Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Skol anuncia promoção e deixa estabelecimento de Fortaleza na saudade

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=O-tzNl7T-d0&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1&feature=plcp[/youtube]

A Skol deveria realizar, nesta noite de sexta-feira, a promoção “A Praia Invade a Cidade” num dos bares mais tradicionais de Fortaleza, o “Besouro Verde”, com 59 anos de existência e que funciona no bairro Parquelândia, em Fortaleza. Só que ninguém da empresa apareceu. Uma das proprietárias do bar, dona Rosânia Lima, procurou o Blog para deixar seu protesto.

Governo vai lançar pacote de PPP’s no setor portuário

“Na segunda quinzena de outubro, o governo deve lançar um programa de concessões para que o setor privado invista na construção de portos e melhoria da infraestrutura já existente no setor. Segundo o presidente da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), Bernardo Figueiredo, o objetivo é reduzir em cerca de 30% o custo do escoamento dos produtos para baratear as exportações.

De acordo com Figueiredo, estudos indicam que o setor necessita hoje de recursos entre R$ 30 bilhões e R$ 40 bilhões. Um dos novos terminais será construído na região de Ilhéus, no sul da Bahia, em conexão com o eixo da ferrovia que ligará o oeste baiano ao sul do estado. Está prevista também a construção de um terminal no Rio Amazonas, em Manaus, para atender o Norte do país, informou Figueiredo, durante o encontro Infraestrutura de Transportes, Logística e Mobilidade Urbana no Brasil, promovido pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Quanto a melhorias nos terminais já existentes, o objetivo é ampliar os estabelecimento para que possam receber mais navios e embarcações com maior capacidade e obter ganho de escala. Além disso, está prevista a construção de armazéns ao lado do cais, para estocagem de produtos, de modo a evitar o gastos no transporte de áreas que, atualmente, ficam distantes.

(Agência Brasil)

Caixa reduz juros de financiamento de veículos novos e usados

83 1

“A Caixa Econômica Federal anunciou hoje (28) redução de juros para o financiamento de veículos novos e usados. As novas taxas variam de 0,75% a 1,51% ao mês. Segundo a Caixa, a taxa máxima anterior era 1,63% ao mês. Para veículos com até dois anos de fabricação, o índice máximo foi reduzido de 1,55% para 1,34% ao mês. A linha de financiamento está disponível nas agências da Caixa, nas concessionárias e nas lojas credenciadas ao Banco PanAmericano.

“As taxas são definidas em função de fatores como cota de financiamento, idade do veículo, prazo e nível de relacionamento do cliente com a Caixa”, destaca nota divulgada pelo banco. O valor financiado pode ser até 100% para veículos zero quilômetro. O prazo pode chegar a 60 meses para aqueles com até cinco anos, e a 48 meses para os com até dez anos.

A Caixa informou ainda que, em conjunto com o Banco Pan-Americano, encerrou agosto com contratações de R$ 668 milhões em financiamento de veículos. O valor é 143% superior ao de abril deste ano, quando foi anunciada a estratégia de redução de taxas de juros do banco. Naquele mês, foram contratados R$ 274 milhões.

(Agência Brasil)

Gilberto Carvalho já está em Fortaleza

68 5

Desembarcou agora há pouco em Fortaleza o secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho. Ele veio participar de atos de campanha pró-candidato Elmano de Freitas (PT). Gilberto foi direto para o Paço Municipal, onde conversará com a prefeita Luizianne Lins sobre o cenário eleitoral.

Em seguida, às 18 horas, estará numa caminhada pró-Elmano na Praça do Ferreira e, mais tarde, a partir das 20 horas, subirá no palanque de comício do petista no bairro Pici.

DETALHE – Gilberto Carvalho teve na recepção o abraço de um velho amigo seu dos tempos da Pastoral Operária Nacional: Cícero Cavalcante, coordenador das Secretarias Regionais.

Dívida líquida do setor público sobe para 35,1% do PIB

“A dívida líquida do setor público chegou a R$ 1,522 trilhão, em agosto deste ano, informou hoje (28) o Banco Central (BC). Esse resultado corresponde a 35,1% de tudo o que o país produz – Produto Interno Bruto (PIB). O total ficou acima da previsão do BC para o mês, que era 34,8% do PIB. Em relação a julho, houve aumento de 0,2 ponto percentual.

Outro indicador divulgado pelo BC é a dívida bruta do Governo Geral (governos federal, estaduais e municipais), muito utilizada para fazer comparações com outros países.

No caso da dívida bruta, em que não são considerados os ativos em moeda estrangeira, mas apenas os passivos, a relação com o PIB é maior: em agosto ficou em 57,5%, um pouco acima da projeção do BC (57,4%). No período, a dívida bruta chegou a R$ 2,491 trilhões.”

(Agência Brasil)

Refinaria Premium – Parceria entre coreanos e Petrobras em discussão

O governador Cid Gomes vai se reunir, às 9 horas da próxima terça-feira, no Palácio a Abolição, com diretores da Petrobras e da GS Caltec, grupo coreano. Foi o que ele confirmou nesta sxta-feira, em clima de entrega da segunda etapa do Projeto Metrofor.

O objetivo é discutir uma parceria entre os coreanos e a Petrobras para a viabilização do projeto da futura Refinaria Premium do Ceará.

A Funai já liberou o terreno no município de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza), após longa novela.

Cid esteve na Coreia do Sul em busca de parceiros, seguindo recomendação da presidente da Petrobras, Graça Forster.

Agora, é esperar a conversa técnica e, claro, financeira dessa parceria.

 

Finalizadas obras de restauro da pista do Aeroporto de Fortaleza

A superintendência estadual da Infraero conclui, neste sábado, a obra de recapeamento asfáltico da pista de pousos e decolagens do Aeroporto Internacional Pinto Martins. Com o fim dos trabalhos, os voos voltam a operar normalmente, das 6 às 12 horas, a partir de segunda-feira, informa a assessoria de imprensa da estatal.

A obra custou R$ 8,6 milhões e as intervenções aumentaram a durabilidade, a capacidade de escoamento e aderência da pista, tornando as operações de pouso e decolagens no aeroporto ainda mais seguras.

“As obras foram necessárias para que o Aeroporto de Fortaleza seguisse garantindo os níveis de conforto e segurança operacional da pista para seus passageiros”, destaca o superintendente Wellington Santos. O aeroporto passa por outra obra: a ampliação do Terminal de Passageiros.

 

Trânsito de Fortaleza recebeu 7.800 carros novos em agosto

Em agosto último, segundo os dados mais recentes liberados pela Federação Nacional dos Revendedores de Veículos Novos (Fenabrave), regional do Ceará, o setor emplacou cerca de 7.800 carros novos só em Fortaleza.

Isso foi resultado de boas vendas embaladas pela redução do IPI determinada pelo governo federal, informa o presidente da Fenabrave/CE, Fernando Pontes.

Ele observa, no entanto, que muita gente que comprou carro novo e, em especial, de marca popular, está aguarda receber o produto até 90 dias. As montadores reduziram o ritmo de fabricação no Brasil temendo efeitos da crise mundial.

Mensalão – Lula vive momento de “lobo”

114 1

Com om título “O PT na hora do lobo”, eis artigo do jornalista Fernando Gabeira, ex-deputado federal pelo PT e  PV. Aborda o processo de julgamento do Mensalão. Para ele, nesse caso todo, o ex-presidente Lula viveria o momento de lobo. Confira:

A Hora do Lobo é um filme de Ingmar Bergman. Os antigos a chamavam assim porque é a hora em que a maioria das pessoas morre… e a maioria nasce. Nessa hora os pesadelos nos invadem, como o fizeram com o personagem Johan Borg, interpretado por Max von Sydow.

Como projeto destinado a mudar a cultura política do País, o PT fracassou no início de 2003. Para mim, que desejava uma trajetória renovadora, o PT sobrevive como um fósforo frio. Entretanto, na realidade, é uma força indiscutível. Detém o poder central, ocupou a máquina do Estado, criou um razoável aparato de propaganda e parece que o dinheiro chove em sua horta com a regularidade das chuvas vespertinas na Floresta Amazônica. Mas o PT está diante de um novo momento que poderia levá-lo a uma crise existencial, como o personagem de Bergman, atormentado pelos pesadelos. Pode também empurrá-lo mais ainda para o pragmatismo que cavou o abismo entre as propostas do passado e a realidade do presente.

O PT sempre usou duas táticas combinadas para enfrentar as denúncias de corrupção. A primeira é enfatizar seu objetivo: uma política social que distribui renda e reduz as grandes desigualdades nacionais. Diante dessa equação que enfatiza os fins e relativiza os meios, alguns quadros chegam a desprezar as críticas, atribuindo-as às obsessões da classe média, etiquetando-as como um comportamento da velha UDN, partido marcado pela oposição a Getúlio Vargas e pela proximidade com o golpe que derrubou João Goulart. A segunda é criar uma versão corrigida para os fatos negativos, certo de que a opinião pública ficará perdida na guerra de versões. Esta tática é a que enfatiza o desprezo da política moderna pelas evidências, como se o confronto fosse uma guerra em que a verdade é vitimada por ambos os lados.

Acontece que essa fuga das evidências encontra seu teste máximo no julgamento do mensalão. O ministro Joaquim Barbosa apresenta as acusações com grande riqueza de detalhes. As teses corrigidas foram sendo atropeladas pelos fatos. Não era dinheiro público? Ficou claro que sim, era dinheiro público circulando no mensalão. Ninguém comprou ninguém, eram apenas empréstimos entre aliados. Teses que se tornam risíveis diante da origem e do volume do dinheiro. O PT salvando o PP de José Janene, Pedro Correa e Pedro Henry da fúria dos credores?

O relatório de Joaquim Barbosa apresenta o mensalão como uma evidência reconhecida pela maioria do Supremo, dos órgãos de comunicação e dos brasileiros. Como ficará a tática do PT diante dessa realidade? Negar a evidência? É um tipo de reação que, mesmo em tempo de prosperidade econômica, não funciona quando os fatos são inequívocos.

Ao longo de minhas viagens observei que o mensalão não havia afetado as eleições municipais. Mas o processo está em curso. Algumas cidades já estão afetadas, como São Paulo e Curitiba. Nesta ocorre algo bastante irônico: o candidato Gustavo Fruet (PDT) é acusado de ter o apoio do PT e por isso perde votos. Fruet foi um dos deputados que investigaram o mensalão na CPI dos Correios.

A reação do PT diante da possível condenação de seus líderes vai ser decisiva. Encontrará forças para reconhecer seu erro, aceitar o julgamento do STF e iniciar um processo de autocrítica? Tudo indica que não. A teoria conspiratória domina suas declarações. O mensalão foi uma invenção da mídia golpista, dizem alguns. Na nota dos partidos aliados, que deviam ser chamados de partidos submissos, acusa-se uma manobra da oposição, como se tudo isso tivesse sido construído por ela, que descansa em berço esplêndido.

Numa entrevista raivosa, um dos réus, Paulo Rocha (PT-PA), alega que as denúncias do mensalão ocorrem porque Lula abriu o mercado brasileiro aos países árabes. A tese conspiratória é tão clássica que os judeus não poderiam ser esquecidos.

O ex-presidente Lula parece viver realmente a hora do lobo. Percorre o Brasil atacando adversários e diz que, tal como venceu o câncer, vai derrotar os candidatos de oposição. Se o ressentimento e o rancor brotam com tanta facilidade dos lábios do líder máximo, o que esperar do exército virtual de combatentes pagos para atirar pedras?

Este é um momento crítico na história do PT. Deve contestar estas evidências com a mesma eloquência com que contestou outras. Mas as de agora são transmitidas ao vivo, foram submetidas ao exame de ministros do Supremo, estão coalhadas de fatos, depoimentos, provas.

Ao contestar as evidências o PT não inventa um caminho. Paulo Maluf foi acusado durante anos de desviar dinheiro para o exterior e sempre negou. A condenação e a eventual prisão de líderes não afastam o PT do poder, mas transformam o encontro nos jardins da casa de Maluf em algo mais que uma simples oportunidade fotográfica. O PT não só verteu milhões para os caixas do partido Maluf, como aceitará a tática malufista de negar as evidências, mesmo quando são esmagadoras.

Em defesa de Maluf pode-se dizer que ele nunca prometeu a renovação ética da política brasileira. Usa apenas um mesmo e fiel assessor de imprensa para rebater críticas nos espaços de cartas de leitores. Descendente de árabes, Maluf jamais, ao que me consta, culpou uma conspiração sionista por sua desgraça. Sempre foi o Maluf apenas, sem maiores mistificações.

Montado numa máquina publicitária, apoiado por uma miríade de intelectuais, orientado por competentes marqueteiros, o PT viverá em escala partidária a aventura individual de Maluf: negar as evidências. Até o momento nada indica que assumirá a realidade. Seu caminho deve ser negar, negar, como o marido infiel nas peças de Nelson Rodrigues – por sinal, o inventor da expressão “óbvio ululante”.

O mensalão não é um cadáver no armário, invenção de opositores ou da imprensa. Nasceu, cresceu e implodiu nas entranhas do governo. É difícil sentar-se em cima dos fatos. Ele são como uma baioneta: espetam.

Bloqueados bens de deputado estadual e conselheiro de Tribunal de Contas

Olha essa informação que saiu no site do STJ:
O ministro Mauro Campbell Marques, do Superior Tribunal de Justiça, determinou a indisponibilidade dos bens de um deputado e de um conselheiro de Tribunal de Contas Estadual. A medida atinge outras pessoas, mas os números não foram divulgados pois o processo segue em segredo de justiça.

Para o ministro, mesmo que não haja provas sobre o risco de dano irreparável, essas autoridades que respondem a ação de improbidade administrativa, ou seja, são acusadas de mau uso do dinheiro público, devem ter os bens bloqueados.

Ao entrar com ação no STJ, o Ministério Público estadual pediu o bloqueio dos bens e o afastamento dos envolvidos. No entanto, o ministro Mauro Campbel mandou bloquear os bens, mas não acolheu o pedido de afastamento, pois segundo o magistrado para saber se a permanência dos agentes públicos no cargo atrapalharia o andamento do processo, seria preciso reavaliar provas, o que não cabe ao STJ fazer.

VAMOS NÓS – Isso tem a ver com o Ceará?

Gilberto Carvalho vem para campanha de Elmano

98 3

Gilberto Carvalho, secretário-geral da Presidência da República, é aguardado nesta sexta-feira, em Fortaleza. Vai participar, a partir das 17 horas, na Praça do Ferreira, de um ato dos movimentos sociais pró-Elmano de Freitas.

Também estará num comício no Pici, a partir das 20 horas, ao lado da prefeita Luizianne Lins, parlamentares federais e estaduais, postulantes a vereador e lideranças comunitárias.

VAMOS NÓS – Dilma não vem, mas manda assim o seu braço direito.

GECOPA terá que resolver impasse sobre desapropriações da Via Expressa

76 2

Nada de acordo sobre quem vai realizar as desapropriações exigidas para a construção dos túneis da Via Expressa, obra da Copa 2014 em Fortaleza.

Cid Gomes e Luizianne Lins se reuniram, por cerca de uma hora, nesta manhã de sexta-feira, no Palácio da Abolição. Houve muita discussão sobre a questão, mas ambos decidiram transferir para o GECOPA, organismo do Ministério dos Esportes que responde pelo acompanhamento da matriz de responsabilidades do certame mundial, a solução para o impasse.

Os secretários Ferruccio Feitosa (Especial da Copa) e Geraldo Accioly falaram após o encontro em nome de Cid e Luizianne.

A polêmica surgiu quando a Prefeitura divulgou relatório da CGU apontando que as desapropriações seriam da competência do Estado. Já o Estado alegou que houve um equívoco.

Essa é a primeira vez, neste ano, que Cid e Luizianne se encontram para tratar de questões administrativas. Politicamente, estão separados nestas eleições. Ele apoia Roberto Cláudio (PSB) para prefeito e Luizianne o petista Elmano de Freitas.

DETALHE – A prefeita ali chegou com documentos e disse que queria o cumprimento do acordo que havia sido fechado bem antes do cenário político. Cid Gomes disse que tem o dinheiro para o caso. Ao final, ambos vão se reunir com o GECOPA em Brasília.

(Foto – Mauri Melo)

Natália Guimarães está na cidade para o Miss Brasil

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=0XITYPuf7zA&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1&feature=plcp[/youtube]

Natália Guimarães, ex-Miss Brasil 2007 e que ficou em segundo lugar no Miss Universo, está em Fortaleza. Ela veio conferir o Concurso Miss Brasil, que ocorrerá a partir das 22 hora deste sábado, no Centro de Eventos. Natália, hoje atuando como apresentadora na Rede Record e belíssima por sinal, conversou com o Blog.

Castelão – Definido o fornecedor das cadeiras do estádio

O consórcio responsável pela reforma e modernização do Estádio Castelão definiu a Nöra BlueCube como fornecedora de todo o mobiliário da arena (assentos, poltronas VIP e móveis).

A empresa é uma joint venture entre a gigante inglesa BlueCube – responsável pela cadeiras do estádio Olímpico de Londres, do Wembley Stadium e do Soccer City da África do Sul – e a brasileira Nöra, especialista em mobiliário corporativo.

O Castelão havia escolhido a Yafale em junho para fornecer assentos, mas desistiu da ideia.

(Com Coluna Radar – Veja Online/Foto – Paulo  MOska)

Mensalão – Jornal britânico que condenações sinalizam melhor governança

O jornal britânico “Financial Times” traz matéria, nesta sexta-feira, afirmando que as primeiras condenações do julgamento do Mensalão podem indicar que o Brasil está no rumo de uma “governança melhor”, com combate mais eficiente à impunidade.

“Quando o julgamento começou no mês passado, havia preocupações de que ele se tornaria apenas mais um exemplo de como a elite brasileira rotineiramente consegue escapar de punições sérias por seus crimes”, afirma o texto assinado pelo correspondente do jornal em São Paulo, Joe Leahy.

A matéria fala também do possível impacto do julgamento do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, para as campanhas do PT.

* Leia mais aqui.

Senadora Marina Silva vem reforçar campanha de Heitor Férrer

A senadora Marina Silva chega hoje a Fortaleza para cumprir agenda de campanha pró-Heitor Férrer, que mandou reforçar a ação eleitoral. Na agenda dela, também, ações pró-campanha do candidato a vereador Paulo Sombra, na Praça do Otávio Bonfim às 18h30min, e jantar pró-Heitor-Polô, este último postulante a uma vaga na Câmara Municipal.