Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Eleições 2012 – Presidente nacional do PSOL diz que Fortaleza é uma das prioridades

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=5YXJkYjjUJg&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=8&feature=plcp[/youtube]

O presidente nacional do PSOL, Ivan Valente, está em Fortaleza. Ele  participa de eventos da campanha do candidato a prefeito pela legenda, Renato Roseno. Ivan comentou as perspectivas das eleições para o PSOL no País, a candidatura de Roseno e lamentou o Mensalão.

Cid confirma presença no “Concurso Miss Brasil”

O governador Cid Gomes vai fazer campanha neste sábado pró-reeleição do candidato a prefeito de Sobral, Clodoveu Arruda (PT), mas depois disso já tem um compromisso imperdível em Fortaleza. Ele informa que assistirá, no Centro de Eventos, ao Concurso Miss Brasil.

Cid chegou a receber as 27 candidatas ao título no Palácio da Abolição. Na ocasião, chegou a dizer que as moças “são um doce”.

(Foto – Divulgação)

CNI reduz projeção de crescimento do PIB de 2,1% para 1,5%

19 1

“A Confederação Nacional da Indústria (CNI) reduziu de 2,1% para 1,5% a projeção de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), a soma das riquezas produzidas no país, para 2012. O dado faz parte do Informe Conjuntural do terceiro trimestre, que traz a revisão das expectativas sobre a economia brasileira. O documento foi divulgado hoje (27) pela CNI. O estudo também prevê estagnação da atividade industrial ao fim deste ano. Antes a previsão era crescimento de 1,6%.

A estimativa de inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) também foi revista pela CNI, de 5% para 5,5%, um ponto percentual acima do centro da meta, que é 4,5%. A projeção da taxa nominal de juros ao final de 2012 caiu de 7,5% para 7,25%. A taxa real de juros, descontada a inflação medida pelo IPCA, ficará em 3,2% nas estimativas da CNI, com leve oscilação ante a expectativa anterior de 3,3%.

A CNI manteve a previsão de R$ 2 para taxa nominal de câmbio no final do ano. A crise econômica, no entanto, levou a entidade a reestimar para baixo as exportações, de US$ 263,2 bilhões no trimestre anterior para US$ 254,7 bilhões. Com isso, a perspectiva de superávit na balança comercial, anteriormente em US$ 20,2 bilhões, foi reestimada em US$ 18,3 bilhões. O Informe Conjuntural manteve em 2,5% do PIB a estimativa de superávit primário do setor público para 2012.

De acordo com análise da CNI, as projeções pessimistas para a economia se devem à queda dos investimentos. O Informe Conjuntural destaca que só em 2013 as medidas de redução de custo das empresas anunciadas pelo governo – como desoneração da folha de pagamento e diminuição da tarifa de energia elétrica – terão efeitos concretos. A CNI destaca que as medidas “são primordiais para a recuperação da confiança do empresário (…), com impactos diretos na propensão de investir”.”

(Agência Brasil)

Reitor da UFC toma posse na 3ª feira em Brasília

O professor Jesualdo Farias tomará posse como reitor da Universidade Federal do Ceará para o quadriênio 2012-2016 n a próxima terça-feira, em Brasília. Jesualdo foi reconduzido ao cargo após consulta à comunidade universitária que resultou em lista tríplice encaminhada à presidenta Dilma Rousseff.

A cerimônia de posse ocorrerá a partir das 11 horas, no gabinete do ministro Aloizio Mercadante (Educação), encerrando a última etapa do processo de escolha do novo dirigente dessa instituição de ensino.

 

Mensalão – Barbosa e uma palavra sobre Lewandowski

“Na sessão de hoje Joaquim Barbosa deve pedir a palavra por dez minutos para falar sobre a absolvição que Ricardo Lewandowski deu a Pedro Henry. Também vai teorizar sobre a lavagem de dinheiro.

Barbosa vai deixar claro que cabe, sim, condenação conjunta por corrupção e lavagem. Dirá ainda que seria uma contradição da Corte condenar Henrique Pizzolato e João Paulo Cunha por lavagem de dinheiro deixando os demais réus de fora.”

(Coluna Radar, Veja Online)

 

Titulo eleitoral – Prazo para segunda via termina no fim da tarde desta 5ª feira

“Quem perdeu o título de eleitor tem apenas até o final da tarde desta quinta-feira para solicitar a segunda via do documento. O interessado deve comparecer ao cartório eleitoral com a carteira de identidade oficial com foto e uma cópia dela, além do pedido para requisitar a segunda via do título de eleitor. As eleições municipais de 2012 ocorrem no próximo dia 7, e o segundo turno, em 28 de outubro. Pelos dados do Tribunal Superior Eleitoral, cerca de 140 milhões de eleitores estão aptos para a escolha de prefeito e vereador.

Para votar, o eleitor não precisa apresentar o título. É necessário mostrar apenas um documento de identificação oficial com foto. O documento pode ser a carteira de identidade, a de Trabalho, a de habilitação, passaporte ou outro documento oficial equivalente, inclusive, a carteira de categoria profissional. As certidões de nascimento ou casamento não serão admitidas como prova de identidade.

Para as autoridades da Justiça Eleitoral, é fundamental, porém, que o eleitor confirme no título o número da seção e seu local de votação. Se o ele não puder votar, terá de justificar a ausência, identificando o número do título, para preenchimento do formulário.”

(Agência Brasil)

BC reduz projeção de crescimento econômico para 1,6%

“O Banco Central (BC) reduziu a estimativa para o crescimento da economia este ano. A projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, passou de 2,5% para 1,6%. A informação consta do Relatório de Inflação, divulgado hoje (27) pelo BC.

Em junho, a projeção para o crescimento da economia em 2012 já tinha sido revisada de 3,5% para 2,5%.

O governo tem adotado uma série de medidas para estimular a economia em ritmo mais lento. Foram adotadas medidas de estímulo ao consumo e ao investimento. Além disso, o Comitê de Política Monetária (Copom) do BC tem reduzido a taxa básica de juros, a Selic, desde agosto de 2011. Na última reunião, no dia 29 de agosto deste ano, a Selic foi reduzida em 0,5 ponto percentual para 7,5% ao ano.”

(Agência Brasil)

Autonomia dos Institutos de Medicina Legal e Perícias Forenses já!

“Médicos legistas reunidos em Fortaleza produziram documento exigindo a autonomia funcional e administrativa dos Institutos de Medicina Legal (IML) e das Polícias Forences. O pedido é simples, mas os governos estaduais empurram a discussão para debaixo do tapete.

Na prática, aconteceria o que foi feito com a antiga Corregedoria dos Órgãos de Segurança Pública do Ceará. Deixou de ser um apenso da Secretaria da Segurança e foi transformada em Controladoria de Disciplina para a SSPDS e Sejus. Virou uma secretaria independente. Com os IMLs ou as Polícias Forenses a lógica seria a mesma. Sairiam do controle da Polícia Civil e SSPDS.

Com certeza, isso evitaria muita mumunha na área. Sabe-se que, quando há interesses obscuros, dados são manipulados para inocentar criminosos que têm distintivo ou gente graúda que agrada policiais corruptos.”

(Coluna Vertical, do O POVO)

Debate dos prefeituráveis na Globo? Só depois de “Gabriela”

“A Globo definiu que o debate dos candidatos a prefeito em 4 de outubro será exibido só depois do episódio de Gabriela – ou seja, bem tarde, depois das 23 horas. A Grande Família não será exibida no dia.

Ou seja, por aqui, debate com nossos postulantes ao Paço Municipal, na TV Verdes Mares, seguirá essa receita.

(Este Blog e Coluna Radar)

Mensalão – MPF pede arquivamento do pedido de investigação sobre Lula

23 2

“O procedimento que investigava se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tentou interferir no andamento da Ação Penal 470 no Supremo Tribunal Federal (STF) deve ser arquivado. O pedido de baixa partiu do Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF/DF), responsável pelo caso desde maio. O procedimento de investigação criminal foi aberto depois que parlamentares da oposição entraram com pedido de notícia-crime no Ministério Público pelo fato de o ministro Gilmar Mendes, do STF, ter divulgado, na imprensa, que Lula o procurou para tentar adiar o início do julgamento do caso conhecido como mensalão. Na época, Mendes alegou ter tido encontro com o ex-presidente e disse ter considerado o pedido uma intimidação.

Os parlamentares justificaram, no pedido, que o caso merecia apuração mais aprofundada do Ministério Público porque havia indícios de coação no curso do processo, tráfico de influência e corrupção ativa. Ao apurar o caso, no entanto, o MPF entendeu que as acusações não estavam respaldadas por provas. Segundo o MPF, houve dois pedidos de informação ao ministro Gilmar Mendes, que ficaram sem resposta, restando ao órgão analisar as declarações que o magistrado deu à imprensa na época dos fatos. “Nas declarações dadas pelo ministro, o Ministério Público não detectou um pedido específico de Lula no sentido de ver adiado o julgamento do mensalão”, destacou o órgão.

O MPF ainda informa que a ausência de culpa do ex-presidente foi respaldada em depoimento do ex-ministro do STF Nelson Jobim, que emprestou seu escritório para o encontro entre Lula e Gilmar Mendes. Jobim assegurou que ouviu toda a conversa e que, “em nenhum momento, o ex-presidente solicitou ou sugeriu ao ministro Gilmar que atuasse no sentido de obter o adiamento do julgamento do mensalão”.

(Agência Brasil)

Bancários do Ceará continuam em greve

Os bancários dos bancos privados –exceto os do Ceará– e do Banco do Brasil, na maioria dos Estados, aprovaram o fim da greve na noite desta quarta-feira (26) e devem voltar ao trabalho amanhã na maior parte do paí.

Os funcionários de todos os bancos do Ceará e da Caixa e do Banco do Brasil em alguns Estados rejeitaram a proposta e continuarão em greve por tempo indeterminado.

(Portal Uol)

Novo Código Florestal – Relator prevê que Dilma sancionará sem vetos

Contrariando a expectativa da maioria dos parlamentares, Para o relator do Código Florestal no Senado Luiz Henrique (PMDB-SC), a presidente Dilma Rousseff deve sancionar sem vetos o texto aprovado pelos senadores na terça-feira. Contrariando a expectativa da maioria dos parlamentaes, ele avalia que as modificações feitas no texto recuperaram alguns “valores ambientais”, como a preservação dos 50 metros a partir da área úmida da vereda, as áreas de preservação dos rios intermitentes, que estavam fora, e a área de 15 metros nos raios d’água e nas nascentes. Ele prevê que, se houver vetos, serão em “questões laterais” e não nas “questões centrais” votadas no Congresso.

“Acredito que a presidente Dilma vai sancionar, até porque foi fruto de um grande entendimento, de uma grande convergência nas duas Casas do Congresso”, prevê. “O código ia virar um ornitorrinco e nós salvamos o código”, alertou. O senador disse que o acordo no Congresso ampliou o benefício para as propriedades médias, reduzindo o limite mínimo de 30 para 20 das demais propriedades e “estabelecemos o benefício de até 10 módulos fiscais para 15 módulos fiscais”. “O acordo relativamente às propriedades médias foi estabelecido na hora, tinha 18 emendas e nós íamos perder”, revelou. Luiz Henrique ressalvou, porém, que se a presidente vetar não será anormal.”

(Com Agência Estado)

 

PF é instigada a investigar distorções em pesquisas eleitorais

25 3
Essa é do site Brasil 247
Nas eleições presidenciais de 2010, foi inesquecível a entrevista do dono do Ibope, Carlos Augusto Montenegro, às páginas amarelas da revista Veja: “Lula não fará seu sucessor”. Ele afirmava que o teto de Dilma seria de 15% a 20% e, como se sabe, ela é hoje presidente da República.
Institutos de pesquisa têm hoje um bom álibi para seus erros nas fases iniciais do processo eleitoral. Como não se trata de uma ciência exata – e é possível “operar” as margens de erro, em geral de três pontos percentuais – muitas vezes são feitos ajustes para favorecer os candidatos aos quais os institutos são ligados, nem sempre de forma transparente. Nas eleições atuais, dois casos chamam atenção. Em São Paulo, o ex-governador e ex-prefeito José Serra apareceu no Datafolha, com 21% contra 15% de Fernando Haddad, numa surpreendente arrancada, após várias semanas de queda. Ocorre que outros dois institutos, o Vox Populi e o Ibope apontaram resultados divergentes e praticamente iguais – em ambos, Fernando Haddad, do PT, tem 18% e o tucano José Serra vem em seguida com 17%.
Em Curitiba, a situação parece ser ainda mais grave. O prefeito Luciano Ducci, do PSB, que tem ainda o apoio do governo estadual, mas vinha sendo mal avaliado, de repente dispara e começa a polarizar a eleição com o candidato Ratinho Júnior – uma espécie de Celso Russomano paranaense, que atrai os votos da nova classe média e do lumpesinato.
No entanto, diversas denúncias que começaram a circular nas redes sociais, partindo até de entrevistadores, apontam que o nome do ex-prefeito Rafael Greca, que concorre pelo PMDB e tem vencido todos os debates, vinha sendo até ignorado nos questionários. Ou seja: tentava-se consolidar o cenário de polarização entre o prefeito e o filho do apresentador Carlos Massa. Houve até um flagrante com uma foto de um pesquisador da Vox Populi entrevistando um cabo eleitoral de Ducci. Para combater esse tipo de distorção, um pedido de investigação foi protocolado ontem na Polícia Federal, em São Paulo, pelo Movimento dos Sem-Mídia.

Bancários da área privada encerram greve

Os bancários dos bancos privados aprovaram o fim da greve na noite desta quarta-feira (26) e devem voltar ao trabalho amanhã em todo o país. A informação é da Folha Online. Os sindicatos da categoria seguiram a orientação da Contraf (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro) de aprovar proposta dos sindicatos patronais.

Os funcionários de Banco do Brasil e Caixa ainda não decidiram encerrar a greve.

A paralisação, iniciada no dia 18 deste mês, chegou ao fim com uma nova proposta da Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), que elevou para 7,5% o reajuste salarial da categoria (aumento real de 2%). Diante da proposta, a Contraf recomendou aos sindicatos regionais a aceitação das condições.

Pesquisa diz que endividamento do brasileiro tem consumo sem planejamento como vilão

“O consumo a prazo sem planejamento é o principal motivo que tem levado muitos brasileiros a atrasar o pagamento da prestação, segundo mostra uma pesquisa encomendada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) Brasil, divulgada nesta quarta-feira (26), em São Paulo, pelo economista Nelson Barrizzelli. Ele acredita que o maior acesso ao crédito tem sido favorável ao crescimento econômico, mas alerta  que o país deve adotar o “crédito responsável” e sugere aos consumidores para que fujam do cheque especial e evitem entrar no sistema rotativo do cartão de crédito, já que, nessas modalidades, os juros são os mais altos do mercado.

”Vendam o carro, uma casa ou outro bem que possam dispor para quitar esses débitos porque esses dois tipos de crédito são os que as pessoas têm de se livrar o mais rapidamente”, aconselhou.

A pesquisa feita com 623 famílias apontou que mais da metade dos entrevistados (54%) têm a renda comprometida com compras parceladas no cartão de crédito e 64% têm entre um a quatro cartões. Os bancos são a instituições mais procuradas e recorridas por 44% dos pesquisados, seguida pelas administradoras de cartão de crédito (38%). Os casos de inadimplência envolvendo todas as modalidades de financiamento alcançaram 41% dos brasileiros de todas as classes sociais, mas os mais pobres são os mais penalizados pela restrição ao crédito. Nas enquetes entre os que ganham mensalmente até R$ 3.825, 31% responderam que já tiveram o nome incluído na lista devedores. Já no universo de renda acima desse valor, essa situação foi experimentada por 28%.

A principal causa de inadimplência foi a má administração das finanças, alegada por 41% dos consultados, seguida pelo desemprego (11%). O estudo identificou ainda ser maior o desinteresse sobre o custo das operações (condições de juros e o impacto sobre o valor final a ser pago) entre as faixas de ganhos até R$ 3.825. Nessa classe de renda, 59% disseram que buscam informações, enquanto, no grupo de pessoas com renda superior, o percentual atingiu 81%.”

(Agência Brasil)

Mensalão – Jorge Viana defende Lula e acusa imprensa de uso político do julgamento

45 1

Em pronunciamento em Plenário nesta quarta-feira (26), o senador Jorge Viana (PT-AC) defendeu o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e acusou “setores da imprensa” de querer interferir no processo de julgamento do mensalão, no Supremo Tribunal Federal (STF), às vésperas das eleições municipais deste ano.

– A manipulação de alguns setores da imprensa às vésperas de uma eleição, envoltos numa atitude de querer interferir, interceder no julgamento que está sob a responsabilidade da mais alta corte de Justiça do país, é inaceitável – afirmou, acrescentando que “parte da elite brasileira nunca aceitou que o país tivesse sido governado por um metalúrgico nordestino”.

Jorge Viana também criticou os parlamentares de oposição por pressionar pelo adiamento da sabatina, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), do jurista Teori Albino Zavascki, indicado para ministro do Supremo. Para o senador, os oposicionistas estariam agindo de acordo com os “interesse de setores da imprensa brasileira”.

Segundo Jorge Viana, a mídia quer “estabelecer a composição do Supremo, o calendário de trabalho do Supremo Tribunal Federal e o conteúdo dos votos no Supremo Tribunal Federal”, o que seria, em sua avaliação, um desrespeito com a mais alta corte de Justiça do país.

(Agência Senado)

Lewandowski condena Jefferson por corrupção passiva e o absolve da acusação de lavagem

“O ministro Ricardo Lewandowski, revisor da Ação Penal 470 no Supremo Tribunal Federal (STF), conhecida como processo do mensalão, condenou por corrupção passiva o ex-deputado federal do PTB Roberto Jefferson. Em relação à acusação de lavagem de dinheiro, o ministro absolveu Jefferson. Nesta quarta-feira (26), Lewandowski iniciou o julgamento dos três réus ligados ao PTB. O revisor disse que o próprio réu confessou, em depoimento à Polícia Federal, que recebeu dinheiro de Marcos Valério. “Tenho como comprovada a participação de Jefferson no recebimento indevido. O réu cometeu o crime de corrupção passiva. Lavagem não restou na espécie, pelas razões já expostas anteriormente. É possível concluir que ele recebeu R$ 4 milhões”.

O revisor citou o depoimento de Jefferson descrevendo que o acordo previa o repasse de R$ 20 milhões do PT ao PTB para ajuda de campanha, admitido também pelo ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares. “Desses R$ 20 milhões, o PTB só recebeu R$ 4,5 milhões e a relação [entre os dois partidos] passou a sofrer um abalo”, disse o ministro, contextualizando que, depois disso, o réu veio a público denunciar o esquema.

Lewandowski ressaltou em seu voto que o simples repasse de dinheiro entre partidos não é, por si só, ilegal. “Em princípio, um acordo político entre partidos não é vetado pela legislação, muito menos o repasse entre partidos. O que a lei veda e apena severamente são verbas não contabilizadas pela Justiça Federal, verbas que ultrapassem o teto determinado pela legislação”, disse. Após a condenação de Roberto Jefferson por corrupção passiva, o presidente do STF, ministro Carlos Ayres Britto, suspendeu a sessão por 30 minutos. Após o intervalo, o revisor retoma seu voto falando sobre os réus Emerson Palmieri e Romeu Queiroz, também ligados ao PTB.”

(Agência Brasil)

José Pimentel: Lula não virá para a campanha de Elmano de Freitas

36 1
A vinda do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva para a campanha do candidato a prefeito de Fortaleza pelo Partido dos Trabalhadores, advogado Elmano de Freitas, foi descartada pelo senador José Pimentel (PT). O parlamentar informa que Lula precisa cuidar de sua saúde, já que esta superando um câncer na laringe. “Nós temos clareza de que Lula tem limitações na sua saúde e, para chegar ao segundo turno, a sua gravação já é a presença do Lula na campanha”, explicou Pimentel. Ele dá como certa a ida de Elmano para o segundo turno, baseado não só em pesquisas, mas no trabalho da prefeita Luiziananne Lins e na mobilização da militância.
Pimentel comemorou o resultado da pesquisa Vox Populi que coloca o petista com 20% de preferência do eleitorado. Também com iguial percentual aparece o postulante do PSB/PMDB, Roberto Cláudio, que é apoiado pelo governador Cid Gomes (PSB). Perguntado se esse adversário seria difícil, observou: Apendi na vida que você não escolhe advesário. Você se prepara para vencer a eleição”.
Perguntado se as pesquisas refletiram na verdade o prestigio de Lula e não o desempenho do próprio candidato, Pimentel reagiui: “O candidato é o Elmano do Partido dos Trabalhadores. É por isso que ele está crescendo”. Lembrou que, ao disputar o Senado, começou com 3% e acabou ganhando a disputa com mais de 700 mil votos.
O senador destacou que Elmano tem qualidades. “Ele foi secretário da Educação, coordenou o Orçamento Participativo e conhece a alma do povo fortalezense”, afirmou, antes de seguir para Brasília, onde cumpre agenda legislativa.
* Também na Agência Estado/POVO Online, leia aqui.

Narcélio Limaverde ganha homenagem da OAB do Ceará

98 2

Parabéns ao grande radialista e jornalista Narcélio Limaverde que está ganhando homenagem da Ouvidoria da Ordem dos Advogados do Brasil-seção do Ceará. Porque Narcélio faz o rádio serviço com informação e boa pitada de descontração. Será nesta quarta-feira, às 19 horas, na sede da Ordem. Dentro do Dia da Advocacia e, claro, marcando também os 90 anos do rádio no Brasil através desse grande profissional.

A solenidade reunirá advogados, ouvidores e autoridades e tem como objetivo destacar a advocacia com destaque para os valores éticos. Na abertura, a Orquestra Filarmônica do Ceará e o Coral da OAB. Além de Narcélio, receberão homenagens o conselheiro do CNJ, Jorge Hélio, e Francisco Flósculo Barreto (in memorian).

SERVIÇO

* Narcélio comanda programa nas manhãs da FM Assembleia.

* Sede da OAB – Rua Lívio Barreto, 668 – Dionísio Torres.