Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

UFC abre concurso para professor efetivo em Fortaleza, Sobral e Russas

A Universidade Federal do Ceará recebe, a partir da próxima segunda-feira (11), inscrições para editais que, juntos, ofertam seis vagas de professor adjunto-A, em regime de trabalho de 40 horas semanais e dedicação exclusiva. Conforme o Edital nº 164/2016 (http://goo.gl/mXTJF1), há vagas nos setores de estudo “Língua Inglesa e Prática de Ensino”, “Língua Espanhola e Ensino” (com inscrições até 9 de agosto) e “Sistemas Elétricos de Potência” (com inscrições até 24 de agosto), todas em Fortaleza.
Já o Edital nº 165/2016 (http://goo.gl/nY8KLS), com inscrições até 9 de agosto, oferta outras três vagas, destinadas aos campi do Interior. Em Sobral, a oportunidade se destina ao setor de estudo “Saúde Coletiva / Evidência Científica”, para o Curso de Odontologia, enquanto em Russas há vagas nos setores de estudo “Projeto e Desenho de Máquina”, na área de Engenharia Mecânica e Engenharia e Ciência dos Materiais, e “Álgebra Linear e Cálculo”, na área de Matemática.
Para concorrer às vagas dos dois editais, é necessário apresentar título de doutor. Outros detalhes sobre os certames, como local e taxa de inscrição e remuneração, estão disponíveis nos editais, publicados no site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFC:http://goo.gl/dMMBUl.
(Site da UFC)

Trabalhadores da Chesf do Ceará entram em greve na próxima segunda-feira

Os trabalhadores da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) no Ceará vão entrar em greve, por tempo indeterminado, a partir da próxima segunda-feira. A decisão foi tomada em assembleia geral da última quarta-feira e atende às exigências da legislação. O calendário de paralisação está unificado com a luta dos trabalhadores do sistema Eletrobras.

Durante a paralisação, os trabalhadores estarão concentrados na entrada da sede da Gerência Regional Norte (GRN) da Chesf, em Fortaleza (Avenida Presidente Costa e Silva, 4677, Mondubim). Também haverá mobilização na Subestação Delmiro Gouveira (Avenida Alberto Craveiro, 999, Dias Macedo) e na Chesf de Milagres.

Além da reivindicação por um Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2016/2017 e pela Participação nos Lucros e Resultados (PLR) 2015 condizentes com os anseios dos trabalhadores, a pauta inclui a luta contra a privatização do setor elétrico, movimento que tem sido sinalizado pelo governo golpista de Michel Temer (PMDB).

Ex-mulher de Collor pode ter na justiça a penhora do salário dele

collorido

O ex-presidente e hoje senador Fernando Collor tem mais uma dor de cabeça para enfrentar na Justiça além da Operação Lava-Jato: a defesa da sua ex-mulher Rosane Collor acaba de pedir a penhora do seu salário de senador na 27ª Vara de Família de Alagoas.

Uma decisão transitada em julgado no Superior Tribunal de Justiça obriga Collor a ceder a Rosane dois apartamentos de R$ 3,4 milhões, dois carros Toyota Corolla zero quilômetro, R$ 700 mil e uma pensão de 30 salários mínimos.

Se no próximo dia 8 de agosto Collor não aceitar pagar o que deve, a Justiça irá arrestar seus bens.

(Coluna Radar, da Veja Online)

Marina Silva vem participar de ato da pré-campanha do prefeiturável socialista Heitor Férrer

159 1

marii-550x366

Em 2012, ela apoiou Heitor Férrer.

O presidente do diretório estadual da Rede, advogado Dimas Oliveira, encontra-se m Brasília neste sábado. Ele participa de reunião do diretório nacional do partido e apresentará bases do acordo fechado com o pré-candidato a prefeito de Fortaleza pelo PSB, deputado estadual Heitor Férrer.

Dimas informará que ele estará como vice na chapa de Heitor, deixando claro que foi “uma decisão com o apoio unânime dos membros do diretório estadual.”

Em Brasília, Dimas Oliveira acertará com Marina Silva uma data para ela vir a Fortaleza participar de um ato de pré-campanha.

DETALHE – Marina Silva já havia apoiado Heitor Férrer na eleição municipal passada (2012) e concorreu às últimas eleições presidenciais pelo PSB. Logo, é caso antigo.

FHC faz implante de marca-passo

fhcchega2

“O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, de 85 anos, fez hoje (9) uma operação para implante de marca-passo, aparelho usado para corrigir o ritmo cardíaco.

Segundo a assessoria de imprensa do ex-presidente, a operação foi bem sucedida e Fernando Henrique Cardoso passa bem.

A cirurgia para o implante foi realizada às 9h no Hospital do Coração, na capital paulista. O ex-presidente foi levado ao quarto às 10h30, onde deve permanecer até receber alta médica. A previsão é que Fernando Henrique deixe o hospital ainda hoje.”

(Agência Brasil)

Michel Temer manda carta ao Congresso Nacional com críticas à gestão de Dilma Rousseff

“O presidente interino Michel Temer escreveu uma carta ao Congresso Nacional na qual diz que possui compromisso com os programas sociais e critica a gestão da presidenta afastada Dilma Rousseff. No documento, enviado nesta sexta-feira (8) aos parlamentares, Temer diz que melhorias em programas como o Bolsa Família e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) são prioridade do seu governo.

Ao citar o reajuste de 12,5% que será concedido ao benefício médio do Bolsa Família neste mês, o presidente interino mencionou os valores e disse que o aumento “é superior aos 9% anunciados em maio e não concretizados pela gestão anterior e está acima da inflação dos últimos 12 meses”.

De acordo com Temer, foram repassados mais de R$ 200 milhões para 2.650 prefeituras que atendem crianças beneficiadas com o programa em creches. “Estamos honrando os compromissos que não foram cumpridos no governo anterior e liberando a segunda parcela do que deveria ter sido pago em 2015”, disse.

Segundo o presidente interino, o governo trabalha “incessantemente” para que as famílias melhorem sua renda e deixem de depender do Bolsa Família. Ele afirmou também que tem atuado para “aperfeiçoar os mecanismos de transferência de renda para a população mais pobre”.

“Não podemos permitir que estes importantes benefícios tenham sua trajetória desviada e, para isso, determinei uma atualização do cadastro de beneficiários, fazendo com que os recursos cheguem efetivamente para aqueles que realmente precisam”, escreveu.

Segundo a mensagem, o governo tem priorizado também a educação ao autorizar a criação de 75 mil vagas no Fies e a destinação dos recursos faz parte do entendimento de que a diminuição da desigualdade no país passa pela educação. “Para esse governo, a educação é fundamental para o País. Por isso, ampliando as ações nessa área, liberamos R$ 700 milhões para programas destinados à educação”, diz.”

(Agência Brasil)

Expocrato será aberta neste domingo. Camilo, Safadão e Aviões constam na programação

 

foto camilo governo ceará

O governador Camilo Santana (PT) vai abrir, neste domingo, a ExpoCrato 2016. Trata-se da maior exposição agropecuária do Ceará e uma das maores do Nordeste, que ocupara espaços no Parque Felício Cavalcante da cidade do Crato  (Região do Cariri).

Até o dia 17, haja festa, que envolverá animais de raça, parque de diversões, feira de roupas e acessórios, exposição de cachorros e, ainda, dezenas de shows com atrações locais e nacionais.

A expectativa para este ano, segundo os organizadores, é de cerca de 300 mil pessoas circulem pela Expocrato, entre a feira agropecuária e os shows.

avioes

Em matéria de atrações, serão 25, num grande mix de sons e ritmos. Do reggae da Tribo de Jah e do Planta e Raiz, ao pop rock do Biquini Cavadão, passando pelo sertanejo romântico de Bruno & Marrone e Luan Santana. Entre as estrelas também brilham nomes como Aviões do Forró, Banda Magníficos, Dorgival Dantas e Wesley Safadão.

SERVIÇO

*Parque de Exposições Pedro Felício Cavalcante (Rua Rui Barbosa, 267, Crato)

*Programação completa – facebook.com/ExpocratoOficiall.

MP diz que pedalada no BNDES não é crime

dilma-positivo

A Procuradoria da República no Distrito Federal entendeu que os atrasos em repasses do Tesouro Nacional para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), uma das “pedaladas” do governo Dilma Rousseff, não foram empréstimos ilegais. A conclusão consta de despacho do procurador Ivan Marx, no qual ele arquiva procedimento aberto para apurar se houve crime de integrantes da equipe econômica nessas operações específicas.

O procurador ainda vai se manifestar sobre outras manobras atribuídas à gestão da petista, inclusive os atrasos na transferência de recursos do Plano Safra para o Banco do Brasil – um dos fundamentos formais do processo do impeachment. Ele adianta que, nesse caso, sua posição deve ser a mesma. “Foi muito similar (a prática) e, possivelmente, eu vá dizer que não existe (crime).”

Os argumentos do parecer coincidem com os apresentados pela defesa da presidente afastada na Comissão do Impeachment e devem reforçar o discurso dos que apoiam a permanência dela no cargo. Recentemente, peritos nomeados pelo Senado concluíram também que Dilma não teve participação direta ao autorizar as pedaladas, embora tenha assinado decretos de suplementação orçamentária supostamente ilegais.

À reportagem, Ivan Marx lamentou que o Ministério Público Federal (MPF) não tenha sido ouvido no processo de impeachment. “Quem tem atribuição de dizer se determinada prática é crime ou improbidade é o MPF. É o único ator que não foi chamado a depor na comissão.”

As pedaladas foram atrasos no repasse de recursos para bancos públicos bancarem obrigações do governo com programas sociais e empréstimos subsidiados. Com isso, os saldos das contas desses programas ficaram negativos nas instituições, que tiveram que cobrir os gastos com o dinheiro depositado pelos correntistas. Para o Tribunal de Contas da União (TCU), esses atrasos configuraram empréstimos ilegais entre os bancos e seu controlador, a União, porque não foram autorizados pelo Legislativo.

Ao retardar os pagamentos, o governo também indicava que suas despesas naqueles períodos eram menores, produzindo um resultado fiscal artificial.

O BNDES é o gestor do Programa de Sustentação do Investimento (PSI), que empresta dinheiro a grandes empresas a juros mais baixos que os de mercado. A diferença entre as taxas é coberta pelo Tesouro, que não fazia os repasses conforme pactuado.

Para Ivan Marx, não houve crime nesse caso porque a manobra do governo não se enquadra precisamente no conceito de operação de crédito previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal. “O conceito legal não pode ser ampliado em respeito ao princípio da legalidade estrita. Além disso, o direito penal é indene de dúvidas de que resulta vedada a analogia prejudicial ao réu”, alegou.

O procurador argumenta que houve “um simples inadimplemento contratual, quando o pagamento não ocorre na data devida”. “Entender de modo diverso transformaria qualquer relação obrigacional da União em operação de crédito, dependente de autorização legal, de modo que o sistema resultaria engessado. E essa, obviamente, não era a intenção da Lei de Responsabilidade Fiscal”, argumenta.

Ivan Marx sustenta que, embora as pedaladas do BNDES não sejam crime, elas serviram ao propósito do governo de maquiar o resultado fiscal, o que configura improbidade administrativa, um tipo de delito civil. As autoridades responsáveis devem, portanto, responder a ação a respeito.

Nos próximos dias, Ivan Marx decidirá se arquiva ou apresenta denúncia criminal contra integrantes da equipe econômica de Dilma sobre as pedaladas do Plano Safra; dívidas no pagamento de tarifas e taxas à Caixa Econômica Federal; e procedimento indevido do Ministério das Cidades ao registrar em restos a pagar dívidas referentes ao Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV). Nesses três casos, o TCU viu ilegalidades.”

(Estadão Conteúdo)

Temer planeja viagem à China para fechar acordo de cooperação na área do comércio

Discurso de Temer deve durar 10 minutos

Discurso de Temer deve durar 10 minutos

“O presidente em exercício Michel Temer planeja ir à China em setembro para assinar documento de cooperação de comércio e serviços. Em visita ao país para participar do encontro de ministros de Comércio do G20, o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, tratou da viagem com o ministro de Comércio chinês, Gao Hucheng. Segundo o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Hucheng confirmou ao ministro a preparação para receber Temer.

Marcos Pereira discutiu com o ministro chinês também a aceleração da assinatura do contrato de compra de dez aeronaves da Embraer e a autorização de importação das 18 unidades restantes no contrato para aquisição de 40 aeronaves assinado em 2014, com previsão de entrega entre 2018 e 2021. Ele pediu ainda que o país asiático flexibilize a exigência de tratamento de contêineres brasileiros devido ao zika vírus. Segundo o ministro, as sanções penalizam empresários brasileiros.

O encontro de ministros de Comércio do G20 ocorre de amanhã (9) a domingo (10). Na agenda de Pereira, também estão previstos encontros bilaterais e visitas a empresas chinesas no setor de tecnologia e informação.

Até o momento, além do ministro de Comércio chinês, Marcos Pereira se reuniu com os ministros da Produção da Argentina, Francisco Cabrera; do Comércio Exterior e Cooperação dos Países Baixos, Liliane Ploumen e com a comissária de Comércio da União Europeia, Cecilia Malmstrom.

A viagem do presidente em exercício ocorrerá caso o impedimento da presidenta afastada Dilma Rousseff torne-se definitivo após o julgamento final pelo plenário do Senado previsto para o fim de agosto.”

(Agência Brasil)

O presidente do STF e sua tropa de choque em busca de reajuste salarial

01_ricardo-lewandowski

Senadores comentavam no plenário, nesta semana, sobre a pressão que estão recebendo dos presidentes dos tribunais de Justiça e desembargadores de seus Estados para que os salários dos ministros do Supremo Tribunal Federal sejam reajustados de R$ 33.763,00 para R$ 39.293,38.

Com isso, eles seriam beneficiados com o efeito cascata.

Mas os juízes confessaram aos senadores que fizeram isso a mando do próprio presidente do STF, Ricardo Lewandowski, que tem ligado para eles pedindo que façam o corpo a corpo com os senadores.”

(Veja Online)

Cantor Almir Sater fará apresentação em Fortaleza

saterrr

O cantor e compositor Almir Sater fará apresentação única no dia 9 de outubro próximo, no Teatro RioMar. O artista acertou essa agenda nesta sexta-feira com a Opus Promoções. Acertou também shows em Porto Alegre, Novo Hamburgo, Recife e Natal.

Almir Sater é também instrumentista, violeiro e ator com participações em novelas como Pantanal, O Rei do Gado e Bicho do Mato.

Entre os sucessos de sua carreira, canções como “Tocando em frente”, “Chalana”, e “um Violeiro Toca”, que falam das belezas e da vida no interior.

Ministro da Defesa descarta entrada de terroristas no Brasil

jung

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou hoje (8) que nenhum suspeito de terrorismo conseguirá entrar no Brasil por portos e aeroportos sem ser monitorado. O país tem trabalhado com agências de inteligência estrangeiras e, segundo o ministro, terá o primeiro centro internacional de inteligência criado especialmente para os Jogos Olímpicos 2016.

“Não há possibilidade de algum suspeito terrorista utilizar portos e aeroportos para chegar ao Brasil sem que seja do nosso conhecimento. Evidentemente existem outras vias, mas elas também estão sendo monitoradas”.

O ministro acompanhou a organização operacional da Brigada Paraquedista para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, no 26° Batalhão de Infantaria Paraquedista. A revista à tropa ocorreu na Vila Militar, zona oeste do Rio de Janeiro.

Jungmann também afirmou que o país será incansável em buscar e punir responsáveis por ações terroristas, caso elas ocorram.

“O Brasil é um país pacífico, mas não é um país desarmado. Sabe se defender e sabe contra-atacar. Se porventura algo vier a acontecer que não seja do nosso conhecimento, seremos incansáveis e implacáveis até encontrar e punir”.

Ao todo, 2,4 mil militares e mais de 300 viaturas foram apresentadas ao ministro. Os paraquedistas atuarão como força de contingência nos Jogos, auxiliando as forças de segurança em caso de esgotamento de suas capacidades.

O Rio de Janeiro terá mais de 21 mil militares das Forças Armadas dedicados à segurança dos Jogos Olímpicos. O contingente deve diminuir para durante a Paralimpíada, com previsão de menor demanda por segurança pela participação de menos competidores e espectadores.

Inicialmente, estavam previstos 18 mil militares no Rio de Janeiro, mas um pedido do governador em exercício, Francisco Dornelles, ampliou o número e a área de atuação. Os militares devem patrulhar vias expressas, o Aeroporto do Galeão, sete estações ferroviárias e partes da orla.

Jungmann afirmou que os homens estão preparados para atuar no policiamento ostensivo, porque são os mesmos que atendem a pedidos dos governos estaduais nos últimos anos.

A ação terá início no dia 24, quando será aberta a Vila dos Atletas. No dia 15, todo o contingente já deve estar na cidade para participar do último ensaio geral de segurança, que se estende até o dia 22.

Para amanhã, estão previstos treinamentos militares em diversos pontos da cidade. O Exército fará um reconhecimento na inauguração da Transolímpica. A Marinha fará manobras na Praça Mauá, em Copacabana e no Aterro do Flamengo, e a Aeronáutica, nos arredores do aeroporto internacional.

(Agência Brasil)

Lula não vem mais ao Ceará e pré-candidatura de Luizianne Lins sofre adiamento

432 10

(FILES) This file photo taken on August 29, 2015 shows Brazilian former president (2003-2011) Luiz Inacio Lula Da Silva participating in the 12th Congress of the Brazilian Workers Union (CUT) in Belo Horizonte, Brazil, on August 28, 2015. Brazil police search home on March 4, 2016 of ex-president Lula da Silva in corruption probe. / AFP / DOUGLAS MAGNO

Está cancelada a visita que o ex-presidente Lula faria ao Ceará na próxima terça-feira. A informação é o deputado federal José Nobre Guimarães.

Segundo o parlamentar, o cancelamento se deve à agenda movimentada na próxima semana da Câmara, que exigirá sua presença e articulações de Lula e do PT nacional em torno da eleição do novo presidente da Casa.

Guimarães é o líder da minoria e Lula considerou importante que ele esteja em Brasília para acompanhar esse processo sucessório. Na segunda-feira, pela manhã, haverá reunião da bancada federal petista e articulações com o objetivo de se eleger “um nome que possa fazer a Câmara recuperar sua imagem e seu calendário de trabalho”, disse o petista.

O cancelamento da viagem deixou em clima de molho o pré-lançamento da candidatura da deputada federal Luizianne Lins à Prefeitura de Fortaleza. Ela divulgava a presença de Lula para evento que ocorreria no Hotel Praia Centro na noite de terça-feira.

Waldemir Catanho, da coordenação da futura campanha, informa que o pré-lançaento sofre assim adiamento, mas deverá ocorrer em data a ser acertada e com a presença de Lula.

Também estava na programação de Lula no Estado uma ida dele ao Cariri para lançar, em Barbalha, pré-candidatos petistas às Prefeituras de Barbalha, Crato e Juazeiro do Norte. No Crato, o ex-presidente Lula receberia título de Doutor Honoris Causa da Universidade Regional do Cariri (Urca) Tudo deverá ser remarcado.

Jornada de trabalho de 80 horas semanais é defendida pela CNI

Após mais de duas horas de reunião com o presidente interino Michel Temer e com cerca de 100 empresários do Comitê de Líderes da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, disse hoje (8) que, para o governo melhorar a situação do déficit fiscal, serão necessárias “mudanças duras” tanto na Previdência Social quanto nas leis trabalhistas.

Temer deixou o evento sem falar com a imprensa. Em entrevista depois do encontro, Robson Andrade sugeriu que o Brasil adote iniciativas similares às do governo francês, que, de forma independente do Parlamento, conseguiu autorizar uma carga horária de até 80 horas semanais e de 12 horas diárias para os trabalhadores.

“Um déficit de R$ 139 bilhões [para 2017]. Acho que foi uma demonstração de responsabilidade do governo apresentar as dificuldades que têm e o esforço que será feito para contornar essas dificuldades”, afirmou o presidente da CNI.

Segundo ele, ao considerar que, em 2016, o déficit será R$ 170 bilhões, a conclusão é que haverá, em algumas áreas, crescimento de despesas governamentais. “É claro que a iniciativa privada está ansiosa para ver medidas duras, difíceis de serem apresentadas. Por exemplo, a questão da Previdência Social. Tem de haver mudanças na Previdência Social. Caso contrário, não teremos no Brasil um futuro promissor”, acrescentou.

Robson Andrade defendeu também a implementação de reformas trabalhistas. Para ele, o empresariado está “ansioso” para que essas mudanças sejam apresentadas “no menor tempo possível”.

“Vimos agora o governo francês, sem enviar ao Congresso Nacional, tomar decisões com relação às questões trabalhistas. No Brasil, temos 44 horas de trabalho semanal. As centrais sindicais tentam passar esse número para 40. A França, que tem 36 passou, para a possibilidade de até 80 horas de trabalho semanal e até 12 horas diárias de trabalho. A razão disso é muito simples. A França perdeu a competitividade de sua indústria com relação aos demais países da Europa. Agora, está revertendo e revendo suas medidas, para criar competitividade. O mundo é assim e temos de estar aberto para fazer essas mudanças. Ficamos ansiosos para que essas mudanças sejam apresentadas no menor tempo possível”, argumentou o empresário.

Robson Braga de Andrade reiterou a posição da CNI, contrária ao aumento de impostos.

“Somos totalmente contra qualquer aumento de imposto. O Brasil tem muito espaço para reduzir custos e ganhar eficiência para melhorar a máquina pública antes de pensar em qualquer aumento de carga tributária. Acho que seria ineficaz e resultaria, neste momento, na redução das receitas, uma vez que as empresas estão em uma situação muito difícil”, disse ele.

Também presente no evento, a presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Maria Silvia Bastos Marques, informou que o banco investiu R$ 6 bilhões em inovação nos últimos dois anos.

Maria Silvia defendeu o diálogo cada vez maior com o setor privado. “Inovação é uma das prioridades do banco. Produtividade e competitividade são fundamentais para a retomada do crescimento sustentável”, disse a presidente do BNDES.

Também participando do encontro, Ricardo Felizzola, presidente do Grupo Parit – holding de investimentos que controla as empresas Altus Sistemas de Automação S/A, Teikon Tecnologia Industrial S.A e HT Micron Semicondutores Ltda – disse que o Brasil precisa aumentar o apoio e financiamento em inovação tecnológica para aumentar a competitividade.

A MEI, com quem Temer se reuniu, agrega mais de 100 líderes empresariais das maiores empresas do país. Com o objetivo de formular propostas de políticas públicas e estimular e construir nas empresas um ambiente em que a inovação ocupe um papel central de forma a gerar empregos e inserir de forma mais efetiva a indústria brasileira nas cadeias globais de valor.

Para 2016, a MEI tem como agenda prioritária a atualização do marco regulatório da inovação, o aperfeiçoamento do marco institucional da inovação, aprimoramento dos mecanismos de financiamento à inovação, estruturação da inserção global de empresas brasileiras via inovação, modernização do currículo das engenharias e o fortalecimento da atuação de pequenas e médias empresas inovadoras.

(Agência Brasil)

Justiça Federal determina multa contra a União e favorece empresa de telefonia

“Em uma decisão rara, a Justiça Federal determinou que a União pague uma multa de R$ 100 mil a uma empresa do setor de telecomunicações de São Paulo.

O motivo da condenação foi a demora da Receita Federal em consolidar os débitos do contribuinte no Refis — programa de parcelamento de dívidas tributárias, com desconto em multas e juros.”

(Valor Econômico)

O caso Dom Aldo e as lições da imprensa

165 1

domaldo

Com o título “O caso Dom Aldo e as lições da imprensa”, eis boa reflexão sobre o papel da imprensa brasileira que o jornalista e sociólogo Demétrio Andrade faz neste instigante artigo. Confira:

A imprensa brasileira, vem, há alguns anos, sendo abastecida por um sem número de manchetes bombásticas. Mensalão, manifestações de rua, Petrolão, Lava-Jato: a lista é imensa. Mas a profusão não para. O Vaticano anunciou, dia 6 de junho, que o papa Francisco aceitou a renúncia do arcebispo da Paraíba, após uma investigação da Santa Sé sobre um escândalo de pedofilia. Dom Aldo Di Cillo Pagoto, bem conhecido dos cearenses por ter sido bispo de Sobral, estava à frente da Igreja Católica na região de João Pessoa há 12 anos.

A imprensa italiana afirmou que o religioso ítalo-brasileiro de 66 anos é suspeito de ter abrigado em sua diocese padres e seminaristas acusados de abusar sexualmente de menores e expulsos por outros bispos. Ele também manteria uma relação com um rapaz de 18 anos. Em sua carta de renúncia, Dom Aldo afirma que cometeu erros “por confiar demais, numa ingênua misericórdia”. “Acolhi padres e seminaristas, no intuito de lhes oferecer novas chances na vida. Entre outros, alguns egressos, posteriormente suspeitos de cometer graves defecções, contrárias à idoneidade exigida no sagrado ministério”, prossegue.

Evidentemente, tal notícia é um choque para a comunidade cearense, notadamente a católica. Ganha maior repercussão ainda pelo fato de Dom Aldo ter sido voz ativa – na Igreja, na política e na sociedade de forma geral –, sempre com opiniões firmes, por vezes polêmicas. A boa nova é a cruzada operada pelo papa Francisco pelo afastamento de padres culpados por negligência envolvendo casos de pedofilia dentro da Igreja. Filmes como o recém oscarizado “Spotlight” e outros, como excelente “Dúvida”, por exemplo, ajudaram a trazer este debate delicado à tona.

Sem entrar no mérito da denúncia, chamou-me a atenção algumas características da cobertura da imprensa, bem como as reações das pessoas na mídias sociais. Sobre as notícias, novamente, assim como em todos os demais casos citados no início deste texto, vejo os veículos reverberarem conteúdos de assessoria de comunicação. A imprensa, de uma forma geral, virou reprodutora das investigações alheias, abdicando de criar e se responsabilizar por suas próprias pesquisas. Quem assistir “Spotlight” vai ver amplo e minucioso trabalho de uma equipe de repórteres, cena cada vez mais rara por aqui.

Sobre a repercussão na internet, acompanhei o mesmo destempero nos julgamentos, coisa comum quando a pauta é política, com a velha dicotomia do “contra” e “a favor” funcionando novamente. Com uma grave diferença: vi defensores da imagem de Dom Aldo pedindo cautela e cuidado, solicitando “ouvir o outro lado”, requisitando paciência para saber do desenrolar das investigações. Acho isso ótimo. Muitas destas pessoas, anteriormente, não hesitaram em destruir reputações de investigados, principalmente políticos, julgando precipitadamente, se informando mal ou repassando boatos. Quem sabe agora, por força do interesse religioso, consigam demonstrar o mesmo respeito pelo outro, independentemente do credo, cor, opção política ou classe social.

*Demétrio Andrade,

Jornalista e sociólogo.

ProUni – Estudantes não pré-selecionados podem aderir à lista de espera

“Os estudantes que não foram pré-selecionados para as bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) podem aderir à lista de espera a partir de hoje (8). A adesão deve ser feita no site do programa até segunda-feira (11). A lista será usada pelas instituições de ensino para ocupar as bolsas que não foram preenchidas nas etapas anteriores.

A relação dos candidatos participantes da lista de espera será divulgada no dia 14 de julho. Os estudantes incluídos na lista deverão comparecer aos estabelecimentos de ensino, de 18 e 19 de julho, e entregar a documentação que comprova as informações prestadas na inscrição.

Pode participar da lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à primeira opção, o candidato que não foi pré-selecionado nas chamadas regulares e os pré-selecionados na segunda opção de curso, reprovados por não formação de turma.

Para o curso correspondente à segunda opção, pode participar da lista de espera apenas o candidato que não foi pré-selecionado nas chamadas regulares, na hipótese de não ter ocorrido formação de turma na primeira opção; os que não foram pré-selecionados nas chamadas regulares, na hipótese de não haver bolsas disponíveis na primeira opção; e os pré-selecionados na primeira opção de curso, reprovados por não formação de turma.

Pelo ProUni, os estudantes podem concorrer a bolsas de estudo parciais e integrais em instituições particulares de educação superior, com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para a edição do segundo semestre de 2016 foram oferecidas 125.442 bolsas. Do total, 68.350 são parciais (50% da mensalidade) e 57.092, integrais. O sistema recebeu 1.215.768 inscrições de 627.978 participantes. Cada candidato pôde se inscrever em até dois cursos.”

(Agência Brasil)

Anac quer debater franquia de bagagens com OAB

“Depois que o presidente da OAB ameaçou publicamente ir à Justiça contra resolução da Anac que acaba com a franquia de bagagens, a agência convidou a Ordem dos Advogados para debater o tema em um seminário.

Lamachia avalia que a medida prejudica os consumidores e pode aumentar o preço das passagens.

Nos últimos meses, ele já comprou briga contra outra agência, a Anatel, que pretende liberar as empresas para limitarem a banda larga dos internautas brasileiros.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Ministro quer conhecer programa cearense de apoio à energia solar

odilonn

Odilon e o ministro Fernando Bezerra Coelho Filho.

O deputado estadual Odilon Aguiar (PMB) aproveitou a visita do ministro das Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho, nessa quinta-feira, à capital cearense, e apresentou um projeto de sua autoria que estimula toda a cadeia produtiva de energia sustentável.

Trata-se do Programa Cearenses de Desenvolvimento Sustentável (Procedes), que foi aprovado por unanimidade pela Assembleia Legislativa e já encaminhado para o Executivo.

Numa conversa com o ministro na sede do Banco do Nordeste, expôs detalhes, no que Fernando Bezerra Coelho destacou como importante esse programa e disse que conheceu a usina de energia solar implantada em Tauá quando Odilon era prefeito daquele município.

Fernando Bezerra solicitou ao deputado que o Procedes fosse apresentado com maior profundidade em seu gabinete em Brasília, o que deverá acontecer nos próximos dias.

(Foto – BNB)