Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Operação Zelotes fecha sua primeira delação premiada

Após mais de dois anos de atuação, a Operação Zelotes teve sua primeira delação premiada homologada pela Justiça Federal, informou hoje (11) o Ministério Público Federal (MPF). O acordo foi com o réu Paulo Roberto Cortez, ex-integrante do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf).

Em troca do desbloqueio de seus bens e de ter sua pena limitada a um ano de prestação de serviços comunitários, Cortez deu detalhes sobre o esquema para fraudar decisões do Carf, que é a última instância de recursos administrativos conta a cobrança de impostos e onde, em geral, são julgadas dívidas milionárias com a Receita.

Cortez, que também devolverá R$ 312 mil aos cofres da União, se comprometeu a dar informações e documentos referentes a seis casos investigados na Zelotes, entre eles, o inquérito que envolve o Bank Boston, cujo esquema foi um dos alvos mais recentes de ações da Polícia Federal (PF).

De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), o suposto esquema de corrupção envolveu pagamento de propina para cancelar ou reduzir multas aplicadas ao banco. Em um dos casos, uma autuação tributária avaliada pela Receita Federal em aproximadamente R$ 600 milhões foi reduzida em 70%.

Paulo Roberto Cortez é auditor aposentado da Receita Federal e foi conselheiro do Carf entre 1992 e 2009.

(Agência Brasil)

Maciço de Baturité ganha barragem que garante água para 13 mil famílias

O governador Camilo Santana e o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, inauguraram, nesta sexta-feira, a Barragem Germinal,que fica entre os municípios de Palmácia e Pacoti. O equipamento, que represa o Rio Pacoti, vai suprir a demanda de água para o abastecimento público da região, beneficiando mais de 13 mil famílias do Maciço de Baturité, informa a assessoria de imprensa do governo estadual.

Além da obra, que recebeu investimento de R$ 22 milhões, está prevista para este ano, ainda, a instalação de adutoras, ampliando a oferta hídrica nessas localidades.

Durante a solenidade, o governador Camilo Santana disse que medidas para garantir o abastecimento não só ocorrem no Interior como na Capital e Região Metropolitana. “Vamos inaugurar, em setembro, uma ação inovadora no Brasil: os poços direcionais, que vão possibilitar a garantia de, no mínimo, 10% do consumo de água de Fortaleza”, informou.

Camilo adiantou que está dando continuidade às ações emergenciais e programadas no Plano de Convivência com a Seca e no Plano de Segurança Hídrica da RMF, em parceria com o ministério. “Vamos deixar o (consumo do) Complexo Portuário do Pecém totalmente independente do açude Castanhão e das Bacias Metropolitanas”, garantiu.

Já o ministro Hélder Barbalho anunciou que o Governo do Ceará está autorizado a acelerar as obras do Cinturão das Águas do Ceará (CAC), para que as águas da Transposição do Rio São Francisco cheguem com mais celeridade. “O repasse dos recursos para o CAC está em dia. Este projeto tem nos unido de forma incansável”, disse. “Vamos continuar a parceria com o Estado para garantir a oferta hídrica para os municípios e as comunidades. Estamos investindo em barragens e adutoras e nas obras da Transposição e do CAC para os anos de 2017 e 2018”, comprometeu-se.

DETALHE – Estavam presentes ao ato os deputados federais Odorico Monteiro, que preside o PSB, Raimundo Gomes de Matos (PSDB), bem com os deputados estaduais Evandro Leitão (PDT),  Agenor Neto (PMDB), Leonardo Araújo (PMDB) e o presidente da Assembleia,  Zezinho Albuquerque (PDT).

(Fotos – Divulgação)

Bolsonaro já posa de pré-candidato a presidente durante entrevista à AFP

75 2

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC/RJ), que é identificado por muitos como um justiceiro que pretende acabar com a violência, a corrupção e a homossexualidade, definiu-se como o “patriota” de que o Brasil precisa, ao declarar à AFP que é pré-candidato à Presidência em 2018. “O Brasil poderia ter um código penal que protegesse o cidadão de bem, fizesse valer (…) a legítima defesa e desse uma retaguarda jurídica para o policial poder desempenhar bem seu trabalho”, disse em coletiva de imprensa dada na quinta-feira no Rio de Janeiro.

Este ex-capitão do Exército de 62 anos aparece em segundo lugar em várias pesquisas de intenção de voto para as eleições de outubro de 2018, cujas candidaturas só poderão ser definidas entre julho e agosto do ano que vem.

Com um leque de propostas que inclui o direito ao porte de armas, ele abre caminho em meio a um eleitorado cansado de escândalos envolvendo políticos e da violência. Nas pesquisas, ele só é superado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010) e está praticamente empatado com a líder ambientalista Marina Silva (Rede).

“Vivemos no país da corrupção (…) Está em jogo o futuro do Brasil”, enfatizou.

Ao se projetar na Presidência, Bolsonaro se imagina “um presidente honesto, patriota, que pensa em verde e amarelo e que tem Jesus no coração”.

Embora na coletiva tenha evitado declarar oficialmente a intenção de lançar sua candidatura, à espera de um acordo com o Partido Patriotras, antes conhecido como Partido Ecológico Nacional (PEN), não deixou dúvidas em declarações posteriores à AFPTV.

“Sou pré-candidato às eleições presidenciais do ano que vem e estamos costurando aí a melhor maneira para enfrentar esse pleito”, afirmou.

Adepto de declarações provocadoras e grosseiras, costuma ser tachado de racista, homofóbico e misógino. Em 2016, votou pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff, dedicando seu voto ao coronel Brilhante Ulstra, que a torturou durante a ditadura militar (1964-1985).

Em uma escandalosa aparição pública, chegou a dizer, em 2014, à deputada Maria do Rosário (PT/RS) que “nunca a estupraria porque ela não merece” e a afirmar que preferiria que um filho seu morresse a ser gay.

“[Bolsonaro] está fora da elite política tradicional, (mas) domina a arte de fazer sua mensagem chegar às pessoas”, afirmou o cientista político David

Fleischer, da Universidade de Brasília. Seus comentários ofensivos alternam com o tom ameno e relaxado que demonstra no contato com seus eleitores.Sua popularidade se reflete nos 4,5 milhões de “likes” que seu perfil tem no Facebook, contra 2,3 milhões na conta de Lula.

Apesar da incredulidade que sua ascensão causa no próprio Congresso, Bolsonaro foi o legislador mais votado em seu estado em 2014. E, desde então, sua imagem só cresceu, a galope de uma sociedade exausta da corrupção e de crises econômicas.

Uma de suas principais armas de marketing político é se apresentar como uma das poucas figuras nacionais que não foi enlameada pela gigantesca trama de corrupção na Petrobras, revelada pela Operação Lava Jato. Uma lista que inclui o próprio Lula, o presidente Michel Temer e dezenas de legisladores com mandato vigente.

Até outubro de 2018, muita água vai correr debaixo da ponte de um Brasil atormentado, que sai a duras penas da pior recessão de sua história.Lula e Bolsonaro podem liderar as intenções de voto atualmente, mas também têm altos índices de rejeição, o que demonstra que há um espaço importante a ser conquistado por um candidato de centro.

(Com AFP)

Carlos Lupi, Ciro e Cid participam de encontro do PDT em São Gonçalo do Amarante

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, é um dos convidados do encontro regional do PDT com lideranças da Região Metropolitana de Fortaleza. O encontro ocorrerá neste sábado, a partir das 9 horas, em São Gonçalo do Amarante.

Além de Lupi, já confirmaram presença Ciro Gomes, pré-candidato a presidente da República, Ciro Gomes, e Cid Gomes, pré-candidato ao Senado.

À frente dos trabalhos, o deputado federal André Figueiredo, que é o presidente regional do partido. A ordem é animar as bases já de olho nas eleições de 2018.

O PDT, bom lembrar, apoia a reeleição do governador Camilo Santana (PT).

(Foto – Paulo MOska)

Fortaleza será sede do XXX Congresso Brasileiro de Agronomia

Fortaleza será sede, no período de 12 a 15 de setembro próximo, no Marina Park Hotel, do XXX Congresso Brasileiro de Agronomia(CBA). O evento é uma realização da
Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil (CONFAEAB) e, neste ano, será chancelado pela Associação de Engenheiros Agrônomos do Ceará (AEAC).

O congresso conta com o apoio do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea-CE), da Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea (Mútua) e do Sindicato dos Engenheiros no Estado do Ceará (Senge-CE).

A previsão é de que pelo menos 1.500 profissionais da agronomia e da engenharia participem do evento que, entre vários temas, discutirá segurança hídrica.

VII FestCine Maracanaú já está com inscrições abertas

Vem aí o VII FestCine Maracanaú – Festival de Cinema Digital e Novas Mídias. O evento, que coloca a Região Metropolitana de Fortaleza no mapa dos circuito dos festivais de cinema, já está com inscrições abertas para as mostras competitivas de longas e curtas-metragens e serão recebidas até o dia 15 de novembro próximo.

O festival acontecerá de 21 a 25 de novembro, no Cineteatro Dorian Sampaio, e, além das mostras competitivas, também promoverá palestras e seminários.

Inscrições

Podem ser inscritos filmes e vídeos de estados, de cidades do estado do Ceará, municípios brasileiros e também qualquer país, produzidos a partir de 2014, finalizados no formato digital. Para a Mostra Rodolfo Teófilo, podem ser inscritos filmes e vídeos de realizadores da Região Metropolitana de Fortaleza, com duração de até 20 minutos. A ficha de inscrição, regulamento e envio de material no site www.festmaracanau.com.br. ´

O FestCine Maracanaú – Festival de Cinema Digital e Novas Mídias é realizado pela Alfa 2 Comunicação e Entretenimento. Produção: Abraham Filmes e Estúdio Digital. Parceria: Prefeitura Municipal de Maracanaú e Fundação Cultural de Maracanaú.

(Foto – Divulgação)

O sentido da política e a política sem sentido

Com o título “O sentido da política e a política sem sentido”, eis artigo do jornalista e sociólogo Demétrio Andrade. Uma boa reflexão sobre o momento atual do País. Confira:

Há vários problemas que vêm se repetindo historicamente no Brasil e que se tornaram mais evidentes desde as manifestações de 2013, passando pelo impeachment da presidenta Dilma, mediante o golpe parlamentar, as investigações da Lava-Jato e a tentativa de deposição do atual presidente Michel Temer. Embora o conflito seja inerente à luta política, o sentido maior desta atividade humana deveria ser a busca de consensos em nome do bem comum.

Porém, o que se observa hoje no país é que não estamos suficientemente amadurecidos para crescer a partir da divergência. Pelo contrário, o que se pratica é o aprofundamento das discordâncias, do ódio de classe, da briga insana entre esquerda e direita, da execração pública de personagens, das rugas que desfazem até mesmo relações pessoais, como se estas facetas tivessem um fim em si mesmas. Pelo contrário: são, no máximo, um ponto de partida, a explicitação de uma situação sobre a qual é preciso reflexão e debate.

O ponto de chegada, este sim, necessita de negociação entre as partes.

O fim da política é o acordo. O seu propósito é a melhor coexistência coletiva possível. O seu sentido é a liberdade. O seu método mais adequado – mesmo com vários problemas – é a democracia. Insisto em citar Hannah Arendt: a política se dá no entre-homens, ou seja, sua vocação é relacional.

Portanto, não se trata a priori de convencer ao outro sobre o meu ponto de vista. Claro que tal ação é legítima e possível, mas a essência da política é a convivência – amistosa ou, pelo menos, respeitosa – com opiniões e práticas diferentes. Isso dito, não há cabimento pessoas romperem relacionamentos – virtuais ou não – por conta da diversidade de pensamento.

Abre-se exceção, evidentemente, quando determinada concepção discrimina, agride, fere, cerceia direitos, mata outras pessoas. Mas aí, que fique claro, o sentido original da política é distorcido: não há democracia, nem diálogo, nem consenso.

Em meio ao caos vivido no país, a imprensa e os analistas políticos – notoriamente os ligados ao meios de comunicação de massa –, vêm prestando um imenso desserviço aos brasileiros. A política e os políticos e diversas instituições são colocados numa vala comum de corrupção e baixo nível de debate. As notícias, as práticas, as diferenças e as contradições são mostradas somente pelo lado negativo. E a população fica com a sensação de é melhor tocar fogo em tudo. Não é.

A sociedade precisa ser responsabilizada. Os políticos foram colocados lá por nós. As decisões foram tomadas com o aval de todos através do voto. E enquanto se pensar que os políticos “são todos iguais” é patente o risco das más escolhas se repetirem na próxima eleição. Afinal, se “são todos iguais” pode-se votar “em qualquer um”, pois “nada vai mudar”.

Por conta deste tipo de associação rebaixada, chegamos onde chegamos. O próprio estado democrático de direito está em xeque. Chega de política sem sentido. É hora de reencontrarmos o real sentido da política.

*Demétrio Andrade

Jornalista e sociólogo.

UFC é destaque no quesito transparência e acesso à informação

Henry Campos é o reitor da UFC

A Universidade Federal do Ceará é destaque nacional nos indicadores da Lei de Acesso à Informação de 2016. A UFC respondeu a 100% dos pedidos de informação feitos via Sistema de Informação aos Cidadãos (SIC) em 2016, realizou os atendimentos em 7,3 dias em média (o prazo estipulado em lei é de 20 dias) e solicitou prorrogação de prazo em apenas 5,84% dos casos. Anuncia a assessoria de imprensa da Instituição.

As informações fazem parte de um levantamento feito pelo jornalista Cristiano Alvarenga, com o desempenho de todas as universidades federais no SIC, com base em dados coletados no Portal da Transparência.

A partir desses indicadores, Alvarenga criou o Ranking da Transparência, colocando a UFC em terceiro lugar nacional de 63 universidades pesquisadas. Dessas, 37 responderam a todas as solicitações dentro do prazo legal. Na liderança do ranking, está a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) e a Universidade Federal do Tocantins (UFT).

“Isso representa uma mudança de cultura dentro da Universidade, que passou a enxergar como muito importante informar suas atividades ao cidadão”, diz Fernando Henrique Carvalho, coordenador do e-SIC na UFC. O coordenador destaca ainda o papel da administração da Universidade, que priorizou esses atendimentos, e a dedicação da equipe que gerencia o e-SIC e realiza o acompanhamento dos prazos de resposta.

Ministério da Agricultura vai contratar 300 veterinários em regime temporário

Foi publicado hoje (11) no Diário Oficial da União o edital para a contratação temporária de 300 veterinários para trabalhar na inspeção de antes e depois do abate dos frigoríficos. As inscrições serão abertas no dia 14 de agosto. A prova será no dia 17 de setembro e o resultado será divulgado no dia 6 de novembro.

As contratações foram solicitadas pelo ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, ao ministro do Planejamento, Dyogo de Oliveira, no fim de junho, com o objetivo de superar problema criado pela necessidade de contratar auditores fiscais até que seja realizado concurso público para aumentar o quadro desses profissionais.

Maggi ressaltou na ocasião que a falta de pessoal impede, por exemplo, a abertura de plantas frigoríficas, o que atrasa o aumento da produção nacional.

Os profissionais serão contratados por um ano, com a possibilidade de prorrogação por mais um ano. O salário será de R$ 6.710,58. A Escola de Administração Fazendária (Esaf) é a organizadora responsável pela seleção. Do total de vagas, 20% serão reservadas para pessoas negras.

Os candidatos devem ter diploma de curso de nível superior em medicina veterinária e registro ativo nos conselhos regionais ou federal de medicina veterinária. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais.

A prova objetiva, composta de 40 questões, será aplicada no dia 17 de setembro. Também serão avaliados a experiência dos candidatos e seus títulos. As questões objetivas serão aplicadas em Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Goiânia, Manaus, Palmas, Porto Alegre, Porto Velho, Recife, Rio Branco, Salvador, São Luís, São Paulo e Teresina.

SERVIÇO

*As inscrições podem ser feitas no site  de 14 a 20 de agosto. A taxa é R$ 100,00.

(Agência Brasil)

TRT-5 lança pregão para contratar empresa com experiência em aulas de corrida e caminhada

Saiu no Diário da Justiça aviso de licitação, via pregão eletrônico, do interesse do Tribunal Regional do Trabalho – 5ª Região destinado a contratação de empresa com qualificação profissional e com experiência para assessorar magistrados e servidores em aulas de corrida e caminhada.

O pregão eletrônico está marcado para o próximo dia 22, às 13 horas, em Salvador (BA).

VAMOS NÓS – Daqui ficamos torcendo para que isso ajude a Justiça baiana a ficar bem mais, digamos, rápida.

Cabo Sabino anuncia apoio ao presidenciável Jair Bolsonaro

200 6

O deputado federal Cabo Sabino (PR) vai apoiar o nome do deputado federal Jair Bolsonaro (PTB-RJ) para presidente da República em 2018. Foi o que ele revelou durante entrevista nesta sexta-feira para o Blog.

O parlamentar diz que fez tal opção por constatar que Bolsonaro, ao longo de sua trajetória política de 28 anos, apresenta uma “conduta ilibada”.

Sobre as eleições no Ceará, garantiu que, embora tenha respeito pelo governador Camilo Santana (PT), não poderá apoiá-lo e continua atuando no campo da oposição.

Cabo Sabino explica que não dá para apoiar um nome que conta com o respaldo dos Ferreira Gomes.

Luizianne Lins é conferencista do I Congresso Estadual dos Jornalistas

A deputada federal Luizianne Lins (PT), também professora licenciada do curso de Jornalismo da UFC, participará, neste sábado, do painel “Trabalho decente para os jornalistas no contexto das contrarreformas”, dentro do I Congresso Estadual Extraordinário de Jornalistas. O papo começa às 11 horas, no Centro Cultural Belchior.

Com ela, nesse painel, estarão Maria José Braga, presidente da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), e Carlos Chagas, advogado trabalhista e sindical.

A mediação ficará por conta de Samira de Castro, presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Ceará.

(Foto – Agência Câmara)

História do Ceará nos séculos XVIII e XIX é retratada em livro

Nesta sexta-feira, às 19 horas, no auditório do prédio-anexo da Assembleia Legislativa, Pedro Luiz Cândido de Oliveira, pesquisador de história regional, lançará o livro “Sesmarias do Tempo – de Portugal ao Sertão do Brasil, notícias aventurosas de quatro homens entre os séculos XVIII e XIX”.

O livro é uma investigação genealógica, sociológica e histórica que conta a saga de quatro gerações de homens, desde Portugal, passando por Pernambuco até chegar ao sertão do Centro-Sul do Ceará, tendo como pano de fundo as grandes transformações do Brasil e do Ceará naqueles séculos. Do apogeu ao declínio dos ciclos do açúcar, da pecuária, do algodão, as mudanças e conflitos políticos.

A publicação traz novas informações históricas e elucida mistérios genealógicos de séculos. É ricamente documentado, sendo resultado de vários anos de pesquisa em fontes primárias (civis e eclesiásticas), fontes da tradição oral, na historiografia existente e também de viagens de pesquisa a Pernambuco e Portugal.

Nas vidas e peripécias desses quatro homens antigos, podem ser vislumbradas as camadas da história do Ceará e do Nordeste. O trabalho de investigação e o esforço imaginativo para recapturar aquele mundo deslembrado, suas cores próprias, sua dinâmica peculiar, as misteriosas inter-relações existentes e, olhando ainda mais de cima, o momento histórico em que viveram, buscando ver o que viam e pensar o que pensavam.

DETALHE – O livro está sendo elogiado por críticos renomados, que o leram em primeira mão.

(Foto – Ilustrativo)

PMDB pede ao TSE suspensão de seis deputados por desobediência partidária. Na lista, Vitor Valim

O presidente do PMDB nacional, senador Romero Jucá (RR), enviou ofício ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, pedindo a suspensão da atividade partidária em todos os níveis, e também de eventuais funções de direção partidária, por 60 dias, dos deputados federais Vitor Valim, Veneziano Vital do Rego (PB), Celso Pansera (RJ), Laura Carneiro (RJ), Sérgio Zveiter (RJ) e Jarbas Vasconcelos (PE).

No ofício, Jucá esclarece que a Comissão da Executiva Nacional do PMDB decidiu, por unanimidade, em reunião no dia 12 de julho passado, aprovar proposta da bancada do partido na Câmara dos Deputados pelo fechamento de questão contra a denúncia por crime do Ministério Público Federal (MPF) contra o presidente da República, Michel Temer, e contra o parecer do deputado Sérgio Zveiter na questão, por falta de “fundamentação hábil e proporcionalidade”.

Romero Jucá explicou que o PMDB tem, como princípios básicos, a admissão de divergências entre seus membros e a existência de correntes de opinião, “desde que não ponham em risco a sua unidade, estrutura e sobrevivência”. Jucá ainda afirma que existe, no país, um sistema político pluripartidário, “não havendo qualquer obrigação para que determinado filiado permaneça nos quadros dos respectivos partidos políticos”.

(Foto – Agência Câmara)

Comediante Nando Viana fará show em Fortaleza

Nando Viana, apresentador, roteirista e um dos destaques do humor brasileiro, fará show, pela primeira vez em Fortaleza com o seu novo espetáculo de stand-up comedy “A Vida Não Tá Nem Aí Pro Teu Planejamento”. Será neste sábado, às 21 horas, em apresentação única no Teatro do Humor & Cultura Cearense.

Depois dos grandes sucessos “Da Turma do Fundão desde 1981”, solo que está disponível na Netflix e que deu origem ao seu primeiro DVD e “A Culpa é do Cabral”, programa exibido atualmente pelo canal a cabo Comedy Central, Nando chega com o seu novo projeto, resultado de suas melhores piadas, com histórias da sua vida de maneira cômica e utilizando-se do mais fino humor para analisar o comportamento humano.

Giro pelo Brasil

O espetáculo “A Vida Não Tá Nem Aí Pro Teu Planejamento” já passou por cidades como Curitiba, Florianópolis, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Brasília e depois de uma temporada de muito sucesso em Porto Alegre, com seis sessões lotadas, estreia no Nordeste. “É a hora de quem me assistiu pelo Netflix ou quem assiste os episódios no Comedy Central, me conhecer e ver meu novo show”, convida Nando Viana.

SERVIÇO

*Teatro do Humor & Cultura Cearense (Rua Oswaldo Cruz, 01/Loja 09 – Meireles)
*Ingresso: Inteira R$ 50,00 / Meia R$ 25,00 – Podem ser adquiridos: bit.ly/2vGnxxy e bit.ly/2ui572n ou pela bilheteria do teatro.
Classificação indicativa: 14 anos.

(Foto – Divulgação)

 

Servidores de carreira do BC são indicados para cargos de diretoria

O presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, indicou dois servidores de carreira da instituição para ocupar cargos de diretor. Em nota, o BC diz que Goldfajn apresentou ao presidente da República, Michel Temer, os nomes de Maurício Costa de Moura e de Paulo Sérgio Neves de Souza para ocupar os cargos de diretor de Administração e de diretor de Fiscalização, respectivamente.

O servidor Maurício Moura ocupa desde 2015 o cargo de chefe do Gabinete do Presidente. Paulo Sérgio de Souza ocupa desde agosto de 2015 a chefia do Departamento de Supervisão Bancária . Os servidores ainda precisam ser sabatinados e aprovados pelo Senado Federal para ocupar os cargos.

Segundo o BC, o diretor Anthero de Moraes Meirelles deixará o cargo, a pedido, após 10 anos na Diretoria Colegiada, onde ocupou as diretorias de Administração (2007 a 2011), de Regulação (fevereiro a abril de 2015) e de Fiscalização (2011 a 2017).

Também a pedido, o diretor Luiz Edson Feltrim deixará o cargo após cinco anos na Diretoria Colegiada, onde ocupou as diretorias de Relacionamento Institucional e Cidadania (2012 a 2016) e de Administração (desde 2015), e após 43 anos de carreira no BC.

“Em nome do Banco Central, o Presidente Ilan Goldfajn agradece aos Diretores Anthero Meirelles e Luiz Edson Feltrim pelos relevantes serviços prestados ao Banco Central e, especialmente, à Diretoria Colegiada”, encerra a nota do BC.

(Agência Brasil)

Jean Wyllys diz que País corre risco até de não ter eleições em 2018

284 9

O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) disse, nesta sexta-feira, para o Blog que o Brasil corre, entre várias possibilidades, até mesmo o risco de não se ter eleição em 2018. Ele cita as articulações em favor do Parlamentarismo. Jean explica que o País vive sob um golpe e que isso não dá a certeza de que possa vir o pleito.

Jean Wyllys afirma que há risco de se aprovar o Parlamentarismo, hoje tese defendida principalmente por tucanos como o presidente interino da legenda, o senador Tasso Jereissati, sobretudo se o ex-presidente Lula vier a ter condições de disputar.

Sobre a Operação Lava Jato, o parlamentar assim se manifestou:

“A Lava Jato é partidária, não é operação republicana. Se fosse republicana ,o Aécio já estaria preso.  É uma operação que se concentrou num partido no esforço de tirar esse partido – no caso o PT, do condomínio do Poder.

Nesta manhã de sexta-feira, o deputado Jean Wyllys ainda esteve nos estúdios da Rádio O POVO/CBN, onde deu entrevista ao jornalista Luis Viana, âncora do programa “O POVO no Rádio”.

(Foto – Paulo MOska)

Temer e DEM articulam para tirar João Doria do PSDB

O presidente Michel Temer (PMDB) e o DEM cresceram os olhos para cima do prefeito de São Paulo, João Doria, e passaram a articular nos bastidores para tirá-lo do PSDB. Ambos tentam seduzir o tucano com a oferta de lançá-lo candidato à Presidência da República nas eleições de 2018. Segundo o jornal Estado de S.Paulo, Temer disse ao prefeito que “as portas do PMDB estão abertas” para que ele dispute o Planalto. A informação é da Veja.

Temer fez o convite durante um encontro com o tucano na Prefeitura de São Paulo, na segunda-feira. A ideia dos partidos é aproveitar as cisões internas do PSDB para garantir uma candidatura estável a Doria. No momento, o único político da sigla que admite publicamente a intenção de concorrer à Presidência é o governador paulista, Geraldo Alckmin — padrinho político de Doria. Para evitar constrangimentos, o prefeito nega que tenha o interesse de disputar a indicação do partido com Alckmin, seu criador.

Para o DEM, a alternativa seria lançar a candidatura de Doria em uma chapa composta por políticos nordestinos. Os nomes cogitados são o do prefeito de Salvador, ACM Neto, e o do ministro da Educação, Mendonça Filho. A moeda de troca seria o apoio do paulistano às candidaturas do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ao governo do Rio de Janeiro e do senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) ao governo de Goiás.

A assessoria de Temer negou que o presidente tenha feito o convite a Doria. O presidente do DEM, senador José Agripino (RN), também rechaçou qualquer articulação para trazer o prefeito ao partido. Por ora, as tratativas são tratadas em sigilo para evitar represálias de Alckmin. Segundo o Estado, a mudança de sigla só será cogitada por Doria se a cúpula vetar sua candidatura ao Planalto. O presidente interino do partido, senador Tasso Jereissati (CE), e outros quadros históricos, como o o ex-governador Alberto Goldman e José Aníbal, são nomes que desaprovam a escolha do prefeito.

Com redução de 543 mil benefícios em um mês, Bolsa Família tem o maior corte da história

O número de beneficiários pagos pelo Bolsa Família em julho registrou a maior redução em relação a um mês anterior desde o lançamento do programa, em 2003. Entre junho e o mês passado, o número de benefícios encolheu em 543 mil famílias. A informação é do Portal Uol, que adianta ter afeito o levantamento. O corte inclui suspensões para avaliação e cancelamentos.

Em julho, o programa pagou ao todo 12.740.640 famílias. O número de bolsas pagas foi o menor desde julho de 2010, quando foram pagas 12.582.844 bolsas. Se compararmos julho de 2014 com o mesmo mês de 2017, houve uma redução de 1,5 milhão de bolsas pagas.

Mesmo com os cortes, segundo a Uol, ainda há mais de meio milhão de famílias na lista de espera para ingressar no programa, sem previsão.

O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário foi procurado e culpou a política econômica do governo Dilma Rousseff (2011-16) pela redução.

*Com Portal Uol, veja aqui.

Moreira Franco vai depor como testemunha de defesa de Cunha

Moreira Franco, o secretário-geral da Presidência da República, conhece Eduardo Cunha como poucos, e vice-versa. Por isso, tem tudo para ser interessante o depoimento do ministro à 10ª Vara da Justiça Federal em Brasília. A informação é da Coluna Radar, da Veja Online.

Ele foi arrolado como testemunha de Cunha e comunicou ao Judiciário que estará à disposição no dia 16. Mas isso não significa que Moreira esteja alinhado com o ex-presidente da Câmara, muito pelo contrário.

Cunha já deixou claro que, se fechar uma delação premiada, Moreira será a estrela de alguns capítulos importantes que ele entregará aos procuradores

Ou seja, ninguém deve se surpreender – Moreira, menos ainda – caso a inclusão do ministro como voz da defesa sirva somente para intimidá-lo com perguntas comprometedoras.