Arquivos da categoria: Saúde

Projeto em Juazeiro do Norte quer dar desconto no IPTU para quem combater o Aedes aegypti

Um projeto de indicação do vereador Claudionor Motta, que versa sobre a criação de um selo para ser adotado pelo município de Juazeiro do Norte (Região do Cariri) nas ações de combate à dengue , foi aprovado por unanimidade na sessão da Câmara Municipal do último dia 22.

Pelo projeto, serão criados três selos: um verde, um amarelo e um vermelho.Esses selos indicarão os locais que estiverem livre de foco da dengue, em situação de alerta ou que apresentarem indícios da presença do mosquito Aedes Aegipty, respectivamente. Os cidadãos que conseguirem o selo verde ganharam um desconto de 10% no IPTU.

(Blog do Flavio PintoNews)

Rodrigo Maia sanciona projeto que libera venda de remédios emagrecedores

O presidente da República em exercício, Rodrigo Maia, sancionou hoje (23) o Projeto de Lei (PL) 2431/2011, que libera a produção e venda de remédios emagrecedores. O projeto, do deputado Felipe Bournier (PROS-RJ), foi sancionado sem vetos por Maia e a sanção será publicada no Diário Oficial da próxima segunda-feira (26). Rodrigo Maia deixará a presidência da República na madrugada deste sábado (24), quando Michel Temer volta de viagem internacional.

Pela nova lei, substâncias anorexígenas como a sibutramina, a anfepramona, o femproporex e o mazindol passam a ter a comercialização liberada. Até então, a manipulação e venda de fórmulas com essas substâncias eram vedadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Na justificativa do projeto, aprovado na última terça-feira (20), Bournier apresentou dados da obesidade e ressaltou a importância de tais medicamentos.

“Nesse sentido, a proibição da produção e comercialização dos anorexígenos prejudica milhares de pacientes que realmente necessitam desse tipo de medicamento, sem contar com a provável ampliação do mercado negro dessas substâncias em consequência da proibição”, completou Bournier, no texto do PL.

Os chamados anorexígenos, cuja produção, venda e consumo foram liberados com esta decisão, inibem o apetite e geralmente são utilizados em tratamentos contra a obesidade mórbida.

Anvisa defendeu veto

A Anvisa, em nota, disse lamentar a decisão tomada pelo presidente em exercício e afirmou que a lei é inconstitucional. “Essa lei, além de inconstitucional, pode representar grave risco para a saúde da população. Legalmente, cabe à agência a regulação sobre o registro sanitário dessas substâncias, após rigorosa análise técnica sobre sua qualidade, segurança e eficácia. Assim ocorre em países desenvolvidos e significa uma garantia à saúde da população”, disse a agência.

Antes da sanção, a agência já tinha recomendado ao presidente Michel Temer o veto ao projeto. A Anvisa completou dizendo que a decisão do Congresso – que não fez nenhuma análise técnica – e do presidente em exercício destoa dos padrões internacionais.

“A decisão de sancionar a liberação da comercialização desses anorexígenos no Brasil vai contra o que ocorre em outros países desenvolvidos, cuja competência para avaliar se estão aptos a serem oferecidos à população é das respectivas agências reguladoras”.

(Agência Brasil)

Cerveja pode ser mais eficaz do que paracetamol no combate à dor de cabeça

“Beber para curar os males” pode finalmente ter sua explicação científica. De acordo com estudo publicado recentemente no periódico científico Journal of Pain, beber dois pints de cerveja (um pint equivale a um copo de pouco mais de meio litro), é mais eficaz no alívio de dores do que tomar analgésicos, como o paracetamol.

Depois de analisarem dezoito estudos, pesquisadores da Universidade de Greenwich, no Reino Unido, descobriram que duas canecas de cerveja podem diminuir as dores em 25%. Ao elevar o nível de álcool no sangue, em aproximadamente 0,08%, o corpo reduz o limiar de intensidade da dor.

“A descoberta sugere que o álcool é um analgésico efetivo que oferece reduções clinicamente revelantes dos níveis de intensidade da dor, o que pode explicar o abuso de bebidas alcoólicas entre aqueles com dores constantes, apesar das possíveis e graves consequências a longo prazo”, explicaram os pesquisadores, em resumo.

Ainda não está claro se o álcool reduz a sensação de dor porque realmente afeta os receptores do cérebro ou apenas porque diminui o nível de ansiedade, o que faz com que a dor não seja tão ruim. “O álcool pode ser comparado a drogas opioides, como a codeína, e seu efeito é ainda mais poderoso que o do paracetamol”, disse Trevor Thompson, principal autor da pesquisa, ao tabloide britânico The Sun. “Se pudermos desenvolver uma droga sem os prejudiciais efeitos colaterais [do álcool], então teremos algo potencialmente melhor do que existe atualmente.”

(Veja)

Hemoce vai ao Parque do Cocó conscientizar sobre a doença falciforme

O Hemoce realizará atividade recreativa neste domingo, a partir das 8 horas, no Parque do Cocó. A programação é em alusão ao Dia Mundial de Conscientização sobre a Doença Falciforme, comemorado em 19 de junho. Profissionais do órgão e pacientes portadores da doença falciforme distribuirão panfletos e farão mobilização com cartazes para alertar a população sobre sintomas e tratamento da doença. Haverá piquenique e roda de conversa.

“É uma oportunidade de falar sobre a doença falciforme para quem não conhece e será também um momento de lazer para os pacientes atendidos pelo Hemoce. Nós vamos fazer um piquenique com uma roda de conversa para discutir sobre o tema e comemorar os avanços no tratamento e na qualidade de vida dos pacientes”, destaca Adlene Faustino, enfermeira do ambulatório de coagulopatias do Hemoce.

Doença

A doença falciforme é hereditária e provoca má formação nas hemácias (glóbulos vermelhos). “As células normais são arredondadas e maleáveis. Com as alterações, essas células passam a ter um formato de meia lua ou foice, impedindo a circulação do sangue e oxigênio para tecidos e órgãos, causando várias complicações”, explica o hematologista Osanildo Nascimento. Os principais sintomas são: dores nas articulações, anemia, olhos amarelados, atraso no desenvolvimento e crescimento infantil, inchaço nos punhos, tornozelos, além de aumentar o risco de infecções e AVC.

DETALHE – Atualmente, o Hemoce atende a 380 pessoas com doença falciforme no hemocentro em Fortaleza e nos regionais do interior do Estado.

SERVIÇO

*Hemoce – (85) 3101-2310.

Hemoce promoverá domingo de conscientização no Parque do Cocó

Equipes do Hemoce vão estar neste domingo, a partir das 8 horas, no Parque do Cocó. A programação é em alusão ao Dia Mundial de Conscientização sobre a Doença Falciforme, comemorado em 19 de junho. A ordem é conscientizar a população sobre essa doença.

Profissionais do órgão e pacientes portadores da doença falciforme distribuirão panfletos e farão mobilização. Haverá um piquenique com uma roda de conversa para discutir sobre o tema e comemorar os avanços no tratamento e na qualidade de vida dos pacientes.

O que é ?

A doença falciforme é hereditária e provoca má formação nas hemácias (glóbulos vermelhos). “As células normais são arredondadas e maleáveis. Com as alterações, essas células passam a ter um formato de meia lua ou foice, impedindo a circulação do sangue e oxigênio para tecidos e órgãos, causando várias complicações”, explica o hematologista Osanildo Nascimento.

Os principais sintomas são: dores nas articulações, anemia, olhos amarelados, atraso no desenvolvimento e crescimento infantil, inchaço nos punhos, tornozelos, além de aumentar o risco de infecções e AVC.

DETALHE – O Hemoce atende hoje 380 pessoas com doença falciforme no hemocentro em Fortaleza e nos regionais do interior do estado.

Condenado por estupros, ex-médico Abdelmassih cumprirá prisão domiciliar

A Justiça de Taubaté concedeu nessa quarta-feira (21) prisão domiciliar ao médico cassado Roger Abdelmassih devido a problemas de saúde. Ele foi condenado a 278 anos de prisão por estuprar pacientes da sua clínica de reprodução humana. A juíza da Vara de Execuções, Sueli Armani, no entanto, indeferiu o pedido de indulto humanitário feito pela defesa. A pena do ex-médico atualmente está reduzida a 181 anos por decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo.

“Está evidenciado nos autos que o sentenciado em questão conta com 74 anos de idade, apresenta atualmente quadro de saúde bastante debilitada, necessita de cuidados ininterruptos, medicação constante e em horários diversificados, alimentação especial, vigilância contínua tanto da área médica como de enfermagem, exames frequentes e específicos, além disso vem sendo submetido a sucessivas e constantes internações hospitalares, o que se estende até o presente momento”, justificou a juíza.

Ela acrescentou que a administração penitenciária “não reúne atualmente condições estruturais para suprir as carências atinentes ao quadro, tanto a nível de unidade prisional, quanto do Centro Hospitalar do Sistema Penitenciário”.

Dessa forma, o ex-médico cumprirá a pena em casa, sendo liberado para tratamento médico e hospitalares ou com a prévia autorização judicial. Ele deverá usar tornozeleira eletrônica quando receber alta hospitalar e não poderá deixar o país ou a cidade onde mora também sem autorização da Justiça.

(Agência Brasil)

MPT entra com ação para exigir pagamento de adicional por exposição a raio-X

O Ministério Público do Trabalho ingressou com uma ação em Araraquara, no interior paulista, pedindo a revogação da norma do Ministério do Trabalho que dispensa o pagamento de adicional de periculosidade aos trabalhadores expostos à radiação emitida por aparelhos de raio-X. A Portaria 595, publicada em 2015, revogou disposição anterior e isentou os estabelecimentos de saúde de conceder a remuneração extra aos profissionais envolvidos na realização de exames com esses equipamentos.

Para o procurador do trabalho Rafael de Araújo Gomes, a portaria é irregular por modificar normas técnicas de segurança e saúde do trabalho sem a apresentação de um estudo técnico-científico para respaldar a decisão. Segundo o MPT, a partir da resolução, milhares de trabalhadores perderam o direito ao pagamento do adicional por insalubridade, contrariando jurisprudência da Justiça do Trabalho.

A ação foi apresentada a partir de um caso que ocorreu em um hospital de Araraquara, onde enfermeiros e médicos expostos aos efeitos dos equipamentos portáteis de raio-X não recebem a remuneração extra.

“O risco de contaminação é constante no caso desses profissionais, o que torna totalmente inválida a portaria publicada em 2015 pelo Ministério do Trabalho. Inclusive, o MPT tomou conhecimento da perplexidade e angústia que passaram a experimentar os peritos judiciais, em processos trabalhistas individuais, a partir da publicação da Portaria 595, por conhecerem dos danos à saúde experimentados pelos profissionais expostos habitualmente à radiação”, enfatiza Gomes.

Procurado, o Ministério do Trabalho não se manifestou sobre a ação até a publicação desta reportagem.

(Agência Brasil)

Reitor da UFC participa de debate sobre Mais Médicos em evento com secretários municipais da Saúde

O Programa Mais Médicos e sua articulação com as universidades foi um dos temas abordados em debate ocorrido, no Marina Park Hotel, dentro das atividades do XVI Congresso dos Secretários Municipais de Saúde do Ceará e 5º Congresso Brasileiro de Direito e Saúde. O evento, que reúne 700 participantes, entre secretários municipais, técnicos de saúde, além de profissionais e estudantes de Direito, segue até sexta-feira (23) com o tema Saúde, Financiamento e Gestão.

Integrando as discussões sobre o programa federal estiveram o presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Ceará (COSEMS/CE), Josete Tavares; o Ministro Interino da Saúde, Antônio Figueiredo Nardi; a professora Valdelice Mota, da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará; e o Reitor da UFC, Henry Campos.

Falando aos secretários municipais, o reitor da UFC destacou a disponibilidade da UFC para a realização de parcerias na área de saúde com os municípios. Ressaltou ainda a importância da experiência do Mais Médicos nas unidades básicas para a formação dos jovens médicos e na assistência à saúde da população de baixa renda.

“A gente tem uma oportunidade de fortalecimento do trabalho em equipe do treinamento interprofissional e isso é importante para que tenhamos um sistema de saúde eficaz e efetivo. É uma oportunidade também de qualificarmos a atenção, tendo clareza naquilo que queremos para o município, planos que estejam alinhados com as políticas do SUS, a questão da instituição das linhas de cuidado, o fortalecimento da atenção primária e da articulação com os demais níveis de atenção”, afirmou.

Salientando o caráter do Mais Médicos de supressão de vazios assistenciais nas áreas mais remotas, Henry campos também conclamou os secretários de saúde na defesa do Programa. “Devemos fortalecer o Mais Médicos porque fazendo a defesa dessas políticas vamos fazer a defesa do Sistema Único de Saúde e do acesso universal ao sistema”, disse.

Propostas e soluções para a gestão no SUS foi outro tema debatido no Congresso. Para o ministro interino da Saúde, Antônio Nardi, a interlocução com as instituições formadoras em saúde, em especial as universidades públicas, pode trazer boas respostas para problemas em saúde do País.

Organizado em parceria com a seção Ceará da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde Pública do Ceará, o XVI Congresso das Secretarias de Saúde do Ceará ocorre paralelo ao 5º Congresso Brasileiro de Direito e Saúde. Josete Tavares, presidente do COSEMS/CE, considera estratégica a realização dos Congressos para a avaliação de um problema frequente nas realidades municipais: a judicialização da saúde.

(Foto – Divulgação)

 

Centro Universitário 7 de Setembro oferecerá curso de Enfermagem

O Centro Universitário 7 de Setembro (Uni7) ganhou aval do Ministério da Educação para oferecer o curso de Enfermagem.

Segundo o diretor Ednilton Soárez, o curso será instalado no Colégio 7 de Setembro (Centro). As aulas serão ofertadas a partir do ano que vem. São 50 vagas.

(Foto – Arquivo)

Fortaleza ganhará usina para reciclagem de pneus

A lei que garante a concessão de área pública, situada no bairro Jangurussu, para a implantação de usina para reciclagem de pneus será sancionada nesta terça-feira, às 15 horas, pelo prefeito Roberto Cláudio (PDT). O ato ocorrerá no Paço Municipal, informa a assessoria de imprensa do município.

O terreno, cuja área é de 664,11m², limita-se entre a região destinada ao transbordo do Jangurussu e a estrada do Itaperi e passa a ter a sua destinação como bem de uso dominial, contemplando, sobretudo, a atenção ao meio ambiente e à saúde pública.

O prazo da permissão do uso do bem público municipal contemplado nesta Lei será de dez anos, contados a partir da data da assinatura do instrumento da respectiva outorga, a partir da aprovação pela Câmara Municipal, sendo o Município, na condição de permitente, representado pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos e pela Secretaria Municipal do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Fortaleza é sede do V Congresso Brasileiro de Direito e Saúde

O Ministério Público do Ceará, a Comissão de Saúde da OAB/CE e o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Ceará (COSEMS-CE) promoverão, até sexta-feira, no Marina Park hotel, o V Congresso Brasileiro de Direito e Saúde. O evento, com palestra de abertura feita pelo governador Camilo Santana, às 19 horas fará reflexões sobre o tema central “Saúde, financiamento e gestão”

As demais palestras e mesas redondas do evento vão abranger temas como o impacto financeiro da judicialização nos planos de saúde; a corresponsabilidade da sociedade na garantia do direito à saúde; a perícia médica diante da Lei do Ato Médico e do Novo Código de Processo Civil; a responsabilidade na gestão pública e os órgãos de controle externo e interno; terceirização, cooperativismo e o SUS.

Além das palestras previstas na programação, será realizado, na próxima terça-feira (20), um curso pré-congresso com o tema “Saúde mental: desafios e perspectivas”.

Agentes de endemias e de saúde paralisam atividades nesta terça-feira

Agentes de saúde e endemias de todo o País farão, nesta terça-feira, paralisação geral. A categoria diz estar há três anos sem reajuste do piso salarial. O piso atualmente é de R$ 1.014,00, segundo om sindicato da categoria no Estado.

Um ato dos agentes de saúde e endemias terá início a partir das 9 horas, na Praça do Ferreira.

VAMOS NÓS – A causa é nobre, mas um ato do gênero, sem dúvida, pode prejudicar ações contra o Aedes aegypti.

Comissão de Saúde da CMFor apresenta relatório das atividades neste ano

A Comissão de Saúde e Seguridade Social da Câmara Municipal de Fortaleza elaborou um relatório de todas as visitas realizadas nas unidades públicas de saúde de Fortaleza, com avaliações e com as atividades de trabalho dos 15 componentes da comissão.

O documento foi apresentado ao presidente do Legislativo de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), que destacou a qualidade do relatório da comissão. “É assim que a população espera que cada um de nós, vereadores, possa estar se dedicando, principalmente diante de uma temática que é tão importante para a cidade, que é a saúde”, comentou.

Para o presidente da comissão, vereador Doutor José Porto (PRTB), que esteve acompanhado do vereador Doutor Eron Moreira (PP) e do vereador Gardel Rolim (PPL), o relatório uma obrigação da comissão e está à altura da atual gestão da Casa.

Doutor Porto ressaltou que, atualmente, a Prefeitura conta com oito ambulâncias básicas, cinco ambulâncias de suporte avançado e três motos socorristas. A aquisição de 14 ambulâncias está com processo em andamento.

(Foto: Divulgação)

Instituto do Câncer recebe doação de cabelos

O Instituto do Câncer do Ceará (ICC), por meio de sua Gerência de Responsabilidade Social, deu início a um projeto de doação de cabelos em parceria com a empresa paulistana Queensland. O objetivo da campanha é o de resgatar a autoestima das pacientes que estão em tratamento contra o câncer no Instituto. Muitas perdem suas madeixas devido aos efeitos das radio e quimioterapias a que são submetidas.

“Estamos abertos para receber cabelos acima de 30cm, sejam eles virgens ou não. Nós já temos um banco de perucas e com essa parceria estaremos ampliando o leque de ajuda para nossas pacientes. A cada 1kg de cabelo enviado para a Queensland Hair, eles nos presentearão com duas perucas já prontas para uso. Isso nos ajudará muito, haja vista o preço alto para a confecção dessas perucas”, explica a superintendente de Responsabilidade Social do ICC, Débora Boni.

SERVIÇO

Para participar é se dirigir à Casa Vida, que apoio a pacientes com câncer do Instituto e que fica na rua Pedro Major Sampaio, 901 – Rodolfo Teófilo. Atendimento é das 8 às 17 horas, de segunda a sexta, e das 8 às 12 horas, no sábado, e entregá-los na recepção.

*Para mais informações – 3288.4466.

Associação Nossa Casa promove Arraiá Solidário

A Associação Nossa Casa, que apoia pessoas em tratamento contra o câncer, realizará, no próximo dia 22, o tradicional arraiá beneficente para alegrar o São João dos pacientes acolhidos. Na ocasião, haverá apresentações de Mathias do Acordeon e Coisas do Sertão. Também não vão faltar comidas típicas, brincadeiras e até quadrilha improvisada, a partir das 15h30min na própria sede da instituição. A festa é gratuita e aberta ao público.

A Casa acolhe, em Fortaleza, pacientes em tratamento de radioterapia e quimioterapia, facilitando o processo terapêutico, oferecendo hospedagem, conforto, segurança e cuidado humanizado. O espaço é destinado a pacientes vindos do interior do Estado do Ceará e de outros estados e tem capacidade de hospedagem para até 50 pessoas.

Doações

Para garantir o tradicional arraiá de São João, a Associação está recebendo doações de comidas típicas e brindes. Mais informações pelo número (85) 3521.1538.

SERVIÇO

*Associação Nossa Casa (R. Francisco Calaça – Álvaro Weyne, Fortaleza.

*Facebook: /associacaonossacasa e Instagram: @associacaonossacasa

Camilo inaugura Centro de Imagem do antigo Hospital da Polícia

O governador Camilo Santana (PT) vai inaugura, ás 9 horas desta segunda-feira, o novo Centro de Imagem do Hospital e Maternidade José Martiniano de Alencar, o antigo Hospital da Polícia, no Centro de Fortaleza.

O novo Centro possibilitará a garantia de novos exames à população, como tomografia computadorizada, densitometria óssea e mamografia. O investimento de R$ 1,95 milhão tem recursos dos governos estadual e federal.

Os novos equipamentos vão possibilitar maior rapidez no diagnóstico e no tratamento de pacientes encaminhados para o hospital. Além dos novos exames, os pacientes do hospital também têm acesso a outros como ultrassonografia, ecocardiograma, eletrocardiograma, teste ergométrico e radiografia.

Anvisa avança na regulação da maconha para fins medicinais

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa( avançou na regulamentação do plantio de maconha para fins de produção e de pesquisa para fins medicinais, que será feita até o fim do ano.

A informação é do jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.adiantando queserão emitidos certificados autorizando o plantio de forma a atender a demanda do mercado interno de pacientes.

O Ministério da Saúde e a Polícia Federal entrarão na mesa de discussão após uma consulta pública em agosto.

Unifor apresenta aplicativo sobre mobilização social contra dengue, zika e chikungunya

O Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação da Unifor (NATI) vai apresentar, às 9 horas deste sábado, no auditório do Sindicato dos Radialista e Publicitário do Estado do Ceará, o aplicativo denominado Agente Cidadão. A iniciativa tem como foco a mobilização social contínua para o combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika.
A apresentação será feita pelo coordenador de Inovação do NATI, professor Eurico Vasconcelos,e acontecerá dentro do curso de formação de Radialistas Profissionais na cadeira de “Ética e Cidadania”, realizado pelo Sindicato.
O aplicativo já foi apresentado e aprovado pelo Governo do Estado, Unicef, Associação dos Prefeitos do Ceará (Aprece) e Conselho Estadual dos Secretários Municipais de Saúde (Cosems).
 (Foto – Divulgação)

Agentes de endemia vão paralisar atividades na próxima semana

Agentes de endemias e agentes comunitários de saúde de todo o País vão paralisar as atividades na próxima terça-feira. Segundo a diretoria do sindicato da categoria no Ceará, a luta é por reajuste do piso salarial que está congelado há três anos. O piso atualmente é da ordem de R$ 1.014,00, de acordo com a lei federal nº 12.994/2014.

Em Fortaleza, haverá, nessa data, um ato na Praça do Ferreira, a partir das 8h30min.

Bom lembrar que agentes de endemias e de saúde respondem diretamente pelas ações de combate e prevenção ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.

Vereador Michel Lins doa sangue no Hemoce

O vereador Michel Lins (PPS) esteve, nesta manhã de quarta-feira, na sede do Hemoce, onde fez doação para o banco público de sangue. Ele aproveitou para convidar colegas vereadores e deputados estaduais para aderirem a campanha.

Vice-líder do prefeito Roberto Cláudia, Michel Lins (PPS) diz que quis com o gesto reforçar a campanha de doação de sangue, cujo objetivo é reforçar estoques para o feriadão religioso.

Doador

Para ser um doador de sangue, é necessário estar saudável, bem alimentado, ter entre 16 a 68 anos e possuir mais de 50kg e apresentar um documento oficial com foto.

(Foto – Divulgação)