Araxá), seja reconhecida como “patrimônio cultural de Fortaleza”.

Em sua justificativa, Acrísio diz que essa rodada de samba é realizada há mais de 40 anos e sempre as domingos, das 17 às 20 horas, configurando-se como ponto de encontro de grandes sambistas locais e, principalmente, e um dos poucos que resistem com a prática em Fortaleza.

Acrísio Sena quer essa manifestação incluída no livro de registro das celebrações muicipais, de acordo com artigo 34, da Lei 9.347, de 11 de março de 2008 que dospõe sobre proteção do patrimônio histórico e cultural da cidade.

Dilma: Pré-sal é passaporte para o fim das desigualdades

“A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou que o novo modelo regulatório para a exploração da camada de pré-sal do Brasil é um passaporte para acabar com a desigualdade no país, segundo entrevista publicada nesta segunda-feira pelo diário britânico “Financial Times” (“FT”).

“Esse modelo é apropriado para a quantidade de petróleo que temos, para os reduzidos níveis de risco exploratório e os altos níveis de rendimento. Queremos ficar com uma parte maior dos recursos do petróleo”, declarou a ministra ao “FT”. “É um passaporte para sair da condição de ser o país mais desigual do mundo”, acrescentou. Segundo o “Financial Times”, o projeto brasileiro não foi bem recebido pela indústria petroleira, que teme que um desestímulo dos grandes investimentos privados necessários para o início da produção comercial destas reservas em 2015.

A ministra, no entanto, se disse convencida de que o tamanho gigantesco das reservas atrairá os investidores, independente do modelo de gestão. Justine Thody, analista da Economist Intelligent Unit, concordou com a avaliação de Dilma Roussef. “O Brasil é politicamente estável, tem regras estáveis, uma economia bem dirigida e não há riscos de segurança”, declarou à agência de notícias France Presse. “Não há muitas oportunidades como esta no mundo para as companhias de petróleo estrangeiras.”

(Com Agências)

IJF atendeu 1.185 pacientes no feriadão

“O Instituto Doitor José Frota (IJF) realizou 1.185 atendimentos no último fim de semana e feriado – compreendido entre sexta-feira, 4 de setembro, às 19 horas, até esta terça-feira, às 7 horas. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, foram registrados 160 casos de violência no trânsito, 73 acidentados de moto, 26 vítimas de abalroamentos, 37 de atropelamentos, 3 de capotamentos e 21 quedas de bicicleta.

 O IJF recebeu, ainda, 36 vítimas de agressões físicas, 21 de lesões por arma branca e 29 por arma de fogo. Também chegaram ao hospital, 72 vítimas de quedas da própria altura, 43 de queimaduras e 22 de picadas de animais peçonhentos, além de 10 pacientes envolvidos em acidentes na prática de esportes ou ambiente esportivo e 16 vítimas de acidentes de trabalho.

 Em 2008, de 5 de setembro até 8 de setembro, o hospital realizou 886 atendimentos. Foram 93 casos de violência no trânsito, sendo 47 acidentados de moto, 10 vítimas de abalroamentos, 21 de atropelamentos, 13 quedas de bicicleta e 1 queda de carro em movimento. Também chegaram ao hospital, 37 vítimas de agressões físicas, 20 de lesão por arma branca e 14 por arma de fogo. O IJF recebeu, ainda, 57 casos de quedas da própria altura, 31 de queimaduras, 12 de picada de animais peçonhentos, além de 7 envolvidos com acidentes da prática de esportes ou ambiente esportivo e 16 de acidentes de trabalho.

(Com Assessoria de Imprensa do IJF)