Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Camilo reafirma apoio à reeleição de Eunício Oliveira

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quinta-feira:

O governador Camilo Santana fez, na noite de terça-feira, em Caucaia (RMF), um verdadeiro desabafo em meio a cobranças sobre o porquê do apoio à reeleição do senador Eunício Oliveira. Lembrou que enfrenta oposição do Planalto e que o País vive crise que deixa os Estados em situação de arrocho em todos os sentidos.

Por causa desse cenário, procurou o apoio de Eunício, o único senador cearense a lhe dar a mão na hora da dificuldade e assumir, com ele, a responsabilidade de buscar e liberar recursos para grandes projetos e programas do interesse do Estado e da população.

Além de Eunício, que foi adversário de Camilo na disputa pelo Governo em 2014, são senadores pelo Ceará o tucano Tasso Jereissati, oposição, e José Pimentel, petista como Camilo, mas que integra grupo da deputada federal Luizianne Lins (PT), que se afastou do Palácio da Abolição quando o governador estreitou laços políticos com os Ferreira Gomes.

(Foto – Divulgação)

Torcida do Fortaleza vai ao aeroporto embarcar o time, que luta para manter a liderança na Série B

O Fortaleza embarcou, nessa noite de quarta-feira, na rota de São Luís (MA), onde enfrentará, na noite desta sexta-feira, a equipe do Sampaio Correa.

O jogo é mais um decisivo para pretensões do clube cearense, que quer se manter na liderança no Brasileirão da Série B.

A torcida do Fortaleza, inclusive, compareceu em peso ao embarque do time, e fez festa no Aeroporto Internacional Pinto Martins.

Justiça leiloa nesta quinta-feira mansão, carros e relógios suíços de Sérgio Cabral

A mansão, quatro apartamentos, uma sala comercial, três carros, uma lancha e seis relógios suíços do ex-governador do Rio, Sérgio Cabral (MDB), apreendidos pela Justiça Federal, vão a leilão na tarde de hoje (13).

Após a última oferta, em 4 de setembro, foi vendido apenas um jet-ski e um jet-boat. O leilão será no auditório da Justiça Federal, no centro do Rio. Os lances poderão ser registrados na internet.

O Marcelo Bretas, titular da 7ª Vara Federal Criminal, responsável pelos desdobramentos da Operação Lava Jato, no estado, determinou a venda.

O mais valioso dos bens é a mansão de dois andares da família em Mangaratiba, no litoral sul do Rio de Janeiro. A casa foi avaliada em R$ 8 milhões, mas não recebeu ofertas e teve o valor reduzido para R$ 6,4 milhões.

Com 462 metros quadrados construídos em um terreno de 1 mil metros quadrados, a mansão tem duas piscinas, área de churrasqueira, cinco suítes e mais dois quartos.

Os lances podem ser feitos à vista ou a prazo, com uma entrada de 25% e o parcelamento do restante em até 30 vezes. Lances à vista têm preferência sobre lances a prazo, caso o valor oferecido seja o mesmo.

(Agência Brasil/Foto – Reprodução de Youtube)

Coordenador da campanha de Ciro doa R$ 1 milhão para a campanha de Cid Gomes

509 2

O empresário Prisco Bezerra doou R$ 1 milhão para a campanha do candidato ao Senado, Cid Gomes (PDT), informa a Coluna Radar, informação já divulgada pela empresa local.

Pode-se dizer que a doação carrega forte interesse próprio: Prisco é 1º suplente de Cid na chapa.

Irmão do prefeito de Fortaleza, Prisco também atua como coordenador financeiro da campanha de Ciro Gomes à Presidência.

Ao TSE, Prisco declarou possuir R$ 64 milhões em bens.

NovaBrasil FM 106.5 estreia nesta quinta-feira

O Grupo O POVO de Comunicação reuniu convidados, nessa noite de quarta-feira, no Pipo Restaurante Pipo (São joão do Tauape), para o lançamento da NovaBrasil Fortaleza FM 106.5.

A emissora estreia nesta quinta-feira com programação 100% voltada para a música brasileira, com foco em MPB, pop e samba.

Na foto: Alexandre Hovoruski, diretor artístico da Rede NovaBrasil FM; João Dummar Neto, vice-presidente do O POVO; Claudia Rei, superintendente da área de comunicação do grupo Solpanamby; e Calil Bassit, responsável pela expansão da Rede NovaBrasil FM.

(O POVO)

Camilo inspeciona obras em Catarina e Aiuaba e completa os 184 municípios visitados na gestão

O governador Camilo Santana visitou nessa quarta-feira (12) obras nos municípios de Catarina e Aiuaba, no Sertão dos Inhamuns. Com isso, Camilo completou os 184 municípios do Ceará visitados na gestão para ações administrativas – inaugurações de equipamentos, assinaturas de ordens de serviço ou inspeção em obras do Estado.

“É com muita alegria que completo os 184 municípios visitados durante a minha gestão, todas com ações administrativas. 100% das cidades cearenses contam atualmente com obras do Governo do Estado. Temos trabalhado incansavelmente para melhorar a qualidade de vida dos nossos irmãos e irmãs cearense”, disse o governador.

Aiuaba

Em Aiuaba, Camilo Santana visitou as obras da Escola de Ensino Médio (EEM) do distrito de Barra, que têm previsão de serem concluídas em novembro deste ano. Com investimento de mais de R$ 5 milhões, o equipamento poderá receber até 270 alunos em cada um dos três turnos (manhã, tarde e noite). “Temos 74 escolas atualmente sendo construídas em todo o estado. Essa unidade aqui de Aiuaba não fica devendo em estrutura para nenhuma escola particular do Brasil. Vamos continuar investindo para que a educação do Ceará cresça ainda mais e continue entre as melhores do país”, disse Camilo Santana.

Com seis salas de aula, a escola contará ainda com biblioteca, laboratórios de Informática e de Ciências (Química, Biologia, Física e Matemática), sala para o grêmio estudantil, quadra poliesportiva, refeitório, anfiteatro, sala de vídeo, sala profs e demais espaços administrativos.

Catarina

Já à noite, em Catarina, Camilo Santana inspecionou as obras do projeto Sinalize – asfalto e sinalização de diversas vias do município -, a estrada que liga Catarina a Acopiara e o terreno onde será construída a Areninha. “O Sinalize, além de melhorar as condições de trafegabilidade, aumenta a segurança no trânsito para os moradores do município. Catarina ganhará, em breve, uma Areninha para a prática de esportes. O equipamento é muito importante para manter nossos jovens longe das drogas”, afirmou o governador, que conversou ainda com moradores da cidade para saber das principais demandas da população.

(Foto: Divulgação)

Bolsonaro passa bem após nova cirurgia, diz hospital

O candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, foi submetido no final da noite dessa quarta-feira (12) a uma cirurgia para correção de aderência na região abdominal. Após mais de uma hora de operação, o Hospital Albert Einstein informou na madrugada desta quinta-feira (13) que o procedimento foi “bem-sucedido”.

A assessoria do hospital informou ainda que maiores detalhes serão fornecidos nesta quinta-feira por volta das 10h em um novo boletim médico. A cirurgia foi acompanhada pela mulher de Bolsonaro, Michelle, que está em São Paulo, e por assessores.

Bolsonaro vinha experimentando melhoras no seu estado clínico. Depois de passar os últimos dias sem febre nem sinais de infecção e submetido a medidas de prevenção de trombose venosa, Bolsonaro teve um agravamento do quadro de saúde ao longo dessa quarta-feira (12).

Terça-feira (11), havia recebido alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI), passando para uma unidade de cuidados semi-intensivos. Além disso, iniciou a alimentação por via oral, que foi suspensa depois dos problemas apresentados.

Nessa quarta-feira, o candidato reclamou de dores e náuseas, o que fez os médicos retomarem a alimentação via venosa, suspendendo a ingestão de alimentos.

Por volta das 22h30, o Hospital Albert Einstein informou que o candidato seria submetido a uma cirurgia, pois apresentou “distensão abdominal progressiva e náuseas, foi submetido a uma tomografia de abdômen”.

Bolsonaro fez o exame que mostrou a presença da obstrução e a indicação foi o tratamento cirúrgico.

(Agência Brasil / Foto: Arquivo)

Santana do Acaraú – Prefeito acusado de assassinato ganha licença remunerada

Janderlúcia Farias foi empossada, ontem, como prefeita de Santana do Acaraú, a 212 km de Fortaleza. A vice-prefeita ocupa o lugar do prefeito Marcelo Arcanjo, preso em 4 de setembro último, sob força de mandado de prisão temporária. Ele é acusado de matar Cesar Augusto do Nascimento, em 29 de agosto.

Marcelo teve solicitação de licença prévia não remunerada de 60 dias concedida pela Câmara Municipal, na manhã de ontem, em sessão extraordinária. Dos 13 vereadores, sete votaram contra o pedido e cinco a favor o presidente da Casa, Célio Carneiro, não votava. Eram precisos pelo menos nove votos para que a licença fosse rejeitada. O parecer da comissão de Justiça, Legislação e Redação também foi favorável à concessão do pedido.

Conforme a comissão, após essa licença, ele poderá, em tese, retornar ao cargo.

Célio Carneiro destacou que a Lei Orgânica do Município (LOM) não previa a situação. Por isso, ele, como presidente da Câmara, utilizou o expediente referente a pedidos de licença de vereadores sob justificativa de equivalência de poderes. No artigo 105, o texto afirma que o pedido de licença só poderia ser rejeitado pelo voto de 2/3 dos vereadores presentes à sessão. “Os casos não previstos neste regimento interno serão decididos pelo presidente”, afirma, por sua vez, o artigo 229 da LOM.

Em depoimento à Polícia Civil, Marcelo Arcanjo contou que atirou para se defender de uma agressão de Cesar. O prefeito havia ido à casa da vítima tirar satisfações sobre boatos de que este estaria espalhando informações de que a primeira dama do Município receberia propina. Conforme familiares de Cesar, presentes no momento do crime, não houve tentativa de agressão. O prefeito, que tinha sinais de embriaguez, atirou em Cesar sem discussão, no momento em que fingiu dar um abraço na vítima. Cesar morreu no local.

(O POVO – Lucas Barbosa)

Pra não dizer que não falei das flores – Geraldo Vandré, que nesta quarta-feira completa 83 anos

O advogado paraibano Geraldo Pedrosa de Araújo Dias, o Geraldo Vandré, participou em 1968 do III Festival Internacional da Canção da TV Globo com Pra não Dizer que não Falei das Flores, também conhecida como “Caminhando”. A composição se tornou um hino de resistência do movimento estudantil que fazia oposição à ditadura durante o governo militar, e foi censurada. O refrão “Vem, vamos embora / Que esperar não é saber / Quem sabe faz a hora, / Não espera acontecer” foi interpretado como uma chamada à luta armada contra os ditadores. No festival, a música ficou em segundo lugar, perdendo para Sabiá, de Chico Buarque e Tom Jobim. A música Sabiá foi vaiada pelo público presente no festival, que bradava exigindo que o prêmio viesse a ser da música de Geraldo Vandré.

Por 9 votos a 2, Supremo não reconhece ensino domiciliar

Por 9 votos a 2, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiram hoje (12) não reconhecer o ensino domiciliar de crianças, conhecido como homeschooling. Conforme o entendimento da maioria, a Constituição prevê apenas o modelo de ensino público ou privado, cuja matricula é obrigatória, e não há lei que autorize a medida.

O julgamento começou na semana passada, quando o relator do caso, ministro Luís Roberto Barroso, votou a favor do ensino domiciliar. Para ele, alguns pais preferem comandar a educação de seus filhos diante das políticas públicas ineficazes na área de educação, dos resultados na qualidade no sistema de avaliação básica, além de convicções religiosas.

Barroso também citou que o modelo de homeschooling está presente nos Estados Unidos, Finlândia e Bélgica, entre outros países. “Sou mais favorável à autonomia e emancipação das pessoas do que ao paternalismo e às intervenções do Estado, salvo onde eu considero essa intervenção indispensável”, argumentou.

Na sessão de hoje, o julgamento foi concluído com os votos dos demais ministros. Primeiro a votar, Alexandre de Moraes abriu a divergência e entendeu que o ensino domiciliar não está previsto na legislação: “O ensino familiar exige o cumprimento de todos os requisitos constitucionais. Não é vedado o ensino em casa desde que respeite todos os preceitos constitucionais. Há necessidade de legislação”.

O ministro Ricardo Lewandowski também entendeu que não é possível que os pais deixem de matricular os filhos nas escolas tradicionais. Segundo ele, “razões religiosas não merecem ser aceitas” pelo Judiciário para que os pais possam educar os filhos em casa. O ministro argumentou que os pais “não podem privar os filhos de ter acesso ao conhecimento” na escola tradicional.

“Não há razão para tirar das escolas oficiais, públicas ou privadas, em decorrência da insatisfação de alguns com a qualidade do ensino”, afirmou Lewandowski.

Os ministros Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Luiz Fux, Gilmar Mendes, Marco Aurélio e a presidente, Cármen Lúcia, também votaram no mesmo sentido. Fachin acompanhou em parte o relator.

(Agência Brasil)

Fies 2018 – Termina só na sexta-feira prazo para lista de espera

O Ministério da Educação (MEC) adiou para sexta-feira (14) o fim do prazo para os estudantes pré-selecionados na lista de espera do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) fornecerem os dados necessários para contratar o financiamento. O prazo terminaria no último dia 9. A lista de espera vale para os estudantes que se inscreveram no Fies do segundo semestre e não foram selecionados no processo regular. Segundo a pasta, o objetivo do adiamento é “ampliar as oportunidades de financiamento para os alunos”.

Pelas regras do Fies, quem está na lista dos pré-selecionados deve acessar o Sistema Informatizado do Fies – FiesSeleção e complementar a inscrição no prazo de cinco dias úteis, a contar da divulgação do resultado no sistema. Os nomes dos pré-selecionados foram divulgados aos poucos, desde o dia 6 de agosto. Nesta sexta-feira, terminam os últimos prazos para os estudantes complementarem as inscrições.

Após concluir o procedimento no sistema, o candidato deverá validar as informações prestadas no ato de inscrição na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da instituição de educação superior em até cinco dias.

O Fies concede financiamento a estudantes em cursos superiores de instituições privadas com avaliação positiva pelo Ministério da Educação. Pode concorrer quem tenha feito uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos e nota acima de 0 na redação.

O novo Fies tem modalidades de acordo com a renda familiar. A modalidade Fies tem juro zero para os candidatos com renda mensal familiar per capita de até três salários mínimos. Nesse caso, o financiamento mínimo é 50% do curso, enquanto o limite máximo semestral é R$ 42 mil. A lista de espera vale para esta modalidade.

A modalidade chamada de P-Fies é para candidatos com renda familiar per capita entre 3 e 5 salários mínimos. Nesse caso, o financiamento é feito por condições definidas pelo agente financeiro operador de crédito que pode ser um banco privado ou fundos constitucionais e de desenvolvimento. O P-Fies não tem lista de espera.

(Agência Brasil)

Vem aí o Festival de Música de Fortaleza

668 3

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) vai lançar, às 9 horas desta sexta-feira, no Paço Municipal, o Festival de Música de Fortaleza 2018. Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura poderão participar do evento os artistas residentes no País e no Exterior, com idade acima de 18 (dezoito) anos, que apresentem música inédita composta em língua portuguesa.

Considera-se música inédita pelo Edital do Festival, a composição que ainda não tenha sido objeto de comunicação ou transmissão ao público, sob qualquer plataforma, ou fixação de qualquer natureza.

O vencedor do Festival terá como premiação um contrato para apresentação no Reveillon 2019 de Fortaleza.

O período de inscrição acontece de 14 de setembro a 12 de outubro e a divulgação das músicas classificadas será anunciada no dia 30 de outubro de 2018.

Duas eliminatórias

O festival terá duas eliminatórias. A primeira no dia 30 de novembro e a segunda no dia 1º de dezembro de 2018. A etapa final do Festival de Música de Fortaleza 2018 acontece no dia 8 de dezembro de 2018.

SERVIÇO

*As informações relacionadas ao Festival de Música de Fortaleza 2018, além do edital e ficha de inscrição, serão disponibilizadas a partir de sexta-feira, 14/09, no site: https://www.fortaleza.ce.gov.br/.

Dólar fecha o dia cotado a R$ 4,14

O dólar fechou hoje (12) em queda de 0,21%, cotado a R$ 4,1455 na venda, invertendo uma tendência de alta no fechamento de ontem, quando a moeda norte-americana terminou o dia acima de R$ 4,15. O Banco Central manteve a política tradicional de swaps cambial, sem efetuar leilões extraordinários de venda futura da moeda.

O índice B3, da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), encerrou o pregão em alta de 0,63%, com 75.124 pontos, também invertendo a baixa no fechamento de ontem. As ações de empresas de grande porte puxaram a alta, com Petrobras valorizadas em 2,43%, Vale 1,64% e Eletrobras com alta de 4,73%.

(Agência Brasil)

Governo Temer acerta libração de R$ 100 milhões para Cinturão das Águas

Um aporte complementar no valor de R$ 100 milhões para as obras da transposição da água do Rio São Francisco foi garantido, nesta tarde de quarta-feira, durante reunião, no Palácio da Abolição, entre o governo do Ceará e  o governo federal.

O encontro contou com a presença do chefe do gabinete do Governo, Élcio Batista, o secretário de Recursos Hídricos, Francisco Teixeira, e o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun, e o Ministro da Integração, Antônio de Pádua. No ato, o governo cearense expôs o projeto do Cinturão das Águas, por onde vai entrar a água do rio São francisco no Estado.

O aporte será encaminhado para a Presidência da República para aprovação.

(Foto – Tapis Rouge)

Ambev promoverá nesta sexta-feira em Fortaleza o Dia da Responsa

Nesta sexta-feira, 14, A Ambev vai promover o Dia de Responsa, data criada pela companhia no Brasil para promover o consumo inteligente de bebidas alcoólicas. Em Fortaleza a programação, segundo a assessoria de imprensa do grupo, iniciará com um café da manhã e um encontro com a imprensa para alertar sobre o consumo consciente.

Em seguida o time da Ambev visitará bares e restaurantes da cidade. O ponto alto será a Praia do Futuro. O coletivo de arte urbana Acidum Project fará parte da jornada, com a realização de uma oficina em parceria com a ONG Ipom. A ONG ganhará uma nova fachada com grafites que remetem ao consumo responsável.

A iniciativa, em sua nona edição, também foi adotada pela Anheuser-Busch InBev (ABI), grupo do qual a Ambev faz parte, e é comemorada em outros 24 países onde a empresa atua. Milhares de pessoas, como funcionários, artistas e influenciadores digitais, estarão envolvidas em ações para disseminar mensagens sobre a importância de não vender, servir ou estimular o consumo de bebidas alcoólicas por menores de 18 anos, não consumir em excesso ou associado à direção.

(Foto – Divulgação)

Sebrae reage contra MP que cria agência de museus subtraindo 6% do seu orçamento

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) ingressou na tarde desta quarta-feira (12) com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a medida provisória que criou a Agência Brasileira de Museus (Abram). O motivo é a retirada de parte dos recursos do Sebrae para destinar ao novo órgão.

No documento, os advogados questionam quatro pontos da MP editada no início da semana pelo presidente Michel Temer. Os principais são o que classificam como “desvio de finalidade” da contribuição responsável por bancar o Sebrae. Os defensores do mandado de segurança argumentam que a Contribuição de Intervenção do Domínio Econômico (Cide) foi criada pela Constituição para destinar recursos a assuntos econômicos, diferindo de temas como a gestão de museus.

O artigo que destina 6% do orçamento anual do Sebrae para a Abram também é criticado pelo órgão. Segundo o mandado de segurança, há uma “ilegalidade” na obrigação de transferir o dinheiro à agência porque as receitas do Sebrae provêm mensalmente da Receita Federal, que deveria ser a responsável por alterar ou diminuir a destinação dos recursos.

Como se trata de uma medida provisória, que tramita no Congresso Nacional, mas já tem força de lei, o critério da urgência também é questionado pelo Sebrae. “A MP não possui urgência para sua aprovação, devendo, caso seu mérito ainda permanecesse válido, ser criada por meio de projeto de lei”, explicou o órgão.

Ontem (11), ao anunciar que ingressaria com o mandado, o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, disse não ser contra a busca de soluções para os problemas dos museus, mas que os micro e pequenos empresários não poderiam “pagar sozinhos esta conta”.

(Agência Brasil)

PT deflagra nesta quinta-feira a campanha de Haddad no Ceará

489 3

O PT do Ceará vai deflagrar, a partir desta quinta-feira, 13, o Setembro Vermelho. A ordem é iniciar a campanha Haddad-Manu-Camiloa em Fortaleza.

Na agenda, segundo a direção estadual petista, a ocupação de mais de 30 cruzamentos com bandeiraço e adesivaço das 7 às 9 horas. Já na parte da tarde, haverá concentração na Avenida 13 de maio, a partir das 16 horas, com a presença do governador Camilo Santana.

De lá, Camilo seguirá com a juventude petista até a sede do Comitê do Povo, localizado na Avenida 13 de maio, 2072 onde participará da Plenária 13 do Campo e da Cidade, a partir das 18 horas.

No encerramento do dia, acontecerá o lançamento do Comitê 13 da Cultura, na Avenida Pessoa Anta, 218, Praia de Iracema.

O Brasil que eu quero…

Com o título “O Brasil que eu quero”, eis artigo de Joaquim Cartaxo, arquiteto urbanista e superintendente estadual do Sebrae. Ele abora a crise e a expectativa de que tudo só se resolve quando acabar a Era Temer. Confira:

Cotidianamente, vemos nas mídias impressas ou digitais manifestações de analistas especializados ou comuns de que o Brasil vive uma crise sem precedentes na sua história. Crise econômica, social, ambiental, política com responsáveis por ela das mais diversas natureza e porte, a partir da visão de mundo de cada um.

Fato. O atual Governo Federal não reúne as condições políticas e sociais para enfrentar os desafios e dificuldades dessa crise, pois é resultante de um golpe liderado pelas forças políticas inconformadas por haverem perdido as eleições de 2014. Portanto, sem legitimidade popular. O que se vê é o aprofundamento da crise, que se expressa no aumento vertiginoso do desemprego e no desmantelamento do estado mínimo de bem-estar social construído no Brasil nas últimas décadas.

Essa ilegitimidade do Governo Federal produziu, na campanha eleitoral de 2018, a proliferação de candidaturas que apresentam propostas para enfrentar a crise em que o País está imerso, desde as de caráter complexo até àquelas risíveis, como resolver os problemas no Brasil procurando soluções em um posto de gasolina, combinadas ao armamento da população para resolver a violência.

Para resolver os problemas do Brasil com radicalidade é preciso compreender o País com radicalidade; entender que a sociedade brasileira positivamente é um multiverso cultural, que por outro lado também é uma sociedade historicamente marcada pela desigualdade entre pessoas e regiões. Em 2017, por exemplo, os 10% mais ricos dos brasileiros detinham 43,3% da renda total do País, enquanto os 10% mais pobres detinham apenas 0,7%.

Utilizar nossa diversidade para erradicar essa desigualdade deve ser a prioridade estratégica de um projeto para o Brasil. Mas, no curto prazo é preciso um plano emergencial que combata a perversidade do desemprego, investindo no empreendedorismo, valorizando o salário mínimo, retomando um programa de obras e intensificando o acesso ao crédito e a transferência de renda, como o Bolsa Família que na prática é um importante instrumento de desenvolvimento local.

*Joaquim Cartaxo

cartaxojoaquim@bol.com.br

Arquiteto e urbanista e superintendente estadual do Sebrae.