Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Candidato a presidente pelo PSTU cumprirá agenda em Fortaleza

159 1

zemaria

O candidato a presidente da República pelo PSTU, José Maria de Almeida – o Zé Maria, cumprirá agenda em Fortaleza, nesta quarta-feira. Segundo a assessoria de imprensa do partido, ele cumprirá atividades de campanha que incluem visitas a canteiros de obras da construção civil, plenária com sindicalistas e lançamento de comitê de campanha.

Com Zé Maria, estarão a candidata ao Senado pelo PST, professora Raquel Dias, e candidatos a cargos proporcionais.

Programação

Às 6 horas – Grande atividade com operários da construção civil.
Local: Canteiros de obras no complexo Porto das Dunas, município de Aquiraz.

Às 15 horas – Plenária com dirigentes sindicais de distintas categorias.
Tema: Os problemas do Brasil e o papel dos sindicatos
Local: Sede do Sindicato dos Rodoviários (Sintro) – Avenida Tristão Gonçalves, 1380, Centro.

Às 18h30min – Lançamento do Comitê de Campanha Zé Maria Presidente/ Ailton Lopes governador / Raquel Dias Senadora.
Tema: Apresentação do Programa Um Brasil Para os Trabalhadores

Local – Sede do PSTU (Rua Juvenal Galeno, 710, Benfica. Próximo ao Shopping Benfica).

Custo da construção civil desacelera em agosto

“O custo da construção registrou taxa de 0,19% em agosto, uma queda de 0,61 pontos percentuais em relação ao mês anterior. No acumulado do ano, o índice variou 5,76% e, nos últimos 12 meses, a taxa registrada foi 7,09%. Os dados foram divulgados hoje (26) pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas.

O índice que mede o custo de materiais, equipamentos e serviços registrou variação de 0,15%. No mês anterior, a taxa havia sido 0,45%. A mão de obra apresentou variação de 0,23%. No mês anterior, a variação registrada foi 1,11%.

Apenas materiais e equipamentos tiveram variação de 0,16%. No mês anterior, a taxa havia sido 0,52%. A parcela relativa a serviços passou de uma taxa de 0,18%, em julho, para 0,12%, em agosto. Nesse grupo, destaca-se a desaceleração do subgrupo projetos, cuja variação passou de 0,43% para 0,05%.”

(Agência Brasil)

Semana de Marina Silva e a pesquisa do Ibope

aecionevv

“Esta será a pior semana da campanha de Aécio Neves desde que a corrida eleitoral se iniciou. Os tucanos terão que mostrar sangue-frio nesta semana.

Uma semana que começou com Marina Silva sendo capa de várias revistas, prosseguirá hoje com a divulgação da pesquisa Ibope no Jornal Nacional (em que Marina aparecerá com folga à frente de Aécio), continuará com a entrevista de quinze minutos da candidata no JN de amanhã e terminará na quinta-feira com o lançamento do programa de governo da candidata do PSB e , ufa!, na sexta-feira com um novo Datafolha. É uma espécie de Marina Fashion Week.

Como diz um integrante da cúpula da campanha tucana:

– É hora de segurar os pés no chão e esperar, porque agora o solo está balançando.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Presidente da Faec – O agronegócio não tem preconceito com Marina Silva

flaviosaboya

Presidente da Federação da Agricultura do Ceará, Flávio Saboya avisa: o agronegócio não tem preconceito contra a candidata a presidente da República pelo PSB, Marina Silva.

Ele lembra que o falecido Eduardo Campos, como candidato a presidente, esteve conversando com o empresariado do setor na sede da Confederação Nacional da Agricultura, mês passado, ocasião em que expôs sua plataforma para o segmento.Lembrou também que Eduardo levou sua vice, que era Marina Silva.

O agronegócio espera que, se for eleita, Marina Silva cumpra promessas feitas ao setor por Eduardo Campos. Quais? Saboya não esmiuçou.

Ex-ministro Dilma vê economia crítica e sob ameaça da inflação

206 2

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=tCzEvijRaUo&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O economista e administrador Pedro Brito, hoje consultor de empresas, não vê quadro positivo para o País no plano econômico em 2015. Para ele, o Brasil está muito abaixo do seu potencial porque o governo federal não fez o dever de casa, o que exigirá do próximo presidente que faça corte de gastos. Ele se diz preocupado também com a inflação, que bate à porta.

Pedro Brito, que já foi o ministro da Secretaria Nacional dos Portos e diretor-geral da Agência Nacional  de Transportes Aquaviários (Antaq) no Governo Dilma Rousseff, resolveu falar, depois que terminou seu período de quarenta.

Agropacto abre espaços para lançamento da Frutal 2014

A XI Feira Internacional da Fruticultura, Floricultura e Agroindústria 2014, a conhecida Frutal, será lançada às 7h30min desta terça-feira, no auditório da Superintendência do Banco do brasil (Bairro Aldeota), durante reunião do Agropacto.

Euvaldo Bringel, organizador da Frutal e de outros eventos do gênero em outros pontos do País, fará a exposição do programa da feira, que ocorrerá de 23 a 25 de setembro próximo, no Centro de Eventos.

Na ocasião, haverá também uma exposição sobre a situação do agronegócio cearense nestes tempos de estiagem. A cargo de Reginaldo Braga Logo, diretor do Agronegócio da Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece).

SERVIÇO

Sobre a Frutal 2014 é aqui.

Vem aí livro biográfico de Sobral Pinto

“Será lançada nos próximos dias “Toda Liberdade é Íngreme (Insight Comunicação, 336 páginas)”, uma impecável biografia de um dos brasileiros mais importantes do Século XX, Sobral Pinto.

Esquadrinha desde o advogado que, malgrado sua aversão pelo comunismo, defendeu Luiz Carlos Prestes, até o católico fervoroso que, nem em seu leito de morte, perdoou a filha que se separara do marido. E mostra mais de sua personalidade forte.

Certa vez, pegou o chapéu, o guarda-chuva e foi embora do seu escritório, deixando o então governador Fernando Collor atônito. Collor descumprira um acordo e chegou ao escritório acompanhado por um séquito de jornalistas: “Não o recebo. Já disse que era para aparecer sozinho. Não venha mais”.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Vem aí o Movimento do “Não Vote!”

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=O0T7QuCBG90&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O Movimento Crítica Radical vai manter a tradição nestas eleições: desencadeará a campanha do “Não Vote!”. A informação é da ex-vereadora e militante do movimento, Rosa da Fonseca, que, em conversa com o Blog, explica o porquê de uma campanha contra as eleições.

Lúcio Alcântara elogia debate do O POVO e aproveita para criticar gestão cidista

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=471G8eAQZaY&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O presidente regional do Partido da República, Lúcio Alcântara, avaliou, nesta segunda-feira, o debate que o Grupo de Comunicação O POVO promoveu, nesse domingo, via TV O POVO, com os candidatos ao Governo do Estado. Lúcio gostou do formato inovador, onde cada candidato diferente respondeu a perguntas de cada candidato.

Ele aproveitou a entrevista dada ao repórter Lucas Mota, do O POVO, e voltou a criticar a administração do governador Cid Gomes (Pros) no plano da segurança pública.

O ex-governador, bom lembrar,  esteve nesta manhã de segunda-feira no Senac Centro participando do lançamento da campanha Fio a Fio, do Instituto do Câncer do Ceará, que o tem como presidente. A campanha reuniu empresários que ajudará na confecção e doação de perucas para mulheres em tratamento do câncer.

O POVO participa de programa sobre ombudsman

liradani

Lira Neto, Daniela Nogueira e Alberto Dines.

O POVO está participando da série de oito programas especiais do Observatório da Imprensa sobre a função do ombudsman. O cargo do profissional conhecido como “defensor do leitor” comemora 25 anos em setembro no Brasil. Na série “Voz dos Ouvidores” participam a atual ombudsman do O POVO, Daniela Nogueira, e o ex-ombudsman Lira Neto. Os jornalistas são entrevistados por Alberto Dines.

Além deles, participam 10 ombudsmans da Folha de S.Paulo, primeiro jornal a adotar a função no País. O POVO mantém a função de ombudsman há 21 anos. São os dois jornais do Brasil que contam com ombudsman.

Os programas são veiculados pela TV Brasil, em rede nacional, das 23h30min à meia-noite e meia. Nesta terça-feira, a vez de Daniela Nogueira e Lira Neto.

(Foto – Ana Aranha)

Desarmamento! Só para a população?

130 2

Com o título “Os bandidos ainda não aderiram à campanha”, eis artigo do jornalista Bruno Pontes, que pode ser lido no O POVO desta segunda-feira. Ele aborda o avanço da violência no País, tema que ainda passa longe da agenda dos candidatos a presidente da República. Confira:

O “Bom Dia Brasil” mostrou reportagem sobre o aumento de assaltos a ônibus em todo o país. Em Fortaleza, foram 1.149 de janeiro a julho, média de cinco por dia. Em maio, um motorista morreu esfaqueado. Há duas semanas, adolescentes mataram a facadas uma passageira. O POVO da última sexta relatou o sofrimento de famílias da capital que tiveram a casa invadida por bandidos e estão refugiadas por trás de grades e cercas elétricas.

No referendo de 2005, famosos da TV Globo que circulam em carros blindados pediam ao povo que entregasse suas armas e fizesse a pomba da paz com as mãos, pois assim a violência diminuiria. Os brasileiros recusaram o convite. O governo então ignorou o povo e continuou a campanha do desarmamento, dificultando até a impossibilidade a aquisição legal de armas pelo cidadão e pagando-lhe para que fique à mercê de ladrões e assassinos que ainda não aderiram à campanha.

Ninguém pediria a proibição dos automóveis por causa do número de atropelamentos. É o que os partidários do desarmamento fazem. Eles informam que o número de homicídios não caiu desde 2005 e sofisticamente concluem: é preciso recolher armas! Mas nunca dos bandidos e sempre da população ordeira.

Segundo relatório do Escritório da ONU para Drogas e Crimes, foram registrados no Brasil 36 mil mortes por tiro em 2010. Nos EUA, foram pouco menos de 10 mil. Estimativas colhidas em 2007 dão 270 milhões de armas em posse da população americana e 15 milhões em posse da brasileira.

Bene Barbosa, presidente do Movimento Viva Brasil, associação pelo direito ao uso de armas para defesa da vida e da propriedade, salienta o fato de o Nordeste ser a região do país onde mais se mata, mesmo tendo o menor número de armas legais, conforme a Polícia Federal. “Além disso, Sergipe, Alagoas e Paraíba foram os estados que mais entregaram armas nas campanhas de desarmamento. E hoje o Nordeste desponta como a região mais violenta do país”.

O mais provável é que nenhum candidato a presidente com chance de vencer a eleição toque no assunto Estatuto do Desarmamento. Talvez os efeitos de uma política federal sobre o número de homicídios não sejam uma questão importante.

* Bruno Pontes

brunopontes@opovo.com.br 
Jornalista do O POVO.

Mensalão – Roberto Jefferson pode cumprir pena em regime semi-aberto

RobertoJefferson200712

“Chegou às mãos de Luis Roberto Barroso o pedido de Roberto Jefferson para trabalhar na parte administrativa em um escritório de advocacia no Centro do Rio de Janeiro. O “sim” para o regime semi-aberto deve sair nos próximos dias.

Jefferson teve que suar para conseguir receber um médico no presídio em Niterói. A Vara de Execuções Penais estava autorizando exames apenas em uma Unidade de Pronto-Atendimento em Bangu, na Zona Oeste da cidade. São freqüentes as febres altas na prisão.

Leituras tem sido o hobby preferido de Jefferson na cadeia. Mas ler livros não farão o ex-deputado reduzir a sua pena – na sua penitenciária este tipo de programa não existe.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Por Lauro Jardim

Dilma e Lula gravaram para o horário gratuito no canteiro da Transposição

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=XlPupaPrv_Q[/youtube]

A presidente Dilma Rousseff, acompanhada do ex-presidente Lula, visitou as obras da transposição do rio São Francisco. Foi na última quinta-feira, ocasião em que aproveitou para gravar vídeo para o horário eleitoral gratuito.

Quem dá a informação é o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira, que, nesta madrugada de segunda-feira, antes de seguir para Brasília, aproveitou para fazer um balanço sobre a obra da transposição.

Entre alguns dados, disse que o número atual de operários, que supera os 11.500, pode aumentar até o fim do ano. O objetivo é fechar o exercício com 70% da obra executada.

Sem reforma, Teatro Rachel de Queiroz não abrigará festival

teatrod

O XXI Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga (FNT) ocorrerá, de 6 a 13 de setembro, em vários locais do Maciço de Baturité. Segundo a organização, porque o Teatro Rachel de Queiroz, que sempre abrigou o evento, continua fechado. Aguarda por uma santa reforma prometida pelas autoridades .

O FNT figura entre os grandes eventos culturais do País e tem se firmado, no segmento teatral do Nordeste brasileiro, como importante polo de difusão, circulação e formação. Neste ano, além da Mostra Nordeste, haverá também a Mostra Nordeste Universitária.

Mercado financeira projeta nova queda do crescimento econômico

“A projeção de instituições financeiras para o crescimento da economia, neste ano, continua em queda. Pela 13ª vez seguida, a estimativa para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, foi reduzida. Desta vez, a projeção passou de 0,79% para 0,70%. Para 2015, a expectativa é um crescimento de 1,2%, há duas semanas seguidas. Essas projeções fazem parte do boletim Focus, resultado de pesquisa semanal do Banco Central (BC) a instituições financeiras.

Para a produção industrial, a projeção de retração permanece em 1,76%. No próximo ano, as instituições financeiras esperam por recuperação da produção industrial, com crescimento de 1,70%. A projeção para a cotação do dólar segue em R$ 2,35, neste ano, e em US$ 2,50, em 2015.

As instituições financeiras também mantiveram a projeção para a taxa básica de juros, a Selic, ao final de 2014, no atual patamar de 11% ao ano. Para o fim de 2015, a expectativa voltou para 12% ao ano. Na semana passada, estava em 11,75% ao ano.”

(Agência Brasil)

Presidente da Fiec lamenta a morte de Antônio Ermírio de Moraes

Roberto-Macedo-FIEC1

O presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), Roberto Macedo, classificou, nesta segunda-feira, de uma “grande perda para o empresariado do Pais” a morte de Antonio Ermírio de Moraes. “Foi uma grande perda. Ele era homem de visão, fez a sucessão no Grupo Votorantim sem problemas e dedicou sua vida, nos últimos anos, à condição de um dos provedores do Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo. Era um humanista”, destacou Macedo, em conversa com o Blog.

Roberto Macedo lembrou ainda que Antonio Ermírio era amigo do seu pai, José Dias de Macedo. “Papai o tinha como grande amigo e eles sempre trocavam ideias sobre o Brasil”, acrescentou o dirigente da Fiec.

Antônio Ermírio de Moraes, presidente de honra do Grupo Votorantim, morreu na noite de domingo, 24, na capital paulista, aos 86 anos, por insuficiência cardíaca, segundo a assessoria de imprensa da empresa. O corpo está sendo velado no Salão Nobre do Hospital Beneficência Portuguesa. O enterro será às 16 horas no Cemitério do Morumbi.

* Saiba mais sobre Antônio Ermírio de Moraes aqui.

Índice de Confiança do Consumidor registra queda de 4,3% em agosto

“O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) caiu 4,3% entre julho e agosto deste ano, depois de duas altas consecutivas, segundo dados divulgados hoje (25) pela Fundação Getulio Vargas (FGV). O indicador atingiu 102,3 pontos, o menor patamar desde abril de 2009 (99,7 pontos). Houve piora tanto na confiança em relação ao momento presente quanto na expectativa para os próximos meses. O subíndice da Situação Atual, que avalia o momento presente, caiu 5,1% e chegou a 107,2 pontos, o menor patamar desde maio de 2009 (103 pontos).

O grau de satisfação dos consumidores em relação à economia recuou 13,6%. A proporção de consumidores que avaliam a situação como boa diminuiu de 16,7% para 12,5%, enquanto aqueles que a julgam ruim aumentaram de 41% para 47,1%.

Já o subíndice de Expectativas, que mede a confiança em relação ao futuro, recuou 1,1%, atingindo 100,1 pontos, o menor patamar desde março de 2009 (97,6 pontos). O grau de otimismo em relação ao futuro caiu 3,9%. A parcela de consumidores que esperam melhora da economia diminuiu de 22,9% para 22,1%, enquanto o percentual daqueles que preveem piora avançou de 28,4% para 30,3%.”

(Agência Brasil)

IV Seminário Futura Tendes debate os desafios de um mercado globalizado

ivensdiasbranco

Tem início às 14 horas desta segunda-feira, no La Maison Dunas, o IV Seminário Futura Trends. O encontro, uma realização da Fundação Demócrito Rocha e do Grupo de Comunicação O POVO,  debaterá os desafios do mercado globalizado, através da participação de convidados especiais e depoimentos de empresários de sucesso como o controlador do Grupo M. Dias Branco, Ivens Dias Branco.

O tema desta edição é “Fronteiras do Empreendedorismo”. Entre várias questões, economia criativa desenvolvidos por empreendedores nacionais e painéis do momento como “Brasil-China: oportunidades de investimentos”.

O Seminário Futura Trends reúne 10 palestrantes e os jornalistas Heródoto Barbeiro e Nazareno Albuquerque que mediarão os painéis.

SERVIÇO

* La Maison Dunas – Avenida Engenheiro Luis Vieira, 555 – Papicu.

Previdência inicia pagamento da 1ª parcela do 13º do aposentado

“A Previdência Social inicia hoje (25) o pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário. Também começa nesta segunda o depósito dos benefícios da folha de agosto para os segurados que recebem até um salário mínimo e têm cartão com final 1, desconsiderando-se o dígito. Para quem recebe acima do mínimo, o pagamento começa a ser depositado no dia 1º de setembro. O calendário de pagamento de agosto segue até 5 de setembro.

Na folha de agosto, a Previdência vai transferir para a economia dos municípios mais de R$ 13,9 bilhões referentes apenas ao pagamento da primeira parcela da gratificação natalina, o décimo terceiro salário. Ao todo, mais de 27 milhões de benefícios terão direito ao abono em todo o país. Além disso, a folha de agosto vai pagar mais de 31 milhões de benefício,s o que corresponde a cerca de R$ 29 bilhões. Essa diferença entre a quantidade de benefícios da folha e o número de benefícios do abono ocorre porque nem todos os segurados têm direito a receber o décimo terceiro salário. O valor total da folha, considerando o pagamento da gratificação natalina, ultrapassa R$ 43 bilhões.

Não haverá desconto de Imposto de Renda (IR) nesta primeira parcela. De acordo com a legislação, o IR sobre o décimo terceiro salário só é cobrado em novembro e dezembro, quando será paga a segunda parcela do benefício, informou o Ministério da Previdência Social.”

(Agência Brasil)