Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Prefeituras recebem neste mês parcela gorda do FPM

“Foi creditada, na segunda-feira, nas contas de todas as prefeituras brasileiras a segunda parcela dos recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), referente ao mês de junho. O valor total repassado foi de R$ 1.100.585.758,46, já com a retenção do Fundo da Educação Básica (Fundeb).

Segundo o presidente da União Brasileira de Municípios (UBAM), Leonardo Santana, o FPM teve uma recuperação em torno de 197% em relação ao repasse do mês passado, algo que demonstra um significativo aumento dos tributos arrecadados por todo Brasil.

Para Leonardo, esse é um momento importante para os prefeitos que vinham colecionando dívidas por conta da crise que vem atingindo os municípios. A UBAM está enviando correspondência para todos os gestores, orientando-os a economizarem o máximo, pois o aumento não significa que o FPM deverá registrar crescimento nos próximos meses, para que as prefeituras não vivam a mesma experiência que viveu antes da crise financeira mundial, quando o governo patrocinou uma renúncia fiscal tão forte que deixou os Municípios desamparados.

A UBAM prevê que, com o total dos repasses do mês de junho, os municípios terão, ao todo, um aumento de 22% em relação ao mesmo período do ano passado. Mas, segundo Leonardo, é preciso cautela e austeridade nos gastos públicos, para que os prefeitos não tomem como exemplo o governo da União que gasta desordenadamente, por conta de sua arrecadação recorde, deixando de prestigiar os pequenos entes federados, os Municípios. Os Municípios fecharão o mês de junho com um total de R$ 5,4 bilhões de reais em recursos do FPM.

“Nós sabemos que o aumento dos recursos do FPM não confere nenhum mérito ao governo federal e sim ao consumo que registrou um leve aumento nos meses de abril e maio, conduzindo a economia de forma mais acelerada, inclusive, aferindo maiores índices inflacionários”, explicou o presidente da UBAM.”

(Site da UBAM)

Dilma visita São João de Caruaru nesta 4ª feira

A presidente Dilma Rousseff visita o Nordeste nesta quarta-feira, mais precisamente Permnambuco. Ela vai conferir a festa de São João da cidade de Caruaru.

Na agenda, jantar com o prefeito José Queiroz e, em seguida, visita ao “Pátio do Forró”, onde acontece uma das maiores festas juninas do País.

As informações são da Assessoria de Imprensa do governador Eduardo Campos.

(JC Online)

Sete anos sem Leonel Brizola

169 2

Nesta terça-feira, a partir das 17 horas, haverá missa, na Igreja do Carmo (Centro) para lembrar os sete anos da morte do ex-governador do Rio, Leonel Brizola, que chegou a ser candidato a presidente da República e a vice de Lula.

Pedetistas históricos prometem comparecer ao ato. Já o presidente regional da legenda, deputado federal André Figueiredo não comparecerá, pois se encontra em Brasília.

Mas ele prometeu registrar a data nos anais da Câmara dos Deputados.

* Saiba sobre Brizola aqui.

Programa Empreendedor Individual deslancha, diz presidente nacional do Sebrae

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=G-UvXfmrMyg[/youtube]

O presidente dnacional do Sebrae, Luis Barretto, visitou, nesta manhã de terça-feira a sede do O POVO. Aqui, manteve contatos com a presidente Luciana Dumar sobre projetos, ocasião em que falou para o Blog sobre o Programa Empeendedor Individual, em tom de balanço e perspectivas.

Barreto também se disse otimista com a futura Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa, a ser criada pelo governo federal.

Prévia da inflação oficial diminui em junho

“O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), que serve como prévia da inflação oficial, diminuiu para 0,23% em junho. A taxa representa menos da metade do índice registrado em maio (0,70%). Com esse resultado, a inflação acumulada no segundo trimestre de 2011 ficou em 1,71%, acima da taxa de 1,30%, registrada no mesmo período de 2010. No acumulado do ano, a inflação registra alta de 4,10%, também superior aos 3,35% do primeiro semestre do ano passado.

Os dados divulgados hoje (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que os reajustes nas tarifas dos ônibus urbanos (1,30%) e das tarifas aéreas (12,8%) foram os principais impactos do mês. Ainda assim, o grupo transportes foi o que mais contribuiu para a forte desaceleração do IPCA-15.  Segundo o IBGE, esse comportamento é explicado pela gasolina, que ficou 3,43% mais barata, seguida pelo etanol, que passou a custar 16,53% menos em junho. Juntos, os preços dos combustíveis tiveram queda de 4,56% e um impacto de -0,23 ponto percentual no IPCA-15 do mês.

Os alimentos também colaboraram para a desaceleração do resultado, ao passarem de 0,54% em maio para 0,11% em junho. Entre os produtos que ficaram mais baratos estão o arroz (-2,02%), as frutas (-4,08%), os peixes (-5,14%) e a batata-inglesa (-13,03%).

Entre os produtos não alimentícios, a variação passou de 0,75% em maio para 0,27% em junho. Os destaques foram os itens cujos preços são controlados ou monitorados, como energia elétrica (de 1,14% para 0,46%), taxa de água e esgoto (de 1,64% para 1,16%), os remédios (de 2,77% em maio para 0,53% em junho) e os salários dos empregados domésticos (de 1,14% para 0,33%).

O grupo que apresentou o resultado mais alto foi vestuário (de 1,30% em maio para 1,28% em junho), com destaque para as roupas infantis (de 1,59% para 1,84%).

Para o cálculo do IPCA-15 de junho, os preços foram coletados entre os dias 14 de maio e 13 de junho e comparados aos preços vigentes de 13 de abril a 13 de maio. O indicador leva em conta os gastos das famílias com rendimento de 1 a 40 salários mínimos e residentes nas regiões metropolitanas do Rio de Janeiro, de Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife, São Paulo, Belém, Fortaleza, Salvador e Curitiba, além de Brasília e Goiânia.”

(Agência Brasil)

TRT-7ª Região inscreve para estágio

“Começam na próxima segunda-feira as inscrições para processo seletivo para cadastro reserva de estagiários de Direito para atuarem no Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE). As inscrições devem ser realizadas no Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) até o dia 8 de julho. Podem participar da seleção alunos que estejam cursando a partir do quarto semestre.

A seleção será realizada por meio de prova objetiva, análise de histórico acadêmico (para desempate) e entrevista. O TRT/CE paga bolsa-auxílio no valor de R$ 510 para uma jornada de quatro horas diárias. Os estagiários também recebem auxílio-transporte de R$ 2,00 por dia.

A previsão é de que a prova de seleção seja realizada no dia 12 de julho, das 15h às 17h, no auditório do TRT/CE localizado na Rua Vicente Leite, 1281 – 4º andar. A prova conterá vinte questões: dez de Direito do Trabalho e dez de Direito Processual do Trabalho.”

SERVIÇO

Local de inscrição – CIEE – Avenida Barão de Studart, 2360.
Sala – A Térreo. 

(Site do TRT- 7ª Região)

OAB vê com ceticismo processo judicial eletrônico

“A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vê com ceticismo a criação do Processo Judicial Eletrônico (PJe), que será lançado hoje (21) à tarde no Conselho Nacional de Justiça (CNJ).  De acordo com o presidente em exercício da entidade, Miguel Cançado, os advogados deveriam ter sido ouvidos na elaboração do sistema. “Não há que se falar em implantação do processo eletrônico sem a participação do advogado, já que somos indispensáveis à administração do Judiciário”.

No início do mês, o Colégio de Presidentes da OAB concluiu que o processo eletrônico, da forma como está, exclui o cidadão da Justiça brasileira. “Em razão do açodamento na migração do processo físico para o processo eletrônico e devido à total falta de estrutura técnica do Poder Judiciário para atender à gigantesca demanda, milhares de advogados vêm recorrendo às seccionais da OAB para relatar inúmeras dificuldades e a falta de acesso aos diferentes sistemas adotados pelos tribunais”, diz nota divulgada pela instituição.

Devido aos problemas, a entidade decidiu enviar três requerimentos ao Judiciário. O primeiro pede que seja facultada a aceitação das petições físicas, com a obrigação de que as unidades judiciárias promovam a sua conversão em arquivo digital. O segundo pede a coexistência do sistema de senhas para acesso aos sistemas dos tribunais com o de certificação digital. O terceiro requerimento começa a ser atendido com a criação do PJe: a implantação de um sistema unificado e simplificado de processo eletrônico.

A crítica da OAB ao processo eletrônico não é recente. Em 2007, a instituição entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a lei que permitiu a tramitação digital de processos e atos judiciais. Os principais temores da entidade eram os mesmos de hoje: a dificuldade de credenciamento junto aos tribunais, a falha na intimação das partes e diferentes regras em diferentes tribunais.”

(Agência Brasil)

Guimarães – Sigilo nas obras da Copa é para barrar "esculhambação" das empreiteiras

284 3

Pelo fim das quarteirizações.

O deputado federal José Nobre Guimarães (P), que foi relator da emenda à MP 527/2011 que cria regime diferenciado de licitações para a Copa 2014, lamentou, nesta terça-feira, acusações de que seria um risco para a transparência o sigilo das propostas. O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), já avisou que trabalhará contra esse dispositivo.

“Sigilo, só dentro da licitação. Todas as informações serão acompanhadas pelos órgãos de fiscalização com a CGU e o TCU. Agora, o que há é uma pressão das grandes empreiteiras e da grande imprensa. A matéria quer acabar com a combinação de preços e dar um fim à fábrica de recursos que atrasa obras”, explicou o parlamentar.

José Guimarães garantiu que, além desse benefício, a matéria promete acabar também “com a fábrica de aditivos” que sempre predomina em obras públicas. “Isso tudo precisa ser interditado e é isso que queremos”, acentuou, reiterando que o processo como é hoje só interesses às grandes empreiteiras. “Queremos dar um fim nas terceirizações e quarteirizações de obras que são feitas pelas empreiteiras, o que gera mais gastos”, observou.

O petista lamenta que a grande imprensa esteja, nesse item, trabalhando a serviço dessas empreiteiras, por ter má vontade com o governo do PT.

Indagado sobre o porquê do tema só entrar agora em discussão, como levanta a bancada do PSDB por meio do deputado federal Raimundo Gomes de Matos, o petista rebateu.

“Desde o ano passado que estamos discutindo as formas de acelerar e dar maior transparências às obras da Copa”. O PSDB, conforme Guiamarães, não colaborou em nada para o debate, pois só quer confundir.

Tucano – Rir pra não chorar.

Raimundo Gomes qualificou o sigilo nas obras como “aberração” e algo que  precisa ser derrubado no Senado, em nome da transparência e respeito ao dinheiro público.

“Com essa nossa matéria, a gente acaba, por exemplo, brigas como a que se registrou em torno das obras de reforma do estásdio castelão. Foi mais de um ano de recursos, questionamentos e o projeto atrasando. Esse regime diferenciado acaba com essa esculhambação”, afirmou Guimarães.

PMDB quer mais cargos no Governo Dilma

“Unido, o PMDB tem nesta terça-feira, 21, programado o seu primeiro encontro com a nova responsável pela articulação política do governo, a ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais), para cobrar 48 nomeações no segundo e terceiro escalões prometidas desde o início do governo e que ainda estão pendentes.

O PMDB deve aproveitar reunião para lembrar necessidade de liberação das emendas parlamentaresO partido aproveitará a reunião para lembrar a necessidade de liberação de emendas parlamentares, o que é garantia de voto certo nos projetos de interesse do governo.”

(Estadão)

DETALHE – Nesta terça-feira de madrugada, antes de seguir para Brasília, o deputado federal Aníbal Gomes (PMDB) disse que o partido está reclamando pouco espaço no governo. “Nós ajudamos o PT a ganhar a eleição, temos o vice-presidente e nenhum ministério de maior peso. Acho que o partido precisa ser melhor tratado”. Ou seja, a briga é mesmo por cargos.

Definida data de provas para revalidação de diploma

A Comissão de Revalidação de Diplomas Médicos obtidos no Exterior definiu o processo que garantirá a cerca de mil profissionais da área a terem a chance de regularizar sua situação e atuar no Brasil. Segundo o vice-reitor da UFC, Henry Campos, integrante dessa comissão, foi marcado para o dia 28 de agosto próximo a prova escrita.

Quem passar, se submeterá à prova de habilidades clínicas no primeiro fim de semana de outubro próximo, em Brasília. Henry adiantou: a prova escrita ocorrerá em cinco cidades, entre elas Fortaleza, que concentrará candidatos do Nordeste.

Por aqui, há profissionais que ganharam diploma em Cuba.

(Foto – Paulo MOska)

Doações ilegais resultam em mais de 10 mil processos

“Doações ilegais em campanhas das eleições de 2010 resultaram em mais de 10 mil processos na Justiça para apurar possíveis infrações. O principal problema apontado por procuradores eleitorais em todo o país é doação acima do permitido por lei: pessoas físicas podem doar até 10% do seu rendimento bruto do ano anterior, enquanto pessoas jurídicas podem doar apenas 2% deste valor.

O estado onde há mais representações é São Paulo: 1.330, seguido pelo Pará (931) e Goiás (820). Somente em São Paulo, foram registrados mais de R$ 26 milhões em excesso de doações. A punição para esse tipo de conduta é o pagamento de multa de cinco a dez vezes o valor do excesso doado. As pessoas jurídicas são punidas com a multa e a impossibilidade de participar de licitações públicas e de celebrar contratos com o Poder Público por cinco anos.

Segundo o Ministério Público, o número de processos é menor que a quantidade de doações ilegais detectadas. Isso porque, em alguns estados onde foram encontradas muitas doações ilegais, os procuradores eleitorais se limitaram a fazer representações em que a multa mínima aplicada é de R$ 10 mil.

Na última semana, uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) definiu que cabe aos juízes eleitorais julgarem doações ilegais referentes às eleições gerais, contrariando entendimento anterior de que o julgamento caberia aos tribunais regionais eleitorais (TREs). A decisão pegou o Ministério Público de surpresa, uma vez que o órgão já havia dado entrada na maioria das ações nos TREs.

De acordo com o procurador eleitoral substituto de Minas Gerais, não há mais risco de prescrição. “Cabe agora ao TRE, com base na nova jurisprudência, declinar a competência para os juízes eleitorais, que irão instruir e julgar as representações”.

(Agência Brasil)

Mais da metade do País não dispõe de defensor público

221 1

” – Mandaram entregar isso aqui. O que vai acontecer agora? — queria saber a cabeleireira e manicure Felipa Gimenes, ao chegar à Central de Relacionamento com o Cidadão da Defensoria Pública do Rio.

Felipa queria entender como poderia ficar com parte de uma herança que o ex-marido tinha recebido quando ainda eram casados — porque, “no meu entendimento de leiga, tenho esse direito”.

Na cabine ao lado, Alexandre de Souza, casado e com quatro filhos, ficou preso um mês porque não teve como pagar 50% de sua renda de vendedor de cloro nas ruas como pensão para um quinto filho que teve com outra mulher fora do casamento; queria ajuda, “porque senão os outros quatro (filhos) ficam só com metade”.

Moradores de mais da metade das cidades brasileiras, porém, não têm um defensor ao qual recorrer para tentar chegar até a Justiça. Apesar de a Defensoria ser obrigatória desde a Constituição de 1988, 58% dos municípios hoje não contam com defensores, segundo a Associação Nacional de Defensores Públicos.

A associação afirma que, no Ceará, por exemplo, o número de defensores é suficiente apenas para 37% das cidades do estado. Já em Santa Catarina, a Defensoria não foi implantada até hoje, diz a entidade, pois quem realiza o serviço é a OAB.”

(Globo)

Copa 2014 – Sarney critica sigilo para obras

“O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), declarou nesta segunda-feira (20) que o Senado vai alterar as normas do Regime Diferenciado de Licitações Públicas (RDC), ponto polêmico incluído via emenda na Medida Provisória 527/2011. Depois de analisados os destaques para votação em separado na Câmara, a matéria irá para o Senado. Aprovado pelos deputados no último dia 16, o dispositivo estabelece, entre diversos outros pontos, o sigilo sobre valores de contratos firmados com empresas para obras referentes à Copa do Mundo 2014 e às Olimpíadas de 2016, ambas no Brasil.

Diante da repercussão negativa, membros da própria base governista concordam que a blindagem dos orçamentos não pode ter acolhida no Senado. Para Sarney, o provável é que os senadores retirem do texto o dispositivo que estabelece a possibilidade de sigilo para os contratos. A votação dos cinco destaques restantes para a conclusão do trâmite da matéria na Câmara está prevista para o próximo dia 28, última terça-feira de junho.

Para o senador peemedebista, o RDC “dá margem, inevitavelmente, a que se levantem muitas dúvidas sobre os orçamentos da Copa“. “Não vejo nenhum motivo para que se possa retirar a Copa das normas gerais que têm todas as despesas da administração pública”, observou Sarney, referindo-se à Lei de Licitações, vigente há quase 20 anos no país.

Aprovada na Câmara por 272 votos a 76, com três abstenções, a MP também cria a Secretaria Nacional de Aviação Civil, sem status de ministério. Segundo o relator da proposição, José Guimarães (PT-CE), responsável pela inclusão do RDC no texto da MP, a criação da secretaria tem ligação com a realização das competições, uma vez que ambas precisarão das obras de aprimoramento da estrutura aeroportuária para a demanda extra de turismo. O RDC define normas específicas para empreendimentos e serviços relacionados à realização das competições. A oposição criticou o dispositivo alegando que o regime especial abriria brechas para irregularidades.

Entre as alterações trazidas no relatório de José Guimarães está a permissão para que municípios contratem empréstimos para obras até 31 de dezembro de 2013, sem que o procedimento implique ampliação do limite de endividamento desses entes aferido com base na receita líquida real. Também fica estabelecido na MP que a obras de adequação e a gestão de alguns aeroportos de cidades-sede das competições possam ser entregues à iniciativa privada.”

(Congresso em Foco)

STF deve se manifestar de novo sobre relação homoafetiva

“O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes disse ontem acreditar que haverá uma reclamação no tribunal contra a sentença da Justiça de Goiás que anulou a união estável entre um casal homossexual no estado. O juiz da 1 Vara da Fazenda Pública de Goiânia, Jeronymo Pedro Villas Boas, contrariou a medida tomada pelo STF, que reconheceu a união homoafetiva como entidade familiar, e anulou por ofício (quando um juiz, sem ser provocado, toma o processo para si e decide) a união entre o estudante Odílio Torres e o jornalista Leo Mendes, de Goiânia, na sexta-feira.

O casal recorreu ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), pois entendeu que o magistrado goiano agiu com preconceito.

O juiz Villas Boas argumentou que a decisão do STF é inconstitucional e que a modificação na Constituição para permitir a união de homoafetivos tem que ser feita pelo Congresso.

O ministro Gilmar Mendes disse que não sabia detalhes da decisão da Justiça de Goiás.

— Vamos aguardar. Certamente haverá alguma reclamação e aí vai haver um posicionamento do Tribunal sobre o assunto — afirmou Mendes, que participou de palestra sobre a reforma do Código de Processo Civil promovida ontem pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).”

(O Globo)

Aloprados – Mercadante diz não temer nova investigação

“Acusado de ter sido um dos mentores do “dossiê dos aloprados”, o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante (PT-SP), disse ontem, em Fortaleza, que prestará os esclarecimentos que forem necessários. Ele destacou que nunca foi citado nas investigações realizadas de 2006 para cá.

Mercadante participou, no Centro de Convenções, da XI Conferência da Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas de Inovação e do VII Seminário de Gestão da Inovação Tecnológica no Nordeste.”

( O POVO)

Primeiro e único ex-jogador de futebol anistiado chega para uma série de homenagens

479 2

O ex-craque Nando volta ao Ceará depois de 36 anos.

Aos 67 anos de vida, Francisco Antunes Coimbra se diz um homem “feliz” por ter contribuído com sua luta para a redemocratização do País. Esse senhor simpático, pai de três filhos e apaixonado por dona Elaine, é conhecido mesmo como  “Nando”. Ele é o primeiro e único ex-jogador de futebol brasileiro que foi preso político durante o regime militar. Também é um dos irmãos de um ex-craque da bola, Zico.

“Nando” desembarcou nesta tarde de segunda-feira em Fortaleza trazendo toda a família, o irmão Edu e alguns amigos para uma série de homenagens que ganhará nesta terça-feira por sua trajetória política iniciada logo aos 18 anos quando virou professor do Programa Nacional de Alfabetização (PNA), inspirado pelo educador Paulo Freire, no final da década de 60. Ele conta que isso lhe custou a demissão por ter sido considerado “subversivo”. Coma perda do emprego no Rio de Janeiro, sua terra, acabou indo para o futebol, onde atuou como ponta esquerda em algumas equipes.

“Naquela época, eu começava no juvenil do Júnior do Fluminense, mas, como profissional mesmo, foi no Santos de Vitória (ES). Aí, começou o primeiro problema desse time que não existe mais. Quando joguei lá, fomos vice-campeões, mas aí tiraram o treinador e botaram um capitão ou major, não lembro, e, com 10 dias, ele me afastou. Aí, comecei a desconfiar. Fui pro América do Rio, onde jogava com meus irmãos Edu e Antunes. Fui emprestado para o Madureiro, onde tive problema com uma  central de boatos, e vim para o time do Ceará. Aqui, em 68 atuei e agora eles vão me homenagear. Isso é muito gratificante”, expôs um pouco de sua trajetória o ex-atleta.

Nando trouxe também o irmão Edu, com a família, e, nesta terça-feira, vai se juntar à família o ex-craque Zico. Com Nando, também a irmã, Zezé, que foi presa política, pois, em sua época, coordenava o PNA. Na agenda desta terça-feira, às 14h30min, aposição de ma placa com seu nome no Estádio Carlos de Alencar Pinto e uma sessão especial à noite na Assembleia Legislativa. Já na quarta-feira pela manhã, a Prefeitura fará aposição de placa com seu nome no Novo Estádio Presidente Vargas.

Em todos os momentos, Nando fez questão de destacar a emoção de voltar à Capital cearense. A última vez em que aqui esteve foi em 1975. Ele disse ter tempo para rever alguns pontos da cidade ao lado dos filhos Daniel (29), Elissa (24) e Elaine (30).

Mário Albuquerque, Nando, Paulo Verlaines, Elaine (mulher de Nando) e Vera Felício.

No desembarque, recepção a cargo de membros do Centro Cultural do Ceará, presidido por Vera Felício, a Ação Feminina Alviengra, que teve entre representantes Inês Cabral, e membros da Comissão Anistia 64/68 Vanda Sidou como Mário Albuquerque e o jornalista Paulo Verlaines.

(Fotos – Paulo MOska)

Completa 4 anos caso do espanhol que acabou paraplégico em razão de ação da Polícia do Ceará

De Juan Ángel Pulgar Suarez, leitor do Blog na Espanha, lamentando que faz quatro anos de uma ação absurda da Polícia do Ceará que deixou o espanhol Marcelino Rui Campelo paraplégico. Até hoje, nada de providências sobre o caso. Confira a nota que Juan, amigo de Marcelino, nos mandou:

espeitado Eliomar:
Como acho que o senhor é um jornalista de vocação ,livre  corajoso de intenta contar sempre a verdade  e de ajudar pra  o que é justo , me tomo a liberdade   a dirigir me ao senhor ,lembrando-le um caso pontual que acontecido em a Linda e maravilhosa cidade de Fortaleza , e que ainda , depois de quatro (4 ) anos , não se tem resposta alguma.
O Governador (excltº Cid Gomez)  ao visitar a la vitima ,dio 1º as desculpas proto colarias de regor , dio tambem uma esperança de que o Governo de Ceará como responsável subsidiario de seus funcionários (em este caso Policia Militar ) e sair de sua  boca  palavras de que ele mesmo eiva a seguir pessoalmente o caso ,deixo ao Senhor Marcelino dentro de a gravidade de os fatos acontecidos ..com sua vida ,já quebrada com 38 anos..pois  esperançoso que ao menos o Governo de Ceará a traves de seu máximo responsável ,solucionaria o que em suas mãos estivesse  o mais rápido possivel.
Bom senhor Eliomar faz já quatro  (4) anos dos fatais fatos ..e ainda nem sequer  forom recebidos seus advogados em inúmeras vezes que foi solicitado por elos .
Meu chamamento a sua atenção é que agora ele (Doutor Marcelino Ruiz Campelo) ,com uma paciência quasi infinita , já  começa a terminar se-le ,por isso apelo ao senhor para que este caso pontual não fique em uma gaveta com poeira e o nome de essa cidade e de esse Estado e Do Brasil fique digamos limpo de sujeira como esta .
Ao final o Secretário de Turismo faz viajes , se passeia em exposições Internacionales como a de Turismo de Madrid ( a 2ª maior do Mundo ),promocionan-do  o Ceará, hospitaleiro lindo e não menos seguro que qualquer outra grande cidade do mundo …mais senhor Eliomar ..com uma diferencia ,em outras cidade turísticas do mundo os erros cometidos por seus funcionários e responsáveis se intenta em breve tempo , limpar o nome de a cidade o mais rápido possivel ,1º por humanidade e 2º por não prejudicar os  interesse e consequências  que possam ter.
Atenciosamen-te por ser escutado
Juan Ángel Pulgar Suarez
O.B.S.
Noticias da semana pasada em todas as tvs da Espanha e rádios.
http://www.antena3.com/videos-online/programas/espejo-publico/tiroteado-error-queda-paralitico_2011061300037.html
http://www.antena3.com/videos-online/programas/espejo-publico/marcelino-quedado-postrado-silla-ruedas_2011061300043.html
http://www.aviaciondigital.tv/Contenido.asp?ContId=124
http://www.cope.es/el-plan-c/audio-el-plan-c-de-1-30-a-2-116145
* Mais sobre o caso relembre aqui.

Hospital de Messejana homenageia equipe que fez primeiro transplante de pulmão do N/NE

265 1

O Hospital de Messejana realizará sessão especial, nesta terça-feira, a partir das 9 horas, em reconhecimento ao desempenho e sucesso da equipe cearense responsável pelo primeiro transplante de pulmão das regiões Norte e Nordeste. O evento vai contar com a presença do secretário da Saúde do Estado, Arruda Bastos, que vai descerrar uma placa em homenagem ao grupo.

Na ocasião, o chefe da equipe que fez o transplante, o cirurgião torácico Antero Gomes Neto, apresentará a história e os desafios do transplante de pulmão e depoimento emocionante de Francisco Eudes Aguiar, o primeiro transplantado de pulmão do Hospital de Messejana

“Esse primeiro transplante de pulmão é um grande marco para o atendimento aos pacientes com graves problemas respiratórios, que representa vida. Antes, esses pacientes não tinham alternativa de tratamento. Agora têm à disposição um serviço de alta qualidade para o tratamento”, observa Antero Gomes. 

TRANSPLANTE

Há uma semana, Francisco Eudes Aguiar entrou para a história do Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes. Foi o primeiro paciente do Norte e Nordeste a receber um novo pulmão, transplantado no dia 14 de junho, pela equipe coordenada pelo cirurgião torácico Antero Gomes Neto. O sucesso do transplante foi tamanho que a recuperação do paciente está surpreendendo a equipe médica.

Juiz que cancelou união gay diz que STF "ultrapassou limites"

188 1

“O juiz Jeronymo Pedro Villas Boas, que cancelou na última sexta-feira (17) um dos primeiros contratos de união civil entre homossexuais do país, disse que não tomou a decisão por discriminação. Ele anulou o registro de união estável do jornalista Liorcino Mendes, 47, com o estudante Odílio Torres, 23. Foi o primeiro caso em Goiás após o Supremo Tribunal Federal reconhecer a união entre casais do mesmo sexo como entidade familiar.

Segundo Villas Boas, da 1º Vara da Fazenda Pública de Goiânia, a decisão do STF “ultrapassou os limites” e é “ilegítima e inconstitucional”. Ele argumentou que o direito à união homossexual “inexiste no sistema constitucional brasileiro”. Ele afirmou que não quis confrontar o Supremo, mas “só seguir a Constituição”.

O juiz afirmou ainda que defende que os homossexuais sejam livres para ter qualquer tipo de relação, mas “essas pessoas não podem querer a aceitação dos demais membros da sociedade como se fosse natural”.

Sobre possíveis sanções por descumprir ordem do STF, ele disse que “um juiz não pode temer isso e tem que exercer suas decisões de forma independente”.

(Folha.com)

ANS decide: Clientes de planos de saúde não poderão esperar mais de sete dias por consulta

“Os beneficiários dos planos de saúde não poderão esperar mais que sete dias por uma consulta com especialistas das áreas de pediatria, clínica médica, cirurgia geral, ginecologia e obstetrícia.

A exigência da Agência Nacional de Saúde (ANS) às operadoras de planos de saúde foi publicada hoje (20) no Diário Oficial da União, por meio da Resolução Normativa 259. As operadoras terão 90 dias para se organizar e se adequar às novas regras.

Para as outras especialidades o prazo de espera será de até 14 dias. Para consultas e sessões com fonoaudiólogos, nutricionistas, psicólogos, terapeutas educacionais e fisioterapeutas o prazo de espera terá que ser garantido pelas operadoras em até 10 dias.”

(Agência Brasil)