Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Concurso do CRC/CE encerra inscrições neste domingo

As inscrições para o concurso público do Conselho Regional de Contabilidade do Ceará vão se encerrar neste domingo. São oferecidas 10 vagas de nível médio, para o cargo de auxiliar administrativo, e um de nível superior, para fiscal contador. Os aprovados serão contratados de imediato. Terão jornada de 40 horas semanais e salários de R$ 2.044,36, para o nível médio, e de R$ 3.852,68, para o superior. O concurso também prevê a formação de cadastro reserva.

As provas de língua portuguesa, informática e conhecimentos específicos serão aplicadas para os candidatos dos dois níveis, em Fortaleza, no dia 26 de novembro, com caráter eliminatório e classificatório. A taxa de inscrição para o nível médio é de R$ 80,00 e para o nível superior é de R$ 120,00. O candidato de imprimir o boleto e fazer o pagamento em qualquer agência bancária, até 24 horas após a emissão do boleto.

Caso o candidato perca o prazo, terá que reemitir novo boleto de pagamento da taxa de inscrição. A taxa de inscrição deverá ser paga até o primeiro dia útil após o fim das inscrições, segunda-feira (16).

SERVIÇO

*As inscrições podem ser feitas somente por meio do site da empresa contratada para realizar o certame, www.idib.org.br. O no mesmo endereço, o candidato encontra o edital do concurso.

Eunício manda arquivar pedidos de impeachment contra Janot e ministros do Supremo

Com Eunício em Moscou, o senador Jorge Viana (PT/AC).

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), mandou para o arquivo 12 pedidos de impeachment que estavam parados na Casa.

Metade deles tinha como alvo as cabeças de ministros do Supremo Tribunal Federal e outros seis, a do ex-procurador-geral da república, Rodrigo Janot.

Por falar em Eunício, ele continua na Europa.

(Foto – Divulgação)

Moro dá 48 horas para defesa de Lula entregar recibos originais de aluguel

80 1

O juiz federal Sérgio Moro deu hoje (13) prazo de 48 horas para que a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entregue os recibos originais do aluguel de um apartamento, localizado em São Bernardo do Campo (SP), vizinho ao que mora o ex-presidente.

No fim de setembro, os advogados de Lula entregam cópias dos recibos, mas o Ministério Público Federal (MPF) pediu que veracidade dos documentos seja verificada. Em dois recibos foram inseridas datas que não existem: 31 de junho de 2014 e 31 de novembro de 2015.

A medida foi tomada na ação penal na qual o ex-presidente é réu na Justiça Federal em Curitiba. O processo é um dos desdobramentos da Operação Lava Jato. O MPF acusa o ex-presidente de receber vantagens indevidas oriundas de fraudes em contratos da Petrobras e o apartamento seria uma delas. Para a força-tarefa da Lava Jato, Lula seria o verdadeiro dono do apartamento vizinho ao dele. Glaucos da Costamarques, também réu no processo e proprietário do imóvel, seria um “laranja”, de acordo com a acusação.

Na mesma decisão, Moro rejeitou pedido feito pela defesa de Lula para que fosse agendada uma audiência formal para a entrega dos recibos com a presença de um perito.

“A defesa tem a posse dos recibos e pode extrair cópias antes de entregá-los, o que já é medida suficiente para prevenir qualquer chance de adulteração superveniente, ainda que seja surpreendente que isso seja aventado pela defesa”, argumentou Moro.

Glaucos é sobrinho do empresário José Carlos Bumlai, amigo de Lula e preso na Lava Jato. Inicialmente, o apartamento foi alugado pelo Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, ainda quando Lula era chefe do governo, para ser usado pelos policiais responsáveis pela segurança do então presidente. Depois que deixou o cargo, Lula decidiu assumir a locação do imóvel, que tinha como locatária a ex-primeira dama Marisa Letícia, que morreu em fevereiro.

A defesa do ex-presidente argumenta que os recibos comprovam que o aluguel do imóvel foi uma relação contratual entre a família de Lula e Glaucos da Costamarques. Os advogados de Lula afirmam ainda que parentes e colaboradores de Lula fizeram diligências para encontrar os recibos após pedido feito pelo juiz Sérgio Moro durante depoimento prestado por Lula, em Curitiba.

(Agência Brasil)

Cid diz que Ciro é candidato, com ou sem Lula

261 1

Em entrevista à FM Fortaleza, na tarde desta sexta-feira (13), o ex-governador do Ceará e ex-ministro Cid Gomes (PDT) disse que Ciro Gomes deverá disputar a Presidência da República pelo PDT, “com ou sem Lula”. Para Cid, o cenário das eleições do próximo ano será completamente diferente sem Lula (PT).

Cid Gomes acredita, ainda, que Ciro deverá crescer entre o eleitorado, diante da ausência de Lula, pois quase nenhum dos outros pré-candidatos possui o perfil da política social. “O PSDB defende os interesses dos ricos”, exemplificou.

Apesar de afirmar que está voltado para a pré-candidatura de Ciro Gomes ao Palácio do Planalto e da pré-candidatura de Camilo Santana (PT) à reeleição ao Palácio da Abolição, Cid admite disputar uma das duas vagas ao Senado. “Mas a prioridade é eleger o Ciro e reeleger o Camilo”, reforçou.

Ao lamentar a atual situação da política no País, envolta em denúncias de corrupção e prisões de políticos, Cid Gomes afirmou que seu patrimônio é o mesmo, antes e depois da política. Destacou ainda algumas de suas ações como governador, como a interiorização do atendimento à saúde, diante da construção dos hospitais de Juazeiro do Norte e Sobral, além de investimentos em educação.

Acompanhado do presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), Cid Gomes disse que Salmito terá “importante trabalho no futuro político próximo de Fortaleza, do Ceará e do Brasil”.

Cid Gomes também gravou entrevista para o programa Observatório, apresentado pelo jornalista Arnaldo Santos, na TV Fortaleza (canais 61.4 virtual e 6 da Multiplay Telecom), às 23 horas do domingo (15).

(Foto: Divulgação)

Consultas para vendas a prazo cresceram 3% na Semana da Criança

Em todo o país, as consultas para vendas a prazo entre os dias 5 e 11 de outubro, semana anterior ao Dia das Crianças, aumentaram 3% na comparação com 2016, segundo levantamento do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

Os números foram divulgados hoje (13) em São Paulo. Este ano, os presentes mais procurados seriam os bonecos e bonecas (31%), roupas e calçados (22%), com o valor dos gastos girando em torno de R$ 194,00.

Segundo as duas entidades, este foi o primeiro crescimento após três anos consecutivos de retração e a primeira data comemorativa de 2017 com aumento expressivo: páscoa (+0,93%), Dia das Mães (-5,50%), Dia dos Namorados (-9,61%), Dia dos Pais (-2,18%). O Dia das Crianças é a segunda data mais lucrativa para o varejo no segundo semestre.

De acordo com os dados, no ano passado as vendas no Dia das Crianças haviam registrado uma variação negativa de -9,02%. Em anos anteriores, os resultados foram de -8,95% (2015), -1,50% (2014), +3,15% (2013), +4,83% (2012), +5,91% (2011) e +8,5% (2010).

Segundo o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro, o resultado é consequência da melhora da conjuntura e da proximidade do fim da crise econômica. Para ele, o resultado das vendas nesta data mostra tendência de melhoria para o Natal.

(Agência Brasil)

Comunidade Católica Face de Cristo promove Congresso da Família

A Comunidade Católica Face de Cristo iniciará, nesta sexta-feira, seu Congresso da Família, com o tema “Das Trevas Brilhe a Luz para resplandecer a Face de Cristo”.

O encontro vai se estender até domingo, com palestras, orações e missa.

SERVIÇO

*Comunidade Face de Cristo – Rua Dr. Edmilson Barros de Oliveira, 191 – Dionísio Torres.

(Foto – Blog Sagrada Família)

Prefeito Roberto Cláudio recebe dirigentes do Milan e trata sobre parceria em projeto social

285 1

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), recebeu, em seu gabinete, representantes do clube italiano Milan. O grupo veio a Fortaleza conhecer o projeto Areninhas com o objetivo de firmar parceria com a Prefeitura, informa a assessoria de imprensa do Paço Municipal.

O responsável pela academia de futebol do Milan, Silvio Broli, manifestou interesse do clube de criar escolinhas de futebol em Fortaleza e realizar projetos sociais nas Areninhas.

O encontro também teve a participação do secretário municipal de Esporte e Lazer, Carlos Dutra, do coordenador de Políticas para a Juventude de Fortaleza, Júlio Brizzi, e do conselheiro da Câmara de Comércio Ítalo-Brasileira, Giorgio Bertoni.

“Os representantes do Milan nos visitaram interessados em conhecer o projeto e discutimos a possibilidade de uma parceria entre a Prefeitura e o clube italiano para a instalação de uma escolinha do Milan, juntamente com o projeto Areninhas”, afirmou o prefeito, destacando que “essa possível parceria poderá, inclusive, formar futuros jogadores profissionais, abrindo perspectivas para jovens advindos de áreas vulneráveis de Fortaleza, trabalhando a inclusão social por meio do esporte”, afirmou.

Silvio Broli visitou parte das 22 Areninhas que já foram entregues e disse que o projeto é “fantástico e não há nada parecido em nenhum lugar do mundo. Utilizar o futebol em campos bem estruturados, em bairros vulneráveis, para reduzir a violência e incluir socialmente é algo que precisa ser conhecido em outras partes do mundo”, disse o dirigente italiano. Segundo ele, o Milan poderá contribuir não só com a formação de novos jogadores, a partir de categorias de base, mas também na formação de técnicos de futebol.

DETALHE – Ficou acertado que o clube formalizará uma proposta de parceria para ser avaliada junto com técnicos da Prefeitura de Fortaleza.

(Foto – Divulgação)

Ministério Público pede exoneração de comissionados em excesso na Câmara Municipal de Maracanaú

A Promotoria de Justiça da Defesa do Patrimônio Público da Comarca de Maracanaú (Região Metropolitana de Fortaleza) entrou com uma ação civil pública requerendo a exoneração de servidores comissionados da Câmara Municipal dessa cidade. Segundo consta na ação, a Casa Legislativa possui, atualmente, 35 cargos efetivos e 178 comissionados, ou seja, o número de cargos em comissão chega a ser cinco vezes maior em comparação ao de efetivos. A informação é da assessoria de imprensa do MP do Ceará.

Para o promotor de justiça Ricardo Rabelo de Moraes, a situação é “inadmissível, um verdadeiro ‘cabide de empregos direcionado aos amigos do rei’, em evidente e permanente prejuízo ao interesse público. Como se não bastasse, não há lei nenhuma que descreva as atribuições dos cargos em comissão e funções de confiança”, disse. Ele destaca, ainda, que a irregularidade ocorre desde 2013, quando o Ministério Público expediu recomendação requerendo a adequação do provimento dos cargos públicos aos dispositivos constitucionais.

“Contudo, quase nada mudou ao passar dos anos, permanecendo a flagrante inconstitucionalidade, em clara afronta aos princípios constitucionais, em clara ofensa ao disposto no art. 37, II da Carta da República de 1988”, destaca o promotor de Justiça.

 

Presidente nacional do PCdoB vem prestigiar conferência municipal do partido

A presidente nacional do PCdoB, deputada federal Luciana Santos, participará, a partir das 11 horas deste sábado, no auditório do Sindicato Adufc (Benfica), da XVIII Conferência Municipal do partido.

Esse encontro dos comunistas na capital soma-se às plenárias realizadas em todas as regiões do Ceará e do País, onde o PCdoB debate o Projeto de Resolução do XIV Congresso que, entre algumas medidas, vem aprovando propostas para mudanças no Estatuto do Partido.

As Conferências Municipais também elegem os delegados que participarão da Conferência Estadual.

SERVIÇO

*Auditório da ADUFC – Avenida da Universidade, 2346 – Benfica.

(Foto – Divulgação)

O Supremo Circo dos Horrores

Com o título “Circo de Horrores”, eis artigo de José Nílton Mariano Saraiva, economista da  UFC e aposentado do Banco do Nordeste. Ele diz ousar comentar a recente decisão do Supremo Tribunal Federal acerca do afastamento de parlamentares (Caso Aécio). Confira:

Sarcásticos, Trapalhões e Frouxos, os integrantes da nossa corte maior (o pleno do STF) que em tese deveria ser a última cidadela à qual a sociedade poderia recorrer em busca de obstar os abusos perpetrados por espertalhões e desonestos, mais uma vez nos ofereceram um espetáculo dantesco, verdadeira comédia chinfrim, digna e assemelhada aos mambembes circos periféricos de quinta categoria (com o devido respeito aos circenses).

Se bem que, nas preliminares, o observador um pouco mais atento já poderia antever o desastre que resultaria da tal sessão plenária do STF, quando a sua nauseabunda presidente, Cármen Lúcia, reuniu-se a portas fechadas com os mafiosos presidentes do Senado, Eunício Oliveira e da Câmara, Rodrigo Maia, com o objetivo explícito de salvar da guilhotina o desonesto senador mineiro Aécio Neves, pego no flagra negociando com o ex-empresário Joesley Batista uma “insignificante” propina de R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais), materializada a posteriori em malas e mais malas de dinheiro vivo, entregues ao emissário-primo Fred Magalhães (as imagens correram o mundo).

Na sessão, deixando de lado a preguiça visceral que os acomete e escondendo-se atrás da prolixidade e embromação que os caracteriza (na perspectiva de enganar os incautos), suas “Excelências” nos ofereceram aquele pavoroso circo de horrores que, alfim, resultou no “acoelhamento” definitivo do Poder Judiciário ante o Poder Legislativo (agora, definitivamente, acabou a lengalenga de que os poderes da república são harmônicos e independentes entre si).

Em português claro e cristalino: daqui pra frente, as “decisões finais” (sem direito a recursos) do STF que envolvam os mafiosos membros das duas casas legislativas (Senado/Câmara) serão submetidas “in totum” e para sempre (em caráter definitivo) à sanção dos próprios Senadores e Deputados. Ou seja, o corporativismo já pode ser exercido em toda a sua plenitude e deleteriedade, sem óbices nem amarras, já que chancelado pelo próprio STF (portanto, preparemo-nos: a putaria vai continuar).

Atendo-se ao famigerado e desonesto senador mineiro Aécio Neves, há que se constatar que, com a porteira aberta pelas verborrágicas “Excelências” do STF, sua absolvição e inocência são favas contadas e, assim, durante o dia estará livre para tramar e delinquir à vontade e sem maiores preocupações; à noite, retornará/retomará às suas homéricas e festivas farras no Leblon, bairro nobre da zona sul do Rio de Janeiro, onde de tão costumaz (tem apartamento lá, embora seja senador por Minas Gerais), ficou conhecido pela apropriada alcunha de “playboy do Leblon” (e olhem que no Leblon o que não falta é playboy).

Mas, por qual razão sermos tão exigentes com o “coitadinho”: afinal, sem maiores esforços ele tem mais dois milhões de reais no bolso pra “torrar” na noite carioca (naturalmente que em companhia do primo Fred), oportunidade em que estarão a gozar à sorrelfa da cara dos abestados (todos nós).

Post Scriptum- O retrato emblemático do baixo nível e da mediocridade latente do atual STF nos foi dado quando da fala/voto da sua presidente Cármen Lúcia: claudicante, insegura, gaguejando aos borbotões, sem conseguir conexar alho com bugalho e tropeçando nas próprias palavras, Sua Excelência conseguiu a proeza de não se fazer entender até pelos próprios prolixos pares, tal a enrolada que propiciou (foi mais de uma hora pra tentar explicar o inexplicável). Fato triste e revelador de que, para se “chegar lá” (fazer parte do tal Supremo), não se faz necessário o famoso “douto saber” mas, tão somente, um “invisível”, mas poderoso, QI. O resto que se dane.

*José Nílton Mariano Saraiva,

Economista da  UFC e aposentado do Banco do Nordeste.

Eleições 2018 – Mauro Filho é nome de peso do PDT para a Câmara dos Deputados

O secretário da Fazenda do Estado, Mauro Filho, que virou vogal na cúpula estadual do PDT pós-convenção no ginásio de esportes do Clube Náutico, está entre os nomes de peso da legenda para a Câmara Federal.

Na convenção dessa quinta-feira o seu nome já aparecia em faixas expondo dobradinhas eleitorais. Como a parceria com o deputado estadual Jeová Mota.

Jornalista Luís-Sérgio Santos conta em livro a saga do Jornal O Estado

492 1

Será lançado, às 19 horas do próximo 20, o livro “Intimorata — a saga do jornal O Estado, de José Martins Rodrigues a Venelouis Xavier Pereira”. De autoria do jornalista e professor Luís-Sérgio Santos (UFC), a publicação terá lançamento na Livraria Cultura.

Na ocasião, haverá uma mesa redonda com a participação de Luis-Sérgio Santos e dos professores Francisco Auto Filho (UECE) e Roberto Martins Rodrigues (UFC).

Sinopse

A história do jornal O Estado começa na segunda metade dos anos 1930 quando um grupo de jovens e influentes políticos, advogados e jornalistas funda um novo jornal em Fortaleza, extremamente informativo e opinativo, aliado à Liga Eleitoral Católica, abrigo do governador Francisco de Meneses Pimentel. O homem forte do governo, José Martins Rodrigues e seu irmão, Júlio Rodrigues deram forma à empreitada. Com o Estado Novo, em 1937 — um ano depois da fundação do jornal — Meneses Pimentel é nomeado interventor e o jornal O Estado reforça seu apoio aos governos local e federal. O livro é dividido em duas partes: a primeira vai de 1936 a 1965; a segunda parte vai de 1966 aos dias atuais sob o comando do grupo de jornalistas liderado pelo advogado Venelouis Xavier Pereira e sua ex-mulher e amiga, a jornalista e advogada Wanda Palhano. A narrativa é toda documentada a partir de rigorosa pesquisa em jornais, revistas e livros e de dezenas de entrevistas junto a fontes primárias. Mais que a história do jornal O Estado, o livro Intimorata – A Saga do jornal O Estado, de José Martins Rodrigues a Venelouis Xavier Pereira é a história de embates políticas, polêmicas e relações passionais. Por sua redação passaram quatro governadores do Ceará: Plácido Castelo, Raul Barbosa, Parsifal Barroso e Cid Gomes.

SERVIÇO 

*Livraria Cultura – Shopping Varanda Mall (Auditório Eva Herz) – Avenida Dom Luís, 1010 — Meireles – Piso 1.

Henrique Meirelles: Brasil pode crescer 4% nos próximos três anos

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou hoje (12), em Washington, que o Produto Interno Bruto (PIB, soma de todos os bens e serviços produzidos no país) potencial do Brasil pode passar a ser de 4%, caso as reformas propostas pelo governo sejam aprovadas.

Meirelles citou como exemplo reformas macroeconômicas, entre as quais a tributária e a da Previdência. “Algumas delas já foram aprovadas, como, por exemplo, a taxa de longo prazo para o BNDES [Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social]”, destacou o ministro. Ele disse que seria viável atingir esse patamar em um horizonte de tempo de “três, quatro anos”.

Perguntado  sobre os impactos de curto prazo da reforma da Previdência, o ministro afirmou que há efeitos positivos, como o aumento do nível de confiança, da força e da estabilidade dos índices econômicos do país, além da expansão do volume de investimentos. Meirelles ressaltou que a aprovação da reforma é do interesse das diversas facções políticas, “inclusive porque, se não for aprovada agora, ela terá que ser discutida e aprovada no próximo governo. Isso será ruim para quem assumir, porque o primeiro desafio será enfrentar a reforma da Previdência”.

Para o ministro, caso a reforma não seja aprovada, haverá outro impacto, que deve ser levado em consideração por causa do teto dos gastos. “Se não houver aprovação das medidas necessárias e se, em algum momento, o Orçamento e as despesas públicas violarem a regra do teto, os mecanismos são autocorretivos. Existe, então, o corte de novas isenções, subsídios, paralisação de qualquer aumento de contratação ou de salários”.

Segundo Meirelles, isso favorece a aprovação de normas que viabilizem o teto de gastos “de uma maneira mais uniforme no futuro”.

Mercado financeiro

Durante palestra nesta quinta-feira em um evento promovido pelo Instituto de Finanças Internacionais (IIF), o ministro da Fazenda falou sobre os riscos para economia global, caso os bancos centrais de países desenvolvidos demorem a aplicar uma normalização de suas políticas monetárias, ou seja, um aumento gradual de suas taxas de juros. Isso, segundo Meirelles, poderia levar a uma bolha nos mercados de ativos internacionais, cujo rompimento geraria crise.

“É um risco. Evidentemente o Fed [Banco Central norte-americano] está atento a isso e anunciando uma normalização da politica monetária. Isso também está acontecendo na Europa, e não acredito que este seja o cenário provável”, afirmou.

Ele disse também que, com a consolidação das reformas que estão sendo feitas no país, a economia brasileira está ficando mais forte, mais resistente, portanto, em condições de enfrentar eventuais turbulências na economia global”.

(Agência Brasil)

Eunício comemora mais uma “ajudinha” ao governo Camilo Santana

152 1

Bem longe do bafafá que envolve seu nome e que resultou agora na fala de Ciro Gomes (PDT) chamando Tasso de traidor, caso o senador dispute o governo contra Camilo Santana e tendo o tucano Maia Júnior na Seplag, está o senador Eunício Oliveira (PMDB).

Em suas redes sociais, o peemedebista, que estaria se reaproximando politicamente dos Ferreira Gomes, comemora até mais uma “ajudinha” que deu à administração de Camilo. Confira:

“Liberei para o Governo do Estado mais de 400 milhões de reais para construir e equipar os hospitais de Limoeiro do Norte e da Região Metropolitana de Fortaleza. Também conseguimos que o Ministério da Educação criasse cinco novas faculdades de medicina no interior do Ceará. Construir hospitais e formar médicos é cuidar da vida.”

DETALHE – Eunício preside o Senado, por onde sai a autorização para empréstimos dos Estados.

Seja Digital continua distribuindo kits gratuitos para a TV Digital

A Seja Digital, entidade não governamental e sem fins lucrativos, continua distribuindo kits gratuitos, com equipamentos que permitem que televisores antigos tenham acesso ao sinal digital.

Famílias de Fortaleza e de outros 14 municípios da Região Metropolitana inscritas em programas sociais do Governo Federal, que têm direito ao kit gratuito, devem acessar sejadigital.com.br/kit ou ligar para 147 e realizar o agendamento o quanto antes, escolhendo data, horário e local para retirar os equipamentos.

O sinal analógico de TV foi desligado na região de Fortaleza no último dia 27 de setembro, após apresentação do resultado da pesquisa do Ibope que aferiu que 92% dos domicílios já estavam preparados para a TV Digital. A partir dessa data, mais de 1,2 milhão de domicílios em toda a região já estão assistindo aos canais abertos de televisão apenas pelo sinal digital, que transmite a programação gratuitamente com imagem e som de cinema.

Tesouraria do PDT estadual fica sob controle de Iraguaçu Filho

A tesouraria do PDT do Ceará ficou com o vereador Iraguaçu Filho, de Fortaleza, tendo como adjunto o titular da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social, Josbertini Clementino.

Ambos, bom lembrar, são da confiança do deputado federal André Figueiredo, que foi reeleito presidente estadual do partido.

Cid Gomes, ex-governador, continua na vice estadual pedetista.

(Foto – Agência CMFor)

Após críticas a excessos do Judiciário, PT votará para manter Aécio afastado do Senado

Da Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta sexta-feira:

A bancada do PT no Senado, que protestou contra excessos do Judiciário quando o Supremo Tribunal Federal suspendeu o mandato de Aécio Neves (PSDB-MG), votará para mantê-lo afastado quando o caso for examinado pelo plenário, na terça (17). A tendência na Casa é favorável ao tucano e seus adversários não têm força para revertê-la, mas o PT quer explorar a oportunidade criada pelo Supremo com a decisão que submete ao Legislativo medidas como a que atingiu Aécio.

Os petistas argumentarão que, com a solução encontrada para o embate entre os dois Poderes, o Senado agora precisa analisar a gravidade das acusações que pesam contra Aécio na Justiça e não pode repetir o erro que, para eles, foi cometido quando o Conselho de Ética arquivou pedido de cassação do tucano, em julho.

A movimentação do PT deve ganhar adesões entre senadores independentes e dissidentes do PMDB. Aliados de Aécio no PSDB preveem uma votação difícil, mas acham que não haverá riscos para o tucano.

Embora os congressistas continuem sujeitos a medidas judiciais que podem restringir o exercício de seus mandatos, a decisão do Supremo foi considerada positiva pelo advogado de Aécio, Alberto Toron. “Encontraram uma válvula para calibrar o sistema”, disse.