Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

BRASIL INICIA NOVA CAMPANHA CONTRA CÂNCER DE MAMA

“A Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) estima que 53 mil novos casos de câncer de mama vão surgir no país neste ano e que 12 mil pessoas podem morrer. Para combater a doença, a entidade vai lançar na próxima segunda-feira (27) uma campanha nacional, com ações de conscientização popular em todo o país, como distribuição de panfletos explicativos e palestras com especialistas. No Rio de Janeiro, voluntários e médicos vão participar, durante todo o dia, de um evento na Cinelândia, local de grande movimentação de pedestres no centro da cidade, para chamar a atenção sobre a importância do diagnóstico precoce. De acordo com a SBM, 90% dos casos detectados no estágio inicial podem ser curados. Mas no Brasil, o índice é de apenas 60%. Segundo o presidente da sociedade, Diógenes Basegio, as mulheres com histórico familiar de ocorrência da doença devem ficar especialmente atentas. “O histórico familiar é o fator de risco mais importante, especialmente se o câncer ocorreu na mãe ou em uma irmã, se foi bilateral e se foi desenvolvido antes da menopausa”.

(Agencia Estado)

RELATOR DO MENSALÃO PREVÊ JULGAMENTO DIFÍCIL NESTA SEGUNDA-FEIRA

“O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa, relator do mensalão, disse em reportagem da Folha publicada neste domingo (íntegra disponível só para assinantes do jornal ou do UOL) que a sessão mais difícil do julgamento será amanhã, quando a Corte começa a apreciar a suposta prática dos crimes do grupo comandado pelo ex-ministro José Dirceu e a base aliada no Congresso. “A parte mais trabalhosa, digamos assim, vai ser a de segunda-feira, [quando o plenário do STF vai apreciar] o item seis, porque é a parte a mais complexa, envolve um grande número de pessoas, partidos. É realmente a parte mais robusta da denúncia”, afirmou Barbosa à reportagem da Folha.

O julgamento da denúncia do mensalão começou na quarta-feira, quando Barbosa leu o relatório das acusações apresentada pelo procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza.
Na quinta-feira, os advogados dos 40 denunciados apresentaram a defesa de seus clientes e pediram para que os ministros do STF rejeitassem as acusações.
O julgamento foi suspenso na sexta-feira, após mais de 20 horas de debates. A previsão é que a sessão se estenda até a próxima terça-feira. Por enquanto, há 19 réus acusados em sete crimes diferentes, entre eles corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. “

(Folha de São Paulo)

RENAN DIZ QUE GUARDAVA DINHEIRO FORA DO BANCO. DEBAIXO DO COLCHÃO?

“No depoimento aos relatores do Conselho de Ética na última quinta-feira (23), o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou que guardava dinheiro fora do banco para poder cumprir os pagamentos mensais e informais à jornalista Mônica Veloso antes do reconhecimento da paternidade da filha de 3 anos que tem com ela. O senador é acusado de ter recebido a ajuda de um lobista para essas despesas. No depoimento, Renan ainda disse que a ausência de despesas com a criação de gado decorre porque esses gastos ficaram sob responsabilidade de um espólio deixado por seu pai. O espólio seria uma fazenda responsável por dar estrutura a outras propriedades rurais do senador, segundo transcrição do depoimento.

Transcrição, aliás, que é alvo de polêmica depois que a secretária-geral do Senado, Cláudia Lira, foi flagrada por jornalistas na sexta-feira (24) fazendo correções em seu conteúdo. Da confiança de Renan, Lira negou que tenha feito alguma alteração. Alegou que estava apenas revisando o texto. Os relatores do processo prometem investigar o caso nesta semana.”

(Portal G1)

GOVERNO QUER SABER QUANTOS MORAM PELAS RUAS DO PAÍS

“O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) começa a fazer, a partir de outubro, uma contagem da população de rua. Serão cerca de 2.500 pesquisadores em 23 Estados e mais o Distrito Federal. Apenas as cidades Belo Horizonte, Recife e São Paulo não vão participar da pesquisa, pois seus governos já haviam feito o levantamento desses dados. De acordo com a coordenadora de Regulamentação da Proteção Social Especial do MDS, Solange Martins, com esse levantamento o governo pretende elaborar projetos e programas sociais voltados para essa população.

A intenção, segundo a coordenadora, é saber como eles vivem, onde moram, como são os vínculos de relação familiar.”Ainda não existem políticas públicas específicas para moradores de rua. O Bolsa Família, que é um programa de inclusão social, por exemplo, grande parte dessa população não recebe, porque não sabe ou não conhece”, afirma Solange.Ela explica que já existe um Grupo Interministerial, composto pelo Governo Federal, pelo Movimento Nacional de População em Situação de Rua (MNPR), por várias ONGs e alguns gestores municipais, para estudar medidas voltadas para a polução de rua.Para fazer o levantamento, o MDS vai utilizar dois tipos de questionários. Um mais simples, com 16 questões, e outro mais complexo, com 47 questões, que será feito com apenas 10% dos entrevistados.

A empresa responsável pelas pesquisas será a Meta Instituto de Pesquisas de Opinião Ltda., que, de acordo com Solange Martins, foi contratada por meio de licitação. Para fazer o levantamento, o ministério vai investir R$ 1,5 milhões.”

(Agência Estado)

EX-PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL, JOSÉ MARIA COUTO DEVE PRESIDIR PMDB DA CAPITAL

O PMDB de Fortaleza deverá renovar sua cúpula em breve, mas já se sabe um nome certo para comandar a legenda: o ex-presidente da Câmara Municipal, José Maria Couto, que, atualmente é diretor de Seleção da Confederação Brasileira de Futebol de Salão (CBFS). A indicação evitará que Couto deixe a legenda, pois ele havia admitido recentemente ter sido convidado pelo presidente regional do PTB, deputado federal José Arnon, para ocupar o comando petebista na Capital.

Com a escolha de Couto, uma certeza: um possível apoio do partido à reeleição da prefeita Luizianne Lins (PT) poderá ficar cada vez mais distante. Luizianne não engole Couto. Para ela, seria abrir mão em demasia do seu discurso.

Seria, sem dúvida, a forma mais estratégica do presidente regional do PMDB, deputado federal Eunício Oliviera, fechar a porta de apoio pró-Luizianne. Afinal, ele também sempre diz que só tem compromisso político com uma pessoa no Ceará no momento: o governador Cid Gomes (PSB). O PMDB de Eunício detém duas secretarias na máquina estadual.

DONA RUTH CARDOSO ESTÁ NA MIRA DA CGU

“A Controladoria Geral da União do governo Lula está fazendo uma devassa nas contas da ONG Alfabetização Solidária, fundada por dona Ruth Cardoso. Descobriram que a ONG recebeu R$ 211 milhões do MEC no segundo governo FHC e outros R$ 58 milhões entre 2003 e 2006. Só no ano passado, foram repassados R$ 8 milhões do governo e a ONG captou mais R$ 12 milhões de empresas. Dava para alfabetizar 1,14 milhão de adultos. Estudos preliminares do MEC indicam que menos de 10% desse total foi alcançado. O governo cortou os repasses.”

Leia mais.

CASOS DE DENGUE JÁ SÃO MAIS DE 19 MIL NO CEARÁ

Saiu neste fim de semana um boletim sobre a situação de casos de dengue no Ceará neste ano. Segundo a Secretaria da Saúde do Estado, já são mais de 19 mil. Desse total, 200 são casos de ddengue hemorrágica e sete õbitos foram registrados.

Esses dados, de acordo com a pasta da Saúde, são o segundo pior resultado em 25 anos de registro de casos de dengue no Estado.

CARAVANA CONTRA TRANSPOSIÇÂO DO SÃO FRANCISCO CHEGA AO CEARÁ

A Caravana em Defesa do Rio São Francisco e Contra a Transposição está no Céará. Neste domingo, visitará a barragem do Castnhão, que foi construída com a expectativa de receber também as águas do Velho Chico. O grupo é formado por estudiosos e técnicos que vêem o emprendimento como desperdício de dinheiro, quando a prioridade seria o investimento na revitalização do rio.

Na agenda da Caravana, debate no auditório da reitoria da Universidade Federal do Ceará na manhã de segunda-feira, enquanto na parte da tarde haverá audiência pública sobre o projeto, no Poder Legislativo cearense, com a participação de setores que são favoráveis à transposição.

A Caravana começou a percorrer o semi-árido brasileiro a partir de Belo Horizonte (MG), dia 19 último, já tendo passado pelo Rio de Janeiro, Brasília, São Paulo e Natal. De Fortaleza, cumprirá agenda no Recife, João Pessoa, Salvador, Aracaju e Maceió.

LULA DIZ QUE PROCESSO CONTRA ZÉ DIRCEU NÃO AFETA GOVERNO

“A volta do mensalão ao noticiário causa algum desconforto ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “Um dia isso vai acabar”, desabafou ele na primeira entrevista exclusiva ao Estadão desde que chegou ao poder, em 2003. Mas Lula afirma que não há impacto sobre seu governo, nem mesmo na hipótese de o Supremo Tribunal Federal (STF) abrir processo penal contra o amigo e ex-ministro José Dirceu. “Causa impacto para ele. No governo, nenhum.”

O que ficou da investigação do mensalão, no seu primeiro mandato?

Ficou o seguinte: quem erra paga. Houve uma denúncia, que foi apurada. Saiu do Congresso e foi para o Ministério Público, que fez a sua parte. O MP pediu indiciamento. Foi para o Supremo, que decide ou não se acata o indiciamento. E aí as pessoas serão processadas em função de novas provas e novas investigações. Tem gente que acha que isso é um trauma. Para mim, não. Para mim, isso é um canal de desobstrução da democracia brasileira.

Quem errou, presidente?

Eu não sei quem errou.

O PT errou?

O PT não errou. Eu acho que pessoas do PT podem ter errado.

O ex-ministro José Dirceu (Casa Civil) errou?

Não me perguntem, eu não sou juiz. Eu acho que quem errou pagará pelo erro que cometeu. Agora, o que eu quero para mim, para os meus amigos e para os meus adversários é que todos tenham direito à defesa.

Até hoje, o sr. não disse quem o traiu.
Nem vou dizer. Porque não é necessário. O PT não merecia passar pelo que passou. E isso faz parte da história contemporânea do País. Não faz parte do passado, não.

Este julgamento no STF pode ser considerado um julgamento do seu primeiro mandato?

O governo já foi julgado (nas urnas). E vitoriosamente.

O sr. teve indícios do mensalão?

Não. Não. Eu quero ver o resultado do julgamento, quero ver o processo. Isso vai terminar um dia. Eu acho determinadas coisas abomináveis. Entretanto eu, como presidente da República, sou obrigado a esperar para ver. Eu fico imaginando alguém imaginar que o Professor Luizinho, que era líder do governo, precisava de receber dinheiro para votar com o governo. Mas, como ele pegou R$ 20 mil, ele entrou no mesmo bolo, como entraram outros. Eu acho isso abominável.

(No Estadão deste domingo)

JOBIM QUER VASSOURADA COMPLETA NA CÚPULA DA ANAC

“Além de Denise Abreu, o ministro Nelson Jobim (Defesa) trabalha para que os demais diretores da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) também renunciem, abrindo caminho para uma completa reestruturação do órgão. Jobim pediu apoio diretamente ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para lançar uma ofensiva visando afastar os cinco diretores da agência. O ministro, que assumiu para solucionar a crise aérea, disse a Lula que a diretoria da Anac estava totalmente desgastada e não tinha mais condições de tocar a agência. O caso da “falsa norma” entregue à Justiça de São Paulo para derrubar a restrição de uso da pista do aeroporto de Congonhas foi o ponto fraco encontrado por Jobim para aumentar sua pressão e provocar a queda de Denise Abreu, primeira vítima dessa operação.

Amigos do ministro da Defesa apostam na saída, pelo menos a médio prazo, de outros quatro diretores: Milton Zuanazzi, Leur Lomanto, Jorge Velozo e Josef Barat. Dentro do governo, entretanto, existe um grupo que trabalha pela permanência de Zuanazzi, presidente da Anac, integrado pelos ministros Walfrido dos Mares Guia (Relações Institucionais) e Dilma Rousseff (Casa Civil).”

Para o assinante da Folha leia mais

GOVERNADOR VAI DAR PERDÃO PARA QUEM TEM MULTA ATRASADA NO DETRAN E DO DERT

E o governador Cid Ferreira Gomes (PSB) vai anistiar quem está pendurado com multas do Detran e do Dert. Com esse objetivo, já encaminhou para a Assembléia Legislativa um projeto de lei que estabelece o perdão de multas até R$ 1 mil emitidas por esses órgãos de fiscalização entre 2003 e 2006. A matéria não retira pontos na carteira de habilitação.

Essa medida, sem sombra de dúvida, dará um bom refresco a tantos proprietários de carros e motos principalmente do Interior, segundo o líder do governo, Nelson Martins (PT).

Do Jornal O POVO aqui

PROJETO DE LÚCIO PASSA PARA LUIZIANNE E É “AFOGADO NAS ÁGUAS DA BACIA DE PILATOS”

Em seu Blog, o ex-governador Lúcio Alcântara dispara mais uma pitaca, com classe, de crítica ao governo Cid Gomes que, ao abrir para a prefeita Luizianne Lins, o direito de continuar tocando o projeto Costra Oeste, agora com o nome de Vila do Mar, contribuiu para a letargia de mais um empreendimento.
——————
Pilatos

E as obras do Projeto Costa Oeste? Foram afogadas nas águas da bacia de Pilatos…”

——————

Clique o Blog do Lúcio aqui

DEPOIS DOS ARMAZÉNS PARAÍBA, INSINUANTE E GABRYELLA BOICOTAM A PHILIPS NO PIAUÍ

“Várias lojas de departamento engrossaram o boicote aos produtos Philips no Piauí. Depois que o Grupo Claudino (Armazéns Paraíba) suspendeu as compras e retirou os produtos da marca da prateleira, lojas de departamento como a Insinuante e Gabryella também suspenderam a venda da marca Philips. O boicote é uma reação às declarações do presidente da Philips do Brasil, Paulo Zottolo, que disse que “se o Piauí deixasse de existir, ninguém ficaria chateado por isso”. As lojas Insinuante, um grupo da Bahia, com sede em Salvador, que têm cinco lojas em Teresina e em vários outros Estados, resolveram retirar os produtos Philips das prateleiras e das vitrines, a exemplo do que fez o Armazéns Paraíba. A direção da loja resolveu aderir ao boicote em reação às declarações de Paulo Zottolo. Os produtos foram retirados das lojas por tempo indeterminado, segundo um dos gerentes, por respeito à população do Piauí.

A loja de eletrodomésticos Gabryella, com sede em São Luís do Maranhão, com três lojas em Teresina, também está retirando os produtos Philips do seu mostruário. Um dos gerentes disse que é a reação à ofensa cometida pelo executivo da marca no Brasil.”

(Portal Exame)

EX-PRESIDENTE DA OAB NACIONAL VAI RECEBER TÍTULO DE CIDADÃO CEARENSE

O ex-presidente da Ordem do Advogados do Brasil, Roberto Busato, receberá o título de Cidadão Cearense no próximo dia 31, em sessão solene marcada para as 19 horas, no plenário da Assembléia Legislativa. A proposta é do deputado estadual Francisco Caminha (PHS).

O ato contará ainda com a apresentação do Programa de Capacitação para Jovens Advogados de Cabo Verde, coordenado pela Comissão Nacional de Relações Internacionais da Ordem e que tem Busato como coordenador-geral.

O presidente da OAB-CE, Héli Leitão, deverá fazer discurso na ocasião, destacando o apoio dado por Busato à sua gestão, atualmente em segundo exercício.

ALÔ, MAMÃE!

Bom não esquecer: este sábado é dia de vacinação contra a poliomielite. A meta é aplicar a gotinha em pelo menos 800 mil baixinhos com idade inferior a cinco anos em todos os postos de saúde e unidades móveis espalhados pelo Ceará.

CIRO É A FAVOR DA PRORROGAÇÃO DA CPMF, MAS COBRA MUDANÇA NAS REGRAS DO IMPOSTO

O deputado federal Ciro Gomes defendeu, nesta sexta-feira, em Fortaleza, uma discussão ampla sobre a CPMF que, na sua avaliação, precisa continuar, mas com a necessidade de se rever alguns dos seus aspectos. “A CPMF é como jabuticaba: só tem no Brasil. Tecnicamente é ruim. Ela cobra do pobre assalariado da mesma forma que incide sobre o rico, o que não é justo”.

Para ele, é preciso também colocar em discussão o fato de não se respeitar o pacto federativo, ou seja, a Uñião fica com todo o dinheiro da CPMF, não repassando nada para Estados e municipios. Ele considerou a prorrogação desse imposto um mal necessário porque o País “não pode deixar da noite pro dia de contar com R$ 38 bilhões e se fizer isso o Brasil vai pra recessão, quebra”. Ciro reiterou que o que se precisa fazer é uma ampla reforma tributária.

Ciro deu essas declarações durante palestra que fez num debate promovido pela Justiça Federal do Ceará, em seu auditório, quando abordou o tema “Conjuntura Econômica e Política Brasileira”.