Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Quem sofre de lúpus pode ficar isento do Imposto de Renda

Uma proposta que inclui o lúpus entre as doenças que permitem a isenção de pagamento de Imposto de Renda está na pauta do Plenário da Câmara. O lúpus é uma doença rara que atinge o sistema imunológico. O projeto (PL4703/12) foi incluído entre outras propostas que listam outras doenças possíveis de isenções de pagamento do imposto.

O deputado César Colnago, do PSDB do Espírito Santo, lembrou que o tratamento do lúpus é feito com remédios que são caros e, portanto, a sobrevida e o controle da doença estão diretamente relacionados à condição socioeconômica do doente. Segundo Colnago, a isenção no pagamento do Imposto de Renda vai permitir que esses recursos sejam utilizados para o bem-estar do paciente.

“O lúpus é uma doença extremamente grave. Ela altera muito o funcionamento de vários sistemas e órgãos do corpo humano e, com certeza, debilita muito, tem uma morbidade muito grande. E o portador de lúpus demanda medicações que são caras, muita atenção, muitas vezes hospitalização. Não é uma doença simples.”

Edson Caroni é portador de lúpus. Atualmente a doença está sob controle, mas já causou a perda de seus rins. Edson Caroni afirmou que o não pagamento do imposto vai minimizar um pouco o sofrimento dos pacientes que precisam investir muitos recursos para seu tratamento.

“A isenção no Imposto de Renda é uma retribuição ao sofrimento dos pacientes dessa doença autoimune pelos custos dele, pelo transporte, não só pela medicação, mas pela alimentação e assim por diante.”

A proposta que inclui o lúpus entre as doenças que permitem isenção no pagamento do Imposto de Renda tramita em regime de prioridade.

(Rádio Câmara)

Comissão aprova dedução do Imposto de Renda das despesas dos idosos com remédios

A Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa aprovou proposta que amplia as possibilidades de dedução no Imposto de Renda da Pessoa Física das despesas com saúde, inclusive com remédios, óculos e próteses. O relator, deputado Marco Antônio Cabral (PMDB-RJ), apresentou parecer favorável ao Projeto de Lei 5854/13, do senador Paulo Paim (PT-RS).

O texto original previa que aposentados e pensionistas teriam o direito de deduzir do IR, na declaração anual, as despesas com medicamentos. Como a proposta tramita com 60 apensados, o relator optou por apresentar um substitutivo em que aproveitou a maior parte dos textos a fim de beneficiar principalmente os idosos.

Atualmente, conforme a legislação tributária federal (Lei 9.250/95), já é possível deduzir os pagamentos efetuados a médicos, dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais e hospitais, bem como as despesas com exames laboratoriais, serviços radiológicos, aparelhos ortopédicos e próteses ortopédicas e dentárias. O substitutivo acrescenta neste rol os gastos com cuidadores de idosos, casas de repouso para idosos e próteses auditivas.

O relator definiu ainda como dedutíveis no IR as despesas efetuadas na aquisição para uso próprio, com receita médica e nota fiscal, de medicamentos, óculos e lentes corretivas de problemas visuais e próteses auditivas a partir do mês em que o contribuinte completar 65 anos de idade, desde que o rendimento mensal tributável médio seja inferior a seis salários mínimos (hoje, R$ 5.622).

“Estamos aprovando, mesmo que parcialmente, todas as propostas que pretendem instituir dedução de medicamentos de modo geral, pois entendemos que, apesar de restringirmos o benefício aos idosos, parcela dos contribuintes que as propostas pretendem beneficiar será atendida”, disse Marco Antônio Cabral.

(Agência Câmara)

TCU promove em Fortaleza evento sobre Desenvolvimento Sustentável

O Tribunal de Contas da União (TCU) promoverá, das 9 às 12 horas da próxima terça-feira (5), na sede do Banco do Nordeste , no bairro Passaré, o evento “Diálogo Público: Nordeste 2030 – Desafios e caminhos para o desenvolvimento sustentável”. Na ocasião, o TCU apresentará as conclusões do Relatório Sistêmico da Região Nordeste (Fisc Nordeste).

O Fisc Nordeste é resultado das auditorias feitas pelas Secretarias de Controle Externo do TCU em cada um dos nove estados nordestinos com o objetivo de identificar os principais desafios para o desenvolvimento sustentável da Região. “A Constituição determina que o progresso brasileiro tem que ser equilibrado e os gastos públicos têm que reduzir as diferenças regionais. O Fisc Nordeste identificou que os gastos atuais, na forma como vêm sendo executados, não têm permitido essa mudança nas desigualdades”, explica o coordenador-geral de Controle Externo de Resultados de Políticas e Programas Públicos do TCU, Marcelo Barros, um dos responsáveis pelo relatório.

Um estudo feito pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revela que, se mantiver o ritmo de crescimento, somente em 2075 o Nordeste alcançaria a média do Produto Interno Bruto (PIB) per capita nacional. Dados do Fisc Nordeste mostram que, em 2013, o PIB per capita da Região foi de R$ 12, 9 mil, aproximadamente a metade do PIB per capita brasileiro, o que deixou o Nordeste com a pior classificação entre as cinco regiões do país. No Ceará, o resultado foi ainda menor: R$ 12,3 mil. No período, os nove estados figuraram entre os dez últimos PIB per capita do país, ao lado do Pará, na Região Norte.

Em relação ao Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) o relatório aponta que, embora tenha havido avanço no indicador ao longo dos anos, todos os estados nordestinos apresentaram resultados inferiores à média nacional (0,727 em 2010).
A Região também apresentou a menor taxa de alfabetização entre a população com 15 ou mais anos de idade. Em 2014, enquanto no Brasil a taxa ficou em 91,7%, no Nordeste foi de 83,4%. O menor índice foi registrado em Alagoas (78,4%) e o maior, na Bahia (85,1%). No mesmo período, a escolaridade média da população nordestina de 18 a 29 anos de idade foi de 9,1 anos, enquanto a média nacional era de 10 anos.
Recursos e políticas regionalizadas

O Fisc Nordeste destaca ainda que o Plano Plurianual (PPA) do governo federal não regionaliza as diretrizes e metas para os programas de desenvolvimento da Região. “Quando se olha as políticas públicas, se observa que elas não têm definido qual seria a aplicação dos recursos federais por região. Isso prejudica as menos prósperas, que são as que mais precisam de ações e intervenções específicas de desenvolvimento”, avalia Barros.

SERVIÇO

*Confira a programação aqui.

Rodrigo Maia quer discutir em fevereiro novo projeto contra tráfico de drogas e de armas

Ao participar hoje (1º) de debate sobre segurança pública, na Câmara de Comércio Americana, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, informou que, em fevereiro do ano que vem, pretende colocar em pauta o texto que propõe mudanças na legislação dos crimes de tráfico de drogas e de armas. Ele lembrou que o tema já foi discutido com 19 secretários estaduais de Segurança Pública e é tratado por uma comissão de juristas coordenada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal.

“É claro que a política de segurança não será resolvida apenas pela mudança das leis ou da Constituição. Essa modernização das leis, essa mudança que devemos discutir na Constituição – para que fique clara a responsabilidade da União na política de segurança pública – ajuda muito e todos nós na Câmara temos essa responsabilidade”, disse.

Investimento

Ele disse também que o principal problema da segurança pública no país é a falta de financiamento e argumentou que a reforma da Previdência, por exemplo, é necessária para controlar os gastos públicos e permitir investimentos no setor.

“Qual é o principal problema de segurança? Entre outros, é como financiar a segurança pública. Se você não organizar o lado da despesa, não tem como conseguir dinheiro para a segurança pública, ou conseguir mais dinheiro para a educação infantil.”

O deputado disse ser “realista” e afirmou que a proposta de reforma da Previdência ainda está “muito distante” dos 308 votos necessários para a sua aprovação e que vai continuar defendendo a votação, mesmo se for necessário realizá-la em ano eleitoral.

“Não consigo entender como alguém vai para a eleição, promete alguma coisa para as pessoas que precisam do Estado brasileiro, de uma educação de melhor qualidade, de uma saúde de melhor qualidade, sem discutir a Previdência. Quem vai para a eleição querendo prometer isso para as pessoas que precisam, sem discutir o Estado brasileiro, no meu ponto de vista, está mentindo e mentindo muito”.

Erro

Após participar do evento, no qual também estava o secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, Roberto Sá, Maia disse que “talvez tenha sido um erro” pedir a exoneração do secretário na época dos confrontos constantes na favela da Rocinha, em setembro.

“Não cabe a mim discutir nomeação ou exoneração. Talvez tenha sido um erro meu, por ser morador do Rio de Janeiro, morador de São Conrado, por sempre ter convivido com uma relação maravilhosa com os moradores da Rocinha e São Conrado, ver aquela situação de descontrole.”

Ao sair do evento, o secretário Roberto Sá disse que Maia e ele trabalham em sintonia e que conversaram sobre o assunto e se acertaram.

DEM deve dissolver diretórios estaduais para atrair prefeitos

Na convenção do partido, no dia 14 próximo, em Brasília, o DEM dissolverá todos os diretórios estaduais, para remontá-los em seguida. A informação é do colunista Lauro Jardim. A ideia é dar liberdade para os novos integrantes da legenda montarem a estrutura e distribuírem os cargos de maneira e levarem junto seus aliados.

Os dirigentes da legenda querem que os novos filiados tragam o máximo de prefeitos possível para dar suporte às candidaturas aos governos estaduais.

DETALHE – No Ceará, quem preside o DEM é o empresário Chiquinho Feitosa, suplente do senador tucano Tasso Jereissati. Ele assumiu a função recentemente, no lugar do vice-prefeito de Fortaleza, Moroni Torgan. Abriria para o deputado federal Danilo Forte, que se filiará dia 7 à legenda?

Encceja 2017 – Gabarito oficial já está disponível

O gabarito oficial do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2017 já está disponível no portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). No mesmo endereço também é possível fazer o downloaddos cadernos de questões.

O resultado individual do Encceja será disponibilizado na Página do Participante, mas ainda não há data prevista. O exame é direcionado aos alunos que não concluíram os estudos na idade adequada e desejam obter a certificação no ensino fundamental ou no ensino médio.

As provas do Encceja 2017 foram aplicadas em 564 municípios de todos os estados e, dos 1.575.561 inscritos, 481.887 (40,3%) compareceram às provas no período matutino, e 534.447 (43,1%) no período vespertino.

(Agência Brasil)

Equipe de São Paulo ganha concurso nacional do Parque do Cocó

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) divulgou os nomes do vencedores do Concurso Nacional de Ideias para o Parque Estadual do Cocó. Pelo sistema adotado no concurso, o programa de computador utilizado deu acesso às identidades dos concorrentes no momento da leitura da ata, pelo secretário Artur Bruno, com a presença dos representantes da Sema – promotora e organizadora do concurso, e do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-CE). A informação é da assessoria de imprensa da Sema.

A equipe classificada em 1o lugar é de São Paulo-SP, da arquiteta urbanista Marina Mange Grinover. Na segunda posição, de Fortaleza-CE, Ricardo Henrique Muratori de Menezes. Em terceiro, de Belo horizonte-MG, Alexandre Brasil Garcia. A Comissão Julgadora fez também menção honrosa ao trabalho de Gabriela Tie Nagoya Tamari, de São Paulo-SP. Bruno fez um histórico da regulamentação do Parque e falou da intenção de “ocupar 17 áreas degradadas com equipamentos de esporte, lazer, contemplação e educação ambiental”. Custódio Neto, presidente do IAB-CE, elogiou a iniciativa do governo do Estado, ressaltando ser o concurso “a maneira mais democrática e transparente” de realizar o certame.

Os membros titulares da Comissão Julgadora avaliaram 18 trabalhos de todo o Brasil entre os dias 23 e 25 de novembro de 2017, reunidos no Comfort Hotel, em Fortaleza. A análise dos projetos recebidos selecionou as três melhores propostas urbanísticas, paisagísticas e arquitetônicas, conforme determina o Edital do certame. A proposta vencedora receberá 80 mil reais, sendo 50 mil para a segunda e 25 mil para a terceira, além de uma menção honrosa para a quarta classificada.

Haverá um prazo para recursos e impugnações (2 de dezembro de 2017 a 11 de dezembro de 2017), até a homologação oficial do resultado, dia 14 de dezembro de 2017. O evento de premiação será dia 17 de dezembro de 2017, com a presença do governador Camilo Santana. Os trabalhos serão expostos entre 11 de janeiro e 12 de março de 2018.

CSP divulgará balanço das atividades durante café com a imprensa

A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) vai apresentar um balanço de suas atividades deste ano para a imprensa. Será no próximo dia 6, em clima de café da manhã com a imprensa, na sede da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec).

O encontro será coordenado pelo presidente da CSP, Eduardo Parente, que, por sinal, está comemorando o bom desempenho companhia. Ele reserva números para esse encontro.

(Foto – Divulgação)

TSE detecta três falhas em teste de segurança de urna eletrônica

Um teste público de segurança (TPS) realizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na urna eletrônica identificou três “falhas relevantes” no software do aparelho, informou hoje (1º) o ministro Gilmar Mendes, presidente da Corte Eleitoral. Tais falhas, no entanto, não estavam presentes em eleições anteriores. São oriundas das atualizações na urna eletrônica realizadas este ano, para uso nas eleições de 2018, em que se votará para presidente, governador, senadores, deputado federal e estadual.

Perguntado se as falhas encontradas poderiam ser uma fonte de preocupação do eleitor em relação à segurança da urna eletrônica, Gilmar Mendes afirmou que “não há motivo para isso”.

Ao explicar mais detalhadamente a jornalistas a natureza das falhas encontradas, o coordenador de Sistemas Eleitorais do TSE, José de Melo Cruz, disse que “não é nada que venha de outra eleição e que não seja resolvido em uma semana”.

Participaram do teste de segurança 16 especialistas em tecnologia da informação previamente inscritos, que passaram por um processo de seleção de planos de ataques hackers contra a urna eletrônica, organizado pelo TSE. Um dia antes dos testes, realizados na sede do tribunal em Brasília, eles tiveram acesso ao código-fonte do software da urna eletrônica.

Foram executados 12 planos de testes na urna, segundo o TSE. Os ataques começaram na última terça-feira (28) e seguem até o final desta sexta-feira (1º). A pedido de uma das equipes que participam do TPS, foi acrescentado um dia aos trabalhos.

Falhas

A principal falha encontrada foi na chave eletrônica que dá acesso à urna, no momento de transferência das informações sobre os votos.

De acordo com o coordenador José de Melo Cruz, uma das equipes conseguiu acoplar um teclado e transferir comandos ao aparelho, tendo acesso ao arquivo de log, que registra todas as atividades realizadas na urna durante a votação, e a uma planilha interna com o RDV (Registro Digital do Voto) dos eleitores.

Ele assegurou, no entanto, que, mesmo com o acesso, foi impossível para os hackers “alterar ou identificar o voto”. Tal acesso também só seria possível se um especialista conseguisse acesso físico a algum aparelho, uma vez que as urnas não possuem nenhum tipo de conectividade de rede. Como há vigilância constante durante a votação, “isso seria pouco plausível”, disse Melo Cruz.

Questionado sobre as teorias que surgem a cada eleição, sobretudo em redes sociais, a respeito da falta de segurança no sistema da urna eletrônica, Melo ironizou e afirmou que “são tão verdadeiras quanto a teoria de que a Terra é plana”.

O TPS 2017 continua em andamento e o TSE informou que deve divulgar um relatório técnico sobre as falhas encontradas no sistema da urna eletrônica pouco depois da conclusão dos trabalhos.

(Agência Brasil)

Cantor Wellington Camargo, irmão da dupla Zezé di Camargo e Luciano, fará show em Groaíras

A cidade de Groaíras (Zona Norte) vai comemorar o Dia da Bíblia. A iniciativa envolve várias igrejas evangélicas do município e ocorrerá no próximo dia 7, a partir das 19 horas, na Praça Padre Mororó.

Haverá show de grupos locais e do cantor Wellington Camargo, irmão da dupla Zezé de Camargo e Luciano.

(Com Blog do Tidi/Foto – Divulgação)

Henrique Meirelles: PIB mostra que Brasil segue trajetória de crescimento

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, diz que o resultado do Produto Interno Bruto (PIB, a soma de todas as riquezas produzidas no país) divulgado hoje (1º), apesar de baixo, “mostra que o Brasil segue uma trajetória de crescimento”. Pelo Twitter, o ministro afirma ainda que o avanço no investimento “mostra otimismo em relação ao futuro”. O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, que também comentou os resultados na rede social, diz que a recuperação da economia está consolidada.

Os dados das contas trimestrais referentes ao terceiro trimestre do ano foram divulgados hoje (1º) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O PIB fechou o terceiro trimestre de 2017 com alta de 0,1% na comparação com o segundo trimestre, na série ajustada sazonalmente. Foi a terceira alta consecutiva. Na comparação com o terceiro trimestre do ano passado, o crescimento do PIB foi de 1,4%.

De acordo com Meirelles, o crescimento do PIB entre julho e setembro, de 0,1% “pode parecer baixo, mas é forte se analisado por setores. Sem a agricultura, que caiu por razões sazonais, o crescimento foi de 1,1%”. O ministro destaca ainda que o avanço acumulado no ano até setembro é de 0,6%, “número que já supera a previsão inicial dos economistas para 2017”.

Além disso, ressalta que a produção das fábricas instaladas no país cresceu 0,8% entre julho e setembro. As empresas de transformação, por exemplo, registraram no período um crescimento de 1,4%. “O investimento cresceu 1,6% no 3º trimestre. Foi o primeiro resultado positivo após 15 trimestres seguidos de queda. O avanço mostra otimismo em relação ao futuro”, diz Meirelles.

Recuperação consolidada

Também pelo Twitter, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, diz que os dados do PIB  mostram que a “recuperação da economia está consolidada” com expansão do consumo das famílias (4,8%) e do investimento (6,7%). “Pela primeira vez após quatro anos que os dois principais componentes da demanda, consumo das famílias e investimento, registram crescimento positivo no mesmo trimestre”, detalhou.

A alta pelo terceiro trimestre seguido do consumo das famílias é, para o ministro do Planejamento, “reflexo da recuperação do mercado de trabalho e da massa salarial, além das medidas de estímulo, como a liberação do FGTS [Fundo de Garantia do Tempo de Serviço]”.

Segundo Oliveira, indústria da transformação, exportação e comércio tiveram três trimestres consecutivos de crescimento, “o que significa uma expansão gradual e continuada desses setores”. Para o ministro, se for mantido o ritmo atual, o crescimento deste ano poderá ser de 1%. “Trajetória positiva do PIB para os próximos trimestres mostra necessidade de aprovação das reformas, principalmente a da Previdência, para tornar o crescimento sustentável”.

“PIB do 3º trimestre só não veio melhor porque as importações registraram forte crescimento, o que não deixa de ser boa notícia, pois confirma que a economia doméstica está mais aquecida e é mais um sinal de retomada”, comenta Oliveira.

Crescimento

De acordo com o IBGE, com o resultado do terceiro trimestre do ano, o PIB – em valores correntes – atingiu R$ 1,641 trilhão no acumulado do ano, sendo R$ 1,416 bilhões referentes ao valor adicionado e R$ 225,8 bilhões dos impostos sobre produtos líquidos de subsídios.

Com o resultado divulgado hoje, o PIB fecha os primeiros nove meses do ano com um crescimento acumulado de 0,6%, em relação a igual período de 2016.

(Agência Brasil)

Rogério Ceni ganha jantar no Pirata Bar

 
Rogério Ceni, novo técnico do Fortaleza, ganhou jantar de alguns amigos e admiradores. Foi no Pirata Bar, comandado por Rodolphe Trindade.
No encontro, o jornalista Marcos André Borges, os amigos Demetrius Ribeiro, Phillipe Gothardo, a professora Maria Vital (Uni7), a secretária de Urbanismo e Meio Ambiente de Fortaleza, Águeda Muniz, e o presidente do clube, Marcelo Paz.
Entre outros assuntos, alem de futebol, naturalmente, discussões sobre educação, esporte, meio ambiente e a vocação gastronômica de Fortaleza. Ceni está encantado com a cidade.
(Foto – Divulgação)

Eduardo Cunha aposta que Temer quer disputar a reeleição

Por razões de força maior, Eduardo Cunha está longe do burburinho político há pouco mais de um ano. Da cadeia, porém, ele continua dando seus palpites sobre os amigos de outrora.

Cunha vem dizendo, por exemplo, que aposta que Michel Temer será candidato à reeleição em 2018. Hoje, a chance de a profecia se concretizar é muito próxima de zero.

A informação é da Coluna Radar, da Veja Online.

Seminário lembra os 10 anos da morte de Dom Aloísio Lorscheider

 

O Grupo Dom Helder realizará nesta sexta-feira, a partir das 18h30min, no Centro de Pastoral Maria Mãe da Igreja, da Arquidiocese de Fortaleza, o encontro “Lembrando Dom Aloísio Lorscheider – O legado da Esperança”. O objetivo é chamar a atenção dos participantes para a responsabilidade das gerações atuais frente ao legado do religioso, que foi arcebispo de Fortaleza por vinte e dois anos.

Serão destacadas pelos teólogos Carlo Tursi e Tânia Maria Couto Maia práticas de Dom Aloísio capazes de inspirar ações efetivas no contexto atual de Igreja e sociedade. A homenagem acontecerá por ocasião dos 10 anos da morte do cardeal, ocorrido em 23 de dezembro de 2007.

As palestras serão seguidas de debates.

(Foto – Arquidiocese de Fortaleza)

Assembleia de credores da Oi é adiada para 19 de dezembro

Prevista para o próximo dia 7, a assembleia de credores da Oi foi adiada para o dia 19 de dezembro, e poderá se estender até o dia 20. Esta é a quinta vez que a reunião é adiada. A decisão foi tomada pelo juiz Fernando Viana, da 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, que conduz a recuperação Judicial da Oi, em razão da mudança do presidente da operadora.

A segunda convocação permanece marcada para o dia 1 de fevereiro de 2018. Na última segunda-feira (27), a Oi confirmou o nome do diretor jurídico Eurico de Jesus Teles Neto como novo diretor-presidente interino da companhia. A decisão foi tomada após a saída de Marco Schroeder do cargo, na sexta-feira (24). “Com a recentíssima notícia de renúncia do presidente do Grupo OI, vejo que o clima de instabilidade institucional está se agravando ainda mais”, disse o juiz na decisão.

Viana também argumentou que o adiamento visa facilitar o fechamento de acordo com pequenos credores da empresa, que têm até R$ 50 mil a receber. De acordo com a Oi, até o momento a empresa fechou mais de 30 mil acordos com esse grupo, reduzindo a lista de credores que precisarão votar na assembleia. A Oi tem 67 mil credores, dos quais, 57 mil são de baixos valores.

(Agência Brasil)

Índice de Preços ao Consumidor Semanal teve alta de 0,36% em novembro

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) teve alta de 0,36%, em novembro, com 0,04 ponto percentual maior do que em outubro (0,32%). No acumulado desde janeiro, houve aumento de 3,01% e, nos últimos 12 meses, de 3,35%. A pesquisa é feita pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV) nas seguintes capitais: Recife, Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Porto Alegre.

Nesse penúltimo mês do ano, o maior impacto inflacionário foi constatado no grupo educação, leitura e recreação que passou de uma alta de 0,01% para 0,33% e o que mais pesou nessa classe de despesa foi o reajuste da passagem aérea ( de -4,93% para 3,88%).

Em termos percentuais, as maiores taxas do período foram registradas nos grupos transportes (de 0,79% para 0,80%) sob o efeito da gasolina (de 2,51% para 3,17%) e em habitação (de 0,80% para 0,77%) que, apesar disso, perdeu um pouco a intensidade de aumento por causa da queda de preço dos móveis (de 0,36% para -0,60%).

Em saúde e cuidados pessoais, o índice subiu de 0,31% para 0,39%, em vestuário (de -0,27% para 0,01%), comunicação (de 0,23% para 0,40%) e despesas diversas (de 0,01% para 0,08%) . Já em alimentação que também tem peso sobre o resultado do IPC-S, ocorreu recuo de 0,26% , taxa mais expressiva do que em outubro quando em média os itens alimentícios tinham caído em 0,19%. Entre os itens destaque para as hortaliças e legumes (de -0,99% para -3,91%).

Em geral, os itens que mais contribuíram para o avanço do índice foram: tarifa de eletricidade residencial (3,98%); gasolina (3,17%) ; plano e seguro de saúde (0,95%); (condomínio residencial (1,345%) e etanol (3,31%).

As que mais ajudaram a compensar esses aumentos foram o tomate (-14,05%); tarifa de telefone residencial (-1,87%); banana-prata (-8,64%); tarifa de ônibus urbano (-0,33%) e ovos (-4,64%).

(Agência Brasil)

Camilo e Eunício vão lançar pedra fundamental do Hospital Regional do Vale do Jaguaribe

465 2

O governador Camilo Santana (PT) e o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira, vão estar juntinhos novamente em um ato público. Será nesta sexta-feira, a partir das 16 horas, mais precisamente em Limoeiro do Norte (Vale do Jaguaribe).

Na ocasião, Camilo estará lançando a pedra fundamental do futuro Hospital Regional do Vale Jaguaribano. O projeto contou com recursos liberados com apoio do senador peemedebista. Também em Limoeiro do Norte, haverá a entrega de uma areninha.

Será o segundo encontro público de Eunício com Camilo Santana depois de quase três anos e meio afastado do convívio com o Palácio da Abolição. Em novembro, o senador Eunício Oliveira dividiu espaços com o olimpo estadual durante o lançamento do programa “Juntos por Fortaleza”,  quando um pacote de obras a serem tocadas na Capital cearense foi lançado. O Senado aprovou recursos externos desse pacote com articulação de Eunício.

(Foto – Divulgação)

Morre a atriz e produtora Ana Maria Nascimento e Silva

Vítima de câncer de mama, morreu nessa quinta-feira, no Rio, a atriz, produtora e apresentadora Ana Maria Nascimento e Silva (65). O velório acontecerá neste sábado (2), no Memorial do Carmo, Zona Norte do Rio. A informação é do Portal G1.

Dentre as novelas que Ana Maria Nascimento e Silva fez, estão “O Salvador da Pátria” (1989), “Quatro por Quatro” (1994) e “Zazá” (1997). Na TV, ela também participou de “Araponga” (1990) e “Engraçadinha… Seus amores e seus pecados” (1995). A última novela foi “Jamais te esquecerei” (2003), do SBT.

Formada em história da arte, ela também atuou no cinema. Um de seus primeiros trabalhos foi “Paraíso no inferno” (1977), de Joel Barcellos. Esteve ainda em “O bem dotado – O homem de Itu” (1978), de José Miziara, com Nuno Leal Maia no papel principal, “Os trombadinhas” (1979), de Anselmo Duarte, e “Asa Branca – Um sonho brasileiro” (1980), dirigido por Djalma Limongi Batista e estrelado por Edson Celulari no papel de um jogador de futebol promissor.

Na década de 1980, fez “A mulher sensual” (1981), de Antônio Calmon, e “Ao sul do meu corpo” (1982), com direção de Paulo César Saraceni, com quem se casou (1932-2012) e de quem era viúva. Ana Maria Nascimento deixa dois filhos e duas netas.