Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

O problema não são as pesquisas, mas a forma do uso e divulgação

172 1

Com o título “Sem margem para erro”, eis o artigo de Demétrio Andrade, jornalista e sociólogo. Ele aborda e faz a defesa das pesquisas, mas observa: o problema não são as pesquisas, mas a forma como são interpretada e divulgadas. Confira:

Não espere ler um artigo atacando os institutos de pesquisa, por conta dos diversos erros cometidos por eles neste 1º turno. Pelo contrário. Podem me chamar de inocente, mas eu acredito em pesquisas de opinião. Trabalho com elas desde os 19 anos. Já fui pesquisador de campo, checador e analista de instrumentos qualitativos e quantitativos. O problema não são os resultados aferidos, mas a forma como elas são interpretadas, divulgadas e como fazem uso dos números.

Pesquisas são importantes para qualquer atividade que se faça nos dias de hoje. O mercado exige precisão na tomada de decisões. Na política, não poderia ser diferente. Qualquer estrategista ou marqueteiro meia boca sabe que não pode prescindir delas. Ao mesmo tempo, porém, deve-se saber ponderar seus resultados a partir da conjuntura. Os institutos, por sua vez, dependem de credibilidade para sobreviver. As acusações de alterações de resultados são difíceis de se aceitar no limite do razoável, por conta desta necessidade.

Pesquisas são resultados de momento. Numa sociedade onde decisões são tomadas na velocidade da luz, onde se exige que façamos vinte coisas ao mesmo tempo, a tendência comum é fazermos leituras apressadas. A pesquisa eleitoral é uma fotografia, um corte espacial reduzido de um processo em movimento. A boa leitura só é possível se conseguirmos examinar o contexto no qual ela foi realizada. As causas e os efeitos dos números só podem ser corretamente mensuradas com uma análise minuciosa da conjuntura. Caso contrário, os números falarão por si mesmos e, para o desenho da melhor estratégia, isso fica longe de um cenário ideal.

Fica evidente que o sistema político brasileiro precisa de aperfeiçoamento. E que, cada vez mais, fatores externos à política estão influenciando os eleitores. Os excessos do uso do poder econômico são evidentes e fazem diferença. Votos, candidaturas e campanhas têm preço – por sinal cada vez maiores. Essa interferência financeira pode estar ditando mudanças ocorridas no dia da votação e não captadas pelos institutos.

A boca da urna – inclusive com um esquema profissional de compra de votos –, por exemplo, pode alterar o voto de quem não tem convicção em suas decisões ou que acha que pode tirar proveito imediato da sua condição de eleitor trocando seu sufrágio por dinheiro. Talvez, as pessoas que votam estimuladas pela compensação econômica sequer lembrem em quem votaram. Talvez tenham vergonha de admitir tal relação e acabam por reproduzir o “esquecimento” aos pesquisadores.

Outra explicação pertinente é o nível da abstenção – cada vez mais significativo – registrado nos últimos pleitos, sempre superando a casa dos 20%. É provável que muitos eleitores que votariam num determinado candidato sequer tenham ido à urna, ou por não terem condições de deslocamento ou por pura falta de interesse e motivação. Isso também irá causar distorções no resultado final do levantamento.

A imprensa, por sua vez, escolhe os dados que vai divulgar – ou que vai priorizar quando da veiculação. Desta forma, pode acontecer de um elemento – índice de rejeição de um candidato, diferenças entre votos válidos, percentuais do viés espontâneo, dentre outros – considerado secundário pelos editores possa já constar da pesquisa e não ser aproveitado na matéria, ou aparecer sem destaque.

O fato é que o eleitor brasileiro parece estar gostando de contradizer institutos e causar surpresas na reta final. A mim me parece, pequisas à parte, que tal dinâmica é fruto de um contexto onde eleitores tomam decisões de última hora, sendo refratários à discussão ideológica ou mesmo não suficientemente esclarecidos da importância da política, ou pelo menos da eleição, já que aquela escolha pode mudar – e muito – seu destino pelos próximos anos. Não adianta colocar a culpa nas pesquisas. Afinal, quem cometerá ou não o erro é o próprio eleitor.

* Demétrio Andrade,

Jornalista e sociólogo.

Emprego na indústria registra quinto recuo consecutivo em agosto

“Pessoal ocupado na indústria caiu 0,4% na passagem de julho para agosto deste ano, na quinta redução consecutiva do emprego industrial. O setor acumula perda de 2,9% no período. Os dados foram divulgados hoje (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em sua Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário (Pimes).

Na comparação com agosto do ano passado, a queda nos postos de trabalho foi 3,6%. Quatorze das 18 atividades industriais pesquisadas pelo IBGE tiveram recuo no pessoal ocupado assalariado nesse tipo de comparação, com destaque para as indústrias de meios de transporte (-7,5%), de produtos de metal (-7,9%), de calçados e couro (-9%) e de máquinas e equipamentos (-5,5%).

Quatro setores tiveram aumento dos postos de trabalho e evitaram uma queda maior do emprego na indústria. Os principais impactos positivos vieram dos setores de minerais não-metálicos (com alta de 1,1%) e de produtos químicos (1%).

Entre os locais, houve recuo em 13 dos 14 pesquisados. São Paulo contribuiu para a redução dos postos de trabalho, com queda de 4,8%, seguido por Paraná (-5,2%), Rio Grande do Sul (-4,7%), Minas Gerais (-3,3%) e regiões Norte e Centro-Oeste (-2,2%). Nos acumulados do ano e do período de 12 meses, as perdas de postos de trabalho são 2,7% e 2,4%, respectivamente.”

(Agência Brasil)

Mauro Benevides fica sem mandato, mas não perde o prestígio

maurobenevidedss

“A roda política às vezes gira em favor, às vezes gira em desfavor. A gente tem de conviver com a orientação dos ventos políticos. Esse nos surpreendeu!’, afirma Mauro Benevides (PMDB), que não conseguiu se reeleger deputado federal.

Mauro, ex-presidente do Congresso e que está na política desde 1955, ficou como primeiro suplente de sua coligação. Aquele que também foi o vice-presidente da Assembleia Nacional Constituinte de 1988, já passou por igual situação na época em que Juraci Magalhães era o prefeito de Fortaleza.

Naquela ocasião, no entanto, Juraci recrutou Marcelo Teixeira, eleito deputado federal , para assumir a então Secretaria Municipal de Obras abrindo vez para Mauro.

Há expectativas de que isso possa ocorrer de novo. Caso Eunício (PMDB) ganhe, no que poderia convocar algum parlamentar. A propósito, Mauro já está retomando o engajamento na campanha de segundo turno no Estado.

Mas é sempre bom lembrar que Mauro também tem trânsito livre pelas bandas dos Ferreira Gomes, que bancam Camilo Santana para o Governo.

No Exterior, Aécio teve 49% dos votos; Marina, 26% e Dilma, 17%

“Cerca de 132,7 mil brasileiros que moram no exterior votaram no último domingo (5), segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O candidato Aécio Neves (PSDB) foi o mais votado em quatro continentes: Ásia, Europa, América e Oceania. Já a candidata Marina Silva (PSB) venceu na África. Ao todo, Aécio teve 65.713 votos (49,5%), Marina teve 34.527 (26%) e Dilma 24.353 (18,3%).

Na Europa, o país em que o candidato do PSDB teve mais votos foi Portugal, onde 3.722 eleitores votaram nele. O tucano também teve votação expressiva na Grã-Bretanha, onde teve 2.573 votos e na Alemanha, onde recebeu 2.340 votos. Em Portugal, Marina recebeu 2.507 votos, e na Suíça, 1.996 votos. Dilma recebeu 2.795 votos em Portugal e, na Itália, 1.626.

Na Ásia, Aécio ficou à frente dos concorrentes em 16 países e sua votação mais expressiva foi no Japão, onde está a maior comunidade brasileira, com 12.155 votos. Ele totalizou 13.439 votos no continente. Marina, que teve 5.319 votos na Ásia, também teve a melhor votação no Japão, com 4.889 votos. Dilma teve 3.103 votos no continente asiático, 2.207 deles no Japão.

Em toda a América, Aécio teve 32.817 votos, mais de 21 mil deles nos Estados Unidos. Entre os países do Mercosul, o candidato tucano teve 3.845 votos. Marina teve 14.910 votos em toda a América, 9.91l nos Estados Unidos. Entre os brasileiros nos países do Mercosul, ela obteve 1.158 votos. Dilma somou 9.945 votos na América, sendo 3.969 nos Estados Unidos e 2.635 no Mercosul.

Na África, Marina Silva somou 323 votos. Dilma ficou em segundo lugar com 304 votos entre os brasileiros no continente. Aécio Neves teve 268 votos. Na Oceania, Aécio teve 867 votos, Marina 316 e Dilma 164.”

(Agência Brasil)

TJ do Ceará concederá ajuda de custo para moradia de magistrados

O Tribunal de Justiça do Ceará concederá ajuda de custo para moradia no valor de R$ 4.377,73 a todos os magistrados que requisitarem o benefício e preencherem os requisitos previstos na Resolução nº 199, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e determinação do Supremo Tribunal Federal (STF).

Para implantação da ajuda de custo a partir deste mês, o magistrado deve apresentar a solicitação até o próximo dia 15, conforme estabelecido na portaria assinada pelo desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, chefe do Judiciário estadual, publicada no Diário da Justiça Eletrônico desta quinta-feira (09/10).

Os requerimentos protocolados após o dia 15 serão apreciados para implementação a partir do mês de novembro deste ano. De acordo com a portaria, o benefício será pago nos exatos termos do artigo 5º da Resolução nº 199, estabelecendo que “as despesas para o implemento da ajuda de custo para moradia correrão por conta do orçamento de cada Tribunal ou Conselho, gerando a presente Resolução efeitos financeiros a partir de 15 de setembro de 2014”.

O presidente do TJCE, desembargador Gerardo Brígido, manterá entendimento com o governador Cid Gomes sobre a necessidade de suplementação orçamentária. O assunto será levado ao conhecimento dos desembargadores, inclusive sobre a repercussão financeira da medida.

Sobre o impacto financeiro, o desembargador Gerardo Brígido constituiu comissão que terá prazo de cinco dias úteis para apresentar o estudo contendo a disponibilidade financeira. A comissão será formada pelo assessor especial da Presidência, Luis Eduardo de Menezes Lima, pela secretária de Gestão de Pessoas, Vládia Santos Teixeira, e pelo secretário de Finanças, José Joaquim Neto Cisne.

(Site do TJ-CE)

Aécio tem comitês ampliados em Fortaleza

205 3

eleições 2014 psdb 0720 tasso aécio pecícero

Aécio e Tasso durante visita à estátua do “Padim Ciço”, em Juazeiro do Norte.

O comitê do deputado estadual eleito Carlos Matos (PSDB) transforma-se, a partir de agora, em mais um comitê do candidato a presidente pelo PSDB, Aécio Neves. 

Para pegar material de campanha e adesivar os carros, os eleitores, segundo Carlos Martos, podem comparecer ao comitê situado na rua Nunes Valente, nº 1591, esquina com a rua João Carvalho, no bairro Aldeota, em Fortaleza.

Além desse comitê, quem também ampliou o trabalho eleitoral pró-Aécio em Fortaleza foi o deputado federal eleito Raimundo Gomes de Matos.

Aliás, desde o primeiro turno, o comitê Tasso-Aécio, que funciona na avenida Rui Barbosa esquina com avenida Historiador Raimundo Girão, vem distribuindo material. Nesta semana, inclusive, segundo coordenadores da campanha, aumentou a procura do eleitorado.

 

 

Eleições 2014 – Rede Record promove debate dia 19

recrdd

“A direção da Record e as campanhas de Dilma Rousseff e Aécio Neves chegaram a um acordo sobre o debate entre os presidenciáveis, marcado para o dia 19.

Ao contrário do que aconteceu em 2010, quando jornalistas perguntaram aos candidatos, desta vez, os candidatos não quiseram responder à imprensa.

Preferiram partir para o embate direto. Serão quatorze confrontos, do tipo candidato pergunta para candidato. Um bom modelo. Vai pegar fogo. O debate começará às 22 horas.

Para os estados que terão segundo turno nas eleições para os governos, a Record fará também um debate no mesmo domingo, 19. Está marcado para às 18 horas.

Ministro fala de caso suspeito de ebola nesta sexta-feira

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, e o secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, esclarecem nesta sexta-feira (10), a partir das 10 horas, no Ministério da Saúde, em Brasília, a situação do primeiro paciente no Brasil internado com suspeita do contágio do vírus ebola.

O homem de 47 anos de idade se encontra isolado em uma unidade de saúde, em Cascavel (PR), desde a quarta-feira (8). Ele chagou ao Brasil, no dia 19 de setembro, de Guiné, um dos três países africanos que concentram o surto da doença.

O paciente deverá ser transferido, conforme protocolo de segurança, para o Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, no Rio de Janeiro (RJ).

(com informações da Agência Saúde)

Fortaleza terá “Marcha para Jesus”

protall

Tudo pronto para a XXI Marcha para Jesus em Fortaleza. Ocorrerá neste sábado, tendo como ponto de concentração a praça Dragão do Mar, a partir das 15 horas, seguindo pela Avenida. Pessoa Anta e com encerramento no Aterro da Praia de Iracema.

Ali, a partir das 18 horas, haverá show gospel com vários cantores. Na lista, Nívea Saores e Banda, Trazendo a Arca e Daniel Casimiro.

A Marcha para Jesus 2014 contará com dois trios elétricos durante seu percurso. Ano passado, reuniu mais de 150 mil pessoas.

(Foto – Kiko Silva Neto)

Pane em turbina atrasa retorno de Eunício, informa sua assessoria

A Assessoria de Imprensa da campanha de Eunício Oliveira, candidato a governador pelo PMDB, divulgou nota informando sobre pane em turbina de avião que trazia o postulante de Brasília para Fortaleza, nesta quinta-feira. Confira:

“Um atraso de cerca de uma hora e meia foi a única consequência da pane na turbina do avião que transportava, na tarde de hoje, o candidato a Governador Eunício Oliveira, de Brasília para Fortaleza.

Quarenta minutos após ter decolado de Brasília, o avião teve uma das duas turbinas repentinamente desligada, a uma altitude de 22 mil pés, levando o piloto a tomar a decisão de voltar ao aeroporto de origem.

Eunício Oliveira, que se encontrava acompanhado de sua esposa, Mônica, conseguiu mudar de avião e retomar a viagem a Fortaleza pouco depois do pouso forçado, em voo fretado.”

> Assessoria de Imprensa
> Coligação “Ceará de Todos”

BNB aplicará R$ 13,3 bilhões de FNE em 2015

foto bnb nelson antonio de souza

O presidente do Banco do Nordeste, Antonio Nelson de Souza, anuncia: a Instituição deverá aplicar um volume de R$ 13,3 bilhões do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) em 2015. O valor foi acertado durante reunião com o Ministério da Integração, a Sudene e entidades representativas dos principais segmentos econômicos da região Nordeste e do norte de Minas Gerais.

Na ocasião, os participantes tiveram a oportunidade de contribuir para a elaboração do Plano de Aplicação de Recursos do FNE para o próximo exercício, um importante instrumento de planejamento orçamentário que busca otimizar as aplicações do Fundo em conformidade com as vocações, potencialidades econômicas e perspectivas de investimentos para a Região.

Ficou acertado ainda que cada estado da área de atuação do Banco (à exceção do Espírito Santo) deve receber no mínimo 4,5% do total do fundo, até o limite de 30%. Entre as novidades apresentadas na reunião está a ampliação do limite para financiamentos a microempreendedores individuais (MEI), que passa de R$ 15 mil para R$ 20 mil e criação de prazos, por meio das linhas FNE Rural e FNE Agrin, de até 15 anos, incluídos cinco de carência, para construção, reforma, ampliação e modernização de armazéns.

Tempo de espera poderá contar para danos morais a consumidor

“A Câmara analisa o projeto de lei 7356/14, do deputado Carlos Souza (PSD-AM), que determina que a fixação do valor devido a título de danos morais deverá levar em conta também o tempo despendido pelo consumidor na defesa de seu direito e na busca de solução para o problema.

A reparação do consumidor por danos morais constitui direito fundamental previsto na Constituição Federal de 1988, Em 1990, o Código de Defesa do Consumidor (CDC, Lei 8.078/90) conferiu contornos normativos ainda mais concretos a essa conquista da sociedade.

De acordo com Souza, o Judiciário parece resistir, na prática, a conceder indenizações por danos morais. “O dever de indenizar pela perda de tempo livre é matéria que tem recebido consistente acolhida pela doutrina e jurisprudência do País”, ressaltou. Para o deputado, a proposta vai desestimular a violações das regras do código. A proposta tramita em caráter conclusivo e será analisada pelas comissões de Defesa do Consumidor; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.”

(Agência Câmara)

Marina Silva adia decisão sobre apoio

 marina silva

“Lideranças do PSB foram surpreendidas na manhã desta quinta-feira, 9, com a notícia de que a presidenciável derrotada do partido, a ex-ministra Marina Silva, decidiu não comparecer à reunião da coligação “Unidos Pelo Brasil”, em Brasília. No encontro, a expectativa era que as seis legendas que integraram a chapa liderada por Marina (PHS, PRP, PPS, PPL, PSB, PSL) definissem uma posição conjunta para o segundo turno.

O PSB, maior sigla da aliança, decidiu ontem apoiar o senador tucano Aécio Neves. Os representantes do PSL também não devem comparecer ao encontro, mas já anunciaram que vão marchar com o tucano.

O presidente interino do PSB, Roberto Amaral, e o presidente do diretório estadual de São Paulo, Márcio França, foram pegos de surpresa pela notícia. Lembraram que esse encontro foi pedido pela própria Marina. Na quarta-feira, a ex-ministra falou com Amaral por três vezes para acertar detalhes da reunião.

Hoje cedo, a assessoria de Marina confirmou que ela não comparecerá ao encontro. Segundo o informe, posteriormente os “os líderes da Coligação levarão o resultado da reunião a Marina para subsidiar a contribuição da ex-candidata ao debate eleitoral”

(Agência Estado)

Eunício avisa: Dilma não virá para a campanha no Ceará

eunicotemmer

O candidato a governador pelo PMDB, Eunício Oliveira, está gravando para o programa eleitoral gratuito e só deve ter compromisso de campanha no fim da tarde. No comitê central, receberá lideranças.

Em Brasília, onde esteve como senador, Eunício foi recebido por MIchel Temer, candidato a vice-presidente na chapa da petista Dilma Rousseff.

Eunício diz que foi momento para avaliar resultados do PMDB em todo o País e, principalmente, para a confirmação de um fato: Dilma Rousseff não fará campanha no Ceará. Manterá a neutralidade do primeiro turno.

(Foto – Divulgação)

Petrobras divulga: bateu recorde de processamento de diesel e querosene

“A Petrobras alcançou recorde diário de processamento em unidades de hidrotratamento de diesel e querosene de aviação nas suas refinarias no Brasil. A carga processada em 10 de setembro foi 109 mil metros cúbicos (m³), o que representa volume de 4 mil m³ superior ao recorde diário anterior, obtido em 6 de junho de 2014.

De acordo com a Petrobras, o resultado atingido reforça a busca contínua de eficiência operacional nas refinarias, por meio melhoria do sistema de abastecimento. Tal esforço contribui para a redução das importações de derivados, segundo a empresa.”

(Agência Brasil)