Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Comissionado da Secretaria da Saúde diz que médicos cubanos são disciplinados

138 4

Em seu Blog o secretário estadual da Saúde, Arruda Bastos, divulga artigo intitulado “Bem-vindos, colegas cubanos”. Quem assina é Manuel Dias da Fonsêca Neto, mestre em Gestão de Sistemas Locais de Saúde e também é Coordenador de Proteção e Promoção à Saúde da pasta. Confira:

Estive em Cuba em 1986, junto com uma centena de brasileiros, para participarmos do I Seminário Internacional em Atención Primaria de La Salud, promovido pela Organização Panamericana de Saúde(OPS), Organização Mundial da Saúde(OMS) e Ministério de Saúde Pública de Cuba. Há quase 30 anos o Programa de Saúde da Família de Cuba era o destaque deste Seminário Internacional, exemplo de estratégia de incorporação de baixa densidade tecnológica, centrada na pessoa humana, na família e no vinculo permanente de uma equipe com a população de um território, com resultados significativos na melhoria de indicadores de saúde.

Qual era o segredo desta estratégia? Os médicos cubanos aprendiam o que os nossos mestres Dr. Paulo Marcelo, Dr. Elias Salomão, Dr. Oto, Dr. Pessoa, Dr Haroldo Juaçaba nos ensinavam: ouvir o paciente e sua história familiar, examiná-lo, palpá-lo, auscultá-lo, observando sinais e sintomas, fazer, enfim, uma anamnese e exame clínico detalhado e sistemático. Respeitando o ser humano que nos procura em sofrimento, a sua individualidade, com ética e humanismo. Os médicos cubanos são excelentes médicos de família e vêm aperfeiçoando o seu conhecimento há 30 anos.

Os brasileiros estarão em muito boas mãos aos seus cuidados. Fico muito triste ao presenciar expressões de xenofobia e até etnofobia, arrogância, preconceito e agressividade de presidentes de alguns CRMs, do CFM e AMB contra médicos estrangeiros, especificamente cubanos. Xenofóbico é quem demonstra temor, aversão ou ódio aos estrangeiros. Será que esta não é uma forma camuflada de expressar aversão ou ódio aos pobres do Brasil?

Por que tememos os médicos cubanos? Porque são disciplinados e cumprirão a carga horária contratada? Porque são excelentes médicos de família e cuidarão com carinho, respeito e sabedoria do nosso povo. Porque se fixarão num só emprego e dedicarão todo o seu tempo às famílias sob sua responsabilidade? Espero que nossos colegas médicos cubanos e demais estrangeiros não sejam hostilizados por senhores da “casa grande e senzala” da modernidade e sejam acolhidos com simpatia e respeito, como fui por eles, quando estive em Cuba há 30 anos.

* Manoel Dias da Fonsêca Neto,

Médico, Especialista em Saúde Pública
Mestre em Gestão de Sistemas Locais de Saúde.

Governo prevê pacote de tributação de multinacionais

“O Ministério da Fazenda deve concluir nos próximos dias um pacote para definir a tributação de lucros e dividendos de subsidárias de empresas brasileiras no exterior. Até o momento, a cobrança não é feita porque o tema é objeto de discussão em uma ação que tramita no Supremo Tribunal Federal. As informações são da Agência Estado. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, confirmou que o governo deve lançar um novo modelo de regime de tributação das multinacionais brasileiras. Segundo reportagem publicada pelo Estadão neste sábado (24/8), faltam ainda alguns detalhes por definir no pacote, mas já se sabe que deve ser estabelecido um regime de taxação mínimo de 22% de Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) para lucros no exterior.

Para evitar a taxação em território nacional, a empresa deve provar que esse piso de 20 % foi recolhido lá fora. Mas, se não provar, paga integralmente a alíquota de 34%, incluindo 25% de IR e 9% de CSLL. O pacote prevê também a renegociação de um contencioso cujo valor potencial é de R$ 70 bilhões em multas por IRPJ e CSLL não recolhidos. Estão previstos descontos nas multas e juros e o parcelamento em até cinco anos.

O tema da tributação de empresas no exterior é complexo e incômodo. Em abril, o Supremo Tribunal Federal decidiu que a cobrança sobre lucros no exterior não se aplicar a empresas coligadas em países sem regime tributário favorecido, mas ainda assim a admitiu a tributação no Brasil de empresas controladas que estejam sediadas em paraísos fiscais.”

(Consultor Jurídico)

Censo do Poder Judiciário – CNJ inicia trabalho nesta segunda-feira

“O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) começa hoje (26) o Censo Nacional do Poder Judiciário para definir o perfil dos magistrados e de servidores. É a primeira vez que um censo é feito no Judiciário. A partir destas segunda-feira (26), um questionário que estará no site do CNJ deverá ser respondido pelos servidores, que deverão fornecer dados pessoais e funcionais. De acordo com o conselho, os dados serão mantidos em sigilo, e os participantes não poderão ser identificados. O tempo estimado para responder às perguntas é cinco minutos.

De acordo com o CNJ, o censo terá importância para a formulação de políticas de recursos humanos e públicas do Judiciário. Com o levantamento será possível saber quantos servidores são brancos, negros ou portadores de deficiência, por exemplo.

O lançamento oficial será feito às 14h30min, no plenário do Conselho, em Brasília.”

(Agência Brasil)

Ministro Leônidas Cristino faz defesa de Cid Gomes em seu Facebook

leocidd

Em seu Facebook, o secretário nacional dos Portos, ministro Leônidas Cristino, publicou texto, onde faz a defesa do seu amigo e gestor Cid Gomes, alvo de vários questionamentos – dos gastos com buffet, a compra de helicópteros. Confira:

“Os valores que definem a trajetória do governador Cid ele os traz do berço. Por onde passou na vida pública, deixou a marca da sua competência. Empreendedor arrojado, com larga visão e sempre aberto ao diálogo, dedica-se com exclusividade às suas funções; nada o faz desviar o foco.

Fui seu sucessor na Prefeitura de Sobral e sei como ele cuidou da nossa gente e preparou a cidade para o futuro. Hoje, governando o Ceará, ele emprega todas as suas energias ao desenvolvimento do Estado e à melhoria das condições de vida do seu povo. Não é por acaso que registramos um volume de investimentos comparável aos dos estados mais ricos do País.

Essa posição, nunca antes conquistada, só foi alcançada graças à austeridade, ao zelo e ao respeito ao dinheiro público. Isso tem um preço alto: desagrada, fere interesses, contraria grupos, provoca reações, suscita fofocas e gera picuinhas.

Mas nós cearenses, independentes desses sentimentos menores, testemunhamos e aprovamos as suas realizações e temos a convicção de que a história reconhecerá o Governador Cid como um dos melhores governadores do Ceará.”

* Leônidas Cristino.

Tudo pronto para o III Futura Trends

Tem início a partir das 9 horas desta segunda-feira, no Gran Marquise Hotel, o III Futura Trends, um seminário que discutirá perspectivas da economia do Estado e do País. O presidente da FIEC, Roberto Macedo, comandará mesa de debates, fazendo intervenções sobre o tema A sustentabilidade dos negócios face à globalização.

O evento reunirá cientistas, doutores e empresários de organizações nacionais e internacionais em discussões e conferências e terá ainda, na condição de debatedores, figuras como Carlos Henrique Rossin, diretor nacional de sustentabilidade da PWC, e Maurício Antônio Lopes, presidente da Embrapa.

O deputado federal Antônio Balhmann falará sobre “O papel da China, Coreia do Sul e Japão na Economia”, enquanto a palestra magna será de Ozires Silva, professor da Fundação Getúlio Vargas, fundador e ex-presidente da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer), ex-presidente da Petrobras e também ex-ministro de Infraestrutura.

INSS inicia pagamento da 1ª parcela do 13º dos aposentados nesta segunda-feira

“A primeira parcela do décimo terceiro salário de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começará a ser paga nesta segunda-feira (26). O pagamento foi autorizado por uma portaria no início de agosto. Os depósitos serão feitos entre os dias 26 de agosto e 6 de setembro. Segundo o Ministério da Previdência Social, a expectativa é que 26,5 milhões de pessoas recebam a primeira parcela e que sejam injetados na economia aproximadamente R$ 12 bilhões. No ano passado, foram pagos R$ 130 bilhões com o décimo terceiro dos trabalhadores brasileiros, equivalente a 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB).

Sobre a primeira parcela do décimo terceiro, não incidem imposto de renda ou recolhimento para a Previdência – cobrados somente sobre a segunda parcela do benefício. Para os trabalhadores com carteira assinada, a primeira parcela deve ser paga entre 1º de fevereiro e 30 de novembro. A segunda, até o dia 20 de dezembro. Para os servidores públicos, a regra é diferente. A primeira parcela é paga em julho, com base no salário de junho; e a segunda, em dezembro, com base no salário de novembro.

Têm direito ao décimo terceiro salário os trabalhadores do serviço público e da iniciativa privada, urbano ou rural, avulso e doméstico, bem como os aposentados e pensionistas do INSS. Para receber o benefício, o trabalhador tem de ter exercido alguma atividade com carteira assinada por pelo menos 15 dias no ano. Caso não tenha trabalhado o ano integralmente, o pagamento do décimo terceiro é proporcional.”

(Agência Brasil)

"Cine Holliúdy" tem pré-lançamento em Salvador e Recife. Diretor leva o cantor Falcão

171 1

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=bjjNdpzTJlw&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O filme “Cine Holliúdy” vai ter pré-estreia nesta segunda-feira em Salvador e, nesta terça-feira, no Recife. O diretor e produtor Halder Gomes embarcou nesta madrugada para comandar esses eventos, levando com ele um dos atores da película, no caso o cantor bregastar Falcão.

Halder Gomes, incjusive, comemora o terceiro fim de semana  de sucesso de bilheteria de “Cine Holliúdy” que, a partir de sexta-feira, estará em cartaz nos cinemas de todas as Capitais nordestinas.

 

Copom vai se reumir nesta semana para definir se aumento taxa de juros

“O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central se reúne amanhã (27) e quarta-feira (28) para discutir o possível aumento da taxa básica de juros (Selic), que está em 8,5% ao ano. Esse patamar foi alcançado depois de três elevações seguidas, todas de 0,5 ponto percentual, em linha com as expectativas de uma centena de analistas financeiros que todas as sextas-feiras são consultados pelo BC.

O resultado da consulta aos analistas, consolidado no boletim Focus, divulgado sempre no primeiro dia útil da semana seguinte à pesquisa, baliza as perspectivas da iniciativa privada sobre os principais indicadores da economia. De acordo com as expectativas da maioria dos analistas, nesta reunião o Copom deve manter a dosagem, elevando a Selic para 9%, com possibilidade de mais aumentos também nos encontros do colegiado agendados para outubro e novembro.

Alguns analistas chegaram a defender a necessidade de elevações mais fortes da taxa, como forma de a equipe econômica do governo exercer combate mais efetivo à inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Afinal, a inflação teve comportamento crescente até o mês de junho, quando acumulou 6,7% nos 12 meses até então.”

(Agência Brasil)

Sem licitação, Cid Gomes gasta R$ 78 milhões com helicópteros

136 3

Eis a matéria do jornal O Globo, na edição deste domingo (25):

O governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), está montando uma frota de helicópteros, integrada por quatro aeronaves equipadas com o que há de mais moderno — sem licitação. Enquanto a União discute, há anos, qual empresa estrangeira (alemã, sueca, francesa ou americana) oferece melhores condições para a compra de caças para a Aeronáutica, Cid Gomes não teve dúvidas: usou uma brecha no Programa de Modernização Tecnológica da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que dispensa licitação especificamente para compra de equipamentos — não exatamente helicópteros — para operar, junto ao banco alemão MLW Intermed, a compra milionária de quatro helicópteros biturbinados. Até agora, pelas três últimas aeronaves que começaram a chegar no dia 19, o governo do Ceará já desembolsou R$ 78 milhões.

No entanto, os “equipamentos” adquiridos via Promotec não servem às atividades da Secretaria de Ciência e Tecnologia. A primeira aquisição pelo programa aconteceu em 2010, com o Eurocopter EC-135P2+, prefixo PR-GCE, oficialmente comprado “para fins de operação junto à Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior e Superintendência Estadual de Meio Ambiente”, segundo o extrato de inexigibilidade de licitação. Mas a aeronave nunca serviu à finalidade original. De padrão luxo, é usado pelo governador. Os três últimos foram comprados em setembro do ano passado e começaram a ser entregues semana passada.

— A compra dos helicópteros foi financiada pelo banco alemão MLW. O financiamento foi aprovado pela Câmara Comercial Brasil-Alemanha, pela Assembleia Legislativa, pelo Senado Federal e seguiu todos os trâmites legais — justificou o governador, por meio de sua assessoria, completando: — Por meio de um ato de cessão, serão utilizados pela Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas, órgão ligado à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social. Ou seja, essas aeronaves reforçarão as ações de polícia e transportarão com segurança e agilidade as vítimas de violência.

Contrato não menciona helicóptero

Para não fugir ao objetivo do Promotec, o contrato de compra publicado no Diário Oficial do Estado, em agosto passado, para a aquisição dos três últimos aviões pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, curiosamente não fala em helicópteros, e sim em fornecimento de “equipamentos e instrumentos técnico-científicos e educacionais”. Assim foi aprovado pelos órgãos citados pelo governador. Um dos três, usado pela polícia, está registrado na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), como de propriedade da Secretaria de Ciência e Tecnologia.

As explicações de Cid Gomes, entretanto, não convenceram o deputado Heitor Ferrer (PDT-CE), que tem denunciado episódios de mau uso do dinheiro público no estado. Incansável opositor do governador, Ferrer enviará ao governo do estado um requerimento de informações para pedir detalhes da compra, valores pagos à empresa alemã e destinação das aeronaves. Ele diz que, sem licitação, o governo burlou a Lei 8.666, que prevê a participação de empresas e a escolha do menor preço.

— Vivemos no Ceará o império de um governante que se estabelece como um monarca absoluto. Quem garante que não houve superfaturamento e outros desvios? Além dos gastos que podem ter sido superfaturados com essa frota nova, temos um levantamento de gastos com aluguel e frete em jatinhos e helicópteros no governo Cid que chega a R$ 68 milhões. Que governo para voar! Isso é o que eu chamo de governo voador — criticou Heitor Ferrer.

Logo que começou a operar, o aparelho comprado em 2010 e usado pelo governador chamou a atenção da população em uma das aterrissagens no jardim do Palácio da Abolição, em 2011. De uma das janelas vizinhas, o internauta identificado nas redes sociais por Flyerjoker postou uma foto do helicóptero, que chamou atenção pela beleza.

“Cá estou quando me aparece, de frente para a minha varanda, o ‘novo’ Helicóptero do Gov. Do Estado. Pousou no Palácio do Governo, trazendo alguns Pax… Não tinha como não fazer umas fotos do bixo (sic)”, postou Flayerjoker. “Aeronave muito bonita!!!, um prato cheio para os parlamentares da oposição ao governo na AL/CE”, comentou Alexandre Magno, outro internauta: “Luxo purinho!! Investiram bem nosso dinheiro heim!!! “

Heliponto em casa de campo

Vereador petista em Fortaleza, Guilherme Sampaio também disse que os desmandos sob a gestão da “oligarquia dos Ferreira Gomes” no Ceará estão fora de controle, tanto do Tribunal de Contas do Estado (TCE) como na Assembleia Legislativa, que controla com uma maioria esmagadora. Na Assembleia, de 46 deputados, apenas quatro fazem oposição ao governador.

— Os irmãos Cid, Ciro e Ivo Ferreira Gomes agem com uma atitude despótica aqui no Ceará. Criaram uma oligarquia e uma superioridade que os habilita a agir dessa forma — diz o vereador, anunciando que amanhã a executiva do PT cearense deve se reunir para rediscutir a aliança com o PSB no estado.

Ainda por meio de sua assessoria, Cid negou que tenha usado recursos públicos para a construção de um heliponto em sua casa de campo na Serra da Meruoca, perto de Sobral, como denunciaram seus adversários. “Não existe nenhum heliponto custeado por verba pública no referido imóvel”, negou o governador.

Sobre a primeira aeronave, comprada em 2010 pelo Promotec, e que seria de uso exclusivo do governador, a assessoria informou que ela é de propriedade do estado e é utilizada para monitoramento e fiscalização de obras por parte das secretarias de estado. Ocasionalmente, é utilizada para transporte de autoridades, informou a assessoria do governador.

(O Globo)

Assessor da Casa Civil acusado de estupro de menores pede afastamento do cargo

Acusado de estupro de menores, o assessor especial da Casa Civil da Presidência da República, Eduardo André Gaievski, pediu afastamento do cargo. Segundo nota divulgada pela Casa Civil, o próprio assessor decidiu se afastar das funções que exercia até que “as circunstâncias e a veracidade das acusações sejam apuradas”.

O pedido de afastamento foi apresentado nesse sábado (24), mesmo dia em que veio a público a notícia de que a Justiça do Paraná decretou a prisão preventiva de Gaievski. Segundo reportagem publicada pela revista Veja, o assessor da Casa Civil é acusado de oferecer dinheiro a meninas em troca de sexo. O inquérito corre em segredo de Justiça. A Agência Brasil tentou confirmar as informações, mas ainda não conseguiu contato com nenhum funcionário do Fórum de Realeza (PR) e nem com Gaievski.

Gaievski foi prefeito de Realeza entre 2005 e 2012. Desde janeiro deste ano ocupa o cargo de assessor especial do gabinete da Casa Civil. Entre suas atribuições estava acompanhar a implementação de programas federais como o Mais Médicos.

(Agência Brasil)

Câmbio atual não reflete fundamentos da economia brasileira, diz economista

A desvalorização do câmbio nos últimos meses está em níveis irreais e reflete a especulação do mercado financeiro. A avaliação é do sócio da consultoria Austin Rating, Alex Agostini. Segundo ele, a cotação atual do dólar, que encerrou a semana vendido a R$ 2,3534 está distorcida pela turbulência internacional e descolada dos fundamentos da economia brasileira.

“O que está por trás da alta do câmbio é o rearranjo da disputa pela rentabilidade do capital internacional, mas uma desvalorização nesse nível não tem fundamento. Se pegarmos a economia brasileira, do início de maio para cá, vemos que não mudou muita coisa. Os fundamentos da formação da taxa de câmbio estão os mesmos”, disse o economista.

Segundo Agostini, os problemas internos da economia brasileira, com acusações de manobras fiscais e maquiagem das contas públicas, ajudam a empurrar o dólar ainda mais para cima. Ele, no entanto, não acredita que esse seja o principal fator para cotação da moeda norte-americana ter subido 15% em 2013.

Agostini ressalta que existe um forte componente especulativo por trás da desvalorização não apenas do real, mas das moedas dos países emergentes. Ele reitera que o Federal Reserve (Fed), Banco Central norte-americano, ainda nem começou a retirar os estímulos monetários para a economia dos Estados Unidos.

“É uma série de interpretações de declarações de Bem Bernanke [presidente do Fed] e de diretores da instituição que está provocando instabilidade no sistema financeiro internacional. A própria ata da reunião do Fed [divulgada na última quarta-feira (21)] não informa nem quando o Banco Central americano vai começar a agir. Só diz que pode ser no fim do ano”, declarou Agostini.

Apesar das ações do Banco Central (BC) brasileiro, que anunciou um pacote de intervenções diárias no câmbio até dezembro, Agostini avalia ser impossível prever em que nível o dólar encerrará o ano. “Falar de câmbio agora é como falar de sexo dos anjos. Não dá para projetar nada”, acrescentou.

Desde o fim de maio, o BC vendeu pouco mais de US$ 40 bilhões no mercado futuro. No entanto, a autoridade monetária anunciou que também poderá vender dólares à vista, queimando as reservas internacionais, atualmente em torno de US$ 350 bilhões.

(Agência Brasil)

Secretário nacional do turismo critica lentidão de obras na Bahia e cita Ceará como exemplo

Após um período de quatro anos para a contratação da empresa para o serviço de climatização do Centro de Convenções da Bahia, a Secretaria de Turismo da Bahia teve que amargar críticas do secretário nacional do Ministério do Turismo, Fábio Mota, que apontou a Bahia como campeã em “baixa execução e devolução de recursos”. Ao mesmo tempo em que lamentou o modelo “lento e arcaico” de execução de obras públicas na Bahia, o secretário nacional destacou o Centro de Eventos do Ceará, que no mesmo período ergueu o maior Centro de Eventos da América Latina.

As críticas de Fábio Mota irritaram o secretário estadual de Turismo, Domingos Leonelli, que afirmou que os ataques do secretário nacional são motivados por sua inexperiência no ministério. “Executamos R$ 236 milhões desde o começo do governo. Encontramos na secretaria US$ 2,2 bilhões em investimentos privados quando chegamos, mas fechamos 2012 com US$ 5,7 bilhões. Mais que dobramos”, desabafou Leonelli.

Entidades recorrem ao STF contra atuação de médicos estrangeiros

108 2

A Associação Médica Brasileira (AMB) e o Conselho Federal de Medicina (CFM) entraram nessa sexta-feira (23) com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender o Programa Mais Médicos do governo federal.

Na petição, as entidades alegam que a contratação de profissionais formados em outros países sem que sejam aprovados no Exame Nacional de Revalidação de Diplomas (Revalida) é ilegal. “A medida retira dos conselhos regionais de Medicina a competência para avaliar a qualidade profissional do médico intercambista, na medida em que suprime a possibilidade de fiscalizar o exercício profissional por meio da análise documental para o exercício da medicina”, informa o documento.

As entidades ainda dizem que a medida do governo promove o exercício ilegal da medicina. “A pretensão do Governo Federal não garante políticas públicas de qualidade e tem o condão de permitir o exercício irregular e ilegal da medicina no Brasil, eis que é sabido de todos que não existe revalidação”

A ação é relatada pelo ministro Marco Aurélio Mello.

(Agência Brasil)

Dólar opera em forte baixa nesta sexta-feira

A estratégia do Banco Central (BC), de adotar leilões diários no mercado de câmbio para oferecer liquidez ao mercado, freou o ímpeto dos investidores, que vinham comprando dólares nos últimos dias. Pelo segundo dia consecutivo, a cotação da moeda americana está em queda. Depois de cair 0,78% nessa quinta-feira (22), o dólar registrava, até a tarde desta sexta-feira (23), queda de 2,37%, cotada a R$ 2,368.

A inversão na cotação cambial deu-se depois que o dólar chegou a R$ 2,45, na última quarta-feira (21), o que levou o Banco Central a anunciar a venda de US$ 4 bilhões, nessa quinta-feira, em operações com compromisso de recompra futura. A tática deu certo e, com o mercado mais irrigado de dólares, o BC reforçou a estratégia ao anunciar, depois do fechamento do mercado, que leiloará mais US$ 60 milhões das reservas internacionais até o fim do ano.

A ideia é continuar com os leilões diários de US$ 500 milhões em swaps cambiais (venda de dólares no mercado futuro) de segunda a quinta-feira e, às sextas-feiras, oferecer US$ 1 bilhão em leilões de venda direta, com recompra futura. O primeiro deles foi feito nesta sexta-feira, reforçando a oferta da véspera. O BC não informou, porém, quanto conseguiu vender nos dois dias. Isso só será conhecido quarta-feira (28), dia em que o BC costuma divulgar o fluxo cambial até o encerramento da semana anterior.

(Agência Brasil)

SiSU 2013 – UFC divulga dia 3 vagas para segunda chamada

“A Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) dá início à reposição de vagas em cursos superiores presenciais da UFC no segundo semestre letivo de 2013, iniciado no último dia 22. A chamada de classificáveis seguirá a lista de espera do Sistema de Seleção Unificada, o SiSU 1º/2013. A quantidade parcial de vagas por curso será divulgada no dia 3 de setembro, no site www.prograd.ufc.br/sisu.

Para a reposição, são consideradas as vagas cujos candidatos solicitaram matrícula, mas não compareceram na primeira semana de aulas para confirmá-la. Entram na conta também as vagas de candidatos que assinaram o termo de desistência da vaga conquistada. O quantitativo de vagas a ser divulgado no dia 3 de setembro é parcial e ainda poderá sofrer alterações para mais, caso ocorram mais desistências até o dia 4 de setembro. A lista de classificáveis consolidada será disponibilizada no site do SiSU na UFC em 5 de setembro, assim como a classificação na Lista de Espera do SiSU 1º/2013 do último candidato em cada curso, formação e turno.

A chamada nominal de classificáveis acontecerá em reuniões presenciais em dois turnos nos dias 9 e 10 de setembro para os cursos sediados em Fortaleza, no hall da Prograd, no Campus do Pici. Já os cursos sediados no interior do Estado realizarão a chamada somente no dia 9 de setembro. O candidatos devem verificar datas, horários e locais de realização da chamada do seu curso no Anexo I do Edital 25/13 (confira a íntegra do edital no endereço http://bit.ly/19BDdPk).

Documentação

Os candidatos da lista de classificáveis interessados em efetuar matrícula devem comparecer aos locais portando cópias autenticadas de um documento de identidade oficial com foto, CPF e certificado de conclusão do Ensino Médio. Na ausência destes, serão aceitas cópias simples, desde que acompanhadas dos originais para autenticação no local. A lista de documentos específicos dos candidatos a cotas está disponível no Anexo III do Edital. No caso de qualquer matrícula por procuração, além desses documentos, são necessárias a própria procuração lavrada em cartório e cópia autenticada de documento de identidade oficial do procurador.

Os candidatos que forem chamados nominalmente em qualquer uma das reuniões e que não estiverem presentes ou não apresentarem a documentação completa para a matrícula serão excluídos da lista de espera e perderão o direito de concorrer às vagas. O candidato deve estar presente no local de realização das chamadas pontualmente no horário previsto de início das reuniões, independente da ordem de chamada do curso.

(Site da UFC)

Grupo de jornalistas do Ceará participa de encontro nacional de assessoria

ang

Suzete Nocrato, Angela Marinho, Katiuzia Rios no grupo cearense.

O Ceará participa do Encontro Nacional de Jornalistas em Assessoria de Imprensa (ENJAI), que ocorre no Rio de Janeiro. O grupo foi articulado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais e debate questões profissionais do momento como o uso das redes sociais como ferramenta de divulgação e propagação das ações de empresas e órgãos públicos e privados.

O ENJAI se estenderá até domingo.

(Foto – Cláudio Barata)

Bancos privados fecharam 5,8 mil postos de trabalho no primeiro semestre

“Os bancos privados fecharam 5,8 mil postos de trabalho nos primeiros sete meses do ano, segundo pesquisa divulgada hoje (23) pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf). Segundo o levantamento, as instituições financeiras dispensaram 23,5 mil funcionários no período e contrataram 17,7 mil. As demissões são, de acordo com a Contraf, uma forma de reduzir a média salarial dos empregados. O levantamento aponta que os dispensados recebiam em média R$ 4,5 mil, enquanto os admitidos ganham na média R$ 3 mil.

A pesquisa foi feita em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), a partir de dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged) do Ministério do Trabalho. Para o diretor de imprensa da Contraf, Ademir Wiederkehr, a redução de gastos com a folha de pagamentos é uma forma de maximizar os lucros das instituições. “Há uma concorrência muito forte entre os bancos e a questão do emprego é vista como custo. Assim como a rotatividade, ela é usada para reduzir custos para aumentar o lucro dos bancos”.

Com isso, Ademir diz que os trabalhadores que permanecem empregados acabam sendo sobrecarregados. “Os bancos tem reduzido postos de trabalho e sobrecarregado os bancários com metas, que nós chamamos de abusivas”, ressaltou. “O trabalhador está pagando a conta do corte de custos”. A Contraf pretende trazer a manutenção do emprego e a melhoria das condições de trabalho como pauta para a campanha salarial deste ano. “Nós queremos contratações, o fim das demissões, das metas abusivas e do assédio moral”, destacou Ademir.

* Procurada para comentar a pesquisa, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) não respondeu à Agência Brasil até o fechamento da matéria.”

(Agência Brasil)

Curso de preparação de médicos estrangeiros começa segunda-feira

Os médicos estrangeiros que começaram a chegar nesta sexta-feira (23) ao Brasil para trabalhar no Programa Mais Médicos vão iniciar o curso de formação na próxima segunda-feira (26). Durante três semanas – até 13 de setembro – eles terão aulas em universidades públicas federais sobre saúde pública brasileira, com foco na organização e funcionamento do Sistema Único de Saúde (SUS), e língua portuguesa, totalizando uma carga horária de 120 horas.

De acordo com o secretário adjunto de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Fernando Menezes, os profissionais permanecerão, nesse período, em oito capitais: Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Salvador, Recife e Fortaleza. Durante o curso de formação, os médicos também serão avaliados.

“Antes de exercer sua atividade, eles vão passar três semanas com professores de universidades públicas fazendo um curso intensivo, quase como internato, vendo como é o nosso sistema de saúde, conhecendo a realidade brasileira e tendo a oportunidade de serem avaliados naquilo que consideramos importante, no trato com as pessoas, não é uma avaliação puramente escrita”, disse Fernando Menezes, nesta sexta-feira, após se reunir com o secretário de Saúde do Distrito Federal, Rafael Barbosa.

Durante essas três semanas, os médicos participação de aulas expositivas, oficinas e simulação de consultas e de casos complexos. Os profissionais também farão visitas técnicas aos serviços de saúde. Nas aulas, serão abordados temas como legislação, funcionamento e atribuições do SUS, doenças prevalentes e aspectos éticos e legais da prática médica.

Aos médicos que vão atuar em áreas indígenas, além do módulo que será oferecido a todos os profissionais estrangeiros, haverá aulas complementares específicas sobre a saúde desses povos. Nesse caso, as aulas ocorrerão em Brasília. Todo o material que será usado foi elaborado por uma comissão formada por professores de universidades federais inscritas no programa, escolas de saúde pública e programas de residência, sob orientação do Ministério da Educação (MEC).

Após a capacitação, os médicos aprovados receberão um registro provisório do Conselho Regional de Medicina. O documento terá validade restrita à permanência do médico no projeto e para atuar na atenção básica apenas na região indicada pelo programa. Por isso, segundo argumenta o governo, esses profissionais não precisarão passar pelo chamado Revalida (Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior), que se aplica para o trabalho por período indeterminado de médico com diploma de instituição estrangeira.

(Agência Brasil)

Coordenador da bancada cearense em Brasília falará no seminário Futura Trends

95 1

balhmannn

O coordenador da bancada cearense em Brasília, deputado federal Antonio Balhmann, é um dos conferencistas do Futura Trends, seminário promovido pelo Grupo de Comunicação O POVO que discutirá cenários da economia durante toda a próxima segunda-feira, a partir das 9 horas, no Gran Marquise Hotel.

Antonio Balhmann falará às 15 horas sobre o tema “O papel da China, Coréia do Sul e Japão na economia”. Além dele, darão conferência no Futura Trends, que está em sua terceira edição, o ex-presidente da Petrobras, Ozires Silva. Outro conferencista é Carlos Henrique Rossin. Abordará o tema “A sustentabilidade dos negócios face à globalização”.

SERVIÇO

* As inscrições até esta sexta-feira, no site www.seminariofuturatrends.com.br. Após esta data, inscrições apenas no dia e local do seminário.