Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Candidato à reeleição na UFC, Jesualdo Farias divulga site da campanha

Candidato único ao cargo de reitor da Universidade Federal do Ceará, o professor Jesualdo Farias montou agenda de discussões com todos os segmentos da Instituição. Ele vai para a reeleição disposto, no entanto, a desenvolver um novo projeto, a partir das sugestões que vem colhendo entre alunos, servidores, professores e setores da sociedade.
Para dar maior transparência e visibilidade a esse seu trabalho, Jesualdo criou um site da campanha.
É o www.jesualdohenry.ufc.br
Nele, postagens de toda a movimentação da campanha como visitas aos campi (Capital e Interior), fotos e agenda.

Mensalão – Lewandowski, revisor do caso, supera Joaquim Barbosa no exame do escândalo

Revisor do processo do mensalão, o ministro Ricardo Lewandowski superou esta semana Joaquim Barbosa no exame do escândalo. Está com o caso nas mãos há três meses e 18 dias – contados até esta sexta-feira e considerando o recesso do STF no fim do ano. Já o colega da corte gastou três meses e 11 dias para concluir o voto de 122 páginas, a partir das alegações finais dos acusados. O Brasil clama pelo início do julgamento.

(Ricardo Boechat – IstoÉ Independente)

Ciro bate na “Veja” e, para não perder a vez, também em José Serra

263 8

Da Coluna Política, do O POVO deste sábado, assinada pelo jornalista Guálter George:

Por falar em Ciro Gomes, sua metralhadora giratória verbal continua atrativa à mídia nacional.

Amanhã à noite, a partir de 22 horas, ele participa do programa “Brasil em discussão”, na Record News, e dispara pra todo lado. Ataca, inclusive, o presidente do Grupo Abril, Roberto Civita, a quem acusa de “dar guarida para a pior canalhice que há no País”, referindo-se às relações promíscuas entre jornalistas e fontes em Brasília e ao fato de o episódio Cachoeira revelar o envolvimento do editor da Veja, Policarpo Júnior.

Ciro aproveita uma boa parte do programa, já gravado, para praticar um dos seus passatempos prediletos: falar mal de José Serra. Sem pena.

Especialista da FGV que questiona Lei de Drogas dará palestra em Fortaleza

A Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará convidou o professor e advogado Pedro Vieira Abramovay, da Fundação Getúlio Vargas, para ministrar uma palestra durante o V Encontro Profissionais da Saúde e Agentes Penitenciários do Estado. O encontro ocorrerá no próximo dia 24, às 9 horas, no Hotel Mareiro. Abramovay é um dos idealizadores do projeto Banco de Injustiça (http://www.bancodeinjusticas.org.br/), que mostra que a Lei de Drogas, sancionada em 2006, é uma das responsáveis pelo aumento vertiginoso da população carcerária em todo o País. Na avaliação de Abramovay, a sociedade deve se aprofundar nas discussões sobre essa legislação.
O Banco de Injustiças é uma ferramenta que visa ampliar as discussões sobre drogas a partir da perspectiva da Justiça, desmistificando a ideia equivocada de que todos os presos por tráfico de drogas hoje, no Brasil, são indivíduos violentos. Muitos deles são usuários, que tem sua vida arruinada, após adentrarem nas prisões brasileiras, em um ciclo vicioso entre consumo e proximidade com o crime organizado.
O encontro em que o palestrante está envolvido pretende lançar o primeiro programa no Brasil para promover Ações de Assistência Continuada aos Drogadictos (Pacad), que visa ampliar a rede de atendimento ao usuário de drogas, que hoje estão dentro das unidades carcerárias, envolvendo familiares e o trabalho médico, psicológico e de assistência social dentro do sistema penitenciário.

Onde está o erro?

177 3

Conferimos, nesta sexta-feira, o noticiário da TV Justiça, nos deparamos com algo esquisito. Nossos leitores poderão descobrir, numa simples olhada, observando essa foto do momento em que passava a atração.

Recife terá voo direto para o Panamá

A cidade do Recife terá um voo direto para o Panamá, na América Central. A operação começa no dia 23 de junho e servirá como conexão para 63 destinos em 29 países como Estados Unidos, México, Canadá e Peru. O voo, operado pela companhia Copa Airlines, foi anunciado nesta sexta-feira (18), no Palácio Campo das Princesas.

Serão quatro voos semanais, partindo do Recife aos domingos, segundas, terças e sextas, sempre às 1h47min, com chegada às 7h. O retorno para capital pernambucana será aos domingos, segundas, quintas e sextas, sempre às 15h26min, com chegada no Recife à 0h45min. As aeronaves Boeing 737-700 têm capacidade para 124 passageiros. A rota também atingirá os passageiros de Aracaju (SE), João Pessoa (PB), Maceió (AL), e Natal (RN).

A capital pernambucana será o primeiro destino da empresa panamenha no Nordeste e o sétimo no Brasil – depois de São Paulo, Manaus, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre e Brasília.

(JC Online)

CPMI do Cachoeira – Vaccarezza perdeu a credibilidade

146 1
Da Coluna Radar, de Lauro Jardim, na Veja Online:
Fechou o tempo para o lado de Cândido Vaccarezza na CPI mista do Cachoeira. Senadores que integram o bloco de apoio ao governo no Senado (composto por PT, PDT, PSB, PCdoB e PRB) estão falando cobras e lagartos do petista depois do flagrante da mensagem de celular enviada a Sérgio Cabral.

Vanessa Grazziotin diz que Vaccarezza “perdeu a credibilidade” e constrangeu os colegas governistas que não compactuam com o esquema de blindagem vendido pelo petista a Cabral. Para a senadora, Vaccarezza tentou se cacifar, ficar bem na foto com Cabral, ao “vender um serviço que não tinha”.

– O que o Vaccarezza fez foi de uma insensibilidade, criou uma confusão sem precedentes. Um membro da CPI não deve discutir essas coisas, porque vai perdendo a credibilidade. Ele tentou vender um serviço que ele não tinha e agora ele vai ter que dar explicações.

Os senadores se reúnem na noite de segunda-feira para discutir o que fazer com Vaccarezza. Walter Pinheiro já disse aos colegas do bloco que a atitude mais digna ao deputado petista, para não expor os colegas, seria pedir para deixar a CPI. Resta saber como está o humor dos outros sete integrantes do bloco.

O bloco até tinha a intenção de livrar Cabral (leia mais em Cabral blindado), mas isso teria de ser feito em silêncio, não com SMS de celular.

Comentário do Felipão – Estreia do Ceará na Série B

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=8XRrXzUFciE&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1&feature=plcp[/youtube]

O jornalista Felipe Araújo comenta as perspectivas do time do Ceará que, nesta noite de sexta-feira, no PV, vai estrear na Série B, do Brasileirão, contra o vice-campeão mineiro, América. O jogo promete e deve exigir muito do alvinegro.

Dilma vai doar indenização de R$ 20 mil ao grupo “Tortura Nunca Mais”

106 1

“A presidenta Dilma Rousseff vai doar ao grupo Tortura Nunca Mais a indenização de R$ 20 mil que vai receber do governo do Rio de Janeiro por ter sido interrogada e torturada no estado durante a ditadura militar. A informação foi divulgada hoje (18) pelo porta-voz da Presidência, Thomas Traumann.

O Tortura Nunca Mais foi fundado em 1985, no Rio de Janeiro, por ex-presos políticos que viveram situações de tortura durante o regime militar e por familiares de mortos e desaparecidos políticos. O grupo atua na defesa dos direitos humanos e na luta pelo esclarecimento das circunstâncias de morte e desaparecimento de militantes políticos.

Dilma Rousseff participou da militância política contra o regime militar, foi presa em 1970 e ficou dois anos e meio na prisão – a maior parte do tempo no Presídio Tiradentes, em São Paulo. 

Além de Dilma, outras pessoas que entraram com pedido de reparação do estado receberão a indenização. O pedido de desculpas oficial do governo e a entrega da indenização às vítimas da ditadura ocorrerá no dia 4 de junho, no Rio de Janeiro.

(Agência Brasil)

CNI – Índice de confiança empresarial registra ligeiro crescimento em maio

“O otimismo do empresário cresceu 0,7 ponto em maio com relação a abril, alcançando 57,9 pontos. Os números são da pesquisa Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei), divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Em maio de 2011, o indicador havia registrado 57,3 pontos. A CNI usa um intervalo de 0 a 100 e valores abaixo de 50 pontos sinalizam pessimismo. Nas condições atuais da economia, em comparação aos últimos seis meses, o índice passou de 47,7 pontos em abril para 48,6 pontos em maio, mais próximo da linha dos 50 pontos. Em maio do ano passado, foram registrados 48,2 pontos.

Em relação à economia brasileira, o otimismo passou de 45,7 pontos em abril para 47,4 pontos em maio, ante os 44,6 pontos de maio de 2011. Sobre a empresa, o indicador passou de 48,8 pontos para 49,2 pontos, menos do que maio de 2011. De acordo com a CNI, a queda dos juros e as medidas do Plano Brasil Maior contribuíram para reduzir o pessimismo sobre as condições atuais da economia.

A pesquisa mostra também que as expectativas dos empresários para os próximos seis meses quanto à economia e à empresa se mantiveram positivas. Em relação ao futuro da economia, o índice subiu de 58,1 pontos em abril para 59,1 pontos em maio, ante os 56,8 do mesmo mês do ano passado.”

(Agência Brasil)

Mestrado em Avaliação de Políticas Públicas da UFC oferece 25 vagas

A Universidade Federal do Ceará oferece 25 vagas no mestrado profissional em Avaliação de Políticas Públicas. As inscrições vão se estender até 11 de junho, dentro de um processo seletivo da turma de 2012.2. São ofertadas até 25 vagas, sendo 20 prioritárias para profissionais de instituições conveniadas e cinco vagas destinadas a profissionais de outras instituições ou organizações da sociedade civil que atuem com políticas públicas.

O pré-requisito é possuir diploma de graduação, sem distinção de área, e atuar em campos diretamente relacionados a planejamento, implementação ou avaliação de políticas públicas. Também é preciso apresentar projeto de avaliação de programas e políticas públicas de caráter social, que se enquadre em uma das seguintes linhas de pesquisa: “Desenho das Políticas Públicas de Caráter Social”, “Políticas Públicas e Mudanças Sociais” e “Políticas Públicas, Território e Cultura”.

As inscrições podem ser feitas pessoalmente ou por procuração, na secretaria do Programa, que fica no prédio do Núcleo de Pesquisas e Estudos Regionais – Nuper (Rua Marechal Deodoro, s/n – Bloco II – Benfica). Também serão admitidas inscrições via Correios, desde que a data de postagem máxima seja o dia 6 de junho.

Para inscrever-se, os documentos exigidos são: ficha de inscrição preenchida; uma fotografia 3×4 recente; cópia do RG ou do passaporte (no caso de candidato estrangeiro); diploma de graduação (fotocópia autenticada ou fotocópia junto ao original) ou declaração de que é concludente; histórico escolar (fotocópia autenticada ou fotocópia junto ao original); curriculum vitae documentado, no modelo da Plataforma Lattes; projeto de pesquisa com até 10 laudas de texto, impresso em duas vias; CD contendo arquivo digital do curriculum vitae e do projeto de pesquisa; declaração da instituição empregadora declarando que, em caso de aprovação, o candidato poderá adequar suas atividades profissionais às do mestrado; e carta da instituição empregadora do candidato, assumindo o compromisso de firmar contrato junto à Associação Cearense de Estudos e Pesquisas – ACEP (no caso de instituição conveniada).

SERVIÇO

* Mais informações pelo site www.mapp.ufc.br.

Só Roseana Sarney não vem para reunião em Fortaleza

A reunião dos governadores do Nordeste, nesta sexta-feira, no Palácio da Abolição, em Fortaleza, ainda não começou. Dos chefes de executivos estaduais, só a governadora Roseana Sarney (PMDB), do Maranhão, mandou representante.

Na agenda deles, almoço com o governador Cid Gomes, reunião com o presidente do BNB, Jurandir Santiago, e o presidente do BID, Luis Alberto Moreno, que deve desembarcar por volta das 15 horas na Capital cearense.

O mote é projeto de infraestrutura para o Nordeste. Uma coletiva será dada no fim do encontro.

(Foto – Divulgação)

Sancionada lei que reduz tributos de produtos para pessoas com deficiência

167 2

“O Diário Oficial da União publica hoje (18) a lei que reduz a zero as alíquotas do PIS/Pasep e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) incidentes sobre 27 produtos voltados a pessoas com deficiência. Entre os produtos estão calculadoras equipadas com sintetizador de voz, teclados com adaptações específicas, mouses com acionamento por pressão, digitalizador de imagens – scanners – equipados com sintetizador de voz, lupas eletrônicas, próteses oculares e softwares de leitores de tela que convertem o texto em voz ou em caracteres braille, para utilização de surdos-cegos.

A medida faz parte do Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Plano Viver sem Limite), lançado pelo governo federal no ano passado. Também contam com isenção desde novembro do ano passado, data de publicação da Medida Provisória 549/11, partes e peças para cadeiras de rodas.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 45,6 milhões de pessoas têm algum tipo de deficiência no país, o que corresponde a 23,91% da população brasileira.”

 (Agência Brasil)

Atividade econômica do Pais cresceu 0,15% no primeo trimestre

“A atividade econômica registrou crescimento de 0,15% no primeiro trimestre deste ano, na comparação com o último trimestre de 2011. É o que mostra o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), dessazonalizado (ajustado para o período), divulgado hoje (18).

Em março, o índice dessazonalizado apresentou queda de 0,35% em relação a fevereiro. No terceiro mês do ano, o IBC-Br registrou 139,47 pontos. Na comparação entre março deste ano e o mesmo período de 2011, houve queda de 1,18%. No primeiro trimestre, ante igual período do ano passado, o índice dessazonalizado apresentou retração de 0,23%. Em 12 meses encerrados em março, no entanto, houve alta de 1,57%.   

Os dados sem ajustes sazonais mostram que IBC-Br registrou alta de 11,23 %, em março, em relação a fevereiro, e de 1,06%, no primeiro trimestre deste ano, em relação a igual período de 2011. Em 12 meses encerrados em março, a alta ficou em 1,84%. O IBC-Br é uma forma de avaliar e antecipar como está a evolução da atividade econômica brasileira. O índice incorpora informações sobre o nível da atividade dos três setores da economia: indústria, comércio e serviços e agropecuária. ”

 (Agência Brasil)

Novo Código Florestal é retrocesso, diz jurista

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=sLpa0z1mwNM&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1&feature=plcp[/youtube]

A faculdade Christus encerra nesta sexta-feira, em seu auditório, o seminário Conflitos Ambientais e Direitos Humanos.l Entre os conferencistas, o jurista Carlos Frederico Marés de Sousa, da PUC do Paraná, nome dos mais respeitados na área. Ele abordará o tem Direitos e Participação Popular”, a partir das 14h30min.

Para o Blog, Carlos Frederico falou sobre o Novo Código Florestal e disse esperar que a presidente Dilma vete toda a matéria.

Ministro Fernando Pimentel viajou para Roma em avião de empresário

125 4
Do Terra Magazine, eis essa informação:
“Enquanto acompanhava a presidente Dilma Rousseff em viagem à Europa, em outubro do ano passado, o ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) utilizou um avião fretado pelo empresário João Dória Júnior para ir da Bulgária, onde estava a comitiva presidencial, até a Itália, para participar de um encontro com empresários brasileiros e italianos.
Procurado por Terra Magazine, Pimentel afirmou que o encontro “não era um evento oficial da Presidência” e que, por isso, não utilizou um avião oficial para se deslocar.
“Saí da comitiva da presidente e fui mesmo para Roma, mas não fui em avião oficial porque o compromisso não fazia parte da agenda da presidente. Não tinha como ir de avião oficial. Ele (João Dória Júnior) mandou um avião e eu usei a aeronave que ele colocou pra mim naquele momento”, disse o ministro.
Enquanto acompanhava a presidente Dilma Rousseff em viagem à Europa, em outubro do ano passado, o ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) utilizou um avião fretado pelo empresário João Dória Júnior para ir da Bulgária, onde estava a comitiva presidencial, até a Itália, para participar de um encontro com empresários brasileiros e italianos.”

Deputado propõe recomposição salarial dos servidores do Dnocs

174 1
O deputado federal Danilo Forte (PMDB) está trabalhando para recompor o salário dos servidores do DNOCS. O parlamentar apresentou três emendas à MP 568 tratando da recomposição salarial dos servidores da instituição que tiveram seus vencimentos reduzidos por uma interpretação do Ministério do Planejamento sobre a gratificação recebida desde 1988.
A proposta de Danilo Forte incorpora ao vencimento básico dos servidores a complementação salarial, estabelecida pelo decreto-lei 2438, sendo 50% este ano e o restante em 2013.
Danilo quer ainda que os valores referentes a gratificação de Vantagem Pessoal Nominalmente Identificada (bolsa), correspondente a 60% dos vencimentos e suprimida por decisão judicial ou administrativa neste ano, sejam pagos em folha suplementar.
Na opinião de Danilo, a medida não busca recompor somente o salário, mas principalmente a dignidade dos servidores, violentamente ferida pelo confisco praticado pelo Governo.

Novo Código Florestal – Temer diz que governo negocia outro projeto em caso de veto

“O vice-presidente da República, Michel Temer, disse, nessa quinta-feira, que parlamentares já estão negociando com o governo um projeto de lei caso o novo Código Florestal seja vetado.
“Pode haver veto de partes do projeto. O Congresso já está negociando com o governo, se houver veto a partes do projeto, uma adequação, por meio de um novo projeto de lei que faça essa adequação entre o que pensa o governo e o que pensa o Congresso Nacional”,disse durante um discurso para jovens empreendedores na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Aprovado no final de abril, o projeto do novo Código Florestal está sob análise da presidenta Dilma Rousseff. Ela tem até o dia 25 para sancionar o código com veto integral ou parcial. O texto produzido pelos senadores foi considerado mais equilibrado pelo governo, mas a bancada ruralista na Câmara alterou o projeto e voltou a incluir pontos controversos, como a possibilidade de anistia a quem desmatou ilegalmente e a redução dos parâmetros de proteção de áreas de preservação permanente (APPs).”

(Agência Brasil)