Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

PSOL deve ficar neutro nesta disputa de 2º turno

400 1

“O senador José Nery (PSOL-PA) afirmou da tribuna, nesta quinta-feira, considerar “provável” que o PSOL fique neutro no segundo turno das eleições presidenciais. Ele também cumprimentou o candidato Plínio de Arruda Sampaio por sua atuação no primeiro turno.

José Nery explicou que os programas dos candidatos José Serra e Dilma Rousseff não têm identidade com o programa do PSOL e, por isso, o partido deverá fazer oposição ao próximo governo federal. A executiva nacional do PSOL se reunirá nesta sexta-feira (15) para tomar a decisão sobre seu comportamento no segundo turno.

Ao fazer um balanço da atuação de seu partido nas eleições do último dia 3, José Nery registrou que o deputado federal Chico Alencar obteve a segunda maior votação do estado do Rio de Janeiro. Em São Paulo, foi reeleito o deputado federal Ivan Valente.

Apesar de a ex-senadora Heloísa Helena não ter conseguido uma vaga para o Senado, em Alagoas, Nery disse que o partido teve a “grata surpresa” de ver dois candidatos eleitos para o Senado: Randolfe Rodrigues, no Amapá, e Marinor Brito, no Pará. Ele lamentou ainda que a deputada federal Luciana Genro (RS) não tenha conseguido se reeleger.

José Nery leu nota em que Randolfe Rodrigues desmente que tenha declarado voto de apoio a Dilma Rousseff.”

(Agência Senado)

Pesquisas exigem prudência

Eis artigo assinado pelo editor de Conjuntura dol O POVO, Guálter George, na edição desta sexta-feira do jornal. Guálter pede prudência na avaliação das pesquisas que, no primeiro turno, provocaram muitas surpresas. Conifra: 

É impressionante a opção pelo erro que continuamos a fazer, na imprensa, quando se trata de dar peso equivocado às pesquisas dentro de um processo eleitoral. Os problemas do primeiro turno ainda nem foram absorvidos de todo, depois que os apressados, jornalistas e diretores de institutos, quebraram a cara ao tentar anunciar vencedores com um ano de antecedência, e o quadro ameaça se repetir.

Já tem gente cravando o resultado do segundo turno a partir de uma situação apontada por números relacionados a intenções de votos que dizem respeito ao momento. Vale para hoje, talvez para amanhã e até pode estar ainda atualizado para o dia previsto de votação, no final do mês.

A questão é que ninguém, de sã consciência, pode assegurar que a tendência clara de agora, sem dúvida favorável ao candidato tucano José Serra, se sustentará pelos próximos 15 dias de campanha que ainda há pela frente. Dilma Rousseff, a petista, enfrenta dificuldades reais, especialmente diante de uma armadilha estratégica que a mantém num ritmo de queda que vem desde o final do turno anterior da campanha.

O errado é concluir, a partir dai, que o quadro está resolvido. A forma como se usa uma pesquisa eleitoral no Brasil já é danosa por si, porque permite aos inescrupulosos, marqueteiros e candidatos, explorarem de maneira oportunista números de valor científico inquestionável na maior parte dos casos.

Especialmente quando se está diante da perspectiva de uma disputa equilibrada, mais prudente será esperar que o eleitor se manifeste. No voto, não na intenção.

Guálter George. Editor-executivo de Conjuntura do O POVO.

O POVO ganha Menção Honrosa no Prêmio Vladimir Herzog

A Comissão Organizadora do 32º Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos divulgou os primeiros vencedores do ano. São eles:

– Categoria Jornal: “Crimes de maio”, de Renato Santana, do jornal A Tribuna de Santos – SP

* Menção Honrosa: Diários da liberdade, de Paula Sarapu, jornal O Dia – RJ

* Menção Honrosa: Inquisição – no rastro dos amaldiçoados, de Demitri Túlio Silva Araújo, Luiz Henrique Campos, Cláudio Ribeiro, Ana Mary C. Cavalcante e Fátima Sudário, do Jornal O Povo – CE

Jurados: Sinval Itacarambi, Paulo Salvador e Rose Nogueira

– Categoria Rádio: Infância perdida, de Fabiana Maranhão Lourenço da Silva e equipe, Rádio Jornal de Pernambuco

* Menção Honrosa: Desaparecidos, feridas que não cicatrizam, de Letícia Cardoso e equipe, Rádio CBN Vitória

* Menção Honrosa: Poder que abusa, de Carlos Alberto Silveira Morais e equipe, Rádio Jornal AM 780 – Sistema Jorna do Comércio

Jurados: Benê Rodigues, Benê Correia e Oswaldo Luiz Colibri Vitta

– Categoria Fotografia: Tortura em domicílio, de João Augusto Souza Kuerten, Diário Catarinense, SC

* Menção Honrosa: De frente para o crime, de Weimer de Carvalho Franco, Jornal O Popular, GO

* Menção Honrosa: Morta ao sair da delegacia, de Ney Douglas Marques, Empresa Novo Jornal – RN

Jurados: Elvira Alegre, Amâncio Chiodi e Kiko Farkas

Após a cerimônia de premiação, todos os trabalhos estarão disponíveis no site www.premiovladimirherzog.org.br

Lula aparecerá mais na TV para frear queda de Dilma nas pesquisas

284 1

“Em meio a um de seus piores momentos, a campanha de Dilma Rousseff (PT) voltará a recorrer à popularidade do presidente Lula para estancar a queda nas pesquisas de intenção de voto.
Segundo a Folha apurou, os petistas decidiram aumentar a presença de Lula na TV e em eventos de rua para “mexer com o povão” e ajudar a mobilizar a militância. A coordenação da campanha também definiu Minas Gerais e São Paulo como Estados prioritários, para evitar que a petista perca votos nos dois maiores colégios eleitorais do país, onde o PSDB venceu os pleitos regionais.

Lula apareceu menos ao lado de Dilma no segundo turno. Suas aparições na TV também têm sido menores. Essa redução foi definida por uma avaliação de que, no segundo turno, o foco deveria ser na candidata, e Lula não deveria ofuscá-la. Mas as últimas pesquisas, que indicam uma queda na diferença entre a petista e José Serra, definiram a volta de Lula ao centro do palco.

No Datafolha, a diferença passou de 12 para 7 pontos percentuais, entre o final do primeiro turno e a primeira pesquisa do segundo turno. Em outras pesquisas, a diferença caiu para 6 e 4 pontos. A participação de Lula, entretanto, será modulada pela preocupação de ele não ofuscar a imagem da candidata.

Outra mudança adotada foi quebrar o “monopólio” do Vox Populi como instituto oficial da campanha e contratar o Ibope para realizar pesquisas só no Sudeste. A ideia é evitar que alterações relevantes em São Paulo, Minas e no Rio de Janeiro passem despercebidas, como ocorreu no primeiro turno, além de definir estratégias focadas nesses Estados.

Além da queda nas pesquisas, contribui para o clima tenso na equipe a desarticulação em alguns Estados, sobretudo Minas Gerais. Por isso, o presidente do PT, José Eduardo Dutra, e o ministro licenciado Alexandre Padilha (Relações Institucionais) passaram por Minas. As pesquisas internas apontam redução da dianteira que Dilma conquistou sobre Serra no primeiro turno.

Em São Paulo, com a vitória de Geraldo Alckmin, o PT vê a necessidade de reforçar ações de campanha. Hoje, além de comício de Dilma e Lula na zona leste da capital, há uma reunião de lideranças políticas para articular a ação no interior. Amanhã, Lula e Dilma fazem ato público em Minas, e se encontram com prefeitos na semana que vem.

Apesar do mau momento, assessores de Dilma avaliam que a maré ruim pode acabar. A avaliação da candidata em pesquisas qualitativas, que vinha caindo, melhorou após o debate da Band.
No entanto, alguns aliados e petistas questionam a eficácia da propaganda de TV, e consideram a do PSDB “mais competitiva” nesta fase.”

(Folha Online)

Seca baixa nível das hidrelétricas

“A seca que afeta o Brasil, potencializada pelo fenômeno climático La Niña, baixou os reservatórios das hidrelétricas de Sudeste e Centro-Oeste aos níveis mais baixos dos últimos quatro anos para um mês de outubro. As regiões concentram 70% da geração nacional. Nordeste e Norte, porém, com menor capacidade instalada, sofrem mais com a estiagem.

No Sudeste e no Centro-Oeste, o nível das represas é de 47,23%. Embora estejam acima do limite considerado seguro de 39% previsto para novembro, as regiões só tiveram outubro pior em 2006, quando registraram 45,23%.

O Sul, com nível de 60,5%, teve resultado inferior a esse apenas em 2007 (59,7%). Mesmo em situação crítica, a folga em relação às metas de segurança tem possibilitado a transferência de energia gerada nessas localidades para Nordeste e Norte.

No Nordeste, o patamar era de 43,56% na quarta-feira, abaixo do nível seguro de 45%. Só houve outubro pior em 2007. O Norte não tem meta, mas seu nível é de 41,2%, o menor para o mês desde 2008.”

(O Globo)

DETALHE – Vem aí o Horário de Verão. Começa de sábado para domingo. Promete economizar energia.

FHC desafia Lula para conversa "cara a cara"

280 5

“Principal alvo de críticas do PT no programa eleitoral, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso desafiou nesta quinta-feira o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para uma conversa “cara a cara”, quando o petista “puser o pijama”.

Dizendo-se vítima de mentiras, FHC disse que Lula foi mesquinho ao não reconhecer o legado do PSDB e assumir a paternidade da estabilidade da moeda.

“Estou calado há muitos anos ouvindo. Agora, quando o presidente Lula vier, como todo candidato democrata eleito, de novo, perder a pompa toda, perder o monopólio da verdade, está desafiado a conversar comigo em qualquer lugar do Brasil. No PT que seja”, discursou FHC.

Segundo FHC, não é para enumerar as ações de cada governo. “É para ter firmeza, olhando cara a cara do outro, ver dizer as coisas que diz fora do outro. Quero ver o presidente Lula que votou contra o Real, que fez o PT votar contra o Real, dizer que estabilizou o Brasil. Ele não precisa disso. Para que ser tão mesquinho? É isso que eu quero perguntar a ele. ‘Lula, por que isso, rapaz?’ Você pegou uma boa herança, usou. O Serra vai pegar as duas heranças”.

Em discurso a integrantes do PSDB, FHC chamou a petista Dilma Rousseff de duas caras e negou que tenha pregado a privatização da Petrobras, como a candidata acusou no debate da Band:

‘Agora, vêm falar que eu queria privatizar a Petrobras. Quem é esse Gabrielli para falar isso comigo, meu Deus? Fui presidente da República. Ele tem que me respeitar”, afirmou FHC, dizendo que foi processado por ter defendido a Petrobras.

Ao falar das acusações do PT, FHC disse que os adversários “estão muito nervosos” por causa do segundo turno. “Caíram da cadeira. Nunca imaginaram que iriam ao segundo turno. O Lula sempre foi para o segundo turno. Por que a Dilma não iria? Só que agora ela vai às cordas com o nosso voto”.

No evento organizado pelo PSDB de São Paulo –mas sem a presença de Serra– FHC acusou o PT de uso político da máquina pública, Mais uma vez, disse que não passou a mão na cabeça de aliados, de “aloprados”.

“Não queremos um Brasil de preguiçosos. Não queremos um Brasil de amigos do rei. Não queremos um Brasil de companheiras Erenice”., discursou FHC, que encerrou o discurso propondo um debate com Lula.

Tomando o cuidado de afirmar que o pijama seria transitório, FHC sugeriu uma conversa entre os dois, a exemplo das visitas que fazia a Lula em São Bernardo do Campo.

“Presidente Lula, terminadas as eleições, quando você puser o pijama, não sei o que vai por, o que vai fazer, será bem recebido. Venha ao meu instituto. Vamos conversar cara a cara […] “Agora de pijama, venha lá. Venha lá. Vamos conversar. Você fez muita coisa boa, mas não precisava ser tão mesquinho, rapaz. Isso diminui você. Não precisa. O Brasil é de todos nós”.

(Folha.com)

Americano acusado de pedofilia no Ceará é preso no Rio Grande do Norte

“Um americano, acusado de praticar crime de pedofilia em Fortaleza, foi capturado pela Polícia do Rio Grande do Norte e se encontra, no momento, recolhido no presídio da cidade de Parnamirim. O estrangeiro, identificado como Warren Sater, 45, foi descoberto pela Polícia potiguar depois de uma comunicação de sua congênere do Ceará. Contra ele havia mandado de prisão preventiva em aberto.

A notícia foi transmitida à Polícia cearense na tarde de ontem. O americano teria sido localizado em companhia de garotos que teriam sido levados de Fortaleza para ir morar com ele na capital potiguar.

Mandado

Segundo a Imprensa do Rio Grande do Norte, os policiais daquele Estado cumpriram um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça do Ceará, através da 12ª Vara Criminal de Fortaleza, unidade responsável pela tramitação dos processos que tratam de crime de abusos sexuais contra crianças e adolescentes. O mandado de prisão foi expedido no mês passado e a Polícia passou a trabalhar sigilosamente no sentido de capturar o estrangeiro. Natural de Nova York, Sater poderá ser transferido nos próximos dias para Fortaleza, ficando à disposição das autoridades judiciais.

O delegado Maurílio Pinto de Medeiros, da Polícia potiguar, informou, ontem, que aguarda a chegada de policiais do Ceará para que seja feita a transferência do acusado, o que poderá acontecer nas próximas horas.

No mês passado, a Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente do Ceará (Dececa) realizou uma operação para o cumprimento de diversos mandados de busca e apreensão e de prisões no combate ao crime de pedofilia. Vários acusados acabaram sendo levados para a cadeia.”

(Diário do Nordeste)

Confirmado. Serra visita o Ceará neste sábado

262 4

Serra e Tasso em Canindé – 2009

O candidato a presidente da República pelo PSDB, José Serra, cumprirá agenda no Ceara´no próximo sábado. Ele visitará, ao lado do senador tucano Tasso Jereissati,  o município de Canindé onde, às 11 horas, assistirá a uma missa na Basílica de São Francisco das Chagas.

Em seguida, ao meio-dia, o tucano participará de reunião do PSDB, PPS e DEM, no espaço cultural “Luar do Sertão”(Avenida Presidente Ernesto Geisel, 1880).

Serra, após concluir essa programação vem para Fortaleza e embarca para São Paulo. Ali, vai se preparar para o segundo debate com Dilma Rousseff (PT), a ser travado as 21h15min de domingo, na Redetv.

CNT/Sensus – Rejeição de Dilma aumenta, mas a de Serra ainda é maior

“A rejeição da candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, cresceu de acordo com a pesquisa do Instituto Sensus, encomendada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT), divulgada hoje (14). Das 2 mil pessoas entrevistadas, 35,4% disseram que não votariam em Dilma, contra 32,6% do levantamento de setembro. A rejeição de José Serra (PSDB) apresentou decréscimo, mas ainda é maior que a da petista. Dos entrevistados, 37,5% disseram que não votariam no tucano, contra 40,2% em setembro.

A pesquisa mediu também os efeitos do debate promovido pela TV Bandeirantes. Dos que assistiram ao debate, 54,7% avaliaram que Dilma teve um desempenho melhor que o de Serra, e 45,35 optaram pelo tucano.

Pesquisa CNT/Sensus aponta a liderança da candidata petista à Presidência da República, Dilma Rousseff, por 4,6 pontos percentuais sobre o candidato tucano José Serra. Dilma registrou 52,3% dos votos válidos e Serra obteve 47,7%.

O resultado aponta um empate técnico entre os dois candidatos considerando a margem de erro da pesquisa que é de 2,2 pontos. Na consulta espontânea, Dilma obteve 44,5% das intenções de voto e José Serra obteve 40,4%. Votos brancos e nulos somaram 4% dos entrevistados. A pesquisa registrou ainda 10,6% de pessoas que não responderam ou não souberam responder.

A pesquisa ouviu 2 mil pessoas em 136 municípios das cinco regiões nos dias 11 a 13 de outubro. A pesquisa foi registra no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 35.560/2010.

Na contagem regional, o candidato tucano registrou crescimento em todas as regiões e Dilma caiu em todas elas. Somente no Nordeste a candidata petista mantém a liderança, mesmo tendo caído em relação a setembro. No Nordeste, Dilma obteve 60,7% das intenções de voto e Serra, 31,1%. Em setembro, Dilma obteve 66% e Serra 24,5%.

Na Região Sul, Serra obteve o maior crescimento. O tucano obteve 56% das intenções de voto e Dilma, 36,4%. Em setembro, Serra registrou 45,5% das intenções de voto e Dilma tinha 40,7%.

Na Região Sudeste, Dilma está com 43,3% das intenções de voto enquanto Serra tem 44,7%. Em setembro, a petista tinha 52,1% das intenções de voto e Serra, 36%.

Já nas regiões Centro-Oeste e Norte, que foram analisadas em conjunto, Dilma obteve 40,7% das intenções de voto e Serra, 45,7%. Em setembro, a petista havia registrado 48,9%, enquanto Serra tinha 38,2%.”

(Agência Brasil)

CNT/Sensus – Dilma cai em todas as regiões

156 4

“Pesquisa CNT/Sensus divulgada, nesta quinta-feira, em Brasília, mostra que as intenções de votos na candidata petista à presidência da República, Dilma Rousseff, caíram em todas as regiões do país.

Confira a comparação feita entre a pesquisa divulgada no último dia 28 de setembro com a de hoje.

Norte/Centro-Oeste
Dilma tinha 48,9% passou para 40,7%
Serra tinha 38,2% passou para 45,7%

Nordeste
Dilma tinha 66% passou para 60,7%
Serra tinha 24,5% passou para 32,1%

Sudeste
Dilma tinha 52,1% passou para 43,3%
Serra tinha 36% passou para 44,7%

Sul
Dilma tinha 40,7% passou para 36,3%
Serra tinha 45,5% passou para 56%

(Com Blog do Noblat)

CGU prioriza controle preventivo junto a gestores federais

“Um novo programa criado pela Controladoria-Geral da União (CGU) terá como foco principal a capacitação de gestores públicos federais como forma de fortalecer o controle preventivo. A Portaria nº 1.965, publicada na última semana, institui o Programa de Orientação e Capacitação dos Gestores Públicos Federais (Capacita), a ser desenvolvido pela CGU, com o objetivo de promover a melhoria da gestão dos recursos públicos e de valorizar as iniciativas de interação com os gestores públicos federais, por meio da oferta contínua de orientação e capacitação.

O ministro Jorge Hage, chefe da CGU, destaca a importância do programa, chamando a atenção para a ênfase dada ao fortalecimento do controle preventivo, bem como a interação cada vez maior com os gestores públicos federais. “Dessa forma, explica ele, pode-se evitar a ocorrência de problemas, em vez de buscar corrigi-los quando já tiverem acontecido”.

O normativo vem ao encontro do Plano de Integridade Institucional da CGU, que trata da interação com os gestores federais. O programa tem como elemento fundamental a manutenção de um canal aberto para que servidores da CGU e gestores federais proponham conteúdos para disseminação, permitindo que a oferta de eventos de capacitação seja compatível com a demanda.

A Secretaria Federal de Controle Interno (SFC), órgão integrante da estrutura da CGU, será a responsável pela gerência do programa, tendo como referencial os seguintes princípios: integração entre a CGU e as unidades da administração Pública Federal; unidade no eixo metodológico, conteúdos e materiais didáticos, respeitando diferenças regionais e institucionais; construção de parcerias com instituições para promoção de melhorias na gestão; multidisciplinaridade; e compromisso com a inovação e a disseminação de boas práticas de gestão.”

(Site da CGU)

Ex-presidente do STJ pede bênçãos a São Francisco de Canindé

201 1

O ex-presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro César Asfor Rocha, participa, nesta quinta-feira, em Canindé (a 120km de Fortaleza), da festa de São Francisco das Chagas, o padroeiro do município.

Ao lado do presidente regional do DEM e ex-deputado federal Chiquinho Feitosa, Asfor Rocha ainda assistiu à missa das 11 horas. O ministro foi reconhecido por várias lideranças políticas não só da região, mas também de outros Estados que conferem os festejos.

DETALHE – Uma dúvida cruel: será que o ministro César Asfor fez alguma promessa a São Francisco das Chagas? Será que pediu, por exemplo, um cantinho lá no céu do Supremo Tribunal Federal (STF)?

Cid convoca partidos aliados para tratar da campanha pró-Dilma. Luizianne vai?

237 3

O governador reeleito Cid Gomes, na condição de presidente estadual do PSB, receberá nesta quinta-feira, a partir das 20 horas, no Comitê Central, todos os presidentes regionais de partidos aliados. O objetivo é discutir com eles estratégias da campanha eleitoral pró-Dikma Rousseff (PT) no Estado. Ele quer mobilizações principalmente nas grandes cidades.

Cid Gomes, que já aparece nas iserções nacionais da campanha dilmista, vai reiterar meta de dar a Dilma cerca de 80% de votação. No primeiro turno, a candidata obteve 66%.

DETALHE – Será que, dessa vez, a prefeita Luizianne Lins, que comanda o PT estadual e foi designada como coordenadora-geral – pelo menos no primeiro turno, da campanha dilmista, comparecerá? Ou vai estar viajando?

Governistas fazem barba, cabelo e bigode na Câmara

“Os deputados da base governista que tentaram renovar seu mandato na Câmara tiveram mais sucesso do que seus colegas oposicionistas. Dos 309 deputados da base aliada que disputaram a reeleição, 225 (72,81%) se reelegeram. O índice de sucesso dos governistas foi superior aos 62,24% obtidos pela oposição. Dos 98 oposicionistas que buscavam novo mandato, apenas 61 tiveram êxito.

Veja quantos deputados cada partido reelegeu

A nova composição da Câmara: reeleitos e novatos

A lista dos deputados que se reelegeram

RN é o que mais reelegeu; DF, o que mais renovou

O PT, partido do presidente Lula e da candidata Dilma Rousseff, foi o que teve melhor desempenho, em números absolutos, entre todas as 19 legendas com assento na Câmara: foram reeleitos 52 (81,25%) dos 64 petistas que tentaram a reeleição. Foi o segundo melhor índice de reeleição de toda a Câmara. O melhor percentual de aproveitamento coube a outro partido da base aliada: dos dez deputados do PCdoB que tentaram a reeleição, nove se reelegeram (90%).

Já o índice de reeleição entre os oposicionistas ficou abaixo da média da Câmara, que foi de 70,27%. Dos 407 deputados que buscaram a renovação do mandato, 286 atingiram o objetivo. Entre as principais legendas, o pior resultado foi do PSDB, do presidenciável José Serra. Somente 29 (60,41%) dos 48 tucanos que disputaram a reeleição alcançaram o objetivo.

Chupando dedo

Entre os 19 deputados do PSDB que não conseguiram se reeleger, está o líder da legenda, João Almeida (BA). “O PT é o partido que tem mais máquina. O uso da máquina do governo foi determinante na liberação de recursos orçamentários. Nós da oposição ficamos chupando dedo”, reclama o líder tucano. “Nós ficamos mais no discurso do que outra coisa qualquer. A Câmara ficou muito em cima do que o deputado já fez pela cidade. Deputado virou vereador federal. Estão apequenando enormemente a função”, acrescenta.

“O presidente não teve postura republicana, ética. O presidente se colocou como um aliciador de votos sem nenhum princípio. Abandonou a liturgia do cargo. Como ele desfrutava de certo prestígio, acabou reelegendo seus aliados”, avalia o deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA). O deputado baiano não disputou a reeleição, mas foi derrotado por dois governistas na corrida por uma vaga no Senado.

“Muitos deputados fizeram propaganda sem apresentar biografia nem proposta, mostravam apenas a foto do presidente Lula. O presidente sai menor desta eleição, como um mero cabo eleitoral”, ataca Aleluia.

O DEM teve o segundo pior desempenho entre as principais siglas na Câmara quando se considera o número de deputados que tentaram a reeleição. Com a renovação do mandato de 24 (63,15%) de seus 38 representantes na Câmara, o partido só teve índice melhor que o dos tucanos. Os outros dois oposicionistas – PPS e Psol – tiveram aproveitamento de 66,66%.”

(Congresso em Foco)

CNT/Sensus aponta empate técnico: Dilma, 46,8% e Serra, 42,7%

368 2

“A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, tem 46,8% das intenções de voto, contra 42,7% do tucano José Serra, segundo pesquisa CNT/Sensus divulgada nesta quinta-feira. Os votos brancos, nulos e indecisos somam 10,6%. Como a margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou menos, a pesquisa aponta empate técnico entre Dilma e Serra, se a petista ficar no limite mínimo dos votos e Serra, no limite máximo. Segundo a pesquisa, Dilma tem 52,3% dos votos válidos (excluídos brancos, nulos e indecisos), enquanto Serra tem 47,7% dos válidos.

A pesquisa foi realizada entre os dias 11 e 13 de outubro, em 136 municípios, com a realização de 2.000 entrevistas. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número 35.560/2010. Na pesquisa espontânea, em que o nome dos candidatos não é apresentado aos eleitores, Dilma recebeu 44,5% dos votos e Serra, 40,4%. Os brancos, nulos e indecisos somam 14,6% na espontânea. O nome do presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda foi lembrado por 0,3% dos eleitores e 0,3% também mencionaram nomes de outros candidatos que não estão na disputa.

A última edição da CNT/Sensus, divulgada dia 29 de setembro, apontou que Dilma receberia 53,9% dos votos num eventual segundo turno com Serra, contra 34,5% para o tucano. Os votos brancos, nulos e indecisos somariam 11,6%. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou menos.

IBOPE
Segundo pesquisa Ibope divulgada ontem, a petista tem 53% dos votos válidos, enquanto Serra tem 47%. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. Com isso, Dilma pode ter de 51% a 55%, e o tucano, de 45% a 49%.

Levando em conta os votos totais, a vantagem de Dilma para Serra também é de seis pontos percentuais. Segundo o Ibope, ela tem 49% e Serra, 43%. Brancos e nulos somam 5%, e 3% dos entrevistados se declararam indecisos.

(Com Agências)

Passaporte terá reajuste de 20,77%

“A Polícia Federal (PF) pretende aumentar o valor da taxa para emissão de passaporte em 20,77%, elevando a tarifa de R$ 156 para quase R$ 190. A PF argumenta que o valor não é reajustado há quatro anos e que o percentual repõe apenas a inflação entre 2006 e 2010. A decisão final cabe ao Ministério da Justiça, que deve definir o novo valor até o final do ano. Segundo o ministério, a nova taxa só passará a ser cobrada a partir de janeiro de 2011.

De acordo com a PF, o reajuste não foi motivado pela implantação do passaporte com chip, que será emitido a partir de dezembro, o que deve elevar os custos de confecção. “No entanto, não haverá repasse de custos. O reajuste é apenas uma atualização do valor pela inflação”, disse o delegado Rodrigo Duarte Guimarães, chefe da divisão de passaportes da PF. Segundo o ministério, “não será repassada ao cidadão a integralidade do aumento de custos decorrentes da incorporação de tecnologias”.

(Folha Online e Agência Brasil)

IBGE – Comércio varejista tem nova alta

“O comércio varejista teve crescimento de 2% no volume de vendas em agosto sobre o mês anterior, com ajuste sazonal. O levantamento foi divulgado nesta quinta-feira (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No acumulado neste ano, a alta no volume de vendas é de 11,3% e, nos últimos 12 meses, de 10,1%. Sobre agosto do ano passado, a alta é de 10,4%.

Essa é a quarta alta mensal seguida, segundo o IBGE. Em julho, a atividade do varejo havia crescido apenas 0,4%. Em agosto, a receita nominal de vendas registrou alta de 1,6% sobre o mês anterior.

Em agosto, houve crescimento em todas as dez atividades pesquisadas pelo instituto. Comércio de livros, jornais, revistas e papelaria cresceu 3,5%, de móveis e eletrodomésticos, 2,9%, e de artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos, 2,6%, destacando-se como as principais altas.

Na comparação anual, todos os setotes também registraram crescimento. A maior alta foi registrada no setor de equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação, com crescimento de 24,7%. Na sequência, entre os setores com as maiores altas, está o setor de móveis e eletrodomésticos, com crescimento de 16,7%, e o de livros, jornais, revistas e papelaria, que apresentou alta de 13,7%.

Tocantins na liderança
De todas as unidades da federação pesquisadas, 26 registraram aumentos sobre agosto do ano passado. Os maiores destaques partiram de Tocantins (73,9%), Paraíba (31,3%), Roraima (30,1%), Rondônia (28,8%) e Acre (20,5%). Na contramão está o Piauí, cujas vendas tiveram queda de 0,5%.”

(Portal G1)

BNB – Aumento do capital social a partir de novembro

O Banco do Nordeste do Brasil terá aumento de capital social em mais RS 1 bilhão, aumentando para R$ 3 bilhões essa marca. Isso, a partir de novembro, segundo informa o presidente da Instituição, Roberto Smith. Ainda é pouco, mas é dado importante, na avaliação de Smith, que, de um modo geral, avalia como dos mais positivos este 2010 para o banco em todos os sentidos.

No FNE, por exemplo, a verba foi toda aplicada e, no âmbito de programas de economia solidária como o Credi-Amigo, o BNB fechará com mais de 700 mil clientes, definindo já como meta para 2011 elevar esse número para R$ 1 milhão.

Outra novidade: o banco entrará o ano com todos os processos virtualizados, o que vai gerar uma economia de gastos com papel na ordem R$ 300 mil por mês.