Arquivos da categoria: Cidades

Prefeito promete chamar todos os aprovados no último concurso público da Guarda Municipal

 

No ato dessa sexta-feira (17), no Palácio da Abolição – Juntos por Fortaleza, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) avisou: em fevereiro, prorrogará, por mais dois anos, a validade do último concurso da Guarda Municipal.

Ele diz que vai chamar todos os aprovados.

Polícia apreende submetralhadoras em Maracanaú

Duas submetralhadoras e aproximadamente 200 munições foram apreendidas pela Polícia Militar em Maracanaú (Região Metropolitana de Fortaleza). A informação é da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Segundo o órgão, o armamento e o restante do material foram encontrados na última quinta-feira, 16.

Quatro suspeitos apontados como envolvidos em casos de homicídios foram presos pelo porte ilegal de arma. O caso foi registrado na Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), que investigava os suspeitos.

(Foto – Ilustrativa)

VAMOS NÓS – Como está fácil a entrada de armamentos, e pesados, no Ceará. Ou melhor, no Brasil. Cadê a fiscalização nas fronteiras, nas divisas? Estamos vivendo a barbárie…

Polêmico livro sobre a construção da barragem do Castanhão ganha nova edição

O engenheiro civil Cássio Borges, ex-diretor do Dnocs, via lançar a segunda edição do seu livro “A Face Oculta da Barragem do Castanhão – Em Defesa da Engenharia Nacional”.

O lançamento ocorrerá às 19 horas do próximo dia 28, no Clube Náutico Atlético Cearense.

Cássio Borges expõe na publicação uma série de questionamentos sobre a barragem do Castanhão, hoje no volume morto.

O caso do imbróglio no trânsito do entorno da Arena Castelão. Quem resolve?

No último jogo do Ceará, o sufoco foi grande na área do estacionamento do Castelão. Muitos motoristas demoraram uma hora e meia, em média, para deixar o local, pois acabavam barrados pelo fluxo nas avenidas do entorno.

A AMC diz que não atua porque o evento é privado. A Polícia Militar está lá.

E aí, alguém muda essa história para o próximo jogo do Ceará que, dependendo do placar contra o Criciúma, neste sábado, a partir das 18h30min, poderá virar festa da consagração alvinegra?

(Foto – Divulgação)

Sindicato dos Jornalistas promove II Bazar Solidário

O Sindicato dos Jornalistas do Ceará (Sindjorce) promoverá neste sábado, das 9 às 17 horas, o II Bazar Solidário. A inciativa integra mais uma edição do projeto “Sindjorce de Portas Abertas”, que tem como objetivo ampliar a aproximação da categoria e da sociedade com o sindicato, com eventos abertos ao público aos sábados.

O Bazar Solidário acontecerá no Espaço Cultural SindBar, localizado na sede da entidade (Rua Joaquim Sá, 545, Dionísio Torres).

Estarão à venda roupas (femininas, masculinas e infantis), calçados, acessórios, utensílios, cosméticos e artesanato. Os produtos são novos e semi-novos, com preços a partir de R$ 5,00. “Animados pelo sucesso do nosso primeiro bazar, realizado em novembro do ano passado, resolvemos colocar a estrutura do sindicato à disposição da categoria para os jornalistas que desejam fazer uma renda extra nesse período”, informa a presidente do Sindjorce, Samira de Castro.

Já tem programa para este domingo?

Adepol divulga nota de protesto contra medida da PM. Cobra posição do secretário da Segurança

O clima para o secretário da Segurança Pública do Ceará, André Costa, azedou. A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado divulga nota oficial protestando contra informação do Comando da PM orientando aos seus oficiais que elaborem termos circunstanciados de ocorrências (TCO), o que, na avaliação dessa entidade, é desvio de função e usurpação do papel da Polícia Judiciária. Confira:

NOTA PÚBLICA AO SECRETÁRIO DE SEGURANÇA DO ESTADO DO CEARÁ

A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Ceará – ADEPOL/CE – vem a público exigir posicionamento do Secretário de Segurança do Estado do Ceará diante de informação expedida pelo Comando da Polícia Militar do Estado do Ceará, em relação à pretensão ilegal de elaboração de termos circunstanciados de ocorrências (TCO) por parte de oficiais militares, o que enseja desvio de função e usurpação do papel da Polícia Judiciária. Consta da própria informação que tal prática absurda atendeu a termos de ofício expedido pela própria Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará.

Como é de conhecimento amplo, o TCO é peça de natureza investigativa e sua elaboração é atribuição exclusiva do Delegado de Polícia, conforme competências estabelecidas na Constituição Federal e na própria legislação nacional e estadual. O fomento à elaboração de tais procedimentos por militares contraria completamente o que estabelece a lei e o Supremo Tribunal Federal, o qual já decidiu que a confecção de TCO é de competência privativa do Delegado de Polícia.

Tal assunto foi tratado, inclusive, pela Associação dos Delegados de Polícia Federal, instituição da qual faz parte o próprio Secretário, o qual é Delegado Federal, quando da ocasião em que a Polícia Rodoviária Federal pretendeu realizar TCO’s.

Portanto, é de plena consciência do Secretário de Segurança que a confecção de tal procedimento por agentes que não são autoridades de Polícia Judiciária é prática completamente ilegal e diante dos difíceis índices de criminalidade que assolam nosso Estado, ao invés de defender o fortalecimento da Polícia Judiciária, que promove a elucidação dos crimes e, portanto ,o combate à impunidade, o senhor secretário fomenta tal medida que, além de gerar instabilidade institucional, pretende usurpar funções legais, atribuindo um papel ilegal e inconstitucional ao policiamento ostensivo e preventivo, que por sua natureza não está conseguindo conter a mancha criminal de mortes no Ceará

Destarte, além da questionável e inefetiva política de segurança pública que vem sendo implementada hodiernamente, tendo em vista os alarmantes números de criminalidade que assolam o Estado do Ceará e sua população, o Secretário de Segurança, em conduta completamente inaceitável, ainda estimula a prática de ações sabidamente ilegais. A confecção de TCO por militares contraria, inclusive, a orientação do governo, a qual se expressa no Parecer n° 1369/2008 da Procuradoria Geral do Estado, que veda tal prática.

Tais atos não se tratam de postura que se espera de um Secretário de Estado, o qual deve prezar pelo atendimento à lei e ao equilíbrio institucional. Estimular que oficiais militares elaborem procedimentos investigativos não apenas é ilegal, como promove uma verdadeira instabilidade institucional, na medida em que legitima a usurpação de funções constitucionalmente estabelecidas, o que prejudicará ainda mais a segurança pública do Estado.

*Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Ceará (Adepol).

PGJ convoca 90 aprovados em estágio na área do Direito

O Núcleo Gestor de Estágio (NUGE) da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) publicou, nesta sexta-feira (17), edital convocando 90 candidatos habilitados no processo seletivo de 2016 para vagas de estágio em Direito nas Promotorias de Justiça da Comarca de Fortaleza. A informação é da assessoria de imprensa do Ministério Público do Estado.

O candidato habilitado que não tenha interesse em assumir no momento da convocação, pode requerer ao NUGE, uma única vez, reposicionamento para o final da lista de aprovados. O requerimento deve ser protocolado diretamente na PGJ ou encaminhado, via SEDEX, ao NUGE, até três dias após a publicação oficial da convocação, sendo considerado, para este efeito, a data do protocolo ou da postagem.

Documentos

O grupo deverá comparecer, nas datas e horários previstos no Edital nº 78/2017, na sala do NUGE, que fica na sede da PGJ (Rua Assunção, 1100, bairro José Bonifácio). Devem levar a seguinte documentação: histórico escolar ou documento equivalente que comprove a matrícula em uma das instituições de ensino superior conveniadas e o cumprimento de pelo menos 40% da totalidade dos créditos exigidos para a conclusão do curso; comprovante de endereço; declaração de disponibilidade de horário e opção de turno disponibilizada pelo NUGE; declaração de inexistência de antecedentes criminais que pode ser obtida na página do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (www.tjce.jus.br); documento relativo à qualificação pessoal do candidato (RG e CPF ou CNH); certidão da quitação eleitoral emitida na página do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (www.tre-ce.gov.br) e militar (cópia da reservista), se for o caso; e atestado de sanidade física e mental. A apresentação de candidatos retardatários ao NUGE deverá ocorrer no dia 24 de novembro de 2017, às 9 horas.

SERVIÇO

*Acesso a lista dos convocados aqui.

*Para mais informações, entrar em contato com o Núcleo Gestor de Estágio (NUGE):(85) 3452-3762 ou nuge@mpce.mp.br.

Operação Centro Seguro, caldo de cana e pastel

“Matando” a fome.

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, André Costa, lançou, nesta manhã de sexta-feira, na Praça do Ferreira, a Operação Centro Seguro. O ato contou com a presença de lideranças do setor lojista e populares.

A Operação Centro Seguro vai contar com 424 PMs – também bombeiros e equipes da Polícia Civil, que reforçarão a segurança dessa área de Fortaleza até 23 de janeiro.

A ordem é garantir tranquilidade para quem for às compras ou aproveitar para conferir ali a programação do Natal de Luz.

DETALHE – Após lançar a operação, o, secretário André Costa foi matar saudade do pastel, com caldo de cana, no tradicional Leão do Sul.

(Foto – Mauri Melo)

A hora de perfurar poços profundos

Com o título ‘Criatividade e Atitude”, eis artigo do deputado estadual Carlos Matos (PSDB), que pode ser conferido no O POVO desta sexta-feira. Ele fala do projeto Poços de Produção”, iniciativa do Poder Legislativo. Confira:

Buscar soluções para os grandes desafios vividos pela sociedade: assim deve ser a atitude dos poderes constituídos. Seria simples para o Legislativo apontar que o Executivo não deu as respostas aos problemas que se apresentaram, mas não é assim que tem trabalhado a Assembleia Legislativa do Ceará.

Ao criar a Comissão Especial de Acompanhamento das Obras do Rio São Francisco, a Assembleia vem acompanhando de perto as questões relacionadas à crise hídrica do Estado. Em seu relatório, propôs 24 medidas para superar essa crise para além da transposição do São Francisco. É nesse contexto que surge o Projeto “Poços de Produção” diante de um único desafio: a superação da crise hídrica vivida há seis anos pelo estado do Ceará.

Diversas articulações já foram feitas; a Ematerce já iniciou o processo de qualificação da demanda, pré-selecionando 2.680 produtores interessados, comprovando que o problema existe e que há demanda. O financiamento ao produtor já está assegurado pelo Banco do Nordeste, que irá disponibilizar R$ 100 milhões. A Secretaria do Meio Ambiente e a Secretaria de Recursos Hídricos deram um verdadeiro tiro na burocracia para diminuir os entraves na implementação do projeto, com a dispensa de licença ambiental para perfuração em época de crise hídrica, além do processo autodeclaratório para a liberação de outorga.

O Ceará, ao longo de sua história, construiu 40 mil poços, dos quais 24 mil encontram-se ativos. Por iniciativa do Governo Estadual, foram perfurados 10.649 mil poços, sendo 4.300 nos últimos cinco anos. O Dnocs também foi participante desse esforço. Apesar dessas iniciativas há uma demanda que não está sendo atendida, gerando desestruturação de um setor produtivo no meio rural e impactando negativamente no tecido social das cidades.

Para aqueles que perguntavam se as Comissões existem e se realizam algo concreto, a Assembleia Legislativa vem dar essa grande resposta por meio da Comissão de Desenvolvimento Regional Recursos Hídricos Minas e Pesca, a qual tenho a honra de presidir. O projeto irá atingir diretamente a vida das pessoas com a construção de seis mil poços, dando um incremento de 25% no número de poços ativos no Ceará e impactando o desenvolvimento das comunidades rurais na luta contra o colapso hídrico.

*Carlos Matos

carlos.matos@al.ce.gov.br
Deputado estadual (PSDB).

Órgãos ligados ao governo federal e à PGR recomendam sanções a Camilo Santana

Um relatório do Conselho Nacional dos Direitos Humanos e Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente — ambos ligados à Secretaria de Direitos Humanos — e pela Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão da PGR recomendam a responsabilização do governador do Ceará, Camilo Santana, por maus tratos contra jovens e adolescentes do sistema socioeducativo. A informação é do colunista Lauro Jardim, do O Globo.

Representantes dos três órgãos visitaram as unidades e colheram depoimentos de torturas, agressões físicas e verbais, falta de atendimento médico, falhas na educação e falta de condições de higiene.

Um adolescente contou ter se machucado com estilhaços de uma bala disparada contra o piso em maio deste ano. Outro disse ter sido vítima de agressões com pedaços de madeira, socos e chutes por um agente socioeducador em abril.

No Centro Educacional Dom Bosco, verificou-se 10 jovens com pulsos machucados pelo uso frequente da algema.

O relatório detalha:

— Vários adolescentes narraram que, como forma de punição por supostos atos de indisciplina, são pendurados por algemas na saída de ventilação dos dormitórios e ficam nesta posição sem encostar os pés no chão por longos períodos.

Como sanção, os três órgãos recomendam que o relatório seja encaminhado ao MP do Ceará, para adotar as medidas cabíveis contra o governador.

A Violência se transformou em grave problema de saúde pública de Fortaleza?

RC e o tema nos Debates do POVO (Rádio POVO/CBN), com Plínio Bortolotti e Thiago Paiva.

Da Coluna Política, do O POVO desta sexta-feira, com lavra do jornalista Érico Firmo, o tópico “Abordagem do ponto de vista da saúde”, onde ele expõe o quadro de violência de Fortaleza e reação do prefeito. Confira:

Violência é um dos mais graves problemas de saúde pública de Fortaleza hoje. Mata absurdamente, ocupa leitos em hospitais, drena recursos governamentais. A prevenção é imprescindível. Tratar a questão sob essa perspectiva está entre as melhores e mais acertadas atitudes da administração Roberto Cláudio (PDT) até hoje. Algo que exige coragem, por vários motivos.

Ao agir assim, a Prefeitura assume algo que é sua responsabilidade, sim, que mexe diretamente com a vida da população, mas sobre o qual gestões municipais costumam se eximir. Politicamente, talvez traga mais vantagens fingir que o problema não é do município e deixar o governador se desgastar com isso. Ocorre que isso, definitivamente, não é o melhor para a população. Não é o melhor para o interesse público.

A posição da Prefeitura significa admitir um problema – gravíssimo. Traz potencial desgaste e ainda atinge a imagem de aliado, o governador Camilo Santana (PT). Há vários motivos para ignorar o problema. Porém há um motivo para justificar a atitude: é necessário buscar solução. A gestão municipal deve ter trabalho complementar ao do governador. A Prefeitura chega onde o Estado não vai, tem instrumentos dos quais o governo não dispõe.

Reconhecer o caráter epidêmico da violência significa dar abordagem científica ao problema. Mapear informações, tratar o assunto com transparência. Trazer conceitos da saúde, usar ferramentas que estão dando certo em outras áreas. E chegar a algo a partir dos efeitos que atingem diretamente a população.

De longe, é a mais séria e consistente proposta para tentar enfrentar a crise na segurança pública do Ceará em muito tempo. Pode até não dar certo. Os efeitos nunca são imediatos. Sozinha, isoladamente, a estratégia não resolverá o problema. Dependerá de outros atores. Porém é um passo consistente e promissor. É mais do que pode ser dito sobre quase tudo o mais que se tentou.

(Foto – Paulo MOska)

Camilo Santana nos embalos da juventude

Quem esteve no Cuca da Barra, em Fortaleza, conferindo a solenidade de lançamento do programa Ceará Atleta, que garantirá bolsas para atletas em várias modalidades esportivas, notou algo: a popularidade do governador Camilo Santana (PT) com os jovens.

O assédio pro selfie com Camilo foi tão intenso que fez o governador, após o ato, passar quase uma hora papeando e posando ao lado de uma juventude que, sem sombra de dúvida, em 2018, pesará muito nas urnas.

O marketing eleitoral do Abolição sabe disso.

(Foto – Divulgação)

Fortaleza é a quarta no País em indenizações por morte no trânsito

O volume de indenizações pago pela Seguradora Líder, administradora do Seguro DPVAT, entre janeiro e outubro de 2017, foi 8% menor que no mesmo período do ano anterior, totalizando 325.638 mil demandas atendidas. Quando avaliada somente a natureza indenizada, o dado alarmante está nas indenizações por morte, que cresceram 27% em relação ao mesmo período de 2016, atingindo 34.105 mil casos. Na cobertura por Invalidez Permanente, total ou parcial, foram registrados 242.606 mil ocorrências. Embora representem o maior volume de indenizações pagas (75%) no período, esse montante foi 14% inferior ao registrado no mesmo intervalo de tempo do ano anterior.

O ranking das 10 cidades com maior número de indenizações pagas nesses dez meses do ano é formado apenas por capitais: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Fortaleza, Manaus, Belo Horizonte, Goiânia, Curitiba, Recife e Salvador, na ordem do maior para o menor volume de sinistros. “Os dados mostram a abrangência da cobertura do Seguro DPVAT e o seu impacto social positivo, ao garantir cobertura para todos os brasileiros vítimas de acidente de trânsito no território nacional. O seguro garante para as vítimas a possibilidade de recomeçarem, depois do trauma de um acidente de trânsito”, reforça Ismar Tôrres, diretor-presidente da Seguradora Líder-DPVAT.

A análise geral dos dados da Seguradora Líder indica que as principais vítimas do trânsito brasileiro são homens (75%) e pessoas com idades entre 18 e 34 anos (49%). Em números absolutos, são 158.428 vítimas de acidentes de trânsito beneficiadas pela cobertura oferecida pela Seguradora Líder.

Os dados consolidados de janeiro a outubro de 2017 mantêm um padrão já registrado em levantamentos anteriores, com os acidentes com motocicletas liderando o volume de indenizações (74%), apesar de representarem apenas 27% da frota nacional. No período, residentes no Nordeste foram, percentualmente, os que mais receberam indenizações pagas pelo Seguro DPVAT (32%). A frota de veículos da região é a 3ª maior do País (17%), sendo superada por Sudeste (49%) e Sul (20%).

SERVIÇO

*Para ler o Boletim Estatístico na íntegra, clique aqui.

TCE fiscalizará 16 municípios até o fim deste ano

Edilberto Pontes preside o TCE.

Mais três municípios serão fiscalizados presencialmente pelo Tribunal de Contas do Estado do Ceará. A informação é da assessoria de imprensa do TCE, adiantando que as inspeções ocorrerão na próxima semana, no período de 20 a 24 próximos.

As cidades escolhida são Ipu, São Benedito e Banabuiú, esta por sorteio, adianta o presidente da Corte, conselheiro Edilberto Pontes.

Com isso, chegará a 12 o número de prefeituras visitados pelo TCE, após o órgão assumir as atribuições do extinto TCM, cujos orçamentos de 2017 totalizam mais de R$ 8,9 bilhões. Até o final do ano, mais quatro administrações devem ser incluídas na ação, totalizando 16.

(Foto – TCE)

Prefeitura de Sobral abre seleção para especializações em Saúde da Família e Saúde Mental

A Secretaria da Saúde de Sobral (Zona Norte) está divulgando o Processo Seletivo Unificado para a seleção de candidatos aos cursos de especialização em Residência Multiprofissional em Saúde da Família (RMSF) e Residência Multiprofissional em Saúde Mental (RMSM). No total serão 40 vagas, sendo 30 para Residência Multiprofissional em Saúde da Família e 10 para Residência Multiprofissional em Saúde Mental.

As inscrições, segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Sobral, que serão realizadas de forma presencial, foram iniciadas nesta quinta-feira (16/11) e seguirão até o próximo dia 1º de dezembro, na Secretaria Acadêmica da Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Sabóia, situada na Avenida John Sanford, nº 1320, Junco, Sobral/CE, no horário das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas.

Pelos Correios, as inscrições seguem até o próximo dia 24 de novembro, devendo a documentação da inscrição ser obrigatoriamente enviada via SEDEX para o endereço da Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Saboia.

SERVIÇO

*Para maiores informações, o candidato pode acessar o edital clicando AQUI.

Assembleia aprova indicação de Ernesto Saboya para o TCE. Heitor reafirma que questionará no STF

A Assembleia Legislativo aprovou, nesta tarde de quinta-feira, a indicação do nome de Ernesto Saboia para a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Ceará.
O deputado estadual Heitor Férrer (PSB) manifestou seu posicionamento contrário e, da tribuna da Casa, reafirmou que levará ao STF sua ação contra o que considera “um abuso de poder legal e de poder político” por parte do legislativo estadual.

Em Fortaleza, aplicativos de hospedagem compartilhada terão que pagar impostos

A Câmara Municipal aprovou, nesta quinta-feira, a inclusão, no Código Tributário de Fortaleza, dos serviços que operam com a chamada hospedagem compartilhada. Com isso, o município passará a ter condições de fazer a devida cobrança de impostos que incidir sobre o segmento.

A medida surgiu em meio a uma polêmica envolvendo aplicativos como o Airbnb, que oferecem casas, apartamentos e flats para temporadas, e os hoteleiros de Fortaleza. Com isso, o Airbnb terá, assim como outro aplicativo do gênero, que cumprir normais tributárias como faz a rede hoteleira, logo que o prefeito sancione. A previsão é de que Roberto Cláudio cumpra essa tarefa na próxima semana.

A informação é do presidente nacional da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), Manuel Cardoso Linhares, e endossada pelo presidente da Câmara Municial, Salmito Filho (PDT). Cardoso comemora, pois explica que, dessa forma, haverá igualdade de concorrência no meio.

Todos os detalhes da medida, que visa regulamentar esse tipo de aplicativo, serão divulgadas ainda pelo município que, dessa forma, passará a ser o primeiro no Brasil a cobrar impostos da hospedagem compartilhada.

Vereador propõe a criação do Procon da Câmara Municipal

Cláudia Santos, titular do Procon Fortaleza, e o vereador do PR.

O vereador Julierme Sena (PR), também presidente da Comissão dos Direitos do Consumidor e do Contribuinte, propõe , por meio de um projeto de resolução nº 29/2017, a criação de uma unidade do Procon na Câmara Municipal de Fortaleza.

“Essa ideia foi apresentada em reunião para a diretoria do Procon Fortaleza que aprovou a iniciativa, pois a demanda é alta e tem se concentrado no Centro. Pois, muita gente também desconhece as unidades do Procon nos Vapt Vupts”, afirma Julierme.

O vereador também deu entrada no projeto de indicação 577/2017, que dispõe sobre a criação do Procon nas regionais do município de Fortaleza. “Esses projetos são medidas que encontramos para facilitar e ampliar o acesso da população, para que o maior número de pessoas não se submetam a abusos e infrações a legislação de defesa dos direitos do consumidor”, destaca Julierme.

O parlamentar já está em articulação com o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), que sinalizou ser favorável pela implantação da unidade do Procon Câmara. O próximo passo é apresentar a proposta do Procon nas regionais, pessoalmente ao prefeito Roberto Claudio (PDT).

A Fortaleza que cresce na Zona Oeste

Com o título “A Grande Fortaleza Oeste”, eis artigo do advogado Irapuan Diniz de Aguiar. Ele fala de um outro lado uma cidade que vem surpreendendo, em matéria de empreendimentos. Confira:

Quem se dispuser a fazer um passeio margeando a lagoa de Parangaba em direção ao antigo jóquei clube, vai se deparar com um agradável e surpreendente cenário. Aquela populosa área da cidade transformou-se num verdadeiro canteiro de obras com uma série de empreendimentos, públicos e privados, evidenciando seu vertiginoso crescimento.

Numa antevisão de futuro, o primeiro grande equipamento social que ali aportou, há cerca de dezessete anos, foi no segmento do ensino superior com a implantação da Faculdade Integrada da Grande Fortaleza (FGF). Um grupo de engenheiros, aparentemente caminhando na contramão dos indicadores socioeconômicos e da opção feita por outras IES, viu naquela região da capital, a possibilidade de mudança do perfil educacional da população, permitindo-lhe o acesso, não apenas à formação superior nas diferentes áreas do conhecimento, mas também a moderna tecnologia, a qualificando e a capacitando para o mercado de trabalho. O projeto pioneiro idealizado por estes empreendedores se constitui, hoje, em uma esplêndida realidade.

No segmento da saúde, construiu-se um hospital que é uma referência no setor, seja pela grandiosidade da obra, seja pela qualidade do atendimento ofertado, especialmente aos residentes naquela região de Fortaleza. A se somar a estes dois importantes empreendimentos o grande comércio também ali se fez presente com a instalação de uma unidade da rede de supermercados Makro.

Consolidando o desenvolvimento da Zona Oeste da cidade como importante polo, eis que vultosos investimentos privados foram feitos a um só tempo patrocinados por consórcios de empresas as quais promoveram verdadeira revolução na área, com a construção de shoppings multifuncionais como os shoppings Parangaba e Jockey, ambos já em pleno funcionamento e, como decorrência, a edificação de torres residenciais e outros empreendimentos a eles associados evidenciando que ali na Zona Oeste de Fortaleza, o futuro se fez presente.

A estação do metrô, os terminais de ônibus da Lagoa e de Parangaba, o bilhete único instituído nos transportes coletivos, sem dúvida, são instrumentos que complementam e facilitam o deslocamento da população para o lado oeste da cidade que apresenta, sem margem a dúvidas, um inquestionável desenvolvimento.

*Irapuan Diniz Aguiar

Advogado.