Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Unimed Fortaleza é condenada a ressarcir cliente que bancou custos de cirurgia

“A Unimed de Fortaleza foi condenada a ressarcir em R$ 62.580,00 cliente que pagou com recursos próprios cirurgia realizada em São Paulo. Além disso, terá de pagar indenização moral R$ 2 mil. A decisão foi proferida pela 7ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). De acordo com os autos, em abril de 2013, o paciente recebeu diagnóstico de meningoencefalocele e mastoidite aguda. Em virtude da doença, o médico indicou tratamento cirúrgico chamado timpanomastoidectomia. O segurado alegou que em Fortaleza não havia profissionais aptos para realizar o procedimento, por isso foi indicado médico em São Paulo.

Na Capital paulista, em 29 de julho de 2013, foi encaminhado para cirurgia no Hospital Sírio Libanês. Ao solicitar autorização, não obteve resposta do plano de saúde. Diante da urgência do quadro, a família pagou a intervenção, no valor de R$ 62.580,00. Para receber o ressarcimento da seguradora, o cliente ajuizou ação requerendo também indenização por danos morais. Na contestação, o plano de saúde alegou não ter negado o procedimento cirúrgico. Sustentou ter autorizado imediatamente a solicitação e requereu a improcedência da ação.

Em fevereiro deste ano, o Juízo da 22ª Vara Cível de Fortaleza concedeu o pedido conforme requerido, por entender ter havido omissão do plano de saúde, apesar do contrato firmado entre as partes. Para reformar a sentença, a operadora de saúde interpôs apelação (nº 0186770-08.2013.8.06.0001) no TJCE. Pleiteou que, em caso de eventual manutenção da condenação, seja o valor limitado aos constantes da Tabela de Honorários utilizada pela Unimed de Fortaleza.

Ao julgar o caso, a 7ª Câmara Cível manteve a sentença, acompanhando o voto do relator do processo, desembargador Francisco Bezerra Cavalcante. “Em nenhum momento da demanda de primeiro grau fora questionado pela promovida a referida limitação de custeio. Desta forma, trazendo à baila questão não discutida em primeiro grau, a promovida [Unimed] inovou em sede recursal, o que não pode ser admitido”.

(Site do TJ-CE)

José Guimarães puxará o “Agitaço do PT” pró-Dilma e Camilo

camildilma

Sob comando do deputado federal José Nobre Guimarães (PT), ocorrerá, a partir das 16 horas desta quarta-feira, o “Agitaço PT”. Segundo o parlamentar, uma grande panfletagem pró-Dilma Rousseff e Camilo Santana, que sairá da pracinha da Igreja de Fátima com destino à reitoria da UFC.

Já na sexta-feira, a partir as 18 horas, haverá o “Bandeiraço da Vitoria”

A ordem, segundo a direção partidária, é convocar a militância para ir às ruas em favor da reeleição da presidente Dilma Rousseff e do candidato a governador Camilo Santana.

O ato se concentrará na avenida Dom Luís com Virgílio Távora, no bairro Aldeota.

(Foto – Divulgação)

Produção agropecuária do País cresceu 1% em setembro

“Usado como estimativa sobre geração de renda no meio rural, o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2014 deve ficar em R$ 438 bilhões, segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. O resultado é 1% maior que o registrado no mesmo mês, em 2013 (R$ 433,54 bilhões) e tem por base informações de setembro. O VBP é calculado com base no volume da produção e nos preços médios praticados no mercado.

Dos R$ 438 bilhões relativos a 2014, R$282 bilhões têm como origem as lavouras, o que representa aumento de 0,3% na mesma base de comparação. A pecuária somou R$ 155 bilhões – aumento de 2,5% na comparação com setembro de 2013.

Os produtos da lavoura que apresentaram melhor desempenho foram: algodão, aumento de 51,9%; cacau (26,2%); laranja (25,9 %); pimenta do reino (25,4%); trigo (14,6%); banana (13,9%); café (13,6%); batata inglesa (11,1%); maçã (9,4 %) e soja (4,1%). Já o destaque na pecuária ficou com a carne bovina, que somou 19,3% mais que no mesmo período do ano anterior. A carne suína registrou crescimento de 11,6%.

As regiões Centro-Oeste e a Sudeste lideram tanto a produção de grãos como a de carnes no país, com VBPs totalizados em R$ 109,53 bilhões e R$ 107,8 bilhões, respectivamente. Isso corresponde a 49,6% de todo o valor da produção agropecuária. Já o VBP da Região Sul ficou em R$ 107,6 bilhões; o do Nordeste, R$ 40,43 bilhões; e o da Região Norte, R$ 17,83 bilhões.”

(Agência Brasil)

Nação não se torna civilizada por decreto

Com o título Brasil em transe”, eis artigo de Silvia Helena, professor de Filosofia e Ética da Universidade de Fortaleza. Ela analisa esse tempo de eleições, onde todos parecem viver dois brasis e de gente que se horroriza com baixas eleitorais, mas não reage contra abusos, por exemplo, de programas policiais e outros preconceitos. Confira:

Não se fala de outra coisa. Nas escolas, nas ruas, campos, construções é o Brasil em pauta, ‘brasis’ que se disputam. Ainda não ‘somos todos iguais, braços dados ou não’; ‘somos todos soldados, armados ou não’. Faz parte.

Houve quem dissesse que nem haveria Copa. Depois do pânico geral fizemos uma Copa memorável e…acabou. Quantas páginas de jornais e debates sobre a influência da Copa nas eleições? Quem ganharia, quem perderia, com a pane de infraestrutura (não houve), com a derrota da seleção (houve)? Quase nada disso se fala nos acalorados debates que ora travamos em todos os fronts, especialmente nas já mal faladas ‘redes sociais’, sobretudo nesse segundo turno das eleições. E, sim, isso é sinal de inequívoco amadurecimento político. Mas nem tudo são flores, como sabia o poeta.

O gigante que acordou na Copa das Confederações parece ter voltado para a ‘militância de sofá’ bem mais frenético (lembremos que um dos cartazes mais frequentes das jornadas de junho era ‘saímos do facebook’) o que acaba conferindo à presente eleição um caráter plebiscitário típico de democracias longevas. Brasil, esse desafio pra cuca.

Não me surpreendo ou horrorizo com ‘baixarias’ que abundam nas redes e já começam a retomar as ruas, beirando às agressões físicas. Lamentavelmente, isso continua dentro das expectativas mais realistas: o clima de desprezo pela política é cuidadosamente urdido pelos silêncios, criminalização, recalcamentos de nossa ainda profunda desigualdade, quase ausência de educação política e debates com contraditório. Não costumo ver os enojados com a sujeira das ruas, barulho, programas eleitorais de TV e rádio (em eleições bienais), também revoltados com a sordidez dos programas policiais, a violência contra negros, homossexuais e mulheres, o extermínio da juventude das periferias urbanas, diuturnamente e sem folgas.

Política é ‘guerra’ por ‘outros meios’; às vezes mais guerra, sem dúvida. Os outros meios envolvem persuasão, trapaça mas também convencimento, civilidade de considerar adversários, e não inimigos, os que pensam econômica e politicamente diferente de nós, conquista árdua, nunca levada a termo de modo exaustivo nem nos países mais avançados do mundo. A dissensão está sempre à espreita, nos calcanhares dos mais ou menos precários consensos.

Nosso Brasil vai trilhando seu caminho. Sem vergonha, pessoal, é assim mesmo. Nenhuma grande nação do mundo tornou-se civilizada por decreto: há sempre andrajos da barbárie fundadora. Ainda temos uma transição a completar.

Há quem, a um só tempo, reclame de apatia nas eleições e festeje as abstenções. Vá entender. O ‘pathos’ político agonístico se manifesta em seu elemento próprio, ruidoso e violento. O que nos faz tremer não é o medo da derrota, mas de não ter feito nada para evitá-la. Cada qual com suas armas acredita saber qual o melhor Brasil. Podemos pensar em terminar ‘iguais, braços dados ou não’. Não dá pra saber. Apenas acreditar. E lutar. Muito.

Sandra Helena de Souza

souza.sandraelena@gmail.com

Professora de Filosofia e Ética da Unifor.

Apreensão de mercadorias falsificadas e contrabandeadas já cresceu 22% neste ano

A apreensão de mercadorias falsificadas e contrabandeadas no Brasil cresceu 22% nos primeiros nove meses deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. Cigarros, autopeças e bebidas lideram o ranking de produtos ilegais.

Os dados estão em levantamento que a Associação Brasileira de Combate à Falsificação apresenta nesta quarta-feira (22/10) em São Paulo.

O prejuízo anual para o governo e as indústrias é estimado em R$ 40 bilhões.

(Coluna de Mônica Bergamo, da Folha)

OAB-CE lança 12 obras jurídicas durante Conferência Nacional dos Advogados

valdetario

Um café puxa uma boa leitura

A Ordem dos Advogados do Brasil, regional do Ceará,  lança 12 obras jurídicas durante a Conferência Nacional dos Advogados, que acontece até quinta-feira, no Rio de Janeiro. As obras são resultado de pesquisas desenvolvidas por conselheiros da OAB-CE e por professores universitários.

Para o presidente da Ordem, Valdetário Monteiro, o lançamento dos livros durante essa conferência é uma oportunidade para que o Ceará também se destaque na produção jurídica do país.

“O Ceará é um solo fértil para o conhecimento e é de fundamental importância apresentar o que os autores cearenses têm pesquisado nas mais diversas perspectivas do Direito”, avalia  Monteiro.

As obras abordam diversos temas do Direito, como a evolução histórica do Habeas Corpus, os 30 anos da Lei de Execução Penal, Direito Empresarial e Direitos Humanos.

IBGE – Setor de serviços tem crescimento de 4,5% em agosto

“A receita nominal do setor de serviços teve, em agosto deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado, o menor crescimento da série histórica, iniciada em janeiro de 2012, ficando em 4,5%. Em julho, a taxa foi 4,6%. Segundo a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada hoje (22) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os crescimentos acumulados de 6,7% no ano e 7,4% no período de 12 meses, também são os menores da série.

Em agosto, os principais responsáveis pela redução do ritmo de crescimento foram os serviços de informação e comunicação, que cresceram 1,7%, e os serviços de transportes e correio, que tiveram uma alta de 3,2%. Ambos os segmentos apresentaram variações menores do que nos dois meses anteriores.

Por outro lado, os setores de serviços prestados às famílias – com crescimento de 9% -; serviços profissionais, administrativos e complementares – com alta de 7,9% -; e outros serviços – 10,6% – tiveram um desempenho melhor do que em julho.

Das 27 unidades da Federação, 23 tiveram aumento na receita nominal dos serviços, com destaque para Distrito Federal (13,2%), Acre (11,2%) e Tocantins e Rondônia (ambas com 8,2%). Os quatro estados com queda foram Amapá (-3,9%), Piauí (-2,0%), Mato Grosso do Sul (-1,2%) e Espírito Santo (-0,6%).”

(Agência Brasil)

Nova Datafolha – Dilma tem 52%; Aécio, 48%

200 2

“A presidente Dilma Rousseff (PT) tem 52% das intenções de votos válidos (excluídos brancos e nulos), contra 48% de Aécio Neves (PSDB), aponta pesquisa Datafolha sobre a corrida presidencial divulgada nesta quarta-feira pelo jornal Folha de S. Paulo. A quatro dias da eleição, o levantamento mostra um cenário inalterado em relação ao da pesquisa divulgada na segunda-feira. O resultado indica um empate técnico no limite da margem de erro de dois pontos, mas com a petista numericamente à frente do tucano.

Levando em conta os votos totais, Dilma oscilou de 46% para 47% e Aécio manteve os 43% da última pesquisa. O número de pessoas que pretende votar nulo ou em branco foi de 5% para 6%, enquanto o índice de indecisos caiu de 6% para 4%. O Datafolha também apurou a confiança de eleitores petistas e tucanos. Entre os que vão votar em Dilma, 82% acham que a candidata será reeleita. No grupo dos que votam em Aécio, 78% acreditam que ele será o vencedor.

O instituto ouviu 4.355 eleitores em 256 municípios nesta terça-feira. A pesquisa está registrada no TSE sob o protocolo BR-01160/2014.”

(Veja Online)

Cid Gomes se licencia de novo para cair na campanha pró-Camilo e Dilma

279 5

cidgom

“Será oficializada na manhã de hoje nova licença do governador Cid Gomes (Pros) do cargo até a próxima segunda-feira, 27. Segundo o próprio Cid, licença ocorre para que ele possa priorizar eleição de Camilo Santana (PT) à sua sucessão no governo do Ceará.

“Para mim essa é hoje a questão mais importante, porque diz respeito ao futuro do Ceará”, afirma. Ele poderá ser substituído pelo presidente da Assembleia, Zezinho Albuquerque (Pros).

Na manhã de ontem, Cid Gomes afirmou que já planejava tirar licença desde a última segunda-feira. Ele teria adiado o afastamento após saber de agenda da ministra Miriam Belchior no Estado.

No primeiro turno, licença de Cid foi alvo de muitas críticas de Eunício Oliveira (PMDB). Segundo o peemedebista – que apoiou ação semelhante do governador em 2012 para eleição de Roberto Cláudio (Pros) -, ação simboliza “abandono” do Estado.

(O POVO)

 

Dnocs em clima de 105 anos de fundação

livroro

Nesta semana que marca os 105 anos de fundação do Departamento Nacional de Obras Cnotra as Secas (Dnocs), será lançado, nesta quarta-feira, o livro “O Semiárido e sua gente’. O autor é o ex-diretor do órgão, Godofredo Chaves.

A partir das 10 horas, na sede do órgão, dentro de atos que marcam a data e que têm à frente o diretor-geral Walter Gomes de Souza.

No final da tarde, haverá a celebração de uma missa pelo Dnocs que, cá pra nós, alvo de tanto esvaziamento, precisa de muita, muita reza.

Maílson defende a qualificação do trabalhador brasileiro e é a favor das terceirizações

mailsonnobrega

Da palestra de Maílson da Nóbrega, nessa noite de terça-feira, abordando o cenário da economia do País, no auditório da Fiec, eis alguns trechos para reflexões do leitor deste Blog:

“A indústria é um dos setores mais afetados, pagando o preço da ausência de reformas e cada vez mais com tributos. É um quadro preocupante, não só para o setor, mas para a economia como um todo”.

“É preciso qualificar o trabalhador brasileiro. A produtividade, comparada com um trabalhador americano, é de 1/5”.

“A operação logística ficou muito cara. O que também pode dificultar o crescimento é a exacerbação da ideia de que a terceirização tem de ser proibida. O Brasil está na contramão do que o corre no mundo inteiro”.

“As políticas de controle de preços e intervenções de mercado no petróleo e na eletricidade começam a gerar um custo para sociedade estimado em R$ 250 bilhões”.

Sem avareza – Padre Reginaldo Manzotti vai às compras no Centro de Turismo

premanzott

Antes de deixar Fortaleza, após o sucesso que foi o VII Evangelizar é Preciso, no fim de semana do aterro da Praia de Iracema, o padre Reginaldo Manzotti tomou uma providência com seu grupo: visitou o Centro de Turismo.

Ali, comprou muitas peças de artesanato e, entre uma comprinha  e outra, ganhou o carinho de visitantes e do pessoal que trabalha no local.

Quem ciceroneou Manzotti no Centro de Turismo foi o querido amigo e colaborador do Blog, Carlinhos Emcetur.

Nem todo cirista votará em Dilma Rousseff

anamadriacavla

Olho na lapela…

Nem todo amigo ou correligionário do secretário estadual da Saúde, Ciro Gomes, votará na reeleição de Dilma Rousseff (PT).

Nesta quarta-feria, a médica Anamaria Cavalcante, que foi secretário estadual da Saúde do Governo Ciro Gomes, avisou: votará em Aécio Neves. Para ela, chega de PT e é preciso apostar na alternância do poder. Ela também questiona o Programa Mais Médicos, que importou profissionais estrangeiros.

Anamaria, que também é militante na área da pediatria, não se esqueceu de estar engajada em uma outra campanha,: a do Outubro Rosa, que busca conscientizar as mulheres sobre a prevenção contra o câncer de mama.

(Foto – Paulo MOska)

Crítica Radical volta a conclamar o eleitorado a aderir ao “Não Vote!”

188 2

cazz

Com o título “Nas ruas pra dizer não!”, eis um manifesto que o Movimento Crítica Radical manda para o Blog e que diz respeito à campanha do “Não vote”. Confira:

O Ceará foi o primeiro a dizer não à escravidão. Agora, frente à crise que mostra o limite do capitalismo é o primeiro que faz brotar uma nova forma de vida, de produção e de distribuição.

Enquanto isso, as candidaturas com seus partidos e alianças, no poder há mais de 20 anos, não têm ideias, nem projetos e muito menos medidas para os gigantescos desafios do século XXI, mas são capazes de promover o maior festival de baixaria e mediocridade na história das disputas eleitorais dessa nação.

Mas, o protesto de 38,7 milhões no país, dos quais 2 milhões no nosso estado, que ficou em 2º lugar no Brasil e no Ceará, repudiou o que aí está e conta como uma parte dos seus integrantes, desde o ano 2000, com os que começaram a estruturar um novo projeto capaz de eliminar a sujeição.

Para essa façanha histórica, teremos que ir além da política, dos partidos, candidaturas, mercado, estado e demais categorias fundantes do moderno sistema patriarcal produtor de mercadorias. Teremos de ultrapassar as insuficiências das jornadas de junho e do acampamento do Cocó para pormos abaixo esse sistema em colapso e em decomposição.

O projeto de Dilma e seus apoiadores administra a crise via estado e tem no mercado indispensável colaboração.

O projeto de Aécio e seus apoiadores administra a crise via mercado e tem no estado a sua sustentação.

Ambos, como se vê, apostam na dobradinha do mercado e do estado tentando esconder seus limites e decadência que a espetacularização da crise escancarou através da mídia numa acrítica, refinada e sofisticada demonstração.

Por isso, o protesto tem que ir além do não voto, nulos e brancos no 2º turno para acabar com a catástrofe que paira sobre a humanidade e o planeta, hoje ameaçados pela devastação.

Chegou a hora da constituição de uma força social, consciente, livre, organizada e fundamentada na crítica radical às categorias, à forma sujeito e à dissociação sexual para rebentarmos a matrix categorial que sustenta o capitalismo. Com isso daremos início a uma nova relação social, a uma nova sociedade, no campo e na cidade, colocando em prática uma verdadeira emancipação.

Tá na hora de um projeto que nos liberte da nova escravidão que nos aprisiona na matrix fetichista do valor e da dissociação sexual que possibilitou ao dinheiro sua valorização e que, baseado numa abstração, entrou em crise provocando o recuo da civilização.

Tá na hora da nossa resposta efetiva a partir do 2º turno para conquistarmos e vivermos já uma vida digna e plena de sentido, pondo fim à conciliação que quer garantir a continuidade de um sistema que ainda impede a nossa libertação.

Todos e todas na rua pra dizer não!

Fortaleza, 21 de outubro de 2014.

* Movimento Crítica Radical.

Receita e Fazenda Nacional emitem certidão negativa unificada a partir de novembro

A Receita Federal e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) adiaram o início da vigência da Portaria Conjunta 1.751, editada neste ano.

Com isso, ficou para o dia 3 de novembro o início da emissão pelos dois órgãos da Certidão Negativa de Débitos (CND) unificada, abrangendo contribuições previdenciárias e outros tributos.

O documento começaria a ser expedido nessa segunda-feira.

(Valor Econômico)

Beach Park Resort oferece 326 vagas temporárias

De olho na alta estação, o Beach Park Resort abriu processo seletivo de 326 vagas temporárias para as mais diversas áreas de atuação. Dentre as vagas disponíveis estão: Garçom, Cumim, Recepcionista, Jardineiro, Serviços Gerais, Auxiliar de Logística I, Promotor de Marketing, Auxiliar de Cozinha, Consultor de Turismo Jr., Estoquista, Camareira, Recreadora, Copeira, Caixa, Vendedora, Atendente de Loja, Consultor de Vendas, Churrasqueiro, Massoterapeuta, Recepcionista Bilingue, Monitor de E&L, Cozinheiro, Atendente, Agente de Portaria, Consultor de Vendas, dentre outras vagas.

Para Cecília Vieira, gerente de RH do Beach Park Resort, as vagas temporárias são uma ótima oportunidade para o primeiro emprego. “É uma ótima chance para aqueles que não têm experiência e buscam o primeiro emprego. De acordo com o desempenho há também possibilidade desses colaboradores serem efetivados, como foi o caso de outros profissionais que trabalham hoje no Beach Park Resort”, afirma.

SERVIÇO

* Não será exigida experiência para participar da seleção. Os interessados devem enviar o currículo para o email kellycristine@beachpark.com.br, com o nome da vaga pleiteada no “Assunto”.

TRT do Ceará vende bens penhoradas em feirão

leilao

“O Tribunal Regional do Trabalho vai promover, na primeira semana de novembro, o seu I Feirão de Bens Móveis. Veículos, máquinas industriais, equipamentos de informática e roupas serão vendidos com lance mínimo a partir de 20% do valor da avaliação. A negociação será realizada nos dias 5, 6 e 7 de novembro, sempre das 9 às 11 horas, em três depósitos localizados em Fortaleza e Eusébio.

Com R$ 10 mil é possível fazer um oferta para um veículo blindado ano 1999, em bom estado de conservação, câmbio automático e banco de couro. Um ônibus fabricado em 1998 e avaliado em R$ 45 mil tem lance inicial de R$ 9.000. “Além do valor, outra grande diferença entre o feirão e os leilões é o fato de que o comprador vê, durante a negociação, o que está comprando, pois a venda é realizada dentro do depósito onde os bens estão armazenados”, destaca o juiz do trabalho André Barreto.

O dinheiro arrecadado será utilizado no pagamento de trabalhadores que venceram disputas na Justiça do Trabalho, mas ainda não receberam o que têm direito. Ao todo, serão colocados à venda 32 lotes de bens, que têm a característica de já terem sido ofertados em leilões do TRT/CE.

Datas e locais

* 5 de novembro: Depósito Leiloeiro Willian Augusto
Rua Bruno Valente, 1125 – Serrinha, Fortaleza

* 6 de novembro: Depósito Leiloeira Graça Medeiros
Rua Antônio Soares Pereira, 130, Telha, Eusébio

* 7 de novembro: Depósito Leiloeiro Fernando Montenegro Castelo
Rua Ademar Paula, nº 1.000, Esplanada do Castelão, Fortaleza.

(Com TRT-CE)

Dilma critica em Pernambuco omissão tucana por causa da seca em São Paulo

247 1

“A candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff, participou hoje (21) de um ato de campanha em Petrolina, no interior de Pernambuco, onde recebeu apoio de movimentos sociais e organizações do Semiárido. No encontro, Dilma destacou as políticas adotadas pelo governo no Nordeste, entre elas a construção de cisternas, que, segundo ela, prepararam a região para a seca.

“Estamos preparados para a seca. O estado mais rico do Brasil, São Paulo, não se preparou para a seca. Vocês, do Nordeste, se prepararam e hoje, diante da maior seca, temos condições de viver aqui”, disse a candidata. “Tenho orgulho do 1 milhão de cisternas que construímos aqui – é uma realidade, uma realização. Sei que vocês sempre tiveram garra, sempre lutaram, defenderem uma vida melhor para suas famílias. O que não havia no Brasil era oportunidade”, acrescentou.

Dilma falou também sobre o impacto de programas sociais como o Bolsa Família, o Minha Casa, Minha Vida e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na melhoria de indicadores da Região Nordeste, principalmente no Semiárido. “Diante da urna, vamos fazer mais uma vez um manifesto pelo Semiárido, por todas as conquistas que já tivemos e por todas as que vamos conquistar nos próximos quatro anos”, pediu.

Dilma criticou as políticas para o Nordeste dos governos do PSDB e disse que o partido de seu adversário, Aécio Neves, não reconhece as transformações sociais e econômicas que a região teve nos últimos anos, sob gestões do PT.”

(Agência Brasil)

Eleições 2014 – Exército vai reforçar segurança do segundo turno do pleito no Ceará

“Cerca de 2.500 homens do Exército Brasileiro devem reforçar a segurança no segundo turno das eleições no Ceará. O anúncio foi feito nesta terça-feira, 21, após reunião entre a presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE), desembargadora Iracema do Vale, o comandante da 10ª Região Militar, Marco Antônio Freire Gomes, e o secretário de Segurança Pública, Servilho Paiva.

Os homens da Força Federal serão enviados dos Estados de Pernambuco e Piauí. Tropas na cidade de Crateús e Fortaleza, no Ceará, também comporão o reforço.

Segundo a Justiça Eleitoral, os militares serão divididos no total de 19 zonas: 13 em Fortaleza, duas em Maracanaú, duas em Caucaia, uma em Maranguape e uma em Pacatuba. Os batalhões deve circular nas cidades sob o comando do juiz da cada zona eleitoral que será responsável por acioná-los para ocorrências. A Polícia Militar do Estado manterá as atividades do primeiro turno das eleições.
O pedido de reforço partiu do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) após denúncias feitas pelo governador Cid Gomes (Pros) de que “uma milícia dentro da polícia” estaria atuando para “fins politiqueiros”.
(POVO Online)