Caso Palocci – PT não tem pressa para se posicionar

Integrantes da cúpula da Executiva Nacional do PT disseram há pouco que o partido não tem pressa em se posicionar oficialmente sobre a crise em torno do ministro da Casa Civil, Antonio Palocci.
Até o momento, o partido não divulgou nenhuma nota oficial a respeito do caso.
“Uma declaração do partido sem a totalidade das informações não ajuda o processo político”, disse o deputado federal Ricardo Berzoini (SP), após participar da reunião do Conselho Executivo Nacional do Partido na tarde hoje (2), em Brasília.
“O PT continua acompanhando caso sem ter pressa de se posicionar”, ressaltou.
Segundo o presidente do PT, Rui Falcão, Palocci mandou o recado à Executiva de que em data próxima se manifestará publicamente sobre o caso. “A forma de como vai fazer e para quais veículos é da esfera dele”.
Para Falcão, não há nada, até o momento, que condende a postura de Palocci.
“Considero que o ministro Palocci e agiu dentro da legalidade, com a lisura que lhe é peculiar. E sua honestidade não está em questão nesse momento”.
Palocci, de acordo com matéria da Folha de São Paulo, aumentou os bens em 20 vezes nos últimos quatro anos, período que atuou como parlamentar e principal coordenador de campanha da presidente Dilma.”
(Com Blog de Noblat)
Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

3 comentários sobre “Caso Palocci – PT não tem pressa para se posicionar

  1. “Considero que o ministro Palocci e agiu dentro da legalidade, com a lisura que lhe é peculiar. E sua honestidade não está em questão nesse momento”.

    Eis o grande problema. A lisura do PALOFFI é bem conhecida, que o diga o pobre do caseiro, o FRANCENILDO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 2 =