Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Lula passa mais de um ano de mandato fora do Brasil

353 2

“Durante oito anos à frente da Presidência da República, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não poupou viagens sob o argumento de tornar mais conhecido o nome do Brasil. Os esforços deram resultado, tanto que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, chegou a dizer, no ano passado, que Lula era o político mais popular do mundo. Popularidade que o presidente conquistou viajando pelo mundo afora. Ao longo de oito anos de mandato, Lula passou um ano, três meses e 15 dias longe do Brasil, em viagens oficiais a diversos países, exatamente, 470 dias.

Talvez embalado pela compra do Airbus A319 CJ, o “aerolula”, em 2005, o presidente deixará o posto de chefe da nação com a marca de o presidente que mais fez viagens internacionais. O antecessor, Fernando Henrique Cardoso, esteve fora do país por 347 dias, ou seja, quase um ano.

Neste ano, Lula passou 50 dias no exterior, um dos menores dígitos registrados ao longo de oito anos. A abertura da agenda internacional em 2010 foi em Cancún, no México, onde Lula jantou com o presidente Felipe Calderón, em 21 de fevereiro. Logo depois, participou da cerimônia de abertura da XXI Cúpula do Grupo do Rio e da II Cúpula da América Latina e do Caribe (CALC). De lá, Lula embarcou para Havana, em Cuba, onde se encontrou com Fidel Castro e participou da cerimônia de encerramento do grupo de trabalho Brasil-Cuba para Assuntos Econômicos e Comerciais.

Aproveitando a proximidade, o presidente foi a Porto Príncipe, no Haiti, e sobrevoou de helicóptero a cidade. Lula cumpriu agenda oficial ao participar da cerimônia de formatura das tropas brasileiras da Minustah, a missão de paz naquele país. O presidente também passou por San Salvador, em El Savador, e jantou com o presidente Maurício Funes. A expedição para a América Central e Caribe acabou em 26 de fevereiro, com a chegada de Lula no Brasil no dia seguinte, ao fim dos compromissos oficiais (veja aqui detalhes da viagem).

Já em março, após 15 horas de voo, Lula chegou a Tel Aviv, em Israel. Com o ato, se tornou o primeiro presidente brasileiro a visitar o oriente médio. Lula também visitou a Palestina e a Jordânia. Em maio, esteve na Ásia e na Europa, passando pela Rússia, Catar, Irã, Espanha e Portugal. E, em novembro, foi a Moçambique e Coreia do Sul, com tempo de voo estimado em 25h30 na volta para o Brasil, incluindo as paradas para abastecer o avião.

A maior incidência de viagens internacionais da era Lula ocorreu no ano passado, quando o presidente esteve o equivalente a três meses longe do Brasil (91 dias). Em 2008, foram 75. Em 2007, Lula viajou o equivalente a 61 dias. No ano de 2006, quando disputava a reeleição, o presidente esteve fora do país apenas durante 34 dias, a menor marca registrada da era Lula. Em 2005, foram 52 dias. Já em 2004, 40. No primeiro ano do mandato do presidente foram contabilizados 67 dias no exterior. A média anual de dias longe do Brasil do presidente Lula é de 59. Já a média de viagens ao exterior de FHC é bem próxima, chega a 20 dias por ano.

No último mês, ao discursar na posse da nova diretoria da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Lula aconselhou a entidade a procurar a presidente eleita Dilma Rousseff para, juntos, definirem um calendário de viagens pelo mundo afora para vender os produtos brasileiros. “Não existe outra hipótese de a gente ganhar competitividade se a gente ficar aqui esperando”, disse. Ou seja, novas viagens estão por vir.”

(Contas Abertas)

Lula diz que governar o Brasil foi "gostoso demais"

196 1

“Em seu último programa semanal de rádio Café com o Presidente, na manhã desta segunda-feira, Luiz Inácio Lula da Silva agradeceu ao povo brasileiro pelo voto de confiança e disse que não foi difícil governar o país. “Eu quebrei um tabu, porque todo mundo dizia que era difícil governar o Brasil. Eu não achei nada complicado, achei até gostoso demais”, declarou Lula. Ele disse que tem compromissos a cumprir e que vai trabalhar até a próxima quinta-feira (30).

O presidente também pediu aos brasileiros para apoiar a presidente eleita, Dilma Rousseff, que tomará posse no sábado (1º). “O Brasil está vivendo uma fase importante de crescimento econômico que pode nos levar a ser, dentro de cinco ou seis anos, a quinta economia mundial. Serão quatro anos de intensivo trabalho. Dilma vai precisar de todo o apoio. E é isso que eu queria pedir para vocês”, disse.

Lula também falou sobre o “Café com o Presidente” e sugeriu que Dilma utilize o programa como um de seus canais de comunicação. “Penso que é justo que a nova presidente continue esse programa. Muitas das coisas que nós falamos aqui repercutem, as pessoas ficam sabendo pela televisão. Acho que a nossa presidente tem que utilizar o máximo possível esse espaço”, disse Lula.”

(Com Agências)

Sindicalistas detém 42,8% dos cargos de confiança

137 1

“Ao receber a faixa das mãos do presidente Lula, no próximo dia 1º, Dilma Rousseff herdará a máquina federal com quase a metade da cúpula dos cargos de confiança, sem concurso público, tomada por sindicalistas, informa reportagem de Silvio Navarro, publicada na edição desta segunda-feira da Folha.

Sem vínculo umbilical com o sindicalismo, ao contrário do antecessor, Dilma terá de administrar a pressão das centrais sindicais para manter e ampliar a cota desses cargos, os chamados DAS 5 a 6 (Direção e Assessoramento Superiores) e NES (Natureza Especial).

De acordo com dados do Ministério do Planejamento, há hoje 1.305 cargos dessa natureza. A remuneração chega a R$ 22 mil mensais.

Segundo estudo da cientista política Maria Celina D’Araújo, da PUC-RJ, autora de “A Elite Dirigente do Governo Lula”, quase metade (42,8%) dos ocupantes desses cargos atualmente são filiados a sindicatos. Desse total, 84,3% são petistas.

Os principais ramos que conseguiram cargos são os bancários, a área dos professores e os petroleiros. Ao todo, o governo federal tem cerca de 22 mil cargos de confiança, mas esses 1.305 são a elite do batalhão de comissionados.”

(Folha Online)

Virose atinge Blog

166 7

Caros leitores, estamos em casa acometidos de uma virose. Nossas postagens não terão o mesmo ritmo dos dias normais. Fomos trabalhar nesta madrguada, mas acabamos desistindo para nos recuperarmos melhor. Já acionamos amigos do POVO Online para colaborar.

Mas vamos ficar atentos ao novo secretariado do governador Cid Gomes.

Saúde!

Posse de Dilma homenageará regiões do Brasil

“A posse da nova presidente do Brasil, Dilma Rousseff (PT), em 1º de janeiro de 2011, será animada por uma série de shows e apresentações artísticas. O evento começa às 10 horas na Esplanada dos Ministérios e na Praça dos Três Poderes, em Brasíia, e termina às 22 horas. Segundo o Ministério da Cultura (MinC), as regiões do Brasil serão homenageadas na posse Dilma e do novo governo do Distrito Federal (DF).

Das 10 até o meio-dia, haverá apresentações de grupos infantis, com mamulengo e pernas de pau. Já os shows musicais também começam às 10 horas e vão até as 14 horas, divididos em quatro tendas montadas na Esplanada, que homenageiam as regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul. No encerramento dessas apresentações, os artistas se unirão em um só cortejo cívico-cultural, que irá saudar a presidente Dilma Rousseff, entoando o Hino Nacional Brasileiro.

Neste domingo, a equipe de planejamento de posse da presidente realizou a última simulação da cerimônia. O ensaio começou às 14h30min e terminou às 17h30min. Homens e mulheres das Forças Armadas e policiais participam do treinamento.Após a cerimônia da posse, propriamente dita, das 18h30min às 21 horas, será a vez do show “Cinco ritmos do Brasil”, com as cantoras Elba Ramalho, Fernanda Takai, Gaby Amarantos, Mart’nália e Zélia Duncan, no palco Centro-Oeste, localizado na Praça dos Três Poderes.

Simultaneamente à festa da posse presidencial, haverá também um palco na Esplanada dos Ministérios onde será celebrada também a posse do governador do DF, Agnelo Queiroz. O palco GDF receberá atrações de Brasília, São Paulo e Pernambuco.

Projeto Arena Brasil

Os shows da posse presidencial serão os primeiros do projeto Arena Brasil, uma série de cinco grandes eventos planejados para 2011 – um em cada região do País, sempre em datas cívicas. A Confraternização Universal, lembrada no dia 1º, inspirou os organizadores a promoverem a celebração da identidade cultural brasileira, com participação de grupos de cultura afro, manifestações indígenas, hip-hop, música de todos os ritmos, dança e cultura popular, vindos de diferentes estados.

Além dos shows da posse, o MinC e a FCP programaram outros quatro shows para o ano que vem. O próximo será na região Nordeste, no dia 22 de abril, para comemorar a data que marca o Descobrimento do Brasil. No dia 11 de agosto, a Consciência Negra será lembrada com a chegada do projeto ao Sudeste. O 7 de setembro será celebrado no Sul e o 15 de novembro, na região Norte.”

(Portal Terra)

Mantega diz que Alencar está lúcido e que reclamou dos juros altos

“O ministro da Fazenda, Guido Mantega, visitou neste domingo o vice-presidente José Alencar, internado desde quarta-feira no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, com quadro grave de hemorragia digestiva. Mantega afirmou que eles conversaram sobre economia. Brincando, disse que falaram sobre juros e que o vice reclamou, “mas não vou contar o que ele disse”.

Na opinião do ministro, Alencar está se recuperando muito rapidamente e deve ter condições de ir à posse da presidente eleita, Dilma Rousseff, no dia 1º de janeiro de 2011. “Esse é o desejo dele, mas é a opinião de um leigo. Não falei com nenhum médico sobre o assunto.”

(Folha.com)

Em um mês sem trabalho, cada suplente vai custar até R$ 114 mil para a Câmara

“Por um mês sem trabalho, um grupo de suplentes de deputado federal terá o que comemorar. Na reta final do mandato, pelo menos 12 suplentes terão direito de assumir o cargo, receber o salário de janeiro, usar verba indenizatória, contratar assessores sem concurso público e usufruir de auxílio moradia. Um detalhe: nenhum precisará trabalhar.

Na ponta do lápis, haverá um gasto de R$ 103 mil a R$ 114 mil com as “férias” de cada um dos suplentes se eles usarem todo o pacote de benefícios a que têm direito. Desde quinta-feira, a Câmara está em recesso, voltando no dia 1º de fevereiro já com a posse dos deputados eleitos em outubro passado.”

(Estadão)

Corrida de São Silvestre terá 102 cearenses

Cento e dois atletas cearenses seguirão de ônibus, nesta noite de domingo, para São Paulo, onde participarão, dia 31 próximo, da tradicional Corrida Internacional de São Silvestre. A Secretaria do Esporte do Estado (Sesporte) disponibilizou dois ônibus para duas delegações: uma da Associação Cearense de Atletas Veteranos e outra da União do Atletas Corredores de Rua do Estado. Os ônibus sairão da praça Otávio Bonfim, no Parque Araxá, às 18 horas, e da
praça do Liceu, no Centro, às 19h30min.

SERVIÇO

Associação Cearense de Atletas Veteranos
Local: Praça Otávio Bonfim, no Parque Araxá, às18 horas.

União dos Atletas Corredores de Rua do Estado do Ceará
Local: Praça do Liceu, no Centro, às 19h30min.

José Alencar não apresentou hemorragia nas últimas horas, diz boletim médico

“O vice-presidente da República, José Alencar, não apresentou hemorragia digestiva nas últimas 20 horas e continua recebendo suporte clínico e hemodiálise, segundo boletim médico divulgado na tarde deste sábado pelo hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O boletim informa ainda que ele permanece internado na UTI e apresenta melhora em seu quadro clínico. De acordo com os médicos que cuidam do político, Alencar mostrou evolução “surpreendente” no tratamento. Roberto Kalil Filho e Paulo Hoff não descartam a ida de Alencar à cerimônia de posse da presidente eleita, Dilma Rousseff. “Alencar tem expressado com frequência o desejo de viajar a Brasília”, disse Kalil.

O médico afirmou que a hemorragia está controlada, mas pode voltar. “Vamos ver como ele estará no dia 31”, completou Hoff. Alencar, 79, foi internado às pressas na última quarta-feira com quadro grave. A hemorragia, causada por um tumor, foi controlada com medicamentos. Hoff afirmou ainda que Alencar está sob tratamento clínico para conter a hemorragia, que é “um sintoma”. A causa –o tumor–, porém, não poderá ser tratada nos próximos meses.

De acordo com Hoff, a cirurgia que seria necessária não pode ser feita “por enquanto” por causa de aderência na região do abdome que impede os médicos de alcançar o tumor. Kalil afirmou que Alencar conversou com a família e falou ontem à noite com o presidente Lula, que ligou às 23h.”

(Folha.com)

A difícil hora da partida

Da Revista Época

Os fãs do presidente Lula em São Bernardo do Campo estão orgulhosos. Eles dizem que na agenda de Lula só há um compromisso público confirmado para 2011. No dia 30 de janeiro, um domingo, ele irá ao estádio 1º de Maio, no centro da cidade, para prestigiar um jogo entre o São Bernardo Futebol Clube e o Corinthians. A partida será a primeira da equipe local contra um time tradicional de grande porte. O corintiano Lula aceitou o convite do prefeito Luiz Marinho (PT) e deverá dar o pontapé inicial.

O ano de 2011 ficará marcado como o primeiro do São Bernardo na divisão de elite do Paulistão. Será também o primeiro de Lula como ex-presidente da República.

Favorito à presidência da Câmara usou verba pública para autpromoção

“O deputado Marco Maia (PT-RS), nome do PT para disputar a presidência da Câmara, usou dinheiro público, do Ministério do Turismo, para se autopromover. Maia destinou R$ 230 mil do Orçamento da União para a Abetar, entidade de lobby da aviação aérea regional, com sede em São José dos Campos (SP), realizar um evento, em 2008, do qual foi o único político a participar. O presidente da Câmara foi ao evento apresentar o balanço da CPI do Apagão Aéreo, da qual foi relator. 

O seminário também foi bancado pela Embraer, sócia e colaboradora da Abetar. A empresa é a fabricante do jato Legacy que se chocou com um avião da Gol, em 2007, acidente investigado pela CPI relatada por Maia. O relatório do petista, aprovado pela comissão, defende que o governo injete recursos na aviação regional, um dos lobbies da Abetar. A entidade é dirigida pelo empresário Apostole Lazaro Chryssafidis, presidente do PP de São José Campos (SP), sede da Embraer e uma das mais ricas cidades do país.

Marco Maia afirmou que não vê irregularidade no fato de ter destinado verba do Orçamento para o evento da Abetar. Ele disse que achou a proposta do seminário “interessante” e por isso atendeu ao pedido da ONG por recursos.”

(Folha Online)

O repórter e o padre

Este repórter do Blog e o padre Antônio Maria.

Nesta semana, ganhamos uma bênção toda especial neste Natal: encontramos o padre Antônio Maria transitando pelo aeroporto de Fortaleza e ele fez questão de desejar amor e paz aos cristãos locais e aos homens de boa vontade. 

Padre Antônio Maria circula o País fazendo sua pregação por meio de canções. Quem semeia o bem, merece apoio. Seja de qual religião for.

(Foto – Paulo Moska)

Turismo libera verba para irmão de secretário

171 1

“O secretário Nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Frederico Costa, liberou recursos públicos para a Rio Quente Resorts, rede hoteleira de Goiás administrada por seu irmão Francisco Costa Neto. O grupo foi um dos beneficiados com verbas do Fundo Geral de Turismo (Fungetur), ligado à Secretaria do Ministério do Turismo.

Apesar de os empréstimos com dinheiro do Fungetur serem liberados por instituição financeira pública, as diretrizes e política de investimento são definidas pelo Departamento de Financiamento e Promoção de Investimento, subordinado à secretaria comandada por Costa.”

(Estadão)

Saldo comercial de 2010 será o pior da Era Lula

“A combinação de crise internacional e o forte crescimento econômico interno trouxe consequências negativas para o comércio exterior do país. O saldo comercial de 2010 será o pior da era Lula. Até novembro, o resultado das exportações menos importações era de US$ 14,9 bilhões. O valor supera em quase US$ 2 bilhões o melhor desempenho do governo FHC, alcançado em 2002.

Ao contrário de FHC, que enfrentou quatro fortes crises internacionais seguidas, o presidente Lula chegou perto de fechar oito anos de mandato navegando em céu de brigadeiro no cenário econômico internacional.

Com os ventos favoráveis, a era Lula teve recordes de exportações (em 2008) e do saldo comercial (em 2006). Mas os impactos da crise financeira do segundo semestre de 2008 e a consequente desvalorização mundial do dólar mudaram o clima para os negócios externos.

No Brasil, os juros altos ajudaram a valorizar ainda mais o real. Aliado ao pujante consumo interno, as importações dispararam. De janeiro até a terceira semana deste mês, as compras somam US$ 176 bilhões.

A sete dias do fim do ano, a equipe econômica ainda tem esperanças de um recorde nas exportações. O maior valor já atingido foram os US$ 198 bilhões de 2008. A expectativa era chegar a US$ 195 bilhões neste ano.

Mas o secretário de Comércio Exterior, Welber Barral, lembra que um único embarque de uma grande empresa nos últimos dias deste mês pode gerar o recorde.

ENTRAVES

Em um balanço dos últimos oito anos, Barral admite que alguns entraves para a exportação não foram resolvidos pelo governo. Ele destaca que os investimentos em logística foram menores que o crescimento das exportações. Por isso, os empresários ainda enfrentam custos elevados de frete, o que reduz a competitividade externa do Brasil.

O segundo problema é interno: o embate com a Receita Federal. O Ministério do Desenvolvimento defende a liberação mais rápida de créditos tributários. Mesmo se o melhor resultado das exportações for alcançado, o resultado ainda não agrada aos empresários da indústria.

Cresceram neste ano as vendas externas de commodities, ajudadas pela escalada dos preços desses itens. E houve queda nas vendas de produtos manufaturados.
Por isso, especialistas em comércio exterior alertam que a qualidade da pauta de exportações piorou.”

(Folha.com)

Geraldo Azevedo e Alceu Valença cantarão na despedida de Lula em Pernambuco

“Alceu Valença e Geraldo Azevedo serão as principais estrelas do show com sotaque pernambucano que vai animar o ato de despedida de Lula de Pernambuco no próximo dia 28, no Marco Zero, no Recife. Além deles, cantarão Santana, Maciel Melo, Bia Marinho, Inah Caldeira, entre outros.
 
A programação está sendo organizada por um comitê designado pelo governador Eduardo Campos. Antes de chegar ao Marco Zero, às 19 horas, para o show, Lula visitará Suape mais uma vez, onde comandará atos administrativos, sendo o principal deles o lançamento da pedra fundamental da fábrica da Fiat.
 
Nádia Maia, Cristina Amaral, Rogério Rangel, Beto Ortiz, Roberto Cruz, Andreza Formiga e Benil do Território Nordestino também tiveram suas participações confirmadas. Participarão da festa ainda, saudando o presidente e o governador, os violeiros Valdir Teles e João Paraibano.”

(Blog da Folha)

DETALHE – Lula passará antes pelo Ceará. Mais precisamente na terça-feira, quando vai pernoitar para, dia seguinte, lançar a pedra fundamental da sonhada refinaria de petróleo. Ao lado do governador Cid Gomes (PSB).

Cid consulta o irmão Ciro sobre novo secretariado

Ciro toparia estar na equipe cidista?

O governador Cid Gomes (PSB) deve anunciadr seu secretariado na próxima segunda-feira. O horário e o local não foram divulgados pela assessoria de imprensa do Palácio Iracema. Cid, no entanto, está fechando nomes em reuniões que envolvem não somente o deputado estadual reeleito Ivo Gomes (PSB), que deve ocupar funções, mas também o outro irmão dele, no caso o deputado federal Ciro Gomes (PSB).

Ciro está em Fortaleza desde o fim da noite de quarta-feira e vem conversando com Cid a respeito da nova equipe. Cid chegou a admitir, recentemente, que se seu irmão não fosse aproveitado no ministério da presidente eleita Dilma Rousseff poderia, se quisesse, atuar em seu secretariado.

CIRO NA SAÚDE?

A questão é saber se Ciro toparia, até porque correria o risco de ficar dividindo com o irmão ão somente as atenções administrativas, mas também os holofotes. Fala-se que a surrpesa seria Ciro na Secretaria da Saúde. Isso, se Welington Landim (PSB) não aceitar ficar no cargo e abrir da disputa de presidente da Asssembleia Legislativa para o correligionário cidista, Zezinho Albuquerque (PSB).