Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Posando de presidenciável, Joaquim Barbosa critica as reformas da Previdência e Trabalhista

O ex-presidente do STF, Joaquim Barbosa, abandonou a sisudez dos tempos de Supremo. Pelo menos essa foi a imagem deixada aos deputados do PSB com quem se encontrou, nessa segunda-feira, em São Paulo. Segundo a Coluna Radar, da Veja Online, as excelências saíram surpresas com o bom humor do ex-ministro, sorridente e nitidamente lisonjeado com o apelo para que ele dispute a presidência pelo PSB.

Barbosa, como se supunha, não deu resposta alguma. Adiou a batida de martelo para janeiro. Mas analisou o cenário político, voltando a dizer que não seria vice de ninguém, e desceu o malho no governo.

Disse aos seus oito interlocutores que a proposta da reforma da Previdência não tirará privilégio algum. Sobre a reforma trabalhista, recentemente aprovada no Congresso, foi sucinto e objetivo: “Já viram os efeitos negativos que está gerando, né?”.

Barbosa perguntou sobre a situação de São Paulo, onde o vice-governador, Marcio França, do PSB, está de olho na cadeira de Geraldo Alckmin e desejoso por uma aliança com os tucanos. Possibilidade que incomodaria, e muito, Barbosa.

Ao final, um dos parlamentares perguntou se as dores na coluna que o atormentavam na época do Supremo poderiam impedi-lo de encarar uma campanha. O ex-ministro foi peremptório: “Minha coluna está ótima”.

Camilo lança livro que aponta a relação do cearense com a água

O governador Camilo Santana (PT) lançou na noite desta terça-feira (12), no Palácio da Abolição, o livro “Caminho das Águas”, que apresenta a relação do cearense com a água.

A obra foi elaborada por cinco jornalistas, que percorreram todo o Estado. O livro serve como fonte de pesquisas e será distribuído gratuitamente em bibliotecas.

O “Caminho das Águas” recebeu o apoio da Caixa Econômica Federal e do Ministério da Cultura.

(Foto: Paulo MOska)

Pindoretama promove o XII Festival da Cana-de-Açúcar. A maior rapadura do mundo é o destaque

Pindoretama (Márcio Rambo) – O município de Pindoretama (Região Metropolitana de Fortaleza) vai promover, de quinta a domingo próximos, o XII Festival da Cana-de-Açúcar, o conhecido “Pindorecana”.

Além da venda de produtos derivados da cana-de-açúcar, estará em exposição o bom artesanato da região, com visitantes podendo ainda apreciar comidas típicas, manifestações culturais e participar da escolha da Rainha e do Rei do Canaviais.

Durante o Pindorecana, haverá, todas as noites, apresentação de bandas de forró elétrico, sertanejos e DJs. O evento ocorrerá na Praça da Cidadania, onde estará uma outra atração das mais esperadas: a maior rapadura do mundo.

Centro de Línguas do Imparh inscreve até domingo

Prosseguem, até domingo que vem, as inscrições para novos alunos do Centro de Línguas do Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Imparh).

São ofertadas, ao todo, 1.190 vagas para o semestre 2018.1 para os cursos de português, inglês, espanhol, italiano, francês e alemão.

As inscrições devem ser feitas, exclusivamente, pela internet, no Canal de Concursos e Seleções da Prefeitura . A taxa de inscrição é de R$ 70.

Presidente do Corecon quer separação da conta da Previdência da conta da assistência social

“Como está, a Previdência é insustentável”, diz o presidente do Conselho Regional de Economia, Lauro Chaves Neto. O problema: a mistura da conta da Previdência com a conta da assistência social.

Para Lauro, há necessidade de que haja essa separação, o que mostraria com clareza onde estaria o rombo reclamado pela oficialidade.

Fórum Parlamentar Metropolitano debate nesta quarta-feira a integração dos municípios da RMF

Vereadores, secretários municipais, lideranças políticas, estudiosos e representantes dos demais segmentos dos 19 municípios que compõem a Região Metropolitana de Fortaleza debatem na manhã desta quarta-feira (13), na Câmara Municipal de Fortaleza, estratégias para uma maior integração das cidades, diante do cumprimento do Estatuto da Metrópole, de acordo com a Lei Federal 13.089 de janeiro de 2015.

Com mais de quatro milhões de habitantes, a Região Metropolitana de Fortaleza é a mais populosa do Norte-Nordeste e está entre as 130 áreas urbanas do mundo.

Segundo o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), muitas vezes o cidadão mora em Caucaia, trabalha em Maracanaú e os filhos estudam em Fortaleza. “Esse cidadão nem é de Caucaia, nem de Maracanaú, nem de Fortaleza. É um cidadão da Região Metropolitana. E os municípios precisam se reunir para discutir os problemas e as necessidades desse novo perfil de cidadão, o que já é uma realidade das grandes metrópoles no mundo”, comentou Salmito.

(Foto: Divulgação)

Acquario do Ceará – Projeto não foi abandonado

O projeto Acquario do Ceará, segundo o secretário estadual do Turismo, Arialdo Pinho, está mais vivo do que nunca.

No momento, de acordo com ele, a Setur desenvolve, com consultorias, um modelo do projeto que, ao final, seguirá para o pacote de concessão de ativos do Estado.

Nesse pacto, está, por exemplo, o Centro de Eventos.

(Foto – Arquivo)

 

Hotel Gran Marquise comemora seu jubileu de prata

O Hotel Gran Marquise vai comemorar, nesta terça-feira, a partir das 19 horas, seus  25 anos de mercado. Será durante coquetel com alguns convidados especiais, formadores de opinião e membros do setor turístico do Ceará.

Um dado importante desse hoterl que um dia foi da rede Caesar Park: 60% do seu faturamento, hoje, é oriundo de eventos corporativos.

(Foto – Arquivo)

Leitor apoia revitalização da Avenida Monsenhor Tabosa, mas com menos barulho e atropelos

Com o título “Barulho na Avenida Monsenhor Tabosa”, eis nota de leitor do Blog – pede reservas, com queixas contra o que se registra pós-eventos culturais nesse corredor turístico e de compras de Fortaleza. Confira:

Caro jornalista Eliomar deLima,

Venho por meio deste solicitar que divulgue no seu importante Blog os transtornos
causados na Avenida Monsenhor Tabosa, por conta de “equivocados movimentos” em favor da revitalização dessa importante avenida. Nosso objetivo, é chamar a atenção das autoridades para proibir abusos que estão se registrando nessa via.

No último sábado, por exemplo, quando o comércio fechou, uma banda, tocando músicas carnavalesca e pagode, iniciou suas atividades tirando a paz e a saúde de quem mora na referida avenida e em seu entorno. Além do trânsito interrompido, trabalhadores cansados que precisam de ônibus são obrigados a se deslocar para outros locais, pois os ônibus deixam de circular na avenida. Não são os todos sábados, mas, quando acontece, tiram-nos a paz.

Nessa avenida, ainda moram idosos, crianças, pessoas doentes e trabalhadores que precisam de descanso. Dependendo da disposição dos pagodeiros, tudo começa sábado à tarde, a partir das 15 até as 21 horas. O som é o mais alto possível, sem falar em número razoável de pessoas bebendo, fazendo barulho, tirando o sossego de quem lá reside e também dos moradores das ruas circunvizinhas.

No outro dia, haja lixo espalhado pela rua, fezes e odor de urina, mesmo com banheiros químicos ali instalados.

A propósito: a rua João Cordeiro já conta com vários pontos de festa e pagode permanentemente e uma zoada danada. Haja estresse, problemas de saúde para quem mora na área quela comunidade. E o pior: nada de aumentar as vendas, pois
o comércio está fechado nesse horário. Bom deixar claro que não somos conta pagodes, todos merecemos, mas com regras.

Atenciosamente,

*Seu leitor e morador do entorno da Avenida Monsenhor Tabosa.

(Foto – Arquivo)

A pedido de Temer, ministros vão abrir as torneiras das emendas pró-reforma da Previdência

231 1

O presidente Michel Temer colocou nas mãos dos ministros Ricardo Barros (Saúde), Alexandre Baldy (Cidades) e Helder Barbalho (Integração Nacional) uma última cartada para tentar aprovar a reforma da Previdência.

Segundo informa a Folha de S.Paulo desta terça-feira, Temer pediu que os três façam uma readequação nos orçamentos de suas pastas para abrir um espaço de R$ 3,6 bilhões em recursos a serem negociados com a base aliada na Câmara. Disse ter pressa e avisou que gostaria de ver as mudanças equacionadas até esta terça (12).

Junto e misturado A cota extra de recursos abrirá espaço para emendas que serão pagas no início do ano que vem. O Orçamento de 2018 será votado na mesma semana em que o governo tentará aprovar as novas regras de aposentadoria: a do dia 18.

Missão impossível Nas contas de integrantes da base aliada o governo tem hoje entre 270 e 280 votos a favor da nova Previdência. Toda a pressão está voltada para o PSD, o PSDB e o PR.

(Foto – Marcelo Chello, da Folhapress)

Perícia Forense quer concurso público

A Perícia Forense quer concurso público em 2018. Um pleito nesse sentido foi encaminhado pelo perito-geral Ricardo Macedo ao governador Camilo Santana (PT), com número de vagas em avaliação.

Ricardo não precisou números, mas observou que a Perícia Forense, que ganhou investimentos em laboratórios modernos e outros equipamentos, precisa agora ter om contingente técnico ampliado.

 

Associação Comercial do Ceará fecha parceria com associação comercial do Porto

A Associação Comercial do Ceará acaba de criar um Conselho Internacional que atuará em parceria com a Associação Comercial do Porto (Portugal), cidade irmã de Fortaleza.

A informação é do presidente da entidade, João Porto Guimarães, que também foi reconduzido para o comando da Federação das Associações Comerciais do Estado.

De acordo com João Porto, essa parceria vinha sendo amadurecida há meses e virá em forma de troca de experiências e projetos, além de abertura para negócios que interessariam ao empresariado português, especialmente da cidade do Porto.

(Foto – Divulgação)

O discurso da “lacração” na música pop brasileira

Com o título “O perigo da ‘lacração'”, eis artigo do jornalista Renato Abê. Ele aborda o discurso que é veiculado nas letras de sucessos de cantoras como Anitta, Cláudia Leitte e Ludmilla. Confira:

A música pop brasileira vive um momento de ascensão. Em sintonia com o mercado fonográfico internacional, o País está sendo puxado pela relevância de artistas como a carioca Anitta e, assim, muitos nomes têm conseguido voo altos. Crescendo em números e cifras, o pop, porém, não tem visto essa maturação refletida em discursos de alguns intérpretes. Exemplo disso é o single Lacradora, recém-lançado pela cantora Cláudia Leitte em parceria com a dupla Maiara e Maraisa, que vêm respectivamente do axé e do sertanejo, mas que fincam os pés no pop.

A letra traz mais uma vez o discurso de “pisar nas inimigas”, “lacrar com a cara delas” e todos esses chavões que a gente já não aguenta mais ler no Facebook. “Copo na mão/ E as inimigas no chão/ Claudinha lacradora/ Dando nas recalcadas/ Enquanto a gente brinda/ Elas tomam pisão”. Num momento que tanto se fala na importância da união entre as chamadas minorias, é muito contraproducente ouvir versos como esses tocando nas rádios.

Infelizmente a cantora de Baldin de gelo não é a única com esse discurso. Hits dos últimos anos do pop vêm perpetuando essa temática de mulheres contra mulheres. Ludmilla canta em 24 horas por dia: “Mandada safadinha eu já descobri seu truque/ Pra saber da minha vida, não sai do meu Facebook”. Valesca afronta em Eu Sou a Diva que Você Quer Copiar: “Abre o olho senão eu te pego/ E te dou uma escovada / Toma vergonha na cara/ Sai pra lá, falsificada”.

Longe de mim querer ditar regras sobre o que pode ou não estar na música. Só penso nas possibilidades de reforçar representatividades e empoderamentos que estamos perdendo no cenário pop. Prefiro ficar com o discurso da “novata” Iza, que, em entrevista ao Lázaro Ramos, falou sobre o assunto. “Quando outras mulheres cantam para outras mulheres falando sobre recalque, sobre competição, sobre inimigas, só piora para a gente. Eu estou em construção, eu acho que todo artista evolui, mas isso é uma coisa que eu nunca vou cantar, porque machuca, é cruel demais”.

*Renato Abê

orenatoabe@gmail.com

Jornalista do O POVO.

(Fotos – Divulgação)

Fagner fará show beneficente no Cineteatro São Luiz

O cantor Raimundo Fagner fará show beneficente no projeto “São Luiz Solidário”. Será nesta terça-feira, às 19 horas, no palco do Cineteatro São Luiz, com participações da Orquestra Infantil da Fundação Raimundo Fagner e da banda “Os Cabinha”, da Fundação Casa Grande, de Nova Olinda (Região do Cariri).

O valor arrecadado com os ingressos será destinado à Associação Peter Pan, reconhecida por melhorar a qualidade de vida de crianças e adolescentes portadores de câncer.

SERVIÇO

*Os ingressos já estão disponíveis nas bilheterias do Cineteatro São Luiz (Rua Major Facundo, 500), a R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia) – somente em dinheiro e em espécie.

Índice de Desenvolvimento Social do Ceará cresce 9% entre 2012 e 2015

O Índice de Desenvolvimento Social (IDS) do Ceará, no período de 2012 a 2015, apresenta bom resultado, sobretudo no IDS-R (resultado), que passou de 0.55 em 2012 para 0.60 em 2015 (avaliação é feita entre zero e um), o que representa evolução de 9,0 por cento. Os dados estão no Índice de Desenvolvimento Social dos Municípios Cearenses (IDS) 2012/2015, que acaba de ser publicado pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece).

No caso do índice de resultados, a dimensão de educação (ao todo são três: educação, saúde e habitação) obteve os indicadores que mais evoluíram no período. O IDS-R de Educação apresentou um melhora média de 12,5 por cento no Ceará, o que revela mudança positiva no contexto de gestão do sistema educacional cearense.

O desempenho dos municípios, todavia, não foi homogêneo e reflete, de acordo com o estudo, a persistência de desenvolvimento social diferenciado entre as regiões do Estado.  Por dimensão do IDS-R, a Educação saltou de 0.64 em 2012 para 0.72 em 2015; a saúde se manteve estável, mas tem índice elevado: 0.83, enquanto Habitação passou de 0.15 para 0.24 em 2015. O documento também informa que o IDS-O (oferta) ficou, no mesmo período, relativamente estável.

Abordagens

O IDS é calculado sob duas abordagens: o IDS-O e o IDS-R. O primeiro inclui indicadores relacionados principalmente à oferta de serviços públicos e infraestrutura. Já o segundo tem como objetivo captar os resultados promovidos pelas condições de oferta em cada município e considera indicadores que refletem de forma mais direta o bem-estar da população. O IDS, segundo Dércio Chaves, assessor Técnico de Estudos Sociais do Ipece e um dos autores do estudo, juntamente com Luciana Rodrigues, também assessora Técnica, tem como objetivo fornecer a sociedade cearense e os gestores públicos um indicador sintético e capaz de mensurar a inclusão social no estado do Ceará.

O Índice – observa Dércio – constitui uma medida de desenvolvimento dos municípios que considera em seu cálculo as dimensões de educação, saúde e habitação. É uma forma direta de mensurar e classificar o desempenho dos municípios na promoção do desenvolvimento social. As duas abordagens (IDS-O e IDS-R) permitem relacionar as condições de oferta existentes em cada município com indicadores de bem-estar que retratem aspectos de inclusão social. Esses indicadores constituem um instrumento de avaliações periódicas e possibilitam o acompanhamento, por parte da sociedade e de técnicos do Governo, do desempenho do Estado e de seus municípios. Além disso, pode funcionar como uma ferramenta de correção de resultados indesejados e na orientação das ações de políticas públicas.

SERVIÇO

*Acesse aqui o IDS.