Blog do Eliomar

Categorias para Brasil

Cantor Beto Barbosa acerta com a Record

O cantor Beto Barbosa, que estará no Réveillon de João Pessoa (PB), anda bombando na internet com seu Instagram: @bb_oficial. Divulga ali seu novo sucesso, “Cola em mim”.

Beto, que transitou nas últimas horas pelo Aeroporto Internacional Pinto Martins, na rota de São Paulo, diz que sua agenda de shows continua em alta e que, em breve, estará numa novidade da Rede Record. Não quis dar detalhes “por questão de contrato”.

(Foto – Paulo MOska)

 

Lula fará caravana pelo Sudeste a partir de 4 de dezembro

Entre agosto e setembro, o petista percorreu cidades do Nordeste.

O ex-presidente Lula vai retomar sua caravana pelo Brasil. Desta vez, percorrerá cidades dos estados do Sudeste.

No roteiro, Espírito Santo e Rio de Janeiro, com viagem ocorrendo entre os dias 4 e 10 de dezembro próximo, informa a assessoria de Lula.

Bom lembrar que o petista já empreendeu igual caravana por cidades do interior nordestino., dentro do objetivo de fortalecer sua imagem e a imagem do PT para as eleições de 2018.

(Foto – Ricardo Stuckert)

SUS ofertará novo medicamento para pacientes com Alzheimer

O Ministério da Saúde incorporou um novo medicamento ao Sistema Único de Saúde (SUS) com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos pacientes com Alzheimer moderado e grave. A previsão é que o remédio Memantina, já aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), passe a ser distribuído nos próximos seis meses.

A distribuição vai beneficiar 33% da população de idosos com mais de 85 anos que sofrem com os efeitos do Alzheimer, o que corresponde a quase 1,1 milhão de pessoas.
Com o declínio de neurônios, funções como língua, linguagem, memória, atenção orientação no tempo e no espaço ficam comprometidas, além de mudar a personalidade, comportamento e a perca das habilidades de desenvolver algumas funções do cotidiano.

O medicamento controla os sintomas da doença e reduz o avanço de sua evolução, porém ainda é recomendável medidas complementares como fisioterapia, fonoaudiologia e sessões de terapia. O acompanhamento aos pacientes é ofertado pelos SUS nos 139 Centros Especializados em Reabilitação espalhados no Brasil.

Apenas 11% das micro e pequenas empresas regularizaram situação na Receita Federal

Apenas 11% das micro e pequenas empresas que caíram na malha fina da Receita Federal regularizaram a situação junto ao órgão, de acordo com balanço divulgado hoje (13). No total, a Receita Federal identificou a existência de informações inexatas nas declarações de 100 mil empresas e, consequentemente, a redução indevida dos valores a pagar.

De acordo com a Receita, as  empresas que não se regularizarem estarão impossibilitadas de transmitir a declaração relativa ao mês de outubro, que deverá ser apresentada até o dia 20 de novembro, além de estarem sujeitas a  penalidades, como a imposição de multas que variam de 75 a 225% sobre os débitos omitidos nas declarações anteriores e até mesmo a exclusão do Simples Nacional.

Para se regularizar, a empresa deve retificar as declarações anteriores, gerar e pagar o documento de arrecadação (DAS) complementar. O próprio PGDAS-D, que é um aplicativo disponível no portal do Simples Nacional, aponta as declarações a serem retificadas.

Nos últimos anos, a Receita Federal vem trabalhando no combate a diversos tipos de fraudes detectadas nas informações prestadas pelas empresas por meio das declarações apresentadas ao órgão.

Segundo a Receita, as quase 100 mil empresas, sem amparo legal, assinalaram no PGDAS-D campos como “imunidade”, “isenção/redução-cesta básica” ou ainda “lançamento de ofício”. Essa marcação acaba por reduzir indevidamente o valor dos tributos a serem pagos.

(Agência Brasil)

Mercado financeiro eleva para 3,09% projeção da inflação do ano

O mercado financeiro aumentou levemente a projeção para a inflação este ano. A estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) passou de 3,08% na semana passada para 3,09%. Há quatro semanas, a expectativa estava em 3%. A projeção consta do boletim Focus, publicação divulgada hoje (13) no site do Banco Central (BC) com projeções para os principais indicadores econômicos.

Para 2018, a estimativa para o IPCA, que era 4,02%, subiu para 4,04%. As projeções para 2017 e 2018 permanecem abaixo do centro da meta de 4,50%, que deve ser perseguida pelo BC. Essa meta tem ainda um intervalo de tolerância entre 3% e 6%.

Para alcançar a meta, o BC usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, atualmente em 7,5% ao ano. A expectativa do mercado financeiro para a Selic ao final de 2017 e de 2018 segue em 7% ao ano. A última reunião do ano do Comitê de Política Monetária (Copom), responsável por estabelecer a meta para a taxa Selic, está agendada para os dias 5 e 6 de dezembro.

A projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, foi mantida em 0,73% este ano. Para 2018, a estimativa de expansão se manteve em 2,50%.

(Agência Brasil)

Movimentos sociais promovem em Fortaleza ato em defesa da soberania

O senador petista Lindemberg Farias é um dos convidados.

Começa às 19 horas desta segunda-feira, na Cofeco, em Sabiaguaba, a 5ª Assembleia Nacional Zilda Xavier, instância máxima da organização Consulta Popular, que se estenderá até sexta-feira).

Neste primeiro dia de assembleia, haverá o ato político “Momento atual da conjuntura brasileira: a defesa da soberania nacional e da democracia”, que contará com a presença de senadores como Gleisi Hoffmann, Lindbergh Farias e José Pimentel, do PT, deputados estaduais e federais como Luizianne Lins, além de lideranças políticas e dos movimentos populares que confirmaram presença. Na lista,João Pedro Stédile, do MST; ex-ministro Gilberto Carvalho, Walter Sorrentino, Mariana Dias, da UNE, e Roberto Amaral (PSB).

A 5ª Assembleia da Consulta Popular ocorre num contexto de golpe contra a democracia e a soberania nacional, segundo organizadores. Diante deste cenário, a esquerda brasileira quer retomar o debate estratégico e recolocar a necessidade de um projeto democrático, popular, que “restabeleça a soberania nacional, a democracia e apresente uma alternativa para a classe trabalhadora diante da crise brasileira”, acentuam.

A Consulta Popular completa 20 anos em 2017. A organização política reúne militantes de diferentes movimentos sociais, da juventude, do campo e da cidade. A organização integra a Frente Brasil Popular, reivindica um Projeto Popular para o Brasil e construiu iniciativas como os plebiscitos pela reestatização da Vale (2007) e por uma Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político (2014).

Confira algumas presenças confirmadas

João Pedro Stédile (MST)
Aton Fon (Consulta Popular)
Ricardo Gebrim (Consulta Popular)
Senadora Gleisi Hoffmann (PT)
Senador Lindbergh Farias (PT)
Roberto Amaral (Frente Brasil Popular)
Senador Pimentel (PT)
Deputado Elmano Freitas (deputado estadual CE)
Valter Sorrentino (vice-presidente do PC do B)
Deputado Valmir Assunção (deputado federal BA)
Gilberto Carvalho (PT)
Deputada federal Luizianne (CE)
Raquel Marques (Deputada estadual do CE)
Wil Pereira (CUT Ceará)
Enedina Soares (FETAMCE)
Levante Popular da Juventude
Jaime Amorim Via Campesina
Mariana Dias (presidenta da UNE)
Emanuel Bertoldi (Alba Movimentos)
Emanuel (Federação Única dos Petroleiros)
Paulão (Confederação Nacional dos Metalúrgicos)
Flavinho (Conem)
Renê Santana (CTB)
Marcha Mundial de Mulheres
Francisco de Assis Diniz (Presidente do PT CE)
Florence (FNDC)
Representante da CNTE

Temer e ministro das Cidades vão entregar Cartão Reforma

390 1

Os primeiros beneficiários do País receberão nesta segunda-feira, às 16 horas, o Cartão Reforma no Palácio do Planalto, em cerimônia simbólica com o presidente Michel Temer. A informação é da assessoria de imprensa do Ministério das Cidades.

Luiz Santos da Silva, Maria do Socorro da Silva Rosado e Valéria Ana da Silva vão representar os 150 moradores do bairro de São João da Escócia, em Caruaru (PE), onde foi executada a fase piloto do programa. Cada família receberá R$ 6 mil, em média, para melhorar a sua casa.

Na cerimônia, o ministro Bruno Araújo assinará ainda portaria que permitirá levar o Cartão Reforma a famílias de municípios de cinco Estados – Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná Alagoas e Pernambuco – que sofreram com as chuvas e tiveram de decretar situação de calamidade pública.

SERVIÇO

*Em breve, outros 1.923 municípios poderão ingressar no programa, por meio do Sistema de Gestão do Cartão Reforma – SisReforma (disponível no portal www.cartaoreforma.cidades.gov.br).

(Foto – Folhapress)

FHC vai pedir a Tasso que abra mão do comando tucano em favor de Geraldo Alckmin

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso vai se reunir com Tasso Jereissati (PSDB-CE) nos EUA, esta semana, para pedir que o senador abra mão da disputa pela presidência do PSDB em nome do governador Geraldo Alckmin. A informação é da Coluna Painel, da Folha de S.,Paulo desta segunda-feira.

Com o discurso de união, Alckmin assumiu o papel de pacificador na convenção do PSDB paulista, nesse domingo (11). Antes da fala do governador, uma parte dos tucanos expressou apoio ao senador Aécio Neves (MG) e a outra, a Tasso.

Tucanos mais próximos a Temer farão um apelo para que o presidente não tire o PSDB do governo. Afirmarão que o partido já decidiu pelo desembarque e que o movimento será feito antes da convenção nacional, marcada para 9 de dezembro.

Aécio Neves: Luciano Huck seria a “falência da política”

Luciano

 

Huck andou apagando de suas redes sociais fotos em que aparecia com o tucano.

“Acho que é um pouco da falência política. É um pouco do momento de desgaste generalizado por que passa a classe política”, afirmou, no último sábado, o senador Aécio Neves (PSDB), ao comentar possível ingresso, na disputa presidencial de 2018, do apresentador Luciano Huck.

Aécio, que já chegou a posar em fotos ao lado do apresentador, quando da última campanha em que foi candidato a presidente (2014), elogiou Huck. Disse ser um sujeito muito capaz e inteligente, mas que precisa ainda conhecer o que ele pensa dos vários temas do interesse do País.

Luciano Huck andou apagando de suas redes sociais fotos em que posava ao lado de Aécio, que não escondeu certo descontentamento com a atitude do apresentador. O tucano, em delação premiada de Joesley Batista, de ter recebido propina de R$ 2 milhões da JBS.

(Foto – Marcos Desimoni)

Com a Câmara parada nesta semana aumenta pressão sobre Temer pró-reforma ministerial

Esta semana promete ser devagar em Brasília. Com feriado, não deve haver quórum para voltar coisa alguma, informa a Coluna Radar, da VejanOnline.

O presidente Temer, então, estará de mãos atadas quanto à tal reforma ministerial, já que admite fazer mudanças na Esplanada em troca da aprovação de outra reforma: a da Previdência.

Com esse assunto parado, aumenta a pressão dos parlamentares sobre o presidente, no melhor estilo uma mão não lava a outra.

Rogério Ceni ganhará festa com a torcida

Com uma recepção à altura do nome do novo técnico, no Castelão, o Fortaleza apresentará Rogério Ceni na quarta-feira, 15. O evento será dividido em dois momentos, sendo o primeiro direcionado à imprensa, no auditório da praça esportiva e o depois, uma festa junto aos torcedores, na área VIP do setor premium do estádio (o espaço de circulação do setor, antes de chegar às cadeiras).

O evento não será exclusivo para sócios-torcedores — que têm entrada gratuita —, como pensando inicialmente, mas o torcedor comum terá que pagar R$ 30 para ver a chegada do novo comandante, que está marcada para as 16 horas e deve durar cerca de duas horas. A expectativa do departamento de marketing do Leão é de que pelo menos 3 mil tricolores recebam o “M1to”, como é chamado pela torcida do São Paulo.

O espaço escolhido para a festa comporta até 4.250 pessoas. Ceni chegará após conceder entrevista para a imprensa e vai circular entre os torcedores, que poderão tirar fotos e conversar um pouco com o ex-goleiro, mas não haverá a tradicional fila de autógrafos. Depois, ele subirá no palco e será oficialmente apresentado pela diretoria. A música ficará a cargo da dupla Fran e Diego.

Vitrine

O departamento de marketing vai aproveitar a ocasião para vender produtos já com a imagem de Ceni. Camisas e outros artigos vão estar disponíveis para venda no Castelão. Além disso, será possível se tornar sócio do Fortaleza no local.

Com o impacto do anúncio de Rogério Ceni, o clube espera um boom no programa de sócios-torcedores. O ex-goleiro, inclusive, serve como uma espécie de garoto-propaganda para o Leão. Em vídeo publicado nas redes sociais do clube, o novo técnico lançou um desafio para a torcida tricolor.

“Nessa caminhada junto de vocês, meu objetivo é que cheguemos a 20 mil sócios-torcedores. É um desafio que tenho certeza de que não só eu como todo o elenco do Fortaleza vai colaborar para o crescimento dessa equipe. Grande abraço e vejo todos em breve”, disse o ex-goleiro.

(O POVO – Repórter Brenno Rebouças)

Gleisi Hoffmann vem reforçar campanha de filiações ao PT do Ceará

369 1

Gleisi já esteve neste ano  no Ceará.

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, estará. em Fortaleza nesta terça-feira. Segundo a direção estadual petista, ela vem participar da solenidade de posse dos novos titulares dos setoriais do partido. O ato ocorrerá a partir das 9 horas, no auditório da Assembleia Legislativa.

Todos os parlamentares federais e estaduais do PT, além de vereadores e alguns prefeitos, deverão conferir o encontro, que marcará também o lançamento da plataforma digital petista voltada a conquistar novas filiações.

Deverão tomar posse os novos titulares dos setoriais da Mulher, Educação, Cultura, Sindical, LGBT, Agrárias, Meio Ambiente e Direitos Humanos.

(Foto – Paulo MOska)

Na briga Tasso-Aécio, Alckmin pode virar o tercius

 

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, não descartou a possibilidade de assumir a presidência do PSDB, após negar esse cenário de forma contundente nos últimos dias. Com a destituição do senador Tasso Jereissati (CE) do comando interino da sigla, na última quinta-feira, dia 9 de novembro, o nome do governador foi levantado por tucanos importantes, como o ex-senador José Aníbal, presidente do Instituto Teotônio Vilela, e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

“Temos dois pré candidatos. Vamos aguardar. Essa é uma decisão coletiva do Brasil inteiro”, disse Alckmin. Além de Tasso, que se declarou candidato na última quarta, dia 8, o governador de Goiás, Marconi Perillo, também afirmou que vai concorrer à presidência do PSDB, que será escolhida em convenção do partido no dia 9 de dezembro.

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), disse ontem que defende Perillo para presidir a sigla, mas “se for necessário” que o governador de São Paulo Geraldo Alckmin assuma o comando da sigla como terceira via “será bom para o partido”.

“Se for necessário que o governador Geraldo Alckmin assuma a presidência do PSDB como um tercius será bom para o partido”, disse o tucano. “Continuo apoiando Marconi Perillo para a presidência do PSDB.”

Nesta semana, o senador Aécio Neves (MG), presidente afastado do partido, destituiu Tasso da presidência interina. A justificativa do mineiro é dar isonomia à escolha do próximo presidente do PSDB, em dezembro, uma vez que Tasso se candidatou ao cargo.

Com a saída de Tasso, assumiu, interinamente, o ex-governador Alberto Goldman. A disputa pelo comando da legenda levou à maior crise interna do PSDB.

(Estadão)

Tasso anda com um pé atrás quando o mote é Alckmin

O senador Tasso Jereissati anda maldizendo Geraldo Alckmin. O senador cearense vê nos movimentos do governador paulista sinais de que ele pode apoiar Marconi Perillo na disputa pelo PSDB.

A informação é da Coluna Radar, da Veja Onine.

Alckmin, na verdade, está na mesma tática de sempre: jogando parado. O que ele queria mesmo era a presidência do PSDB para ele. Assim, teria o controle das verbas do partido em 2018.

Demóstenes Torres ameaça voltar à política

Cassado em 2012 pelo Senado e inelegível até 2027, Demóstenes Torres ameaça voltar ao cenário político.

Segundo informa o colunista Lauro Jardim, do O Globo, o amigo de Carlinhos Cachoeira foi inocentado de alguns processos em Goiás e, de posse dessas decisões, planeja entrar com um pedido de anistia no Senado.

Quer voltar a ser ficha-limpa e disputar a eleição de 2018. Já fez contatos com alguns senadores informando-os de seu desejo.

Globo dá ultimato a Luciano Huck

468 1

A cúpula da Globo teve uma conversa franca com Luciano Huck sobre suas pretensões presidenciais. Segundo a Coluna Radar, da Veja Online, ficou decidido que, se ele quiser mesmo abraçar a política, terá de sair da emissora até dezembro. Sem volta.

O apresentador já até sonha com uma vice para sua chapa, se pudesse escolher e de fato sair candidato: Marina Silva.

Tasso x Ciro – Quem está com a razão?

424 4

O senador Tasso Jereissati (PSDB) disparou sua metralhadora, pela primeira vez, contra o, Governo Camilo Santana, durante a convenção estadual do partido, nessa sexta-feira, no auditório da Câmara Municipal de Fortaleza.

Ele disse que o governo de Camilo é “mandado pela oligarquia dos Ferreira gomes”.

Ciro Gomes, por sua vez, numa entrevista durante seminário de lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional, na Assembleia, no mesmo dia em que o tucano soltou o verbo, deu seu recado, em tom de ironia, devolvendo:

“É uma oligarquia bem interessante que os sociólogos deveriam estudar. É uma oligarquia que é dona de uma rede de shopping center do País, que tem R$ 100 milhões de créditos no Banco do Nordeste, é uma oligarquia que tem televisão em Fortaleza, rádio, jornal, portal de internet… É a oligarquia que tem o senador mais rico do País com patrimônio declarado”.

Pois bem, quem está com a razão nessa troca de torpedos?

a) Tasso

b) Ciro

c) Nenhum dos dois

d) Os dois

e) Valha-me, Deus!

Unilab receberá embaixador e membro da Academia Brasileira de Letras

O Campus da Liberdade, em Redenção (Região Metropolitana de Fortaleza), receberá, dia 16 próximo, o embaixador João Almino de Souza Filho, diretor da Agência Brasileira de Cooperação, do Ministério das Relações Exteriores (ABC/MRE), para ministrar a conferência “A cooperação brasileira em prol do desenvolvimento”. A atividade, que acontecerá no Auditório Didático, integra a programação do VIII Ciclo de Debates sobre Bioética, Diplomacia e Saúde Pública e do Curso Livre “Desenvolvimento, Desigualdade e Cooperação Internacional em Saúde”, realizados pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em parceria com a Unilab.

Na ocasião, o diplomata, que ocupa a cadeira nº 22 da Academia Brasileira de Letras, lançará o romance “Entre facas, algodão”. A mesa será coordenada pelo reitor da Unilab, Anastácio de Queiroz Sousa, com participação do diretor da Fiocruz no Ceará, Carlile Lavor, e do coordenador do Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde de Brasília, José Paranaguá de Santana.

O ciclo e o curso livre são promovidos pelo Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde, da Fundação Oswaldo Cruz (Nethis/Fiocruz), em parceria com a Unilab, e visam discutir as questões de saúde no panorama internacional para fortalecer os processos decisórios dos sistemas nacionais. A ação tem patrocínio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, vinculada ao Ministério da Educação (Capes/MEC).

Lançamento do romance “Entre facas, algodão”

Em seu primeiro romance nordestino, o sétimo de sua trajetória, João Almino transporta o enredo para Várzea Pacífica, cidadezinha imaginária no interior do Ceará. Lá, o protagonista, um advogado de 70 anos e recém-separado, sai em busca de sua própria identidade, revisitando a memória e o que resta dela, nos lugares onde cresceu. Em uma narrativa em primeira pessoa e na forma de diário, “Entre facas, algodão” circula entre dimensões indispensáveis à vida humana: espaço, tempo e família.

Sobre o autor

Nascido em 1950, em Mossoró (RN), o escritor e diplomata João Almino lecionou na Fundação Universidade de Brasília (UnB), na Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM), no Instituto Rio Branco e nas universidades de Berkeley, Stanford e Chicago. É bacharel em Direito, mestre em Sociologia, doutor em História Comparada das Civilizações Contemporâneas, e pós-doutor no Centro de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (USP). Embaixador, serviu nas embaixadas do Brasil em Paris, México e Washington. Como escritor, ganhou o prêmio do Instituto Nacional do Livro e Prêmio Candango de Literatura, pelo livro “Ideias para onde passar o fim do mundo”. Conquistou o prêmio Casa de las Américas, pela obra “As cinco estações do amor”, e o prêmio Passo Fundo Zaffari & Bourbon de Literatura, com “Cidade Livre”. Em março deste ano, João Almino foi eleito como imortal da Academia Brasileira de Letras (ABL). O autor passou a ocupar a cadeira 22, na sucessão do médico Ivo Pitanguy.

SERVIÇO

*Os interessados devem preencher o formulário de inscrição no site da Fiocruz Brasília para emissão de certificados.

*Os inscritos poderão assistir às palestras a distância ou presencialmente. O evento será transmitido ao vivo por facebook.com/fiocruzbrasilia, em transmissão compartilhada por facebook.com/unilaboficial. Posteriormente as palestras estarão disponíveis também offline.

Reforma Trabalhista vai gerar mais empregos, diz Temer

O presidente Michel Temer disse hoje (11) que a reforma trabalhista, em vigor a partir deste sábado (11), poderá acelerar a recuperação dos empregos no Brasil. Em pronunciamento divulgado nas redes sociais, Temer avaliou a nova lei trabalhista como um das medidas mais importantes de seu governo.

“Ouço relatos de empresários que as contratações aumentarão a partir de agora. (…) A nova lei amplia os horizontes para quem procura um emprego e para quem está empregado”, disse Temer.

Para o presidente, as novas regras conectam o mundo do trabalho ao século 21 e atrai expectativa positiva de jovens e estudantes. Temer destacou a introdução da jornada parcial, o trabalho remoto, o intermitente e a regularização de ocupações antes não regulamentadas

Ele ressaltou que as novas modalidades de contratação seguirão os direitos já garantidos e as exigências da carteira assinada, férias, décimo terceiro salário, INSS e Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

O presidente disse ainda que o Brasil voltou a crescer este ano e o desemprego diminuiu no último trimestre. Segundo Temer, o país terá “um Natal melhor” e que “os brasileiros merecem chegar ao final deste ano com esperanças renovadas”.

Mudanças

Ainda é esperada nova proposição pelo presidente Temer alterando pontos polêmicos da reforma. Em junho, quando a matéria era apreciada no Senado, o presidente enviou uma carta aos senadores prometendo alterar os pontos polêmicos da reforma.

A expectativa é que ocorra no início da próxima semana. Além disso, não há mais uma definição de como essa mudança será feita, se por medida provisória ou projeto de lei.

Dentre esses pontos está a jornada de trabalho de 12 por 36 horas, em que o empregado trabalharia 12 horas seguidas e descansa as 36 seguintes. Na reforma, que vigora a partir deste sábado, a jornada pode ser definitiva por acordo individual. Na alteração prevista, essa modalidade só poderá ser fixada em convenção coletiva ou acordo coletivo de trabalho.

Outro ponto que pode ser alterado aborda o tratamento da gestante e da lactante em ambiente insalubre. O texto prevê que a trabalhadora gestante deverá ser afastada automaticamente, durante toda a gestação, apenas das atividades consideradas insalubres em grau máximo.

Para atividades insalubres de graus médio ou mínimo, a trabalhadora só será afastada a pedido médico. Depois do ajuste na reforma, gestantes serão afastadas de quaisquer atividades, operações ou locais insalubres durante a gestação.