Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

O PT – Uma esquerda cega

Com o título “Esquerda cega”, eis artigo do jornalista Ítalo Coriolano, que pode ser conferido no O POVO desta segunda-feira. Ele comenta o caso do PT apoiar o regime de Maduro, na Venezuela, que enfrenta oposição por tentar empurrar uma Constituinte. Confira:

Tem notícia que você lê e não acredita. Procura outras fontes torcendo para se tratar de “fake news” e, infelizmente, constata a veracidade do conteúdo. Foi o que aconteceu quando deparei com a informação de que os principais partidos de esquerda do Brasil – PT, PCdoB e PDT – assinaram uma resolução, no 23º Encontro do Foro de São Paulo, em apoio ao regime de Nicolás Maduro, presidente da Venezuela que enfrenta ampla oposição e tenta empurrar goela abaixo da população uma Constituinte que ampliará seus poderes rumo a um Estado totalitário.

Maduro, cuja popularidade só não é menor que a do presidente Michel Temer, é chefe de um governo responsável, até a última sexta-feira, por boa parte das mortes de 113 pessoas desde o início dos protestos em abril. Outras 4 mil, segundo a Procuradoria-Geral venezuelana, já foram encarceradas por participarem de manifestações que pedem a saída do sucessor de Hugo Chávez.

Sem compreender ou aceitar o fracasso da chamada “Revolução Bolivariana”, aliados insistem em alegar que tudo não passa de uma ação orquestrada da direita e do imperialismo ianque. Não! É a ampla maioria da sociedade venezuelana, sem distinção de classe social ou vertente ideológica, que não aceita mais os desmandos de Maduro e, por isso, é duramente reprimida. Um governo que ataca diariamente a democracia sendo defendido por siglas que se dizem democráticas. Ou seja, é autoritário mas reza pela cartilha de Karl Marx? Então está valendo. Mesmo que isso signifique legitimar tantas práticas violentas.

Desta forma, os partidos que tentam voltar ao comando do País após o impeachment de Dilma Rousseff entregaram de bandeja na mão da oposição mais uma arma de descrédito contra essas forças que enfrentam alto desgaste. No momento em que PT e companhia precisam se reinventar sob o risco de minguarem eleitoralmente, preferem endossar um projeto ultrapassado e perigoso. Um desserviço ao campo progressista. Um verdadeiro tiro no pé que se junta à coleção de outras derrapadas que já cobram seu preço.

*Ítalo Coriolano

italocoriolano@gmail.com
Jornalista do O POVO.

TV local vive uma enxurrada de programas policiais

Alguns profissionais da mídia nacional, que curtiram férias por aqui, se diziam “impressionados” com a enxurrada de programas policiais na TV de Fortaleza.

Com razão. É programa no café da manhã, no chá das cinco, no jantar e no fim de semana. Sem falar das reprises.

Num passado recente, essa situação chegou a ser questionada por Roberto Monteiro, então secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Estado. O Ministério Público Estadual ensaiou alguma medida. Mas ficou por isso mesmo.

Hospital Geral Dr Waldemar Alcântara abre o “Agosto Dourado”

Teve início nesta segunda-feira o “Agosto Dourado”, mês de incentivo à amamentação. Foi aberto no Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara, que oferece a Sala de Apoio à Mulher Trabalhadora.

Nela, orientações às  futuras mães sobre amamentação e a melhor forma de cuidar do recém-nascido. O serviço, segundo a assessoria de imprensa do hospital, é gratuito e aberto a comunidade, bastando agendar.

O HWA também recolhe em domicílio doações de leite materno. Desde o início do ano já passaram pela Sala 119 mães e foram doados pouco mais de 23 litros de leite.

(Foto – Ilustrativa)

Assembleia Legislativa homenageará agentes penitenciários

Nesta terça-feira, às 18 horas, a Assembleia Legislativa realizará uma sessão solene em comemoração ao Dia do Agente Penitenciário, celebrado anualmente em 3 de agosto. A iniciativa é do líder do Governo na Casa, Evandro Leitão (PDT), e do deputado David Durand (PRB).

Evandro Leitão ressalta a importância da categoria para a segurança pública do Estado e destaca os avanços que o Governo do Ceará tem garantido para valorizar e estimular os profissionais com melhorias salariais e ampliação do efetivo.

Segundo o líder do Governo, atualmente, aproximadamente 2.200 agentes penitenciários integram os quadros da Secretária de Justiça do Ceará (Sejus), e está aberto um concurso público para a contratação de mais mil profissionais. “A Assembleia aprovou a criação dos cargos recentemente e o Governo do Estado abriu o certame de forma bastante célere”, acentua o parlamentar.

Pesquisa – 76% dos hospitais brasileiros não têm condição de atender pacientes com AVC

Uma pesquisa do Conselho Federal de Medicina (CFM) com médicos neurologistas e neurocirurgiões de todo o Brasil indica que 76% dos hospitais públicos onde eles trabalham não apresentam condições adequadas para atender casos de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Apenas 3% dos serviços avaliados pelos médicos têm estrutura classificada como muito adequada e 21% como adequada, de acordo com estudo divulgado hoje (31).

O CFM ouviu 501 médicos que trabalham em serviços de urgência e emergência de unidades de saúde pública de todo o país. Eles responderam a um questionário sobre a situação do atendimento a pacientes com AVC, considerando critérios como o acesso exames de imagem em até 15 minutos, disponibilidade de leitos e medicamentos específicos, triagem dos pacientes identificados com AVC de forma imediata, capacidade numérica e técnica da equipe médica especializada e  qualidade das instalações disponíveis, entre outros pontos baseados em parâmetros internacionais e nacionais de atendimento ao AVC.

A percepção da maior parte dos médicos entrevistados aponta que as unidades públicas de saúde nem sempre estão preparadas para receber de forma adequada um paciente com sintomas do AVC, apesar de ser uma doença grave que está entre as principais causas de morte em todo o mundo.

“Nós fomos atrás dessa percepção em virtude do Acidente Vascular Cerebral ser a segunda principal causa de morte no Brasil, um dado epidemiológico. E é a principal causa de incapacidade no mundo e no Brasil, gerando inúmeras internações”, disse Hideraldo Cabeça, neurologista responsável pela pesquisa e coordenador da Câmara Técnica de Neurologia e Neurocirurgia do CFM.

  • Mais sobre o assunto confira aqui.

Alô, Prefeituras! – Selo Unicef Município Aprovado encerra inscrições nesta segunda-feira

Termina, nesta segunda-feira, o prazo de inscrições para o Selo Unicef Município Aprovado, lembra Rui Aguiar, que coordena a regional do organismo no Estado. Até agora, de 184 prefeituras, 143 já se inscreveram no site do Unicef.

Para se inscrever, a prefeitura tem que apresentar um programa voltado para crianças e adolescentes.

O Selo Unicef Município Aprovado chega como um importante aval para o gestor conquistar até mesmo apoio financeiro de organismos internacionais.

SERVIÇO

*Para fazer a adesão, clique aqui.

Mercado financeiro estima inflação em 3,4% por causa da alta na alíquota dos combustíveis

O mercado financeiro ajustou pela segunda semana seguida a projeção para a inflação este ano, após o aumento da tributação sobre combustíveis. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu de 3,33% para 3,40%.

Há duas semanas, a estimativa estava na sétima redução seguida, em 3,29%. A  expectativa consta do boletim Focus, uma publicação elaborada todas as semanas pelo Banco Central, com projeções para os principais indicadores econômicos. O Focus é disponibilizado às segundas-feiras,em Brasília.

No último dia 20, o governo anunciou o aumento das alíquotas do Programa de Integração Social (PIS) e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) sobre a gasolina, o diesel e o etanol, mas uma liminar derrubou a medida no dia 25 deste mês. Na última quinta-feira (26), o Tribunal Regional Federal (TRF-1), anulou a suspensão do aumento.

O aumento dos tributos fez com que as instituições financeiras parassem de reduzir a estimativa para a inflação no próximo ano. Há duas semanas, a projeção para o IPCA é mantida de 4,20%. No boletim Focus, divulgado no dia 17, a estimativa estava na sexta queda seguida.

Mesmo com o aumento na projeção para este ano e manutenção para 2018, os cálculos para a inflação permanecem abaixo do centro da meta de 4,5%, que deve ser perseguida pelo BC. Essa meta tem ainda um intervalo de tolerância entre 3% e 6%.

(Agência Brasil)

Estados e prefeituras têm até esta segunda-feira para renegociar dívidas previdenciárias

As unidades da Federação e as prefeituras têm até hoje (31) para parcelarem as dívidas com a Previdência Social e os regimes próprios de Previdência com desconto nas multas e nos juros. O programa permite a inclusão de débitos vencidos até 30 de abril deste ano e deve reforçar a arrecadação federal em R$ 6,91 bilhões este ano.

Criado por meio da Medida Provisória 778, o Programa de Regularização de Débitos Previdenciários dos Estados e dos Municípios permite o parcelamento em até 200 meses (16 anos e 8 meses) das contribuições previdenciárias de responsabilidade dos governos locais, com desconto de 80% dos juros e 25% das multas.

Obrigações acessórias e contribuições incidentes sobre o 13º salário também podem ser renegociadas. Os estados e as prefeituras podem parcelar ainda dívidas suspensas pela Justiça, desde que desistam de questionar a cobrança nos tribunais.

A adesão ao programa deve ser formalizada em uma unidade da Receita Federal do domicílio tributário da prefeitura ou do estado.

Débitos parcelados em outros programas de refinanciamento poderão ser incluídos na nova renegociação. Em todos os casos, os governos locais terão o desconto nos juros e nas multas, exceto para as seis primeiras parcelas, que deverão equivaler a 2,4% do total da dívida consolidada e serem pagas em espécie, sem reduções.

As 194 prestações restantes serão retidas nas transferências da União aos Fundos de Participação dos Estados e dos Municípios. O valor equivale à prestação estabelecida ou a 1% da receita corrente líquida, prevalecendo o menor montante. Caso a parcela seja maior que os repasses retidos, o governo local deverá pagar a diferença todos os meses.

Exclusão

O estado ou a prefeitura pode ser excluído do programa nas seguintes situações: falta de recolhimento da diferença não retida nos fundos de participação por três meses consecutivos ou alternados; falta de pagamento de uma parcela, estando pagas todas as demais; falta de apresentação das informações relativas ao demonstrativo de apuração da receita corrente líquida; ou não quitação integral do pagamento em espécie em 2017.

A medida provisória que criou o Programa de Regularização de Débitos Previdenciários dos Estados e dos Municípios foi assinada em maio, durante a abertura da 20ª Marcha Nacional dos Prefeitos, em Brasília. Uma portaria editada dias depois ampliou a renegociação para os estados.

Atualmente, 2.077 prefeituras têm regimes próprios de Previdência para os servidores municipais. Sem condições de montarem uma Previdência especial para os funcionários, 3.491 prefeituras de menor porte contribuem para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Em relação às unidades da Federação, os 26 estados e o Distrito Federal têm regimes próprios de Previdência.

(Agência Brasil)

Cresce emissão de carteiras de trabalho no Ceará

A emissão de Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS) cresceu 30% entre agosto deste ano e agosto de 2016. A informação é da Superintendência Regional do Trabalho (SRT/CE). Neste período, foram emitidas 80.800 carteiras de trabalho, contra 66.681 emitidas no mesmo período do ano passado. Os municípios que mais tiveram aumento em sua produtividade foram Juazeiro do Norte, Crato, Maracanaú.

Outra informação: a emissão e entrega da carteira de trabalho está 108 vezes mais rápida que em 2013, quando o trabalhador recebia sua CTPS em 3 dias. Atualmente, em 10, das 18 unidades descentralizadas da SRT, o trabalhador recebe seu documento laboral em 40 minutos. A expectativa é que até o final de 2017 sejam instaladas fábricas de carteiras nas demais unidades e que se padronize este tempo de espera.

Segundo o Superintendente do Trabalho no Ceará, Fábio Zech, em um momento de contenção de gastos, tornou-se fundamental buscar parcerias entre o setor público e privado, dando como exemplo a procura de espaços dentro de shoppings e a articulação com prefeituras no interior do estado. O aumento da emissão de CTPS deve-se também a inauguração de duas novas Agências estrategicamente escolhidas: a do shopping Rio Mar Papicu e a de São Gonçalo do Amarante, que já estão recepcionando cerca de 300 trabalhadores por dia, através de agendamento prévio no site saa.mte.gov.br, que garante comodidade e conforto no momento do atendimento.

Ceará continua liderando casos de chikungunya no País

Sete estados brasileiros — Roraima, Pará, Tocantins, Ceará, Minas Gerais, Espírito Santo e Mato Grosso — apresentaram uma alta nas notificações de chikungunya no primeiro semestre de 2017, em comparação com o mesmo período do ano passado. Essas regiões são contrárias à tendência nacional: o país teve uma queda geral de 42% nos casos da doença.

Os números foram contabilizados até a 52ª semana epidemiológica, que terminou no dia 24 de junho, e foram divulgados pelo Ministério da Saúde.

O estado com o maior número absoluto de casos é o Ceará, com 80.045 registros. Já Roraima apresentou a maior alta, de 2.635%, passando de 60 casos nos primeiros seis meses de 2016 para 1.641 neste ano.

(Com Agências)

Morre a atriz francesa Jeanne Moreau, a grande dama do cinema francês

A atriz e diretora Jeanne Moreau, considerada a grande dama do cinema francês, morreu nesta segunda-feira (31) aos 89 anos de idade, informou a imprensa francesa. A intérprete, que trabalhou com os maiores diretores da cinematografia francesa, como François Truffaut, Louis Malle e André Téchiné, foi encontrada morta em sua casa em Paris por sua empregada doméstica, segundo a revista Closer.

Moreau, “a melhor atriz do mundo”, segundo Orson Welles, é a primeira mulher acadêmica de Belas Artes na história da França, fez parte da “Nouvelle Vage” e foi musa de diretores como Luis Buñuel, com quem trabalhou em Diário de uma Criada de Quarto.

“Essa tristeza não acabará nunca, mas a alegria de lembrá-la sempre estará conosco”, escreveu no Twitter o Unifrance, organismo encarregado da promoção do cinema francês no exterior.

A protagonista de Uma Mulher para Dois (1962) e de A Noiva Estava de Preto (1967), de Truffaut, teve ampla trajetória. Entre os filmes que fez, destacam-se também A Noite (1962), de Michelangelo Antonioni, e Duas Almas em Suplício (1960), de Peter Brook, que lhe valeu o prêmio de melhor interpretação feminina em Cannes.

Nascida em 23 de janeiro de 1928, de pai francês e mãe britânica, estreou no teatro em 1947 com La terrasse de midi, apresentada no Festival de Avignon.

Atriz poliglota e internacional, que se destacou também como cantora, foi prêmio César de melhor atriz em 1992 por La vieille qui marchait dans a mer, de Laurent Heynemann, e presidente do júri de Cannes em 1975 e 1995.

Moreau presidiu também o júri da Seção Oficial do 54º Festival Internacional de Cinema de San Sebastián, em 2006, e deixa uma trajetória cinematográfica composta por mais de uma centena de filmes.

“Com ela desaparece uma artista que encarnou o cinema na sua complexidade, na sua memória, na sua defesa”, afirmou hoje a presidência francesa, que a lembrou como uma mulher rebelde contra “a ordem estabelecida e a rotina”.

A também cenógrafa, diretora de filmes como No Coração, a Chama (1976), foi casada com Jean-Louis Richard, pai do seu filho Jérôme, e posteriormente com William Friedkin.

Câmara dos Deputados retomará atividades com três Medidas Provisórias na pauta

O Plenário da Câmara dos Deputados poderá analisar, nesta terça-feira, três medidas provisórias que trancam a pauta, entre as quais a MP 772/17, que aumenta de R$ 15 mil para R$ 500 mil o valor máximo de multa a ser aplicada a frigoríficos que infringirem a legislação sanitária.

Para quarta-feira (2), às 9 horas, está marcada sessão destinada a votar pedido de autorização do Supremo Tribunal Federal (STF) para abertura de processo criminal contra o presidente da República, Michel Temer, em razão de denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal.

(Com Agências)

Governador assina novo pacote de obras na área de estradas

O governador Camilo Santana (PT) vai assinar, às 9 horas desta segunda-feira, no Palácio Abolição, um conjunto de obras de estradas – 299 Km, no valor de R$ 405 milhões, dentro do Programa Ceara IV-B, com financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

Entre os destaques, está a duplicação da rodovia estruturante de Pacatuba a Redenção (RMF), o que vai melhorar o acesso principalmente para o campus da Unilab.

FGTS – Termina nesta segunda-feira prazo pra o saque de conta inativa

O prazo para sacar os valores disponíveis nas contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) termina na próxima segunda-feira (31). Segundo a Caixa Econômica Federal, o dinheiro que não for retirado volta para a conta vinculada do empregado.

Quem perder o prazo, só poderá usar os recursos nos casos previstos anteriormente, como para a compra da casa própria, na aposentadoria, em caso de demissão sem justa causa, quando a conta permanecer sem depósitos por três anos ou no caso de algumas doenças.

No entanto, quem comprovar que estava impossibilitado de sacar no período estabelecido pelo governo, como no caso de presos e de doenças graves, poderá retirar o recurso até o dia 31 de dezembro de 2018. Segundo a Caixa, o decreto publicado pelo governo nessa semana prevendo essa questão será regulamentado na próxima segunda-feira, e vai definir as normas técnicas para os casos das exceções.

Prefeitura de Fortaleza comemora aumento da arrecadação

Prefeito Roberto Cláudio está feliz com o ajuste na máquina.

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira;

“Quando o município faz o dever de casa, em matéria de gestão fiscal, os resultados aparecem”, afirma o secretário de Finanças de Fortaleza, Jurandir Gurgel. Ele diz que a Prefeitura mantém rígido controle sobre receitas e despesas, por meio do seu Comitê de Gestão Fiscal.

Como resultado disso, a receita tributária municipal atingiu a marca de R$ 845,7 milhões até junho deste ano, revelando, acentua ele, um crescimento de 10,4%, quando comparado ao mesmo período de 2016. Ele adianta, com base nos dados divulgados do Relatório de Gestão Fiscal do 1º quadrimestre de 2017 das capitais, Fortaleza ocupou a primeira posição na taxa de crescimento da receita tributária (ISS, IPTU e ITBI), registrando incremento de 11,5%.

“A conquista é resultado do aumento de arrecadação. Sem aumento de imposto”, completa o secretário olhando, pelo visto, para Brasília.

Meirelles já admite revisão da meta fiscal

Na segunda-feira passada, Henrique Meirelles (Fazenda) deu uma palestra para 50 grandes gestores de fundos de investimentos, num evento promovido pela XP em São Paulo. a informação é do colunista Lauro Jardim, do O Globo.

A começar pela Zeina Latif, economista-chefe da XP, seis dos executivos disseram que reconheciam o esforço do governo com o aumento do imposto, mas que achavam inevitável a revisão da meta fiscal deste ano — aquela que prevê um déficit de R$ 139 bilhões.

E que se isso acontecesse, o fato já estava precificado pelo mercado. Meirelles anotou os comentários um por um.

A decisão sobre a revisão da meta deve ser tomada nas próximas três semanas, antes do envio do orçamento de 2018 ao Congresso.

Temer reúne ministros e lideranças no Alvorada para discutir votação de denúncia

O presidente Michel Temer recebeu, na noite desse domingo (30), no Palácio da Alvorada, ministros e lideranças partidárias e governistas do Congresso Nacional para analisar as perspectivas da votação da denúncia prevista para ser apreciada na quarta-feira (2) na Câmara dos Deputados.

Segundo o vice-líder do governo, deputado Beto Mansur (PRB-SP), foi feita também uma análise do rito da votação no plenário da Câmara. O vice-líder disse que o encontro foi conduzido em clima de confiança de que o governo conseguirá impedir o prosseguimento da denúncia apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

A reunião durou menos de uma hora e dela participaram os ministros Moreira Franco, da Secretaria-Geral da Presidência; Eliseu Padilha, da Casa Civil; Antonio Imbassahy, da Secretaria de Governo; e os líderes do governo no Congresso, deputado André Moura (PSC-SE); o líder na Câmara, Agnaldo Ribeiro (PP-PB); o líder do PMDB, Baleia Rossi (SP); e os deputados Beto Mansur, Darciso Perondi (PMDB-RS).

(Agência Brasil)