Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

MP do setor elétrico vira teste para Renan Calheiros

Um grande teste de Renan Calheiros para a sua desejada volta à presidência do Senado será sua atuação como relator da Medida Provisória que altera radicalmente o setor elétrico e que está no coração de Dilma Rousseff.

Será a prova de confiabilidade que dará a Dilma.

A votação da MP ocorrerá até o final do ano.

(Coluna Radar, da Veja Online)

Projeção de crescimento econômico em 2012 mantido em 1,54%

“A previsão de analistas do mercado financeiro para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, permanece em 1,54%, este ano. A estimativa foi mantida pela terceira semana seguida. Para 2013, a projeção de 4% é a mesma há 13 semanas. Os dados estão no boletim Focus, publicação divulgada às segundas-feiras pelo Banco Central (BC). Para a produção industrial, a projeção de retração neste ano passou de 2,10% para 2,31%. Em 2013, a expectativa é que haverá recuperação. A projeção de expansão foi mantida em 4,15%.

A expectativa para a cotação do dólar foi ajustada de R$ 2,01 para R$ 2,02, este ano, e mantida em R$ 2,01, em 2013. A previsão para o superávit comercial (saldo positivo de exportações menos importações) foi alterada de US$ 18,45 bilhões para US$ 18,2 bilhões, neste ano, e mantida em US$ 15 bilhões para 2013. A projeção para a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB foi mantida em 35,2%, este ano, e em 34%, em 2013.

Para o déficit em transações correntes (registro das transações de compra e venda de mercadorias e serviços do Brasil com o exterior), houve ajuste na estimativa de US$ 55,7 bilhões para US$ 55,73 bilhões, em 2012. Para 2013, a estimativa foi mantida em US$ 65,9 bilhões. A expectativa para o investimento estrangeiro direto (recursos que vão para o setor produtivo do país) passou de US$ 59,68 bilhões para US$ 60 bilhões, este ano, e foi mantida em US$ 60 bilhões, em 2013.”

(Agência Brasil)

Dilma prorroga bolsa-estiagem e cita projeto do Ceará como solução para seca

presidenta Dilma Rousseff disse hoje (5) que o governo federal vai prorrogar por mais dois meses o pagamento do Bolsa Estiagem em razão da seca prolongada na Região Nordeste e no norte de Minas Gerais. Segundo ela, cada família beneficiada pelo programa vai receber mais duas parcelas de R$ 80, totalizando um custeio de R$ 560 e não mais de R$ 400. “Essa renda, que transferimos com o Bolsa Estiagem, é para muitas famílias a única alternativa para não passar fome porque, sem a produção agrícola, elas não têm o que comer nem o que vender no mercado”, explicou.

No programa semanal Café com a Presidenta, Dilma destacou que os agricultores cadastrados no Garantia Safra também vão receber ajuda extra do governo federal em razão da estiagem. Serão pagas duas parcelas a mais do benefício, cada uma no valor de R$ 136. “Com mais dois meses de Bolsa Estiagem e dois meses de Garantia Safra, estamos garantindo renda para 1,5 milhão de famílias que vivem no Semiárido”, avaliou.

Outra medida anunciada pela presidenta trata da prorrogação, até fevereiro de 2013, da venda de milho a um preço mais baixo que o do mercado para pequenos agricultores. Segundo ela, o governo pretende também melhorar o sistema de distribuição do produto. Além disso, Dilma informou que a Operação Carro-Pipa será ampliada – o Exército Brasileiro foi autorizado a contratar mais 906 carros-pipa, que vão se juntar aos 4.082 em serviço. Os estados, segundo ela, também receberam recursos e já contrataram mais de 2 mil carros-pipa.

Projetos do Ceará

Sobre investimentos em obras para tentar solucionar a falta de água na região do Semiárido, Dilma destacou o Eixão das Águas, as barragens do Missi e do Riacho da Serra, no Ceará; a Adutora do Pajeú e a Adutora do Agreste, em Pernambuco; as Vertentes Litorâneas, na Paraíba; a Barragem do Atalaia, no sul do Piauí; o Sistema Adutora Alto Oeste, no Rio Grande do Norte; e o Canal do Sertão Alagoano, em Alagoas.”

(Agência Brasil)

Orçamento da União 2013 – Pelo menos R$ 25 bi devem ser contingenciados

195 1

“Consultores do Congresso Nacional calculam que pelo menos R$ 25 bilhões devem ser contingenciados no orçamento do próximo ano. O valor consta em nota técnica conjunta da Câmara dos Deputados e do Senado Federal sobre o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) para 2013. O estudo acusa o Executivo de embutir elementos de contingenciamento no Orçamento Geral da União.

Dentre as razões, segundo a nota, destacam-se o “uso de redutor da meta de resultado primário na lei orçamentária”; “abertura de créditos adicionais com recursos de superávit financeiros de anos anteriores”; “reabertura de créditos extraordinários” e “estoque acumulado de restos a pagar”.

O professor de economia da Universidade de Brasília, José Carlos de Oliveira, explica os termos. Quanto ao uso do redutor da meta de superávit primário –isto é, receita menos despesas –, esta foi fixada em R$ 108,1 bilhões, tendo sido diminuída no PLOA 2013 em R$ 25 bilhões. Assim, os recursos dos projetos são aprovados para cumprirem uma meta reduzida.

“Entretanto, quando se considera a execução do orçamento, esta volta para a meta cheia [como se os R$ 25 bilhões não tivessem sido cortados]. Para poder cumprir a meta, é preciso contingenciar de algum lugar”, diz. Isto porque a meta de superávit reduzida não contempla determinadas despesas, que passam a existir quando se executam projetos tendo por base a meta cheia.

* Do site Contas Abertas aqui.

Mensalão – O dinheiro que o País nunca mais verá

A condenação dos principais mensaleiros pelo Supremo Tribunal Federal (STF) pulverizou o argumento, amplamente usado por petistas, de que não passavam de “piada de salão” as denúncias de que deputados recebiam mesada para apoiar o recém-eleito governo Lula.

Ao confirmar que 25 réus terão de pagar pelo rosário de crimes do mensalão, alguns deles cumprindo pena atrás das grades, a mais alta corte do país também começou a discutir como devolver aos cofres públicos ao menos uma parte do dinheiro desviado. Essa reparação está prevista em lei, mas as ferramentas para alcançá-la não são das mais eficazes. O caminho para reaver os recursos será árduo e pode terminar em frustração.

* Da Revista Veja aqui.

IFCE/CE – Eleição para reitor com cinco candidatos

210 5

A eleição para escolha do novo reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), que ocorrerá no próximo dia 28, vai mesmo ser bem disputada.

Segundo a comissão eleitoral,  contará com cinco candidatos. São eles: Bráulio Gomes, de Iguatu; João Medeiros, José Valdeci, Marcelo Santos e Virgílio Araripe, estes de Fortaleza.

DETALHE – Nessa lista, o preferido do atual reitor, Cláudio Ricardo, é o professor Virgílio Araripe.

 

Prefeito eleito de Fortaleza terá encontro com bancada federal em Brasília

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=8o3vLni-axA&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=5&feature=plcp[/youtube]

O prefeito eleito de Fortaleza, Roberto Cláudio, vai participar, nesta terça-feira, em Brasília, de reunião com a bancada federal cearense, onde o tema é a discussão sobre emendas ao Orçamento Geral da União 2013. A informação foi dada nesta segunda-feira pelo coordenador da bancada, o deputado federal Antônio Balhmann (PSB), que já viajou para acertar os detalhes do encontro.

Juízes prometem paralisar nesta semana por melhores condições salariais

147 1

“Juízes federais e trabalhistas insatisfeitos com os próprios salários prometem cruzar os braços na próxima quarta e quinta-feira (7 e 8 de novembro) para dar visibilidade à causa. O movimento é liderado pelas duas maiores entidades de classe das categorias, a Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) e a Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra). As entidades, que representam cerca de 5 mil juízes, ainda não sabem qual será a taxa de adesão nem os efeitos da greve para a sociedade. “Mas, ressaltamos que haverá magistrados de plantão para emergências e que todas as audiências agendadas para o período da paralisação serão remarcadas”, informa a assessoria da Ajufe.

Os juízes também ameaçam boicotar a Semana Nacional de Conciliação, que é realizada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) desde 2006 e neste ano será de 7 a 14 de novembro. No ano passado, as duas justiças realizaram quase 110 mil audiências e cerca de 50 mil acordos, que totalizaram R$ 748 milhões.

Embora recebam salário entre os mais altos no funcionalismo público – quase R$ 22 mil em início de carreira – os juízes da União não concordam com a corrosão dos vencimentos nos últimos anos devido à inflação. Eles argumentam que, embora a Constituição preveja revisão anual dos subsídios, houve apenas um reajuste de 9% desde 2005. A categoria não concordou com o percentual oferecido pelo Executivo aos servidores federais em agosto deste ano, de 15,8% até 2015, e pede readequação para 28,86% apenas em relação às perdas dos anos anteriores.”

(Agência Brasil)

Ministro visita obras do Castelão nesta terça-feira

209 2

O ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, e o ex-técnico da Seleção Brasileira, Felipe Scolari, visitam na manhã de terça-feira (6) as obras do estádio Castelão. O secretário especial da Copa, Ferrúccio Feitosa, acompanha a comitiva do ministério.

Após a visita ao estádio, Aldo Rebelo e Felipão deverão almoçar com o governador Cid Gomes, no Palácio da Abolição. Em seguida, na companhia do secretário estadual dos Esportes, Gony Arruda, os dois lançaram no Ceará o programa Segundo Tempo, que estimula a prática de esportes nas escolas. Felipão é o coordenador do programa.

Ciências da Computação da UFC inscreve para mestrado e doutorado

Os cursos de mestrado e doutorado em Ciências da Computação da Universidade Federal do Ceará estão com inscrições abertas até 9 de novembro de 2012 para a turma de 2013. As linhas de pesquisa são: Teoria da Computação, Sistemas de Informação e Ciências Computacionais.

Cada linha poderá delimitar um número máximo de candidatos a serem aceitos segundo o limite de sua capacidade para supervisão e orientação de alunos. O interessado pode escolher uma das três formas de inscrição: presencial, na Secretaria do curso, localizada no Bloco 910 do Campus do Pici; via internet (http://is.gd/PG4L53); ou pelos Correios, enviando o material solicitado no edital para o endereço da Coordenação do Mestrado e Doutorado em Ciência da Computação – Departamento de Computação – Centro de Ciências – UFC, Bloco 910 – Campus do Pici, CEP 60.440-554 – Fortaleza, CE – Brasil.

SERVIÇO

Os editais nº 001/2012 e nº 002/2012, que tratam da seleção do mestrado e do doutorado, respectivamente, podem ser acessados na íntegra no site da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (www.prppg.ufc.br).

(Site da UFC)

Audiência pública sobre TV por assinatura é remarcada para fevereiro

O ministro Luiz Fux determinou o adiamento, para os dias 18 e 25 de fevereiro de 2013, da audiência pública sobre TV por assinatura. Inicialmente agendada para 19 e 26 de novembro próximos, a audiência precisou ser remarcada, pois, para essas datas, foram convocadas sessões extraordinárias do Plenário do Supremo Tribunal Federal. A lista de expositores credenciados para falar nos dois dias de audiência será mantida.

O ministro Fux é relator de três ações diretas de inconstitucionalidade (ADIs) que questionam dispositivos da Lei 12.485/2011, que regulamenta a comunicação audiovisual de acesso condicionado. As ADIs são de autoria do Partido Democratas (ADI 4679), da Associação NEO-TV, que reúne prestadores de serviço de TV por assinatura (ADI 4747), e pela Associação Brasileira de Radiodifusores (ADI 4756).

O objetivo das audiências públicas é ouvir especialistas, entidades reguladoras e representantes da sociedade civil para esclarecer questões técnicas, políticas, econômicas e culturais relativas ao funcionamento do mercado de TV por assinatura.

(STF)

Collor manifesta preocupação com equilíbrio entre os poderes

303 6

O senador Fernando Collor (PTB-AL) disse que é preciso revigorar o Poder Legislativo e tantas outras instituições que perderam o respeito e a consideração da opinião pública. Collor chegou a falar em esfacelamento das instituições públicas no Brasil. O senador manifestou preocupação com o que chamou de ruptura do princípio da independência e da separação dos poderes. Segundo o senador, em alguns casos, a usurpação das atribuições vai além do tripé Executivo, Legislativo e Judiciário e atinge outras instituições como o Ministério Público e a imprensa.

Na visão de Fernando Collor, há uma espécie de crise se desenvolvendo de forma vagarosa e ao largo da sociedade: o agravamento do desequilíbrio entre os poderes da República, no exercício das suas competências e atribuições. O parlamentar disse que essa crise envolve todas as esferas do poder público e atinge também estados e municípios.

– O pacto federativo é assim quebrado e o princípio da descentralização fica maculado – declarou.

Para o senador, é preciso reformas de base na educação, na tributação, na administração pública, nas questões trabalhistas e no sistema político e eleitoral. Collor disse que essas são reformas essenciais para que o país continue no caminho da prosperidade. O parlamentar também lamentou a perda de valores morais e éticos na sociedade. Ao defender o parlamentarismo, Collor criticou o presidencialismo de coalizão, o grande número de partidos e a falta de compromisso ideológico.

– A democracia passa pela existência de partidos fortes, capazes de intermediar as aspirações dos diversos segmentos da sociedade – declarou.

(Agência Senado)

Ato ecumênico homenageia mortos pela ditadura militar

Um ato ecumênico tendo a presença, entre alguns religiosos, do padre Haroldo Coelho, foi realizado, nesta sexta-feira, em homenagem aos mortes cearenses pelo regime militar. O ato, promovido por entidades como a Associação 64/68 e a Comissão Estadual de Anistia Vanda Sidou, ocorreu em frente ao túmulo de Frei Tito de Alencar, no Cemitério de São João Batista, em Fortaleza.

Frei Tito foi um religioso cearense que morreu na França, para onde foi exilado.

Segundo Mário Albuquerque, da Comissão Nacional de Anistia do Ministério da Justiça, o objetivo foi também cobrar “esclarecimentos sobre tantos assassinatos de pessoas que contribuíram para a redemocratização do País”.

Paes de Andrade defende reeleição de Dilma Rousseff

143 1

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=udgvvje0zRc&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=3&feature=plcp[/youtube]

O presidente de honra do PMDB nacional, Paes de Andrade, defende a reeleição da presidente Dilma Rousseff. Para ele, o seu primo, o governador de Pernambuco e dirigente nacional do PSB, Eduardo Campos, não deve ser uma ameaça.

Paes aproveitou para comemorar a vitória de Roberto Cláudio (PSB), que fez aliança com o PMD,  para prefeito de Fortaleza.

Candidatos têm que prestar contas até 3ª feira

Os candidatos que encerraram a sua participação nas Eleições 2012 no primeiro turno têm até terça-feira (6) para apresentar à Justiça Eleitoral suas prestações de contas finais de campanha. O mesmo prazo vale para comitês financeiros e partidos. O primeiro turno das eleições municipais ocorreu no dia 7 de outubro. Caso o candidato não apresente as contas eleitorais não poderá obter a certidão de quitação eleitoral e, em consequência, ficará impedido de obter o registro de candidatura para a próxima eleição por não estar quite com a Justiça Eleitoral.

Já os 100 candidatos que concorreram ao segundo turno das eleições para prefeito, no dia 28 de outubro, têm até o dia 27 de novembro para entregar as prestações de contas finais.

No dia 11 de outubro, a Justiça Eleitoral liberou a atualização do Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE), cadastro em sua versão 1.07. Pela primeira vez, o sistema de prestação de contas possibilita a entrega do arquivo eletrônico da prestação de contas final de candidatos, partidos e comitês financeiros pela internet. Mas essa modalidade só pode ser utilizada pelo prestador de contas caso realize a atualização do sistema para a versão 1.07. Acesse aqui o link para download do SPCE Cadastro 1.07.

O envio das prestações de contas finais pela internet não isenta candidatos, partidos e comitês da obrigatoriedade de entrega dessas prestações, com todos os seus demonstrativos e peças na forma impressa, à Justiça Eleitoral.

(Com TSE)

Ex-secretário aponta números que mostram a estagnação do turismo cearense

261 6

Com o título “Os Números do Ministério do Turismo”, o ex-secretário estadual do Turismo, Allan Aguiar, lamenta que o quadro turístico no Estado ande em clima de estagnação. Mas ele aproveita para festejar a “demissão” dos que estão no poder em Fortaleza, cidade turística que tem tudo para melhorar sua situação nacional nesse mercado. Confira:

O melhor prisma de uma análise é o mérito dos números do desempenho. Os Estudos da Demanda Turística Doméstica e Internacional do Brasil, no período 2005/2011, realizados pela FIPE – Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, sob encomenda do Ministério do Turismo, merecem uma séria reflexão de todos aqueles cearenses preocupados com o estado da nossa economia.

O futuro é promissor pelas infraestruturas turísticas construídas pelo atual Governo do Estado, que já figura como imortal da Academia Cearense de Quem Fez Mais Obras Para o Turismo. Nem o saudoso ex-governador César Cals marcou tantos gols. O futuro também é promissor pelo fato do atual governador ter conseguido demitir, nas urnas e no atacado, os atuais administradores de Fortaleza, nosso principal Destino Turístico. São todos gente boa, mas alguns não são bons gestores públicos.

Já o presente e o passado recente são de um retrocesso atroz, sob a ótica dos resultados dos agregados turísticos. Mencionados Estudos da FIPE revelam nossa posição coadjuvante no contexto Nacional. Mesmo com a trágica gestão do turismo do governo baiano, Salvador mandou-nos para a quarta colocação dentre as capitais mais visitadas. Sempre estivemos atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro. Recife, outrora distante no ranking, está em empate técnico conosco, seguida de perto por Natal. No conjunto das viagens domésticas, o Destino Ceará ocupa a modesta oitava posição, beliscando apenas 5,5% (sétima posição) da receita turística gerada.

Quando examinamos o contexto do Turismo Internacional, referidos estudos do Ministério sugerem o desaparecimento do Ceará do mapa do fluxo internacional. Mesmo com toda a crise na Europa e Argentina, o Brasil conseguiu manter o patamar de números de Turistas Internacionais. Nosso Estado perdeu quase a metade de seus visitantes estrangeiros, quase a totalidade de seus voos charters internacionais e metade de seus voos regulares internacionais. Hoje, só nos resta, praticamente, a TAP – Air Portugal e a TACV – Cabo Verde Air Lines. Somos a nona Unidade da Federação mais visitada e Fortaleza o sétimo local mais visitado.

O quadro apresentado pelo Ministério do Turismo permite entender a estagnação da atividade turística em nosso Estado. Fortaleza não inaugura um novo Hotel há sete anos. Sem demanda, a oferta hoteleira não cresce. Os Roteiros do Interior, inclusive aqueles no espaço rural e natural desapareceram. Os que sobrevivem dependem apenas do fluxo de viagens de negócios. Lazer e entretenimento, nossa locomotiva, está descarrilhando nos trilhos do prejuízo e aviltamento dos seus tarifários. Sol e Praia, de brasileiros, é o que nos restou: Recepcionar a emergente classe C e D. Somos hoje o Turismo do Divino, da novela Avenida Brasil.

* Allan Aguiar,

Consultor Empresarial, foi Secretário do Turismo do Ceará e Presidente da EMPETUR/PE e CTI/Nordeste.

Conferência Intefnacional Anticorrupção terá presença de autoridades brasileiras

162 1

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Carlos Ayres Britto; o ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Jorge Hage Sobrinho; a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira; e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso; são algumas das autoridades brasileiras confirmadas para a 15ª Conferência Internacional Anticorrupção (IACC), que acontece de 7 a 10 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (DF).

Promovido pela Transparência Internacional (TI), organização não-governamental dedicada ao combate à corrupção em todo mundo, e organizada pela AMARRIBO Brasil (representante da TI no Brasil) e pela Controladoria-Geral da União (CGU), com o apoio do Instituto Ethos, a 15ª IACC contará a participação de lideranças políticas, representantes da sociedade civil e especialistas dos setores público e privado de todo o mundo.

Durante a conferência serão discutidos temas ligados ao combate à corrupção em diversos setores, como em eventos esportivos e futebol, sustentabilidade e meio ambiente, política, transição de governos, educação, agenda empresarial, saúde, comunicação e mídias sociais, além da importância da mobilização popular e da ação coletiva.

“Os participantes farão importantes debates sobre boas práticas, compartilharão experiências e traçarão estratégias comuns para o desenvolvimento de práticas de prevenção e combate à corrupção no Brasil e no mundo”, afirma Leo Torresan, presidente da AMARRIBO Brasil.

SERVIÇO

A íntegra da agenda, com os painéis e participantes, está disponível em http://15iacc.org/agenda/full-agenda/language/pt/.

Pacotes de cigarro ficarão sem as imagens chocantes

204 2

“As imagens tétricas estampadas nos maços de cigarros estão com os dias contados. Depois de várias pesquisas, a Anvisa concluiu que elas não sensibilizam nem os fumantes de ocasião.

Por isso, a partir de maio, surgirão mensagens mais sutis. Se até lá as imagens não ficarem prontas, a Anvisa usará alternativas que deram certo em outros países. Exemplo: uma mulher fumando ao lado de uma criança, com uma paisagem ao fundo.

A aposta é que essas cenas plácidas evocando a vida podem despertar melhor a consciência do fumante.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Cid não abre mão da reeleição de Dilma Rousseff

163 2

Em entrevista gravada para o jornalista Paulo Henrique Amorim (Record News), nesta semana, o governador Cid Gomes (PSB) reiterou: vai apoiar a reeleição da presidente Dilma Rousseff em 2014. Cid, além de se definir como aliado de Dilma, demonstra carinho por ela e diz ser admirador de seu estilo de trabalho, que leva em consideração sempre o critério técnico para resolver problemas.

A recíproca, pelo menos no plano político, parece verdadeira. Dilma não veio para a campanha do PT em Fortaleza nem gravou depoimento pró-Elmano de Freitas. Essa postura de Cid deve ser vista também como um contraponto ao presidente nacional do seu partido, o PSB.

O governador Eduardo Campos posa de presidenciável e vem sendo festejado pela mídia como grande vitorioso do último pleito.