Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Governo e Fiec estão mais do que entrosados

Da Coluna Vertical, do O POVO desta quinta-feira:

Já tem data o tradicional almoço de fim de ano da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec) para o governador Camilo Santana (PT). Será dia 8 de dezembro, na Casa da Indústria. Este é o terceiro ano do evento, no qual a Fiec junta o setor produtivo e o poder público em um congraçamento e balanço de ações.

Nesse encontro, Camilo deve falar das perspectivas da economia cearense com a chegada dos hubs aéreo, marítimo e tecnológico. Já Beto Studart, pela Fiec, vai lembrar o programa Rotas Estratégicas, entregue pela entidade ao governador, que pensa o Estado para os próximos anos.

Aliás, antes do dia 8, Camilo ainda terá duas outras agendas com a Fiec: uma delas é nesta quinta, por ocasião da abertura, no Museu da Indústria, da exposição “Carnaúba – A árvore da vida”, que conta um pouco da saga da família Johnson no Ceará. A outra é dia 27 próximo, quando o petista estará na Federação em seminário sobre incentivos fiscais destinados a projetos sociais.

Pelo que se vê, Beto desistiu da disputa eleitoral, mas continua bem próximo do governador.

Em palestra nos EUA, FHC chama Bolsonaro de “bizarro” e diz que Lula perdeu a credibilidade

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso comentou, durante palestra na Universidade Columbia, em Nova York, nessa terça-feira, a atual situação política do Brasil e definiu como “bizarro” o pré-candidato à Presidência pelo PSC, Jair Bolsonaro.

Segundo ele, a “mídia dá mais espaço para os que são bizarros”, mas “precisamos de alguém que não seja bizarro, que fale com as pessoas”. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Ainda sobre as eleições de 2018, FHC comentou que “um líder populista pode aparecer de novo”, “mas o único capaz de entusiasmar dessa forma as pessoas perdeu enorme credibilidade”, fazendo uma alusão a Lula.

— Precisamos de um líder capaz de organizar a situação e nos dar a sensação de que estamos juntos, alguém capaz de expressar emoções, não ideias — disse FHC. — O próximo líder que surgir terá de ser alguém que nos faça mover adiante, alguém capaz de confrontar realidades.

Ministro dos Transportes da Era FHC é cotado para lugar de Imbassay na Secretaria de Governo

O nome do ex-ministro de Transportes João Henrique de Almeida Sousa, hoje na presidência do Conselho Nacional do Sesi, começou a circular como possível substituto de Antonio Imbassahy (PSDB) na Secretaria de Governo. Segundo a Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quinta-feira, ele é da executiva do PMDB e foi deputado pelo Piauí.

As mudanças no primeiro escalão do governo devem ficar restritas às pastas de tucanos.

O chanceler Aloysio Nunes (Relações Exteriores) não deve entrar na reforma – com o consenso e o aval da base aliada.

Com crimes em alta, dinheiro para premiar policiais no Ceará está sobrando

Como parte do programa Em Defesa da Vida, desde 2014, a cada trimestre, R$ 30 milhões dos recursos públicos do Ceará são destinados à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). A verba compõe o Fundo de Incentivo ao Cumprimento de Metas e é usada, exclusivamente, para o pagamento de abono aos servidores da segurança, mediante redução dos índices de criminalidade. Entretanto, em um cenário de sucessivas altas nos homicídios e roubos, os valores se acumulam sem serem gastos.

O segundo trimestre de 2017 registrou o menor bônus pago aos servidores até agora. No intervalo entre abril e junho, quando a média de mortes por dia subiu de 13 para 16 casos, dos R$ 30 milhões disponíveis, 8% (R$ 2.263.300) foram repassados aos policiais civis, militares, bombeiros e peritos. Em relação ao mesmo período de 2016, os homicídios subiram 63,9%, indo de 807 para 1.323 casos. Roubos cresceram 3%: de 20.310 para 20.842.

Considerando os dois primeiros trimestres de 2017, dos R$ 60 milhões disponíveis, R$ 11,99 milhões (20%) do incentivo foram pagos aos servidores. Os R$ 48 milhões restantes retornaram ao caixa para pagamento futuro, caso as estatísticas retrocedam. Os dados foram repassados ao O POVO pela SSPDS e não incluem o último trimestre.

Estímulo

O pagamento de prêmio aos agentes da segurança está previsto na lei 15.558, de 2014, e também nas portarias 90 e 436, além do decreto 31.448. Anualmente, os servidores podem receber até três salários a mais, independentemente do cargo ocupado. Os valores, além dos resultados, variam conforme a patente, função e local de redução da criminalidade: se melhora em todo o Estado, na região de atuação ou na Área Integrada de Segurança (AIS).

Contudo, em meio à guerra entre facções, a tendência de melhora das estatísticas desde 2015 foi interrompida. “A guerra (de facções) faz com que os homicídios aumentem sem que o policial consiga controlar. Essa redução não depende só da Polícia. Precisa do Executivo, Legislativo, Judiciário. Mas, hoje, essa responsabilidade está sendo transferida completamente para a atividade policial”, reclama o presidente da Associação dos Profissionais da Segurança (APS), sargento Reginauro Sousa.

Titular da SSPDS, o secretário André Costa nega, porém, que o não pagamento dos prêmios seja desestímulo. Ele defende que o bônus não é o único incentivo para os servidores e cita a Lei das Promoções, o aumento salarial pela média do Nordeste, além de ações com treinamento.

“Essa série de ações tem motivado. A motivação a gente percebe nos números de ações que dependem muito do trabalho dos policiais, que são apreensões de armas, resultando de mais abordagens, da apreensão de drogas, fruto de uma maior investigação da Polícia Civil, e o maior volume de prisões. Tudo isso mostra o estímulo e motivação que os policiais têm para, cada vez mais, trabalhar”, argumenta.

(O POVO – Repórter Thiago Paiva – Foto – Arquivo)

Mega-Sena pode pagar hoje R$ 29 milhões

O prêmio principal da Mega-Sena poderá pagar hoje (16) R$ 29 milhões a quem acertar as seis dezenas do concurso 1.988, informa a Agência Brasil.

Por causa do feriado da Proclamação da República nessa quarta-feira (15), o sorteio foi transferido para hoje, às 20 horas, horário de Brasília.

De acordo com a Caixa, aplicado na poupança o prêmio renderia cerca de R$ 136 mil por mês.

SDR alerta sobre prazo de vacinação contra a febre aftosa

A Secretaria do Desenvolvimento Rural do Estado lembra: termina, dia 30 próximo, o prazo para que animais com até 24 meses sejam vacinados contra a febre aftosa. Quem não cumprir, será multado (R$ 17,00 por cabeça).

Bom lembrar que o Ceará ganhou certificação do Ministério da Agricultura como área livre da aftosa com vacinação e a ordem é manter esse quadro, dos mais favoráveis para produtos de origem animal do Estado.

 

Maia volta a defender que governo encaminhe ajustes na reforma trabalhista por meio de projeto de lei

“Quando o governo decide sozinho e depois oferece a discussão ao Parlamento, o presidente está se colocando à frente de toda sociedade”, disse o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que voltou a defender que o governo encaminhe por meio de projeto de lei, e não por medida provisória, os eventuais ajustes na reforma trabalhista. Segundo Maia, o envio por MP representa interferência do Executivo no Legislativo.

Entre os pontos a serem ajustados pelo governo, conforme acordo com o Senado, estão a regulamentação do regime de trabalho intermitente (por hora) e das condições de trabalho para gestantes e lactantes.

Rodrigo Maia também destacou que, como a MP possui efeitos imediatos, muitos juízes vão esperar sua tramitação para colocar a reforma trabalhista em prática, atrasando sua implementação.

Ele citou como exemplo a previsão de o governo encaminhar por meio de projeto de lei a privatização da Eletrobras. “Quando encaminha por meio de projeto de lei, a gente monta uma comissão especial e debate a matéria”, afirmou.

(Agência Câmara Notícias)

Brasil, China e Índia cobram recursos de países ricos para mudança climática

O Brasil, a China, Índia e a África do Sul cobraram nesta quarta-feira (15) dos países desenvolvidos apoio financeiro e tecnológico para a luta contra a mudança climática, em linha com o Acordo de Paris de 2015.

Os quatro países, que integram a aliança Basic, fizeram a cobrança em entrevista coletiva em Bonn, na Alemanha, onde está sendo realizada a Cúpula do Clima deste ano (COP23), na qual os participantes tentam formalizar o acordo negociado há 2 anos.

O negociador-chefe da China para Mudança Climática, Xie Zhenhua, lembrou que na cúpula de Paris foi pactuado que os países desenvolvidos seriam os primeiros a começar a reduzir as suas emissões poluentes e que se encarregariam de repassar ao Fundo Verde para o Clima US$ 100 bilhões anuais previstos para enfrentar os prejuízos causados pelo aquecimento global.

O ministro brasileiro do Meio Ambiente, Sarney Filho, advertiu que a questão do financiamento é essencial e que as “tentativas para mudar as regras” dos fundos de adaptação seriam “um desvio do espírito de Paris” e equivalente a tentar “reescrever” o acordo.

Para o ministro, se estas tentativas se consumarem, prejudicarão os plano de países em desenvolvimento de intensificar progressivamente a redução de suas emissões.

Sarney Filho acrescentou que os países do Basic estão muito concentrados na “necessidade de progressos reais na implementação de Paris” em Bonn e desejam um “texto claro e funcional” ao final dessa cúpula, na sexta-feira (17).

“Não temos tempo a perder. Quando maior for o progresso, mais cedo poderemos nos colocar em andamento para conseguir os objetivos de Paris “, argumentou.

Já o ministro de Meio Ambiente, Florestas e Mudança Climática da Índia, Harsh Vardhan, ressaltou que as economias desenvolvidas devem “apoiar financeira e tecnologicamente” as economias em desenvolvimento e apontou que é necessário manter a “diferenciação” entre países para a “justiça climática”.

A ministra sul-africana de Assuntos Ambientais, Edna Molewa, pediu progressos na estruturação do Fundo Verde e também “previsibilidade” para o futuro, para que os países que beneficiados possam se planejar.

(Agência Brasil)

PGR e Ministério Público dos Estados fecham parceria na luta contra o tráfico de seres humanos

O procurador-geral de Justiça do, Estado, Plácido Rios, esteve em Brasília participando da solenidade de assinatura de acordo envolvendo o Conselho Nacional dos Ministérios Públicos Estaduais e a Procuradoria Geral da República.

Pelo acordo, haverá troca de informações e ações entre os MPs dos Estados com objetivo de reforçar a luta contra tráfico de seres humanos.

Segundo Plácido, também entra nessa parceria a busca por vítimas, com divulgação de lista e fotografias em todos os Estados, entre outras providências.

 

Vice-presidente da Área de Habitação da Caixa ganhará homenagem em Fortaleza

Entre os agraciados com o Prêmio Construção 2017, a ser concedido pelo Sindicato das Construtoras do Ceará (Sinduscon), está o ex-presidente do Banco do Nordeste e hoje vice-presidente da Área de Habitação da Caixa Econômica Federal, Nelson Antônio de Souza.

A entidade quer reconhecer o apoio de Nelson de Souza para o setor da construção civil.

A solenidade de entrega do prêmio, que inclui também Melhor Construtora do Estado, ocorrerá no no próximo dia 24, às 21 horas, no La Maison.

 

Planeta com temperatura similar à da Terra é achado próximo ao sistema solar

Uma equipe internacional de cientistas descobriu um planeta com tamanho e temperatura similares ao da Terra, situado a apenas 11 anos-luz do sistema solar, segundo informou nesta quarta-feira (15) o Observatório Europeu do Sul (ESO).

O planeta, que foi chamado de Ross 128 b, é o mais próximo já descoberto que orbita em torno de uma estrela anã vermelha inativa, o que pode aumentar a probabilidade de reunir as condições necessárias para abrigar vida, de acordo com estudo publicado pela revista Astronomy & Astrophysics.

A equipe responsável pela descoberta utilizou o caçador de planetas Harps (motor de busca de alta precisão por velocidade radial) da ESO, instalado no Observatório La Silla, do Chile.

O novo planeta é agora o segundo com temperatura similar à Terra mais próximo – após Proxima b – e será, de acordo com o observatório, um alvo perfeito para o telescópio ELT (Extremely Large Telescope) do ESO, capaz de buscar biomarcadores na sua atmosfera.

Segundo as observações feitas até agora, o exoplaneta de baixa massa orbita em torno da estrela anã vermelha Ross 128 a cada 9,9 dias, e espera-se que tenha temperatura superficial que pode ser similar à da Terra.

Apesar de estarem entre as mais comuns, as anãs vermelhas são boas para a busca de exoplanetas, por serem um dos tipos de estrela mais frias e frágeis do universo, embora muitas emitam labaredas que, ocasionalmente, banham de radiação ultravioleta letal e raios-X os planetas que as orbitam.

No entanto, parece que a Ross 128 b é uma estrela muito mais tranquila, de maneira que seus planetas possam ser os locais habitáveis mais próximos, ressaltou o ESO.

Embora esteja atualmente a 11 anos-luz da Terra, o astro se move em nossa direção e espera-se que se transforme no “vizinho estelar mais próximo em apenas 79 mil anos, um piscar de olhos em termos cósmicos”, passando a ser o exoplaneta mais próximo, destacam os cientistas.

Com os dados de Harps, a equipe descobriu que o Ross 128 b orbita 20 vezes mais perto de sua estrela que a distância entre a Terra e o Sol.

Apesar dessa proximidade, recebe apenas 1,38 vez mais radiação que a Terra e calcula-se que a sua temperatura de equilíbrio se encontre entre -60 e 20 graus Celsius, graças à natureza fria de sua pequena estrela anã vermelha, que tem pouco mais que a metade da temperatura superficial do Sol.

(Agência Brasil)

Unifor promove roda de conversa sobre a abordagem da escassez da água na literatura cearense

A Universidade de Fortaleza e a Assembleia Legislativa promoverão nesta sexta-feira, a partir das 8 horas, no auditório da Biblioteca dessa instituição de ensino superior, a roda de conversa sobre o tema “A Escassez de Água Revisitada na Literatura Cearense”.

O encontro marcará o Dia da Literatura Cearense e contará com a participação de parlamentares estaduais e do ex-governador e presidente da Fundação Waldemar de Alcântara, o acadêmico Lúcio Alcântara.

Também estarão nesse debate os professores Batista de Lima, Aila Sampaio, Ana Carla Pinheiro, Hermínia Lima, Mônica Tassigny, Randal Pompeu e Tereza Porto.

Ciro Gomes e a regência política de Zezinho Albuquerque e Salmito Filho

455 1

Com o título “Ciro Gomes e as lideranças legislativas: Zezinho Albuquerque e Salmito Filho”, eis artigo do sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa. Ele fala sobre a Assembleia Legislativa e a Câmara Municipal de Fortaleza como ponto s de discurso para o presidenciável. Confira:

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) tem a enorme chance de sinalizar, aos deputados federais e aos senadores, a sua intenção de construir uma relação republicana entre o executivo e o legislativo. Ciro deverá usar como modelo de democracia participativa a Assembleia Legislativa do Ceará e Câmara Municipal de Fortaleza. O pedetismo-cirista tem o seu centro de origem entre os parlamentares cearenses. Os dois principais interlocutores ou modelos para os futuros aliados, como exemplo de equilíbrio do poder legislativo com o executivo, são deputado estadual Zezinho Albuquerque (PDT) e o vereador fortalezense Salmito Filho (PDT).

O PDT) tem o maior número de prefeitos e lideranças sociais, mas sua maior força política está entre os deputados estaduais e os parlamentares dos municípios cearenses, com hegemonia eleitoral sem precedente na história do nosso Estado.

O presidente da Assembléia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PDT), é o maior expoente legislativo na política regional, sendo responsável pela manutenção da coesão das bases pedetistas-ciristas, em torno do governador Camilo Santana (PT), via o equilíbrio de forças entre o Executivo e o Legislativo.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho, foi o grande responsável pela criação da maior bancada municipal pedetista do Brasil, no final do ano de 2015, contribuindo para o fortalecimento do pedetismo-cirista fortalezense, em parceria, com o prefeito Roberto Cláudio (PDT). O exemplo dado pela capital cearense é de uma relação equilibrada e republicana entre o Executivo e o Legislativo, modelo bem sucedido que, sem dúvida, será explorado nos grandes diretórios municipais do PDT, com palestras e seminários.

O presidenciável brizolista, o advogado Ciro Gomes, deverá fazer a indicação do presidente da Assembléia Legislativa para ser o companheiro da chapa majoritária de reeleição do governador Camilo Santana (PT): Senador ou Vice-governador. Ciro Gomes tem noção da capacidade ímpar do deputado estadual Zezinho Albuquerque de manter a maior base de parlamentares cearenses (federais, estaduais e municipais), sendo este o caminho para que obtenha uma maior votação no Ceará.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, o sociólogo Salmito Filho (PDT), deverá ter a missão de fazer várias palestras e seminários entre os correligionários pedetistas do Brasil, em nome do modelo republicano de equilíbrio entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo, que com certeza seria aplicado numa futura administração de Ciro Gomes.

*Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Sociólogo e consultor político.

Manuela D’Ávila, presidenciável, vai ajudar o PCdoB nos Estados, afirma Chico Lopes

O deputado federal Chico Lopes (PCdoB) anda empolgadíssimo com a pré-candidatura da deputada estadual gaúcha Manuela D’Ávila à Presidência da República em 2018.

“É um nome qualificado e que nos ajudará a crescer também no Ceará”, afirma o parlamentar, que disputará a reeleição. Com ele, nesse páreo, segundo a direção estadual comunista, estará o ex-senador Inácio Arruda.

Ou seja, com palanque nacional, o PCdoB avalia que dá para expandir sua presença política nos Estados. O Ceará consta entre prioridades.

Capitão Wagner admite disputar cadeira federal se não montar palanque para disputar o governo

Do deputado estadual Capitão Wagner (PR):

“Se eu não tiver condições de disputar o governo, vou para federal!” Ele, inclusive, confirma acordo com o deputado federal Cabo Sabino (PR), que viria disputar cadeira de deputado estadual.

Wagner deixa claro que busca condições de sair candidato a governador, com apoio de partidos aliados. Principalmente se o senador Eunício Oliveira, sempre listado para essa disputa, se bandear para o lado do governador Camilo Santana (PT).

 

Defensoria Pública é sede de debate sobre LGBTfobia

A vereadora Larissa Gaspar (PPL) participará nesta sexta-feira, 17, às 8h30min, do Ciclo de Palestras “Direito, Sexualidade e Relações de Gênero” na Defensoria Pública do Estado do Ceará. Com ela, a professora Marinina Gruska Benevides, do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas da Uece. Em debate, a LGBTfobia e a Ausência de Criminalização.

Larissa Gaspar preside a Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Fortaleza e também comanda a Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos da População LGBT.

O Ciclo de Palestas é uma realizado da Comissão de Diversidade Sexual e Gênero da OAB do Ceará.

SERVIÇO

*Defensoria Pública do Ceará – Rua Pinto Bandeira, 1111 – Edson Queiroz.

*Encontro aberto ao público.

FHC fala de eleições nos EUA

Enquanto o PSDB pega fogo e se esfarela no Brasil, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso está em Nova York (EUA) falando de eleições.

FHC vai palestrar sobre o Brasil pós-2018 nas universidades Columbia e Brown, informa o colunista Lauro Jardim, do O Globo.

DETALHE – Por lá também está o senador Tasso Jereissati.