Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Estudo prevê alta do preço do petróleo e etanol limitando crescimento mundial

“A alta nos preços do petróleo e do etanol vai limitar o crescimento econômico mundial ao longo da década. Está é uma das principais conclusões do estudo Brasil Sustentável – Perspectivas dos Mercados de Petróleo, Etanol e Gás, da Fundação Getulio Vargas em parceria com a empresa de auditoria e consultoria Ernst & Young Terco.

O preço do biocombustível, por exemplo, deve mais que dobrar até 2020. O estudo aponta um “latente descompasso entre o crescimento da demanda e a incorporação de novas reservas, o que fará com que os preços do petróleo e do etanol no mundo subam, respectivamente, 43,1% e 125,9% até o final da década”.

Mas essa alta não deve se refletir com a mesma intensidade no mercado brasileiro. O estudo prevê que, no Brasil, a elevação média dos preços dos combustíveis será menor: 18,7% e 7%, respectivamente para petróleo e etanol, até 2020.

“Mesmo o país não sendo tão afetado por esse movimento, os preços em trajetória ascendente serão um fator limitante para o desenvolvimento de praticamente todas as economias, traduzindo-se em um hiato de 0,52 ponto percentual ao ano em relação ao crescimento potencial do Produto Interno Bruto (PIB) mundial até o final da década”.

Segundo a FGV, o estudo foi baseado em um modelo computacional dos mercados de energia. Com base nesse modelo, o estudo conclui que, durante esta década, o cenário global ainda será marcado pela dependência do petróleo, cuja demanda seguirá em crescimento, por movimentos incipientes e insuficientes de substituição e de eficiência energética e uma expansão de oferta incerta, concentrada no período posterior a 2015.

Na avaliação do coordenador da FGV Projetos, Fernando Blumenschin, esses fatores farão com que o preço do petróleo suba já a partir deste ano. “De 2017 em diante, o movimento começa a arrefecer com a entrada gradativa em operação de novas reservas e com medidas de substituição e eficiência energética começando a surtir efeitos”.

(Agência Brasil)

CNI quer saúde financiada por fontes existentes e não por novo imposto

“Os recursos para o financiamento da saúde devem vir das fontes existentes e não de novos impostos, propôs o gerente-executivo da Unidade de Política Econômica da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Flávio Castelo Branco, no debate público do plenário da Câmara dos Deputados, na noite de terça-feira, 20.09, sobre a regulamentação da Emenda Constitucional 29. A regulamentação, que deve ser votada nesta quarta-feira, 21.09, fixa percentuais mínimos a serem gastos na saúde pelo setor público.

Castelo Branco enfatizou que a ausência de regulamentação da Emenda 29 não impediu a ampliação dos recursos destinados à saúde. Segundo ele, os gastos federais com saúde passaram de R$ 43,6 bilhões em 2007 para R$ 61,9 bilhões em 2010, um crescimento médio anual nominal de 12,4%. Acrescentou que, entre 2007 e 2010, com a CPMF já extinta, as despesas federais com saúde subiram de 1,64% para 1,68% do Produto Interno Bruto (PIB).

O economista-chefe da CNI sublinhou que a extinção da CPMF foi compensada em outros tributos, como o aumento do IOF e da CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido) sobre as instituições financeiras, de tal forma que a carga tributária federal passou de 23,9% do PIB em 2007 para 24,1% em 2008. Sublinhou haver uma expectativa de aumento da receita líquida do governo federal superior a R$ 100 bilhões este ano.

“O crescimento da arrecadação não justifica nova tributação”, destacou Castelo Branco, acrescentando caber à legislação orçamentária definir as prioridades dos gastos. “O aumento dos recursos para a saúde deve vir do crescimento da economia e do PIB”, defendeu.

De acordo com o gerente-executivo da Unidade de Política Econômica da CNI, a carga tributária é o maior problema das empresas. “ Já temos uma tributação excessiva e de má qualidade, que reduz a competitividade das empresas”, pontuou.

Lembrou que pesquisa CNI/Ibope divulgada em março último revelou que 63% da população acredita que a qualidade dos serviços de saúde depende mais de gestão eficiente do que da ampliação dos recursos. Disse ter a pesquisa informado ainda que 72% dos brasileiros são contra a recriação da CPMF.”

Romário e uma dívida milionária

“O Fluminense está em negociação para pagar tudo o que deve a Romário. Hoje, a dívida está em 1,4 milhão de reais e o clube está disposto a quitar o débito se o valor for parcelado em dez vezes.

Já Romário até aceita reduzir a dívida à metade, mas quer receber todo o dinheiro à vista. O acordo deve sair nas próximas semanas.”

(Radar Online – Veja)

Banco do Brasil lança linha de microcrédito para pessoas físicas e empresas

“O Banco do Brasil (BB) lançou hoje (21) linhas de microcrédito para pessoas físicas e empresas. Os empréstimos serão direcionado a empreendedores informais, individuais formalizados e microempresas com faturamento bruto anual inferior a R$ 120 mil.

As linhas de microcrédito fazem parte do Programa Nacional de Microcrédito (Crescer), lançado pelo governo federal em agosto. Segundo o BB, o objetivo do programa é “elevar o padrão de vida e a geração de empregos, dar oportunidade de novos negócios e estimular o empreendedorismo e a bancarização”.

Voltado, principalmente, para o setor urbano, o programa prevê visitas de técnicos do banco aos microempreendimentos, levantamentos socioeconômicos, orientação e acompanhamento durante todo o período do contrato, para garantir a sustentabilidade dos negócios.

O crédito para capital de giro e investimento pode chegar a R$ 15 mil, com prazo de pagamento de até 36 meses. A taxa de juros é 0,64% ao mês. No início da semana, a Caixa também informou que está operando as linhas de microcrédito do Crescer.”

(Agência Brasil)

Obras dos Portos ficarão prontas até fim de 2013, garante ministro

“O ministro da Secretaria dos Portos da Presidência da República, Leônidas Cristino, reiterou hoje (21), que todas as obras previstas para os terminais brasileiros em preparação para os eventos esportivos que o país vai sediar nos próximos anos serão concluídas a tempo.

Segundo ele, o cronograma foi estabelecido com prazos confortáveis para “evitar surpresas”. “Fizemos uma previsão bem tranquila. Todas obras serão concluídas no final de 2013. Podemos ganhar ou perder dois meses, mas a estrutura que dimensionamos vamos concluir neste período”, disse ao participar na manhã desta quarta-feira da abertura da 3º Conferência de Logística Brasil-Alemanha, no Rio de Janeiro.

Segundo Cristino, no Porto do Rio, por exemplo, a expectativa é que as obras do novo píer do terminal de cruzeiros comecem até o início de 2012. O novo píer, em formato de Y, será perpendicular ao cais principal, onde atualmente os navios que chegam ao local ficam atracados. A estrutura terá capacidade para seis embarcações. Os investimentos nessas obras serão de R$ 300 milhões, informou com o ministro.

“A licitação já está disponibilizada e espero que tenhamos condição de iniciar [as obras] este ano ou no início do outro. Aqui não vai ter obra civil, o prédio já existe. É o Y com seis berços exclusivos para movimentação de passageiros”, destacou.

Ele acrescentou que a ideia é permitir a utilização dos navios ancorados para ampliar o número de leitos para os turistas durante os jogos da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016.

Leônidas Cristino lembrou que, para os próximos quatro anos, o governo federal prevê investimentos de R$ 6 bilhões em obras e melhorias no setor.

Entre os projetos previstos está a construção de mais quatro terminais, alguns em parceria com a iniciativa privada. Um deles é o segundo porto de Manaus, que, de acordo com o ministro, está em fase de estudos preliminares. A licitação de concessão à iniciativa privada deve ser disponibilizada até fevereiro do próximo ano.

Igreja evangélica comemora 29 anos de atividades

124 5

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=HoXCR8YWxVY[/youtube]

Um igreja evangélica que nasceu no Ceará vai comemorar, no fim de semana, 29 anos de atividades. É a Igreja Batista Vale de Bênçãos, que tem à frente o pastor, cantor e professor Darckson Lira. A festa começa nesta sexta-feira à noite, no templo central de Fortaleza, na rua Goiás, 817, no bairro Pan-Americano.

TCU – Ana Arraes agora é ministra

“Como já era esperado, a pernambucana Ana Lúcia Arraes de Alencar (PSB), 64 anos, levou a melhor nesta quarta-feira (21) e se elegeu ministra do Tribunal de Contas da União (TCU) com 222 votos. O segundo lugar ficou com o comunista Aldo Rebelo. Esta é a segunda grande vitória de Ana Arraes em menos de um ano. Em 2010, a filha do ex-governador Miguel Arraes e mãe do atual governador Eduardo Campos (PSB) foi eleita deputada federal com 387.581 votos. Agora, conquista o dever de fiscalizar gastos públicos e o direito a um emprego vitalício, a um salário de R$ 25 mil, aposentadoria integral, carro oficial e férias de dois meses.

Ana Arraes (PSB) disputou os votos dos colegas de Câmara com Aldo Rebelo, Damião Feliciano, Milton Monti, Átila Lins e Rosendo Severo. Rebelo ficou em segundo lugar, com 149 votos e Átila Lins, em terceiro, com 47 votos. O principal cabo eleitoral da pernambucana é o próprio filho, o governador Eduardo Campos, que conseguiu o feito suprapartidário de garantir votos de quase toda a bancada estadual na Casa. A articulação feita pelo governador de Pernambuco fez, inclusive, oponentes da mãe desistirem da briga. A boa relação dele com vários atores políticos ajuda Ana e a eleição dela fortalece Eduardo como candidato a vice ou até mesmo a presidente em 2014. Apesar da movimentação da família, a deputada negou ontem qualquer especulação de nepotismo.

Agora as administrações e os políticos pernambucanos passam a contar com três representantes no TCU. Ana juntaria-se a José Jorge e a José Múcio Monteiro.

Ana filiou-se ao PSB em 1991. Formada em direito, já foi assistente do Instituto de Documentação da Fundação Joaquim Nabuco, secretária de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE), técnica judiciária do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) e secretária parlamentar na Câmara dos Deputados. Foi eleita deputada federal pela primeira vez em 2007 e desde então não saiu da Casa.

Nestes pouco mais de quatro anos e meio foi autora de 158 projetos. A maioria deles pede mudança de redação de artigos e metas ou acrescenta parágrafos em projetos. No sistema de buscas do site da Câmara, nos projetos em que é possível ver o andamento dos projetos, a maioria consta como “aguardadndo deliberação”, “aguardando parecer”, “aguardando encaminhamento”, “aguardando providências internas”, “pronta para a pauta” ou “arquivada”. No mais, são pareceres.

Nestes primeiros meses de 2011, Ana Arraes já gastou R$ 173.981,39 com despesas parlamentares como combustíveis e lubrificantes, emissão de bilhete aéreo, fornecimento de alimentação parlamentar, locação de veículos, manutenção de escritório, serviços postais e telefonia.

No quesito discursos, foram 16 desde o início do ano. Suas duas últimas falas foram referentes à sessão Solene em homenagem à Marcha das Margaridas e à sessão solene em homenagem à memória do ex-deputado”.

(Blog de Jamildo)

Eues Xavier rejeita projeto que cria empresa para gerir hospitais universitários

120 13
O deputado federal Eudes Xavier (PT) votou contra projeto de lei 1749/11, que cria a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). O parlamentar, que foi o único da bancada petista cearense a rejeitar o PL, afirmou que a decisão foi baseada no “compromisso de classe com os trabalhadores e trabalhadoras” e lembrou sua trajetória sindical.
Apesar de o relator do texto, deputado Danilo Forte (PMDB), ter garantido que o projeto não vai privatizar esses hospitais e que as universidades vão manter a influência sobre as instituições, as representações sindicais alegam que a medida abre precedentes para o enfraquecimento da autonomia das universidades. “A função dos hospitais universitários inclui o ensino, a pesquisa e a extensão, portanto uma empresa de sociedade anônima, mesmo com caráter público, representa um risco futuro para as funções das quais as universidades públicas não podem abrir mão”, ressaltou o deputado Eudes Xavier.

Na ONU, Dilma pede reconhecimento do Estado Palestino

150 2

“A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quarta-feira que “chegou a hora” de um Estado palestino se converter em membro pleno das Nações Unidas, ao inaugurar a 66ª sessão da Assembleia Geral da ONU.

“Chegou o momento de ter representada a Palestina a pleno título”, afirmou Dilma, deixando clara a posição do Brasil em meio a intensas negociações para evitar uma crise diplomática pelo pedido de adesão dos palestinos à ONU.

Seth Wenig/Associated Press
A presidente Dilma Rousseff durante discurso na Assembleia da ONU
A presidente Dilma Rousseff durante discurso na Assembleia da ONU; ela defende Estado palestino

Segundo a presidente, o reconhecimento do Estado palestino ajudará a obter uma “paz duradoura no Oriente Médio” e “apenas uma Palestina livre e soberana” poderá atender aos pedidos de Israel por segurança.

“Venho de um país onde árabes e judeus são compatriotas”, completou. Ouviram-se aplausos na sala de reunião da assembleia.

Por tradição, o Brasil inaugura os debates anuais da Assembleia Geral da ONU, e por isso Dilma foi a primeira chefe de Estado a falar na tribuna ante os líderes mundiais reunidos em Nova York, antes do presidente americano, Barack Obama. Essa também foi a primeira vez que uma mulher abriu a sessão, o que foi lembrado por Dilma.

“Pela primeira vez, na história das Nações Unidas, uma voz feminina inaugura o debate geral. É a voz da democracia e da igualdade se ampliando nesta tribuna que tem o compromisso de ser a mais representativa do mundo.”

“Tenho a certeza que este será o século das mulheres”, acrescentou.

Além de Dilma e Obama, devem falar ao longo da manhã os presidentes do México, Felipe Calderón, da França, Nicolas Sarkozy, da Argentina, Cristina Kirchner, e da Colômbia, José Manuel Santos.

CRISE

Dilma alertou ainda que a crise econômica pode provocar uma “grave ruptura social e política” no mundo e pediu unidade para sair dela.

A crise econômica pode se transformar numa “grave ruptura política e social”, afirmou Dilma, acrescentando que o mundo se encontra numa situação “extremamente delicada” e ante uma “grande oportunidade histórica”.

“Ou nos unimos todos e saímos vencedores ou saímos todos derrotados”, continuou.

Rousseff disse ainda que já não interessa buscar responsáveis para a crise, e sim encontrar “soluções coletivas” e propôs “uma nova cooperação” entre os países desenvolvidos e emergentes.

“O Brasil está fazendo a sua parte. Com sacrifício, mas com discernimento, mantemos os gastos do governo sob rigoroso controle, a ponto de gerar vultoso superávit nas contas públicas, sem que isso comprometa o êxito das políticas sociais, nem nosso ritmo de investimento e de crescimento”, afirmou Dilma.”

(POrtal Uol)

Frente Parlamentar Mista em Defesa da Cultura será lançada em Fortaleza

Será lançada em Fortaleza, às 19 horas desta quinta-feira, no Theatro José de Alencar, a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Cultura. O evento reunrá vários artistas e contará com a presença da presidente nacional da Frente, deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ), do coordenador da Frente no Ceará, senador Inácio Arruda, e do secretário de Cultura do Estado, Francisco Pinheiro.
A solenidade está marcada para a noite, mas a festa começa a partir das 17h30min, na Praça José de Alencar, com a participação dos mais diversos segmentos artísticos cearenses: Orquestra Filarmônica, sanfoneiro Zé de Manu, maracatus, brincantes, bumba-meu-boi, malabares, teatro de rua, capoeira são algumas das muitas atrações culturais que se apresentarão neste dia.
FRENTE DA CULTURA

Criada no Congresso Nacional em abril de 2011, a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Cultura conta com a adesão de 280 parlamentares e tem como objetivo, priorizar políticas estruturantes baseadas no tripé cultura, educação e comunicação democrática. A idéia é privilegiar a diversidade cultural e importar para o Congresso Nacional a variedade e a riqueza da arte e da cultura brasileir

Maranguape ganha destaque em premiação nacional do FNDE

“O resultado do concurso Ações Inovadoras no Livro Didático, promovido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) foi divulgado em Brasília. Criado para selecionar e disseminar as melhores práticas sobre remanejamento, conservação e devolução dos livros, o concurso premiou três secretarias de educação, uma escola em cada uma das cinco regiões do país e uma unidade de ensino em âmbito nacional.

Na categoria 1, voltada a premiar iniciativas de secretarias de educação, a primeira colocação ficou com a Secretaria Municipal de Educação de Macaé-RJ, seguida da Secretaria de Estado da Educação de Rondônia-RO e da Secretaria Municipal de Educação de Maranguape-CE.

A categoria 2 selecionou a Escola Estadual Geraldo Melo dos Santos, de Maceió-AL, como destaque em âmbito nacional, e outras cinco escolas em cada uma das regiões brasileiras: Escola Estadual Waldemiro Peres Lustoza, de Manaus-AM (Norte); Escola Estadual de Educação Básica Padre Francisco Goettler, de Jaboticaba-RS (Sul); Escola Municipal Francisco Primo de Melo, de Araxá-MG (Sudeste); Escola Municipal Luiza Bezerra de Souza, de Iguatu-CE (Nordeste); e o Centro de Ensino Fundamental 306 Norte, de Brasília-DF (Centro-Oeste).

Os vencedores vão apresentar suas experiências no Encontro Nacional do Livro Didático, a ser realizado em março de 2012, em Curitiba, e receberão coleções do Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE) – que seleciona e distribui obras literárias para escolas públicas de todo o país – e obras da coleção Educadores, que trata da obra, biografia e trajetória intelectual de importantes nomes da educação brasileira e mundial, como Paulo Freire, Darcy Ribeiro, Anísio Teixeira e Jean-Jacques Rousseau.”

(FNDE)

Genro de secretário de Cid opera consignado no Ceará

153 3

Heitor Férrer fez a denúncia.

Uma empresa que pertence ao genro do chefe da Casa Civil do governador Cid Gomes (PSB), Arialdo Pinho, opera há dois anos os empréstimos consignados para os servidores do Ceará. O favorecimento foi denunciado nesta quarta-feira, na Assembleia Legislativa, pelo deputado Heitor Férrer (PDT), que também protocolou representações no Ministério Público estadual e federal, no escritório local do Banco Central e no TCE (Tribunal de Contas do Estado), para que sejam investigados indícios de improbidade administrativa e crime contra o sistema financeiro nacional.

Luis Antonio Ribeiro Valadares de Sousa, conhecido como “Zé do Gás”, é sócio da Promus Promotora de Crédito e Cobranças Extrajudiciais Ltda., empresa que detém a exclusividade da operação de créditos consignados. Valadares é dono de 99% do capital social da empresa CCI Consultoria em Convergência da Informação, acionista majoritária da Promus, segundo certidão da Junta Comercial do Ceará.

Em 2009, foi feita uma licitação que contratou a ABC (Administradora Brasileira de Cartões S.A.). Uma cláusula do edital permitia à vencedora indicar uma empresa promotora para intermediar com exclusividade as transações etre servidores e os bancos CEF e Bradesco.

A ABC indicou a Promus, que é, hoje, a única corretora credenciada pela Caixa Econômica Federal e pelo Bradesco para operar o sistema de crédito consignado junto aos servidores públicos estaduais, por meio do Cartão Único, administrado por ela. De acordo com as representações, a empresa atua como “intermediária única” das operações de crédito, como “sublocatária” da ABC.

O contrato do governo com a ABC foi assinado no dia 20 de maio de 2009. Um dia depois, o governo baixou um decreto ampliando a margem de endividamento para até 40% do valor do rendimento líquido do funcionário.

Veja aqui as certidões da ABC e da Promus e o contrato da ABC com o governo do Ceará.

Do Blog Presidente 40 – Folha Online, leia aqui.

Copa 2014 – Obras aumentam R$ 2,7 bi em oito meses

“As obras da Copa-2014 tiveram um aumento de custo de R$ 2,7 bilhões desde janeiro. Estudo da consultoria legislativa do Senado comparou os orçamentos previstos para estádios, obras de mobilidade, portos e aeroportos no começo do ano com o último balanço do governo federal, publicado na semana passada.

Em janeiro, os projetos estavam avaliados em R$ 23,8 bilhões, e agora essas mesmas obras têm o custo previsto de R$ 26,5 bi. Proporcionalmente, a maior variação está nos portos, que cresceram 21%. Em valores absolutos, as obras de mobilidade urbana foram as que mais cresceram: R$ 1,2 bi –ou 10%. Atualmente, os projetos de mobilidade estão avaliados em R$ 16 bi.

Para o governo, contudo, as obras de mobilidade, apesar do alto custo, não estão entre os “pilares essenciais” para a realização do evento –como já declarou o ministro Orlando Silva (Esporte).

O estudo feito pelo Senado ainda comparou os valores globais do projeto Copa-2014. No total, com as obras novas que foram incluídas desde janeiro –como o estádio do Itaquerão– o custo da Copa do Mundo no Brasil subiu R$ 6,83 bilhões (28%), chegando a R$ 30 bilhões

Sem contar o custo do Itaquerão, o custo dos estádios foi o que teve o menor crescimento entres os tipos de obra. Houve um aumento de 8%, ou R$ 480 milhões.

As arenas de Recife, Belo Horizonte, Cuiabá, Manaus e Natal tiverem crescimento de menos de 1%, enquanto Brasília reduziu o valor da obra em R$ 25 milhões. Porto Alegre quase dobrou: de R$ 154 mi para R$ 290 mi.”

(Folha.com)

UFC seleciona professores para campi de Fortaleza

A Universidade Federal do Ceará inscreve, até sexta-feira, para concurso público que selecionará professores temporários e substitutos nos campi de Fortaleza. As inscrições são para duas vagas de professor temporário no Centro de Ciências e na Faculdade de Educação, nos setores de estudo “Microbiologia” (20h), no Departamento de Biologia, e “Psicologia da Educação” (40h), do Departamento de Fundamentos da Educação.
De quinta até segunda-feira, a UFC inscreve para concurso de professor substituto para o setor de estudo “Enfermagem no Processo de Cuidar do Adulto I”, no Departamento de Enfermagem da Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem da UFC. Até esta quinta-feira, podem ser feitas inscrições para o concurso de professor substituto no setor de “Projeto Urbanístico” (40h), no Departamento de Arquitetura e Urbanismo, do Centro de Tecnologia. Os candidatos devem ter titulação de mestre.
Todas as informações sobre os processos seletivos podem ser obtidas através do site da Superintendência de Recursos Humanos da UFC (www.srh.ufc.br), onde se encontram os editais ou pelo fone (85) 3366 7407.

(Site da UFC)

Cid faz lobby em Brasília pró-Emenda 29, vaga no TCU e depois segue para Cuba

89 1

O governador Cid Gomes (PSB) cumprirá agenda nesta quarta-feira, em Brasília. Ele vai almoçar com o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-PR), ocasião em que reforçará apelo pró-aprovação da Emenda 29, que promete garantir mais verbas para a saúde.

Também pedirá pela indicação da deputada estadual Ana Arraes (PSB) para ministra do Tribunal de Contas da União. Na disputa, há oito nomes, mas o adversário direto de Ana Arraes é o deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB-SP).

Cid quer dar uma mãozinha ao amigo, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, que é filho de Ana Arraes e, ainda por cima, presidente nacional do PSB que, em Fortaleza, teve cúpula afastando lhe dando dor de cabeça. Ou melhor, enxaquecas.

A vaga no TCU foi aberta com a aposentadoria do cearense Ubiratan Aguiar.

CUBA

Cid Gomes deve embarcar de Brasília à noite para Cuba, engajado a uma comitiva presidida pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Ele e o governador da Bahia, Jacques Wagner, integram o grupo que conta com secretários estaduais da Saúde como o cearense Arruda Bastos. O objetivo da viagem é visitar hospitais de ponta e estreitar parcerias no campo da pesquisa na área da biotecnologia e produção de vacinas.

Juízes, procuradores e promotores de justiça realizam ato em Brasília

123 4

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=f6XPgx7D_-k[/youtube]

Tudo pronto para o Dia Nacional pela Valorização da Magistratura e do Ministério Público. Haverá ato em Brasília, a partir das 10 horas desta quarta-feira, em Brasília. A luta é de juízes, procuradores e promotores de justiça por melhores condições de trabalho e de salário, como informa o presidente da Associação Cearense dos Magistrados (ACM), Marcelo Roseno, que está engajado a esse movimento.

Siderúrgica do Pecém é tema de debate

A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) é tema da edição de setembro do projeto Café com Finanças, que acontece nesta quina-feira. O encontro abordará o impacto econômico e social do empreendimento.

O assunto será debatido por dois palestrantes. O gerente de Relações Institucionais de Comunicação e Sustentabilidade da CSP, Ricardo Parente, e o engenheiro consultor da Companhia e especialista em Mecânica dos Solos, Eduardo Ney Cardoso.

A primeira fase das obras da CSP começou em junho deste ano, com o processo de terraplanagem. Segundo Ricardo Pereira, a obra terá forte impacto na economia local. “Esse investimento traz um incremento de 6% do PIB do Ceará nessa primeira fase”, aponta. A planta terá capacidade de produção de 3 milhões de placas de aço por ano, a partir de 2015. A quantidade é suficiente para construir mais de 4 milhões de automóveis.

A CPS é a primeira usina integrada do Nordeste, resultando de uma parceria entre a companhia brasileira Vale e as coreanas Dongkuk e Posco. A perspectiva é gerar 23 mil empregos diretos e indiretos. De acordo com Ricardo Pereira, na fase de pico da obra serão gerados até 17 mil de novos postos.

Na Assembleia da ONU, Dilma falará sobre esperança

“A presidente Dilma Rousseff discursará. nesta quarta-feira, quando da abertura da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), No discurso, ela deverá transmitir uma mensagem de esperança.

Dilma pretende falar sobre a preocupação com os conflitos no mundo árabe, a necessidade de adotar medidas relativas ao desenvolvimento sustentável e a defesa da reforma do Conselho de Segurança da ONU.”

(Com Agências)