Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Eleitor pode justificar o voto no Aeroporto Pinto Martins

“Os aeroportos administrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) terão postos de justificativa eleitoral neste domingo (28) para o segundo turno das eleições municipais. Ao todo, 15 terminais terão unidades dos tribunais regionais eleitorais em funcionamento para atender aos eleitores que estiverem em trânsito e precisarem justificar sua ausência na votação.

Os terminais aeroportuários com postos eleitorais instalados são os de Belém, Brasília, Campinas, em São Paulo Campina Grande e João Pessoa, na Paraíba, Confins, em Belo Horizonte, Cuiabá, Fortaleza, Florianópolis, Natal, Porto Alegre, Recife, Salvador, Teresina e Vitória. De acordo com o diretor de Aeroportos da Infraero, João Márcio Jordão, os entendimentos entre a empresa e os tribunais regionais eleitorais nos estados têm como objetivo ajudar os brasileiros a quitar as obrigações eleitorais, mesmo quando estão viajando no dia da votação.

Para apresentar a justificativa eleitoral, o eleitor deve comparecer a qualquer seção eleitoral ou mesa receptora de justificativa fora do domicílio e preencher o requerimento de justificativa eleitoral, disponível nosite do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e assiná-lo na presença do mesário. É preciso ter em mãos o número do título de eleitor e um documento oficial de identificação com foto (carteira de identidade ou funcional, de trabalho, de habilitação, certificado de reservista ou passaporte.”

(Agência Brasil)

Ranking dos partidos e prefeitos conquistadas no 1º turno

199 1

Embora tenha conquistado o maior número de prefeituras no primeiro turno das eleições deste ano, 1.035 cidades ao todo, o PMDB ficou em segundo lugar no total de votos conquistados no país, com 16.665.662, de acordo com levantamento feito pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), com base nos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O PMDB, que em 2008 havia sido o mais votado, com 18.491.822 votos, foi superado pelo PT, que recebeu 17.188.748 votos, 3,80% a mais do que os 16.534.749 obtidos nas últimas eleições municipais. Em relação ao número de prefeituras, o PT  ficou apenas em terceiro, com 648 municípios.

Neste domingo (28), eleitores de 50 cidades com mais de 200 mil votantes retornarão às urnas para escolher o prefeito. Ao todo,  31,7 milhões de eleitores estão aptos a votar em 17 capitais e 33 cidades do interior. Em 2008, os eleitores de 30 cidades do país decidiram as eleições municipais em segundo turno.

Hoje, nas capitais onde haverá segundo turno, o PSDB é o partido com maior número de candidatos – oito, seguido pelo PT, com seis, o PMDB, PSB e PDT, com três cada, e o PSOL, com dois. O PPS, PCdoB, PP, PSC, PV, DEM, PTC, PSD e PTB têm um candidato cada na disputa.

De acordo com os dados do TSE, o PSDB, segundo partido em número de prefeituras nestas eleições, com vitória em 709 cidades, ficou em terceiro lugar em número de votos, com 13.842.265. O número corresponde a 5,02% a menos do que o partido havia conquistado em 2008, quando recebeu 14.537.570 votos. A diferença ocorre porque o PT  obteve votações expressivas em grandes centros, como São Paulo, maior colégio eleitoral do país, Salvador, Belo Horizonte e Fortaleza.

Sexto partido em número de votos nas eleições municipais de 2008, o PSB saltou para a quarta posição este ano no ranking dos 29 partidos que disputaram as eleições municipais. Enquanto há quatro anos a legenda havia recebido 5.672.073 votos, neste pleito obteve, no primeiro turno, 8.600.892, um crescimento de 34,05%, o maior índice entre os partidos que disputaram as eleições de 2008 e deste ano. Em número de prefeituras, o partido ficou em sexto lugar, com 422 municípios.

Em quinto lugar em número de votos ficou o PDT. O partido, sétimo em número de prefeituras conquistadas (316), teve 6.248.481, crescimento de 2,34% na comparação com a votação recebida há quatro anos, de 6.102.407 votos.

O PSD, que disputou sua primeira eleição, conquistou 499 prefeituras, alcançando a quarta posição em número de municípios ganhos no primeiro turno. No ranking do número de votos, o partido ficou na sexta posição, com 5.813.451.

O PP,  quinto em número de prefeituras conquistadas, ficou na sétima posição em número de votos, com 5.379.256. O número representa queda de 14,19% frente aos 6.142.734 obtidos em 2008.

O DEM, com redução do número de votos superior a 100% na comparação com 2008, foi o partido que mais perdeu espaço nas urnas nos últimos quatro anos. Enquanto nas últimas eleições a sigla tinha recebido 9.328.325 votos, este ano ficou com 4.529.936, na oitava colocação entre os partidos.

A sigla conquistou 276 prefeituras, mesmo número que o PR, décimo colocado em número de votos (3.766.935 votos). A queda significativa no número de votos conquistados em uma eleição ocorreu, principalmente, pela criação do PSD. Com o surgimento da nova legenda, muitos prefeitos e vereadores que eram filiados ao DEM migraram para o PSD.

Mais de 31 milhões de eleitores vão às urnas neste domingo no País

“A votação do segundo turno das eleições municipais terminará entre uma e duas horas após as 17 horas do horário de Brasília, nos municípios que não aderiram ao horário de verão. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o horário de verão ocorrerá em 37 das 50 cidades onde haverá eleição neste domingo (28). Segundo o órgão, a urna eletrônica é programada para iniciar e encerrar a votação conforme a hora de cada localidade, independentemente da adesão ao horário diferenciado.

Nos municípios de Salvador (BA), Vitória da Conquista (BA), Fortaleza (CE), São Luís (MA), Campina Grande (PB), João Pessoa (PB), Teresina (PI), Natal (RN), Macapá (AP) e Belém (PA), as seções eleitorais encerram seu funcionamento uma hora após as 17 horas de Brasília.  Em Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT), apesar da vigência do horário de verão, a votação também se encerrará uma hora após o horário de Brasília, informou o TSE. Em Rio Branco (AC), Manaus (AM) e Porto Velho (RO), em razão da não participação no horário de verão e ainda da diferença de fuso horário em relação à hora oficial, a votação será encerrada duas horas após o horário de Brasília.

Ao todo, 31.725.967 eleitores estão aptos a votar no segundo turno das eleições municipais de 2012, que ocorre em 17 estados. No primeiro turno, a quantidade de pessoas aptas ao voto era 140.646.446. A contagem de votos nas urnas eletrônicas será feita pelos tribunais regionais eleitorais responsáveis pelas  áreas. O TSE, por sua vez, centralizará a divulgação dos resultados. No Distrito Federal, onde não há eleição municipal, e nos estados onde não há o segundo turno, os tribunais regionais terão postos de justificativa de ausência de voto à disposição dos eleitores.

O leitor biométrico, tecnologia que permite a identificação do eleitor por meio das impressões digitais, estará disponível em três municípios no segundo turno: Curitiba (PR), Porto Velho (RO), e Jundiaí (SP). Ao todo, 1,7 milhão de eleitores serão identificados por meio da biometria, que garante mais segurança e impede fraudes.

Como no segundo turno o voto é somente para prefeito e não mais  para vereador, o TSE informou que o tempo médio do eleitor na cabine deve ser menor do que no primeiro turno, quando ficou 40 segundos em média. No entanto, ainda não há estimativa a respeito desse número.

As regras para a votação são as mesmas do primeiro turno. A fim de identificar-se em sua seção, o eleitor deve levar o título e um documento com foto. Qualquer manifestação quanto à preferência política deve ser individual e silenciosa. É vedada a aglomeração de pessoas com bandeiras, broches, adesivos ou qualquer coisa que caracterize manifestação coletiva. Também é proibido fazer propaganda boca de urna.

Números do segundo turno das eleições municipais 2012:

Aptos a votar: 31.725.967
Candidatos a prefeito: 100
Municípios: 50
Estados: 17
Urnas eletrônicas: 96.140
Número de postos de justificativa: 1.185 (sem considerar o Distrito Federal, onde há um posto disponibilizado pelo TRE-DF)”

(TSE)

Mensalão – Procurador-geral quer apreender passaportes dos condenados

147 1

“O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) que determine a apreensão dos passaportes dos condenados no processo do mensalão. A medida tem como objetivo de evitar que os réus fujam do País.

O desejo de Gurgel é que eles sejam presos imediatamente após a proclamação do resultado do julgamento do mensalão, que não tem previsão para acabar. No entanto, o procurador-geral reconhece que dificilmente o tribunal determinará as prisões imediatas.”

(Das Agências)

Para Datafolha, Haddad será eleito prefeito de São Paulo

Se depender da pesquisa do Datafolha, o candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, deve vencer a eleição neste domingo. O petista aparece na pesquisa concluída nesta véspera da votação com 16 pontos à frente, com 58% dos votos válidos, ante 42% de José Serra (PSDB), como informa a Folha Online.

No cálculo dos votos válidos são excluídas as respostas de quem diz que votará em branco, nulo e eleitores indecisos. Esta é a forma que a Justiça Eleitoral divulga o resultado final da eleição.

A pesquisa de hoje mostra uma pequena variação em relação ao levantamento anterior, divulgado na quarta-feira (24) –Haddad tinha 60% dos votos válidos e Serra aparecia com 40%.

CCJ vota projeto de Eunício Oliveira que atribui à PF a investigação de assaltos a bancos

217 1

A responsabilidade pela investigação criminal de assaltos a bancos poderá deixar de ser competência das policias estaduais para passar à responsabilidade da Polícia Federal.

Esse é um dos objetivos do Projeto de Lei do Senado (PLS) 300/2011, de autoria do senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), que será analisado em decisão terminativa na próxima quarta-feira (31) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). De acordo com o projeto, os assaltos a banco passariam a ser considerados crimes contra o sistema financeiro.

Na justificação da matéria, Eunício Oliveira aponta falta de harmonia entre os artigos 109, VI, e 144 parágrafo 1º da Constituição no que se refere à competência federal para investigar e julgar crimes (Polícia Federal/Justiça Federal).

Com relação aos crimes praticados contra o sistema financeiro nacional, Eunício Oliveira observa que enquanto a atribuição de seu julgamento pela Justiça Federal está definida claramente em lei ordinária, o mesmo não ocorre com a investigação pela Polícia Federal dos roubos e furtos a bancos, devido ao fato de tais delitos não serem ainda considerados crimes contra o sistema financeiro.

Na avaliação do senador, a necessidade de apuração pela Polícia Federal dos assaltos a bancos seria, no entanto, imprescindível, tanto pelo fato de muitas das instituições financeiras frequentemente atacadas por bandidos— como o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal, por exemplo — pertencerem à União, quanto por desempenharem importantes funções sociais como a oferta de crédito e serviços de investimento e poupança, ou a circulação da moeda.

“Se, por exemplo, uma instituição financeira privada for à falência ou for roubada e não conseguir repor as carteiras de seus clientes, a União precisará garantir a reposição de parte dos valores depositados em caderneta de poupança. Ou seja, elas operam com o interesse público”, argumenta Eunício Oliveira.

(Agência Senado)

Petrobras diz que lucrou R$ 5,6 bi no último trimestre. E ainda acha pouco

A Petrobras voltou a lucrar entre julho e setembro deste ano. Segundo a estatal, o lucro líquido foi de R$ 5,567 bilhões no período, resultado abaixo da expectativa de R$ 8 bilhões do mercado. O saldo é bom, pois vem depois do seu primeiro prejuízo em 13 anos contabilizado no trimestre passado.

O lucro líquido do trimestre passado foi 12% menor que o do mesmo período de 2011 (R$ 6,336 bilhões), mas a estatal se recuperou do prejuízo de R$ 1,346 bilhão do segundo trimestre deste ano –primeiro resultado negativo desde 1999. Na ocasião, gastos com poços secos e a variação cambial do período levaram a empresa ao resultado negativo.

No balanço atual, a Petrobras informou que contribuíram para o resultado os reajustes no preço da gasolina e do diesel, ocorridos em junho e julho, e destacou o menor gasto com poços secos ou subcomerciais e melhorias dos indicadores operacionais de sua área de refino de combustível. Diferentemente do que ocorreu no trimestre anterior, a companhia informou que seu resultado não sofreu grande impacto das variações cambiais.

* Confira na Folha.com aqui.

 

Ministério da Educação quer PF investigando boatos sobre cancelamento do Enem

O Ministério da Educação (MEC) pediu que a  Polícia Federal investigue os boatos que circularam ontem nas redes sociais de que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano teria sido cancelado. A pasta confirmou a realização das provas nos dias 3 e 4 de novembro.

Segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, as provas já estão nos pontos estratégicos para serem distribuídas aos locais onde serão aplicadas “com total segurança”. Mercadante detalhou que o esquema de segurança em torno do transporte e da distribuição das provas conta com 72 batalhões do Exército, agentes da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Militar.

Ontem, uma reportagem publicada em 2009 pelo jornal O Globo, que noticiava o cancelamento das provas do Enem naquele ano, voltou a circular na rede via Facebook, aparecendo na listas de matérias mais lidas da rede social no site do jornal. A notícia se espalhou nas redes sociais, gerando inclusive uma sobrecarga no volume de acessos ao site do MEC.

O Globo emitiu nota de esclarecimento afirmando que o Enem 2012 não foi cancelado e que está tomando providências junto aos administradores da rede social para que a reportagem de 2009 não seja usada indevidamente.

Bompreço é condenado a indenizar cliente vítima de assalto em seu estacionamento

“O Bompreço Supermercados do Nordeste Ltda. deve pagar indenização de R$ 6.000,00 à E.S.G.O., vítima de assalto no estacionamento de uma das lojas da empresa, em Fortaleza. A decisão é da 7ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Segundo os autos, no dia 3 de junho de 2005, por volta das 21h30min, a aposentada foi sacar dinheiro em um caixa localizado no supermercado. Na saída, já no estacionamento, sofreu abordagem de dois assaltantes, que a jogaram no chão e levaram a bolsa com documentos, cartões de crédito e a quantia de R$ 485,00.

A vítima sofreu escoriações no rosto, joelhos e cotovelos, além de ter os óculos quebrados. Ela disse que não havia nenhum vigilante no momento do assalto. Ao procurar o gerente do supermercado, este limitou-se a dizer que lamentava, mas que não poderia fazer nada. Sentindo-se prejudicada, E.S.G.O. entrou com ação na Justiça requerendo indenização por danos morais e materiais. O Bompreço argumentou que a aposentada não foi assaltada no interior do estabelecimento e que ela não efetuou compras na loja, tendo apenas utilizado o caixa eletrônico existente no local. Disse que o assalto ocorreu do outro lado da rua, não no estacionamento. Sustentou ainda que a vítima não provou os prejuízos materiais alegados.

Em maio de 2008, o Juízo da 23ª Vara Cível de Fortaleza considerou ter havido negligência por parte da empresa e determinou o pagamento de R$ 10.000,00 somente a título de reparação moral, pois não foi apresentada prova do dano material. Inconformadas com a decisão, as partes interpuseram apelação (nº 0070854-67.2006.8.06.0001) no TJCE. A aposentada pediu o aumento da indenização, enquanto a empresa sustentou total ausência de responsabilidade no caso.

A 7ª Câmara Cível reduziu os danos morais para R$ 6.000,00, com base no princípio da razoabilidade. Segundo o relator do processo, desembargador Francisco Bezerra Cavalcante, ficou comprovado que o roubo ocorreu nas dependências do Bompreço, dentro do estacionamento. “É pacífico o entendimento da jurisprudência pátria de que o estabelecimento deve zelar pela guarda e segurança dos clientes, responsabilizando-se objetivamente pelos danos que estes venham a sofrer”. ”

(Site do TJ/CE)

Ministério das Minas e Energia descarta blecautes em série. Pode acreditar.

Buuuuuuuuuuu!!!!!

“As autoridades do governo federal responsáveis pelo sistema de energia elétrica do País não sabem explicar o que está gerando os problemas que ocasionam os apagões em sequência. O ministro interino de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, declarou nesta sexta-feira (26) que a probabilidade de blecautes em série, da maneira como está ocorrendo, é praticamente zero. Segundo ele, o sistema é planejado para isolar problemas pontuais, mas isso não está acontecendo. Para o ministro, essas falhas não são normais. “É uma ocorrência que não é normal para um sistema desse porte como o brasileiro. Essa sequência de ocorrências que nós tivemos é praticamente impossível de ocorrer. Até preocupado com essa ocorrência, que é diferente, até pela probabilidade de ocorrência baixíssima, mandamos uma equipe para fazer inspeção nesses equipamentos.”

As declarações foram dadas depois de cerca de duas horas de reunião do CMSE (Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico), convocada depois do apagão desta madrugada no Nordeste. O diretor-geral do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), Hermes Chipp, também participou da reunião e fez questão de afastar a possibilidade de sabotagem ao sistema. “Não há a menor hipótese de sabotagem. Só seria viável essa possibilidade se o dano fosse provocado por vandalismo. Mas não foi isso que aconteceu. O equipamento teve uma falha e o sistema de proteção falhou”.

Falhas

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, o problema está no chamado sistema primário de proteção, responsável por isolar eventuais falhas e evitar os apagões. No entanto, esse dispositivo não está funcionando como deveria. Um pente-fino está sendo realizado nas empresas de transmissão, desde o primeiro apagão, no fim de setembro, para verificar a situação do sistema em cada uma das distribuidoras. Além disso, uma equipe de técnicos foi até à subestação de Colinas, em Tocantins, origem do problema que gerou o apagão no Nordeste.

Somente depois do relatório com as análises, o ministério deve se pronunciar sobre as razões do blecaute. No entanto, não há data para o documento ficar pronto. Na semana que vem, o ONS deve divulgar um relatório preliminar com as primeiras informações do apagão desta sexta-feira.”

(R7.com)

Adogados de José Dirceu querem redução de pena por seu “relevante valor social”

155 7

Essa, com certeza, vai fazer o ministro Joaquim Barbosa dar gargalhadas de aliviar a sua dorolidíssima coluna. E está na Folha.com:

Numa última tentativa de reduzir os danos da condenação por corrupção ativa e formação de quadrilha no processo do mensalão, a defesa do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, pediu aos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) que abaixem sua pena levando em conta seu “relevante valor social” e “compromisso” com o país.

Rememorando uma série de testemunhos de pessoas próximas a Dirceu, entre eles o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, seus advogados afirmam que sua luta contra a ditadura contribuiu para a redemocratização do país.

Dirceu era o homem forte do presidente Lula e, segundo o entendimento do STF, ele comandou de dentro do Palácio do Planalto o esquema do mensalão, que por meio de recursos públicos e empréstimos fictícios, corrompeu parlamentares para garantir a base de apoio do governo do ex-presidente. A defesa de Dirceu, no entanto, aponta, em memorial enviado na última quarta-feira, que Lula o considera como “um cidadão que lutou pela democratização do Brasil, pagando com o exílio”.

 

CDL Fortaleza vai lançar “Fortaleza Liquida” com palestra de Paulo Henrique Amorim

129 1

Com palestra do jornalista Paulo Henrique Amorim, a CDL de Fortaleza vai lançar, no próximo dia 31, a partir das 8 horas, em sua sede, a campanha promocional do IV Fortaleza Liquida. A informação é do presidente da entidade, Freitas Cordeiro.

O “Fortaleza Liquida” é uma campanha de grande sucesso no comércio de Fortaleza e Região Metropolitana e acontece sempre no mês de março, com o objetivo de aquecer o comércio varejista no período em que o desempenho da economia cai como um todo.

Há expectativa é de que mais de 2.800 lojistas vão aderir à campanha que oferece produtos com descontos variados.

Caixa bate recorde em setmbro na carteira de crédito para empresas

“A Caixa Econômica Federal bateu recorde na carteira de crédito comercial destinada a empresas. O volume ultrapassou R$ 57 bilhões em setembro, um crescimento de 68% em relação ao mesmo mês de 2011. No período, o saldo da carteira do segmento de média e grande empresa evoluiu 59%, saindo de R$ 22 bilhões em setembro de 2011 para R$ 35 bilhões no mês passado. Para as micro e pequenas empresas, o volume aplicado atingiu R$ 22 bilhões no mês passado, crescimento de 83% na comparação com setembro do ano passado, quando a carteira apresentava volume de R$ 12 bilhões.

Os produtos com maior crescimento são o Giro Caixa Fácil, com recursos aplicados no valor de R$ 10 bilhões, que atende principalmente ao segmento de micro e pequenas empresas, e as linhas de financiamento.”

(Agência Brasil)

Campanha Natal sem Fome será lançada no Jardim Japonês

O Instituto Nordeste Cidadania (INEC) vai  lançar a vigésima edição da Campanha Natal sem Fome dos Sonhos na próxima segunda-feira. O ato ocorrerá a partir das 17 horas, no Jardim Japonês. O lançamento tem parceria com Banco do Nordeste, Prefeitura de Fortaleza e Centro Cultural Banco do Nordeste. A ocasião coincide com o Dia do livro. Por conta disso, haverá contação de histórias. Também alunos do Colégio Ari de Sá e comunidades parceiras sairão em cortejo pelas ruas da Beira Mar até a feirinha, conclamando a população para a campanha.

Bom lembrar que a Campanha Natal Sem Fome dos Sonhos foi idealizada pelo sociólogo Herbert de Souza em 1993. Surgiu com o objetivo de despertar para o problema da fome mobilizando a sociedade brasileira. Em 2012, a campanha promove a arrecadação de livros, e confecção de brinquedos artesanais.

SERVIÇO

* Local: Praça Jardim Japonês (Av. Beira Mar, 1330.

TRE do Ceará alerta sobre prazo final para a prestação de contas dos candidatos

“O próximo dia 6 de novembro é a data final para que candidatos, comitês financeiros e partidos políticos prestem contas da campanha referente às Eleições 2012, com exceção apenas dos dois candidatos a prefeito na capital, concorrentes ao segundo turno, os quais deverão apresentar suas contas até 27 de novembro. Alerta o Tribunal Regional Eleitoral, por meio de sua assessoria de imprensa.

A novidade para este ano é que a prestação de contas final poderá ser enviada pela internet, mas, para isso, deverá ser atualizado o Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE) para a versão 1.07, que está disponível no portal do TSE. É importante observar que continua indispensável a entrega no cartório eleitoral dos demonstrativos previstos no art. 40 da Res. TSE n° 23.376/2012, impressos pelo SPCE, para validação dos dados.

Caso o interessado prefira, as contas poderão ser geradas em versão diversa, devendo as peças impressas e a respectiva mídia serem entregues no cartório eleitoral da circunscrição do candidato, no mesmo prazo de 6 de novembro. Em qualquer caso, somente após a entrega física desses documentos e a validação do número de controle, a prestação de contas será considerada recebida tempestivamente. Neste sentido, vale alertar aos que enviarem as contas pela internet que, para efeito de atendimento do prazo de entrega, será considerada a data de comparecimento ao cartório e não a da transmissão dos dados.

O não cumprimento dessa obrigação no prazo legal poderá ensejar o julgamento das contas como não prestadas, acarretando ao candidato o impedimento de obter a certidão de quitação eleitoral até o final da legislatura, persistindo os efeitos dessa restrição até a efetiva prestação de contas; e ao partido político, em relação às suas contas e às contas do comitê financeiro, a perda do direito ao recebimento da quota do Fundo Partidário (Res. TSE n° 23.376/2012, art. 53, I e II).”

BC espera redução da inadimplência até o fim do ano

“O chefe do Departamento Econômico do Banco Central (BC), Tulio Maciel, voltou a dizer que espera redução da inadimplência – que tem apresentado um período de estabilidade nos últimos meses – até o final deste ano. Os dados do BC, divulgados hoje (26), mostraram estabilidade no indicador em julho, agosto e setembro para pessoas físicas em 7,9%. Para as empresas, a inadimplência é a mesma, 5,9%, também por três meses seguidos.

Maciel admitiu que esperava algum recuo na inadimplência já em setembro, seguindo os indicadores de outras instituições, mas a greve dos bancários no mês passado pode ter dificultado a renegociação de dívidas. De acordo com Maciel, a expectativa de redução da inadimplência é baseada no reaquecimento da economia, aumento da renda e do emprego e dos mutirões de renegociação de dívidas. “Nossa expectativa continua sendo de recuo da inadimplência até o final do ano”, reforçou.”

(Agência Brasil)

 

Ciro e Romário defendem PSB disputando a Presidência da República em 2014

199 9
“Depois de um bom resultado no primeiro turno em Recife e Belo Horizonte, onde derrotou candidatos do PT, o deputado federal Romário (PSB-RJ) e o ex-ministro Ciro Gomes defenderam, na noite desta quinta-feira (25), que o PSB lance candidatura própria a Presidência em 2014 contra a reeleição de Dilma Rousseff (PT). Os dois políticos participaram de comício ao candidato a prefeitura de Fortaleza, Roberto Cláudio  (PSB), que tem disputa acirrada com Elmano de Freitas  (PT) na capital cearense. Segundo todas as pesquisas, os dois candidatos estão em empate técnico.
Grande estrela da noite, Romário não fugiu ao seu estilo e, sem se esquivar de questionamentos, afirmou que as eleições de 2012 mostram que os socialistas têm cacife para disputar uma Presidência daqui a dois anos. “A gente demonstrou isso nessa eleição, com a votação de prefeitos e vereadores. Estou tranquilo, como socialista, de que o meu PSB tem total força e capacidade para se apresentar com candidato à Presidência em 2014”, afirmou o “Baixinho”, em meio a um autógrafo e outro na chegada ao comício.
O deputado federal alegou que a bola da vez será o presidente nacional da legenda, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.
“Tenho certeza [que ele está pronto para ser presidente]. É um um político que vem se preparando, sendo respeitado e que hoje o Brasil reconhece como o grande nome da política nacional, por que não? Acredito que tudo que ele vem fazendo nos últimos anos, como governador de Pernambuco, por exemplo, é importante. Ele foi o eleito com mais de 82% de votos e vem ajudando a muitos outros estados”, afirmou.
Segundo Romário, a disputa com o PT é benéfica para o país e deve ser tratada com uma disputa de ideias. “Acho que toda a disputa política é saudável e só tende a ser boa para o brasileiro. Temos uma presidente do PT, a qual nosso partido, principalmente por meio do nosso presidente [Eduardo Campos, governador de Pernambuco], ajudou muito nesses últimos anos. Nós somos o partido que mais vem crescendo no país. Existe uma briga [com o PT], mas o mais interessante é que são partidos que se respeitam, são dois partidos que têm o mesmo ideal: servir a população”, disse.”
(Portal Uol)
COPA 2014
Mas Romário também falou sobre obras da Copa 2014. Ele chegou a classificar a Prefeitura de Fortaleza de incompetente para concluir as obras da competição mundial. “Estamos a[i com um estádio pronto, mas infelizmente muitas pessoas não vão poder nem chegar nele, por falta de competência da Prefeitura em ter feito sua obrigação, que são as obras de mobilidade”.
Sobre a crítica, o coordenador de Projetos Especiais da Copa, Geraldo Accioly respondeu que só poderia  comentar essas declarações de Romário após ele fazer o teste do bafômetro. Aludiu, no caso, ao fato do ex-atleta teria sido flagrado no Rio de Janeiro dirigindo embriagado.

Mauro Benevides espera que fiquem lições do processo do Mensalão

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=l16ytOrQQNI&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=3&feature=plcp[/youtube]

O deputado federal Mauro Benevides (PMDB) já está em Fortaleza para participar dos últimos atos da campanha de Roberto Cláudio (PSB/PMDB) e, claro, votar no próximo domingo. Mauro deu entrevista no aeroporto Pinto Martins quando falou sobre Mensalão e pesquisas eleitorais.

Arrecadação federal cresce em setembro

“A arrecadação federal em setembro ficou em R$ 78,215 bilhões, com alta de 1,08%, descontada a inflação oficial pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), na comparação com o mesmo período do ano passado. No acumulado de janeiro até setembro deste ano, a arrecadação federal totalizou R$ 751,791 bilhões, com crescimento de 1,19%, também levando em conta o IPCA e em comparação com igual período de 2011.

De acordo com a Receita Federal, a alta na arrecadação deve-se principalmente ao pagamento de débitos em atraso e à antecipação de parcelas de dívidas do parcelamento especial previsto na Lei n° 11.941/2009. A redução na lucratividade das empresas em relação ao ano de 2011 impediu um crescimento mais expressivo. Segundo a Receita, a arrecadação do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL) apresentou redução real de R$ 5,8 bilhões, com queda de 15,49% ante 2011.

A arrecadação vem perdendo fôlego e crescendo menos ao longo deste ano, o que levou o governo à revisão das previsões de crescimento. No mês passado, o governo reduziu a estimativa de crescimento no volume arrecadado de 1,5% a 2% na comparação com 2011. Antes, estava prevista alta de 3,5% a 4%.”

(Agência Brasil)