Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Fortaleza X Vila Nova – Divisor de águas

O Fortaleza pega nesta sexta-eira, a partir das 21h30min, na rena Catelão, o Vila Nova O jogo promete ser divisor de águas para o Leão que, nas últimas partidas, não tem atuado bem, o que desagrada a torcida e mesmo mantendo a liderança na Série B.

O narrador e comentarista esportivo Evaristo Nogueira, o “Homem Mau”, do Timão da Rádio O POVO/CBN, espera que o Fortaleza saia com a vitória e espante a crise.

Especialista diz que urnas eletrônicas podem ser fraudadas

285 1

Diego Aranha, professor de Engenharia da Computação da Unicamp e da Universidade de Aarhus, na Dinamarca, é um ferrenho defensor da tese de que é possível fraudar as urnas eletrônicas – mesmo que improvável dada a complexidade do sistema.

E Jair Bolsonaro, que começou a levantar essa bola nos últimos dias, sabe disso.

Correligionários começaram a repercutir falas de Aranha neste sentido. Em uma recente palestra, ele chegou a mostrar como hackear as urnas para se votar em Darth Vader, icônico vilão da saga Star Wars.

(Veja Online)

Fundação Mokiti Okada promove exposição e curso de ikebana em Fortaleza

Rachel Pessoa é da fundação.

A Fundação Mokiti Okada promove, neste fim de semana, em Fortaleza, atividades em homenagem ao Dia Nacional da Arte da Ikebana Sanguetsu. Nesta sexta e sábado, no Center Um, haverá curso sobre a arte da ikebana e horta caseira, além da distribuição gratuita de mini-ikebana entre os visitantes. Essa fundação é o braço cultural da Igreja Messiânica no Brasil.

Já neste domingo, no Jardim Japonês, na avenida Beira Mar, essas mesmas atividades vão se repetir a partir das 16 horas. Haverá, também a prática do o Johrei (método de canalização de energia espiritual, para a purificação do espírito), e distribuição gratuita de vasos com sementes orgânicas, que buscam incentivar a implantação de hortas caseiras em domicílios urbanos e rurais com o método da Agricultura Natural (método agrícola para o cultivo natural de alimentos, que preconiza o conceito de que a fertilização do solo consiste em fortalecer determinados nutrientes, vivificá-lo, para que assim apenas repasse toda a sua energia vital).

No Center Um, também exposição da arte ikebana.

SERVIÇO

*Mais informações sobre onde receber Johrei podem ser obtidas no site: www.messianica.org.br

*Mini currículo- Luciano Hetman.

(Fotos – Divulgação e Paulo MOska)

Ciro Gomes nos deve explicações

251 1

Com o título “Ciro Gomes nos deve explicações”, eis artigo de Ítalo Coriolano, jornalista do O POVO. Ele espera que a fala de Ciro Gomes dizendo que o Estado não quis acordo com facções para reduzir homicídios seja uma “bravata” do candidato para fugir do tema. Confira:

É muito grave a afirmação do candidato a presidente Ciro Gomes (PDT) sobre proposta de traficantes que, segundo ele, foi feita ao Governo do Ceará para reduzir número de homicídios. “Por que lá no Ceará homicídio está explodindo e os outros crimes não? Porque lá não se faz acordo. Você pensa que já não foi oferecida a nós a possibilidade de fazer acordo? Fecha os olhos para a passagem das drogas, que a gente dá um jeito de dar uma paz no terror”, declarou Ciro em entrevista à rádio O POVO/CBN no último dia 19, ressaltando que no governo de São Paulo esse tipo de acordo existe.

Algumas perguntas podem ser feitas a partir desta grave fala de Ciro. Quem, exatamente, chegou a fazer esse tipo de proposta? E de que forma? Um bilhete, um email, uma mensagem no WhatsApp, uma conversa tête-à-tête? Outra questão: quem teria recebido esse conteúdo? O Executivo chegou a negociar com criminosos? Por ser padrinho político do atual governador, Ciro tem acesso a informações privilegiadas? Os autores da ideia foram autuados? Que elementos o pedetista tem para acusar uma gestão de outro estado, comandada por um partido adversário, para acusá-lo de fazer acordos com grupo criminoso?

No tocante ao Ceará, autoridades procuradas pelo O POVO desconhecem a informação. Nem a secretária da Sejus, Socorro França, nem o diretor do Sindasp/CE, Natanael Andrade, nem presidente do Copen, Cláudio Justa, confirmam existir esse tipo de acordo. A vice-governadora do Ceará Izolda Cela (PDT), que também coordena o “Ceará Pacífico”, principal programa do Executivo com ações múltiplas de combate à violência afirma, “Não chegou ao meu conhecimento”.

Ora, se pessoas de dentro do Palácio da Abolição desconhecem essa suposta proposta, como Ciro Gomes chegou a ter informações sobre ela? E por que só agora tornou pública? Via assessoria, foram solicitadas ao ex-governador mais detalhes sobre o caso, que se resumiu a dizer que “o que ele tinha para dizer foi dito”. Entretanto, há, sim, ainda muita coisa a ser dita, e é dever do MP entrar no assunto para torná-lo mais claro.

O que se espera é que não seja mais uma bravata do pedetista para tentar escapar de algum tema que o incomoda. No caso, os alarmantes índices de assassinatos no Ceará. Em uma entrevista anterior, concedida ao Jornal Nacional, Ciro foi mais sensato quando tentou explicar a situação, alegando que a Polícia do Estado não estava preparada para a chegada das facções, que disputam diversos territórios. Ao menos cria menos constrangimentos para seus aliados aqui no Estado.

*Ítalo Coriolano

coriolano@opovo.com.br

jornalista do O POVO.

Gestora do Aeroporto Internacional Pinto Martins quer R$ 700 milhões do BNB

A Fraport Brasil, empresa gestora do Aeroporto Internacional Pinto Martins até 2047, decidiu tomar emprestado até R$ 700 milhões do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) para investir na modernização e ampliação do terminal. A decisão foi aprovada, por unanimidade, pela diretoria e por acionistas da companhia em assembleia geral extraordinária realizada no último dia 24 de agosto, na Capital cearense.

O crédito virá do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) e será pago em até 20 anos. A expectativa é que a taxa de juros seja de 5,8% ao ano. As negociações entre Fraport e BNB começaram em fevereiro.

Além do financiamento das obras de modernização e ampliação do Aeroporto de Fortaleza, outras operações com a Fraport estão sendo analisadas pela instituição. Para 2018, o banco projeta contratar cerca de R$ 14,5 bilhões para projetos de infraestrutura no Nordeste.

Para pagar o financiamento de R$ 700 milhões, a Fraport constituiu algumas garantias durante a assembleia geral, como: cessão fiduciária de aplicações financeiras das contas bancárias a serem especificadas no contrato de financiamento, nos termos, condições e valores especificados pelo BNB; penhor das ações de emissão da companhia por sua acionista Fraport AG Frankfurt Airport Services Worldwide; cessão fiduciária dos recebíveis oriundos das receitas obtidas pela prestação de serviços de operação do aeroporto; cessão fiduciária dos direitos emergentes decorrentes das indenizações e demais valores devidos à empresa nos termos do contrato de concessão do terminal, celebrado com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac); e outras garantias de caráter pessoal ou real que estejam previstas ou sejam necessárias no contrato de financiamento.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) também estava disposto a financiar as obras, que são tocadas pelo consórcio Método e Passarelli desde abril. A escolha da companhia pelo BNB estaria ligada às taxas mais competitivas.

“Em entrevista concedida ao O POVO no mês passado, antes de a Fraport decidir pela contratação da operação de crédito, o presidente do BNB, Romildo Rolim, disse que estava otimista quanto ao acordo. “A parte do projeto que depende do Banco do Nordeste já foi concluída. Estamos aguardando a decisão da empresa, que está fazendo ajustes apenas no dimensionamento dos investimentos”, afirmou na ocasião.

A Fraport precisaria entregar a primeira etapa das obras de expansão e reforma do terminal existente em outubro de 2019. Mas solicitou à Anac que o prazo fosse estendido em seis meses, para abril de 2020.

(O POVO -Repórter Raone Saraiva/Foto – Jarbas Oliveira)

Raquel Dodge vai a Portugal tratar da extradição de delator

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, encontra-se na Europa. No roteiro, Madri e Lisboa, entre outros compromissos, para se encontrar com a chefe do Ministério Público português, María José Segarra, e tratar da extradição do operador Raul Schmidt. A informação é da Coluna Radar, da Veja Online.

Segundo equipes da Operação Lava-Jato, ele representava empresas internacionais e cansou de molhar a mão de diretores da Petrobras, como Renato Duque, Nestor Cerveró e Jorge Zelada.

A corte suprema portuguesa já havia autorizado a extradição, mas Schmidt recorreu da decisão. O sonho dourado da PGR é voltar para o Brasil com a data do julgamento da apelação do operador definida.

(Foto – Agência Brasil)

Candidatos às eleições não poderão ser presos a partir deste sábado

Os candidatos às eleições de 2018 não poderão ser presos ou detidos, a partir deste sábado, 22 de setembro. O mesmo acontecerá com os eleitores e autoridades em geral, a partir do dia 2 de outubro.

É o que determina o artigo 236 do Código Eleitoral, que garante o direito ao voto e o atendimento pleno da democracia tanto para os que votam, quanto para os que são votados.

As exceções só acontecem nos casos de crimes inafiançáveis e flagrante delito, informa a assessoria de imprensa do Tribunal Superior Eleitoral.

Fátima Bernardes desmente notícia de que teria reformado casa do esfaqueador de Bolsonaro

Fátima e o namorado, Túlio.

A apresentadora Fátima Bernardes, 56, veio a público desmentir uma notícia falsa que está sendo veiculada a seu respeito nas redes sociais de que teria reformado a casa do agressor do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL). O boato, espalhado no WhatsApp, afirma que a produção do Encontro com Fátima Bernardes (Globo) teria premiado a família do pedreiro Adélio Bispo de
Oliveira com R$ 350 mil, além de reformar a casa do esfaqueador do presidenciável.

No dia 6 de setembro, Oliveira esfaqueou o presidenciável durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG).

O texto da rede social, que circula desde o dia 12 de setembro, afirma que a homenagem teria sido feita para demonstrar que “o homem é apenas uma vítima do sistema, da sociedade, capitalista, preconceituosa, odiosa e sem amor e porque era intimidado com os discursos de ódio de Bolsonaro”.

*Confira o vídeo no Instagram de Fátima Bernardes aqui.

TAM Linhas Aéreas é condenada a indenizar professor que teve mala extraviada

A TAM Linhas Aéreas foi condenada a pagar indenização por danos morais de R$ 5 mil para professor que teve a mala extraviada. A decisão, publicada no Diário da Justiça de quarta-feira (19/09), é do juiz Antônio Francisco Paiva, titular da 17ª Vara Cível da Comarca de Fortaleza. A informação é da assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Estado.

Consta nos autos (nº 0856346-05.2014.8.06.0001) que, no ano de 2013, o cliente foi convidado para participar de um congresso na Bahia, no período de 13 a 18 de outubro, tendo embarcado em voo Fortaleza-Salvador da referida companhia aérea.

Porém, ao desembarcar na cidade, foi informado de que a bagagem havia sido extraviada. O passageiro afirmou que dentro da mala haviam medicamentos de uso contínuo que, sem receita médica, tornou-se inviável a reposição.

Além disso, ele iria cumprir jornada de quase 1000 km até o local do evento, a partir de Salvador. Após o ocorrido, entrou em contato com a TAM, que se dispôs a fornecer um valor a título de reparação, o qual, segundo o passageiro, não cobriria nem mesmo os itens dentro da mala.

Sentindo-se prejudicado, entrou com ação na Justiça requerendo indenização por danos morais e materiais. Na contestação, a companhia aérea afirmou que, apesar de o professor ter discriminado os itens contidos na bagagem, não fez prova da veracidade de suas alegações, pois não foram registrados os bens no momento do embarque. Em função disso, não que se falar em condenação por danos materiais.

Ao analisar o caso, o magistrado destacou que “a transportadora requerida não exigiu do consumidor a declaração do valor da bagagem e tampouco a descrição do seu conteúdo no momento do despacho, de tal modo entendo que não pode agora a empresa demandada exigir do promovente prova minuciosa de todos os bens que estavam dentro de sua mala”.

Conforme o juiz, “verifica-se que a parte autora não trouxe aos autos cálculos dos prejuízos materiais sofridos, motivo pelo qual dificulta a correta ou aproximada liquidação do dano, não restando outra opção senão a apuração do valor em fase posterior. Contudo mantém-se guarnecido seu direito”.

Acrescentou ainda que, “o direito do autor encontra amparo no artigo 6º, inciso VI, do Código de Defesa do Consumidor. E nem se diga que os fatos alegados na inicial configuram mero dissabor. A responsabilidade da ré, pelo extravio de bagagem, é objetiva, ou seja, independe de culpa, em conformidade com o art. 14, do citado diploma legal, portanto verificado em in re ipsa e prescinde de comprovação, além disso, foram explicitadas e se mostram devidamente justificadas”.

(Foto – Arquivo)

Por tentativa de criar terceira via, campanha de Ciro pede a ele autocontrole

350 1

O candidato a presidente da República pelo PDT, Ciro Gomes, teve longa conversa com a cúpula de sua campanha. Foi dito a ele que, agora, não dá mais para errar. Em miúdos: chega de piti.

O diagnóstico, segundo a Folha de S.Paulo desta sexta-feira, é o de que há pouco tempo para viabilizar uma terceira via, ou o pedetista será esvaziado.

Em evento de campanha no último final de semana, em Roraima, Ciro xingou e agrediu um jornalista que lhe fez uma pergunta.

(Foto – Facebook)

Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumula

Nenhuma aposta acertou o prêmio principal da Mega-Sena especial da Mega Semana do Apostador, cujo sorteio foi realizado nessa quinta-feira (29), no Caminhão da Sorte estacionado na cidade de Oliveira, em Minas Gerais.

As dezenas sorteadas foram: 10 – 22 – 40 – 46 – 55 – 58.

Com isso, o prêmio previsto de R$ 17 milhões acumulou. De acordo com a Caixa, a estimativa para o concurso 2.081, que será realizado neste sábado (22), é de pagar R$ 22 milhões para quem acertar as seis dezenas.

Mega-Sena, loterias, lotéricas
Mega-Sena acumula e Caixa estima prêmio de R$ 22 milhões para o concurso deste sábado – Marcello Casal Jr./Agência Brasil
A Quina teve 38 vencedoras e cada apostador vai receber R$ 43.325,46. A quadra vai pagar R$ 813,26 a cada um dos 2.892 acertadores.

O bilhete simples, com seis dezenas, custa R$ 3,50. As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) deste sábado em qualquer uma das mais de 13 mil casas lotéricas credenciadas pela Caixa em todo o país.

(Agência Brasil)

Evangélicos reagem a apoio a Bolsonaro e lançam carta por Estado laico

2798 20

O movimento dos neopentecostais da Confederação dos Conselhos de Pastores do Brasil na direção de Jair Bolsonaro provocou reação de líderes evangélicos de outras agremiações.

A informação é da Painel, da Folha de Paulo, adiantando que, nessa quinta (20), um grupo que reúne 88 teólogos e reverendos presbiterianos, batistas e de outros troncos da religião lançou manifesto em defesa do Estado laico e contra o uso de Deus em campanhas.

“Nossa indignação contra a pretensão de haver um governo exercido em nome de Deus, bem como contra toda aspiração autoritária e antidemocrática”, diz a Carta Pastoral à Nação. “O nome de Deus não pode ser usado em vão, ainda mais para fins políticos”, conclui.

“Brasil acima de tudo, Deus acima de todos” é o nome da coligação de Bolsonaro.

(Foto – Reprodução de TV)

Guilherme Boulos cumpre agenda de campanha em Fortaleza

O candidato a presidente da República pelo PSOL, Guilherme Boulos, cumprirá agenda de campanha em Fortaleza. Aqui, vem reforçar o trabalho eleitoral de Aílton Lopes, postulante da legenda ao Governo do Ceará.

Neste sábado, 22, Boulos realizará uma série de atividades de mobilização dos apoiadores a partir das 8 horas, iniciando com passeio de bicicleta pelo Centro da cidade. Ainda haverá, no fim do dia, comício na Praça da Gentilândia, no Benfica, às 18 horas.

Confira programação completa:

8h – DIA MUNDIAL SEM CARRO | Bicicleata do Sol (concentração no estacionamento do Parque Rio Branco, acesso pela Av. Pontes Vieira, bairro Joaquim Távora; percurso a partir das 9h em direção ao Centro da cidade).
*Participação de Ailton, Carina e Sônia Guajajara.

11h – Encontro com apoiadores no Centro de Fortaleza (Praça dos Leões).
*Participação de Ailton, Carina, Sônia e Boulos.

12h – Almoço com apoiadores (Sede do PSOL, Av. Imperador, 1397 – Centro)
*Participação de Ailton, Carina, Sônia e Boulos.

14h – Ato de apoio de povos indígenas cearenses com Sônia Guajajara (Comunidade de Japoara – Caucaia).
*Participação de Ailton, Carina e Sônia Guajajara.

15h – Agitação e ocupação do Benfica (Praça da Gentilândia).

18h – Dia B – Comício do PSOL (Praça da Gentilândia).
*Participação de Ailton, Carina, Sônia e Boulos.

(Foto – Reprodução de TV)

Caixa libera consultas sobre PIS por assistente de voz em smartphone

Os trabalhadores com saldo no Programa de Integração Social (PIS) podem usar o assistente de voz de telefone celular para consultar o calendário de pagamento e tirar dúvidas sobre o benefício. A Caixa Econômica Federal liberou o recurso para smartphones do sistema Android.

Para fazer a consulta, basta o correntista abrir o assistente de voz do Google no smartphone e falar “OK, Google”. Em seguida, o usuário pode entrar em contato com o banco ao pronunciar a frase “falar com a Caixa”. A partir daí, basta fazer perguntas para ser atendido pela plataforma de inteligência artificial do banco e tirar as dúvidas.

Atualmente, qualquer usuário pode consultar resultados de loteria e taxas de câmbio por meio do assistente de voz da Caixa. O banco pretende ampliar o serviço de inteligência artificial até o fim do ano.

(Agência Brasil)

Exponutrition 2018 – Fortaleza é sede da maior feira de nutrição esportiva do Brasil

Fortaleza receberá, pela primeira vez, a Exponutrition.

Trata-se da maior feira de nutrição esportiva do Brasil, que acontecerá a partir desta sexta-feira, no Centro de Eventos do Ceará. São esperadas mais de 15 mil pessoas e 50 marcas participantes.

O encontro, que se estenderá até domingo, vai contar ainda, em sua programação, com um congresso de nutrição e competição esportiva de crossfit, strongman (força) e fisiculturismo.

(Foto – Divulgação)

PF quer prorrogação do inquérito sobre atentado contra Bolsonaro

A Polícia Federal solicitou nesta quinta-feira (20) a prorrogação do inquérito que apura o ataque contra o candidato do PSL à Presidência da República Jair Bolsonaro. O pedido de postergar as investigações por mais 15 dias foi enviado à 3ª Vara Federal de Juiz de Fora, em Minas Gerais, onde ocorreu o crime no início do mês.

Segundo a corporação, o objetivo é ir atrás de elementos probatórios que confirmem a autoria do crime por parte de Adélio Bispo de Oliveira, acusado de dar a facada no presidenciável. Além disso, a PF pretende descobrir as motivações do agressor e saber se houve co-participações no atentado. Até o momento, a Justiça Federal de Minas Gerais não respondeu se a solicitação da PF foi aceita ou não.

Durante as investigações, foram ouvidas 15 testemunhas, houve três interrogatórios formais do acusado e 38 entrevistas foram feitas. Em computadores e celulares apreendidos, já foram analisados dois Terabytes de imagens. As diligências ocorreram em outras cidades mineiras, na capital Belo Horizonte e em Florianópolis.

“A PF concluiu cinco laudos periciais, outros quatro exames seguem em andamento. Além disso, foram pleiteadas e obtidas junto ao Poder Judiciário várias medidas cautelares, como quebra de sigilo bancário, telefônico e telemático”, informou a Polícia Federal.

Bolsonaro foi atingido por uma facada no dia 6 de setembro quando fazia campanha em Juiz de Fora. Ele está em recuperação no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. O quadro do político é estável. Adélio Bispo, que assumiu o crime, está preso em um presídio federal em Campo Grande.

(Agência Brasil)

Fortaleza é sede de evento sobre ameaças à indústria 4.0

O Brasil ficou no 64º lugar de acordo com o índice global de inovação de 2018, embora seja um dos mais sujeitos a ameaças cibernéticas do planeta. A classificação é publicada anualmente pela Universidade Cornell, pelo Instituto Europeu de Administração de Empresas e pela Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI).Esse mesmo índice de inovação coloca a Suíça em primeiro lugar, quando se trata de inovação no mundo.

Por conta desse cenário, a Morphus realizará, a partir da próxima terça-feira, 25, um ciclo de palestras em várias cidades do Brasil, a começar por Fortaleza. Durante o encontro que, na Capital cearense ocorrerá a partir das 8h30min, no Cabana Del Primo, vão se apresentar a startup suíça Nozomi Networks, a norte-americana Gartner e a cearense Morphus Labs.

Será uma manhã de debates com integrantes de TI e de automação cearense, na qual entram aspectos fundamentais e ameaças cibernéticas para a implementação da indústria 4.0.

(Foto – Divulgação)

Grupo Marquise é líder do País nos setores da construção civil e engenharia

José Carlos Pontes, controlador Marquise. Agora é receber o troféu…

O Grupo Marquise aparece como a empresa brasileira, do segmento da construção civil e engenharia, com melhores índices financeiros. Isso dentro da 18ª edição do Anuário Valor 1000, publicação do jornal Valor Econômico. O grupo possui ainda a maior liquidez corrente (ativo circulante sobre passivo circulante). O ranking foi apresentado em pontos, onde a Marquise atingiu 6,48, enquanto que a segunda colocada, no mesmo ramo de atividade, ficou com 3,53.

Apesar da crise econômica que abalou alguns setores produtivos do país após 2016, o Grupo Marquise conseguiu manter a sua saúde financeira em patamares elevados. Os critérios de pontuação para o ranking foram homologados pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, com indicadores exclusivos de avaliação e rankings das 1000 maiores companhias do país e das 50 maiores por região, entre outros.

Quando a pontuação inclui os outros 28 setores analisados, como Petróleo e Gás; Têxtil, Couro e Vestuário; e Papel e Celulose, a Marquise se encaixa em 13º lugar, demonstrando a solidez do grupo entre os maiores do País. Em 2017, a receita líquida do Grupo Marquise (Incorporação e Marquise Ambiental), de acordo com as demonstrações contábeis, foi de R$ 804,1 milhões.

Na análise das campeãs setoriais, as empresas foram avaliadas pelo conjunto de indicadores: Receita Líquida, Margem EBITDA, Crescimento Sustentável, Rentabilidade do Patrimônio Líquido, Margem da Atividade, Liquidez Corrente, Giro do Ativo e Cobertura de juros. Para figurar entre as dez primeiras colocadas, era necessário a empresa obter pontos em um ou mais critérios de classificação e, ao final, chegar a uma soma maior que a das concorrentes.

(Foto – Balada In)

Tolerância e punição

Com o  título “Tolerância e punição”, eis artigo de Pedro Henrique Antero Chaves, cientista político. Ele bate na tecla da necessidade de punição no caso do atentato a Jair Bolsonaro. Para ele ” um ato explícito de violência, contratado por uma organização criminosa, e que fez desaparecer dos noticiários o conceito de intolerância propalado pelas esquerdas.” Ainda aborda Lula. Confira:

Os criminosos políticos no Brasil e seus partidários reclamam com veemência do comportamento dos brasileiros que defendem a punição severa contra os que saquearam o País e o destruíram econômica e moralmente. Esses recebem o apelido de intolerantes e retrógrados, por uma esquerda radical e por um grupo de filiados a partidos que já não têm programa nem filosofia.

Em decorrência da cultura nacional de sempre ter pena dos que são rigorosamente punidos, os bandidos brasileiros são sempre agraciados pela piedade popular no sentido de livrá-los do castigo. Lula, assim, é um desses ” pobrezinhos injustiçados” por uma justiça cruel e extremamente severa.

As inúmeras demonstrações públicas, há dois ou três anos, contra Dilma Roussef, nunca levaram a marca da violência, pois foram organizadas pela população ordeira que não suportava mais o nível de degradação moral do governo petista.

O que se procurava, na verdade, era a punição dos destruidores da pátria.

Ao contrário, o atentado ao candidato Jair Bolsonaro foi um ato explícito de violência, contratado por uma organização criminosa, e que fez desaparecer dos noticiários o conceito de intolerância propalado pelas esquerdas. Fala-se, agora, tão somente, de democracia e de respeito aos adversários.

O presidente do STF, Dias Toffoli, recentemente eleito, disse em seu discurso que, “independentemente de ideologia política, estejamos juntos na construção de um Brasil mais tolerante, mais solidário e mais aberto ao diálogo”. Essa declaração, proferida por um ex-advogado do PT, ex-consultor da CUT e ex- funcionário de José Dirceu, quer significar apenas que os bandidos, já condenados, serão libertados pelos companheiros que se encontram no poder.

O Brasil corre o risco de ter uma democracia fracassada, diante da ameaça de uma ditadura do Judiciário. Libertar Lula será um ato ditatorial, perpetrado por um grupo de amigos do ex-presidente, que não respeitam a própria Justiça de que fazem parte. Se um dos poderes acha que tudo pode, os outros se sentirão à vontade para fazê-lo.

Tolerância, portanto, não é libertar os gatunos, mas saber ouvir e respeitar os adversários.

*Pedro Henrique Chaves Antero

phantero@gmail.com

Professor de Ciências Políticas.