Blog do Eliomar

Categorias para Acidente

Governo italiano exige respostas após queda de ponte em Gênova

O governo italiano exigiu hoje (14) resposta sobre a queda de um trecho de uma ponte na cidade de Gênova, que deixou um número ainda indefinido de mortos. O fato que gerou um debate sobre o estado das estradas do país. O balanço provisório é de 30 mortos e dezenas de feridos graves, de acordo com o ministro de Interior italiano, Matteo Salvini.

“Como italiano, farei tudo o que estiver nas minhas mãos para ter nomes e sobrenomes dos responsáveis passados e presentes, porque é inaceitável que na Itália se morra assim”, declarou Salvini.

Na mesma linha mostraram-se outros membros do Executivo, formado pelo Movimento Cinco Estrelas (M5S) e pela Liga, como o ministro de Infraestruturas, Danilo Toninelli, que afirmou que “todos os responsáveis pagarão”.

O acidente ocorreu por volta do meio-dia (7h em Brasília), por causas ainda desconhecidas, que deverão ser esclarecidas em uma investigação que começa nas próximas horas. No entanto, o estado das estradas italianas já é um assunto aberto, e sobre isso Toninelli destacou em entrevista ao canal Sky que a via era gerida pela empresa Autostrade per l’Italia, filial da Atlantia.

“A Autostrade per l’Italia tinha concessão do Estado para fazer a gestão e a manutenção dessa estrada. A manutenção é absolutamente da Autostrade”, insistiu.

Após o acidente, a concessionária italiana explicou, em nota, que estava trabalhando para consolidar a manutenção da estrutura e que, “como estava previsto, tinha instalado uma ponte-guindaste para permitir o desenvolvimento de atividades”: “Os trabalhos e o estado da ponte estavam sujeitos a constante observação das autoridades locais.”

O ministro da Justiça, Alfonso Bonafede, definiu a queda da ponte como “verdadeira tragédia” e assegurou que “quem tiver que pagar, pagará”.

Por sua vez, o presidente da região de Ligúria, Giovanni Toti, garantiu, em nota, que “a área está sob controle” e que o Corpo de Bombeiros “está avaliando o risco de novas quedas”.

Atualmente, estão na região mais de 200 bombeiros, mas também médicos, equipes da Defesa Civil e da Guarda Municipal, que trabalham para retirar todos os escombros e salvar quem possa ter ficado entre as ferragens, o que é a prioridade, segundo as autoridades.

(Agência Brasil com EFE)

Polícia Federal conclui inquérito do acidente que matou Eduardo Campos

A uma semana de completar quatro anos do acidente aéreo que vitimou o então candidato à Presidência da República Eduardo Campos, a Polícia Federal concluiu o inquérito sobre a morte do político pernambucano.

O relatório final sobre o caso foi apresentado pela PF hoje (6) à família de Campos e será apresentado nesta terça-feira (7) à família do piloto Marcos Martins, que comandava a aeronave no momento do acidente.

Somente após a apresentação do relatório à família do piloto, as informações sobre o relatório serão divulgadas publicamente, informou a assessoria de imprensa da PF.

Eduardo Campos morreu em 13 de agosto de 2014 na queda de um jatinho na cidade de Santos, litoral sul de São Paulo. A aeronave em que estava o ex-governador de Pernambuco, modelo Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP).

Quando se preparava para pouso, o piloto arremeteu o avião devido à falta de visibilidade provocada pelo mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave.

Ao lado da ex-ministra do Meio Ambiente e ex-senadora Marina Silva, Campos tentava chegar à Presidência da República pela coligação Unidos Pelo Brasil (PSB, PHS, PRP, PPS, PPL, PSL).

Depois de ser deputado estadual, três vezes deputado federal, secretário estadual de Governo e de Fazenda, ministro da Ciência e Tecnologia e governador de Pernambuco por dois mandatos, o economista pernambucano concorria pela primeira vez ao cargo mais importante da política brasileira. Nas pesquisas eleitorais, Campos aparecia como terceiro colocado.

Eduardo Campos, que é neto do político Miguel Arres, morreu na mesma data que seu avô, falecido em 2005. Campos era filho de Ana Arraes, ministra do Tribunal de Contas da União (TCU) e do poeta e cronista Maximiano Campos.

O então candidato do PSB à Presidência da República tinha acabado de fazer 49 anos, no dia 10 agosto daquele ano. Além de Campos e do piloto Marcos Martins, morreram no acidente o copiloto Geraldo Magela Barbosa da Cunha e quatro integrantes da equipe que assessorava o ex-governador de Pernambuco, formada pelo assessor de imprensa Carlos Augusto Percol, o fotógrafo Alexandre Severo o cinegrafista Marcelo Lyra e o advogado Pedro Valadares.

(Agência Brasil)

Caminhão desgovernado – Acidente na Osório de Paiva deixa pelo menos dois mortos e sete feridos

Um grave acidente na avenida Osório de Paiva, nas proximidades do bairro Siqueira, deixou pelo menos duas pessoas mortas e sete feridos no final da tarde desta segunda-feira, 30.

Testemunhas do acidente dão conta de que um caminhão avançou sobre pedestres e carros que estavam no caminho, por pelo menos 150 metros. Em três pontos diferentes desse percurso existem pessoas feridas e destruição. Um vídeo gravado momentos depois do acidente foi enviado ao O POVO Online por um motorista de ônibus.

Com a colisão, um carro chegou a bater em um poste. Imagens mostram que motos ficaram caídas na avenida e pessoas feridas sendo atendidas na rua.

(O POVO Online)

Brasileiras morrem no Uruguai após caírem de prédio

A polícia do Uruguai investiga a morte da brasileira Luciana Tessmann, de 44 anos, e sua filha, Laura Tessmann, de 4 anos, após caírem de um edifício no balneário de Punta del Este, litoral sul do país.

De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, ainda não foram esclarecidas as causas e circunstâncias da queda, ocorrida na noite da terça-feira (24).

O Itamaraty informou que o Consulado brasileiro em Montevidéu “mantém contato com as autoridades policiais” uruguaias e está “em contato com os familiares, prestando-lhes a assistência consular cabível”.

(Agência Brasil)

Acidentes de trabalho já causaram morte de 653 pessoas este ano

Os acidentes de trabalho no país já causaram a morte de, ao menos, 653 pessoas em 2018. Os dados, do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, do Ministério Público do Trabalho (MPT) e da Organização Internacional do Trabalho (OIT), consideram apenas os casos que foram comunicados ao Ministério do Trabalho.

Em 2018 foram registrados 184.519 acidentes de trabalho. Entre os casos mais comuns estão os cortes, lacerações, fraturas, contusões, esmagamentos e amputações.

Segundo o MPT, somente no primeiro trimestre de 2018, os gastos estimados com benefícios relacionados aos acidentes de trabalho ultrapassaram R$ 1 bilhão, somados auxílios-doença, aposentadorias por invalidez, pensões por morte e auxílios-acidente.

“Os acidentes de trabalho estão muito ligados a precarização dos vínculos contratuais. Quanto mais contrato informal e quanto mais trabalhador sem o devido reconhecimento houver na atividade, mais propícia ela é para gerar o custo do acidente de trabalho”, disse a procuradora Regional do Trabalho em São Paulo, Célia Regina Camacho Stander.

(Agência Brasil)

Laudo da PF descarta ação criminosa na morte de Teori

Apesar de ainda estar em fase final, a investigação do acidente aéreo que matou o ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, e outras quatro pessoas, há quase um ano, no trajeto entre São Paulo e Angra dos Reis, aponta que não houve sabotagem ou qualquer outra ação criminosa.

A Polícia Federal espera concluir o laudo final nos próximos meses, mas já aponta que não foram encontrados sinais que indiquem uma ação que possa ter levado à queda do avião, como uma explosão interna. Também não há sinais de explosivos ou produtos químicos.

(Com Agências)

Afogamento de triatleta no Ironman foi causado por isquemia cardíaca

O triatleta Genilson Lima, que morreu durante a prova de natação do Ironman 70.3 de Fortaleza, no último dia 26 de novembro, se afogou após sofrer uma isquemia cardíaca. A conclusão é da Polícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), que apresentou para a imprensa, nesta segunda-feira, 4, os resultados dos exames feitos com amostras biológicas do corpo da vítima.

O laudo não conseguiu informar com precisão o momento em que Genílson sofreu a isquemia cardíaca. Também não foi possível saber se o triatleta já tinha algum problema cardíaco em seu histórico.

“Fizemos os estudos da maneira mais rápida e detalhada possível para dar uma satisfação a sociedade. Não houve nenhum tipo de traumatismo externo que pudesse ter ocasiona danos a ele, que afogou-se em função de um evento cardíaco”, anunciou o coordenador de medicina legal, Hugo Leandro.

Genílson Lima desapareceu no mar enquanto disputava a prova de natação do Ironman, que aconteceu no dia 26 de novembro, um domingo. Ao notar a falta do atleta, o Corpo de Bombeiros começou as buscas imediatamente, mas só encontrou o corpo no dia seguinte, no fim da tarde, próximo a Estação de Condicionamento da Cagece, no bairro Moura Brasil. Inicialmente foi cogitou-se que um acidente vascular cerebral poderia ter acontecido, mas a pefoce descartou. A conclusão do laudo só saiu nesta segunda, apontando afogamento como causa da morte, ocasionado por uma isquemia cardíaca.

(O POVO Online)

Juíza argentina diz que submarino poderia estar em “missão confidencial”

A juíza argentina Marta Yáñez, que investiga o desaparecimento do ARA San Juan, declarou, nessa sexta-feira (24) que o submarino poderia estar em uma “missão de caráter confidencial” quando desapareceu na semana passada.

Há dois dias, ela afirmou que o que o submarino estava fazendo no momento do desaparecimento era “segredo do Estado”. Depois, comentou sua declaração, afirmando que “soou muito feio”, pois estava comentando que a Marinha, que tem o dever de resguardar a segurança do mar territorial argentino, “pode ter uma missão de caráter confidencial”.

Em entrevista à rádio local La Red, a chefe do Tribunal Federal de Caleta Olivia, na província de Chubut (Patagônia), justificou essa teoria. Segundo ela, não está se falando “sobre um particular que estava pescando, ou um chinês que está pescando dentro da área exclusiva do mar territorial argentino”.

Perguntada se a explosão detectada no submarino poderia corresponder a um ataque, uma hipótese já rejeitada pela Marinha argentina, Marta Yáñez sustentou que “não descarta nada”, pois está começando a investigação. “Trata-se de “um submarino que pode estar na zona de culminação da plataforma continental (área marítima que legalmente pertence ao país)”.

Ela disse que quer resolver o assunto e que já “está pedindo” informações sobre a atividade que o submarino desempenhava quando desapareceu. Acrescentou que pode assegurar que, quando emitiu seus últimos sinais, o submarino estava em águas jurisdicionais argentinas. Outro ponto que terá que ser investigado é a condição em que o San Juan iniciou a missão, o que “precisa ser informado pela Marinha”.

“Eu não quero deixar de ser lógica, acho que a Marinha é a ultima interessada em deixar navegar um submarino que não esteja em condições; acredito na boa fé. Eu não posso pensar em fantasmas, mentiras, enganos e esconderijos”, afirmou.

Sobre o pedido para receber as novidades da operação de busca, a juíza explicou: “Não pretendo que a cada três horas me digam ‘não há nada’, mas imediatamente que registrem algo, me façam um relatório de tudo que for encontrado no lugar, aproveitando a tecnologia que temos”.

(Agência Brasil)

Acidente com cinco veículos deixa uma pessoa morta e vários feridos na Santana Júnior

152 2

Um acidente resultou na colisão de cinco veículos, na av. Engenheiro Santana Júnior, bairro Papicu, na tarde desta quinta-feira, 3. De acordo com testemunhas, uma mulher, que conduzia um Range Rover no sentido Iguatemi-Alberto Sá, passou mal enquanto estava na descida de um viaduto e acabou acelerando o veículo. A Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) afirma que uma pessoa morreu no local.

O veículo colidiu com cinco carros que estavam na avenida. Ainda de acordo com a AMC, o condutor de um Classic morreu na hora. José Aluísio Correia Neto tinha 54 anos e já teve o corpo levado paro o IML. Agentes da AMC estiveram no local.

O frentista do posto de combustível, João Oliveira, relata que a condutora do Range Rover estava “desacordada” quando o veículo colidiu. “Nós pulamos pra cima para socorrer. Deu pra perceber que o condutor do Classic não estava mais vivo. A condutora (do Range Rover) foi acordando depois que o Samu chegou”, conta.

Paulo César, esposo de Lorena Bezerra, que dirigia um Punto, contou que ela conseguiu ligar pare ele logo após a ocorrência. “Ela estava com corte no cotovelo e nas pernas, e pancada no ante-braço e na panturrilha. Só fomos saber que estava tudo bem depois de levá-la ao hospital”, relatou. “Não esperei ambulância. Peguei ela nos braços e levei”. Lorena já recebeu alta.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou, por meio de nota, que o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) foi acionado para o acidente, na Área Integrada de Segurança 10 (AIS 10). “A Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) também esteve no local para realizar perícia nos veículos e demais procedimentos necessários no caso. Outras pessoas lesionadas no acidente foram encaminhadas a uma unidade de saúde”, diz a nota. A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) investiga as circunstâncias do acidente.

(O POVO Online)

Explosão no Otávio Bonfim foi causada por vazamento de gás de cozinha

458 1

Moradores dos bairros Otávio Bonfim, Parque Araxá, Monte Castelo e Farias Brito ouviram na noite dessa sexta-feira (28) uma forte explosão, como se fosse uma queima de transformador de energia ou colisão de veículos. O estrondo, no entanto, foi causado pela explosão de um botijão de gás, diante do acionamento de um interruptor de luz.

O acidente ocorreu em um prédio residencial, na rua Rúbia Sampaio com a avenida Domingos Olímpio, no Otávio Bonfim, após o morador de um dos apartamentos não perceber o vazamento de gás.

Uma criança, uma mulher e quatro homens ficaram feridos. Em uma primeira avaliação do Corpo de Bombeiros, a estrutura do prédio poderá estar comprometida.

(Foto: Leitor do Blog)

Após 62 dias, morre vítima em acidente com carro alegórico no carnaval carioca

Morreu na manhã deste sábado (29), no Hospital Quinta D’Or, no Rio de Janeiro, a radialista Elizabeth Ferreira Joffe, conhecida como Liza Carioca, 55. Ela é uma das 20 vítimas do acidente com o carro alegórico da escola de samba Paraíso do Tuiuti, no carnaval deste ano.

Em nota, a escola de samba declarou estar “profundamente consternada com o falecimento” e que não deixou de arcar com os custos do tratamento médico das vítimas.

O acidente ocorreu quando um dos carros da escola perdeu o controle e prensou pessoas na grade que separa a arquibancada da pista.

(com agências)

Três em estado grave – Motorista pede desculpas às vítimas de acidente com a Paraíso do Tuiuti

O motorista do carro alegórico da escola de samba Paraíso do Tuiuti, que provocou um acidente no último domingo (26), no Sambódromo do Rio de Janeiro, Francisco de Assis Lopes, se apresentou nessa segunda-feira (27) na 6ª Delegacia Policial da Cidade Nova, centro do Rio de Janeiro, onde prestou depoimento. Ele pediu perdão às vítimas e alegou não ter tido culpa pelo acidente, que feriu 20 pessoas, três em estado grave.

Uma segunda perícia feita ontem descobriu que havia uma roda maluca danificada. Esse tipo de roda gira segundo a direção que o carro segue. De acordo com testemunhas, o carro já apresentava problemas na concentração.

Os filhos do motorista informaram que foi a primeira vez que o pai dirigiu um carro alegórico. Segundo eles, Lopes perdeu a direção porque seguiu orientações dadas por pessoas ligadas à escola.

A Polícia Civil informou que instaurou procedimento para apurar as circunstâncias do acidente.

(Agência Brasil)

Bruxa no Carnaval da Sapucaí – Acidente no desfile da Unidos da Tijuca fere 12 pessoas

O segundo dia de desfiles na Marquês de Sapucaí, nessa segunda-feira (27), também foi marcado por acidentes e problemas em carros alegóricos. Na Unidos da Tijuca, 12 pessoas se feriram com o afundamento de parte de uma alegoria, no mesmo trecho em que no domingo (26) um carro da Paraíso do Tuiuti machucou 20 pessoas ao colidir com as laterais da avenida.

O acidente no carro tijucano levou 20 pessoas aos postos médicos do sambódromo. Oito delas foram atendidas apenas por estresse, e, entre as que se feriram fisicamente, nove foram transferidas para três hospitais.

A secretária executiva Viviane Pereira, 37 anos, estava no carro, mas não se feriu e continuou na alegoria até a dispersão. “Escutamos um barulho e sentimos um tremor muito forte, mas achei que fosse algum efeito do carro. Depois, as pessoas começaram a gritar desesperadas para parar o carro.”

Com o acidente, o veículo teve que ser parado para que os bombeiros pudessem socorrer os feridos. A escola continuou o desfile enquanto isso, orientando suas alas a contornarem as laterais do carro alegórico. A narrativa proposta pelo enredo, entretanto, acabou desfigurada pela mudança de ordem.

A escola prestou homenagem a Pixinguinha e Louis Armstrong, imaginando uma aproximação dos dois gênios a partir de um encontro que aconteceu na década de 50.

O presidente da Unidos da Tijuca, Fernando Horta, prometeu que a escola dará assistência às vítimas do acidente, caso seja necessário. “Não foi excesso de peso, porque as pessoas ensaiam dentro do carro”, disse Horta, destacando que não acredita que o problema tenha sido estrutural.

O presidente da Liga das Escolas de Samba do Grupo Especial (Liesa), Jorge Castanheira, disse que vai haver uma reavaliação dessas questões a partir dos problemas que forem identificados nos desfiles. Ele afirmou que a possibilidade de interromper o desfile diante de um acidente como o da Unidos da Tijuca não existe no regulamento.

(Agência Brasil)

Polícia faz perícia em carro alegórico que atropelou 20 pessoas na Sapucaí

A Polícia Civil abriu nesta segunda-feira (27) uma investigação para apurar as circunstâncias do atropelamento de 20 pessoas por um carro alegórico na Marques de Sapucaí. O incidente ocorreu nesse domingo (26), na concentração do desfile da Paraíso do Tuiuti, e alguns feridos chegaram a ser espremidos contra uma grade.

Após o atropelamento, o carro seguiu até o fim do desfile, e agentes impediram que o veículo fosse retirado do Sambódromo. A alegoria passou por uma primeira perícia na dispersão e deve ser vistoriada novamente ao longo do dia. Os policiais também vistoriaram o trecho do Sambódromo onde houve a colisão contra a grade e as cabines de transmissão.

Oito pessoas foram levadas a hospitais municipais, sendo os três casos mais graves para o Hospital Souza Aguiar e os outros cinco para o Miguel Couto. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde informou por volta de 3h, as vítimas estavam acordadas e estáveis, e os quadros cirúrgicos ainda estavam sendo avaliados.

Mais 12 pessoas se feriram e foram liberadas após atendimento nos postos médicos do Sambódromo.

O delegado da 6ª Delegacia de Polícia, da Cidade Nova, William Lourenço, disse que ainda é cedo para falar em responsáveis pelo ocorrido. Segundo ele, as vítimas começarão a ser ouvidas depois da perícia.

Poucas horas depois do acidente, o motorista do carro alegórico não havia sido identificado. O caso foi registrado como lesão corporal culposa.

Em nota, a escola Paraíso do Tuiuti disse lamentar profundamente o ocorrido. “A diretoria da escola manifesta o seu pesar e prontifica-se a prestar esclarecimentos assim que todas as causas do acidente forem apuradas. Esclarecemos que ofereceremos toda a assistência necessária às vítimas deste irreparável episódio. Informamos que a alegoria envolvida no acidente será periciada pela Polícia Civil”.

(Agência Brasil)

Dois homens morrem em rede elétrica no bairro Henrique Jorge

Moradores do bairro Henrique Jorge, em Fortaleza, estão surpresos com a morte de dois homens na rede elétrica, na manhã desta sexta-feira (13). Segundo os primeiros levantamentos, um dos homens foi arremessado da fiação e morreu de imediato, enquanto o outro está preso na rede elétrica com o corpo em chamas.

Equipes do Samu chegaram há pouco ao local, na rua Cuiabá, mas nada puderam fazer pelas duas vítimas.

O caso, com todos os seus  detalhes, deverá ser investigado pelo 12º Distrito (Conjunto Ceará) ou 25º Distrito (Montese). Moradores afirmaram à Polícia que as vítimas não seriam habilitados para mexer na fiação.

Turistas se ferem após ônibus capotar em Aquiraz

Sete turistas foram conduzidos ao Frotinha de Messejana, na noite dessa segunda-feira (9), após o ônibus que transportava o grupo de 47 pessoas que havia passado o dia em Canoa Quebrada, em Aracati, Litoral Leste do Ceará, descer um barranco e capotar na CE-040, no município de Aquiraz, na Região metropolitana de Fortaleza.

Segundo a Polícia, os sete turistas não correm risco de morte, enquanto os outros 40 sofreram escoriações leves e foram atendidos no local do acidente.

Em depoimento à Polícia, o motorista afirmou que perdeu o controle da direção, após se distrair com um dos passageiros que teria ido conversar com ele.

Colisão de carro contra ônibus mata prefeito eleito de cidade do Piauí

97 1

O prefeito eleito de Santana do Piauí, Francisco Raimundo de Moura, o Chico Borges (PTB), de 42 anos, morreu na manhã deste domingo (1º), quando o carro que dirigia colidiu com um ônibus numa rodovia estadual que liga o município de Picos ao de Santana do Piauí.

De acordo com o Corpo de Bombeiros do estado do Piauí, o acidente ocorreu por volta das 5h, em um ponto da rodovia conhecida como Curva da Oiticica, perto do povoado de Tanque. A colisão foi frontal e o prefeito eleito morreu no local.

Ainda segundo os Bombeiros, o corpo foi retirado das ferragens e levado para o Instituto Médico-Legal (IML) da cidade de Picos. A cerimônia de posse de Chico Borges ao cargo de prefeito de Santana do Piauí estava marcada para as 15h deste domingo, na Câmara de Vereadores do município.

Chico Borges foi eleito prefeito em Santana do Piauí com uma diferença de nove votos sobre o segundo colocado, Ricardo Gonçalves (PMDB), que buscava a reeleição. Ele obteve 45,49% dos votos válidos, totalizando 1.427 votos. Maria José de Sousa Moura (PP) é a vice-prefeita eleita.

(Agência Brasil)

Três jovens morrem em colisão de motos na BR-020 neste domingo

Um colisão frontal entre duas motocicletas resultou na morte de três jovens e em ferimentos em uma outra jovem, na madrugada deste domingo (23), na BR-020, no município de Tauá, no Sertão de Inhamuns, a 337 quilômetros de Fortaleza. Segundo os primeiros levantamentos da Polícia, o acidente teria ocorrido durante uma tentativa de ultrapassagem, quando uma delas invadiu a pista da outra.

De acordo ainda com a Polícia, os dois condutores morreram no local do acidente, enquanto as duas garupeiras foram socorridas, mas Bruna Norberto Lima, 18, não resistiu aos ferimentos e morreu quando estava a caminho do IJF em Fortaleza. Bruna estava na moto conduzida por Ricardo Cavalcante, o Pardal. Os dois eram bastante conhecidos em Tauá. O rapaz era irmão de um proprietário de restaurante, enquanto a jovem era filha da dona de um tradicional bar na cidade. O outro motociclista também residia em Tauá e foi identificado como Alex Sales.

Acidente de carro em Horizonte deixa seis feridos em estado grave

foto acidente 160903 horizonte

Na manhã deste sábado (3), um carro do modelo Ecosport e uma carreta colidiram na BR-116, na região do distrito de Catolé, em Horizonte (CE), e deixou seis feridos em estado grave.

Algumas vítimas foram levadas para a Unidade de Pronto Atendimento (Upa) em Horizonte e outras em estado mais grave foram encaminhadas para o Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda não revelou as causas do acidente.

(O POVO Online / Foto: PRF)

Ônibus tomba e deixa dois mortos e 31 feridos na Serra da Ibiapaba, no Ceará

Um homem de 37 anos e uma criança de 10 anos morreram no acidente envolvendo um ônibus que levava um time de futebol amador e familiares, na Serra da Ibiapaba, nesse sábado (30). Pelo menos 31 pessoas ficaram feridas, seis delas em estado grave.

Conforme a Polícia Militar (PM), o veículo perdeu o controle e sobrou na curva do São Cristóvão, caindo em um barranco, a aproximadamente dez metros de altura, numa região conhecida como Ladeira da Lapa, na CE-321, entre os municípios de São Benedito e Graça, no interior do Ceará.

A criança de dez anos, identificada como Ivanildo Lima Soares, viajava com o pai na parte frontal do ônibus e foi arremessada do veículo. O outro óbito confirmado é de Genildo Galdino Lima, 37. De acordo com informações repassadas à Polícia, ele era motorista e jogava na equipe amadora de veteranos. O time é de Barreiro, distrito de São Benedito.

(O POVO Online)