Blog do Eliomar

Categorias para Atletismo

Brasil é campeão mundial do revezamento 4×100 no Japão

A seleção brasileira masculina de atletismo 4×100 m, formada por Rodrigo Nascimento, Jorge Vides, Derick Souza e Paulo André de Oliveira, venceu a final do mundial da categoria, com o tempo de 38.05, a melhor marca do mundo este ano.

O resultado histórico ocorreu neste domingo (12) no Estádio Internacional de Yokohama, no Japão. Os brasileiros superaram os Estados Unidos, com Michael Rodgers, Justin Gatlin, Isiah Young e Noah Lyles, por 2 centésimos de segundo (38.07). A Grã-Bretanha ficou em terceiro, com 38.15.

Os velocistas brasileiros, que são treinados por Felipe de Siqueira da Silva, fizeram todas as passagens de bastão sem erro, peermitindo a Paulo André fechar a prova na primeira colocação, assegurando a histórica vitória.

Com o resultado, o Brasil volta a figurar entre as grandes equipes. Os quartetos nacionais têm três medalhas olímpicas: prata em Sydney 2000, bronze em Atlanta 1996 e bronze em Pequim e duas em Mundiais: prata em Paris 2003 e bronze em Sevilha 1999.

O Estádio Internacional de Yohohama, em 2002, foi palco também de outra grande vitória do esporte brasileiro. Foi lá que a seleção brasileira de futebol conquistou o pentacampeonato mundial de futebol.

(Agência Brasil)

10 anos depois – COI comunica oficialmente medalha do atletismo do Brasil em Pequim

Os atletas brasileiros Vicente Lenílson, Sandro Viana, Bruno Barros e José Carlos Gomes Moreira (Codó), que disputaram o revezamento masculino 4x100m rasos dos Jogos Olímpicos Pequim 2008, vão receber medalhas de bronze da prova. A equipe da Jamaica, composta por Usain Bolt, Nesta Carter, Michael Frater e Asafa Powell, que tinha conquistado a primeira colocação naquela competição, foi desqualificada.

A mudança foi comunicada oficialmente hoje (7) pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) ao Comitê Olímpico do Brasil (COB). Na prova disputada no Ninho do Pássaro, a equipe do Brasil terminou em quarto lugar. Trinidad e Tobago, que ficou em 2º lugar, vai herdar o ouro; e o Japão, que foi o 3º, receberá a medalha de prata.

O motivo foi a confirmação de doping de Nesta Carter, que disputou as eliminatórias e as finais da competição pelo país da América Central. A desclassificação da Jamaica já havia sido anunciada desde janeiro do ano passado pelo COI.

Um parecer da Comissão Disciplinar do COI e da Corte Arbitral do Esporte (CAS) favorável à desqualificação da equipe jamaicana e, ainda, a reclassificação da Associação Internacional de Federações de Atletismo foram a base para a alteração no pódio em Pequim 2008.

As medalhas ainda estão de posse do Comitê Olímpico Internacional. A data para a entrega do prêmio e a definição de como será a cerimônia ainda serão definidas pelo COB e os atletas brasileiros.

O presidente do COB, Paulo Wanderley, reconheceu que houve demora na decisão, mas considerou que valeu a pena a espera. “Parabéns aos atletas brasileiros que, justamente, receberão suas medalhas. Não é a situação ideal esperar tanto tempo, mas, no final das contas, o treinamento e esforço que fizeram será recompensado”, disse.

Antes disso, a equipe feminina de 4x100m de 2008, formada pelas atletas Lucimar Moura, Rosangela Santos, Rosemar Coelho Neto e Thaissa Presti, havia recebido a medalha de bronze com a desclassificação, também por dopping, da Rússia, que tinha ficado com o ouro.

De acordo com o COB, com as alterações, o Brasil chega a 17 medalhas conquistadas nos Jogos Olímpicos Pequim 2008, sendo 3 de ouro, 4 de prata e 10 de bronze.

(Agência Brasil)

Dilma olímpica

270 1

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quinta-feira (14):

A presidente Dilma Rousseff vai conhecer o Centro de Formação Olímpica do Nordeste quando passar pelo Ceará entre 21 e 22 próximos. A informação é do secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa.

O Centro, projeto de R$ 226 milhões, será o maior do gênero no País e contará com 26 modalidades olímpicas, ocupando uma área de 85 mil metros quadrados no entorno da Arena Castelão. Terá um ginásio para até 20 mil pessoas destinado a eventos esportivos e shows.

O projeto está hoje com 10% da obra executada, segundo o superintendente do Departamento de Arquitetura e Engenharia (DAE), Quintino Vieira. É para ficar pronto em novembro de 2014.

Campeão de salto em altura integra equipe do Colégio Militar em certame nacional

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=zHTRz1Mqv2Q&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O Colégio Militar de Fortaleza participa, até o próximo dia 20, em Campinas (SP), dos VII Jogos da Amizade dos Colégios Militares. Ao todo, participarão representando o Ceará oitenta alunos. Eles competirão em oito modalidade que envolverão atletas dos 12 estabelecimentos do gênero do País.

O destaque da equipe do Colégio Militar de Fortaleza, que embarcou nesta tarde para Campinas, é Italo Hanz (16), campeão brasileiro de salto em altura infanto-juvenil. O recorde dele é de 2 metros e 30 centímetros. Hans quer bater esse recorde no certame e fazer bonito, pois sonha em se efetivar na equipe brasileira de atletismo.

 

Dirigente cearense na Seleção Brasileira

344 2

Será realizado no período de 19 a 25 de julho deste mês em Moncton, no Canadá, o Campeonato Mundial de Atletismo Juvenil. Na delegação brasileira, seguiu o professor Américo Ximenes, presidente da Federação Cearense de Atletismo. Ele estará presidindo a delegação brasileira composta por atletas, técnicos e comissão médica, profissionais esses de diversos Estados, principalmente do eixo São Paulo-Rio.

A convocação do professor Américo Ximenes demonstra o reconhecimento, em pouco mais de uma ano do seu trabalho à frente da entidade local.