Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Adogados de José Dirceu querem redução de pena por seu “relevante valor social”

70 7

Essa, com certeza, vai fazer o ministro Joaquim Barbosa dar gargalhadas de aliviar a sua dorolidíssima coluna. E está na Folha.com:

Numa última tentativa de reduzir os danos da condenação por corrupção ativa e formação de quadrilha no processo do mensalão, a defesa do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, pediu aos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) que abaixem sua pena levando em conta seu “relevante valor social” e “compromisso” com o país.

Rememorando uma série de testemunhos de pessoas próximas a Dirceu, entre eles o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, seus advogados afirmam que sua luta contra a ditadura contribuiu para a redemocratização do país.

Dirceu era o homem forte do presidente Lula e, segundo o entendimento do STF, ele comandou de dentro do Palácio do Planalto o esquema do mensalão, que por meio de recursos públicos e empréstimos fictícios, corrompeu parlamentares para garantir a base de apoio do governo do ex-presidente. A defesa de Dirceu, no entanto, aponta, em memorial enviado na última quarta-feira, que Lula o considera como “um cidadão que lutou pela democratização do Brasil, pagando com o exílio”.

 

CDL Fortaleza vai lançar “Fortaleza Liquida” com palestra de Paulo Henrique Amorim

61 1

Com palestra do jornalista Paulo Henrique Amorim, a CDL de Fortaleza vai lançar, no próximo dia 31, a partir das 8 horas, em sua sede, a campanha promocional do IV Fortaleza Liquida. A informação é do presidente da entidade, Freitas Cordeiro.

O “Fortaleza Liquida” é uma campanha de grande sucesso no comércio de Fortaleza e Região Metropolitana e acontece sempre no mês de março, com o objetivo de aquecer o comércio varejista no período em que o desempenho da economia cai como um todo.

Há expectativa é de que mais de 2.800 lojistas vão aderir à campanha que oferece produtos com descontos variados.

Caixa bate recorde em setmbro na carteira de crédito para empresas

“A Caixa Econômica Federal bateu recorde na carteira de crédito comercial destinada a empresas. O volume ultrapassou R$ 57 bilhões em setembro, um crescimento de 68% em relação ao mesmo mês de 2011. No período, o saldo da carteira do segmento de média e grande empresa evoluiu 59%, saindo de R$ 22 bilhões em setembro de 2011 para R$ 35 bilhões no mês passado. Para as micro e pequenas empresas, o volume aplicado atingiu R$ 22 bilhões no mês passado, crescimento de 83% na comparação com setembro do ano passado, quando a carteira apresentava volume de R$ 12 bilhões.

Os produtos com maior crescimento são o Giro Caixa Fácil, com recursos aplicados no valor de R$ 10 bilhões, que atende principalmente ao segmento de micro e pequenas empresas, e as linhas de financiamento.”

(Agência Brasil)

Campanha Natal sem Fome será lançada no Jardim Japonês

O Instituto Nordeste Cidadania (INEC) vai  lançar a vigésima edição da Campanha Natal sem Fome dos Sonhos na próxima segunda-feira. O ato ocorrerá a partir das 17 horas, no Jardim Japonês. O lançamento tem parceria com Banco do Nordeste, Prefeitura de Fortaleza e Centro Cultural Banco do Nordeste. A ocasião coincide com o Dia do livro. Por conta disso, haverá contação de histórias. Também alunos do Colégio Ari de Sá e comunidades parceiras sairão em cortejo pelas ruas da Beira Mar até a feirinha, conclamando a população para a campanha.

Bom lembrar que a Campanha Natal Sem Fome dos Sonhos foi idealizada pelo sociólogo Herbert de Souza em 1993. Surgiu com o objetivo de despertar para o problema da fome mobilizando a sociedade brasileira. Em 2012, a campanha promove a arrecadação de livros, e confecção de brinquedos artesanais.

SERVIÇO

* Local: Praça Jardim Japonês (Av. Beira Mar, 1330.

TRE do Ceará alerta sobre prazo final para a prestação de contas dos candidatos

“O próximo dia 6 de novembro é a data final para que candidatos, comitês financeiros e partidos políticos prestem contas da campanha referente às Eleições 2012, com exceção apenas dos dois candidatos a prefeito na capital, concorrentes ao segundo turno, os quais deverão apresentar suas contas até 27 de novembro. Alerta o Tribunal Regional Eleitoral, por meio de sua assessoria de imprensa.

A novidade para este ano é que a prestação de contas final poderá ser enviada pela internet, mas, para isso, deverá ser atualizado o Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE) para a versão 1.07, que está disponível no portal do TSE. É importante observar que continua indispensável a entrega no cartório eleitoral dos demonstrativos previstos no art. 40 da Res. TSE n° 23.376/2012, impressos pelo SPCE, para validação dos dados.

Caso o interessado prefira, as contas poderão ser geradas em versão diversa, devendo as peças impressas e a respectiva mídia serem entregues no cartório eleitoral da circunscrição do candidato, no mesmo prazo de 6 de novembro. Em qualquer caso, somente após a entrega física desses documentos e a validação do número de controle, a prestação de contas será considerada recebida tempestivamente. Neste sentido, vale alertar aos que enviarem as contas pela internet que, para efeito de atendimento do prazo de entrega, será considerada a data de comparecimento ao cartório e não a da transmissão dos dados.

O não cumprimento dessa obrigação no prazo legal poderá ensejar o julgamento das contas como não prestadas, acarretando ao candidato o impedimento de obter a certidão de quitação eleitoral até o final da legislatura, persistindo os efeitos dessa restrição até a efetiva prestação de contas; e ao partido político, em relação às suas contas e às contas do comitê financeiro, a perda do direito ao recebimento da quota do Fundo Partidário (Res. TSE n° 23.376/2012, art. 53, I e II).”

BC espera redução da inadimplência até o fim do ano

“O chefe do Departamento Econômico do Banco Central (BC), Tulio Maciel, voltou a dizer que espera redução da inadimplência – que tem apresentado um período de estabilidade nos últimos meses – até o final deste ano. Os dados do BC, divulgados hoje (26), mostraram estabilidade no indicador em julho, agosto e setembro para pessoas físicas em 7,9%. Para as empresas, a inadimplência é a mesma, 5,9%, também por três meses seguidos.

Maciel admitiu que esperava algum recuo na inadimplência já em setembro, seguindo os indicadores de outras instituições, mas a greve dos bancários no mês passado pode ter dificultado a renegociação de dívidas. De acordo com Maciel, a expectativa de redução da inadimplência é baseada no reaquecimento da economia, aumento da renda e do emprego e dos mutirões de renegociação de dívidas. “Nossa expectativa continua sendo de recuo da inadimplência até o final do ano”, reforçou.”

(Agência Brasil)

 

Ciro e Romário defendem PSB disputando a Presidência da República em 2014

94 9
“Depois de um bom resultado no primeiro turno em Recife e Belo Horizonte, onde derrotou candidatos do PT, o deputado federal Romário (PSB-RJ) e o ex-ministro Ciro Gomes defenderam, na noite desta quinta-feira (25), que o PSB lance candidatura própria a Presidência em 2014 contra a reeleição de Dilma Rousseff (PT). Os dois políticos participaram de comício ao candidato a prefeitura de Fortaleza, Roberto Cláudio  (PSB), que tem disputa acirrada com Elmano de Freitas  (PT) na capital cearense. Segundo todas as pesquisas, os dois candidatos estão em empate técnico.
Grande estrela da noite, Romário não fugiu ao seu estilo e, sem se esquivar de questionamentos, afirmou que as eleições de 2012 mostram que os socialistas têm cacife para disputar uma Presidência daqui a dois anos. “A gente demonstrou isso nessa eleição, com a votação de prefeitos e vereadores. Estou tranquilo, como socialista, de que o meu PSB tem total força e capacidade para se apresentar com candidato à Presidência em 2014”, afirmou o “Baixinho”, em meio a um autógrafo e outro na chegada ao comício.
O deputado federal alegou que a bola da vez será o presidente nacional da legenda, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.
“Tenho certeza [que ele está pronto para ser presidente]. É um um político que vem se preparando, sendo respeitado e que hoje o Brasil reconhece como o grande nome da política nacional, por que não? Acredito que tudo que ele vem fazendo nos últimos anos, como governador de Pernambuco, por exemplo, é importante. Ele foi o eleito com mais de 82% de votos e vem ajudando a muitos outros estados”, afirmou.
Segundo Romário, a disputa com o PT é benéfica para o país e deve ser tratada com uma disputa de ideias. “Acho que toda a disputa política é saudável e só tende a ser boa para o brasileiro. Temos uma presidente do PT, a qual nosso partido, principalmente por meio do nosso presidente [Eduardo Campos, governador de Pernambuco], ajudou muito nesses últimos anos. Nós somos o partido que mais vem crescendo no país. Existe uma briga [com o PT], mas o mais interessante é que são partidos que se respeitam, são dois partidos que têm o mesmo ideal: servir a população”, disse.”
(Portal Uol)
COPA 2014
Mas Romário também falou sobre obras da Copa 2014. Ele chegou a classificar a Prefeitura de Fortaleza de incompetente para concluir as obras da competição mundial. “Estamos a[i com um estádio pronto, mas infelizmente muitas pessoas não vão poder nem chegar nele, por falta de competência da Prefeitura em ter feito sua obrigação, que são as obras de mobilidade”.
Sobre a crítica, o coordenador de Projetos Especiais da Copa, Geraldo Accioly respondeu que só poderia  comentar essas declarações de Romário após ele fazer o teste do bafômetro. Aludiu, no caso, ao fato do ex-atleta teria sido flagrado no Rio de Janeiro dirigindo embriagado.

Mauro Benevides espera que fiquem lições do processo do Mensalão

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=l16ytOrQQNI&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=3&feature=plcp[/youtube]

O deputado federal Mauro Benevides (PMDB) já está em Fortaleza para participar dos últimos atos da campanha de Roberto Cláudio (PSB/PMDB) e, claro, votar no próximo domingo. Mauro deu entrevista no aeroporto Pinto Martins quando falou sobre Mensalão e pesquisas eleitorais.

Arrecadação federal cresce em setembro

“A arrecadação federal em setembro ficou em R$ 78,215 bilhões, com alta de 1,08%, descontada a inflação oficial pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), na comparação com o mesmo período do ano passado. No acumulado de janeiro até setembro deste ano, a arrecadação federal totalizou R$ 751,791 bilhões, com crescimento de 1,19%, também levando em conta o IPCA e em comparação com igual período de 2011.

De acordo com a Receita Federal, a alta na arrecadação deve-se principalmente ao pagamento de débitos em atraso e à antecipação de parcelas de dívidas do parcelamento especial previsto na Lei n° 11.941/2009. A redução na lucratividade das empresas em relação ao ano de 2011 impediu um crescimento mais expressivo. Segundo a Receita, a arrecadação do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL) apresentou redução real de R$ 5,8 bilhões, com queda de 15,49% ante 2011.

A arrecadação vem perdendo fôlego e crescendo menos ao longo deste ano, o que levou o governo à revisão das previsões de crescimento. No mês passado, o governo reduziu a estimativa de crescimento no volume arrecadado de 1,5% a 2% na comparação com 2011. Antes, estava prevista alta de 3,5% a 4%.”

(Agência Brasil)

No HGF, apagão provoca problemas em uma ala de atendimento

142 5

“Quatro pacientes tiveram de ser transferidos de uma ala do Hospital Geral de Fortaleza (HGF) durante o apagão na madrugada desta sexta-feira, 26. Segundo o hospital, os geradores não suportaram a demanda e deixaram de abastecer alguns espaços.

O POVO recebeu a informação que o problema ocorreu na emergência da unidade. Um paciente foi transferido para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), onde o fornecimento de energia ficou estável, e outros três pacientes foram transferidos para a sala de recuperação. Uma pessoa da emergência morreu, mas, de acordo com a fonte, por morte encefálica. O estado de saúde dela já era grave.”

(POVO Online)

IBGE – Produção de grãos do País foi recorde em 2011

“Os produtos da safra brasileira de grãos – algodão herbáceo e arbóreo, amendoim, arroz, aveia, centeio, cevada, feijão, girassol, mamona, milho, soja, sorgo, trigo, triticale – registraram safra recorde em 2011, ao atingir 159,4 milhões de toneladas. O resultado significa crescimento de 6,8% em relação à safra de 2010 – que também havia sido recorde. Segundo dados da pesquisa Produção Agrícola Municipal (PAM), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), hoje (26), o valor de produção dos grãos ficou em R$ 94,7 bilhões – o equivalente a um aumento de 32,7% em relação a 2010.

São Paulo teve a participação relativa ao valor de produção reduzida, de 2010 para 2011, passando de 18,3% para 17,7%. Mais uma vez a queda foi motivada pelo maior valor da produção em outras unidades da Federação, como Minas Gerais, que, com 12,7% de participação, passou do quarto lugar para o segundo, e Mato Grosso (11%), que passou de quinto para quarto. Também na produção de grãos, Sorriso, em Mato Grosso, foi o município com maior valor da produção, com receita de R$ 1,9 bilhão.

A PAM 2011 constatou que, dos 5.565 municípios brasileiros de então, apenas 59 não informaram áreas de lavouras e somente 12 municípios apresentaram um único produto cultivado. Em contrapartida, o município com maior número de cultivos informou nada menos que 40 produtos. A pesquisa também verificou que a metade dos municípios brasileiros tem área cultivada inferior a 10% de sua superfície territorial e três quartos dos municípios apresenta intensidade agrícola inferior a 30%.

A Região Sul é a que apresenta maior intensidade agrícola. Metade dos seus municípios tem área cultivada que supera o equivalente a 34,5% de sua superfície. Depois, vem a Região Sudeste, com média de área cultivada calculada em 10,7% da superfície; o Nordeste, com 8,4%; o Centro-Oeste, com 4,5%; e a Região Norte, com 1,3%.”

(Agência Brasil)

Consumidor tem 90 dias para reclamar aparelho danificado em apagão

O consumidor que tiver equipamentos danificados devido à falha no fornecimento elétrico deve procurar a distribuidora de energia em até 90 dias para pedir o ressarcimento. É o que determina a Agência Nacional de Energia Elétrica em uma de suas resoluções Se for verificado que o dano teve relação com a interrupção no fornecimento de energia, a distribuidora tem prazo de 45 dias corridos para ressarcir o consumidor.

Dentro desse prazo, a concessionária tem até 10 dias para vistoriar o equipamento, até 15 dias, após a inspeção, para comunicar o resultado do pedido e mais 20 dias para efetuar o ressarcimento em dinheiro, conserto ou substituição do equipamento.

Para eletrodomésticos usados na conservação de alimentos perecíveis, como geladeira e freezer, a vistoria deve ocorrer em até um dia útil, segundo a Aneel.

As distribuidoras devem atender o consumidor por telefone, internet ou pessoalmente. Se não houver atendimento satisfatório, o consumidor poderá recorrer à ouvidoria da Aneel pelo telefone 167 ou no site Aneel.”

(Com Folha Online)

Incêndio em equipamento provoca apagão no Norte e Nordeste

59 2

“O incêndio em um equipamento entre as subestações de Colinas (TO) e Imperatriz (MA) foi a causa do desabastecimento de energia ocorrido na Região Nordeste e em parte do Norte do país, na madrugada de hoje (26). O problema ocorreu justamente na interligação entre os sistemas Norte-Nordeste e Sul-Sudeste.

Segundo informação da assessoria de imprensa do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o problema ocorreu pouco depois da meia-noite e demorou pouco mais de uma hora para ser resolvido. Portanto, por volta de 1h30 da manhã, a energia na linha principal já tinha sido restabelecida. No entanto, as distribuidoras de energia levaram mais tempo para restaurar a energia nas linhas secundárias.

Uma reunião de técnicos às 14h de hoje, na sede do ONS, no Rio, vai analisar mais profundamente o problema. Pela manhã, o assunto deve ser discutido em uma reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico, em Brasília.”

(Agência Brasil)

Governo gasta valores pífios em ferrovias, rodovias e hidrovias, protesta parlamentar

59 2

O deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB) anda criticando o governo federal pela morosidade em cumprir os orçamentos de ferrovias, rodovias e hidrovias, em prejuízo ao desenvolvimento do país. O tucano afirma que o mau planejamento e a incapacidade gerencial do Planalto são responsáveis pela precariedade da logística nacional. Até este mês, em nenhuma das áreas o governo conseguiu executar sequer a metade dos recursos previstos para o ano. Como se não bastasse, inúmeras obras estão paradas devido à detecção de falhas por órgãos de controle.

“Os gargalos da infraestrutura estão se acumulando há anos. Desde a época do ex-presidente Lula que observamos a falta de capacidade para garantir o que é essencial para escoar a produção e desenvolver o país, que só acontece com os investimentos em logística”, apontou o deputado.

Gomes de Matos afirma que os aportes em obras do setor de transportes deveriam ser uma prioridade, pois são meios de alavancar a economia e impedir a estagnação. Mas, segundo dados do Sistema de Administração Financeira (Siafi), a realidade é o completo menosprezo em relação a esses empreendimentos.

Termina nesta 6ª feira a propaganda eleitoral no rádio e na TV

71 1

“Termina hoje (26) a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão dos 100 candidatos a prefeito que disputam o segundo turno. A disputa está sendo realizada em 50 cidades com mais de 200 mil eleitores onde nenhum candidato obteve mais de 50% dos votos válidos no primeiro turno. De acordo com o calendário eleitoral, hoje também é o último dia para os candidatos divulgarem propaganda eleitoral paga na imprensa escrita e para a realização de debates. O confronto entre os candidatos não poderá passar da meia-noite.

Segundo o cronograma das eleições deste ano, os presidentes das mesas receptoras que não receberam o material destinado à votação de domingo (28) têm até hoje para solicitar o envio. A dois dias da votação em segundo turno, termina o prazo para que a Receita Federal encaminhe à Justiça Eleitoral, por meio eletrônico, as listas contendo os nomes do candidato ou comitê financeiro, número do título de eleitor e de inscrição no CPF do candidato ou do presidente do comitê, conforme o caso, número de inscrição no CNPJ e data da inscrição. No domingo, 31,7 milhões de eleitores de 50 cidades com mais de 200 mil votantes retornarão às urnas para escolher prefeito e vice-prefeito. São 17 capitais e 33 cidades do interior.

Nas capitais onde haverá segundo turno, o PSDB é o partido com maior número de candidatos – oito, seguido pelo PT, com seis, o PMDB, PSB e PDT, com três cada, e o PSOL, com dois. O PPS, PCdoB, PP, PSC, PV, DEM, PTC, PSD e PTB têm um candidato cada na disputa.”

(Agência Brasil)

Aeroporto opera com geradores e evita efeitos do apagão

O apagão não prejudicou as operações de pousos e decolagens no Aeroporto Internacional Pinto Martins. O terminal acionou os geradores.

Mas as empresas aéreas registraram pane no sistema de check-in, no que o atendimento aos passageiros passou  ser manual até por volta das 3h45min desta madrugada de sexta-feira.

As escadas rolantes e elevadores do terminal só voltaram a operar a partir das 4 horas.

Lojas e demais pontos comerciais no aeroporto registraram problemas, pois operaram em condições emergenciais.

 

Apagão atinge vários Estados. O Ceará entra nessa falta de luz

“Um apagão atingiu vários Estados de pelo menos duas regiões do país entre a noite desta quinta-feira (25) e a madrugada desta sexta-feira (26). A falta de luz foi confirmada no Norte e no Nordeste, de acordo com a Chesf (Companhia Hidroelétrica do São Francisco), empresa responsável pela transmissão de energia para oito dos nove Estados nordestinos. As causas do blecaute, no entanto, são desconhecidas.

“As informações preliminares que temos indicam que é grande a extensão do apagão, mas não temos como precisar neste momento quantos Estados foram atingidos. Sabemos que o problema atinge pelo menos o Norte e o Nordeste”, afirmou João Bosco de Almeida, presidente da Chesf.

De acordo com o presidente da Chesf, ainda não é possível saber o que causou o apagão. “Nossa prioridade é religar o sistema. Todas as nossas equipes estão trabalhando para reestabelecer o fornecimento de energia”, explica.”

*. Saiba mais aqui.

Previdência decide antecipar pagamento do 3º lote de revisão do benefício

60 2

“O Ministério da Previdência decidiu antecipar o pagamento do terceiro lote dos créditos a segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que tiveram direito à revisão pelo teto dos benefícios. O cronograma do governo previa o pagamento a quem tem direito a receber entre R$ 15.000,01 e R$ 19 mil até 30 de novembro, mas agora os valores serão pagos no dia 1° de novembro.

Este é o terceiro lote de créditos da revisão por teto pago pelo INSS. No total, serão R$ 105,2 milhões, repassados a 5.961 beneficiários nesta etapa. O quarto lote, que vai pagar créditos superiores a R$19 mil também será adiantado, segundo o Ministério da Previdência. O pagamento será feito dia 2 de janeiro de 2013 e não até dia 31 do mesmo mês, segundo previsão inicial.

O pagamento da revisão do teto das aposentadorias foi determinado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em setembro de 2010. Na ocasião, foi decidido que o INSS deveria revisar os valores de aposentadorias e pensões cujo valor foi limitado pelo teto da Previdência na data especificada. A decisão atingiu aposentados e pensionistas que começaram a receber o benefício entre 5 de abril de 1991 e 31 de dezembro de 2003.

Para saber se têm direito à revisão, os segurados devem consultar o site do Ministério da Previdência, clicar em consulta à revisão do teto  e informar o número de benefício, o CPF, a data de nascimento e o nome completo para saber se estão ou não contemplados nos lotes de pagamento. Em outubro de 2011, o INSS pagou o primeiro lote da revisão pelo teto a beneficiários que tinham direito a receber até R$ 6 mil. O segundo lote, pago a quem tinha crédito entre R$ 6 mil e R$ 15 mil, foi repassado em maio desse ano. O depósito dos valores da revisão, segundo o INSS,  vai ocorrer por meio de crédito especial, separado do pagamento mensal.”

(Agência Brasil)

Eduardo Campos volta a cobrar de Dilma ações contra a seca

“O governador Eduardo Campos (PSB) enviará nesta sexta-feira (26) uma carta à presidente Dilma Rousseff (PT) para pedir agilidade às ações emergenciais da Operação Seca.  A decisão foi tomada nesta quinta (25) durante uma reunião, na sala de monitoramento da Sede do Governo, com vários secretários estaduais do Comitê Integrado de Enfretamento à Estiagem. Depois de mais de quatro horas de reunião, Eduardo decidiu relatar algumas dificuldades apresentadas nas ações desenvolvidas em parceria com a União, além de sugerir melhoria nos programas de complementação de renda. Entre as proposições feitas no texto endereçado à presidenta, ele pede ao Governo Federal a ampliação do Programa Bolsa Estiagem. O benefício de ajuda de custo é feita em cinco parcelas mensais de R$ 80.

“Precisamos levar o Bolsa Estiagem ao público do Garantia Safra, que está concluindo as cinco parcelas do benefício (de R$ 680) este mês. Assim, estaremos corrigindo falhas no cadastramento federal, que exclui alguns trabalhadores rurais de um ou outro programa”, disse o socialista. Ele explica que é possível juntar os grupos, uma vez que “o Chapéu de Palha Estiagem começa a pagar, já no próximo dia 30, todos os agricultores cadastrados nos dois programas (Garantia Safra e Bolsa Estiagem) a bolsa de R$ 280”.

O texto ainda cobra um reforço na adutora do Oeste, que será responsável pelo abastecimento de água de grande parte do Sertão pernambucano. A questão do transporte do milho do Mato Grosso e o Programa de Aquisição de Alimentos para Ovinos e Caprinos também estarão listadas. “As minhas cobranças são feitas como uma pessoa que se coloca no lugar de está enfrentando a mais dura estiagem dos últimos 50 anos”, defendeu o governador.

DISCURSO
Cotado para concorrer à Presidência em 2014, Eduardo começa a endossar um discurso de oposição a presidente Dilma. Após defender um novo federalismo um dia depois do primeiro turno das eleições municipais, Eduardo disse, nessa quarta (24), que PT não retribui o apoio do PSB.”

(JC Online)