Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Senado aprova testes de visão e audição em alunos de escolas da rede pública

O Senado concluiu a votação do projeto que obriga o poder público a oferecer exames visual e de audição aos alunos do ensino fundamental de escolas públicas. A proposta já tinha sido aprovada na semana passada, mas precisava de um turno suplementar, que foi confirmado nessa quarta-feira (13). Como foi alterado pelos senadores, o texto segue novamente para análise da Câmara.

O projeto altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional para prever que as ações para identificar e corrigir problemas visuais e auditivos deverão ser priorizadas. Como deveres do Estado, além da educação escolar pública nos diferentes níveis, deverá ser considerada a necessidade de se fornecer recursos ópticos não ópticos e aparelhos auditivos para as crianças.

Objeto de discussão mais aprofundada na última votação, a matéria foi aprovada de forma simbólica na tarde de hoje. Na semana passada, a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) defendeu a aprovação do texto. “Esse é um projeto muito importante, porque obriga o exame de vista para todos os alunos do ensino fundamental, exame a ser realizado logo no primeiro semestre. Quem foi prefeito, quem foi vereador, sabe da importância de garantir o acesso, e os professores e educadores, de garantir isso aos alunos da escola pública”, argumentou.

Ex-ministro da Saúde, o senador José Serra (PSDB-SP) também apoiou a proposta. “Em saúde, o que é caro é custeio, não é o investimento. Esse projeto supõe investimento, que é ter os equipamentos, mas o custeio é muito barato. Trata-se de uma questão de organização no plano nacional e tem um papel fundamental em relação aos mais pobres e aos mais jovens”, disse.

Após retornar de uma viagem ao Japão, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), também ressaltou a importância da medida. “É uma coisa muito triste, porque lá eles estão classificando as nossas crianças como autistas em algumas escolas. Então é preciso fazer esses testes aqui”, afirmou.

(Agência Brasil)

Ceará perde com gol nos acréscimos e mantém agonia no Brasileirão

340 1

O Ceará desperdiçou uma grande chance de reagir no Brasileirão, na noite dessa quarta-feira (13), em pleno estádio Independência, em Belo Horizonte, quando saiu na frente do Atlético Mineiro, aos 33 minutos do segundo tempo, com gol de Naldo. Pior, além de levar o gol de empate, três minutos depois, com Roger Guedes, o Vozão permitiu a virada do Galo, nos acréscimos, por meio de Luan.

Com o resultado, o Atlético assumiu a vice-liderança do Brasileirão, enquanto o Ceará segue a agonia de ainda não ter vencido na competição, após 12 rodadas.

A Série A do Campeonato Brasileiro somente voltará com suas rodadas, após o término da Copa do Mundo, quando o Ceará receberá o Sport, no Castelão, dia 18 de julho.

(Foto: Reprodução)

Ministério Público e CGD cumprem mandados de prisão contra três PMs

O Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco),do Ministério Público, do Ceará, com o apoio de equipes da Controladoria Geral de Disciplina (CGD), cumpriu três mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão contra três sargentos da Polícia Militar que, no exercício das funções, praticaram crimes de roubo e corrupção passiva. A informação é da assessoria de imprensa do MPCE.

As medidas foram deferidas em processo que tramita na Vara da Justiça Militar Estadual. A ação criminosa dos policiais foi detectada durante outra investigação do Gaeco e do setor de inteligência da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSPDS).

Dos três policiais, dois já estavam em reclusão no presídio militar, pois foram condenados na auditoria militar por crime de extorsão. Apenas um dos alvos estava em atividade e, após o cumprimento do mandado de prisão preventiva, foi recolhido ao presídio militar.

Além do processo criminal, os policiais envolvidos nos crimes responderão a procedimento disciplinar na CGD, com sanções administrativas que podem chegar à demissão.

Após baixa procura, campanha de vacinação contra gripe é prorrogada

O Ministério da Saúde anunciou, nesta quarta-feira (13), que a campanha de vacinação contra a gripe terá continuidade até 22 de junho. O governo decidiu prorrogar a campanha devido ao baixo índice de comparecimento: 77% do público-alvo foi vacinado. O número é considerado baixo pela pasta, que estabeleceu como meta a cobertura de 90% dessa população, o que equivale a 54 milhões de pessoas. Desde o início da campanha, no dia 23 de abril, 42,6 milhões de pessoas foram vacinadas.

A região Sudeste é a que possui menor cobertura até agora: 71% do público prioritário foi protegido. Na sequência, estão Norte (72%), Sul (81,3%), Nordeste (84%) e Centro-Oeste (91,4%). Em estados como Roraima, Rio de Janeiro, Rondônia e Rio Grande do Sul, a baixa cobertura vacinal é ainda mais preocupante. Neles, os percentuais chegam a 53,59%, 57,29%, 70,91% e 77,82%, respectivamente. Apenas Goiás, Amapá e Ceará ultrapassaram a meta de 90%.

Segundo o ministério, a situação acende um alerta, dada a proximidade do inverno, período de maior circulação do vírus da gripe. Além disso, neste ano, já foram contabilizados 2.715 casos de influenza, mais do que o dobro do que foi registrado no mesmo período do ano passado (1.227). As mortes decorrentes da doença também aumentaram: passaram de 204, em 2017, para 446, em 2018. Apesar do crescimento, os números estão distantes dos que foram registrados em 2016, quando houve forte incidência da influenza no Brasil, quando foram 12.174 casos e 2.220 óbitos derivados deles.

“Nós entendemos que a estratégia é: atuação mais proativa para ir buscar esse público-alvo”, afirmou o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, que citou iniciativas de vacinação e de conscientização envolvendo imprensa, escola e agentes comunitários de saúde como exemplos.

O público prioritário da campanha é composto por idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a 5 anos, trabalhadores em saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes e mulheres que tenham tido filhos há 45 dias, bem como pessoas privadas de liberdade. Crianças e gestantes são os grupos que registraram menor cobertura vacinal neste ano, assim como ocorreu no ano passado. Na região Sudeste, por exemplo, menos da metade (48,95%) das crianças que devem ser vacinadas foram imunizadas. Já o percentual de gestantes atingiu 54%.

(Agência Brasil)

Projeto Pôr do Sol no Parque vai ao Centro de Fortaleza

A Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor) promoverá, na sexta-feira, 15, a segunda edição do Projeto Pôr do Sol no Parque. O evento acontecerá no Parque da Liberdade, mais conhecido como Parque da Criança, ponto histórico e cultural do Centro da cidade, das 15h30min às 17h30min, informa a assessoria de imprensa do Paço Municipal.

Dentre as atrações haverá apresentação musical da Banda Integração da Guarda Municipal de Fortaleza, ação de conscientização sobre as arboviroses, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, além da doação de mudas das mais diversas espécies por parte da UrbFor.

As próximas edições do projeto Pôr do Sol no Parque estão previstas para o Parque Parreão, no bairro de Fátima, (13/07) e para o Parque da Lagoa do Opaia, no bairro Vila União (27/07).

SERVIÇO

*Parque da Criança – Rua Pedro I, s/n – Centro.

(Foto – Divulgação)

Teatro do Sesc em clima de palhaçaria

A Companhia Laguz Circo encerrará na sexta-feira, 15, às 20 horas, no Teatro Sesc Emiliano Queiroz, a temporada do espetáculo “Pedra no Sapato”. O espetáculo teria mais uma semana em cartaz, mas, em razão da Copa da Rússia, não haverá a apresentação do dia 22 de junho. No palco, os artistas Felipe Abreu (Brasil) e Romina Sanchez (Argentina), que interpretam os palhaços Suspiro e Burbuja, utilizam a técnicas da palhaçaria clássica usando as técnicas circenses como pano de fundo para a montagem realizada pela primeira vez em 2014.

Nesta nova produção que conta com nova roupagem e nova pesquisa, os artistas buscam manter viva a arte cômica onde o corpo está em evidência, explorando as possibilidades de quedas, golpes e absurdos cômicos. O palhaço e a palhaça se inspiram nos antigos clowns de picadeiro, teatro e cinema trazendo-os para o momento atual. O intuito é experimentar possibilidades estéticas gerando no espectador novas referências de comédia ressaltando a poesia sem a necessidade do recurso apelativo.

SERVIÇO

*Teatro Sesc Emiliano Queiroz – Avenida Duque de Caxias, 1701 – Centro

*Ingressos: R$10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)

*Mais Informações – (85) 3452 9090.

(Foto – Divulgação)

Lançamento dia 25 – Parlamento Metropolitano promove interação entre municípios da RMF, aponta Salmito

No próximo dia 25, as Câmaras Municipais da Região Metropolitana de Fortaleza deverão lançar o Parlamento Metropolitano, como forma de abordar questões que muitas vezes fogem à competência governamental dos municípios, do Estado ou da União.

É o que informou nesta quarta-feira (13) o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), durante entrevista ao radialista Narcélio Limaverde, na FM Assembleia.

“O Parlamento Metropolitano é o ambiente propício para que questões de interesse da população da Região Metropolitana de Fortaleza possam ser apresentadas por seus legítimos representantes, no caso os vereadores, em encontros que ocorrerão uma vez por mês. Questões que serão tratadas com interação com o Governo do Estado e Assembleia Legislativa”, comentou Salmito.

O presidente do Legislativo de Fortaleza lembrou o caso do aterro sanitário de Caucaia, que recebe os resíduos sólidos de Fortaleza após um acerto metropolitano, na época do então prefeito Ciro Gomes (1989/1990). “É um espaço com 200 hectares, que recebe diariamente 4,5 mil toneladas de resíduos sólidos. Espaço que não há como existir em Fortaleza, por diversos fatores. É uma questão a ser tratada na esfera metropolitana, que foge à competência do Executivo”, explicou Salmito.

Antes do lançamento do Parlamento Metropolitano, as Câmaras Municipais debatem as principais demandas das 19 cidades que compõem a Região Metropolitana de Fortaleza, em encontros que acontecem no Fórum Parlamentar Metropolitano. Até esta quarta-feira (13), já foram 15 encontros. Os dois últimos ocorreram nessa terça-feira (12), em Caucaia e em Pacatuba.

(Fotos: Divulgação)

Há disparidades entre PM e Polícia Civil no Ceará?

928 3

O vereador Julierme Sena (PROS) repercute, através deste artigo intitulado “Forças desiguais no combate à criminalidade”, matéria do O POVO dessa quarta-feira (13), que traz a seguinte manchete: “Em 10 anos, efetivo da PM aumentou três vezes mais que efetivo da Polícia Civil”. Julierme, policial civil, faz uma reflexão sobre as causas e consequências dessa disparidade entre a Polícia Militar e a Civil no Estado do Ceará. Confira:

Os números revelam um dos principais motivos do aumento assustador da criminalidade no Ceará. O trabalho das forças estaduais de segurança, Polícia Militar e Polícia Civil, é assustadoramente desproporcional.

Em 10 anos, temos um diagnóstico preocupante na área de Segurança Pública no Estado. O número de homicídios dobrou. Enquanto que o efetivo da Polícia Militar aumentou três vezes mais que o efetivo da Polícia Civil.

Isso significa que o trabalho ostensivo realizado pela PM não se consolida, se não houver um amplo, eficaz e continuado trabalho de investigação pela Polícia Civil, capaz de comprovar todos os ilícitos. Para que assim, os criminosos não fiquem impunes, circulando pela sociedade, cometendo novos crimes e estimulando outras pessoas a se envolverem com o crime.

A Polícia Militar precisa de um braço forte para quebrar o ciclo da impunidade. Este braço é a Polícia Judiciária, que nos últimos dez anos além de não ter sido beneficiada com reforço do efetivo, teve uma evasão de quase 60%, com 2.001 policiais civis saindo da instituição. Esta evasão na Polícia Civil é a maior do país. O fator principal que resulta na saída destes profissionais, é o salário incompatível com uma carreira de nível superior. Por isso, os policiais migram para outras profissões em busca de melhor valorização.

Esta é a reflexão que precisa ser feita pelos governos. Sem uma Polícia Judiciária reestruturada, será impossível reverter o grave quadro da insegurança que passamos no Estado do Ceará.

*Julierme Sena

Policial Civil e vereador de Fortaleza pelo PROS.

Caixa e Banco do Brasil divulgam calendário de saques do PIS/Pasep

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil (BB) divulgaram hoje (13) o calendário de saques das contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). Mais cedo, em cerimônia no Palácio do Planalto, o presidente Michel Temer sancionou a lei e assinou o decreto que regulamentam os saques, que agora poderão ser feitos por todas as pessoas que tem direito ao benefício, e não apenas para cotistas com 60 anos ou mais, como vigorava na regra anterior.

O pagamento das cotas deve injetar R$ 39,5 bilhões na economia, com impacto potencial no Produto Interno Bruto (PIB) na ordem de 0,55 ponto percentual. Cerca de 28,7 milhões de pessoas têm dinheiro em contas inativas do PIS/Pasep para resgatar. Desse total, 3,6 milhões já fizeram o saque até maio desse ano, num total de R$ 5 bilhões. Os outros R$ 34,3 bilhões ficarão disponíveis para serem sacados no Banco do Brasil (servidores públicos) e na Caixa Econômica Federal (trabalhadores do setor privado).

Agenda

Com início na próxima segunda-feira (18), cotistas do PIS/Pasep com idade a partir de 57 anos poderão procurar as agências do BB e da Caixa para sacar o benefício. Essa primeira etapa vai até o próximo dia 29 de junho. Depois disso, os pagamentos serão interrompidos, entre os dias 30 de junho e 7 de agosto, período em que são aplicadas as correções monetárias do exercício 2017/2018 sobre o benefício. No ano passado, por exemplo, o reajuste nos saldos foi de 8,9%. Nesse caso, segundo os bancos, quem puder esperar para sacar a partir de 8 de agosto, receberá um valor superior ao que está na conta atualmente.

A janela de saques do PIS/Pasep vai até o dia 28 de setembro, mas apenas para trabalhadores com até 59 anos. Aqueles que tem 60 anos ou mais, seguem valendo as regras que já estavam em vigor, que permitem o saque do benefício a qualquer tempo, inclusive após o fim de setembro.

Regras do BB

De acordo com o Banco do Brasil, responsável pelo pagamento dos saldos do Pasep, que beneficia servidores públicos, caso o cotista não seja correntista ou poupador do BB e possuir saldo de até R$ 2,5 mil, ele poderá realizar a transferência da sua cota via transferência eletrônica direta (TED) para conta de sua titularidade em outro banco, sem nenhum custo. A operação poderá ser feita nos terminais de autoatendimento do BB ou na internet (www.bb.com.br/pasep).

No mesmo portal na internet, os cotistas poderão conferir o quanto possuem de saldo na conta inativa. Para quem tiver saldo superior a R$ 2,5 mil, os saques poderão ser realizados nas agências do banco, bastando que o cotista apresente documento oficial de identificação.

Regras da Caixa

O saque das cotas do PIS, que beneficia trabalhadores do setor privado, será efetivado após a confirmação do direito nas agências da Caixa. Os pagamentos das cotas com valor até R$ 1,5 mil podem ser realizados no autoatendimento da Caixa apenas com a Senha Cidadão, sem a necessidade do Cartão do Cidadão, ou com Cartão Cidadão e senha nas unidades lotéricas e Caixa Aqui, mediante apresentação de documento oficial de identificação com foto.

Os saques de valores até R$ 3 mil podem ser feitos com Cartão do Cidadão e Senha Cidadão no autoatendimento, unidades lotéricas e Caixa Aqui, com documento de identificação oficial com foto.

Os valores acima de R$ 3 mil devem ser sacados nas agências, mediante apresentação de documento oficial de identificação com foto. A Caixa ainda orienta que os trabalhadores consultem o site www.caixa.gov.br/cotaspis para serem direcionados à melhor opção de pagamento, antes de se dirigirem a um dos canais oferecidos.

Herdeiros

No caso de cotistas falecidos, o beneficiário legal poderá sacar o PIS/Pasep na Caixa ou no BB. Para isso, ele deve se apresentar nas agências da respectiva instituição financeira portando documentos oficiais de identificação e comprovação da sua condição de herdeiro do cotista que tem saldo a receber.

Por Camilo Santana, Aníbal Gomes apoia Eunício

689 1

O deputado federal Aníbal Gomes (DEM) acaba o silêncio: “Apoio a reeleição do senador Eunício (MDB). Reconheço o trabalho dele em favor do Ceará.”

Foi o que o parlamentar informou, após contato telefônico com este Blog. As briguinhas paroquias que travava com o emedebista viraram coisa do passado.

Ele, assim como Eunício, trabalha a reeleição do governador Camilo Santana (PT).

(Foto – Dida Sampaio)

Jair Bolsonaro já derrotou Geraldo Alckmin e o PSDB? Sim!

869 8

Em artigo sobre as eleições 2018, o sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa aponta o apoio do eleitorado mais conservador à candidatura do PSL Confira:

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) é a maior força político-eleitoral do espectro ideológico de direita do Brasil. Bolsonaro expulsou o presidenciável tucano Geraldo Alckmin do eleitorado conservador de cunho moralista cristão, assim como os jovens ultraliberais começaram a abandonar os presidenciáveis liberais (João Amoêdo – Novo, e Flávio Rocha, PRB), em função do apoio do economista Paulo Guedes ao pré-candidato do Partido Social Liberal. A direita cristã e parte da direita liberal deverão manchar juntas com o presidenciável Jair Bolsonaro e bem distante do tucanato.

Geraldo Alckmin já procura polarizar com Bolsonaro, de maneira artificial, via redes sociais, num debate em tempo real pelos meios de comunicação tradicionais (rádio, televisão e jornal impresso), sem obter muito sucesso. Alckmin e o PSDB não têm como propagar o discurso de moralização e renovação da política brasileira nesse pleito eleitoral. Desse modo, a maioria do eleitorado de centro-direita já rejeitou o tucanato como porta-voz dessa cruzada moralista nas eleições deste ano.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso já compreendeu o fracasso do presidenciável Geraldo Alckmin entre os eleitores anti-Lula-PT, como também existe contingente altíssimo dos eleitores evangélicos que rejeitam os parlamentares e os governantes tucanos. FHC procura construir a união do PSDB nacional na campanha da presidenciável Marina Silva (REDE), pois somente essa coligação eleitoral poderia evitar que uma parte significativa dos eleitores moderados ou centristas passe a apoiar, no primeiro turno, o presidenciável Bolsonaro.

Jair Bolsonaro deverá receber o apoio do eleitorado ultraliberal e de setores organizados dos evangélicos, caso não haja viabilização competitiva eleitoral da presidenciável Marina Silva. Bolsonaro compreendeu o naufrágio político-eleitoral de Alckmin, como principal representante do eleitorado brasileiro de centro-direita, com o discurso moralista cristão e o discurso ultraliberal na economia.

*Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Sociólogo e consultor político.

Caso Dandara – Advogado pede R$ 1 milhão de indenização por danos morais

4001 6

Foi ajuizada nesta quarta-feira uma ação contra o Estado do Ceará com pedido de indenização por dano moral de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) em favor da senhora Francisca Ferreira de Vasconcelos.  Trata-se da mãe de Dandara dos Santos, travesti que foi agredida e assassinada no dia 15 de fevereiro de 2017, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza.

Na ocasião, um vídeo expondo a crueldade do ato circulou pelas redes sociais e causou repercussão até internacional, mobilizando entidades da área dos direitos humanos, movimentos sociais e uma série de protestos por parte de entidades contra um crime com características de LGBTfobia.

A ação foi interposta junto ao Fórum Clóvis Beviláqua pelo advogado Hélio Litão, justificando que houve falha na prestação do serviço de segurança pública. Os elementos probatórios, segundo o advogado, permitem concluir “que a demora no atendimento da ocorrência registrada na Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) contribuiu, decisivamente, para o agravamento da situação de Dandara.”

Segundo Hélio Leitão, várias chamadas sobre o caso foram feitas à Ciops, num período de mais de uma hora, o que expõe negligência no atendimento.

Condenados

Cinco dos oito acusados pelo assassinato de Dandara dos Santos foram sentenciados. Todos os réus julgados no foram condenados com as qualificadoras de motivo torpe (homofobia), meio cruel e sem chance de defesa para a vítima. As penas, contudo, foram individualizadas, de acordo com a participação de cada um no crime.

Francisco José Monteiro de Oliveira Junior foi condenado a 21 anos em regime fechado por ter atirado em Dandara. Jean Victor Silva Oliveira teve pena de 16 anos por usar a tábua no espancamento.

Rafael Alves da Silva Paiva também foi condenado a 16 anos, mas por ter agredido a vítima com chutes. Francisco Gabriel dos Reis cumpre pena de 16 anos por ter agredido Dandara com chineladas. Por fim, Isaías da Silva Camurça foi punido com 14 anos e 6 meses por ter proferido palavas e frases ofensivas durante o ataque.

As defesas de Jean e Rafael recorreram da decisão, por entender que a pena foi elevada, justificando que a agressão causada por eles não foi determinante para a morte de Dandara. O julgamento ocorreu em abril deste ano, no 1º Salão do Júri do Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza.

DETALHE – Dos envolvidos, dois continuam foragidos.

(Foto – Mariana Parente)

Vendas na construção civil começam a reagir, diz Sinduscon

As vendas na construção civil começam a reagir, segundo o presidente do Sindicato da Indústria da Construção (Sinduscon), André Montenegro. Ele diz que o estoque de 11.500 unidades já baixou para 8.500. Mas os distratos preocupam.

Tanto que a Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC), na qual Montenegro integra como diretor, tem reuniões com o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (MDB), com o objetivo de acelerar projeto que altera a política dos distratos no País.

(Foto – Divulgação)

Projeto quer recuperar manguezais em 34 comunidades de Icapuí

A IV Etapa do Projeto “De Olho na Água”, que objetiva promover a recuperação de manguezais no município de Icapuí (Litoral Leste), por meio de ações que fomentem a educação ambiental e a conservação do meio ambiente, já começou. A meta é beneficiar mais de 34 comunidades locais.

O projeto foi lançado durante o Mês do Ambiente, na Praia da Requenguela, em Icapuí, a quase 200 km de Fortaleza. A iniciativa tem à frente a Fundação Brasil Cidadão para Educação, Cultura, Tecnologia e Meio Ambiente (FBC), instituição constituída em 1996, e que, dentre diversas premiações, foi finalista do Prêmio da Fundação Banco do Brasil em Tecnologias Sociais com o Projeto “De Olho na Água”, em 2017.

“Nesse momento em que o grande patrimônio natural da sociedade brasileira, como o cerrado está virando soja, o mar virando uma grande lixeira e os manguezais virando camarão, precisamos ter uma atitude combativa e o projeto De Olho na Água é exatamente isso, a reafirmação dos valores da sociedade brasileira e da nossa relação com o meio ambiente”, destacou o presidente da Fundação, Bosco Carbognin.

O deputado estadual Dedé Teixeira (PT) está apoiando esse projeto. “É um protagonismo para a nossa população em razão da visão pedagógica e sustentável que o projeto implementa. Além disso, tem um papel decisivo porque contribui também para a questão fiscal da gestão municipal, pois por meio dessa iniciativa o município recebe incremento maior com relação ao ICMS”, destaca o parlamentar.

(Foto – Divulgação)

Troféu Vida & Arte para cinco personalidades

Renato Aragão é um dos agraciados.

A imagem de um jornal sendo folheado serviu de inspiração para o artista plástico José Nascimento na concepção de troféu que homenageará cinco personalidades durante o Festival Vida&Arte. São nomes que, em seus respectivos espaços de atuação, transformaram o modo como encaramos a cultura e sua forma de refletir a cidade.

A cantora e compositora Elza Soares, cantor, compositor e violonista Evaldo Gouveia, o arquiteto Fausto Nilo, o jurista Paulo Bonavides e o ator Renato Aragão receberão a homenagem em solenidade realizada na noite de abertura do Festival Vida&Arte, dia 21, às 20h30min, no Palco Rachel de Queiroz. A entrega dos troféus acontecerá logo após a festa de lançamento da nova edição do Anuário do Ceará.

“Foi uma honra ter sido convidado a fazer esse troféu para pessoas dessa importância. Estou rindo à toa”, conta Nascimento, pintor e escultor com formação em edificações pela Escola Técnica Federal do Ceará (atual IFCE) e em arquitetura e urbanismo pela Universidade Federal do Ceará (UFC).

O artista começou sua produção nos anos de universidade e chegou a expor em encontros de estudantes de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro e outras capitais. Como arquiteto, assinou ambientes em várias edições da Casa Cor Ceará e produziu esculturas que foram utilizadas em outros espaços.

O troféu confeccionado por Nascimento tem base em mármore e fios de cobre que formam a representação de dez páginas de jornal em sobreposição, como se estivessem sendo folheadas. Segundo o artista, a peça também realça a necessidade de um pensamento de sustentabilidade.

O Festival Vida&Arte celebra os 90 anos do O POVO e acontecerá entre os dias 21 e 24 deste mês, no Centro de Eventos do Ceará. Com mais de 600 atrações de diversas linguagens em sua programação. Música, literatura, artes visuais, cinema, fotografia, circo, moda, infantil, espiritualidade, cultura pop e muitas outras vertentes da criação artística estarão contempladas.

No quadro abaixo, veja um breve perfil dos homenageados no Festival com o Troféu Vida&Arte.

ELZA SOARES

CANTORA E COMPOSITORA

Eleita pela Rádio BBC de Londres como cantora do milênio, Elza Soares começou sua carreira no início da década de 1950 — depois de enfrentar infância e adolescência difíceis na favela da Moça Bonita, no Rio de Janeiro. Em 55 anos de trajetória, transitou entre ritmos e estilos (MPB, samba, bossa nova, art rock, samba jazz) e se tornou conhecida pela força de sua voz e pela intensidade de sua interpretação.

EVALDO GOUVEIA

CANTOR, COMPOSITOR E VIOLONISTA

Natural de Iguatu, no interior do Ceará, Evaldo Gouveia começou a tocar violão no fim da década de 1940. Depois de conseguir um contrato em uma rádio de Fortaleza, assumiu programas em rádios do Rio de Janeiro e de São Paulo. Compôs canções imortalizadas nas vozes de grandes intérpretes da música brasileira, como Nelson Gonçalves, Nora Ney, Agnaldo Rayol, Moacyr Franco, Cauby Peixoto e Ana Carolina.

FAUSTO NILO

COMPOSITOR, ARQUITETO E POETA

Vencedor de dois Prêmios Sharp na categoria de Melhor Música Popular, em 1987 e 1995, Fausto Nilo é natural de Quixeramobim, no interior do Ceará. Como arquiteto, foi responsável pelo projeto do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, inaugurado em abril de 1999. Como compositor, criou canções gravadas por artistas como Ednardo, Fagner, Gal Costa, Ney Matogrosso, Chico Buarque, Simone e Geraldo Azevedo.

PAULO BONAVIDES

JURISTA E PROFESSOR

Professor emérito da Universidade Federal do Ceará, tornou-se um dos constitucionalistas mais respeitados do País. De grande influência na construção do pensamento jurídico do Brasil, recebeu inúmeros reconhecimentos durante sua trajetória. É doutor honoris causa pela Universidade de Lisboa, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidad Nacional de Córdoba, Universidad Inca Garcilaso de la Vega e Unifor.

RENATO ARAGÃO

ATOR, DIRETOR, HUMORISTA E APRESENTADOR

Uma das personalidades mais conhecidas da TV brasileira, Renato Aragão ficou nacionalmente conhecida pelo seu personagem Didi Mocó, protagonista de Os Trapalhões, uma das franquias de maior êxito no universo cultural do Brasil. Na televisão desde a década de 1960, Renato tornou-se a principal voz do projeto Criança Esperança e também protagonizou cerca de 50 filmes que se tornaram líderes de bilheteria.

SERVIÇO

*Confira a programação completa do site festivalvidaearte.com.br.

Associação Fortaleza Azul ganha homenagem da Câmara Municipal

O vereador Célio Studart e dirigentes da entidade.

A Associação Fortaleza Azul ( FAZ) ganhará homenagem, às 19 horas desta quarta-feira, na Câmara Municipal. O evento, requerido pelo vereador Célio Studart (PV), é um reconhecimento pelos três anos de serviços prestados pela entidade.

“Muito feliz em propor essa merecida homenagem a FAZ, que desenvolve um lindo trabalho, reunindo familiares de pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) para ações de conscientização, informação e inclusão dessas pessoas na sociedade”, justifica o vereador do Partido Verde.

Além da homenagem, a programação do evento contará com a apresentação do cantor Marcos Lessa e do Ato de Cantar (Grupo terapêutico para pessoas com TEA e familiares), coordenado pelo Musicoterapeuta Glairton Santiago.

(Foto – Divulgação)