Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Apartamento de filha de Lula é invadido em Florianópolis

“Ladrões invadiram o apartamento da filha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Lurian Silva, na noite de sexta-feira, por volta das 20h30m. Lurian, que é secretária de Ação Social de Florianópolis, estava em casa, sozinha, fazendo exercícios, e não percebeu o arrombamento. A informação é do blog Visor, do jornal Diário Catarinense.

O imóvel de Lurian fica no Bairro Itaguaçu, região Continental de Florianópolis. Os ladrões levaram um notebook e objetos pessoais. Os filhos de 5 e 12 anos de Lurian estão em São Paulo.

Segundo o Diário Catarinense, logo depois de perceber a invasão, Lurian acionou a sua equipe de segurança. A segurança da filha e dos netos do presidente em Florianópolis é feita por 10 agentes do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

No sábado à tarde, técnicos do Instituto Geral de Perícia (IGP) da Polícia Civil estiveram no apartamento para colher vestígios. A polícia não divulga nenhuma informação sobre o caso.”

(ClicRBS)

Era Digital – Contratos entre editoras e autores devem sofrer mudança

“Ainda é cedo para se afirmar que a prática tradicional da leitura será extinta por meio dos novos formatos digitais que estão no mercado. Mas uma coisa é certa: os livros digitais deverão fazer com que os contratos entre editoras e autores sejam modificados e passem a contemplar os novos modos de exploração e reprodução das obras.

“A Lei de Direitos Autorais diz que os negócios jurídicos devem ser interpretados restritivamente, o que significa que concedida uma determinada forma de reprodução ou licenciado/cedido um direito não se pode presumir a concessão de outros”, afirma o advogado Alexandre Lyrio, sócio do escritório Castro, Barros, Sobral, Gomes Advogados.

O artigo 29 da Lei 9.610, de 1998, determina que qualquer forma de utilização da obra necessita de prévia autorização do autor, inclusive “quaisquer modalidades de utilização existentes ou que venham a ser inventadas”. Em complemento, o artigo 30 da Lei de Direitos Autorais estabelece que “o titular dos direitos autorais poderá colocar à disposição do público a obra, na forma, local e pelo tempo que desejar, a título oneroso ou gratuito”.

Da mesma forma, o artigo 31 diz que as diversas modalidades de utilização de obras literárias, artísticas ou científicas ou de fonogramas são independentes entre si, e a autorização concedida pelo autor, ou pelo produtor, respectivamente, não se estende a quaisquer das demais.

“As novas formas de reprodução ou aquelas não contempladas nos contratos não são ainda objeto de negócio jurídico entre as partes. Se uma das partes desejar utilizar-se do formato digital e seu contrato originário não contemplar tal hipótese, deverá haver pactuação junto ao autor, pois as modalidades são independentes e a outorga de uma não faz presumir a outorga de outra”, explica Lyrio.

O advogado lembra que os direitos autorais continuam a pertencer àqueles a quem a legislação determina. Os direitos de autor pertencem ao autor, os de edição ao editor e assim sucessivamente. “As obras continuam sendo obras e os direitos pertinentes continuam existindo. Os contratos passarão a contemplar este novo formato”, diz.

Rodrigo Borges Carneiro, sócio do escritório Dannemann Siemsen, afirma que é recomendável, para evitar discussões, que os contratos sejam revistos de modo a esclarecer as condições de edição para o ambiente digital.

Para ele, as regras vigentes da Lei 9.610/98 são suficientemente flexíveis para uma rápida migração para o ambiente digital.  “Existe uma grande oportunidade comercial para novas parcerias das editoras com empresas de tecnologia ou mesmo para que as editoras criem seus modelos de distribuição digital”, diz o advogado.

Segundo Carneiro, alguns contratos já incorporaram de forma expressa o ambiente digital entre as possibilidades de publicação da obra —como o áudio book e outras versões.

“O direito de autorizar a tradução pertence originalmente aos autores. Uma vez autorizada a tradução, nasce para o tradutor um direito autônomo sobre ela. Esse direito também vai ser alvo de um contrato com o editor que geralmente encomenda a tradução. Esse contrato vai especificar a possibilidade de explorar a tradução também no ambiente digital”, exemplifica.

Quanto ao aspecto comercial e econômico dos livros digitais, a remuneração também deve sofrer alterações. “A mudança de formato pode mudar a distribuição e a comercialização. Alterados os custos de produção, distribuição e a forma de comercialização, natural que sejam modificadas as remunerações pagas”, afirma Alexandre Lyrio.”

(Última Instância)

Na pauta da Câmara, projeto que quer internet nas escolas de todo o País

paulohenrique

Paulo Henrique: banda larga nas escolas.

O projeto de lei 1481/07, que torna obrigatória a univer

salização do acesso a redes digitais de informação, inclusive à internet, em estabelecimentos de ensino de todo o país até 2013, poderá ser votado na Câmara dos Deputados ainda neste mês. Os parlamentares líderes discutem a inclusão da proposta na pauta de votações nesta semana.

A medida, que deve alcançar tanto instituições públicas quanto particulares, do ensino básico até o superior, deverá ter como fonte os recursos do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust). A proposta obriga ainda a oferta de um computador com acesso à Internet, em cada turno da escola, para cada dez alunos.

A comissão especial da Câmara já apresentou um substitutivo ao projeto, relatado pelo deputado Paulo Henrique Lustosa (PMDB/CE).”

(Agência Câmara)

IBGE encerra neste domingo inscrições para seleção de recenseador

“O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) encerra neste domingo (4) as inscrições para o processo seletivo que contratará recenseadores. As vagas são para todo o país, para trabalhar na coleta de informações do Censo de 2010, pelo período de um a quatro meses, a partir de agosto.

Segundo o IBGE, os recenseadores receberão uma remuneração por produtividade, que pode variar entre R$ 800 e R$ 1,6 mil para cada setor censitário (composto em média por 300 domicílios) concluído pelo profissional.

Pelo menos 668 mil pessoas já se inscreveram para as 191.972 vagas. As inscrições podem ser feitas pelo site da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br), até as 23h59 de domingo, segundo o horário de Brasília. Quem se inscrever no final de semana poderá pagar a taxa de inscrição, de R$ 18, até terça-feira (6).

Os candidatos selecionados na prova, marcada para 30 de maio, ainda passarão por um treinamento eliminatório no mês de julho, antes de sair às ruas. Os recenseadores irão aplicar questionários aos moradores de todos os domicílios brasileiros, com a ajuda de um computador de mão, para traçar um raio x da população do país.”

(Agência Brasil)

No sábado de Aleluia, Arruda será Judas

“Tradição na Bahia, a queima de Judas é a oportunidade que algumas pessoas têm para se vingar de personagens da classe política que não teriam honrado os cargos que ocupam e traído a confiança do eleitor. O governador cassado do Distrito Federal José Roberto Arruda, envolvido no escândalo que ficou conhecido como o “mensalão do DEM”, foi o escolhido para ser o personagem-simbolo da traição dos moradores da Rua Padre Domingos de Brito, bairro Garibaldi, próximo ao centro da capital baiana, que sempre realizam uma grande festa no Sábado de Aleluia.

O organizador da malhação do “Judas-Arruda”, o comerciante Jalmirez Bispo disse que todo ano os moradores da rua realizam uma eleição para escolher o personagem-símbolo a partir dos fatos marcantes ocorridos nos meses que antecedem a festa. “Foram três candidatos: o casal Nardoni, (condenados pelo crime de Isabela Nardoni), o governador Arruda e o presidente Lula, que foi incluído para esquentar a polêmica. Arruda, ficou em primeiro, seguido do casal Nardoni e de Lula”, afirmou.

Os moradores realizaram bingos, rifas e uma série de outros eventos para arrecadar o dinheiro da festa. Juntaram R$ 1,6 mil com os quais alugaram a estrutura do palco, contrataram uma bandinha e compraram o boneco de Judas de uma família que tradicionalmente fabrica as peças. “O Judas custava R$ 200, mas conseguimos um abatimento e ficou por R$ 180”, disse Bispo, garantindo não ter recebido nenhuma ajuda financeira do “homenageado”.

Bispo passou a Sexta-feira da Paixão, “preparando” o boneco para torná-lo o mais parecido possível com Arruda, inclusive introduzindo dinheiro na cueca e nas meias. A festa está marcada para começar por volta das 22h deste sábado, com a leitura do “testamento” e a queima do boneco.”

(JB Online)

Fortaleza será sede de encontro da Polícia Rodoviária Federal

ubirtdepaula

Inspetor Ubiratan será o cicerone do evento.

Fortaleza será sede no período de 6 a 8 próximos do I Encontro Nacional de Superintendentes da Polícia Rodoviária Federal de 2010. O evento, que ocupará espaços no Marina Park Hotel, reunirá  superintendentes da PRF de todos os estados, bem como diretor-geral, coordenadores-gerais e coordenadores do Departamento de Polícia Rodoviária Federal de Brasília.

Segundo o inspetor Ubiratan de Paula, superintendente da PRF do Ceará, o encontro debaterá o processo de atualização dos procedimentos e das atividades operacionais desenvolvidas pelas Superintendências Regionais de todo o país.

Chico Xavier, o filme

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=BVjR8nbWEWw[/youtube]

Estreia nacionalmente, nesta sexta-feira santa, o filme “Chico Xavier”, de Daniel Filho. Assisti, na última terça-feira, em primeira mão à película e posso garantir: a história é de um homem que sofreu muito preconceito, mas nunca perdeu a ternura e o desejo de ajudar as pessoas.

Agricultura familiar sustenta 30 milhões de brasileiros, diz Ipea

“A agricultura familiar é responsável pelo sustento dos 30 milhões de brasileiros que vivem em ocupações rurais. No entanto, há, entre eles, um baixo nível de educação e a remuneração média é menor do que o salário mínimo. Boa parte (75%) do contingente de trabalhadores não remunerados é composta por mulheres.

A constatação é do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que tem por base a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), divulgada hoje (1º), no capítulo sobre o setor rural. A publicação é uma descrição da situação rural do país, que deverá ser utilizada para a formatação de políticas públicas no Brasil.

De acordo com a pesquisa, 43% da população rural não é remunerada. “A população rural é estimada em 30 milhões de habitantes. Isso corresponde a pouco mais de 16% da população brasileira. É maior do que a população de muitos países do mundo, mas que, por uma falha histórica do Estado, acaba ficando sem qualquer tipo de vínculo trabalhista, direitos e garantias sociais ou qualquer acesso a bens e serviços”, explica a coordenadora de área de Desenvolvimento Rural do Ipea, Brancolina Ferreira.

A baixa qualidade da educação prejudica sensivelmente a qualidade de vida da população rural e o desempenho da agricultura familiar como um todo, “tanto em termos de produção, acesso e uso de novas tecnologias, como por não dar a eles conhecimentos sobre como reivindicar o que precisam”, avalia a pesquisadora.

As mulheres, segundo a pesquisadora, constituem um grande contingente (75%) dos trabalhadores não remunerados que fazem parte da população economicamente ativa. “São mais de 4 milhões de mulheres e pouco mais de 2 milhões de homens nessa situação”, informou Brancolina.”

(Agência Brasil)

59% dos brasileiros acreditam em Deus e também em Darwin

“Ao investigar as convicções sobre o desenvolvimento da espécie humana, pesquisa Datafolha mostrou que a maioria crê em Deus e em Darwin. Para 59%, o homem resulta de milhões de anos de evolução, mas guiada por um ente supremo, informa reportagem de Hélio Schwartsman publicada nesta sexta-feira pela Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal).

Um em cada quatro brasileiros, porém, acredita que o ser humano foi criado por Deus há menos de 10 mil anos. Para 8%, a evolução se dá sem interferência divina.

Os índices variam segundo a classe social e a educação. Quanto maiores a renda e a instrução, maior é a parcela de darwinistas e menor a de criacionistas, que dão mais peso à ação divina.

Os resultados se assemelham aos da Europa e contrastam com os dos EUA. Segundo pesquisa Gallup de 2008, lá os criacionistas somam 44%. Os evolucionistas com Deus, 36%, e os darwinistas “puros”, 14%.

O Datafolha ouviu 4.158 pessoas com mais de 16 anos. A margem de erro é de dois pontos.”

(Portal Uol)

Vacinação contra gripe suina é prorrogada

“O Ministério da Saúde informou nesta quinta-feira que a segunda etapa de vacinação contra a gripe suína –a gripe H1N1– foi prorrogada e deve acontecer até o dia 23 de abril. Nesta fase estão sendo imunizadas grávidas, crianças de seis meses a dois anos e portadores de doenças crônicas.

De acordo com a pasta, esta etapa de vacinação começou no dia 22 de março e deveria se estender até amanhã (2), mas em decorrência do feriado prolongado de Páscoa deverá seguir simultaneamente com a terceira etapa da campanha, que começa na segunda (5) e será destinada a população de 20 a 29 anos.”

(Folha Online)

Ministério do Trabalho reconhece entidade que faz oposição à ANDES

Atenção professores do ensino superior público do Ceará: 

O Ministério do Trabalho vai conceder, neste mês, o registro sindical para o Fórum de Professores das Instituições de Ensino Superior – Proifes, corrente sindical em oposição à Associação Nacional dos Docentes do Ensino Superior (ANDES).

O Profis surgiu por docentes que se desfiliaram da ANDES e nasceu em 2005 na Universidade São Carlos (SP), tendo como precursos o professor Gil Vicente Reis de Figueiredo.

Pré-estreia de Chico Xavier em Fortaleza é sucesso

eliomarexavier

Este repórter e o ator Chico Xavier.

A pré-estreia do filme “Chico Xavier”, nesta noite de terça-feira, em Fortaleza, foi um sucesso. Duas salas de cinema do Shopping Iguatemi foram pequenas para os convidados – jornalistas, cineastas, empresários da comunicação como Dummar Neto e Demócrito Filho (Grupo O POVO) e profissionais liberais que se emocionaram, riram e conheceram mais um pouco do homem que, embora espírita, transcendeu com seus ensinamentos e caridade.

O filme mostrou Chico Xavier criança, jovem e maduro com seus sofrimentos e crenças e alvo de questionamentos. Vez em quando chamado de charlatão, mas, na essência, um ser de luz que viveu em Uberaba (MG) pregando o amor e com livros psicografados e traduzidos para vários países com renda para a filantropia.

volneioliveira

Cineasta Volney Oliveira conferiu tudo.

Os atores Nelson Xavier (Chico adulto), Mateus Costa (Chico criança) e André Dias, o “Emanuel”, guia do médium, e Anselmo Vasconcellos (Perácio) conferiram a pré-estreia, ao lado de produtores do longa ligados à Leribi, do diretor Daniel Filho, Globo Filmes, Dowtown e Estação da Luz, esta representada pelo cearense Luis Eduardo Girão.

bassumagirão

Deputado Luis Bassuma e Luís Eduardo Girão.

O filme conta ainda no elenco com Tony Ramos, Cristianne Torloni, Giovana Antonelli, Giulia Gam, Paulo Goulart, Letícia Sabatella, Ana Rosa e Luís Melo. Vale ser conferido, porque tem mensagem de vida e de esperança. E é para ser assistido sem preconceitos.

carlasocorrofrança

Carla Soraya  e minha Socorro França.

DETALHE – Luís Bassuma é deputado federal pelo PV da Bahia e coordenador da Frente Parlamentar contra o Aborto.

Chico Xavier, o filme

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=BVjR8nbWEWw[/youtube]

Eis o trailer do filme “Chico Xavier”, de Daniel Filho, que está sendo lançado, em primeira mão, no Cine Iguatemi, nesta noite de terça-feira. A promoção tem apoio da ONG Estação da Luz, do empresário Luís Eduardo Girão.

O Adeus a Armando Nogueira

Será enterrado, no fim da manhã desta terça-feira, no Cemitério São João Batisst,a no Rio, o corpo do jornalista Armando Nogueira. Vítima de câncer, Armando passou 25 anos à frente da direção de Jornalismo da Rede Globo e foi um dos idealizadores do “Jornal Nacional”, que deu nova dimensão ao jornalismo televisivo no País.

Cronista esportivo brilhante, Armando Nogueira, com 10 livros publicados, assim descreveu Pelé: “É tão perfeito que, se não tivesse nascido gente, teria nascido bola”.

Microempresas têm até 4ª feira para entregar a Declaração 2010

A Receita Federal dá o lembrete: até esta quarta-feira (31), as micro e pequenas empresas que optaram pelo Simples Nacional devem entregar a declaração de 2010. A Declaração Anual do Simples Nacional (DASN) contém informações socioeconômicas e fiscais da empresa referentes a 2009.

O documento deve ser enviado à Receita Federal por meio do portal do Simples Nacional, na página da Receita na internet, no endereço www.receita.fazenda.gov.br. Caso a entrega não seja feita no prazo, a multa mínima será de R$ 200.

Os microempreendedores individuais também têm até quarta-feira para entregar uma declaração própria. O atraso acarreta multa mínima de R$ 50. O prazo, que originalmente venceria em 29 de janeiro, foi prorrogado para o fim do mês.

O Simples Nacional é um regime simplificado de pagamento de tributos que beneficia empresas com um faturamento anual de até R$ 2,4 milhões. O sistema unifica o recolhimento de seis tributos federais, o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), destinado aos estados, e o ISS (Imposto sobre Serviços), que é municipal.

Destinado a profissionais autônomos que recebem até R$ 36 mil por ano, o sistema de microempreendedor individual (MEI) unifica o recolhimento simplificado da contribuição para a previdência social e impostos para estados e municípios.”

(Agência Brasil)

Câmara inicia nesta 3ª feira debate sobre o Plano Nacional de Banda Larga

eunicioo

O presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados, deputado Eunício Oliveira (PMDB), marcou audiência pública para debater as propostas e a viabilidade do Plano Nacional de Banda Larga, em estudo no Governo Federal. A audiência, que será dividida em duas etapas: uma ocorrerá nesta terça-feira e a outra no próximo dia 8, atenderá ao requerimento da deputada Luiza Erundina (PSB-SP).

O objetivo é avaliar as metas do programa, as questões relacionadas à administração da rede, que deverá se formar entre todos os municípios brasileiros, a participação estatal no processo e o papel reservado à iniciativa privada. Segundo Eunício Oliveira, que já foi ministro das Comunicações, as propostas de universalização da internet em banda larga precisam chegar rapidamente ao Congresso Nacional para debate, visando um resultado prático, que é a oferta do serviço nas casas dos brasileiros.

Para a audiência desta terça-feira foram  convidados o presidente da Telebrás, Jorge da Motta e Silva; o secretário de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, Rogério Santana; o presidente-executivo da Abrafix, José Fernandes Pauletti; o presidente da Abrappit, Ricardo Lopes Sanchez; e o presidente da Informática de Municípios Associados, Pedro Jaime Ziller.
 
NOVO ENCONTRO
 
Para a segunda audiência, marcada para o dia 8 de abril, às 9h30, foram convidados o presidente da Anatel, Ronaldo Sardenberg; o secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Roberto Pinto Martins; o presidente da Abranet, Eduardo Fumes Parajo; o presidente-executivo da TelComp, Luis Cuza; o presidente da Anid (Associação Nacional da Inclusão Digital), Percival Henriques de Souza Neto; e o coordenador do Programa de Inclusão Digital da Presidência da República, Cezar Alvarez.

(Foto – Paulo Moska)

Corpo de Armando Nogueira é velado no Estádio do Maracanã

armandonogu

“O velório do ex-diretor da Central Globo de Jornalismo e comentarista esportivo Armando Nogueira, de 83 anos, começou por volta das 14h40 desta segunda-feira (29), na Tribuna de Honra do Estádio do Maracanã, na Tijuca, Zona Norte do Rio. O jornalista morreu por volta das 7h desta segunda-feira (29), em seu apartamento, na Lagoa, na Zona Sul do Rio, em consequência de um câncer no cérebro.

 
Armando Augusto Magalhães Nogueira, mais conhecido como Manduca, filho único do jornalista Armando Nogueira, chegou por volta das 14h30 no velório. Ele contou que o estádio do Botafogo, time pelo qual o pai torcia, foi oferecido, mas a escolha pelo Maracanã se deu “porque esse era o endereço do Armando Nogueira todos os domingos”. “Ele não era cronista de um time só, era o cronista do futebol”, completou.
 
Muitos amigos e parentes chegam ao local para se despedir do jornalista. O vice-presidente das Organizações Globo, João Roberto Marinho, afirmou que Armando Nogueira mudou a linguagem do telejornalismo brasileiro.
“Armando foi um companheiro maravilhoso no plano pessoal, uma pessoa cativante, adorável. No plano profissional, Armando mudou a linguagem do telejornalismo brasileiro. A televisão começou no Brasil a partir do rádio, então tinha uma linguagem totalmente radiofônica. Armando na TV Globo construiu toda uma linguagem voltada para a televisão com um rigor fantástico na precisão da informação e na qualidade do texto, quando trouxe um padrão de qualidade. Acho que se o Jornal Nacional hoje é o ponto de encontro da maioria dos brasileiros, ele é feito por uma equipe que na grande maioria é de discípulos do Armando, foram todos formados pelo Armando. Armando deixa para nós uma inspiração, mais do que uma lembrança, uma inspiração”, disse João Roberto Marinho.”
(Portal G1)

Na disputa, a vez do Serra paz e amor

Com o título “Serra: a estratégia do camaleão”, o publitiário Ricardo Alcântara analisa as perspectivas do presidenciável tucano.

Os motivos de José Serra para não posicionar sua estratégia eleitoral em oposição frontal ao governo Lula encontram-se perfeitamente justificados, uma vez mais, pelos números da recente pesquisa Datafolha.

A premissa só precisa de um único dado para se revestir de consistente fundamentação: apenas 4% dos brasileiros avaliam o governo de Lula como ruim ou péssimo. Dentro da margem de erro, quer dizer: “oposição zero”.

Em outros termos: a realidade está impermeável ao gotejamento crítico. Só há dois tipos com disposição para uma briga dessas: os francoatiradores e os suicidas compulsivos – nenhum deles combina com o figurino de Serra.
 
Outro dado – secundário, mais volátil, serve à postura de neutralidade: entre os que aprovam o governo (“bom” e “ótimo”), é igual o percentual de eleitores que votam em Serra ou Dilma: 32% e 33%, respectivamente.
 
Como, por força de um processo de escolha que se dá por método de exclusão, o tucano já teria seu nome consolidado entre os eleitores à direita – o “voto liberal” – ele deverá, agora, buscar a conquista de novos espaços.
 
Logo, será com propostas mais identificadas com a esquerda, de maior apelo social, que Serra tentará se postar como o “sucessor mais qualificado” para avançar a partir dos bons resultados obtidos até então.
 
Receberão atenção maior os temas de Saúde, onde o candidato já agregou grande credibilidade em sua ação pública, e Emprego, sempre uma boa causa – ainda mais para ele, sensível às prioridades do setor produtivo.
 
Como um camaleão, Serra tentará incorporar as expectativas de quem pretende continuidade nas políticas de centroesquerda, oferecendo ao eleitor o aval de sua biografia, pública e pessoal.
 
Vem aí o menino pobre que venceu por méritos próprios. O líder estudantil exilado. O desenvolvimentista. O gestor brilhante. O político de atitudes ponderadas, recomendáveis para o exercício do cargo.
 
Não será, como gostariam os aliados do DEM e tucanos conservadores como Tasso Jereissati e Artur Virgílio, o opositor raivoso. A estratégia será “individualizada”, sustentada na trajetória do candidato.
 
O que aqui se projeta não é um exercício de quiromancia, mas uma avaliação fundamentada tanto na sinalização das pesquisas quanto nos primeiros gestos públicos do candidato. Se terá êxito, logo saberemos.

Os dois anos sem Isabella serão lembrados nesta 3ª feira com missa

nardo

“Os dois anos da morte de Isabella Nardoni serão lembrados por amigos e parentes amanhã, em uma missa às 20h, na paróquia Nossa Senhora dos Prazeres, na Parada Inglesa (zona norte de São Paulo).

Veja como foi o julgamento o caso Isabella minuto a minuto
Leia cobertura completa sobre o caso Isabella
Casal Nardoni é condenado pela morte de Isabella
Leia íntegra da sentença do casal Nardoni

Segundo a paróquia, a família preferiu realizar a missa um dia depois do aniversário da morte da menina. Ela morreu em 29 de março de 2008, aos 5 anos. Ainda segundo a igreja, Ana Carolina Oliveira permitiu que a comunidade fosse convidada a participar da celebração.

Reprodução
 
Ana Carolina Cunha de Oliveira e a filha, Isabella, 5, que caiu do sexto andar de prédio

Neste fim de semana, a mãe de Isabella que agora pode “retomar a vida”, após a condenação do casal Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, pai e madrasta da menina, acusados pelo crime. “A ficha está caindo. Ainda estou numa fase de processamento, mas acredito que agora posso retomar minha vida de novo, numa nova fase.”

Os acusados foram condenados por homicídio triplamente qualificado e fraude processual (por ter alterado a cena do crime). De acordo com a sentença, o pai de Isabella foi condenado a 31 anos, um mês e dez dias de prisão por homicídio triplamente qualificado: por ter sido usado meio cruel, recurso que dificultou a defesa da vítima, e para garantir a ocultação de crime anterior. Já Anna Carolina foi condenada a 26 anos e oito meses de prisão.

A defesa afirmou que vai pedir que o casal seja julgado novamente, de acordo com a lei, em vigor na época do crime, que previa novo júri popular automático em casos de condenações iguais ou superiores a 20 anos de detenção.”

(POrtal Uol)