Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Camilo cumpre agenda na área da Segurança Pública nesta segunda-feira

O governador Camilo Santana, dará a aula inaugural da 4ª turma do Curso de Formação Profissional para a carreira de praças da Polícia Militar. Será nesta segunda-feira, a partir das 9 horas, na Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp), no Mondubim.

Nesta terça-feira, Camilo deve viajar para Curitiba, ao lado de outros governadores do Nordeste com o objetivo de visitar o ex-presidente Lula, preso a mando do juiz federal Sergio Moro por conta do triplex do Guarujá.

Massacre de Carandiru – STJ invalida decisão que anulou júri

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) invalidou a decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) que anulou a condenação de policiais militares pelos assassinatos de presos no massacre do Carandiru em 1992. A informação foi confirmada nesse domingo (8) ao Portal G1 pela assessoria de imprensa do STJ.

Em sua decisão, o ministro do STJ Joel Ilan Paciornik atendeu pedido do Ministério Público Federal (MPF) e do Ministério Publico de São Paulo (MP-SP) e determinou que os desembargadores do TJ-SP refaçam o julgamento que em 2016 anulou cinco júris que tinham condenado 74 policiais pelos assassinatos de 77 presos.

Desse modo, as condenações dos agentes ficam suspensas até que a 4ª Câmara Criminal do TJ volte a julgar o pedido das defesas dos agentes da Polícia Militar (PM) para anular seus júris.

Paciornik considerou que, no julgamento de 2016, os desembargadores do TJ não analisaram os questionamentos do MP, chamados de embargos de declaração. A Promotoria havia considerado omissa e contraditória a decisão naquela ocasião. Por esses motivos, o STJ ordenou que o TJ aprecie, desta vez, os embargos do MP. Ainda não há data prevista para quando ocorrerá esse julgamento.

(Foto – Reprodução/Arquivo/GloboNews)

Comissão Externa da Transposição vem visitar canteiro de obras no Ceará

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta segunda-feira:

Enquanto o Ceará continua vivendo no compasso da espera das santas águas do rio São Francisco, o projeto, da responsabilidade do Ministério da Integração Nacional (MIN), perdura sem um prazo definido em termos de conclusão. É o que diz a Comissão Externa de Acompanhamento da Transposição, da Câmara dos Deputados, que resolveu pressionar por respostas.

No próximo dia 16, pela manhã, haverá audiência pública na Assembleia Legislativa com a presença de membros dessa comissão com grupo de deputados cearenses que reforçarão esse coro de cobranças. O presidente da comissão, Raimundo Gomes de Matos (PSDB), chancelará esse encontro, ao lado do relator do grupo, Rômulo Gouveia (PSD/PB).

Representantes do MIN foram convocados e vão expor a situação atual do projeto. Já no dia 23 próximo, haverá visita in loco ao canteiro de obras da transposição em Jati, na Região do Cariri. Que tudo isso surta efeito, porque se fosse por muita conversa e discurso, sem dúvida nossos açudes já estariam transbordando.

 

Moreira Franco assume Ministério das Minas e Energia

O Palácio do Planalto confirmou há pouco que o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, vai assumir a pasta de Minas e Energia, que estava vaga com a saída de Fernando Coelho Filho, candidato à reeleição para deputado federal em Pernambuco. Moreira Franco também é secretário-executivo do Programa de Parcerias e Investimentos (PPI).

“O presidente Michel Temer definiu hoje que o ministro Moreira Franco assumirá o Ministério de Minas e Energia”, diz o comunicado da Secretaria de Imprensa da Presidência.

Na semana passada, ministros do governo Temer deixaram o cargo para se candidatar nas eleições de outubro. A lei eleitoral prevê que os ministros que quiserem concorrer nas eleições tinham até o dia 7 de abril para deixar os cargos, na chamada desincompatibilização.

Foram exonerados os ministros Ricardo Barros (PP), Ministério da Saúde; Maurício Quintella (PR), Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil; Mendonça Filho (DEM), Ministério da Educação; Marx Beltrão (MDB), Ministério do Turismo; Osmar Terra (MDB), Ministério do Desenvolvimento Social; Fernando Coelho Filho (MDB), Ministério de Minas e Energia; Leonardo Picciani (MDB), Ministério do Esporte; Sarney Filho, Ministério do Meio Ambiente; Helder Barbalho (MDB), Ministério da Integração Nacional; e Henrique Meirelles, Ministério da Fazenda.

(Agência Brasil)

Governo do Ceará divulga nota defendendo a liberdade de expressão

Em nota, o Governo do Ceará expressa a necessidade, no atual momento político do País, do respeito à liberdade de expressão. A nota coincide com uma série de ataques a profissionais de imprensa e a prédios de empresas de comunicação como a que ocorreu, no fim de semana, no Sistema Verdes Mares. Confira:

Nota Oficial

O Governo do Ceará é sensível ao momento político emocionado que estamos vivendo. Reconhecemos os desafios deste instante histórico e compartilhamos a angústia de todas as parcelas da população. Cumprindo seu papel, estamos atentos aos anseios e sentimentos do povo.

Em face dos acontecimentos contra a liberdade de imprensa, o Governo do Ceará vem a público reforçar sua defesa veemente do respeito à liberdade de expressão. As manifestações públicas pacíficas são essenciais para o fortalecimento da democracia, bem como a liberdade de imprensa e de opinião. Por isso, o Estado não compactua e repudia qualquer forma de violência.

O momento difícil pelo qual passa o Brasil não será resolvido com demonstrações de intolerância e ódio, de nenhum lado.

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Ceará
Gabinete do Governador.

Justiça decide verificar cumprimento do ensino da história afro-brasileira

Pela primeira vez a Justiça foi favorável à verificação do cumprimento da Lei 10.639/2003, que incluiu no currículo oficial da rede de ensino e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação a obrigatoriedade da temática História e Cultura Afro-Brasileira. Em decisão unânime, a Quarta Câmara Cível do Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro deu provimento ao recurso impetrado pelo Instituo de Pesquisa e Estudos Afro-brasileiros (Ipeafro) e ao Instituto de Advocacia Racial e Ambiental (Iara).

O caso específico se refere ao município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e engloba escolas das redes municipal, estadual e particular. No pedido, os autores pleitearam “juntada dos currículos, grades curriculares e conteúdos das escolas requeridas e orientações das autoridades apontadas no polo passivo, para que, em perícia judicial, seja aferido o cumprimento ou descumprimento da lei 10.639/03”. Também são citadas a lei 11.645/2008, que inclui a obrigatoriedade do ensino da história indígena, e a lei 12.288/2010, que institui o Estatuto da Igualdade Racial.

Na decisão, relatada pelo desembargador Antônio Iloízio Barros Bastos, é ressaltado que não há provas quanto ao cumprimento da lei em nenhuma escola. “Até mesmo o acesso ao inquérito resta prejudicado, pois, em que pese a atuação diligente do ilustre Promotor de Justiça signatário do parecer de fls. 546, olvidou-se de mencionar o número do inquérito civil. Dessa forma, a ausência de documentos inviabiliza o direito dos autores de fiscalizar a aplicação da norma, o que evidencia a presença do interesse de agir”.

A decisão aponta também que há apenas alegação por parte dos apelados do cumprimento da referida lei. “Diferente do que afirma o Estado do Rio de Janeiro, de rigor não existe prova, mas sim, quando muito, mera alegação de cumprimento da lei, que não retira dos autores o interesse de agir. Nessa toada, não há falar em inexistência de resultado útil na reforma da sentença, pois persiste o interesse dos autores, no âmbito da legitimação disjuntiva, em tirar suas próprias conclusões a respeito da efetiva observância da lei modo a atender aos interesses coletivos”.

O advogado do Iara Humberto Adami explicou que já faz mais de uma década que o movimento negro pede na Justiça que a lei 10.639/2003 seja cumprida. “Eu tinha feito, em 2005, representações ao Ministério Público Federal com 15 entidades do movimento negro. Essas denúncias foram espalhadas pelo Brasil, umas 5 mil ações multiplicadas pelos municípios. Daí abriram-se inquéritos civis públicos, com cada promotor ou procurador fazendo o inquérito e intimando as secretarias de educação e as diretoras de escola para saber porque não estava cumprindo a lei. Isso serviu como motivador para as pessoas conhecerem o problema”.

(Agência Brasil)

Zanin diz que defesa continuará a tomar medidas para revogar prisão de Lula

O advogado Cristiano Zanin, da equipe de defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, informou hoje (8) que o ex-presidente está indignado pela situação, mas está bem. Sem dar detalhes, Zanin disse apenas que conversou com Lula, mas que por ser um diálogo entre advogado e cliente não poderia dar mais informações.

Zanin afirmou que a defesa vai continuar a tomar medidas para que a prisão seja revogada, e admitiu que os advogados analisam a possibilidade de pedir a transferência do petista para São Paulo. “Vamos analisar [eventual pedido de transferência]. Mas não posso adiantar as estratégias da defesa. O que entendemos é que não há motivo jurídico para ele estar preso e vamos tomar as providências para que a prisão seja revogada”, disse.

Sobre a possibilidade de o Supremo Tribunal Federal (STF) reverter a prisão de Lula, ele disse que “acredito em uma reversão no STF, porque isso não é compatível com a nossa legislação. Nem a condenação, tampouco a prisão para o cumprimento antecipado de pena”.

Também em entrevista, a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, disse que o ex-presidente Lula está tranquilo e bem. Ela disse que não esteve com Lula, mas que conversou com o advogado Cristiano Zanin. Segundo a senadora, o defensor informou que o ex-presidente foi bem tratado e respeitado quando chegou ontem (7) à Superintendência da Polícia Federal na capital paranaense.

“Conversei hoje com doutor Zanin. Ele disse que ontem correu tudo bem. O presidente chegou muito bem aqui. O presidente foi bem tratado, foi respeitado. Chegou cansado, obviamente, porque ele estava há dois dias dormindo pouco ou quase não dormindo. Disse também que o Lula foi colocado em instalações que são dignas e que ele estava bem. Tranquilo, mas cansado, disse a senadora.

Gleise disse que os advogados negociam com a Superintendência da PF e com a Justiça a possibilidade de o ex-presidente receber visitas políticas. “Senadores e deputados têm representatividade pública e teriam direito de visitar Lula, que também é uma figura política. Então estamos vendo isso com a Polícia Federal, e os nossos advogados também estão vendo. Tem uma outra visita que é da Comissão de Direitos Humanos da Câmara e do Senado. Esta apenas vai marcar uma data para vir aqui e saber como o ex-presidente está passando. E tem ainda a visita dos familiares”.

A senadora informou que amanhã (9) o PT vai realizar uma reunião da Executiva Nacional para definir os rumos do partido após a prisão de Lula.

(Agência Brasil)

SSPDS envia nota sobre as três mortes a caminho do Castelão

Um casal com a camisa do Ceará foi executado a tiros, na tarde deste domingo (8), por um homem que supostamente teria tido envolvimento amoroso com a mulher. Após matar o casal, que estava a caminho do estádio Castelão, o homem efetuou um disparo contra a própria cabeça.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra que um jovem pega e arma do crime, enquanto o atirador agoniza.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará se pronunciou sobre o crime. Confira:

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE) informa que equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) e da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foram acionadas, neste domingo (8), para atender a uma ocorrência de duplo homicídio, seguido de suicídio, registrada no Bairro Dias Macedo, Área Integrada de Segurança 07 (AIS 07).

Rafael Carlos Bispo (31) e Carla Carrilho (40) seguiam pela Avenida Alberto Craveiro em um veículo – modelo Prisma – quando pararam no sinal vermelho e foram alvejados a tiros por um homem, que havia descido de um automóvel modelo Onix. Os dois vieram a óbito no local.

Após atirar contra o casal, o homem efetuou um disparo contra a própria cabeça. Marcos Roni Albuquerque de Morais (43) chegou a ser socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e levado para uma unidade de saúde, mas também veio a óbito. Uma equipe do 13° Distrito Policial (DP), plantonista da área, realizou os primeiros levantamentos acerca do caso.

(Foto: WhatsApp)

Texto da reforma deve ser aproveitado em 2019, diz secretário da Previdência

O secretário de Previdência do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano, disse que, se o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro continuar até 31 de dezembro, como previsto, um novo governo poderia aproveitar o texto da atual Proposta de Emenda à Constituição (PEC) para a Reforma da Previdência, que já tramita no Congresso, e economizar “no mínimo seis meses” na aprovação de uma reforma.

Segundo Caetano, o presidente que for eleito teria de esperar a eleição de novos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado para dar continuidade à tramitação e, caso decida dar continuidade à que já ocorre, seria possível ter a aprovação da reforma ainda no primeiro semestre de 2019. “Do ponto de vista legislativo é possível, sim, aproveitar todo esse processo que já foi feito e é recomendado que se faça isso”, disse.

Caetano disse que se o novo governo decidir propor um novo texto, o processo demoraria pelo menos outros seis meses, já que seria necessário formar uma equipe técnica e um consenso entre ela, além de fazer a articulação no Executivo e apresentar um novo texto ao Congresso somente por volta de abril. “Se for um processo bastante acelerado, ele vai conseguir ter a aprovação de uma reforma da Previdência só no final de 2019”, concluiu.

A proposta de reforma da Previdência do governo passou pela Comissão de Constituição e Justiça e foi aprovada pela Comissão Especial da Câmara dos Deputados, criada para tratar do tema, em maio de 2017, mas sua tramitação foi interrompida quando o governo decretou a intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro. A Constituição Federal não permite que sejam feitas emendas ao seu texto enquanto ocorrem intervenções.

O secretário da Previdência fez as declarações em Cambridge, nos Estados Unidos, onde participou da Brazil Conferência, organizada por alunos brasileiros das universidades de Harvard e do Massachusetts Institute of Technology (MIT).

(Agência Brasil)

Ceará é bicampeão do estadual de futebol

O Ceará voltou a vencer o Fortaleza, na tarde deste domingo (8), por 2 a 1, e conquistou o bicampeonato estadual de futebol. Pio abriu o placar para o Ceará, aos 18 do primeiro tempo. Felipe Azevedo ampliou, aos 39 minutos da segunda etapa. Adalberto, aos 44 minutos, descontou para o Fortaleza. O Leão desperdiçou a chance do empate, na primeira etapa, quando Bruno Melo cobrou pênalti na trave.

O treinador alvinegro Marcelo Chamusca teve um problema de saúde e não acompanhou o time até o final. Segundo a diretoria do Ceará, ele está se recuperando.

A justiça considerou as acusações, mas a História, em algum momento, o absolverá

571 1

Em postagem nas redes sociais, a advogada Valéria Estrela relata o que representou a prisão de Lula na história da sua família. Confira:

O dia de ontem foi muito triste pra mim. Como jurista, entendi a decisão do Supremo e não esperava ser diferente em razão das decisões anteriores sobre o julgamento em segunda instância.

Porém como pessoa, especificamente neste caso, eu lamento pela realidade dos fatos. Eu vim do sertão da Paraíba, de uma cidade pequena com 18 mil habitantes. Sou filha de professora da rede pública e de um pequeno comerciante.

Vi na minha infância pessoas da zona rural em tempos ou não de seca, sem esperança alguma de uma vida melhor, perambularem como pedintes e com expressão de fome, pela falta de oportunidades.

Depois, já adulta, quando voltava ao sertão, num tempo em que esse homem que foi preso ontem estava no governo, pude testemunhar uma realidade diferente da que vi na infância.

Vi oportunidades melhores para famílias pobres, vi pessoas fazendo universidade e, principalmente, não vi pessoas mendigando em tempos de seca.

A justiça considerou as acusações, mas a História, em algum momento, o absolverá.

Minha mãe foi sempre eleitora dele e ontem eu a vi, mesmo em um quadro de avançado de Alzheimer, rezar por ele. Só tenho a pedir a Deus que o proteja e fortaleça seu espírito!

Academia Enem tem momento de descontração para milhares de jovens

Nem a movimentação da final do campeonato estadual de futebol, tampouco o capítulo final da “novela” “Lula em Curitiba” desviaram o compromisso de milhares de jovens com o primeiro fim de semana da Academia Enem 2018.

Além das aulas de Biologia, Redação e Geografia, os milhares de estudantes que foram este domingo (8) ao ginásio Paulo Sarasate tiveram momentos de descontração e relaxamento.

A Academia Enem 2018, da Prefeitura de Fortaleza, terá ainda outros 29 encontros, das 13 horas às 17h30min. O projeto ofertará ainda dois simulados, que têm o intuito de testar o conhecimento e preparar ainda mais os jovens da rede pública para o Enem.

O curso é gratuito e oferece ainda o material didático e lanche. O programa já beneficiou aproximadamente de 50 mil estudantes e tem vagas preferenciais para alunos da rede pública.

Novo currículo do ensino médio exigirá mudança na formação do professor

O sucesso da implementação da nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC) do Ensino Médio passará por mudanças na formação de professores e adaptações nas escolas, apontam especialistas. O documento, que vai orientar os currículos dessa etapa e estabelecer as habilidades e competências que devem ser desenvolvidas pelos alunos ao longo do ensino médio em cada uma das áreas, foi entregue na última terça-feira (3) pelo Ministério da Educação (MEC) ao Conselho Nacional de Educação (CNE).

A BNCC do ensino médio é organizada por áreas do conhecimento: linguagens, matemática, ciências da natureza e ciências humanas. Apenas as disciplinas de língua portuguesa e matemática aparecem como componentes curriculares, ou seja, disciplinas obrigatórias para os três anos do ensino médio. Os alunos deverão cobrir toda a BNCC em, no máximo, 1,8 mil horas. O tempo restante deve ser dedicado ao aprofundamento no itinerário formativo de escolha do estudante.

Para o diretor do Instituto Ayrton Senna, Mozart Neves Ramos, essas mudanças vão exigir muito investimento na formação de professores e um “repensar da formação de professores no Brasil” para que haja uma integração entre as disciplinas.

“Quando você faz um trabalho por área de conhecimento que reforça o caráter da interdisciplinariedade, você tem que investir muito na formação de professores. Hoje, como o professor de química é formado sem ter um diálogo direto com o professor de física ou biologia, que fazem parte da mesma área de conhecimento, por exemplo, agora para dar conta desse novo ensino médio, eles terão que se integrar já dentro da universidade”, diz.

Segundo ele, a mudança vai ter impacto nos currículos das licenciaturas. “As coordenações dessas áreas vão ter que sentar e repensar. Não é que não vai mais ter professor de química, física e biologia, mas vai ter que haver um esforço para integrar esses conhecimentos”, diz.

A formação dos professores deve ser priorizada também na visão da pedagoga Anna Helena Altenfelder. “Não só os professores, mas toda a estrutura da escola que hoje é pensada por disciplina e não por área de conhecimento. Então, temos um desafio grande”, diz a presidente do Conselho de Administração do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).

Ela também aponta um possível acirramento das desigualdades na educação como um dos riscos da nova base para o ensino médio. “Sabemos que os estados têm condições diferentes tanto técnicas como financeiras para construir seus próprios currículos. Então, a questão dos itinerários deve ser melhor definida em um apoio maior para os estados”, diz. O MEC se comprometeu a elaborar um guia de orientações para ajudar os estados na elaboração dos itinerários formativos.

(Agência Brasil)

Camilo articula visita de governadores do NE a Lula

1208 1

Oito governadores da região Nordeste devem visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nesta semana na sede da Polícia Federal, em Curitiba. A comitiva estaria sendo organizada pelo governador Camilo Santana (PT), que mantém contato com a senadora e presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann. Advogados de Lula também participam da conversa para viabilizar o encontro.

Já teriam confirmado presença em Curitiba Renan Filho (MDB), de Alagoas, Rui Costa (PT), da Bahia, Flávio Dino (PC do B), do Maranhão, Ricardo Coutinho (PSB), da Paraíba, Wellington Dias (PT), do Piauí, Robinson Faria (PSD), do Rio Grande do Norte, e Jackson Barreto (MDB), de Sergipe. A previsão é que os chefes do Executivo se encontrem na capital paranaense na próxima terça-feira, 10, e vão juntos ao encontro do ex-presidente.

Conforme O POVO Online apurou, Camilo Santana ainda não conseguiu falar com Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco. Nesta semana, o pernambucano já declarou apoio ao ex-presidente. Em nota divulgada à imprensa no dia em que o juiz Sérgio Moro expediu o mandado de prisão contra Lula, Câmara criticou a decisão e defendeu que a liberdade do petista não é uma ameaça à sociedade que justifique a prisão.

“Hoje é um dia triste para o Brasil ver um líder popular da importância de Lula enfrentar este momento. A sua história de vida mostra que Lula é um sobrevivente, um lutador. O ex-presidente da República continua com o nosso respeito e a nossa solidariedade. Não se pode pensar que a manutenção da liberdade de Lula, neste momento, seja uma ameaça à sociedade que justifique a prisão”, afirmou no texto.

Preso

Desde o início da noite de sábado, 7, o ex-presidente começou a cumprir a pena de doze anos e um mês de reclusão determinado pelo juiz Sérgio Moro. Lula foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, em regime inicial fechado no caso do triplex, no Guarujá. Ele se entregou por volta das 18h40min, depois de permanecer na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, onde começou sua carreira política, pelos quase dois dias.

(O POVO Online)

Juros dos empréstimos devem continuar em queda, mas vão seguir longe da Selic

Os juros do crédito devem continuar caindo, mesmo após a interrupção do ciclo de cortes da taxa básica de juros, a Selic, previsto para junho. Isso será possível com a recuperação da economia e a maior competição no mercado de crédito, avaliou o diretor de Economia da Associação Brasileira de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel José Ribeiro de Oliveira.

Em março, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) reduziu a taxa Selic pela 12ª vez seguida, ao menor nível da história, para 6,5% ao ano, e sinalizou um novo corte em maio, com interrupção do ciclo em junho. A expectativa é que a Selic seja reduzida em 0,25 ponto percentual para 6,25% ao ano. O atual ciclo de cortes começou em outubro de 2016, quando estava em 14,25% ao ano.

Mesmo com a taxa Selic em seu menor patamar, os juros ao consumidor ainda são altos. A taxa média de juros para pessoas físicas estava em 74,3% ao ano, em outubro de 2016, e chegou a 57,72% ao ano, em fevereiro. Ou seja, enquanto a Selic caiu 54%, essa taxa média dos empréstimos às famílias teve redução de 22%.

Mas há taxas ainda mais altas, como a do cheque especial, que não mudou muito nesse período. Em outubro de 2016 estava em 328,52% ao ano e em fevereiro desse ano chegou a 324,12% ao ano. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), as instituições financeiras devem apresentar mudanças no cheque especial ainda neste mês, mas ainda não foram divulgados detalhes da alteração.

(Agência Brasil)

Defesa Civil alerta para chuvas fortes nas regiões Centro-Sul, Cariri e Inhamuns

Chuvas intensas devem atingir as regiões Centro-Sul, Cariri e Inhamuns neste domingo, 8. A Defesa Civil Estadual alerta para risco de acidente. E recomenda aos moradores que evitem áreas alagadas e uso de aparelhos ligados à tomada.

Entre a noite de sábado, 7, e a manhã desde domingo, 8, precipitações intensas castigaram a população de Novo Oriente, a região central da cidade ficou alagada. A água entrou em casas e comércios do município, causando prejuízos.

Desde o início do fim de semana, chuvas fortes se concentram principalmente na região do Vale do Jaguaribe. Entre as 7 horas da manhã de sábado, 7, e o mesmo período neste domingo, meteorologistas registraram precipitações em 61 municípios cearenses.

Foi em Russas, distante 166 km da Capital, a maior chuva do dia, com 135 mm. Seguida de Novo Oriente, com 122mm. Alto Santo e Morada Nova atingiram volume pluviométrico de 85,8 e 85,2 mm, respectivamente.

Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a previsão para todo o fim de semana é de nebulosidade variável com períodos de chuva.

(O POVO Online)